Você está na página 1de 16

Vantagens e Desvantagens das Estruturas Organizacionais

(Funcional e Projetizada)

TIPO DE
VANTAGENS DESVANTAGENS
ORGANIZAÇÃO

- Membros da equipe reportam somente


para um supervisor; - Recursos dedicam mais esforços para sua área
- Recursos com os mesmos skills estão funcional do que para o projeto;
FUNCIONAL centralizados. Empresa está agrupada por - Gerente de projetos não tem autoridade;
especialidade; - Não existe um plano de carreira na área de
- Plano de carreira é claro dentro das gerenciamento de projetos.
especialidades.

- Eficiente organização do projeto; - Pouco vínculo do recurso com a empresa;


- Lealdade ao projeto; - Problemas ao final do projeto com alocação
PROJETIZADA
- Comunicação mais efetiva entre os dos recursos (demissão);
membros da equipe do projeto. - Uso menos eficiente dos recursos.

1
Vantagens e Desvantagens das Estruturas Organizacionais
(Matriciais)

TIPO DE
VANTAGENS DESVANTAGENS
ORGANIZAÇÃO

- Otimiza a alocação dos recursos;


- Recurso pode trabalhar em projetos e
- Dupla subordinação;
processos internos;
- Disputa pelos recursos;
- Quando comparada à FUNCIONAL:
- Maior complexidade para monitorar e
MATRICIAIS • Melhor controle do GP sobre a
controlar o projeto;
equipe;
- Gerentes funcionais podem ter diferentes
• Melhor coordenação;
prioridades que o Gerente de Projeto.
• Melhor disseminação da informação;
• Maior suporte das áreas funcionais.

2
Dicionário da EAP

3
Requisitos de Recursos das Atividades
Atividade Mão de Obra interna Mão de Obra 3º Material Despesas

GP (1), Analista Desenvolvedor (0,5) e Testador Material


Planejamento do projeto -
requisitos (1) (0,5) escritório
3 viagens,
GP (0,1), Analista
Levantamento de informações - - hospedagem
requisitos (1)
e taxi
Preparação de documentação GP(0,1), Analista Material
- -
funcional requisitos (1) escritório

GP(0,1), Analista Material Taxi,


Construção do sistema Desenvolvedor (3)
requisitos (0,1) escritório alimentação

GP(0,1), Analista Material Taxi,


Testes funcionais e sistêmicos Desenvolvedor (1),Testador (2)
requisitos (0,1) escritório alimentação

GP(0,1), Analista 5 Taxi,


Testes de integração Desenvolvedor (0,3), Testador (2)
requisitos (0,1) notebooks alimentação
GP(0,1), Analista Taxi,
Testes de aceite do cliente Desenvolvedor (1), Testador ( 1) -
requisitos (0,1) alimentação
Taxi,
Implantação GP(0,1) Desenvolvedor (1), Testador ( 1) 1 projetor
alimentação

GP(1), Analista Material


Encerramento Desenvolvedor (0,3), Testador ( 0,2) -
requisitos (0,1) escritório

4
Estrutura Analítica de Recursos

5
CMMI
As letras CMMI (Capability Maturity Model
Integration) representam um dos modelos
existentes para avaliar a maturidade do
processo de desenvolvimento de software.
Há um bom tempo é considerado sinônimo
de qualidade pelo mundo inteiro.
Como todos os modelos, o CMMI apenas
dita o que deve ser feito pro seu
desenvolvimento ser considerado maduro,
mas não COMO fazer.
Dentro do CMMI ha 5 níveis de maturidade
Cada um desses níveis indica o grau de
maturidade do seu processo, isso quer dizer
que o processo de desenvolvimento é
avaliado e de acordo com as regras contidas
no modelo e recebe uma nota (indicando o
quão adepto ele está a aquele framework).
(8.1 e 8.3) Sete Ferramentas Básicas da
Qualidade

7
(8.2) FERRAMENTAS DE GERENCIAMENTO E
CONTROLE DA QUALIDADE

8
8.3 – Controlar a Qualidade
Saída: ENTREGA VERIFICADA
4.3 – Orientar e Gerenciar o
Trabalho do Projeto
Saída: ENTREGA

