Você está na página 1de 4

Exercícios RSS

03 O gerenciamento dos RSS constitui-se em um conjunto de procedimentos de gestão, planejados e implementados a


partir de bases científicas e técnicas, normativas e legais, com o objetivo de minimizar a produção de resíduos e
proporcionar aos resíduos gerados um encaminhamento seguro, de forma eficiente, visando à proteção dos
trabalhadores, a preservação da saúde pública, dos recursos naturais e do meio ambiente.

04 - FHS / SE – CESPE – Enfermeiro – 2014. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária — ANVISA, no uso das
atribuições legais estabelece resoluções que normatizam temas relacionados à preservação da saúde pública e à
qualidade do meio ambiente. Considerando a regulamentação técnica para o gerenciamento dos resíduos dos serviços
de saúde (RSS), julgue o item seguinte:
118 O manejo dos RSS consiste na separação dos resíduos no momento e no local de sua geração, de acordo com as
suas características físicas, químicas e biológicas e os riscos envolvidos.

05 - FHS / SE – CESPE – Enfermeiro - 2014. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária — ANVISA, no uso das
atribuições legais estabelece resoluções que normatizam temas relacionados à preservação da saúde pública e à
qualidade do meio ambiente. Considerando a regulamentação técnica para o gerenciamento dos resíduos dos serviços
de saúde (RSS), julgue o item seguinte:
117 A segregação dos RSS é entendida como a ação de gerenciar os resíduos em seus aspectos intra e extra
estabelecimento, desde a sua geração até a sua disposição final.

06 - FHS / SE – CESPE – Enfermeiro - 2014. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária — ANVISA, no uso das
atribuições legais estabelece resoluções que normatizam temas relacionados à preservação da saúde pública e à
qualidade do meio ambiente. Considerando a regulamentação técnica para o gerenciamento dos resíduos dos serviços
de saúde (RSS), julgue o item seguinte:
119 O acondicionamento dos RSS consiste no ato de embalar os resíduos segregados em sacos ou recipientes que
evitem vazamentos e resistam às ações de punctura e ruptura.

07 - FHS / SE – CESPE – Enfermeiro – 2014. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária — ANVISA, no uso das
atribuições legais estabelece resoluções que normatizam temas relacionados à preservação da saúde pública e à
qualidade do meio ambiente. Considerando a regulamentação técnica para o gerenciamento dos resíduos dos serviços
de saúde (RSS), julgue o item seguinte:
120 O tratamento dos RSS consiste na aplicação de método, técnica ou processo que altere os riscos inerentes aos
resíduos, reduzindo ou eliminando o risco de contaminação, de acidentes ocupacionais ou de dano ao meio ambiente.

08 - Prefeitura Municipal de São José dos Campos – VUNESP –


Enfermeiro - 2015. O gerenciamento de recursos físicos e ambientais integra a administração em enfermagem e
apoia-se em resoluções específicas. A RDC 306/04 (ANVISA, 2006) descreve o plano de gerenciamento de resíduos
dos serviços de saúde em sete etapas, do momento da geração ao destino final, das quais algumas são apresentadas
no quadro a seguir:
Etapas do Plano de Gerenciamento de Resíduos
Segregação – identificação para separação dos resíduos no momento da geração, em função da classificação
previamente adotada.
Acondicionamento – guarda dos resíduos em recipientes adequados.
Coleta interna – recolhimento do ponto de geração e transporte até o armazenamento temporário.
Armazenamento – guarda temporária em locais específicos até o recolhimento pelo serviço de coleta.
Tratamento – modificação das características físicas, químicas ou biológicas dos resíduos, eliminando ou minimizando
o risco associado a estes.
Estabeleça a relação correta entre a etapa do plano de gerenciamento de resíduos nos serviços de saúde e o
procedimento descrito.
(A) Segregação – Dispensação de embalagens de acondicionamento de seringas e agulhas em lixeira com sacos
pretos.
(B) Acondicionamento – Disposição de insumos perfurocortantes em recipientes impermeáveis e resistentes à ruptura
após o uso.
(C) Coleta interna – Disposição de insumos contaminados com fluidos humanos ou material biológico em lixeiras com
sacos brancos leitosos.
(D) Armazenamento – Recolhimento e transporte de resíduos de acordo com órgão de limpeza urbana.
(E) Tratamento – Limpeza de rotina da sala de vacina.

