Você está na página 1de 50

Agenda Cultural de Cascais N º 30 | Janeiro - Fevereiro 2008

Periodicidade Bimestral | Distribuição Gratuita sumário


Propriedade
Câmara Municipal de Cascais
3 Primeira Linha
Presidente 4 Espaço Opinião
António d’Orey Capucho
Em Foco
Directora
Ana Clara Justino | Vereadora do Pelouro da Cultura 6 Breves
11 Necrópole de Alapraia
Edição 13 Ano Europeu do Diálogo Intercultural
Câmara Municipal de Cascais
14 Escultura homenageia D. Carlos
Coordenação Editorial
António Carvalho | Director do Departamento de Cultura Programação
16 Animação Infantil e Juvenil
Redacção
26 Colóquios, Conferências e Cursos
Catarina Coelho | Departamento de Cultura
34 Desporto
Colaboração 38 Exposições
Departamento de Desporto 43 Música
Divisão de Bibliotecas e Arquivos | João Miguel Henriques, Helena Xavier e Paula Almeida
Divisão de Museus Municipais | Conceição Correia e José António Proença
46 Passeios e Visitas
Divisão de Promoção e Animação Cultural | Maria de Jesus Ventura 51 Poesia e Teatro
Fundação D. Luís I 54 Outros Eventos
Gabinete de Arqueologia | Maria José Almeida
Gabinete de Comunicação e Relações Públicas
Gabinete de Património Histórico-Cultural | Conceição Santos e Maria João Gonçalves Conheça melhor a nossa terra
Gabinete da Presidência | Cristina Pacheco 58 Ficha de Colectividade
59 Colectividades e Cultura
Design Gráfico 60 Arquivo Histórico Municipal
Ana Pinheiro | Gabinete de Comunicação e Relações Públicas
63 Bibliotecas Municipais
Imagens 64 Livraria Municipal
Arquivo Histórico-Militar; Departamento de Cultura; Gabinete de Comunicação e Relações Públicas; 68 Museus Municipais
Neoépica – Arqueologia e Património Lda; Observatório da China; Planeta Tangerina; UNIARQ; artistas intervenientes
71 Ficha de Património Móvel
Impressão 72 Ficha de Património Edificado
DPI Cromotipo 74 Património
76 O que está a dar!
Tiragem
78 Desporto
20.000
79 A Sugestão de... José Jorge Letria

Agradecimentos especiais a Denise Pereira pelo texto Mosteiro Jerónimo da Penha Longa – um
universo humanista, e a José Jorge Letria pelo texto Uma corte em fuga para o Brasil
82 Contactos

Advertência
A Agenda Cultural de Cascais é uma publicação editada pela Câmara Municipal de Cascais. O proprietário não é responsável pela
devolução de qualquer material que não tenha sido solicitado e reserva-se o direito de aceitar ou recusar todo e qualquer material
de natureza redactorial e publicitário. O conteúdo desta publicação não pode ser reproduzido no todo ou em parte sem autorização
escrita da Câmara Municipal de Cascais.
primeira linha...
Neste início de ano temos o gosto de apresentar mais um número da nossa Agenda Cultural: o número
30. É já o quinto ano de publicação ininterrupta, sempre pautada pela ambição de prestar o melhor
serviço público aos seus muitos leitores. No mesmo formato a que todos já se habituaram, mas com a
surpresa da introdução de uma nova pequena rubrica que dá conta do reflexo no país e no mundo do
que se vai fazendo na Cultura em Cascais.

Este início de ano é marcado por outras boas notícias: em Cascais têm início os trabalhos de construção
da aguardada Casa das Histórias e Desenhos de Paula Rego, com projecto do Arq.º Eduardo Souto de
Moura; no Monte Estoril, aprestam-se os preparativos para a conclusão do complexo processo de rea-
bilitação do antigo Chalet Madalena, posteriormente conhecido por Pensão Boaventura, que irá acolher
o Conservatório de Música de Cascais, bem como a sede da Orquestra de Câmara de Cascais e Oeiras,
que tanto tem contribuído para a existência de uma programação de música erudita de excelência no
concelho (em breve os corredores, salas, auditório e jardim desse novíssimo espaço irão encher-se de
sons e movimento, ampliando uma oferta pedagógica extremamente requisitada por jovens do nosso
concelho que agora passa a ter por cenário um edifício inteiramente equipado para esse fim).

Uma palavra para os nossos museus e exposições: no início de 2008 os fregueses de Carcavelos, e
não só, terão oportunidade de voltarem a apreciar de perto a exposição “A Vinha e o Vinho de Carca-
velos”, dando conta dos últimos resultados da laboriosa investigação desenvolvida em torno do ex-líbris
da freguesia, mas também do concelho, o qual, num futuro próximo, terá casa própria nas Adegas mu-
sealizadas da Quinta do Barão, uma das mais afamadas quintas desta produção vitivinícola ameaçada
de extinção que, felizmente, em meados da década de 90 do século findo, foi retomada em algumas
quintas do concelho.

Novamente em Cascais, é o emblemático Museu Condes de Castro Guimarães que convida a uma nova
visita: de propósito para a exposição da sua Colecção de Ourivesaria, actualmente patente ao público,
foi inteiramente renovado o percurso museológico desta Casa-Museu, e é a própria colecção perma-
nente, apresentada sob nova luz, que deslumbra mesmo aqueles que já a conheciam.

Este ano que agora se inicia será dedicado, no espaço da União Europeia, por decisão do Conselho
da Europa, ao Diálogo Intercultural. Sendo Cascais o concelho que apresenta a maior diversidade de
nacionalidades de estrangeiros residentes no nosso país – pessoas de mais de 100 nacionalidades
distintas habitam no nosso concelho -, esta temática será, certamente, tratada com a relevância que o
tema merece na actualidade.

Em 2008 assinala-se também o centenário do regicídio de D. Carlos I, figura indelevelmente ligada a


Cascais, quer pelo facto de ter dado continuidade à tradição de veraneio iniciada em 1870, pelo seu pai,
D. Luís, quer pela profunda relação que estabeleceu com a vila e que tem sido amplamente estudada e
divulgada nos últimos anos em publicações e exposições organizadas pela autarquia.

A terminar, permitam-nos que desejemos a todos, votos de um excelente 2008!

Antonio d’Orey Capucho Ana Clara Justino


Presidente da Câmara Municipal Vereadora do Pelouro da Cultura
espaço opinião 4|

espaço opinião

A Agenda Cultural de Cascais (…) é um prazer, como munícipe, ver uma Agenda com tanta informação, evidenciando de uma
forma brilhante uma das mais belas zonas do nosso País e acima de tudo, dando a conhecer tudo

disponibiliza este espaço para


o que se passa à volta do Concelho, no âmbito cultural!

que nos dê as suas opiniões e Maria Carlos Silva


Estoril, 16 de Novembro de 2007
sugestões sobre a actividade
cultural do concelho.

Aceite o nosso desafio e participe!


Mais uma vez recebi a «Agenda Cultural de Cascaisl». Agradeço pelo envio e devo acrescentar
que é a agenda cultural municipal que conheço mais interessante pelo conteúdo, formato e
apresentação. O tratamento dos temas, em fichas, é muito elucidativo. O acompanhamento com

e-mail imagens q.b. reforça a informação.

agenda.cultural@cm-cascais.pt Alfredo Ramos Anciães


Queluz, 1 de Dezembro de 2007

morada
Agenda Cultural
Câmara Municipal de Cascais
Departamento de Cultura
Praça 5 de Outubro
2754-501 Cascais
em foco 6|

em foco
Breves
O Farol na rádio
No dia 15 de Dezembro, a rádio TSF emitiu
um programa dedicado aos faróis portu-
gueses, no âmbito da rubrica Encontros com
o Património, assinada por Manuel Vilas-Boas.
O sinal sonoro de um farol deu início à viagem,
das Berlengas ao Farol Museu de Santa
Marta, que contou com a participação, entre
outros, de dois faroleiros da ilha ao largo de
Peniche, do investigador Joaquim Boiça e do
Comandante Arantes Horta, da Direcção de
Faróis, que partilharam com o público algumas
das suas experiências profissionais. Joaquim
> Palácio da Cidadela de Cascais Boiça orientou a “visita guiada” ao Farol Mu-
seu de Santa Marta, destacando e contextua-
lizando as peças mais relevantes do acervo.
Reabilitação do Palácio da Prémio Pessoa atribuído à O programa pode ser ouvido em www.tsf.pt,
Cidadela de Cascais historiadora de Irene Pimentel na secção Arquivo de Programas.
A anunciada reabilitação do Palácio da Ci- Irene Flunser Pimentel, historiadora que tem
dadela de Cascais tem início previsto para desenvolvido um importante trabalho de inves-
o segundo semestre de 2008, após a con- tigação sobre o período do Estado Novo em Museus e Sociedade
clusão do projecto de execução do restauro Portugal, foi a vencedora do Prémio Pessoa, A Câmara Municipal de Cascais esteve pre-
do edifício. Esta intervenção, que representa em 2007. A historiadora editou, no ano passa- sente na segunda edição da Conferência Mu-
um investimento de três milhões de euros do, as obras Mocidade Feminina Portuguesa seus e Sociedade, que decorreu no dia 1 de
provenientes da concessão de jogo na zona e História da PIDE e, em 2006, Judeus em Dezembro, no Auditório do Museu Municipal
do Estoril, prevê a recuperação do edifício e a Portugal durante a Segunda Guerra Mundial, de Caminha, por ocasião do 14º aniversário
instalação do Museu das Ordens Honoríficas, para o qual a autora recorreu a documentação desta instituição. O exemplo do Museu do Mar
devendo estar terminada até 2010. A partir do Arquivo Histórico Municipal” e bibliografia – Rei D. Carlos e a ligação do monarca com a
de então, o palácio poderá estar aberto ao local referente à temática dos exilados em comunidade cascalense foi o tema escolhido
público, mantendo, no entanto, a sua função Portugal durante o conflito. O Prémio Pessoa pela Divisão de Museus Municipais de Cas-
de residência oficial de Verão do Presidente é concedido anualmente a uma personali- cais, que se fez representar pela sua chefe de
da República. dade portuguesa que, durante esse período divisão, Doutora Carla Fernandes.
e na sequência de um trabalho anterior, se O Museu Municipal de Caminha pretende com
tenha distinguido por uma intervenção par- esta iniciativa contribuir para a reflexão sobre
ticularmente relevante e inovadora na vida a Museologia enquanto factor de desenvolvi-
artística, literária ou científica do país. mento económico, social e cultural.

> Farol Museu de Santa Marta




Acervo bibliográfico da Casa


Reynaldo dos Santos na Pacweb
A Casa Reynaldo dos Santos e Irene Virote Qui-lhó
dos Santos, situada na Parede, foi doada ao mu-
nicípio de Cascais, por vontade testamentária da
viúva do médico e historiador de arte, em 2004.
Desde então, tem vindo a decorrer um complexo
trabalho de inventariação e catalogação de todo
o acervo, com vista à preparação da casa para a
sua futura musealização. A partir de Janeiro, será já
possível aceder, mediante marcação prévia, a mais
de mil documentos pertencentes à biblioteca de
Reynaldo dos Santos, cujos títulos e disponibilidade
podem ser pesquisados no endereço da pacweb
– catálogo da rede de bibliotecas municipais dis-
ponível em: www.cm-cascais.pt/cascais/pacweb.
Também em 2008, será instituído, pela Federação
dos Amigos dos Museus de Portugal, o Prémio
Professor Reynaldo dos Santos, que irá distinguir
a melhor exposição realizada em museus portu-
gueses que possuam um Grupo de Amigos.
> Casa Reynaldo dos Santos e Irene Virote Quilhó

Rua António Quadros em Cascais Cascais adere à Associação


No passado dia 15 de Dezembro, a autarquia de Municípios Portugueses
atribuiu o nome do escritor António Gabriel do Vinho
de Quadros Ferro (1923-1993) a uma rua Cascais, concelho produtor do afamado vinho de
da freguesia de Cascais. Filho dos escritores Carcavelos, aderiu, no passado dia 15 de Novem-
António Ferro e Fernanda Castro, e pai da bro, à Associação dos Municípios Portugueses
também escritora Rita Ferro, António Quadros do Vinho, que integra já 62 municípios de todas
viveu quase toda a vida no concelho de Cas- as zonas do país. Esta associação encontra-se
cais, tendo-se distinguido na Literatura, mas sedeada no Mercado Municipal do Cartaxo e foi
também como membro fundador do Instituto criada a 5 de Maio de 2007 com vista à promoção
de Arte, Decoração e Design (IADE), que pre- do vinho português de qualidade e à salvaguarda
sidiu entre 1969 e 1992. Exerceu ainda ou- da identidade dos territórios onde o vinho assume
tros cargos, entre os quais o de Presidente da um papel preponderante.
Comissão Nacional para o Ano Internacional Mais informações:
da Alfabetização (1990). Foi membro funda- www.ampv-vinopolis.blogspot.com
dor da primeira Direcção da Sociedade Portu-
guesa de Autores, bem como da Alta Autori-
dade para a Comunicação Social (1990/91).
em foco 10 | 11

Necrópole de Alapraia visitada


por comissão internacional de avaliação

No passado dia 30 de Novembro, a necrópole de Alapraia foi o único sitio arqueológico visi-
tado por uma comissão internacional universitária de avaliação, numa acção levada a cabo pela
Fundação da Ciência e Tecnologia (FCT), que envolveu todos os centros de pesquisa nacionais
conectados com essa instituição.
A escavação das Grutas de Alapraia, que visa a valorização e futura musealização deste sí-
tio arqueológico, insere-se no projecto CASCA (Cascais: as antigas Sociedades Camponesas),
desenvolvido pelo Centro de Arqueologia da Universidade de Lisboa (UNIARQ) e pela Câmara
Municipal de Cascais. Esta parceria tem revelado um elevado índice de produção científica e de
entrosamento na sociedade, que resultam não só da eficiência da equipa que estuda no terreno
os grupos do 6º ao 2º milénio a.n.e., como do próprio empenhamento da autarquia na investi-
gação, defesa e valorização do seu património arqueológico.
No âmbito desta avaliação, foi apresentada, na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa,
uma exposição dos trabalhos das unidades de investigação analisadas, na qual constou o poster
que reproduzimos na página seguinte.
em foco 12 | 13

