Você está na página 1de 7

FACULDADE ANHANGUERA DE JACAREÍ

Av. Santa Cruz dos Lázaros, 466 – Santa Cruz dos Lázaros

Jacareí/SP - CEP: 12.322-310

LISTA 2 - Materiais de Construção Mecânica II 2° sem. 2016


Eduardo Romão
OBS.: o número entre parênteses refere-se ao exercício do PLT.
1) (7.20) Um corpo de prova metálico com formato
cilíndrico de 12,7 mm (0,59 pol.) de diâmetro e 150 mm (5,9
pol.) de comprimento deve ser submetido a uma tensão de
tração de 28 MPa (4000 psi). Neste nível de tensão, a
deformação resultante será totalmente elástica.

(a) Se o alongamento precisa ser de menos de 0,080 mm


(3,2 x 10-3 pol.), quais dos metais na Tabela 7.1 (final da
série ela se encontra) são candidatos adequados? Por
quê?
4) (7.P4) É necessário selecionar um material cerâmico
(b) Se, além disso, a máxima redução de diâmetro para ser submetido a tensão usando um esquema de carga
permissível de 1,2 x 10-3 mm (4,7 x 10-5 pol.), quanto uma em três pontos. O corpo de prova deve possuir uma seção
tensão de tração de 28 MPa é aplicada, quais dos metais reta circular e um raio de 3,8 mm (0,15 pol) e não deve
que satisfazem o critério estabelecido na parte (a) são experimentar fratura ou uma deflexão superior a 0,021 mm
candidatos adequados? Por quê? (8,5x10-4 pol) no seu centro quando uma carga de 445N
(62lbf) for aplicada. Se a distância entre os pontos de
2) (7.22) Um bastão cilíndrico com 100 mm de suporte é de 50,8 mm, quais dentre os materiais listados
comprimento e diâmetro de 10,0 mm deve ser deformado na tabela 7.1 e 7.2 (ao final da lista) são possíveis
utilizando-se urna carga de tração de 27.500 N. Ele não candidatos? A magnitude de deflexão (ou a flecha) é dada
deve experimentar, deformação plástica ou redução em como sendo
diâmetro superior a 7,5 x 10-3 mm. Dos materiais listados a
seguir, quais são os possíveis candidatos? Justifique a(s) F  L3  R4
sua(s) escolha(s). f  onde I 
48  E  I 4
A tensão de flexão para um corpo de prova circular é em
flexão de três pontos é

FL

  R3
5) (8.18) Explicar sucintamente por que os metais de
estrutura cristalina HC são em geral mais frágeis do que os
3) (7.23) Um bastão cilíndrico com 380 mm (15,0 pol.) de metais com estruturas cristalinas CFC e CCC.
comprimento e diâmetro de 10,0 mm (0,40 pol.) deve ser
submetido a uma carga de tração. Se o bastão não deve
experimentar deformação plástica ou alongamento de
mais de 0,9 mm (0,035 pol.) quando a carga aplicada for
de 24.500 N (5500 lbf), quais dos quatro metais ou ligas
listados abaixo são possíveis candidatos? Justifique a(s)
sua(s) escolha(s).
FACULDADE ANHANGUERA DE JACAREÍ
Av. Santa Cruz dos Lázaros, 466 – Santa Cruz dos Lázaros

Jacareí/SP - CEP: 12.322-310

LISTA 2 - Materiais de Construção Mecânica II 2° sem. 2016


Eduardo Romão
OBS.: o número entre parênteses refere-se ao exercício do PLT.

