Você está na página 1de 83

PROGRAMA DE ESTUDOS HUMANÍSTICOS

ARTE, HISTÓRIA E CONHECIMENTO

Carolina Vaz de Carvalho carolavaz@gmail.com

FAJE-FACULDADE JESUÍTA / BELO HORIZONTE

2016/1

“PRIMEIRO RENASCIMENTO

A partir do século XIII , alguns artistas italianos buscam retomar princípios clássicos de composição e realismo

* Representação do espaço da ação

* Anatomia e volume dos corpos

* Naturalismo

* Redescoberta de técnicas dos antigos

Nicola Pisano (c. 1220 c. 1284). Púlpito, 1260. Batistério de Pisa.

Nicola Pisano (c. 1220 – c. 1284). Púlpito, 1260. Batistério de Pisa.

Giotto

Madona de Ognïssanti, 1310

Galeria Uffizi, Florença

Giotto Madona de Ognïssanti, 1310 Galeria Uffizi, Florença
Giotto. Madona de Ognïssanti, 1310 Galeria Uffizi, Florença Duccio di Buonisegna Madona Rucellai, 1285. Galeria

Giotto. Madona de Ognïssanti, 1310 Galeria Uffizi, Florença

Madona de Ognïssanti, 1310 Galeria Uffizi, Florença Duccio di Buonisegna Madona Rucellai, 1285. Galeria Uffizi,

Duccio di Buonisegna

Madona Rucellai, 1285. Galeria Uffizi, Florença

Giotto (c. 1266 – c. 1337). Afresco, Lamentação , 1305. Capela Scrovegni, Pádua.

Giotto (c. 1266c. 1337). Afresco, Lamentação, 1305. Capela Scrovegni, Pádua.

Masaccio, Masolino, Filippino Lippi

Afrescos, Capela Brancacci, 1424-82

Santa Maria del Carmine, Florença

Masaccio, Masolino, Filippino Lippi Afrescos , Capela Brancacci, 1424-82 Santa Maria del Carmine, Florença
Masaccio (1401-1428). Afresco, Tributo , 1424. Santa Maria del Carmine, Florença.

Masaccio (1401-1428). Afresco, Tributo, 1424. Santa Maria del Carmine, Florença.

Michelangelo Buonarroti, David, 1501-1504, Mármore, 410 cm Galleria dell’Accademia, Florença

Michelangelo Buonarroti, David, 1501-1504, Mármore, 410 cm Galleria dell’Accademia , Florença
Donatello (c. 1368 - 1466). O banquete de Herodes, relevo em bronze, 1423-27. Catedral de

Donatello (c. 1368 - 1466). O banquete de Herodes, relevo em bronze, 1423-27. Catedral

de Siena.

Lorenzo Ghiberti (c. 1378 - 1455). Isaac, Esaú e Jacó, relevo em bronze, 1425-1432. Batistério

Lorenzo Ghiberti (c. 1378 - 1455). Isaac, Esaú e Jacó, relevo em bronze, 1425-1432. Batistério do Duomo, Florença.

em bronze, 1425-1432. Batistério do Duomo, Florença. Donatello (c. 1368 - 1466). O banquete de Herodes,

Donatello (c. 1368 - 1466). O banquete de Herodes, relevo em bronze, 1423-27. Catedral de Siena.

Lorenzo Ghiberti (c. 1378 - 1455). São João Batista, 1412-1416. Bronze, 2,55 m. Orsanmichele, Florença.

Lorenzo Ghiberti (c. 1378 - 1455). São João Batista , 1412-1416. Bronze, 2,55 m. Orsanmichele, Florença.
Filippo Brunelleschi (c. 1377 - 1446). Duomo, 1439-1461. Santa Maria del Fiore, Florença.

Filippo Brunelleschi (c. 1377 - 1446). Duomo, 1439-1461. Santa Maria del Fiore, Florença.

Giovanni Paolo Panini. Interior do Panteão, 1747 . Óleo sobre tela National Gallery of Art,
Giovanni Paolo Panini. Interior do Panteão, 1747 . Óleo sobre tela National Gallery of Art,

Giovanni Paolo Panini. Interior do Panteão, 1747 . Óleo sobre tela National Gallery of Art, Washington.