09 - Prefeitura Andradas / MG – IPEFAE – Enfermeiro – 2015. De acordo com a Resolução da Diretoria Colegiada –
RDC Nº 306, de 07 de setembro de 2004, que dispõe sobre o regulamento técnico para o
gerenciamento de resíduos de serviços de saúde, “todo gerador deve elaborar um Plano de Gerenciamento de
Resíduos de Serviços de Saúde – PGRSS”. Assim, assinale a alternativa que contenha as etapas de manejo dos
Resíduos de Serviços de Saúde em ordem correta.
(A) Identificação; acondicionamento; segregação; armazenamento temporário; transporte interno; tratamento;
armazenamento externo; coleta e transporte externos; disposição final.
(B) Identificação; segregação; acondicionamento; tratamento; armazenamento temporário; transporte interno;
disposição final; armazenamento externo; coleta e transporte externos.
(C) Segregação; identificação; acondicionamento; tratamento; armazenamento temporário; transporte interno; coleta e
transporte externos; armazenamento externo; disposição final.
(D) Segregação; acondicionamento; identificação; transporte interno; armazenamento temporário; tratamento;
armazenamento externo; coleta e transporte externos; disposição final.

10 - PREFEITURA PEROBAL / PR – RUFFO – Enfermeiro – 2015. O manejo dos Resíduos dos Serviços de Saúde -
RSS é entendido como a ação de gerenciar os resíduos em seus aspectos intra e extra estabelecimento, desde a
geração até a disposição final, incluindo várias etapas. Sobre estas etapas é correto afirmar que:
A) SEGREGAÇÃO - Consiste no ato de embalar os resíduos segregados, em sacos ou recipientes que evitem
vazamentos e resistam às ações de punctura e ruptura.
B) ACONDICIONAMENTO - Consiste no traslado dos resíduos dos pontos de geração até o local destinado ao
armazenamento temporário ou armazenamento externo com a finalidade de apresentação para a coleta.
C) IDENTIFICAÇÃO - Consiste no conjunto de medidas que permite o reconhecimento dos resíduos contidos nos
sacos e recipientes, fornecendo informações ao correto manejo dos RSS.
D) TRANSPORTE INTERNO - Consistem na separação dos resíduos no
momento e local de sua geração, de acordo com as características físicas, químicas, biológicas, o seu estado físico e
os riscos envolvidos.

12 - TJ / AM – FGV – Enfermeiro – 2013. Conforme a Resolução CONAMA 358/05, os Resíduos de Serviços de


Saúde são classificados em cinco grupos, de acordo com os riscos potenciais ao meio ambiente e à saúde pública, a
fim de que tenham gerenciamento adequando. Com base nessa classificação, assinale a afirmativa correta.
(A) Grupo A - resíduos contendo substâncias químicas que podem apresentar risco à saúde pública ou ao meio
ambiente, dependendo de suas características de inflamabilidade, corrosividade, reatividade e toxicidade.
(B) Grupo B - resíduos com a possível presença de agentes biológicos que, por suas características de maior virulência
ou concentração, podem apresentar risco de infecção.
(C) Grupo C - resíduos que não apresentem risco biológico, químico ou radiológico à saúde ou ao meio ambiente,
podendo ser equiparados aos resíduos domiciliares.
(D) Grupo D - quaisquer materiais resultantes de atividades humanas que contenham radionuclídeos em quantidades
superiores aos limites de eliminação especificados nas normas da Comissão Nacional de Energia Nuclear – CNEN e
para os quais a reutilização é imprópria ou não prevista.
(E) Grupo E - materiais perfurocortantes ou escarificantes, tais como lâminas de barbear, agulhas, escalpes, ampolas
de vidro, brocas, limas endodônticas, pontas diamantadas, lâminas de bisturi e lancetas.

