Você está na página 1de 4

ENVIO E RECEPÇÃO DE TELEGRAMAS VIA RS232.

Descrição:

Funcionalidade desenvolvida para envio e recepção de telegramas através da comunicação


serial RS232.

Variáveis de comando envolvidas:

 RS232_MODE: Marcador do tipo BYTE; define o modo de funcionamento da RS232:


 0: escravo Modbus;
 1: reservado;
 2: protocolo ASCII;
 3: reservado;
 4: telegramas via RS232.
 RS232_TIMEOUT: marcador tipo WORD; indica o tempo máximo (em ms) de espera de
uma resposta impedindo que novo telegrama seja enviado antes que esse tempo
transcorra.
 RS232_END_CHARACTER: define um caractere que pode terminar um telegrama, por
exemplo, ETX (03H). Ao receber esse caractere, o PLC300 considera que os bytes recebidos
até ele são os necessários, os demais serão ignorados.
 RS232_ENABLE_END_CHARACTER: marcador tipo BIT; marcador de sistema que habilita a
utilização do caractere de finalização de telegrama especificado em
RS232_END_CHARACTER;
 0: desabilitado;
 1: habilitado.
 RS232_START_TX: marcador tipo BIT; o telegrama é enviado na borda de subida desse
marcador;
 RS232_TX_ADDRESS: marcador tipo WORD; indica o endereço inicial dos dados a serem
transferidos;
 RS232_TX_LENGTH: marcador do tipo BYTE; indica o número de bytes da informação a ser
enviada;
 RS232_RX_ADDRESS: marcador tipo WORD; indica o endereço inicial dos dados recebidos;
 RS232_MAX_RX_BUFFER_LENGTH: marcador do tipo BYTE; indica o número máximo de
bytes que pode ser recebido;

Variáveis de status envolvidas:

 RS232_TX_TELEGRAM_COUNTER: marcador tipo WORD; conta o número de telegramas


enviados;
 RS232_RX_FINISHED: marcador tipo BIT; indica que um pacote de dados esta disponível na
memória a partir do endereço indicado em RS232_RX_ADDRESS.
 RS232_TX_FINISHED: marcador tipo BIT; indica que um pacote de dados foi enviado
completamente.
 RS232_TIMEOUT_INDICATOR: marcador tipo BIT; indica se transcorreu o tempo
especificado em RS232_TIMEOUT.
 0: não ocorreu estouro;
 1: ocorreu estouro de tempo.

 RS232_RX_TELEGRAM_COUNTER (status): marcador tipo WORD; conta o número de


telegramas recebidos;
 RS232_RX_BYTE_COUNTER (status): marcador tipo WORD; conta o numero de bytes que
foram recebidos.

Como utilizar a RS232 para envio e recepção de telegramas:

 Selecionar “envio e recepção de telegramas via RS232” fazendo RS232_MODE = 4 no


ladder;
 Configurar o endereço inicial dos telegramas a serem enviados e recebidos em,
respectivamente, RS232_TX_ADDRESS e RS232_RX_ADDRESS;
 Especificar o tamanho (em bytes) do telegrama a ser enviado através do marcador
RS232_TX_LENGTH;
 Especificar o tamanho máximo (em bytes) do telegrama que pode ser recebido através do
marcador RS232_RX_LENGTH;
 Especificar o timeout em RS232_TIMEOUT;
 Se for o caso, configurar os caracteres de finalização de telegramas através,
respectivamente, dos marcadores: RS232_ENABLE END_CHARACTER e
RS232_END_CHARACTER;
 Resetar o flag RS232_RX_FINISHED para ficar pronto para receber um telegrama;
 Dar um pulso em RS232_START_TX para enviar um telegrama.

Observações:

Será considerado fim de recepção de telegrama o recebimento do caractere especial se


configurado em RS232_END_CHARACTER com o flag RS232_ENABLE_END_CHARACTER
habilitado ou um timeout igual a duas vezes o tempo de transmissão de um byte.