Jan van Eyck (1395- 1441). O casal Arnolfini, 1434. Óleo sobre tela, 82x60 cm Londres, National Gallery.

Jan van Eyck (1395- 1441). O casal Arnolfini, 1434. Óleo sobre tela, 82x60 cm Londres, National

Jan van Eyck (1395- 1441). Anunciação, 1434-1436. Painel transferido para tela, 93x37 cm Washington D.C., National Gallery of Art.

(1395- 1441). Anunciação, 1434-1436. Painel transferido para tela, 93x37 cm Washington D.C., National Gallery of Art.
Simone Martini, Anunciação, 1333 Têmpera e ouro sobre painel, 265×305 cm. Galleria Uffizi, Florença

Simone Martini, Anunciação, 1333 Têmpera e ouro sobre painel, 265×305 cm. Galleria Uffizi, Florença

ALTO RENASCIMENTO

Período ou movimento?

* Composições complexas

* Observação atenta da figura humana

* Referências iconográficas e decorativas à

antiguidade clássica

* Equilíbrio entre movimento e estática

* Primor técnico

* Mimesis

BOTTICELLI, 1445-1510

Florença e Vaticano

Pintura

* Antigo ideia de belo

* Belo como categoria específica da arte

* Arte fora do tempo e da história, como conhecimento supremo que se consegue transcendendo a realidade

* Simbolização do real pintura “antiperspectiva

* Expressão

“Nas três últimas décadas do século XV [Botticelli] fora, na arte, o representante da

cultura florentina, o pintor oficial da corte dos Medici, o amigo dos filósofos e dos

literatos da academia platônica. Quisera, com sua pintura, pôr em ato uma filosofia,

realizar uma estética, uma ideia abstrata do “belo”; ele próprio pusera a arte fora do tempo e da história, como conhecimento supremo que se consegue transcendendo a

realidade, separando-se dela para alcançar a contemplação pura, livre de todo

interesse mundano - ou seja: um valor que não podia ser de modo algum reinvestido num conhecimento positivo, na construção de uma concepção concreta

do mundo. Nas duas primeiras décadas do século XVI, em Florença, o problema da arte, de seu valor e de sua função, é posto sobre bases totalmente novas por Leonardo, Michelangelo e Rafael, e é posto justamente sobre a base da função cognitiva da arte, ainda que o objeto, o processo e o objetivo do conhecimento da realidade mediante a arte sejam definidos de maneira diferente por cada um dos

três mestres. Reconduzir a arte ao centro do grande problema do conhecimento põe

fora de questão, e fora da história viva do novo século, o transcendentalismo estético de Botticelli, e torna-o de certa maneira “inútil”, embora algumas de suas propostas sejam destinadas a ser retomadas um pouco mais tarde, sobre outro

plano, no primeiro Maneirismo de Pontormo e Rosso, quando a cultura artística

florentina ficará de novo isolada e será obrigada a assumir, quase como ponto de

honra, uma cultura de elite

Giulio Carlo ARGAN, Clássico Anticlássico, p 206

Botticelli, O nascimento de Venus, 1484 – 1486. Têmpera sobre painel, 1,72 x 2,78 m.

Botticelli, O nascimento de Venus, 14841486. Têmpera sobre painel, 1,72 x 2,78 m. Florença, Galleria Uffizi.

Botticelli. Sagração da Primavera, 1477 – 1482. Têmpera sobre painel, 2,03 x 3,1 m Florença,

Botticelli. Sagração da Primavera, 14771482. Têmpera sobre painel, 2,03 x 3,1 m Florença, Galleria Uffizi.

LEONARDO, 1452-1519

Florença, Milão, Veneza, Roma, corte francesa

Pintura, escultura, arquitetura, música, matemática, engenharia, anatomia, geologia, cartografia, botânica, escrita e

invenções

* Negação do princípio de autoridade - experimentação

* Arte e Ciência como duas formas de estudo da

natureza como fenômeno

* Arte busca o belo como revelação da grandiosidade e

singularidade do real - imanência

Estudo anatômico de braço, c. 1510 Estudo de máquinas de vôo

Estudo anatômico de braço, c. 1510

Estudo anatômico de braço, c. 1510 Estudo de máquinas de vôo

Estudo de máquinas de vôo

Estudo de turbulência Estudo do vôo dos pássaros

Estudo de turbulência

Estudo do vôo dos pássaros

Paisagem do Arno, c. 1473

Paisagem do Arno, c. 1473

Leonardo, Virgem dos Rochedos, c. 1484.