5.5 – Validar o Escopo


4.6 – Encerrar o Projeto Saída: ENTREGA ACEITA
ou a Fase

Saída de vários
processos: SOLICITAÇÃO 4.5 – Realizar o Controle
DE MUDANÇA Integrado de Mudanças
Saída: SOLICITAÇÃO DE
MUDANÇA APROVADA 4.3 – Orientar e Gerenciar o
Trabalho do Projeto
>> E APÓS SER EXECUTADA >>
8.3 – Controlar a Qualidade
Saída: MUDANÇA VALIDADA
Gráfico matricial de responsabilidades (RACI)
A Matriz RACI é um gráfico matricial que apresenta em suas linhas as fases, pacotes ou atividades dos
projetos. Nas colunas podemos incluir os nomes de cada integrante do time, os cargos, ou até mesmo
as áreas da empresa envolvidas nos projeto quando quer se demonstrar as responsabilidades em um
nível mais alto. Entre as linhas e colunas, geralmente utilizam-se quatro tipos de responsabilidades:
• R – Responsável (tem responsabilidade pela execução da tarefa);
• A – Aprovador – (tem autoridade para aprovar ou vetar a execução de uma atividade)
• C – Consultado (deve ser consultado pois tem informações importantes para a execução da
tarefa)
• I – Informado (deve ser informado sobre a execução ou resultado da tarefa)
Atividades x Função Analista Analista Gerente de Comprador Gerente
Financeiro Jurídico Projeto Financeiro

Definir recursos necessários R


Selecionar fornecedores homologados C R
Definir o fornecedor I R
Calcular custos do contrato R I C
Elaborar contrato com fornecedor R I
Aprovar o contrato R I A 10
Realizar a análise qualitativa dos riscos
• O uso de uma matriz de probabilidade e impacto, pode auxiliar na
priorização dos riscos mais significativos ao projeto.

Pontuação para um risco específico


Probabilidade Fator de exposição = P x I
5 5 10 15 20 25
4 4 8 12 16 20
3 3 6 9 12 15
2 2 4 6 8 10
1 1 2 3 4 5
1 2 3 4 5
Impacto sobre um objetivo (ex. custo, tempo ou escopo)

11
Realizar a análise qualitativa dos riscos
• Uma outra forma de avaliar a probabilidade e impacto de incertezas é a
utilização dos conceitos: alto, médio e baixo.

Risco Probabilidade Impacto Exposição


Requisito mal definido Baixa Alto Médio
Perda de recursos humanos Baixa Médio Baixo
Falta de matéria prima Alta Alto Alto
Orçamento insuficiente Médio Alto Alto
Instabilidade econômica Baixa Baixa Baixa

12
Contratos por Preço Fixo
VANTAGENS DESVANTAGENS
Menor trabalho para o comprador para
Necessidade de escopo detalhado
gerenciar o contrato.
Fornecedor tem forte incentivo para O fornecedor pode cortar escopo para manter
controlar custos margem de lucro
Pode ser mais caro do que os demais tipos de
Comprador conhece o custo final contratos, em função do custo adicional em
virtude de riscos
Bastante praticado. Há experiência no O fornecedor pode subestimar o preço e
mercado tentar fazer lucro com mudanças

13
Contratos de Custos Reembolsáveis

VANTAGENS DESVANTAGENS
Flexibilidade para o contratante para o Não há garantia do custo final e para acabar
acréscimo de trabalho no prazo
Minimiza o trabalho para definição do
Necessita auditoria
escopo
Minimiza negociações e custo de
Sujeito à muitas alterações
detalhamento de especificações
Mais baratos que os contratos de Preço
Fixo, pois o fornecedor não adiciona Mais trabalho para gerenciar
custo referente à risco

14
Tempo e Material

VANTAGENS DESVANTAGENS
Maior flexibilidade para incluir trabalho e
Requer maior supervisão do comprador
estabelecer o contrato
Maior rapidez para começar Maior incerteza no custo final
Opção quando quer se contratar pessoas O fornecedor não tem incentivo para
para aumento de quadro controlar custos

15
AUDITORIA E INSPEÇÃO
Área de Grupo de
Ferramentas e Técnicas Processo Significado
Conhecimento Processos

Monit. e Medições e verificações para aceitação


Inspeção Escopo
Controle
5.5 - Validar Escopo
das entregas pelo cliente ou patrocinador
8.2 - Realizar a Garantia da
Auditorias de Qualidade Qualidade Execução
Qualidade
Análise dos PROCESSOS

Monit. e
Inspeção Qualidade
Controle
8.3 - Controlar a Qualidade Análises dos PRODUTOS

Monit. e
Auditorias de Riscos Riscos
Controle
11.6 - Controlar os Riscos Eficiência das Respostas

Inspeciona produtos gerados pelo


Monit. e
Inspeção e Auditoria Aquisições
Controle
12.3 - Controlar as Aquisições fornecedor e audita trabalho do
fornecedor
Identifica Sucessos e Fracassos do
relacionamento com os fornecedores a
Auditorias de Aquisições Aquisições Encerramento 12.4 - Encerrar as Aquisições
serem compilados como lições
aprendidas.