2008 – Ano Europeu do Escultura homenageia


Diálogo Intercultural D. Carlos em Cascais
nidade de contribuir para uma sociedade diver- Assinalando o centenário do regicídio de
sificada e dinâmica, salientar a contribuição das D. Carlos, que ocorreu no dia 1 de Fevereiro
diferentes culturas e expressões da diversidade de 1908, a Academia de Letras e Artes e
cultural para o património e o os modos de vida, a Câmara Municipal de Cascais irão inaugu-
bem como sensibilizar para a importância de rar exactamente nesse dia uma estátua de
desenvolver a cidadania europeia activa e aberta homenagem ao monarca, cuja ligação ao
ao mundo que respeite a diversidade cultural. concelho, e em particular à vila de Cascais,
Neste sentido a celebração deste ano envolverá foi determinante para o seu desenvolvimento
a participação de todos, desde a União Europeia, enquanto estância de veraneio.
aos Estados-Membros e obrigatoriamente toda a A estátua, da autoria do escultor Luís Vala-
sociedade civil. dares, representará o rei em pé, com um uni-
Para o evento de lançamento da campanha deste forme da Marinha, a bordo do seu iate Amélia
Ano Europeu, a Comissão Europeia convidou vári- e segurando nas mãos uns binóculos, de olhar
as personalidades do panorama cultural europeu
dirigido para o mar da Baía (sua reconhecida
e internacional, que mostraram disponibilidade
paixão artística e científica). Será feita em
para desempenhar a função de «Embaixadores
2008 foi, por decisão da Comissão Europeia, bronze fundido, excepto a secção do iate que
Europeus para o Diálogo Intercultural», nomea-
proclamado o Ano Europeu para o Diálogo In- terá a aplicação de madeira, ferro e outros
damente o escritor brasileiro Paulo Coelho, o
tercultural. Sob o lema “Unidos na Diversidade”, materiais, de forma a transmitir a ideia de uma
maestro eslovaco Jack Martin Händler, o cineasta
a Europa dos 27, que agrega hoje uma “comuni- superfície real. A fundição da escultura foi
romeno Radu Mihăileanu, o artista esloveno Marko
dade” de quase 500 milhões de pessoas, procura efectuada pela empresa espanhola “Fundición
Peljhan, o gambista catalão Jordi Savall, o pianista
desta forma chamar a atenção para um tema so- José Moreno”, de Madrid.
turco Fazil Say e a vencedora do Festival da Euro-
bre o qual é urgente reflectir. Será erigida junto à Cidadela, sua residên-
visão pela Sérvia, Marija Šerifović.
No mundo transformado em “aldeia global” no cia oficial durante o período de veraneio em > Rei D. Carlos a bordo do iate Amélia (Museu
Para além das múltiplas actividades que deverão de Marinha - Colecção Henrique Maufroy de
qual habitamos, as culturas que diferenciam os Cascais, mais precisamente no local onde se
ser organizadas nos 27 países da União Euro- Seixas)
povos de cada canto do planeta tendem a amal- encontrava instalado o monumento de home-
peia, serão promovidos seis debates especiais em
gamar-se, diluindo importantes características nagem à Travessia Aérea de Gago Coutinho e
Bruxelas sobre temas como artes e património,
identitárias. Durante o ano de 2008 pretende-se
diálogo inter-religioso ou migração e integração. Sacadura Cabral, que será transferida para o
promover o diálogo entre as diversas culturas que
Em Cascais, um dos concelhos do país que apre- jardim do Museu do Mar – Rei D. Carlos.
coexistem no espaço europeu, enquanto pro-
senta um dos maiores índices de diversidade cul- Na inauguração está prevista a actuação da
cesso que permita a todos os cidadãos da União
tural (somos o município que apresenta a maior Banda do Estado-Maior da Armada.
Europeia melhorar a sua capacidade para lidar
diversidade de nacionalidades de estrangeiros
com um ambiente cultural cada vez mais vasto e
residentes), a autarquia e algumas associações
salientar a importância dessa diversidade na evo-
irão associar-se a esta iniciativa, procurando con-
lução do individuo e da própria Humanidade.
tribuir para a sensibilização local relativa a esta
O Ano Europeu visa contribuir para a compreen-
questão através da promoção realização.
são mútua e uma melhor vivência em conjunto,
http:// www.aedi2008.pt
realçar o diálogo intercultural enquanto oportu-
http://www.interculturaldialogue2008.eu
15

janeiro | fevereiro programação

Não é permitido tirar fotografias, nem fazer gravações sonoras ou filmagens durante os eventos. Pede-se a máxima
pontualidade. Em caso de atraso, só poderá entrar após a conclusão de cada uma das obras ou actos em programa,
de acordo com as instruções dos responsáveis em presença. Assegure a qualidade dos espectáculos e o bom
desempenho dos artistas, garantindo que o seu telemóvel e/ou alarme de relógio são desligados antes do início dos
mesmos.

Esta programação pode ser alterada por motivos imprevistos.

Salvo indicação em contrário, os eventos são promovidos pela Câmara Municipal de Cascais, com entrada gratuita,
embora limitada à lotação das diferentes salas de espectáculo.
animação infantil e juvenil 16 | 17

animação infantil e juvenil


ilustrações: Planeta Tangerina

5 e 19 de Janeiro 20 de Janeiro | 17 de Fevereiro


Conta-me contos Domingos divertidos
TARDES DE SÁBADO PARA ANIMAR A Actividades e jogos que pretendem fomentar
FAMÍLIA nos participantes o interesse pelas ciências,
No 1º e 3º sábado de cada mês propomos uma demonstrando que “aprender é divertido”!
tarde de magia para toda a família, onde se abre Informações pelo tel.:214643670.
o grande leque dos sonhos e das emoções… CENTRO DE INTERPRETAÇÃO AMBIENTAL
Para crianças a partir dos 4 anos, pais e avós. DA PONTA DO SAL
Inscrições pelo tel.:214481970 – ext. 4413 Domingo das 15h às 18h00
(Ana Margarida Antunes ou Sílvia Nascimento) Organização: C.M. Cascais e Núcleo Interactivo
BIBLIOTECA MUNICIPAL DE CASCAIS de Astronomia
S. DOMINGOS DE RANA
Sábado às 15h00
23 de Fevereiro
O Novo Cozinheiro
12 e 19 de Janeiro No dia em que entra ao serviço, o novo cozi-
Violinos em festa nheiro tem que preparar uma sobremesa muito
Ateliers orientados por um animador, durante especial e com ele vamos ficar a conhecer os
os quais os participantes através de jogos e utensílios de cozinha, aprender a ter cuidado
actividades diversas, descobrem um pouco com o fogo e ajudá-lo a identificar os ingredien-
No início de mais um ano, as bibliotecas e museus municipais continuam a dedicar uma im- mais acerca do violino e de como se toca numa tes de um delicioso arroz doce, recorrendo aos
orquestra. Inscrições > 5 euros, até 5 dias antes nossos cinco sentidos.
portante fatia da sua actividade às crianças e jovens, sobretudo em contexto escolar. Logo em
pelo tel.:214815924. Actores: Nuno Theias e Victor de Freitas.
Janeiro o Farol Museu de Santa Marta e a Biblioteca Infantil e Juvenil propõem uma CENTRO DE INTERPRETAÇÃO AMBIENTAL Para crianças a partir dos 4 anos.
iniciativa em conjunto, durante a qual as crianças seguirão pistas do Farol até ao Parque Mare- DA PONTA DO SAL Inscrições > 5 euros, pelo tel.: 214674531 ou
chal Carmona, até encontrarem uma história de piratas escondida na biblioteca. Sábado em horário a definir 969073331, entre as 10h e as 17h00.
Organização: C.M. Cascais e Violinos em Festa NO MUNDO DA LUA – CENTRO DE ARTES
A partir de Fevereiro, a Rede de Bibliotecas Municipais apresenta a exposição O Meu Brin- ESTORIL
quedo – a criatividade da criança africana, em colaboração com a OIKOS, no âmbito da Sábado às 16h30
comemoração do Ano Europeu do Diálogo Intercultural. Pretende-se dar a conhecer exemplos 19 e 26 de Janeiro Organização: No Mundo da Lua, centro de artes
de brinquedos construídos a partir de materiais reciclados e da imaginação de muitas crianças O Conto das Histórias
Teatro de actores e bonecos
africanas. A complementar a mostra, será ainda exibido um documentário, seguido de um atelier. Atelier de expressões onde os participantes são
Esta exposição itinerante viaja para São Domingos de Rana em Março, terminando o seu périplo convidados a intervir na construção das histórias
na Biblioteca da Casa da Horta, em Cascais, no mês de Abril. e a dar-lhes forma e voz.
Actores: Nuno Theias e Victor de Freitas.
A Biblioteca da Casa da Horta, que completa sete anos de actividade no dia 25 de Janeiro,
Para crianças a partir dos 4 anos.
propõe um workshop de construção de máscaras nos dias 13 e 20 de Fevereiro, procuran- Inscrições > 5 euros, pelo tel.: 214674531 ou
do contextualizar a origem e história destes elementos cénicos e de fantasia. 969073331, entre as 10h e as 17h00.
NO MUNDO DA LUA – CENTRO DE ARTES
ESTORIL
Sábado às 16h30
Organização: No Mundo da Lua, centro de artes
animação infantil e juvenil 18 | 19

Escolas
A decorrer A decorrer
Caixa de contos | Hora do conto Vida para além dos nossos olhos
Vem conhecer as histórias que irão sair da cai- Com o apoio de uma bióloga, os participantes
xinha da nossa biblioteca, que há muito tempo partem à descoberta da vida marinha, com
era um campo de trigo. recurso a lupas e microscópios, tendo ainda a
Para crianças do ensino pré-escolar e 1º ciclo possibilidade de observar e tocar em algumas
do ensino básico. espécies marinhas.
Inscrições pelo tel.:214481970 – ext. 4413. Para jovens dos 8 aos 14 anos.
BIBLIOTECA MUNICIPAL DE CASCAIS Inscrições de 2ª a 6ª feira, das 10h às 17h00,
S. DOMINGOS DE RANA pelo tel.: 214861377
De 3ª a 6ª feira às 11h00 MUSEU DO MAR – REI D. CARLOS
4ª e 6ª feira das 10h às 12h00
e das 14h às 16h00
A decorrer
Era uma vez um farol…
Através de um conto encenado por dois moni- A decorrer
tores, as crianças vão descobrir como nasce um Estudos de um biólogo marinho
farol, na companhia do marinheiro Joãozinho. Os participantes irão conhecer alguns estudos
Para grupos de crianças do ensino pré-escolar e efectuados por biólogos marinhos no âmbito da
1º e 2º ciclos do ensino básico. conservação das espécies, aprendendo diversos
Inscrições de 3ª a 6ª feira das 10h às 18h00 aspectos relacionados com a idade e cresci-
A decorrer A decorrer pelo tel.: 214815328 ou mento, alimentação, reprodução e comporta-
e-mail: sandra.santos@cm-cascais.pt mento de cada uma. As artes da pesca também
Uma Bailarina na Escola Contos na quinta!
FAROL MUSEU DE SANTA MARTA serão abordadas.
De Aldara Bizarro Quem conta um conto acrescenta um ponto.
4ª feira das 11h às 12h30 e das 15h às 17h00 Para jovens dos 8 aos 14 anos. Inscrições
Pela Companhia Jangada de Pedra Um ponto de exclamação, um ponto de inter-
de 2ª a 6ª feira, das 10h às 17h00, pelo tel.:
Espectáculo/atelier de dança para apresentação rogação, um ponto de luz, um ponto cruz… “truz,
214861377
em escolas do 1º e 2º ciclo, que visa proporcio- truz! Posso entrar? Também um ponto quero
A decorrer MUSEU DO MAR – REI D. CARLOS
nar novas leituras do espectáculo, suscitando acrescentar!” Com origem no Japão no século
a reflexão sobre matérias relacionadas com o XII, o kamishibai fará parte da Hora do Conto! No farol pistas vamos dar, na 4ª e 6ª feira das 10h às 12h00
corpo, enquanto objecto de saber e de sentir Não sabe o que é? Então venha descobrir. Esta biblioteca as vão encontrar e de
diferente do entendimento habitual dado iniciativa está também disponível em inglês e pirata vamos falar
Durante uma visita ao farol, serão dadas pistas A decorrer
no contexto escolar. No final é entregue um em espanhol.
conjunto de propostas relacionadas com o Para grupos escolares do pré-escolar, do 1º e 2º que irão guiar as crianças à biblioteca do parque, Há biodiversidade na
espectáculo para os professores desenvolverem ciclo do ensino básico (uma turma por sessão). onde se esconde uma história de piratas e aven- Ponta do Sal
com os alunos. Inscrições até 3 dias antes da actividade pelo turas. Para grupos escolares dos 5 aos 12 anos. Peddy-paper ao longo do qual os participantes tes-
Duração: 70 minutos | Máximo de 45/50 pax. tel.:214848712. Inscrições de 3ª a 6ª feira das 10h às 18h00 tam os seus conhecimentos em áreas tão diversas
Mais informações e inscrições pelo BIBLIOTECA MUNICIPAL DE CASCAIS pelo tel.: 214815328 ou e-mail: sandra.santos@ como História, Biologia, Geologia, entre outras.
tel.:214577134, 918026432 ou CASA DA HORTA DA QTA DE SANTA CLARA cm-cascais.pt Para crianças dos 7 aos 14 anos, integradas em
e-mail: taniaguerreiro@jangada.pt 5ª feira às 10h30 FAROL MUSEU DE SANTA MARTA E ATL e de escolas do ensino básico do 1º e 2º
Organização: Jangada de Pedra | Apoio: MC BIBLIOTECA MUNICIPAL DE CASCAIS ciclos. Inscrições pelo tel.: 214643670 ou pelo
Instituto das Artes e Centro Cultural de Belém INFANTIL E JUVENIL / PARQUE MARECHAL e-mail: centro.pontadosal@cm-cascais.pt
CARMONA CENTRO DE INTERPRETAÇÃO AMBIENTAL
5ª feira das 10h às 13h00 DA PONTA DO SAL
De 3ª a 6ª feira das 10h às 13h00
ou das 14h às 17h00
animação infantil e juvenil 20 | 21