Óleo sobre tela, 199 × 122 cm.

Paris, Museu do Louvre.

Leonardo, Virgem dos Rochedos, c. 1484. Óleo sobre tela, 199 × 122 cm. Paris, Museu do

MICHELANGELO, 1475-1564

Florença e Vaticano

Escultura, pintura, poesia e arquitetura

Popstar

* Antigo ideal ético

* Ideal alcançado pela ação – “sublime”

* Natureza e humanidade - expressões da ação divina

ideal aprisionado na matéria

* Transcendência

Michelangelo, O escravo rebelde, 1513-1516.

Mármore, 215 cm. Paris, Museu do Louvre.

Michelangelo, O escravo rebelde, 1513-1516. Mármore, 215 cm. Paris, Museu do Louvre.
Michelangelo, Pietà, 1499. Mármore, 174 x 195 cm. Vaticano, Basílica de São Pedro.

Michelangelo, Pietà, 1499. Mármore, 174 x 195 cm. Vaticano, Basílica de São Pedro.

Michelangelo, Capela Sistina, 1508-1512. Vaticano.

Michelangelo, Capela Sistina, 1508-1512. Vaticano.

RAFAEL, 1483-1520

Úmbria, Florença e Roma

Pintura e arquitetura

* Incorporação pragmática do antigo como modelo

* Belo na variedade e intensificação do natural

* Pluralidade de modelos

* Belo específico de cada arte

Rafael e ateliê. Incêndio de Borgo, 1514-1517. Óleo sobre painel, 268 x 670 cm. Vaticano,

Rafael e ateliê. Incêndio de Borgo, 1514-1517.

Óleo sobre painel, 268 x 670 cm. Vaticano, Câmaras Rafaelinas.

Rafael, Deposição Borghese, 1507. Óleo sobre painel, 184 cm × 176 cm. Roma, Galleria Borghese.

Rafael, Deposição Borghese, 1507.

Óleo sobre painel, 184 cm × 176 cm. Roma, Galleria Borghese.

Michelangelo, Pietà, 1499. Vaticano, Basílica de São Pedro. Michelangelo, Tondo Doni, 1504-1505. . Roma, Galleria

Michelangelo, Pietà, 1499. Vaticano, Basílica de São Pedro.

Pietà, 1499. Vaticano, Basílica de São Pedro. Michelangelo, Tondo Doni, 1504-1505. . Roma, Galleria

Michelangelo, Tondo Doni, 1504-1505.

. Roma, Galleria Borghese.

MANEIRISMO século XVI

* De ‘mimesis’ à ‘maneira’

Marcos contextuais:

Saque de Roma em 1527

Publicação de “O Príncipe” de Maquiavel

95 teses de Lutero - 1517

Grandes navegações

: “O Maneirismo, então, é autonomia da práxis, finalmente

liberta da subordinação a uma teoria e não mais concebida

como efeito, mas como causa”.

ARGAN, Clássico anticlássico, p. 388

Parmigianino (1503-1540).

Madonna dal collo lungo, c. 1535-1540.

Óleo sobre painel, 216 x 132 cm. Florença, Galleria Uffizi

(1503-1540). Madonna dal collo lungo , c. 1535-1540. Óleo sobre painel, 216 x 132 cm. Florença,
Tintoretto (1518-1594), O reencontro do corpo de São Marcos, c. 1562 . Óleo sobre tela,

Tintoretto (1518-1594), O reencontro do corpo de São Marcos, c. 1562. Óleo sobre tela, 405x405 cm. Milão, Pinacoteca di Brera.

Giorgio Vasari (1511-1574), São Lucas pintando a Virgem, c.1565. Afresco. Florença, Santissima Annunziata.

Giorgio Vasari (1511-1574), São Lucas pintando a Virgem, c.1565. Afresco. Florença, Santissima Annunziata.

El Greco (1541-1614). Laocoön , c.1610-1614. Óleo, 142x197 cm. Washington D.C., National Gallery of Art.

