Você está na página 1de 3

A Santa Sé

PAPA BENTO XVI


ANGELUS

Domingo, 11 de Outubro de 2009

[Vídeo]

No final desta solene celebração, o meio-dia convida-nos à oração do Angelus. Antes de a recitar,
desejo dirigir uma saudação cordial a todos vós, que quisestes, com a vossa participação devota,
prestar homenagem aos novos Santos. Dirijo um pensamento especial às Autoridades com as
Delegações oficiais vindas de vários países:  agradeço-vos a vossa presença.

Saúdo com prazer os peregrinos francófonos, vindos para as canonizações. Encorajo-vos,


segundo o exemplo de Santa Jeanne Jugan, a ser solícitos pelos mais pobres e pequeninos, por
aqueles que foram feridos pela vida e por quantos são abandonados à margem das nossas
sociedades, sobretudo por ocasião do "Dia mundial do refugiado e da miséria", que será
celebrado daqui a alguns dias. Referindo-me ao sacerdote São Damiaan, exorto-vos de igual
modo a ajudar com a vossa oração e as vossas obras as pessoas comprometidas
generosamente na luta contra a hanseníase e outras formas de lepra, suscitadas pela falta de
amor, pela ignorância e lassidão. Enfim, que a vossa oração possa acompanhar os trabalhos do
segundo Sínodo para a África. Deus abençoe todos vós!

Dirijo cordiais saudações a todos os peregrinos de expressão inglesa presentes aqui neste
domingo, especialmente aqueles que vieram a Roma em tão grande número para a canonização
de hoje. Possam estes novos Santos acompanhar-vos com as suas intercessões e inspirar-vos
com o exemplo das suas vidas santas. Saúdo também o grupo de sobreviventes aos ataques
nucleares contra Hiroshima e Nagasaki, enquanto rezo para que o mundo nunca mais assista a
tal destruição de massa de vidas humanas inocentes. Deus abençoe todos vós, assim como as
vossas famílias e os vossos entes queridos que permaneceram em casa.
2
Transmito uma cordial saudação aos peregrinos de língua alemã e hoje saúdo de forma particular
os sacerdotes recém-ordenados do Colégio "Germanikum", acompanhados dos respectivos
hóspedes. O Senhor vos infunda coragem e perseverança no vosso serviço espiritual! Tomemos
os novos Santos como modelos para a nossa vida. Entre eles encontra-se São Damiaan De
Veuster, muito venerado na Alemanha, que viveu no meio dos leprosos na ilha de Molokai no
Hawaii, e no final contraiu a sua enfermidade mortal, com eles e por eles. Além disso, queremos
invocar o Bispo, São Zygmunt Szczesny Felinski, os religiosos, São Francisco Coll y Guitart, São
Rafael Arnáiz Barón e Santa Marie de la Croix Jugan, para que intercedam a fim de que Deus nos
envie também hoje muitas vocações religiosas. O Senhor vos acompanhe com a sua graça!

Dirijo uma calorosa saudação aos peregrinos de expressão espanhola, de modo particular aos
que participaram nesta jubilosa cerimónia de canonização, em especial aos Senhores Cardeais,
Arcebispos, e Bispos que vieram com eles da Espanha, terra tão fecunda de frutos de santidade.
O dominicano Sao Francisco Coll, com a sua abnegação sacerdotal e missionária, e o trapista
São Rafael Arnáiz Barón, com a sua alma inteiramente contemplativa, ambos devotos ardentes
da Virgem Maria, honram a melhor tradição religiosa e as profundas raízes cristas do seu povo. O
exemplo e a intercessão destes novos Santos reavive em todos, e particularmente nas
Dominicanas da Anunciação, na Ordem dos Pregadores e nos Monges Trapistas, o compromisso
de seguir Cristo generosa e abnegadamente, segundo a própria vocação, dando testemunho do
seu Evangelho na sociedade de hoje. Saúdo também os grupos vindos da Colômbia e de outros
países latino-americanos.

Saúdo os peregrinos de língua flamenga, que vieram a Roma para se unir r acçao de graças da
Igreja para a canonização do Padre Damiaan. Consagrado ao Coração de Jesus e de Maria, este
santo sacerdote foi levado por Deus a deixar florescer a sua vocação num "sim" total. A
intercessão de Nossa Senhora e do "apóstolo dos leprosos" liberte o mundo da lepra, nos torne
disponíveis ao amor de Deus e nos incuta o entusiasmo e a alegria no serviço aos nossos irmãos
e irmãs! Com a minha Bênção Apostólica.

Sáudo cordialmente os fiéis vindos da Polónia, com os Cardeais, os Arcebispos e os Bispos.


Saúdo todos os polacos que, celebrando hoje a tradicional jornada do Papa, podem alegrar-se
com o dom de um novo Santo:  Zygmunt Szczesny Felinski. Confio à sua salvaguarda a Igreja na
Polónia e toda a nação. Deus vos abençoe!

Prezados irmãos e irmãs, a Virgem Maria é a Estrela que orienta todo o itinerário de santidade. O
seu "fiat" é modelo de adesão perfeita à vontade divina, e o seu "magnificat" expressa o cântico
de exultação da Igreja, que já nesta terra rejubila pelas grandes obras de Deus, e no Céu louva
eternamente a sua glória. À Mãe de Cristo dirijamo-nos com confiança filial, invocando paz e
salvação pela sua intercessão e dos novos Santos.

 
3
© Copyright 2009 - Libreria Editrice Vaticana

©   Copyright - Libreria Editrice Vaticana