A decorrer A decorrer 3, 10, 17 e 24 de Janeiro


Vem construir um herbário Peça a peça se cria a obra 7, 14, 21 e 28 de Fevereiro
Os participantes terão a oportunidade de Montagem de puzzles de duas obras do acervo A colecção Michel Giacometti:
conhecer as principais espécies da flora que do museu. Para grupos de crianças do 1º ciclo instrumentos musicais, a música
envolve o Centro de Interpretação Ambiental da do ensino básico. e a tradição
Ponta do Sal, aprendendo a identificá-las e a Inscrições pelo tel.:214815304. Programa que tem como objectivo dar a conhecer
classificá-las quanto à forma da folha e da flor, MUSEU CONDE DE CASTRO GUIMARÃES a colecção Michel Giacometti e o trabalho que
porte, época de floração e cor. De 3ª a 6ª feira das 10h às 12h00 este etnomusicólogo desenvolveu na salvaguarda
Para crianças a partir dos 7 anos. e das 14h às 15h30 da música e da cultura tradicional portuguesa.
Inscrições pelo tel.: 214643670 ou pelo Visita guiada e actividade com a maleta pedagógi-
e-mail: centro.pontadosal@cm-cascais.pt ca, na qual algumas reproduções de instrumentos
CENTRO DE INTERPRETAÇÃO AMBIENTAL A decorrer da colecção podem ser manuseadas e tocadas.
DA PONTA DO SAL O segredo da porcelana chinesa Para crianças do ensino básico.
De 3ª a 6ª feira das 10h às 13h00 As crianças serão convidadas a pintar numa Inscrições pelo tel.:214815902/04.
ou das 14h às 17h00 t-shirt um símbolo presente nas peças de porce- MUSEU DA MÚSICA PORTUGUESA
lana chinesa pertencentes ao acervo do museu. CASA VERDADES DE FARIA
Para grupos de crianças do 1º ciclo do ensino 5ª feira às 10h e às 14h00
A decorrer básico. Inscrições pelo tel.:214815304.
Caça ao tesouro MUSEU CONDE DE CASTRO GUIMARÃES
Encontra o tesouro do Capitão Concha De 3ª a 6ª feira das 10h às 12h00 15 de Janeiro | 12 de Fevereiro
Há muito tempo atrás um barco pirata comanda- e das 14h às 15h30 Conhecer o Sol
do pelo Capitão Concha encalhou na Ponta do Actividade durante a qual os participantes podem
Sal e escondeu o seu tesouro nas redondezas. desenvolver experiências relacionadas com o tema,
Está na hora de o encontrar e contamos contigo A decorrer no âmbito do seu currículo escolar. Para alunos
para nos ajudares. Na biblioteca vamos contar… do ensino básico e secundário. Inscrições pelo
Para crianças do 1º e 2º ciclos do ensino básico. Numa visita à Biblioteca Infantil e Juvenil tel.:214643670 ou e-mail: geral@nuclio.pt.
Inscrições pelo tel.: 214643670 ou pelo surpreendemo-nos com um “castelo amarelo”. CENTRO DE INTERPRETAÇÃO AMBIENTAL
e-mail: centro.pontadosal@cm-cascais.pt Marcamos encontro com uma “fera” muito DA PONTA DO SAL
CENTRO DE INTERPRETAÇÃO AMBIENTAL gulosa, que nos dá bons conselhos, mas per- De 3ª a 6ª feira das 9h às 10h30, das 11h
DA PONTA DO SAL demo-nos no imaginário do livro de “rimas” e já às12h30, das 14h às 15h30 ou das 16h às 17h30
De 3ª a 6ª feira das 10h às 13h00 não sabemos “que horas são”? Estas e muitas Org.: C.M. Cascais e Núcleo Interactivo Astronomia
ou das 14h às 17h00 outras histórias, na biblioteca vamos contar…
Organização: C.M. Cascais e ISCE Para o público escolar a partir dos 3 anos.
Inscrições de 3ª a 6ª feira das 9h30 às 17h30 15, 22 e 29 de Janeiro
pelo tel.:214815326/7 12, 19 e 26 de Fevereiro
A decorrer BIBLIOTECA MUNICIPAL DE CASCAIS Descobrir a música através de
Os sapatos do conde INFANTIL E JUVENIL / PARQUE MARECHAL Lopes-Graça
Teatro de fantoches em que, de uma forma CARMONA Sessões didácticas de música ao vivo realizadas
lúdica, se pretende dar a conhecer a figura do De 2ª a 6ª feira das 10h às 17h00 em colaboração com solistas da Orquestra de
conde Manuel de Castro Guimarães. Câmara de Cascais e Oeiras, sob a coordenação
Para grupos de crianças do pré-escolar e do pedagógica do maestro Nikolay Lalov. Orien-
ensino básico. Inscrições pelo tel.:214815304. Datas a definir tados pelos textos deixados pelo compositor
MUSEU CONDE DE CASTRO GUIMARÃES Workshop – tubarões em risco Lopes-Graça, vamos descobrir a música e os
De 3ª a 6ª feira das 10h às 12h00 Serão abordados os aspectos gerais da biologia compositores que ele mais admirava, ouvir as
e das 14h às 15h30 dos tubarões e raias, as características das suas obras e conhecer os instrumentos musicais.
diferentes espécies e os perigos que têm que Dia 15 – Quinteto de sopros
enfrentar. Dias 22 e 29 – Quarteto de cordas
Inscrições de 2ª a 6ª feira das 10h às 17h00 Para crianças do ensino básico.
pelo tel.:214861377. Inscrições pelo tel.:214815902/04.
MUSEU DO MAR – REI D. CARLOS MUSEU DA MÚSICA PORTUGUESA
Das 10h às 12h00 CASA VERDADES DE FARIA
3ª feira às 10h e às 14h00
Organização: C.M. Cascais e OCCO
animação infantil e juvenil 22 | 23

Serviço Cultural e Educativo


da Fundação D. Luís I Centro Cultural de Cascais
Programa Integrado de Actividades Lúdicas, Artísticas e Culturais

17 de Janeiro | 14 de Fevereiro Em Fevereiro Informações e marcações de 2ª a 6ª feira entre as 9h30 e as 13h00 pelo tel.: 214848902
Conhecer a Terra em outros O meu brinquedo - a criatividade Outros contactos: sce.ccc@gmail.com | www.servicoeducativo-escolacriativa-cascais.com
planetas da criança africana
Para alunos do ensino básico e secundário. No Ano Europeu do Diálogo Intercultural e Ano
Inscrições pelo tel.:214643670 ou e-mail: Internacional do Planeta Terra, a Rede de Bi-
geral@nuclio.pt. bliotecas de Cascais, em parceria com a OIKOS,
CENTRO DE INTERPRETAÇÃO AMBIENTAL apresenta uma exposição que dá a conhecer
DA PONTA DO SAL um mundo de brinquedos construídos com
De 3ª a 6ª feira das 9h às 10h30, materiais reciclados, engenho e imaginação. É
das 11h às12h30, das 14h às 15h30 também possível assistir a um documentário
ou das 16h às 17h30 que foca esta realidade e participar num atelier.
Org.: C.M. Cascais e Núcleo Interactivo Astronomia Em Março, a exposição estará em S. Domingos
de Rana e em Abril na Casa da Horta da Quinta
de Santa Clara.
Inscrições com um mês de antecedência pelo
De 28 de Janeiro a 1 de Fevereiro tel.:214815326.
Comenius – castelos e palácios, BIBLIOTECA MUNICIPAL DE CASCAIS
histórias e lendas INFANTIL E JUVENIL / PARQUE MARECHAL
No âmbito da representação de Portugal na CARMONA
Rede ENIS (European Network Innovative 2ª feira das 14h30 às 17h30
Schools), através da escola secundária Frei De 3ª a 6ª feira das 9h30 às 17h30
Gonçalo de Azevedo, será apresentada uma Sábado das 10h às 13h00 e das 14h às 17h30
exposição de trabalhos elaborados pelos alunos Organização: C.M. Cascais e OIKOS
sobre o património histórico do nosso concelho.
Informações pelo tel.: 214481970 - ext 4403. AconteSer ATELIERS
BIBLIOTECA MUNICIPAL DE CASCAIS 3 de Fevereiro O Serviço Cultural e Educativo da Fundação Espaços de experimentação e construção que
S. DOMINGOS DE RANA Domingo Gordo D. Luís I – Centro Cultural de Cascais tem como promovem novas leituras do mundo e diferentes
2ª feira das 13h às 19h00 Tarde infantil de Carnaval. objectivo incentivar o diálogo entre a Educação formas de sentir.
3ª a 6ª feira das 10h às 19h00 Informações pelo tel.: 214566653. e a Cultura e promover a criatividade de forma
Organização: Escola Secundária Frei Gonçalo SOCIEDADE RECREATIVA E MUSICAL DE a contribuir para o desenvolvimento integral do 3, 10, 12 e 17 de Janeiro
Azevedo | Apoio: C.M. Cascais CARCAVELOS indivíduo. Expressão Plástica
Domingo às 15h30 O Ser que acontece em construção é o tema A partir da Exposição de pintura de Manuel
Organização: Sociedade Recreativa e Musical para este ano lectivo, numa perspectiva de re- Amado
Em Fevereiro de Carcavelos | Apoio: C.M. Cascais flexão educativa, com as questões emergentes da Orientação: Equipa do Serviço Cultural e
O Rei do Mar Identidade, da Ética, do Humanismo, da Respon- Educativo – Isabel Santiago e Joana Barroso
Espectáculo de teatro com actores e marionetas sabilidade, da Liberdade, da Contemporaneidade. Instituições: crianças a partir dos 3 anos
Espectáculo que aborda a vida e obra de 13 e 20 de Fevereiro A importância de si numa provocação à vontade Max. 25 pax. | Gratuito
D. Carlos, rei profundamente ligado a Cascais e Workshop de Máscaras de Ser… Famílias: dos 4 aos 12 anos | Max. 15 pax.
ao mar. Inscrições de 2ª a 6ª feira, das 10h às A técnica da máscara baseia-se nas tradições do 2,5 euros por pax.
17h00, pelo tel.: 214861377 teatro grego e da Comédia dell’Arte. Ao longo do CENTRO CULTURAL DE CASCAIS
MUSEU DO MAR – REI D. CARLOS século XX, o seu uso conheceu diversas escolas 5ª feira das 10h às 12h00 e das 14h às 16h00
Das 10h às 12h00 e usos. É com base na sua história e no simbo- Sábado das 15h às 17h00
lismo da máscara na tradição portuguesa que
iremos dar a conhecer as bases de construção
de uma máscara, sua origem e percurso.
Para crianças do 1º e 2º ciclo do ensino básico.
Inscrições até 3 dias antes pelo tel.:
214848712.
BIBLIOTECA MUNICIPAL DE CASCAIS
CASA DA HORTA DA QTA DE SANTA CLARA
4ª feira às 10h30
animação infantil e juvenil 24 | 25

PERCURSOS PARA OS PAIS . . . ESPAÇO DE 8, 15, 22 e 29 de Janeiro


Curso de sensibilização à
LÚDICOS UM ESPAÇO DE REFLEXÃO filosofia para crianças
As sessões têm por objectivo apresentar os
Pequenas viagens que permitem descobrir,
experimentar e realizar coisas sempre novas e PARTILHA FORMAÇÃO traços gerais da Filosofia para Crianças tal como
foi concebida por Mathew Lipman. Pretende-se
diferentes. Construir o desafio de nos encontrarmos em Numa linha de desenvolvimento centrada no
nós e nos outros. Um espaço que se enraíza indivíduo e no seu percurso pessoal e profis- dar um conhecimento geral sobre a metodo-
com o sentido de crescer…partilhando. sional que se quer auto-formativo a actuante, o logia de Filosofia para Crianças, alguns dos
31 de Janeiro Projecto Escola Criativa e o Serviço Cultural e seus pilares teóricos (Facilitador, Comunidade
7, 14 e 21 de Fevereiro Educativo propõem um conjunto de actividades de Investigação, etc.) e o modo como se vive o
Expressão Plástica 5 de Janeiro formativas e de momentos de partilha. programa pedagógico na prática. Alem disso, a
A partir da exposição de Manuela Lopes Atelier de expressão plástica sensibilização tem por objectivo mostrar como
a Filosofia para Crianças pode participar na
Instalação Retrato e auto-retrato
Orientação: Equipa do Serviço Cultural e A decorrer até Maio contínua necessidade de repensar alguns dos
Orientadora: Elisa Marques.
Educativo – Isabel Santiago e Joana Barroso Dança para não profissionais pontos fundamentais da educação e da prática
Famílias: dos 4 aos 12 anos e adultos
Instituições: crianças a partir dos 3 anos Atelier de continuidade filosófica.
Max: 15 pax. | 2,5 euros por pax.
Max. 25 pax. | Gratuito A partir do encontro da dança com outras Orientadora: Dina Mendonça | 75 euros por pax.
CENTRO CULTURAL DE CASCAIS
CENTRO CULTURAL DE CASCAIS linguagens artísticas iremos construir um espaço CENTRO CULTURAL DE CASCAIS
Sábado das 10h às 10h45
5ª feira das 10h às 11h30 e das 14h às 15h30 de exploração, experimentação e composição 3ª feira das 17h às 19h00
coreográfica. Pretende-se possibilitar o desen-
26 de Janeiro volvimento de rotinas de movimento através
22 e 29 de Janeiro | a confirmar
Atelier de Dança Criativa de técnicas específicas da dança e proporcio-
nar espaços de exploração – pensamento e O Ser que acontece em
ESPECTÁCULOS E Orientadores: Margarida Pinto Coelho e Aldara
Bizarro improvisação. construção – que desafios?
Orientadoras: Aldara Bizarro e Margarida Pinto (Com)vivências
ANIMAÇÕES Famílias: Bebés até aos 12 meses e adultos
Max: 15 pax. | 2,5 euros por pax. Coelho Um espaço de reflexão e discussão sobre o
Momentos de recreação e partilha cultural Para maiores de 20 anos | 150 euros por ano Ser que acontece em construção, no mundo
CENTRO CULTURAL DE CASCAIS
capazes de provocar continuidade de vivências e CENTRO CULTURAL DE CASCAIS contemporâneo.
Sábado das 10h às 10h45
renovação dos olhares. 4ª feira das 18h30 às 20h30 Intervenientes a definir posteriormente.
Max. 60 pax. | gratuito
CENTRO CULTURAL DE CASCAIS
9 de Fevereiro
27 e 28 de Fevereiro 5ª feira às 21h00
Atelier de expressão plástica
Desenhar uma Sinfonia
Pela Orquestra de Câmara de Cascais e Oeiras
Histórias e Pintura
Orientadora: Elisa Marques.
Obras de A. Vivaldi, G. P. Telemann, A. Corelli,
Famílias: dos 4 aos 12 anos e adultos
C. Saint-Säens, entre outros.
Max: 15 pax. | 2,5 euros por pax.
Instituições – a partir dos 3 anos
CENTRO CULTURAL DE CASCAIS
Max. 100 pax. | 30 euros por turma
Sábado das 10h às 10h45
CENTRO CULTURAL DE CASCAIS
4ª e 5ª feira das 10h30 às 11h30
e das 14h30 às 15h30
colóquios, conferências e cursos 26 | 27

colóquios, conferências
e cursos
Colóquios Conferências
Organização: C.M. Cascais e Civitas Cascais