El Greco (1541-1614). Laocoön, c.1610-1614. Óleo, 142x197 cm. Washington D.C., National Gallery of Art.

Pieter Brueghel (1525-1569). Provérbios flamengos , 1559. Óleo sobre madeira, 117 x 163 cm. Berlim,

Pieter Brueghel (1525-1569). Provérbios flamengos, 1559.

Óleo sobre madeira, 117 x 163 cm. Berlim, Gemäldegalerie.

Giuseppe Arcimboldo (1526-1593). Rudolph II como Vertumnus, c.1590. Óleo sobre painel, 68 x 56 cm. Uppsala, Castelo Skokloster.

Arcimboldo (1526-1593). Rudolph II como Vertumnus, c.1590. Óleo sobre painel, 68 x 56 cm. Uppsala, Castelo

Giambologna (1529-1608)

O rapto da Sabina, 1574-1582.

Florença, Loggia dei Lanzi

Giambologna (1529-1608) O rapto da Sabina, 1574-1582. Florença, Loggia dei Lanzi

Benvenuto Cellini (1500-1571). Perseu com cabeça de Medus, 1545. Bronze. Florença, Loggia dei Lanzi.

Benvenuto Cellini (1500-1571). Perseu com cabeça de Medus, 1545. Bronze. Florença, Loggia dei Lanzi.
Andrea Palladio (1508-1580). Villa Rotonda, 1550, Vicenza, Itália.

Andrea Palladio (1508-1580). Villa Rotonda, 1550, Vicenza, Itália.

Pierre Lescot (1510-1578). Ala Lescot, 1546-1551, Paris, Louvre.

Pierre Lescot (1510-1578). Ala Lescot, 1546-1551, Paris, Louvre.

Fachada, c. 1520-1530. Espanha, Universidad de Salamanca.

Fachada, c. 1520-1530. Espanha, Universidad de Salamanca.

BARROCO - século XVII

Contexto: contrarreforma católica e governos absolutistas

* Dinamismo

* Contrastes

* Dramaticidade

* Exuberância

* Realismo

* Tensão entre materialidade e espiritualidade

Francesco Borromini (1599-1667).

San Carlo alle Quattro Fontane, 1646, Roma.

Francesco Borromini (1599-1667). San Carlo alle Quattro Fontane , 1646, Roma.
Nicola Salvi. Fontana de Trevi , 1762, c. 1520-1530, Palazzo Poli , fachada reformada no

Nicola Salvi. Fontana de Trevi, 1762, c. 1520-1530, Palazzo Poli, fachada reformada no século XVIII. Roma

Gian Lorenzo Bernini(1598-1680) Êxtase de Santa Teresa, 1652 Roma, Santa Maria della Vittoria.

Gian Lorenzo Bernini(1598-1680) Êxtase de Santa Teresa , 1652 Roma, Santa Maria della Vittoria.

Annibale Carracci (1560-1609) Homenagem a Diana, 1597-1602

Afresco, Palazzo Farnese, Roma.

Annibale Carracci (1560-1609) Homenagem a Diana , 1597-1602 Afresco, Palazzo Farnese, Roma.
Carracci. Crianças brincando com um gato, c. 1588-1590. Óleo sobre tela, 66 × 88.9 cm.

Carracci. Crianças brincando com um gato, c. 1588-1590. Óleo sobre tela, 66 × 88.9 cm. Nova Iorque, Metropolitan Museum of Art

Capela Cerasi, Santa Maria del Popolo,Roma, 1600-1601
Capela Cerasi, Santa Maria del Popolo,Roma, 1600-1601
Capela Cerasi, Santa Maria del Popolo,Roma, 1600-1601

Capela Cerasi, Santa Maria del Popolo,Roma, 1600-1601

Annibale Carracci. Ascenção da Virgem Maria

Annibale Carracci. Ascenção da Virgem Maria
Caravaggio. Crucificação de São Pedro Caravaggio. A conversão de São Paulo a caminho de Damasco

Caravaggio. Crucificação de São Pedro

Caravaggio. Crucificação de São Pedro Caravaggio. A conversão de São Paulo a caminho de Damasco

Caravaggio. A conversão de São Paulo a

caminho de Damasco

Caravaggio (1573-1610).