=============================================================================

ENVIO E RECEPÇÃO DE TELEGRAMAS VIA RS485.

Descrição:

Funcionalidade desenvolvida para envio e recepção de telegramas através da comunicação


RS485.

Variáveis envolvidas:

 RS485_MODE: Marcador do tipo BYTE; define o modo de funcionamento da RS485:


 0: escravo;
 1: mestre;
 2: reservado;
 3: reservado;
 4: telegramas via RS485.
 RS485_TIMEOUT: marcador tipo WORD; indica o tempo máximo (em ms) de espera de
uma resposta. (default = 500ms?????)
 RS485_TIMEOUT_INDICATOR: marcador tipo BIT; indica se houve estouro de tempo.
 0: não ocorreu estouro;
 1: ocorreu estouro de tempo.
 RS485_ENABLE_END_CHARACTER: marcador tipo BIT; caractere de fim de transmissão;
 0: desabilitado;
 1: habilitado.
 RS485_END_CHARACTER: define o caractere que pode terminar um bloco, por exemplo,
ETX (03H). RS485_ENABLE_END_CHARACTER deve estar habilitado. Nesse caso, tanto
timeout (RS485_TIMEOUT) quanto o caractere de final terminam a recepção do telegrama,
o que ocorrer primeiro.
 RS485_START_TX: marcador tipo BIT; deve ser colocado em TRUE para enviar o telegrama;
 RS485_TX_ADDRESS: marcador tipo WORD; indica o endereço inicial dos dados a serem
transferidos;
 RS485_TX_LENGTH: marcador do tipo BYTE; indica o número de bytes da informação a ser
enviada;
 RS485_TX_TELEGRAM_COUNTER: marcador tipo WORD; conta o número de telegramas
enviados;
 RS485_RX_ADDRESS: marcador tipo WORD; indica o endereço inicial dos dados recebidos;
 RS232_MAX_RX_BUFFER_LENGTH: marcador do tipo BYTE; indica o número máximo de
bytes que pode ser recebido;
 RS485_RX_FINISHED: marcador tipo BIT; indica que um pacote de dados esta disponível na
memória a partir do endereço indicado em RS485_RX_ADDRESS.
 RS485_TX_FINISHED (status): marcador tipo BIT; indica que um pacote de dados foi
enviado completamente.
 RS485_RX_TELEGRAM_COUNTER: marcador tipo WORD; conta o número de telegramas
recebidos;
 RS485_RX_BYTE_COUNTER: marcador tipo WORD; conta o numero de bytes que foram
recebidos.

Como utilizar a RS485 para envio e recepção de telegramas:

 Selecionar “envio e recepção de telegramas via RS485” fazendo RS485_MODE = 4 no


ladder;
 Configurar o endereço inicial dos telegramas a serem enviados e recebidos em,
respectivamente, RS485_TX_ADDRESS e RS485_RX_ADDRESS;
 Especificar o tamanho (em bytes) do telegrama a ser enviado através do marcador
RS485_TX_LENGTH;
 Especificar o tamanho máximo (em bytes) do telegrama que pode ser recebido através do
marcador RS485_RX_LENGTH;
 Especificar o timeout em RS485_TIMEOUT;
 Se for o caso, configurar os caracteres de finalização de telegramas através,
respectivamente, dos marcadores: RS485_ENABLE END_CHARACTER e
RS485_END_CHARACTER;
 Resetar o flag RS485_RX_FINISHED para ficar pronto para receber um telegrama;
 Dar um pulso em RS485_START_TX para enviar um telegrama.

Observações:

 Será considerado fim de recepção de telegrama o recebimento do caractere especial se


configurado em RS485_END_CHARACTER com o flag RS485_ENABLE_END_CHARACTER
habilitado ou um timeout igual a duas vezes o tempo de transmissão de um byte.