No âmbito da exposição As Grandes Nave-


gações Chinesas, patente na Casa de
Santa Maria, entre 16 de Fevereiro e 16 de
Março, numa organização conjunta da Câmara
Municipal de Cascais, da Embaixada da China
e do Observatório da China, está também pre-
visto um ciclo de conferências, abordando te-
mas como “Novos Mares, Novas Terras, Novas
Gentes – as Rotas da Seda”, pelo historiador
Rui D’Ávila Lourido, no dia 15 de Fevereiro; “A
História e a navegação contra a mistificação”
pelo mestre Jin Guo Ping e pelo comandante
> Eça de Queiroz
Malhão Pereira, no dia 22 de Fevereiro; e “Chi-
No dia 7 de Fevereiro, a Biblioteca Municipal 7 de Fevereiro na-Europa, Portugal e os desafios da globali-
de Cascais – S. Domingos de Rana acolhe Jornada Queirosiana zação actual e futura”, pelo Prof. Doutor Mário
Inscrições pelo tel.:214481970 - ext. 4403/04. Murteira, no dia 14 de Março.
uma Jornada Queirosiana, com duas con-
BIBLIOTECA MUNICIPAL DE CASCAIS
ferências a cargo do arquitecto Alfredo Cam- S. DOMINGOS DE RANA 19 de Janeiro
pos Matos, autor do Dicionário de Eça Queiroz, 5ª feira às 11h e às 15h00
Alterações globais e
bem como de diversos estudos sobre o escritor Organização: C.M. Cascais e
Fundação Eça de Queiroz desenvolvimento sustentável
português. Nesta Jornada, assinalando o cen- ASTRONOMIA EM CRESCENTE
tenário do regicídio, será destacada a relação Numa altura em que tomamos consciência, à es-
9 de Fevereiro cala global, das terríveis consequências da acção
entre o rei D. Carlos I e Eça de Queiroz, este
do Homem no meio-ambiente, sobretudo nas
último um elemento d’Os Vencidos da Vida, Reflexão sobre a Cidadania
últimas décadas, é altura de enfrentar o desafio
e Direitos Humanos e procurar um desenvolvimento sustentável, que
grupo formado por intelectuais da vida cultural
Informações pelo tel.:214481970 – ext. salvaguarde a “saúde” do nosso planeta azul.
portuguesa, que viram com esperança a subida 4403/04. Conferencista: Filipe Duarte dos Santos
de D. Carlos ao trono, após a morte de D. Luís. BIBLIOTECA MUNICIPAL DE CASCAIS
A seguir à conferência terá lugar uma sessão de
Dois dias mais tarde, no mesmo local, terá lugar S. DOMINGOS DE RANA
autógrafos do mais recente livro de Filipe Duarte
Sábado das 15h às 18h00
o Encontro de Juventude na Freguesia dos Santos, intitulado Que Futuro? e integrado
na colecção Ciência Aberta, da editora Gradiva.
de S. Domingos de Rana, um espaço de
Informações pelo tel.:214643670.
reflexão sobre a cidadania e os direitos hu- CENTRO DE INTERPRETAÇÃO AMBIENTAL
manos, organizado pela CIVITAS de Cascais, DA PONTA DO SAL
Sábado às 21h30
que envolverá figuras públicas nacionais e
Organização: Núcleo Interactivo de Astronomia
individualidades representativas das áreas da Apoio: C.M. Cascais
pedagogia/didáctica, política e música.
colóquios, conferências e cursos 28 | 29

Cursos
15 e 22 de Fevereiro
14 de Março
A China de Ontem e de Hoje
No âmbito da exposição As Grandes Viagens
Marítimas da China.
Informações pelo tel.:214815382.
CASA DE SANTA MARIA
6ª feira às 18h00
Org.: C.M. Cascais e Observatório da China

PROGRAMA

15 de Fevereiro
Novos Mares, Novas Terras,
Novas Gentes: as rotas da Seda
Conferencista: Rui d’Ávila Lourido, Presidente do
Observatório da China.

22 de Fevereiro
A História contra a Mistificação
Conferencista: Mestre Jin Guo Ping, historiador A decorrer A decorrer
A Navegação contra a Mistificação Oficina de Desenho Expressão Dramática
Comandante Malhão Pereira, membro da Atelier que visa aperfeiçoar as aptidões para a Neste atelier os participantes podem
Academia da Marinha prática do desenho através de exercícios. desenvolver a expressão corporal, a voz e o
Monitor: Nuno Theias. Para crianças dos 8 reconhecimento do espaço, num jogo dramático
14 de Março aos 12 anos, dos 12 aos 16 anos, adultos e de carácter lúdico, encontrando o prazer da
China-Europa, Portugal e os desafios da seniores. Mensalidade: 40 euros. comunicação teatral através do jogo dramático
globalização actual e futura Inscrições pelo tel.: 214674531 ou 969073331, alargando a compreensão do espaço que nos
Prof. Doutor Mário Murteira entre as 10h e as 17h00. rodeia. Monitor: Victor de Freitas.
NO MUNDO DA LUA | CENTRO DE ARTES Para crianças dos 8 aos 12 anos, dos 12 aos 16
6ª feira das 18h às 19h30 anos e seniores. Mensalidade: 40 euros.
16 de Fevereiro Organização: No Mundo da Lua, centro de artes Inscrições pelo tel.: 214674531 ou 969073331,
O gelo polar e as alterações entre as 10h e as 17h00.
NO MUNDO DA LUA | CENTRO DE ARTES
climáticas ESTORIL
A decorrer
ASTRONOMIA EM CRESCENTE
Curso de Retrato 5ª feira das 18h às 19h30
A palestra terá como temas centrais a diversi-
Adquirir técnica, confiança e sensibilidade para Organização: No Mundo da Lua, centro de artes
dade dos gelos polares e a sua importância no
equilíbrio do sistema da Terra, bem como a sua retratar, em exercícios de desenho à vista, cópias
influência nas alterações climáticas. de fotografias e de criação pessoal, permitindo
desenvolver as noções de volume e forma, A decorrer
Conferencista: Gonçalo Vieira.
Informações pelo tel.:214643670. proporções, luz e sombra. Serão realizados Cursos de desenho e pintura
CENTRO DE INTERPRETAÇÃO AMBIENTAL trabalhos a carvão, lápis de cor e a óleo. Cursos de 3 ou 6 horas semanais.
DA PONTA DO SAL Mensalidade: 50 euros – 4 aulas Para maiores de 18 anos ou com equivalência
Sábado às 21h30 90 euros – 8 aulas. ao 12º ano. Orientação: Henrique Reis, pintor.
Organização: Núcleo Interactivo de Astronomia Inscrições pelo telm.:914965373 Informações e inscrições pelo telm.:919621714.
Apoio: C.M. Cascais ATELIER TRASSOVIVO | CARCAVELOS ATELIER HR | CASCAIS
2ª e 5ª feira das 19h30 às 21h00 ou De 2ª a 6ª feira das 15h às 18h00
em horário a combinar De 2ª a 5ª feira das 20h às 22h00
Organização: Filipa Sabrosa De 3ª a 6ª feira das 10h30 às 13h30
Organização: Atelier HR
colóquios, conferências e cursos 30 | 31

A decorrer A decorrer A decorrer


Cursos da Escola de Artes de Ateliers na Academia Sénior Cursos Livres na Academia de
Cascais Danças de Salão e Ritmos Latinos Artes e Restauro
Pintura – Mestre Luís Guimarães (iniciados) – 2ª feira das 18h às 20h00 Desenho e Pintura: Cursos de desenvolvi-
2ª feira das 14h30 às 17h30 > 30 euros mento e/ou aperfeiçoamento dos conhecimen-
Programa de auto-descoberta Yoga – 2ª feira das 18h30 às 19h30 tos básicos de desenho, incluindo introdução
Método de Prem Rawat – Maria Teresa Salema > 25 euros às técnicas do desenho, à teoria das cores e
2ª feira das 19h às 20h00 Oficina de Teatro – 2ª feira das 18h30 às técnicas de pintura, abordando temas como a
Temas de História de Arte 19h30 > 25 euros natureza morta, o corpo humano, a paisagem, a
Prof. Doutor Fernando A. Baptista Pereira Sevilhanas (níveis I e II) – Prof.ª Isabel Blanco perspectiva, etc.
3ª feira das 18h às 20h00 – 4ª feira das 18h30 às 20h30 Orientação: Joaquim Marques, pintor.
Escrita Criativa (iniciação) > 35 euros Mensalidade: 110 euros (duas aulas semanais
Prof. Doutor Luís Filipe Sarmento Flamenco (avançados) – 5ª feira das 17h30 de duas horas) e inscrição > 25 euros
4ª feira das 18h às 20h00 às 19h30 > 35 euros Pintura, Pintura Decorativa, Desenho,
Quirologia e outras técnicas de auto- Flamenco (iniciados) – 5ª feira das 19h30 às Douragem, Porcelana e Restauro de Arte
conhecimento – Prof. Dr. José Medeiros 21h00 > 35 euros Acompanhamento personalizado em qualquer
4ª feira das 18h00 às 20h00 Cavaquinho – 6ª feira das 14h às 15h00 uma das áreas leccionadas. A duração dos
Literatura e Criação > 30 euros cursos depende do ritmo de aprendizagem e
Prof. Doutor Luís Filipe Sarmento Guitarra eléctrica – 6ª feira das 18h às dos objectivos de cada aluno, desde um grau
5ª feira das 18h às 20h00 19h00 > 30 euros de iniciação até a um nível de aperfeiçoamento.
Informações sobre preços e inscrições pelo Viola de fado – 6ª feira das 17h às 18h00 Orientação: Claudete Soares. Mensalidade: 110
telm.:916770777 (Maria Teresa Salema) > 30 euros euros (duas aulas semanais de duas horas) e
CASA DE SANTA MARIA Guitarra clássica – 6ª feira das 19h às inscrição > 25 euros
Organização: Escola de Artes de Cascais 20h00 > 30 euros Iniciação ao restauro de madeiras: teoria
Apoio: C.M. Cascais Inscrições > 15 euros, pelo tel.: 214570924. e prática (primeiro módulo)
Seguro anual obrigatório > 10 euros. Orientação: Nuno Cunha | Duração: 6 meses
CRUZ VERMELHA PORTUGUESA Mensalidade: 125 euros (duas aulas semanais
A decorrer NÚCLEO DA COSTA DO ESTORIL de duas horas) e inscrição > 50 euros
Atelier de pintura Organização: Academia Sénior Inscrições ao longo de todo o ano pelo tel.:
Curso básico para principiantes. Técnicas 214844073 ou 914226288.
avançadas de texturas, colagens, assemblagens ACADEMIA DE ARTES E RESTAURO
A decorrer CASCAIS
e abstractos.
Coordenação: Edna de Araraquara e Zé Cordeiro Curso de iniciação ao desenho, Desenho e Pintura: 3ª, 5ª e 6ª feira
Mensalidade: 80 euros (duas aulas semanais de pintura, mosaico e azulejo das 11h às 13h00 ou das 15h às 17h00
duas horas ou uma aula de quatro horas) Orientação: Salomé Soares e José Martins. 4ª feira das 16h às 19h00
Inscrições > 50 euros pelo tel.:214578019 ou Para jovens e adultos. Informações pelo tlm.: Restauro de madeiras: horário a combinar
e-mail: zednarte@netcabo.pt 933295561 ou 214673982 Outros Cursos: De 3ª a 6ª feira das 11h às
ATELIER DOS ARTISTAS PLÁSTICOS DE S. PEDRO DO ESTORIL| MURTAL 13h00, das 15h às 17h00 e das 18h às 20h00
CARCAVELOS De 2ª a 6ª feira das 19h às 20h30 Sábado das 11h às 13h00 e das 15h às 19h00
3ª, 5ª feira e sábado em horário a combinar Sábado das 10h às 13h00 Organização: Academia de Artes e Restauro /
Organização: Associação dos Artistas Plásticos Organização: Salomé Soares Atelier-Oficina António Reis
de Carcavelos
colóquios, conferências e cursos 32 | 33