6) (8.21)
(a) A partir do gráfico do limite de escoamento em função
do (diâmetro do grão)-1/2 para um latão de cartucho 70Cu-
30Zn, na figura abaixo, determinar os valores para as
constantes  0 e k da equação de Hall-Petch
apresentada:
 1   0  k1d 1 2

Gráfico do exercício 8

9) (8.26) Dois corpos de provas cilíndricos de uma liga,


previamente sem deformação, devem ser submetidos a um
processo de encruamento pela redução das suas áreas.
Para um dos corpos-de-prova, os raios inicial e pós a
(b) Em seguida estimar o limite de escoamento para essa
liga quando o diâmetro médio do grão é de 1,0 deformação são de 15 mm e 12 mm respectivamente. O
x 10 mm
-3 segundo corpo-de-prova, que possui um raio inicial de 11
mm, deve possuir a mesma dureza após a deformação que
7) (8.22) O limite de escoamento inferior para uma o primeiro corpo-de-prova. Calcular o raio do segundo
amostra de ferro com diâmetro médio de grão de 5 x 10-2 corpo-de-prova após a deformação.
mm é de 135 MPa (19.500 psi). Em um diâmetro de grão
de 8 x 10-3 mm, o limite de escoamento aumenta para 260 10) Tem-se dois corpos-de-prova do mesmo material que
MPa (37.500 psi). Em qual diâmetro de grão o limite de são submetidos a um processo de deformação plástica
escoamento inferior será de 205 MPa (30.000 psi)? pela redução de áreas. Um dos corpos é de seção circular
e outro de seção retangular. Suas dimensões antes e
8) (8.23) Se admitirmos que o gráfico na Fig. 7.15 se depois da deformação são as seguintes:
aplica para o latão que não foi trabalhado a frio, determine
o tamanho do grão da liga na figura abaixo; suponha que
a sua composição seja a mesma para a liga na figura do Circular Retangular
exercício 6. (diâmetro, mm) (mm)
Dimensões originais 15,2 125 x 75
Dimensões após a
11,4 75 x 200
deformação

Qual desses dois corpos de prova será o mais duro após a


deformação plástica, e por quê?
FACULDADE ANHANGUERA DE JACAREÍ
Av. Santa Cruz dos Lázaros, 466 – Santa Cruz dos Lázaros

Jacareí/SP - CEP: 12.322-310

LISTA 2 - Materiais de Construção Mecânica II 2° sem. 2016


Eduardo Romão
OBS.: o número entre parênteses refere-se ao exercício do PLT.
11) (8.28) Um corpo-de-prova cilíndrico de cobre foi 15) (8.39) Uma amostra de latão que não foi trabalhada a
submetido a um processo de trabalho a frio possui frio com tamanho médio de grão de 0,01 mm, possui um
ductilidade (%AL) de 25%. O raio após o trabalho a frio é limite de escoamento de 150 MPa (21.750 psi). Estime o
de 10 mm. Determinar o raio antes da deformação. limite de escoamento desta liga após ela ter sido aquecida
a 500°C por 1000 s. O valor de σ0 é conhecido e vale 25
12) (8.29) MPa. Usar os gráficos dos exercícios 6 e 13 para resolver
o exercício.
(a) Qual é a ductilidade aproximada (AL%) de um latão
que possui um limite de escoamento de 275 MPa (40.000
16) (7.P1) Utilizando o gráfico do exercício 8, determine a
psi)? Ver o gráfico do exercício 8
possibilidade de trabalhar aço a frio de modo a se obter
(b) Qual é a dureza Brinell aproximada de um aço 1040
uma dureza Brinell mínima de 225 e, ao mesmo tempo, se
que possui um limite de escoamento de 690 MPa (100.000
ter uma ductilidade de pelo menos 12%AL? Justifique a
psi)?
sua decisão.
13) (8.35)
17) (7.P2) Determine a possibilidade de trabalhar latão a
(a) Para a figura abaixo, calcular o tempo necessário para
frio de modo a se obter uma dureza Brinell mínima de 150
que o diâmetro médio do grão aumente de 0,01 para 0,1 e, ao mesmo tempo, se ter uma ductilidade de pelo menos
mm a uma temperatura de 500°C, para o latão. 15%AL. Justifique a sua decisão.
(b) Repetir o cálculo para uma temperatura de 600°C
18) (7.P3)Um corpo de prova cilíndrico de aço, que foi
trabalhado a frio possui uma dureza Brinell de 240.
(a) Estime a sua ductilidade em alongamento percentual.
(b) Se o corpo de prova permaneceu cilíndrico durante a
deformação e o seu raio antes de ser trabalhado a frio era
de 10 mm (0,40 pol.), determine o seu raio após a
deformação.