13 - EBSERH – UFSCAR – AOCP – Enfermeiro – 2015. A gestão dos Resíduos de Serviços de Saúde Ocupacional
(RSSO) tem como prioridade a redução dos danos ao meio ambiente. Considerando a necessidade de elaboração de
um Plano de Gerenciamento (PGRSSO), é INCORRETO afirmar que:
(A) o gerenciamento dos RSS gerados em um ambulatório de saúde ocupacional envolve a segregação,
acondicionamento, identificação, transporte interno e armazenamento.
(B) é responsabilidade da empresa o gerenciamento extra -estabelecimento que inclui coleta e transporte externos,
tratamento e disposição final dos resíduos aí gerados.
(C) os resíduos classificados como pertencentes ao grupo A compreendem, entre outros, compressas de gaze, luvas
cirúrgica e de procedimentos.
(D) são exemplos de resíduos do grupo B os medicamentos vencidos e/ou sobras, esterilizantes, desinfetantes.
(E) materiais perfurocortantes ou escarificantes (agulhas, bisturis e seringas) e utensílios de vidro quebrados são
exemplos de resíduos do grupo D.

14 - Prefeitura Rio Espera / MG – Reis & Reis – Enfermeiro – 2015.


De acordo com a RDC 306/2004, estão corretas as seguintes especificações a respeito da classificação dos resíduos,
EXCETO:
a) Grupo A: Resíduos com a possível presença de agentes biológicos que podem apresentar risco de infecção;
b) Grupo B: Resíduos contendo substâncias químicas que podem apresentar risco à saúde pública ou ao meio
ambiente;
c) Grupo C: Material perfurocortante ou escarificante, como lâminas, agulhas, ampolas de vidro;
d) Grupo D: Resíduos que não apresentem risco biológico, químico ou radiológico à saúde ou ao ambiente.

15 - Prefeitura Marmelópolis / MG – Reis & Reis – Enfermeiro –


2015. Estão corretas as seguintes especificações a respeito da classificação dos resíduos, EXCETO:
a) Grupo A: Resíduos com a possível presença de agentes biológicos que podem apresentar risco de infecção;
b) Grupo B: Resíduos contendo substâncias químicas que podem apresentar risco à saúde pública ou ao meio
ambiente;
c) Grupo C: Material perfurocortante ou escarificante, como lâminas, agulhas, ampolas de vidro;
d) Grupo D: Resíduos que não apresentem risco biológico, químico ou radiológico à saúde ou ao ambiente.

16 - Prefeitura Ipojuca / PE – CESPE – Enfermeiro - 2009. Acerca do gerenciamento dos resíduos de serviços de
saúde (RSS), julgue o item a seguir.
52. Os RSS classificados como do grupo A são aqueles produzidos em áreas administrativas que não apresentam
risco biológico, químico ou radiológico à saúde ou ao meio ambiente, podendo ser equiparados aos resíduos
domiciliares.

21 - Ebserh – AOCP – Enfermeiro – 2015. De acordo com a RDC 306 da ANVISA, sobre o gerenciamento de
resíduos de serviços de saúde, os resíduos de saúde domiciliar devem ser classificados em quatro grupos. Em relação
ao assunto, assinale a alternativa correta.
(A) Grupo A: lixo infectante – o acondicionamento desse material é feito em sacolas especiais e identificadas, sendo a
coleta, o transporte e o destino final feitos por empresa especializada.
(B) Grupo B: resíduos químicos – medicamentos quimioterápicos e antineoplásicos podem ser descartados
diretamente na rede de esgoto.
(C)Grupo C: lixo comum – deve ser acondicionado separadamente na residência do paciente, imediatamente após o
uso, em recipiente rígido e colocado em local seguro, seco e em suporte.
(D) Grupo D: perfurocortante – descartado normalmente no domicílio, em sacos plásticos, e encaminhado ao destino
final (aterro sanitário).
(E) Grupo E: lixo atômico – deve ser acondicionado em caixas de chumbo e descartado em aterro sanitário.
24 - A imagem abaixo é o símbolo adotado pela ANVISA na RDC nº 306, de 07/12/2004 para a identificação adequada
dos resíduos de serviços de saúde indicados na alternativa:

a) Resíduos comuns.
b) Resíduos radioativos.
c) Resíduos químicos.
d) Resíduos advindos de área de isolamento.
e) Resíduos recicláveis.