A decorrer 12 e 19 de Janeiro
Dança africana guineense Atelier de realização plástica
Venha aprender as danças tradicionais da Guiné Este atelier tem como objectivo transmitir
com o Grupo Ballet Manbôf da Associação dos competências técnicas sobre diferentes mate-
Filhos e Amigos da Ilha de Jeta! riais (alginato, poliuretanos e látex), utilizando os
Para jovens dos 10 aos 20 anos. métodos e ferramentas adequados.
Inscrições pelo telm:966105398 Actores: Nuno Theias.
(Sr. Tomé Correia). Para educadores, monitores, profissionais das
ESCOLA SECUNDÁRIA DE S. JOÃO artes plásticas e do espectáculo e interessados
DO ESTORIL em geral a partir dos 16 anos.
Domingo das 14h às 18h00 Inscrições > 70 euros (2 sessões),
Organização: Grupo Ballet Manbôf da pelo tel.: 214674531 ou 969073331,
Associação dos Filhos e Amigos da Ilha de Jeta entre as 10h e as 17h00.
NO MUNDO DA LUA – CENTRO DE ARTES
Sábado das 10h às 13h00
A decorrer Organização: No Mundo da Lua, centro de artes
Ateliers na Oficina do Desenho
Atelier de Artes Plásticas – Aulas práticas
de desenho e pintura com assistência personali- 2, 9, 16 e 23 de Fevereiro
zada, dirigidas a maiores de 16 anos. 1, 8, 22 e 29 de Março
Propina: caderneta de 10 sessões de 2 horas Curso de Astronomia
A decorrer cada – 135 euros Acção de formação destinada a utilizadores de
Oficinas Criativas da Curso de desenho e pintura – Curso telescópios com pouca experiência prática de
Margarida’s School composto por 3 fases: iniciação – 18 módulos; observação, ou a amadores que queiram saber
Crazy Art, Hospital da Moda, Artes Decorativas, complementar – 12 módulos; prova de artista mais sobre o Universo que nos rodeia. Pretende-
Ateliers de Reciclagem e Fábrica de Brinquedos – 6 módulos. Propina: caderneta de 10 aulas de -se ao mesmo tempo reunir conhecimentos
Coordenação: Margarida’s School. 2 horas cada – 135 euros. e experiências que lhes permitam observar a
Informações sobre preços, horários e inscrições Coordenação: Rui Aço. Inscrições > 20 euros, esfera celeste de uma forma mais proveitosa e
pelo tel.:214681571 pelo tel.: 214832293 ou 963099972 ou e-mail: gratificante.
ou e-mail: margaridaschool@netcabo.pt oficinadodesenho@mail.telepac.pt Orientação: Hugo Silva e Rosa Doran
PÁTIO DAS ARTES | ESTORIL OFICINA DO DESENHO | CASCAIS Inscrições > 100 euros pelo
De 2ª feira a sábado em horários a combinar Atelier de Artes Plásticas – De 2ª a 5ª feira e-mail: geral@nuclio.pt
Org.: Pátio das Artes | Margarida’s School das 11h às 13h00, das 16h às 18h00 ou das Max. 20 pax.
18h30 às 20h30 CENTRO DE INTERPRETAÇÃO AMBIENTAL
Curso de Desenho e Pintura – De 2ª a 5ª feira DA PONTA DO SAL
A decorrer das 11h às 13h00, das 16h às 18h00 ou das Das 15h às 18h00 e das 21h às 23h00
18h30 às 20h30 Organização: Núcleo Interactivo de Astronomia
Chocolate Saúde com Prazer
Organização: Oficina do Desenho
Cursos de cozinha e pastelaria teórica,
prática e prova.
Inscrições > 60 euros, pelo tel.:214680808.
Mais informações em: www.desenhabitado.pt
ESPAÇO DESENHABITADO
MONTE ESTORIL
Das 18h30 às 21h00
Organização: Desenhabitado
desporto 34 | 35

desporto
Cascais Activo é Desporto para Todos Cascais Activo é Desporto na Escola
Informações pelo tel.:214825581 ou e-mail: cascais.activo@cm-cascais.pt Informações pelo tel.:214825556 ou e-mail: cascais.activo@cm-cascais.pt

> Parque Natural Sintra-Cascais

19 de Janeiro | 16 de Fevereiro 11 de Janeiro 30 de Janeiro


Passeio de BTT Torneio de Ténis Torneio do Jogo do Mata | final
É obrigatória a utilização de bicicletas BTT, Infantis e iniciados. PAVILHÃO DESPORTIVO DOS LOMBOS
capacete, luvas, cotoveleiras e joalheiras bem CLUBE DE TÉNIS DO ESTORIL
como pequenas ferramentas e uma câmara-de- Organização: Escola Secundária de S. João do
ar suplente. Para maiores de 14 anos. Estoril e Escola Básica 2+3 de Alcabideche 11 de Fevereiro
PONTO DE ENCONTRO: Cascais Pong – torneio de ténis
CAPELA DA MALVEIRA DA SERRA de mesa | poule ocidental
Sábado às 9h00 14 de Janeiro
COMPLEXO DESPORTIVO DE ALCABIDECHE
Organização: C.M. Cascais e Fura-Trilhos Torneio de Ténis Organização: Escola Secundária Ibn Mucana
Juvenis e juniores.
CLUBE DE TÉNIS DO ESTORIL
20 de Janeiro | 17 de Fevereiro Organização: Escola Secundária de S. João do 13 de Fevereiro
Passeio Pedestre Estoril e Escola Básica 2+3 de Alcabideche
Cascais Pong – torneio de ténis
pequenas rotas de mesa | poule oriental
Passeios com a duração média de 3 horas e COMPLEXO DESPORTIVO DE SÃO
níveis de dificuldade técnica e esforço físico 22 de Janeiro
DOMINGOS DE RANA
acessíveis a todos. O participante deve levar Torneio do Jogo do Mata Org.: Escola Secundária Frei Gonçalo Azevedo
calçado e roupa adequados, água e merenda. poule oriental
Para maiores de 12 anos. PAVILHÃO DESPORTIVO DOS LOMBOS
PONTO DE ENCONTRO: CAPELA DA 28 de Fevereiro
MALVEIRA DA SERRA
Cascais Pong – torneio de ténis
Domingo às 9h30 24 de Janeiro
Organização: C.M. Cascais e Associação de
de mesa | final
Torneio do Jogo do Mata COMPLEXO DESPORTIVO DE ALCABIDECHE
Desportos Desnível poule ocidental Organização: Escola Secundária Ibn Mucana
PAVILHÃO DESPORTIVO GUILHERME
PINTO BASTO
desporto 36 | 37

Desportos Outras De 10 a 12 de Janeiro


Taça dos Clubes de Campeões
3 de Fevereiro
25ª edição dos 20km de Cascais
Náuticos Actividades Europeus de Corfebol
Europa Cup 2008.
Informações em: www.ccdcascais.pt ou www.
cm-cascais.pt
Informações em: www.fpcorfebol.pt BAÍA DE CASCAIS
De 10 a 12 de Janeiro, o Pavilhão Desportivo PAVILHÃO DESPORTIVO DOS LOMBOS Organização: CCD Pessoal Município de Cascais
dos Lombos irá receber a Taça dos Clubes CARCAVELOS e C.M. Cascais
Campeões Europeus de Corfebol, envol- Organização: Federação Portuguesa de Corfebol
Núcleo de Corfebol de Benfica
vendo a participação de oito clubes. Portugal
16 de Fevereiro
está representado pelo Núcleo de Corfebol do Ginástica - Torneio por aparelhos
Benfica, estando a organização da iniciativa a De 12 a 13 de Janeiro Informações em: www.aglisboa.home.sapo.pt.
cargo da Federação Portuguesa de Corfebol. IV Ori BTT – Taça de Portugal COMPLEXO DESPORTIVO DE
de Orientação em BTT S. DOMINGOS DE RANA
O Corfebol é um desporto jogado à mão, num Organização: Associação de Ginástica de Lisboa
Informações em: www.cpoc.pt
campo rectangular, no qual uma equipa de qua- VALE CAVALOS
tro homens e quatro mulheres tenta lançar uma Org.: Clube Português de Orientação e Corrida
16 e 17 de Fevereiro
bola para dentro de um cesto. As principais
XIII Meeting Internacional
características deste desporto incluem todo o do Estoril
2 de Fevereiro
tipo de aptidões, jogo cooperativo e contacto Troféu de Atletismo Esta é a mais importante iniciativa desportiva de
físico controlado, constituindo a única modali- Natação pura que se realiza no concelho.
Quilómetro Jovem
Informações em: www.anatl.pt
dade colectiva mista. No concelho de Cascais Informações em: www.cm-cascais.pt
COMPLEXO DE PISCINAS DE ALAPRAIA
De 7 a 10 de Fevereiro existe uma equipa federada ligada à Escola Se- CASCAIS – PARADA
ESTORIL
XV Troféu Príncipe Henrique, cundária de Carcavelos. Organização:
o navegador Dias 16 e 17 de Fevereiro realiza-se no Com- De 2 a 3 de Fevereiro
Vela.
Informações em www.cncascais.com plexo de Piscinas de Alapraia, o XIII Meeting Jogos das Empresas
17 de Fevereiro
Informações em: www.jogosempresas.com
BAÍA DE CASCAIS Internacional do Estoril, a mais importante Troféu de Atletismo – Grande
VÁRIOS LOCAIS
Organização: Clube Naval de Cascais competição de Natação pura que tem lugar no Organização: Xistarca Prémio de Atletismo Monte Real
concelho de Cascais, numa organização da As- Informações em: www.cm-cascais.pt
SÃO DOMINGOS DE RANA
De 21 a 24 de Fevereiro sociação de Natação de Lisboa apoiada pela
De 2 a 6 de Fevereiro Org.: C.M. Cascais e Desportivo Monte Real
XIII Troféu S.A.R. Rey D. Juan Câmara Municipal de Cascais, Junta de Turismo
Estoril Foot
Carlos I – Classe Dragão da Costa do Estoril e Associação dos Bombei- Informações em: www.desportonalinha.com
Vela. 23 e 24 de Fevereiro
ros Voluntários dos Estoris. VÁRIOS LOCAIS
Informações em www.cncascais.com Rooke Fitness
Organização: Grupo Desportivo Estoril Praia
BAÍA DE CASCAIS Ginástica.
Organização: Clube Naval de Cascais Informações em: www.aglisboa.home.sapo.pt.
3 de Fevereiro PAVILHÃO DESPORTIVO DOS LOMBOS
Atletismo – Rapidinha Organização: Associação de Ginástica de Lisboa
Informações em: www.lisbon-marathon.com
Organização: CCD Pessoal Município de Cascais
e C.M. Cascais 23 e 24 de Fevereiro
Torneio de abertura de ginástica
acrobática
Ginástica.
Informações em: www.gympor.com
PAVILHÃO GUILHERME PINTO BASTO
Org.: Federação de Ginástica de Portugal
exposições 38 | 39

exposições

A decorrer até 13 de Janeiro A decorrer até 31 de Agosto


Mar e Música (Pintura) Come, Come, Come into my
Exposição antológica de Laura Cesana, world
dedicada ao mar e à música. A pintora, cuja A partir de uma selecção de obras – ainda
obra está representada em diversas colecções não apresentadas – da sua colecção, a Ellipse
nacionais e estrangeiras, é também autora do Foundation expõe trabalhos de Douglas Gordon,
livro Vestígios Hebraicos em Portugal – Viagem Dan Graham, Joseph Kosuth, Gabriel Orozco,
de uma pintora. Raymond Pettibon, Richard Prince, Thomas
Informações pelo tel.: 214848900. Schütte, Alan Sekula, entre outros.
CENTRO CULTURAL DE CASCAIS Curador: Andrew Renton
De 3ª feira a domingo das 10h às 18h00 Informações pelo tel.: 214691806
Organização: Fundação D. Luís I ou info@ellipsefoundation.com.
ELLIPSE FOUNDATION | ALCOITÃO
De 6ª feira a domingo das 11h às 18h00
A decorrer até 20 de Janeiro Organização: Ellipse Foundation
Pintura
Exposição de pintura de Manuel Amado
“Manuel Amado trabalha não com a realidade De 7 a 26 de Janeiro
> Pormenor de pintura de Vitor Pomar visível mas com a reconstrução operada pela Em Janeiro…todos os caminhos
memória sobre as impressões mais fortes de vão dar à Horta!
A Casa de Santa Maria acolhe, entre 16 de Fevereiro e 16 de Março, a exposição As Grandes
toda a sua vida. Os trabalhos que são apresen- Exposição fotográfica comemorativa do sétimo
Navegações Chinesas, em resultado de uma parceria entre a autarquia, a Embaixada da China e tados nesta exposição, na realidade, encerram e aniversário da biblioteca, que pretende dar a
o Observatório da China. Serão apresentadas as características geográficas, sociais, económicas e iniciam simultaneamente um ciclo na actividade conhecer ao público o edifício antes da sua
culturais da China no século XV, com particular destaque para as inovações técnicas implementadas do artista” (Luísa Soares). adaptação às funções de biblioteca e o processo
Informações pelo tel.: 214848900. de transformação do mesmo.
nas sete viagens do almirante Zheng He, entre 1405 e 1433. A abertura da China Ming à expansão CENTRO CULTURAL DE CASCAIS No dia 25, a biblioteca oferece aos seus leitores
marítima permitiu a organização do maior conjunto de expedições da sua história, representando o De 3ª feira a domingo das 10h às 18h00 uma fatia de bolo de aniversário.
culminar das técnicas de navegação chinesa. Pretende-se que esta exposição contribua para uma Organização: Fundação D. Luís I Informações pelo tel.:214848712.
melhor compreensão da civilização chinesa, no seu passado histórico, mas também nos desafios que BIBLIOTECA MUNICIPAL DE CASCAIS
CASA DA HORTA DA QTA DE SANTA CLARA
enfrenta no mundo globalizado de hoje. A decorrer até 20 de Janeiro 2ª feira das 13h às 19h00
Nos dois primeiros meses do ano, a Fundação D. Luís apresenta três novas exposições no Centro Terra – o mais belo dos planetas De 3ª a 6ª feira das 10h às 19h00
Cultural de Cascais. Ethology 1 – Instalação de Manuela Lopes estará patente a partir de Exposição que apresenta vários aspectos rela- Sábado das 10h às 13h00 e das 14h às 18h00
tivos à história do nosso planeta: a sua origem,
26 de Janeiro e consiste num projecto coordenado por Maria Manuela Carvalho de Sousa Lopes,
a história da vida e a actividade geológica que
professora de Artes Plásticas da Escola Superior de Artes e Design, centrado num trabalho experi- constantemente renova a paisagem terrestre,
mental de equipa com apresentação final em forma de instalação artística interactiva, com recurso bem como o papel do Homem nas modificações
a vídeo digital. A 1 de Fevereiro inaugura a exposição Só Acredito em milagres com pintura da Terra. Por fim, lança-se o olhar ao futuro
distante e aos confins do espaço, em busca de
e vídeo de Vítor Pomar, que se divide em duas partes: uma série de seis pinturas recentes de
outras terras.
grande formato e quatro cabinas expressamente construídas para a projecção de um programa de Informações pelo tel.:214643670.
cerca de duas horas de filmes em cada uma. Esta montagem permite ao visitante a possibilidade CENTRO DE INTERPRETAÇÃO AMBIENTAL
DA PONTA DO SAL
de estabelecer o seu próprio programa ao combinar aleatoriamente a projecção que se encontra
3ª a 6ª feira das 10h às 17h00
a decorrer em cada cabina. Já a 22 de Fevereiro, o Centro Cultural apresenta uma homenagem Sábado e domingo das 10h às 13h00
ao fotógrafo Albano Costa Lobo, recentemente desaparecido do nosso convívio, com uma e das 14h às 18h00
exposição retrospectiva dos seus 25 anos de carreira. Uma incursão pelo olhar apaixonado, directo Organização: Núcleo Interactivo de Astronomia
Apoio: C.M. Cascais
e subtil, mas também crítico e mordaz, das circunstâncias que envolveram a sua vida.
exposições 40 | 41