19) Torna-se necessário selecionar uma liga metálica


para uma aplicação que exige um limite de escoamento de
peio menos 345 MPa (50.000 psi), ao mesmo tempo em
que se mantém uma ductilidade mínima (AL%) de 20%. Se
o metal pode ser trabalhado a frio, decida quais dos
seguintes materiais são candidatos: cobre, latão e um aço
1040. Por quê?

14) (8.36) O diâmetro médio do grão para um material de 20) (9.2) Qual é a magnitude da tensão máxima que existe
latão foi medido em função do tempo a uma temperatura na extremidade de uma trinca interna que possui um raio
de 650°C e está tabulado abaixo para dois instantes de curvaturade 2,5 x 10-4mm (10-5 pol.) e um comprimento
diferentes: de trinca de 2,5 X 10-2 mm (10~3 pol.) quando uma tensão
de tração de 170 MPa (25.000 psi) é aplicada?

21) (9.10) Um orifício cilíndrico com 19 mm (0,75 pol.) de


diâmetro passa através da espessura de uma chapa de
aço com 12,7 mm (0.6 pol.) de espessura, 127 mm (5 pol.)
de largura e 254 mm (10 pol.) de comprimento
A partir da expressão d  d 0  kt , determine
n n

(a) Qual era o diâmetro original do grão? a) Calcular a tensão na aresta desse orifício quando uma
(b) Qual diâmetro de grão seria previsto após 150 min a tensão de tração de 34,5MPa é aplicada em uma direção
650°C? ao longo do comprimento
FACULDADE ANHANGUERA DE JACAREÍ
Av. Santa Cruz dos Lázaros, 466 – Santa Cruz dos Lázaros

Jacareí/SP - CEP: 12.322-310

LISTA 2 - Materiais de Construção Mecânica II 2° sem. 2016


Eduardo Romão
OBS.: o número entre parênteses refere-se ao exercício do PLT.
b) Calcular a tensão na aresta do orifício quando a mesma 27) (9.24) Tabulados abaixo encontram-se dados que
tensao da parte (a) é aplicada em uma direção ao longo da foram coletados a partir de uma série de ensaios de
largura. impacto Charpy com um ferro fundido dúctil:

22) (9.14) Um corpo de prova feito a partir de uma liga de


aço 4340, que possui uma tenacidade à fratura em
deformação plana de 54,8 MPa√m (41 ksi√pol.), está
exposto a uma tensão de 1030 MPa (150.000 psi). Dizer
se esse corpo de prova irá experimentar fratura, se se tem
conhecimento de que a maior trinca de superfície possui
0,50 mm (0,02 pol.) de comprimento. Por quê? Admita que
o parâmetro Y possui um valor de 1,0.

23) (9.13) Um dado componente de uma aeronave é


fabricado a partir de uma liga de alumínio que possui uma
tenacidade à fratura em deformação plana de 40 MPa√m.
Foi determinado que a fratura ocorre quando se tem um
nível de tensão de 300 MPa e o comprimento máximo (ou
crítico) de uma trinca interna é de 0,5 mm (0,08 pol.). Para (a) Plote os dados na forma da energia de impacto em
esses mesmos componente e liga, dizer se a fratura irá função da temperatura.
ocorrer em um nível de tensão de 260 MPa se o (b) Determine uma temperatura de transição dúctil—frágil
comprimento máximo de uma trinca interna for de 6,0 mm como sendo aquela temperatura que corresponde à média
(0,04 pol.). Por quê? entre as energias de impacto máxima e mínima.
(c) Determine uma temperatura de transição dúctil-frágil
como sendo aquela temperatura na qual a energia de
24) (9.14) Suponha que o componente de uma asa de
impacto é de 80 J.
avião seja fabricado a partir de uma liga de alumínio que
possui uma tenacidade à fratura em deformação plana de
28) Tabulados a seguir estão os dados que foram
26 MPa√m. Foi determinado que a fratura resulta em um
coletados a partir de uma série de ensaios de impacto
nível de tensão de 112 MPa (53.000 psi), quando o
Charpy com uma liga de aço temperado 4140:
comprimento máximo de uma trinca interna é de 8,6 mm
(0,10 pol.). Para esses mesmos componente e liga, calcule
o nível de tensão no que se a fratura irá ocorrer para um
comprimento crítico de trinca interna de 6,0 mm (0,16 pol.).
Justifique sua resposta.