Amor vincintore, 1601-1602. Óleo sobre tela, 156 x 113 cm. Berlim, Gemäldegalerie.

Caravaggio (1573-1610). Amor vincintore , 1601-1602. Óleo sobre tela, 156 x 113 cm. Berlim, Gemäldegalerie.
Petrus (Pierre) Drevet. Hyacinthus 1701. Rigaud Eques in Regis , [segundo Hyacinthe Rigaud]. Água-forte, 62,1

Petrus (Pierre) Drevet. Hyacinthus

1701.

Rigaud Eques in Regis

, [segundo Hyacinthe Rigaud]. Água-forte, 62,1 x 45,5 cm

, [segundo Hyacinthe Rigaud]. Água-forte, 62,1 x 45,5 cm Rembrandt Hermenszoon van Rijn. Autorretrato desenhando

Rembrandt Hermenszoon van Rijn. Autorretrato desenhando junto à janela, 1648. Água-forte, ponta-seca e buril, 16,5x13,1 cm

Nicolas Poussin (1594-1665) Martírio de Santo Erasmo, 1628

Óleo sobre tela, 320x186 cm

Pinacoteca Vaticana

Nicolas Poussin (1594-1665) Martírio de Santo Erasmo , 1628 Óleo sobre tela, 320x186 cm Pinacoteca Vaticana

Pieter Paul Rubens (1577 - 1640) Martírio de São Livino, 1597-1602

Bruxelas. Musées Royaux des Beaux-Arts.

Pieter Paul Rubens (1577 - 1640) Martírio de São Livino , 1597-1602 Bruxelas. Musées Royaux des
Nicolas Poussin (1594-1665). O rapto das Sabinas , c. 1634-1635. Óleo sobre tela, 154,6 x

Nicolas Poussin (1594-1665). O rapto das Sabinas, c. 1634-1635.

Óleo sobre tela, 154,6 x 209,9 cm. Nova Iorque, Metropolitan Museum of Art.

Pieter Paul Rubens (1577 - 1640). O rapto das Sabinas , c.1635-1637. Óleo sobre tela,

Pieter Paul Rubens (1577 - 1640). O rapto das Sabinas, c.1635-1637.

Óleo sobre tela, 170 x 236 cm. Londres, National Gallery.

ROCOCÓ - século XVIII

Da elite para a elite: hedonista e aristocrática

NEOCLASSICISMO - século XVII-XIX

Contexto: Iluminismo

Reação ao Rococó, visto como fútil e moralmente vazio.

Antiguidade clássica como modelo ético e intelectual

Louise Élisabeth Vigée Le Brun Maria Antonieta com uma rosa, 1783

Óleo sobre tela, 113 × 87 cm

Palácio de Versailles

Louise Élisabeth Vigée Le Brun Maria Antonieta com uma rosa , 1783 Óleo sobre tela, 113
Basílica de Ottobeuren, séc. XVIII, Bavária.

Basílica de Ottobeuren, séc. XVIII, Bavária.

Jean-Honoré Fragonard (1732-1806) O balanço, 1767

Óleo sobre tela, 329.8 × 424.8 cm

Paris, Louvre.

Jean-Honoré Fragonard (1732-1806) O balanço , 1767 Óleo sobre tela, 329.8 × 424.8 cm Paris, Louvre.
Jacques-Louis David (1748-1825 ). O juramento de Horácio , 1784. Óleo sobre tela, 329.8 ×

Jacques-Louis David (1748-1825 ). O juramento de Horácio, 1784.

Óleo sobre tela, 329.8 × 424.8 cm. Paris, Louvre

Antonio Canova (1757-1822) As três graças,, 1814-1817

Londres, Victoria and Albert Museum

Antonio Canova (1757-1822) As três graças, , 1814-1817 Londres, Victoria and Albert Museum

Bertel Thorvaldsen (1770-1844) As três graças

Copenhagen, Thorvaldsen Museum

Bertel Thorvaldsen (1770-1844) As três graças Copenhagen, Thorvaldsen Museum
Pierre-Alexandre Vignon, Igreja de Santa Maria Madalena, 1763-1842. Paris, Place de la Madelaine

Pierre-Alexandre Vignon, Igreja de Santa Maria Madalena, 1763-1842.

Paris, Place de la Madelaine