De 15 de Janeiro a 15 de Fevereiro De 1 de Fevereiro a 6 de Abril De 16 de Fevereiro a 16 de Março


Cascais Só acredito em milagres As Grandes Viagens Marítimas
De J. Pancho. Pintura e Vídeo de Vítor Pomar da China.
Autodidacta, J. Pancho desde jovem revelou Mostra constituída por duas partes distintas: Homenagem ao contributo dos navegantes
muito interesse pelas artes plásticas, particular- uma série de seis pinturas recentes de grande chineses para o conhecimento náutico e forta-
mente pela pintura. Toda a sua obra é inspirada formato, conjunto que integra uma pintura dos lecimento da Rota Marítima da Seda.
no impressionismo francês do século XIX, tendo anos 70, que se encontra actualmente em Inauguração: 15 de Fevereiro, às 18h00.
como referências a obra de Claude Monet, depósito no Museu de Serralves; quatro cabinas No âmbito desta exposição terão lugar três
Camille Pissarro, Alfred Sisley, entre outros. expressamente construídas para a projecção de conferências e serão exibidos os documentários:
Pinta o que vê e o que sente, procurando cons- um programa de cerca de duas horas de filmes 1405-1433: the great voyage of Zheng He
tantemente, captar a luz, a serenidade, a beleza em cada uma. e Imagens da China, ambos do Ministério da
e a harmonia da paisagem. Já teve oportunidade Informações pelo tel.:214848900. Cultura da República da China (consulte o
de expor em diversos espaços, com destaque CENTRO CULTURAL DE CASCAIS programa na página 28)
para uma exposição colectiva na Fundação De 3ª feira a domingo das 10h às 18h00 Informações pelo tel.: 214815382.
Calouste Gulbenkian, em 2001, ou uma Organização: Fundação D. Luís I CASA DE SANTA MARIA
exposição individual no Espaço Cultural Casal de De 3ª feira a domingo das 10h às 13h00
São Domingos, em Sintra, em Agosto de 2004 e das 14h às 17h00
Informações pelo tel.: 214868464 ou no site De 4 a 23 de Fevereiro Organização: C.M. Cascais
www.artshopping.com.pt Máscaras portuguesas Apoio: Observatório da China
ART SHOPPING | CENTRO COMERCIAL A propósito do Carnaval, neste mês terá lugar
VISCONDE DA LUZ uma exposição de 25 máscaras de festas
Das 10h às 22h00 transmontanas do ciclo de Inverno, que inclui De 23 de Fevereiro a 16 de Março
Organização: Solutions – Investimentos 16 fotografias e 2 fatos de careto pertencentes Homenagem a Albano Costa
Imobiliários; Art Shopping; Marques & Albu- à colecção particular de André Gago que,
Lobo | 1958-2007
querque, Sociedade Leiloeira Lda. desde 1986, tem vindo a realizar um trabalho
Exposição retrospectiva dos 25 anos de trabalho
de pesquisa e recolha de informação sobre as
de Albano Costa Lobo, fotógrafo recentemente
festas de Trás-os-Montes.
desaparecido do nosso convívio, que prestou
De 18 de Janeiro a 17 de Fevereiro Visitas guiadas para grupos escolares à 3ª e 5ª
de forma muito particular a sua atenção à zona
Isabel de Castro - a actriz, o rosto feira às 14h30.
de Cascais. Estarão patentes algumas imagens
Informações pelo tel.:214670320 ou e-mail: Informações e inscrições para visitas guiadas até
e instantes que captou nos locais onde viveu
t.e.c@netcabo.pt 3 dias antes pelo tel.:214848712.
– Londres, Lisboa, Douro e Cascais - das
ESPAÇO MEMÓRIA TEATRO BIBLIOTECA MUNICIPAL DE CASCAIS
mutações das décadas que atravessou, dos
EXPERIMENTAL DE CASCAIS CASA DA HORTA DA QTA DE SANTA CLARA
singulares quotidianos que encontrou, dos ideais
Organização: Propositário Azul e Teatro 2ª feira das 13h às 19h00
que defendeu.
Experimental de Cascais | Apoio: Palco Oriental, De 3ª a 6ª feira das 10h às 19h00
Inauguração: 22 de Fevereiro, às 21h30.
Göethe Institut Sábado das 10h às 13h00 e das 14h às 18h00
Informações pelo tel.: 214848900.
CENTRO CULTURAL DE CASCAIS
De 3ª feira a domingo das 10h às 18h00
De 26 de Janeiro a 23 de Março
Organização: Fundação D. Luís I e She Mouse
Ethology Photo Event
Instalação de Manuela Lopes
Projecto apresentado e coordenado por Maria
Manuela Lopes, professora de Artes Plásticas
na Escola Superior de Artes e Design das
Caldas da Rainha, que consiste numa instalação
interactiva com imagens em vídeo digital.
Informações pelo tel.: 214848900.
CENTRO CULTURAL DE CASCAIS
De 3ª feira a domingo das 10h às 18h00
Organização: Fundação D. Luís I
> Pormenor de obra de Manuela Lopes
música 42 | 43

música

No início do ano, destaca-se o habitual A decorrer


Concerto de Ano Novo, pela Orquestra Animação musical no
de Câmara de Cascais e Oeiras, sob a di- Du Arte Lounge
Os serões do Du Arte Lounge caracterizam-se
recção do seu maestro titular Nikolay Lalov pela diversidade das suas propostas musicais.
e contando com a participação especial do Diferentes grupos actuam diariamente entre
soprano Lara Martins e do barítono Luís as 21h e as 02h30.
Informações pelo tel.: 214667700
Rodrigues. O espectáculo terá lugar no
CASINO ESTORIL – DU ARTE LOUNGE
dia 6 de Janeiro, no Auditório do Colégio Diariamente das 21h00 às 02h30
Marista de Carcavelos, às 18h30. Organização: Casino Estoril
Também a Orquestra Metropolitana de Lisboa
apresenta no Casino Estoril um concerto de
5 de Janeiro
Ano Novo, com interpretação dos alunos da Concerto de Ano Novo
Academia Nacional Superior de Orquestra, Direcção: Jean-Marc Burfin.
sob a batuta de Jean-Marc Burfin. Duas ex- Intérpretes: Alunos da Academia Nacional Superior
de Orquestra.
celentes propostas de música erudita para o
Programa:
início do ano, dando o mote para o arranque The Syncopated Clock, The Penny Whistle,
da temporada em 2008. The Waltzing Cat, Bell of the Ball, L. Anderson
Um sonho de uma noite de Verão,
de F. Mendelssohn
Marcha Nupcial e Marcha de Radetsky,
J. Strauss.
Preço: 15 euros (à venda no local a partir das
15h00. Reserva de bilhetes pelo tel.:213617320
CASINO ESTORIL | SALÃO PRETO E PRATA
Sábado às 17h00
Org.: Casino Estoril e Orq. Metropolitana Lisboa
música 44 | 45

6 de Janeiro 4 de Fevereiro 10 de Fevereiro


Concerto de Reis Fafá de Belém Carnaval concerto
Pela Banda da Sociedade Recreativa Musical de Gala de Carnaval no Casino Estoril Concerto para divertir pais, filhos e músicos.
Carcavelos, com a participação do Coro Infantil A cantora brasileira Fafá de Belém será a pro- Obras de O. Riding, G. Rossini, J. Haydn,
de Carcavelos, Coro do Espaço Sénior do Centro tagonista da noite de Carnaval no Salão Preto L. Anderson e outros.
Comunitário de Carcavelos e Coro de São José. e Prata, onde virá interpretar alguns dos seus Direcção: maestro Nikolay Lalov.
Informações pelo tel.: 214566653. maiores êxitos. Informações pelo tel.:21485017.
PRAÇA DA REPÚBLICA | CARCAVELOS Informações pelo tel.:214667700. CENTRO CULTURAL DE CASCAIS
Domingo às 15h30 CASINO ESTORIL | SALÃO PRETO E PRATA Sábado às 18h30
Organização: Junta de Freguesia de Carcavelos Jantar às 20h00 | Espectáculo às 23h00
Apoio: C.M. Cascais Organização: Casino Estoril
23 de Fevereiro
Clássicos do século XX
6 de Janeiro 8 e 9 de Fevereiro Concerto pela Orquestra Metropolitana de
Concerto de Ano Novo Recital de alunos do Centro Lisboa
Obras de G. Puccini, C. M. von Weber, G. Rossini, Musical D. Bosco Direcção musical: maestro Jean-Sébastien
E. Waldteufel, entre outros. Centro musical integrado na Escola Salesiana Béreau
Pela Orquestra de Câmara de Cascais e Oeiras de Manique. Solista: Nuno Silva, clarinete.
Direcção: maestro Nikolay Lalov. Informações pelo tel.: 214458210. Programa:
Intérpretes: Lara Martins, soprano; CENTRO CULTURAL DE CASCAIS Rapsódia para clarinete e orquestra, C. Debussy
Luís Rodrigues, barítono. Dia 8 - 6ª feira às 17h00 Deux Portraits, op. 5, B. Bartók
Informações pelo tel.:21485017 Dia 9 - Sábado às 19h00 Três Pequenas Liturgias, O. Messiaen.
COLÉGIO MARISTA DE CARCAVELOS Organização: Centro Musical Dom Bosco da Es- Preço: 15 euros (à venda no local a partir
AUDITÓRIO cola Salesiana de Manique | Apoio: C.M. Cascais das 15h00. Reserva de bilhetes pelo
Domingo às 18h30 tel.:213617320.
CASINO ESTORIL | SALÃO PRETO E PRATA
9 de Fevereiro Sábado às 17h00
6 de Janeiro Organização: Casino Estoril e Orquestra
Grandes obras da música de
10º Concerto de Reis câmara Metropolitana de Lisboa
Coros Vox Laci: adulto, juvenil, infantil e
Solistas da Orquestra de Câmara de Cascais e
pequenininhos
Oeiras
Informações pelo tel.:214825010/11. 29 de Fevereiro
Programa:
IGREJA DE S. DOMINGOS DE RANA
Quinteto para piano, dois violinos, viola e Concerto Bissexto
Domingo às 21h30 Pela Banda da Sociedade Recreativa Musical
violoncelo em Fá menor, C. Franck
Organização: Vox Laci | Apoio: C.M. Cascais de Carcavelos e convidados.
Phantasiestücke para piano, violino e
violoncelo, op. 88, R. Schumann Informações pelo tel.: 214566653.
Intérpretes: Grazia di Venere, piano. SOCIEDADE RECREATIVA E MUSICAL DE
12 de Janeiro CARCAVELOS
Informações pelo tel.:21485017.
Serenata de Guitarra MUSEU DA MÚSICA PORTUGUESA 6ª feira às 21h30
Solistas da Orquestra de Câmara de Cascais e CASA VERDADES DE FARIA
Oeiras Sábado às 18h00
Programa:
Grande Sonata para guitarra, op. 22, F. Sor
Grande Serenata para violino e guitarra, op. 82,
M. Giuliani
Quatro peças para violino e guitarra, A. Piazzola.
Intérpretes: Ricardo Mendes, violino;
Francesco Luciani, guitarra.
Informações pelo tel.:21485017.
MUSEU DA MÚSICA PORTUGUESA
CASA VERDADES DE FARIA
Sábado às 18h00
passeios e visitas 58 | 47

