Você está na página 1de 9
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação Teoria da Composição Fotográfica A Regra dos Terços
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação
Teoria da Composição
Fotográfica
A Regra dos Terços
A Escala de Planos
Instituto de Cências Sociais
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação O Enquadramento  O enquadramento é o “acto
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação
O Enquadramento
 O enquadramento é o “acto de posicionar no visor da
câmara aquilo que vai ser fotografado ou filmado”
(in Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora)
 Enquadrar pressupõe uma escolha acerca do que se
quer e não quer mostrar e cumpre, normalmente, uma
função narrativa
Instituto de Cências Sociais
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação A Regra dos Terços  A Regra dos
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação
A Regra dos Terços
 A Regra dos Terços ajuda a realizar enquadramentos
de modo a optimizar a função narrativa das imagens
 Ajuda também a manter o equilíbrio estético
Instituto de Cências Sociais
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação A Regra dos Terços  Consiste em dividir
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação
A
Regra dos Terços
 Consiste em dividir a
imagem em 3 partes
iguais tanto na horizontal
como na vertical, obtendo
assim 9 células de igual
dimensão
 As quatro intersecções
chamam-se pontos de
força
Instituto de Cências Sociais
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação A Regra dos Terços  Os personagens ou
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação
A
Regra dos Terços
 Os personagens ou
objectos devem ser
posicionados nos pontos
focais ou nos terços
 Assim se obtém
enquadramentos mais
fortes, dinâmicos e com
maior capacidade
narrativa
Instituto de Cências Sociais
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação A Regra dos Terços  O ponto de
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação
A
Regra dos Terços
 O ponto de força superior
direito é o mais dominador
 O menos dominador é o
inferior esquerdo
Instituto de Cências Sociais
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação A Escala de Planos  Um plano é
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação
A Escala de Planos
 Um plano é definido pela abrangência visual do
enquadramento
 Há 5 planos principais (com algumas variações):
 Plano Geral (wide shot)
 Plano Inteiro (full shot)
 Plano Médio (medium shot)
 Grande Plano (close up)
 Muito Grande Plano (extreme close up)
Instituto de Cências Sociais
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação O Plano Geral  Fornece a visão geral
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação
O
Plano Geral
 Fornece a visão geral do
espaço onde decorre a acção
 Os movimentos dos
personagens são perceptíveis,
mas não os olhares
 O vestuário e o género dos
personagens são identificáveis
 Pode ser um plano indutor de
estados de espírito
Instituto de Cências Sociais
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação O Plano Inteiro  Fornece uma visão integral
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação
O
Plano Inteiro
 Fornece uma visão integral
do personagem, dos pés à
cabeça
 Possibilita a percepção da
relação do personagem
com o espaço envolvente
 Permite a identificação do
seu escalão etário,
disposição, …
Instituto de Cências Sociais
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação O Plano Médio  Corta o personagem pela
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação
O
Plano Médio
 Corta o personagem pela
cintura
 Permite “estabelecer
relação” com a personagem
 Grande parte da atenção é
“empurrada” para a sua
acção
 É visível a expressão do
rosto e identificável a linha
de visão
Instituto de Cências Sociais
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação O Grande Plano  Centra-se no rosto do
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação
O
Grande Plano
 Centra-se no rosto do
personagem, “cortado” pela
zona dos ombros
 Capta reacções faciais
 Usa o contexto de eventuais
planos anteriores
 Estabelece intimidade com a
personagem
 Grande intensidade
dramática
Instituto de Cências Sociais
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação O Muito Grande Plano  Centra-se num pormenor
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação
O
Muito Grande Plano
 Centra-se num pormenor
do rosto (olhar, boca, …)
 Procura ampliar as
características do Grande
Plano
Instituto de Cências Sociais
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação Outros Planos  Plano de Conjunto  Próximo
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação
Outros Planos
Plano de Conjunto
Próximo do Plano Inteiro,
mas estabelece uma
relação entre o personagem
principal e os secundários,
e de todos com a
envolvente
Instituto de Cências Sociais
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação Outros Planos  Plano Americano  Próximo do
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação
Outros Planos
Plano Americano
Próximo do Plano Médio,
mas “corta” a personagem
pelos joelhos
Instituto de Cências Sociais
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação Outros Planos  Plano Próximo  Com as
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação
Outros Planos
Plano Próximo
Com as características do
Grande Plano, mas mostra
mais da zona torácica
Instituto de Cências Sociais
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação Outros Planos  Plano de Pormenor  Com
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação
Outros Planos
Plano de Pormenor
Com as características do
Muito Grande Plano, mas
foca-se em objectos e não
em expressões faciais
Instituto de Cências Sociais
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação Bibliografia  SMITH, Mark Stephen (2007) The art
Introdução às Tecnologias de Informação e Comunicação
Bibliografia
 SMITH, Mark Stephen (2007) The art of flash animation:
creative cartooning, Wordware Publishing, pp. 88-101.
Instituto de Cências Sociais