25) (9.15) Uma grande chapa é fabricada a partir de uma


liga de aço que possui uma tenacidade à fratura em
deformação plana de 82,4 MPa√m Se, durante o seu uso
em operação, a chapa está exposta a uma tensão de
tração de 345 MPa, determine o comprimento mínimo de
uma trinca de superfície que irá levar à fratura da chapa.
Assuma um valor de 1,0 para Y.

26) (9.16) Calcule o comprimento de trinca interna


máxima permissível para um componente em uma liga de
Titanio Ti-6Al-4V (tabela no final) que encontra-se
carregado a uma tensão que equivale à metade do seu
limite de escoamento. Assuma que o valor de Y seja de (a) Plote os dados na forma da energia de impacto em
1,35. função da temperatura.
FACULDADE ANHANGUERA DE JACAREÍ
Av. Santa Cruz dos Lázaros, 466 – Santa Cruz dos Lázaros

Jacareí/SP - CEP: 12.322-310

LISTA 2 - Materiais de Construção Mecânica II 2° sem. 2016


Eduardo Romão
OBS.: o número entre parênteses refere-se ao exercício do PLT.
(b) Determine uma temperatura de transição dúctil-frágil
como sendo aquela temperatura que corresponde à média Para uma pressão de 500kPa, dos materiais da tabela ao
entre as energias de impacto máxima e mínima. final da série são os mais indicados? Considere o raio
(c) Determine uma temperatura de transição dúctil—frágil como unitário, ou seja, valor igual a 1 m.
como sendo aquela temperatura na qual a energia de
impacto é de 70 J 31) Considerar agora para o exercício anterior a condição
de distorção das paredes do vaso, ou seja, que o vaso
29) Três corpos de prova de fadiga, idênticos, sofra distorção plástica, o que provoca a liberação do fluido
representados por A, B e C, são fabricados a partir de uma dentro do vaso, evitando-se dessa forma a falha.
liga não ferrosa. Cada um está sujeito a um dos ciclos de
tensão máxima-mínima listados abaixo; as frequências são 32) Deseja-se produzir uma viga para ser apoiada em
as mesmas para os todos os três ensaios. duas extremidades as quais quer-se ter a máxima
deflexão. Os materiais abaixo estão qualificados para a
produção, de acordo com características técnicas e custos
de material e processo.

Material σ(MPa) E(GPa) ρ(kg/m3) Custo(USD/kg


Material Processo
Epóxi/boro 720 125 2.000 25 15
Epóxi/hibrido 630 115 2.000 12 20
(a) Classifique as vidas em fadiga desses três corpos de Epóxi/carbono 670 73 2.000 15 15
Aço-liga 800 210 7.800 5 5
prova em ordem decrescente, da mais longa para a mais
curta.
(b) Então, justifique essa classificação usando um gráfico Determinar o material mais indicado.
esquemático σ-N.
33) Uma liga de alumínio 7075-T6 (E= 69GPa e
30) Considere o tanque esférico com paredes finas, raio r ρ=2,7x10 kg/m ) e um3 compósito uma liga alumínio-lítio
3 3

e espessura t (Figura a seguir que pode ser usado como (E=76GPa e ρ=2,5x10 kg/m 3) reforçado por 60% de fibras

um vaso de pressão. de boro (E= 380GPa e ρ=2,36x103kg/m3) serão utilizadas


para um projeto de um painel de 228 kg de uma aeronave
comercial. Cada redução de kg no peso do painel, gera
uma economia anual de 9.200 litros. Elabore um plano de
seleção de material que apresente a maior economia de
combustível nos próximos 10 anos.
Dados:
Custo Liga Al 7075: USD 8/kg
Custo liga Al-Li: USD 11/kg
Custo Fibra Boro: USD 650/kg