passeios e visitas
Roteiros do Património Concelhio
Recorreu-se a técnicas de apresentação mo-
dernas e a iluminação adequada às diferentes
funções e tipologias das peças, expostas em
diferentes núcleos: “O gosto de receber”; “A
hora do chá e do café” – um dos núcleos mais
representados onde se expõem os diversos ob-
jectos ligados “à cerimónia do chá” –; “O con-
vívio da mesa”, no qual marca presença uma
faustosa “mesa de aparato”; a “escrita e re-
cordações de viagens e troféus”; “Peças ligadas
à privacidade”, muito particularmente à religiosi-
dade e, por fim, os objectos de “Higiene pes-
soal”. Esta colecção, constituída por cerca de
185 peças, inclui espécimes de notável beleza
e mestria técnica, datadas do final do século
XVII a inícios do século passado, na sua maioria
27 de Janeiro puncionadas e que testemunham produções de
A Colecção de Ourivesaria diferentes contrastarias nacionais (Lisboa, Porto
do Museu Condes de Castro e Braga), brasileiras (Rio de Janeiro e Bahia) e
Guimarães ainda vários exemplares franceses, onde se in-
O mais antigo museu de Cascais apresenta,
desde o dia 22 de Novembro, um novo discurso clui uma baixela composta por 71 peças.
museológico, no qual de destaca a sua belíssima Esta exposição serviu também de pretexto para
colecção de ourivesaria. uma intervenção mais vasta que incluiu a refor-
A visita será orientada por José António
mulação e modernização da exposição perma-
Proença, conservador do museu.
Inscrições a partir do dia 21 de Janeiro, nente, tendente a reorganizar e tornar mais coe-
pelo tel.: 214825453 | Max. 50 pax. rente o percurso museológico, aproveitando as
PONTO DE ENCONTRO: virtualidades do edifício, a Torre de S. Sebastião,
PÇ. 5 DE OUTUBRO
Domingo das 10h às 13h00
e as características das colecções. Nesse sen-
tido, pretendeu-se integrar, e/ou tornar mais
A visita do roteiro do mês de Janeiro é dedicada “visíveis”, algumas peças que têm sido guarda-
ao Museu Condes de Castro Guimarães que das em reservas ou que foram objecto de inter-
inaugurou, no passado dia 22 de Novembro, venções de restauro, limpeza e consolidação.
uma exposição que destaca a sua Colecção de Especial atenção mereceu igualmente a infor-
Ourivesaria. Estas peças do acervo foram inte- mação ao público com a legendagem integral
gradas no próprio percurso da exposição per- do Museu e a realização de pequenos textos
manente, tendo em conta as especificidades concisos (em português e em inglês) sobre
do Museu, com o intuito de proporcionar uma o Conde de Castro Guimarães, o Museu e as
melhor leitura e observação dos objectos. suas colecções.
tiveram na vida monacal. Um repositório de
texturas sensoriais, de artes, de histórias
Passeios
e lendas, de espaços sagrados e pro-
27 de Janeiro
fanos: um microcosmo de elementos
Entre caminhos de Santiago
que determinavam a forma como os ho- MEMÓRIAS DE CASCAIS POR ECO-TRILHOS
mens se relacionavam com Deus. Mercê Cascais – Ribeira dos Marmeleiros – Cascais
das graças de monarcas e príncipes, do Para maiores de 9 anos.
Inscrições > 3 euros, até uma semana antes,
patrocínio dos Senhores de Cascais e de pelo tel.:214847136 ou telm.:933189627 e
Sintra, o pequeno cenóbio (habitação de 919405756.
monges) foi alargando os seus domínios. PONTO DE ENCONTRO: TRASEIRAS
DO MERCADO DE CASCAIS
A traça da primitiva fábrica quatrocentista Domingo das 15h às 18h30
é atribuída ao mestre Gil de Sousa, mas Organização: Grupo Ecológico de Cascais
foram sobretudo as campanhas manueli-
nas e renascentistas que definiram a sua
24 de Fevereiro
orgânica formal. Presentes estão também Ribeira das Vinhas
os milagres e as catástrofes que assolaram MEMÓRIAS DE CASCAIS POR ECO-TRILHOS
o mosteiro: as cheias, o terramoto de 1755, Cascais – Ribeira dos Marmeleiros – Cascais
Para maiores de 9 anos.
> Mosteiro da Penha Longa, autor desconhecido a extinção das ordens religiosas em 1834 e Inscrições > 3 euros, até uma semana antes,
a sucessão de diversos proprietários até aos pelo tel.:214847136 ou tlm.:933189627 e
24 de Fevereiro nossos dias. 919405756.
PONTO DE ENCONTRO: TRASEIRAS
Mosteiro Jerónimo da Penha Ali viveu, em profundo recolhimento as- DO MERCADO DE CASCAIS
Longa – um universo humanista cético, uma comunidade de monges que Domingo das 10h às 14h00
Visita orientada por Denise Pereira.
dedicou grande parte da sua vida à oração, Organização: Grupo Ecológico de Cascais
Inscrições a partir do dia 18 de Fevereiro,
pelo tel.: 214825453 | Max. 50 pax. seguindo de perto o exemplo mítico de
PONTO DE ENCONTRO: São Jerónimo, doutor da Igreja e modelo
PÇ. 5 DE OUTUBRO
Domingo das 10h às 13h00
de erudição e virtude. Pedra de toque do Visitas guiadas
humanismo português, do Convento de
Penha Longa saíram os doutos monges A decorrer
O roteiro do mês de Fevereiro leva-nos ao Visitas guiadas ao Marégrafo
mosteiro da Penha Longa, numa visitada que fundaram a universidade coimbrã em
de Cascais
orientada por Denise Pereira, directora da moldes modernos, cumprindo a política A partir de Janeiro o Marégrafo de Cascais
Quinta da Regaleira. cultural de D. João III. É sobretudo esta passará a contar com visitas guiadas, mediante
vocação de celebração humanista da fé e marcação. No interior do pequeno edifício oito-
“Fundou-se em 1390, nas faldas da serra centista de planta circular, podemos descobrir
de Sintra, num lugar idílico onde a bruma das suas metáforas que invade o espaço um sistema mecânico constituído por uma bóia,
tantas vezes revela e encobre capricho- monacal e nos inspira sentimentos de en- rodas dentadas e um mecanismo de relógio
samente os seus encantos, o primeiro cantamento, tranquilidade e nostalgia. Lu- concebido em Paris, em 1877, e que ainda hoje
regista diariamente a evolução das marés e das
mosteiro da Ordem Hieronimita em Portu- gar onde a lenda se cruza com a devoção,
correntes. Inscrições pelo tel.: 214815328.
gal – São Jerónimo de Penha Longa. ainda hoje o povo acode em preces e sú- MARÉGRAFO DE CASCAIS
Na arquitectura do mosteiro, nos jardins plicas à imagem milagreira de Nossa Se- 3ª e 5ª feira das 15h às 17h00
Organização: C.M. Cascais
e no cerco conventual permanecem os nhora da Saúde que continua anualmente
Apoio: Instituto Geográfico Português
sinais dos tempos que maior influência a distribuir as suas graças.”
> Marégrafo de Cascais
passeios e visitas | poesia e teatro 50 | 51

poesia e teatro
A decorrer
Visitas guiadas ao Farol Museu
A decorrer
Visitas guiadas ao Museu da
Poesia
de Santa Marta Música Portuguesa
Recém-inaugurado, este espaço museológico Visita guiada à Casa Verdades de Faria, belo
possui uma interessante exposição dedicada exemplar da arquitectura de veraneio e da obra
aos faróis portugueses, com particular destaque do arquitecto Raul Lino, que hoje alberga o Mu-
para a história do próprio Farol de Santa Marta. seu da Música Portuguesa. Para além de tomar
Visitas para grupos escolares e outros grupos contacto com o espaço e sua envolvente, com a
mediante inscrição prévia, de 3ª a 6ª feira pelo arquitectura e todos os elementos decorativos
tel.: 214815328 ou e-mail: sandra.santos@ (cantarias esculpidas, azulejaria e pinturas de
cm-cascais.pt frescos), com a sua história, poderá ainda ver
FAROL MUSEU DE SANTA MARTA a belíssima colecção de instrumentos musicais
De 3ª feira a domingo das 10h às 18h00 populares portugueses, reunida pelo etnomu-
sicólogo Michel Giacometti. Inscrições para
grupos pelo tel.: 214815904
A decorrer MUSEU DA MÚSICA PORTUGUESA
Viagem ao Museu do Mar CASA VERDADES DE FARIA
Rei D. Carlos De 3ª feira a domingo das 10h às 13h00 e das
Ao encontro de histórias de Reis, de Pes- 14h às 17h00
cadores, de Piratas e de… muitos tesouros!
Inscrições de 2ª a 6ª feira, das 10h às 17h00,
pelo tel.: 214861377. 3, 10, 17, 24 e 31 de Janeiro
MUSEU DO MAR – REI D. CARLOS À conversa com os “guerreiros
De 3ª a 6ª feira das 10h às 12h00 do mar”… os pescadores 16 de Janeiro 20 de Fevereiro
Tema: Captura de crustáceos – A lagosta Da poesia dita popular Quando a palavra nos aproxima
Visitas interactivas com a participação de NOITES COM POEMAS II NOITES COM POEMAS II
A decorrer elementos da comunidade piscatória. Os partici- Esta sessão conta com a participação de José Tertúlia de poesia na qual se procura incentivar
Visitas guiadas ao Museu Conde pantes vão poder conversar com os pescadores d’ Encarnação. o gosto pela leitura, produção poética e arte de
de Castro Guimarães e conhecer um pouco o seu modo de vida, assim Tertúlia de poesia na qual se procura incentivar dizer. Num círculo informal de interessados em
Visitas adaptadas às faixas etárias dos grupos como observar a construção de uma armadilha o gosto pela leitura, produção poética e arte de ouvir e participar, cada um pode levar poemas
inscritos. Inscrições pelo tel.:214815312 para a captura da lagosta (o covo). dizer. Num círculo informal de interessados em que sejam do seu agrado, criando um espaço de
MUSEU CONDES DE CASTRO GUIMARÃES Inscrições de 2ª a 6ª feira, das 10h às 17h00, ouvir e participar, cada um pode levar poemas partilha e descoberta.
De 3ª a 6ª feira das 10h às 12h00 pelo tel.: 214861377 que sejam do seu agrado, criando um espaço de Grupo dinamizador: Jorge Castro, com a colabo-
e das 14h às 16h00 MUSEU DO MAR – REI D. CARLOS partilha e descoberta. ração de Lídia Castro e Lourdes Calmeiro.
5ª feira das 10h às 12h00 Grupo dinamizador: Jorge Castro, com a colabo- Informações pelo tel.: 214481971 – ext. 4403
A decorrer ração de Lídia Castro e Lourdes Calmeiro. ou 4404.
A conhecer a Casa de Santa Informações pelo tel.: 214481971 – ext. 4403 BIBLIOTECA MUNICIPAL DE CASCAIS
18 de Janeiro ou 4404. S. DOMINGOS DE RANA
Maria
Visitas guiadas nas quais é dado particular
Os barcos tradicionais do Tejo BIBLIOTECA MUNICIPAL DE CASCAIS 4ª feira às 22h00
Visita temática, guiada por um especialista no S. DOMINGOS DE RANA
relevo à obra de Raul Lino, com uma visita
estudo das embarcações tradicionais do rio Tejo, 4ª feira às 22h00
temática à exposição “Raul Lino em Cascais”,
durante a qual serão mencionadas algumas das
que proporciona aos visitantes o conhecimento
suas características e tipo de construção.
da vida e principais obras presentes no concelho
Para estudantes do 3.º ciclo do ensino básico, do
de Cascais deste conceituado arquitecto, autor
secundário, universitários e público sénior.
do projecto da própria Casa de Santa Maria.
Inscrições de 2ª a 6ª feira pelo tel.:214861377.
A exposição possui legendagem e textos em
MUSEU DO MAR – REI D. CARLOS
português e em inglês. Inscrições pelo tel.:
6ª feira das 14h às 16h00
214815382 ou 912414743 | max. 25 pax.
CASA DE SANTA MARIA
De 3ª a 6ª feira das 10h às 11h30
e das 14h30 às 15h30
poesia e teatro 52 | 53

Teatro
Em breve 4, 5, 18 e 19 de Janeiro
A Boba Sonho de uma noite de Verão
Monólogo em três insónias e um De William Shakespeare
despertador Pelo Grupo de Teatro da Sociedade Musical
De Maria Estela Guedes União Paredense. Encenação: Pedro Mendes.
Encenação: Carlos Avilez Informações e reservas pelo telm.: 934064208
Interpretação: Maria Vieira ou em: http://smupalenses.googlepages.com
Espaço cénico: Fernando Alvarez SOCIEDADE MUSICAL UNIÃO PAREDENSE
Para maiores de 12 anos. 6ª feira e sábado às 21h30
Bilhetes: 10 euros. Desconto de 50% à 5ª feira. Org.: Sociedade Musical União Paredense
Condições especiais para estudantes.
Bilhetes à venda na FNAC, Ticketline
(707 234 234) e no local do espectáculo. De 18 de Janeiro a 17 de Fevereiro
Informações pelo tel.:214670320 ou Música para si
e-mail: t.e.c@netcabo.pt De Franz-Xaver Kroetz
TEATRO MUNICIPAL MIRITA CASIMIRO Encenação: Nuno Nunes
De 4ª feira a sábado às 21h30 Interpretação: Eugénia Bettencourt
Domingo às 17h00 O espectador assiste a um fragmento de vida
Organização: Teatro Experimental de Cascais de uma mulher solitária de meia-idade, desde
a hora em que chega à casa, depois de um dia
de trabalho normal, até se deitar para dormir,
Em breve entregue às suas tarefas quotidianas, à sua
O Teatro Experimental de Cascais começa o novo ano com três propostas cénicas, procurando Dom Bosco sobrevivência, à sua solidão. O final não é indi-
dinamizar o seu Espaço Memória, localizado em Cascais (junto ao Pão-de-Açucar), através o rebelde sonhador ferente. Este espectáculo realiza-se no âmbito
Pelo Teatro Experimental de Cascais da exposição Isabel de Castro – a actriz, o rosto,
de uma parceria com a Propositário Azul. A 18 de Janeiro estreia, nesse local, Música para a decorrer no mesmo espaço.
Encenação: Carlos Avilez
Si, com texto de Franz-Xaver Kroetz, encenação de Nuno Nunes e interpretação de Eugénia Espaço cénico: Fernando Alvarez Para maiores de 12 anos.
Bettencourt, peça durante a qual o espectador assiste a um fragmento de vida de uma mulher Música original: Hugo Reis Bilhetes: 5 euros, à venda na FNAC, Ticketline
Para maiores de 12 anos. (707 234 234) e no local do espectáculo.
solitária de meia-idade, desde o momento que chega a casa, depois de um dia normal de traba-
Bilhetes: 10 euros. Desconto de 50% à 5ª feira. Informações pelo tel.: 214867933, 214670320
lho, até à hora de dormir. Assistimos às suas tarefas quotidianas, à sua sobrevivência e solidão. Condições especiais para estudantes. ou e-mail: t.e.c@netcabo.pt
Este espectáculo encontra-se integrado na exposição Isabel de Castro – a actriz, o rosto, que Bilhetes à venda na FNAC, Ticketline ESPAÇO MEMÓRIA TEATRO
(707 234 234) e no local do espectáculo. EXPERIMENTAL DE CASCAIS
estará patente no mesmo espaço.
Informações pelo tel.:214670320 5ª feira a sábado às 21h30
Para o Teatro Municipal Mirita Casimiro está também prevista a estreia de A Boba – monólogo Domingo às 17h00
ou e-mail: t.e.c@netcabo.pt
em três insónias e um despertador, interpretada pela actriz Maria Vieira e encenada por Carlos TEATRO MUNICIPAL MIRITA CASIMIRO Organização: Propositário Azul e Teatro
Avilez, e D. Bosco, o rebelde sonhador, também com encenação de Avilez. De 4ª feira a sábado às 21h30 Experimental de Cascais
domingo às 17h00 Apoio: Palco Oriental, Göethe Institut
Organização: Teatro Experimental de Cascais
outros eventos 54 | 55

outros eventos
A decorrer 11 e 18 de Janeiro
Aulas de Chi Kung Coro Vox Laci – audições
Meditação, relaxamento e energia cósmica Crianças dos 3 aos 12 anos - Das 19h às 20h00
Informações pelo tel.: 214851102 / A partir dos 13 anos – Das 20h às 21h00
967157740 (Céu Carvalho) COMPLEXO DESPORTIVO DE SÃO
PARQUE PALMELA DOMINGOS DE RANA
Sábado às 11h00 Organização: Vox Laci
Organização privada