25 - De acordo com a RDC 306/2004, da ANVISA, na elaboração de um Plano de Gerenciamento de Resíduos estes
são classificados por grupo. Com base nessa situação, marque a alternativa que representa uma classificação correta
dos resíduos de saúde.
a) Resíduos Biológicos-grupo D
b) Resíduos Radioativos-grupo B
c) Resíduos Comuns / Recicláveis - grupo C
d) Resíduos perfurocortantes-grupo E
e) Resíduos Químicos-grupo A

26 - Os resíduos considerados perigosos são aqueles que


a) são nocivos à saúde das pessoas.
b) são manipulados exclusivamente por máquinas.
c) são sempre recicláveis.
d) serão sempre destruídos.
e) não podem ser transportados.

27 - Os resíduos de serviços de saúde do grupo A


a) podem ser aproveitados como material reciclado.
b) devem, obrigatoriamente, ser incinerados.
c) podem ser dispostos em aterros sanitários, após eliminação da carga microbiana.
d) são de responsabilidade do serviço público de limpeza urbana.
e) estão sujeitos às normas da CNEM – Comissão Nacional de Energia Nuclear

28 - Os resíduos do serviço de saúde são classificados em grupos distintos de risco que exigem formas de manejo
específicas. A composição em ordem sequencial desses grupos CORRETA é:
a) Resíduos com possível presença de agentes biológicos; Materiais perfuro cortantes; Resíduos radioativos;
Resíduos químicos; Resíduos comuns;
b) Resíduos com possível presença de agentes biológicos; Resíduos químicos; Rejeitos radioativos; Resíduos
comuns; Materiais perfuro cortantes;
c) Resíduos contendo fluído; Resíduos com possível presença de agentes biológicos; Resíduos químicos; Materiais
perfuro cortantes; Resíduos radioativos;
d) Resíduos com possível presença de agentes biológicos; Resíduos físicos; Resíduos químicos; Resíduos
radioativos; Materiais perfuro cortantes.

30.Sobre a classificação dos Resíduos de Serviços de Saúde (RSS) são feitas as seguintes afirmações:

I. O Grupo A inclui os resíduos infectantes.


II. O Grupo B inclui os rejeitos radioativos.
III. O Grupo C inclui os resíduos químicos.
IV. O Grupo E inclui os resíduos perfurocortantes.

Está CORRETO o que se afirma em:


a) I, II e III, apenas.
b) I, III e IV, apenas.
c) I e IV, apenas.
d) I e II, apenas.
e) I, II, III e IV.

31. O manejo dos resíduos de serviços de saúde, de acordo com a Resolução da Diretoria Colegiada, da Agencia
Nacional deSaúde/ANVISA − RDC nº 306/2004, deve focar os aspectos intra e extra-estabelecimento, indo desde a
geração até adisposição final, incluindo, dentre outras, as seguintes etapas:
a) Preservação dos recursos naturais e reprocessamento dos materiais.
b) Armazenamento e Reciclagem dos produtos perfuro-cortantes.
c) Produção e Conservação.
d) Identificação, Coleta e Transporte Externo.
e) Segregação e Varrição.

32. Considera-se medida de biossegurança em saúde, entre outras, a implantação


(A) da Política dos Direitos de Acessibilidade.

(B) da Política de Humanização.

(C) do Plano de Gerenciamento dos Resíduos de Serviços de Saúde.

(D) de Processos Equânimes.

(E) de Métodos Individualizados de Assistência.

GABARITO
10C 25D
3C 12E 26A
4E 13E 27C
5E 14C 28B
6C 15C 30C
7C 16E 31 D
8B 21A 32 C
9D 24D

Você também pode gostar