34) (15.8) Quer-se produzir um compósito reforçado com


fibras contínuas e alinhadas, tal que ele consista em
30%vol de fibras aramidas e 70%vol de uma matriz a base
de policarbonato; as características mecânicas desses
dois materiais são as seguintes:
Sabe-se que a expressão para vasos de pressão que
relaciona as dimensões do vaso, a pressão e a tensão
gerada é a seguinte:

pr

2t
FACULDADE ANHANGUERA DE JACAREÍ
Av. Santa Cruz dos Lázaros, 466 – Santa Cruz dos Lázaros

Jacareí/SP - CEP: 12.322-310

LISTA 2 - Materiais de Construção Mecânica II 2° sem. 2016


Eduardo Romão
OBS.: o número entre parênteses refere-se ao exercício do PLT.

Módulo de Limite de 38) (15.9) Para um compósito reforçado com fibras


Elasticidade Resistência a contínuas e orientadas, os módulos de elasticidade nas
(GPa) Tração (MPa) direções longitudinal e transversal são de 19,7 e 3,66 GPa,
respectivamente. Se a fração volumétrica das fibras é de
Fibra de 131 3.600 0,25, determine os módulos de elasticidade das fases fibra
Aramida e matriz.

39) (15.12) Em um compósito de náilon 6,6 reforçado com


Policarbonato 2,4 65
fibras de vidro contínuas e alinhadas, as fibras devem
suportar 94% de uma carga aplicada na direção
Ainda, a tensão sobre a matriz de policarbonato quando as longitudinal.
fibras aramidas falham é de 45 GPa (6500 psi). Para esse (a) Usando os dados fornecidos na tabela abaixo,
compósito, calcule: determine a fração volumétrica de fibras que é necessária.
(a) o limite de resistência à tração longitudinal, e (b) Qual será o limite de resistência à tração deste
(b) o módulo de elasticidade longitudinal. compósito? Considere que a tensão na matriz no momento
da falha da fibra seja de 30 MPa (4350 psi).
35) Suponha que o compósito descrito no Problema 15.8
tenha uma área de seção reta de 320 mm2 e que esteja
sujeito a uma carga longitudinal de 44.500 N (10.000 lbf).
(a) Calcule a razão entre as cargas da fibra e da matriz.
(b) Calcule as cargas reais suportadas pelas fases fibra e
matriz.
(c) Calcule a magnitude da tensão sobre as fases fibra e
matriz.
(d) Qual é a deformação experimentada pelo compósito?
40) (15.P4) Deseja-se fabricar um compósito em
36) (15.3) Deve ser preparado um compósito com
poliéster reforçado com fibras de vidro contínuas e
partículas grandes que consiste em partículas de
alinhadas que possua um limite de resistência à tração de
tungstênio no interior de uma matriz de cobre. Se as
pelo menos 1400 MPa (200.000 psi) na direção
frações volumétricas do tungstênio e do cobre são de 0,60
longitudinal. A máxima densidade relativa possível é de
e 0,40, respectivamente, estime o limite superior para a
1,65. Usando os seguintes dados, determine se tal
rigidez específica deste compósito, dadas as informações
compósito é possível. Justifique a sua decisão. Admita um
abaixo
valor de 15 MPa para a tensão na matriz no momento da
falha da fibra.

37) (15.9) Dizer se é possível produzir um compósito com


matriz epóxi e fibras aramidas contínuas e orientadas que
possua módulos de elasticidade longitudinal e transversal
de 57,1 GPa (8,28 x 106psi) e 4,12 GPa (6 x 105 psi),
respectivamente. Por que isso é ou não possível? Admita
que o módulo de elasticidade do epóxi é de 2,4 GPa (3,50
x105 psi).
FACULDADE ANHANGUERA DE JACAREÍ
Av. Santa Cruz dos Lázaros, 466 – Santa Cruz dos Lázaros

Jacareí/SP - CEP: 12.322-310

LISTA 2 - Materiais de Construção Mecânica II 2° sem. 2016


Eduardo Romão
OBS.: o número entre parênteses refere-se ao exercício do PLT.
Exercício 1