12 de Janeiro | 9 de Fevereiro
5 de Janeiro
Ecomercado
Feira de produtos biológicos e artesanais.
10º Aniversário do Teatro Infantil Informações pelo tel.:214847136 ou
de Carcavelos telm.:933189627 e 919405756.
Exposição e representação. JARDIM VISCONDE DA LUZ
Informações pelo tel.: 214566653. Sábado das 11h às 18h00
SOCIEDADE RECREATIVA E MUSICAL Organização: Grupo Ecológico de Cascais
DE CARCAVELOS Apoio: C.M. Cascais
Sábado às 16h00
Organização: Sociedade Recreativa e Musical de
Carcavelos | Apoio: C.M. Cascais 22 de Janeiro
No dia 25 de Janeiro terá lugar mais uma edi- A decorrer Inauguração da biblioteca da Es-
ção da Gala do Desporto, iniciativa promo- Four: Espírito dos Elementos cola Básica nº 1 José Jorge Letria
Direcção artística e coreografia: Michele Morrison 4 de Janeiro | 1 de Fevereiro Mais informações na página 63 da Agenda
vida pela Câmara Municipal de Cascais, que
Espectáculo de variedades inspirado nos ele- Leilão de peças de Arte Cultural ou pelo tel.:214481970 - ext. 4409.
visa homenagear atletas e clubes do conce- mentos Ar, Fogo, Terra e Água, que se distingue ESCOLA EB1 JOSÉ JORGE LETRIA
Jóias, pratas, pintura, porcelanas, arte sacra,
lho que tenham obtido resultados de especial pela sua enorme versatilidade, apresentando em vinhos antigos, mobiliário, cristais, entre outros 3ª feira às 11h00
mérito na época desportiva 2006/2007. Para palco numerosos performers em interacção com objectos. Os artigos estarão em exposição na
o público. semana que antecede o leilão.
além dos galardões de Ouro, Prata e Bronze, 25 de Janeiro
Preços: a partir de 56 euros, consoante o Informações pelo tel.: 214868464 ou no site
atribuídos em função dos resultados despor- menu do jantar. Para assistir unicamente ao www.artshopping.com.pt
Gala do Desporto
espectáculo o preço é de 20 euros, com direito Informações pelo tel.:214825556 ou
tivos da referida época, são ainda atribuídos ART SHOPPING | CENTRO COMERCIAL
a uma bebida. em: www.cm-cascais.pt
prémios aos melhores atletas feminino e mas- VISCONDE DA LUZ
CASINO ESTORIL
Às 3ª feiras, o Casino propõe o jantar e o espe- 6ª feira às 19h00
culino do ano e equipa do ano, através de um Organização: C.M. Cascais
ctáculo por apenas 40 euros. Organização: Marques & Albuquerque, Socie-
processo de votação efectuado pelos órgãos Aos domingos, sem serviço de jantar, o preço dade Leiloeira Lda.
de comunicação social. Em 2006, estes é de 12,5 euros, sendo permitida a entrada a
De 1 a 6 de Fevereiro
menores, que entre os 12 e os 16 anos pagam
prémios foram entregues a Patrícia Lopes, Carnaval em Janes
apenas 7,5 euros. 10, 11, 25 e 26 de Janeiro
Nuno Dias e à equipa de Hóquei de Sala do Programa:
Informações e reservas pelo tel.:214667700, Campanha Esperança Verde Dia 1 – MPV Hippies
Grupo Dramático e Sportivo de Cascais e ao 707234234 (Ticketline) ou 214346304 Plantação de espécies protegidas no Rio da Dia 2 – Samba do cancelo
professor Fernando Pereira. (Plateia). Bilhetes também à venda na FNAC, Mula e na Serra de Sintra. Dia 3 – Corso carnavalesco e desfile infantil
Lojas Abreu e Corte Inglês. Para maiores de 8 anos. Iniciativa aberta a esco- Dia 4 – Baile de misses
CASINO ESTORIL | SALÃO PRETO E PRATA las, associações e público em geral. Dia 5 – Corso carnavalesco e samba do cancelo
De 3ª feira a sábado: 20h30 (jantar), Inscrições pelo tel.:214847136 ou Dia 6 – Enterro do bacalhau
23h00 (espectáculo) | Domingo às 22h00 telm.:933189627 e 919405756. Informações pelo tel.: 214872570.
Organização: Casino Estoril MALVEIRA DA SERRA | SERRA DE SINTRA SOCIEDADE DE INSTRUÇÃO E RECREIO DE
5ª, 6ª feira e sábado das 10h30 às 15h00 JANES E MALVEIRA
Organização: Grupo Ecológico de Cascais Organização: Sociedade de Instrução e Recreio de
Janes e Malveira
57

conheça melhor a nossa terra

> Sala Vermelha, Palácio O’Neill


ficha de colectividade | colectividades e cultura 58 | 59

ficha de colectividade colectividades e cultura


Designação:
Grupo Recreativo e Familiar de Murches
Ninguém leva a mal!
Data de Fundação:
20 de Dezembro de 1937
Morada:
Largo Infante D. Henrique – Murches
2755-233 Alcabideche
Tel.: 214870736

O Grupo Musical e Familiar de Murches foi


criado a 20 de Dezembro de 1937, por inicia-
tiva de um grupo de 22 músicos que tinham
como objectivo essencial a formação de uma
banda de música, a par de tantas outras colec-
tividades que surgiram na mesma época.
Pouco tempo depois, aquando da sua filiação
na Associação de Cultura e Recreio de Lis-
boa, a colectividade viu-se na contingência de
alterar a sua designação para Grupo Recrea- Há quem diga que o Carnaval já não é o que era! Que a inocência das brincadeiras deu lugar a
tivo e Familiar de Murches. pequenas maldades sem graça, que a criatividade das vestimentas foi substituída pela solução
No dia 1 de Novembro de 1938 foi eleita a fácil do “comprar feito”, que a festa e diversão perderam o significado. De facto, os tempos que
primeira Direcção efectiva, em Assembleia- os nossos avós descrevem nas suas histórias da juventude são já bem diferentes dos nossos e a
-Geral de sócios, na sede que ainda hoje se própria função do Carnaval há cinquenta anos sofreu grandes alterações. De um ponto de vista
mantém e que, inicialmente, funcionava como religioso o Carnaval representa a passagem para o período da Quaresma – o enterro do Entrudo
uma casa de campo particular, constituída por significa que não se deve comer mais carne a partir dessa data. Historicamente, esta festividade
habitação e currais. Registamos, a título de encontra a sua origem na Antiguidade, associada à celebração da Deusa Ísis, no Egipto, aos
curiosidade, que a primeira quota paga men- cultos dionisíacos, na Grécia, ou às festas de homenagem a Saturno, em Roma. Todas elas se
salmente pelos sócios era de 2 escudos. caracterizavam pela euforia e embriaguez, num ambiente de ausência de preconceitos, onde
Esta associação tem desenvolvido a sua tudo era permitido. Na Idade Média, a Igreja Católica condenou estes rituais excêntricos, que se
actividade cultural de forma regular, tendo reinventaram introduzindo as máscaras, desfiles e jogos.
participado nas Marchas Populares organizadas Para além da sua vertente meramente lúdica e de divertimento, estas manifestações dão também
pelo Município em meados dos anos 80, bem voz às críticas do povo que, em jeito de ingénuos brincadeiras, satirizam as instituições e as figuras
como no Carnaval de Cascais em 97/98. proeminentes da sua época. Em períodos de restrições sociais e económicas, o Carnaval ganha um
Actualmente possui dois grupos cénicos (in- importante papel de libertação do peso do quotidiano e de expiação das frustrações.
fantil e adulto) que já levaram à cena vários Hoje, apesar de em Portugal o Carnaval já não ter a dimensão de outrora, há quem não desista
trabalhos, de autoria colectiva, obtendo assi- de encarnar o espírito folião e saia para a rua, em desfiles ou corsos. Nesse âmbito, a actividade
nalável êxito nas últimas edições da Mostra das colectividades assume-se como fundamental, pois é em grande parte através delas que
de Teatro Amador do Concelho de Cascais. ainda é possível tomar contacto com algumas tradições que foram passando de geração em
geração. Em Cascais, o Carnaval vive-se, em pleno, na localidade da Malveira da Serra, onde os
populares participam animadamente na organização dos festejos.
arquivo histórico municipal 68 | 61

arquivo histórico
municipal
Câmara Municipal aprova
Regulamento dos Arquivos Municipais

A Câmara Municipal de Cascais possui um ainda não concluídos, de consulta frequente


importante espólio documental, de valor ímpar pela administração produtora no exercício das
para a preservação da memória do concelho, suas actividades de gestão; por um Arquivo
que compreende não só a documentação con- Intermédio, que administra documentação na
siderada de conservação definitiva, mas tam- forma de processos já concluídos, mas ainda
bém a de arquivo intermédio e a de uso cor- susceptíveis de serem reabertos e por isso de
rente pelos serviços. consulta esporádica pelos serviços; e ainda por
No intuito de assegurar uma gestão inte- um Arquivo Histórico, responsável pela con-
grada da documentação do Município, desde servação permanente e comunicação de docu-
a produção ou recepção até à eventual elimi- mentos previamente seleccionados em função
nação ou definição da conservação definitiva, do seu valor arquivístico, que correspondem a
a Câmara Municipal de Cascais aprovou no processos concluídos, não consultados pela ad-
passado dia 3 de Dezembro um Regulamento ministração no exercício da sua gestão, depois
de Arquivos Municipais, em que as noções de de prescritas as respectivas condições de rea-
arquivo corrente, intermédio e histórico se con- bertura. O novo regulamento entrará em vigor
solidam enquanto instrumentos privilegiados da no primeiro trimestre de 2008, ano em que, de
gestão autárquica. acordo com os preceitos legais e arquivísticos,
Ficam, deste modo, definidas as funções dos se planeia concretizar a primeira eliminação
Serviços de Arquivo da autarquia, formalizan- de documentação, de forma a libertar-se o
do-se as relações com os restantes serviços espaço indispensável para a recepção de no-
e órgãos, bem como com o público em geral, vas remessas. Simultaneamente, pretende-se
por meio da implementação de um sistema avançar com o processo de informatização dos
composto por um Arquivo Corrente, encar- Arquivos Municipais, que contemplará a insta-
regado da conservação e comunicação de lação de novas bases informáticas e o reforço
documentos correspondentes a processos da campanha de digitalização.

> Praça 5 de Outubro fotografada por António Passaporte, em meados do século XX


bibliotecas municipais 62 | 63

bibliotecas municipais
Escola EB1 José Jorge Letria
ganha nova biblioteca

O início do ano de 2007 será marcado pela inauguração de mais uma biblioteca escolar
do 1º ciclo do ensino básico no concelho de Cascais. Desde 2003 foram já organizados
sete equipamentos escolares semelhantes, em localidades como as da Amoreira ou Tires,
situadas em áreas opostas do concelho, mas que tinham em comum o facto de reunirem
as condições e os projectos viáveis de funcionamento. A Rede Concelhia de Bibliotecas
Escolares (RCBE) é constituída actualmente por 23 escolas, 9 do 1º ciclo do ensino básico
(EB1), as 8 do ensino secundário (ES) e 6 do 2º e 3º Ciclos (EB23), faltando apenas inte-
grar a biblioteca da EB2 do Monte Estoril.
Dando continuidade ao projecto de beneficiação dos estabelecimentos de ensino do con-
celho com bibliotecas funcionais, a Biblioteca da Escola do 1º Ciclo do Ensino Básico N.º 1
de Cascais, igualmente conhecida por José Jorge Letria, será a próxima a ser inaugurada.
Esta BE integrou a Rede Concelhia na 2ª fase de candidatura de 2006 e, nesse mesmo
ano, deu-se início à primeira etapa de organização, com a elaboração da planta do espaço,
listagem de fundo documental e selecção de mobiliário. Numa segunda etapa, em 2007, foi
feita a aquisição do mobiliário, dos equipamentos e do fundo documental, cujo tratamento
foi concluído até Dezembro.
Na primeira quinzena de Janeiro de 2008 proceder-se-á à organização do espaço, tendo em
vista a inauguração no dia 22, pelas 11 horas.
livraria municipal 64 | 65

livraria municipal
A Vinha e o Vinho em Carcavelos Actas dos XIII Cursos
Nos últimos dois meses de 2007, a autarquia apre-
Internacionais de Verão de Cascais
sentou no Centro Cultural de Cascais a exposição A
Vinha e o Vinho em Carcavelos, com a qual procurou Os XIII Cursos Internacionais de Verão de
despertar a atenção do público para o futuro museu Cascais, que tiveram lugar entre 26 de Junho
que irá nascer na Adega da Quinta do Barão, situada e 8 de Julho de 2006, reuniram um excep-
nessa freguesia, no âmbito de um Plano de Pormenor cional conjunto de especialistas nos dois te-
elaborado para a requalificação de toda a área que
mas em debate, os quais, pela sua amplitude
envolve a propriedade. Esse projecto, que alia uma
e interesse geral justificaram uma edição de
parceria entre entidades públicas e privadas, respeita
actas com características diferentes do que
a manutenção do conceito de quinta de produção e
tem sido habitual. Pela primeira vez, os textos
recreio de origem setecentista, reservando parcelas
das comunicações apresentadas foram pub-
do terreno para fruição pública (instalação do Mu-
seu da Vinha e do Vinho de Carcavelos e de outro licados com a chancela de uma editora – a
equipamento de natureza social ou cultural) e outras Esfera do Caos – e com o apoio da Câmara
para uso privado, com a adaptação do solar a uma Municipal de Cascais, do Instituto de Cultura
unidade turística de qualidade. Esta exposição, pre- e Estudos Sociais (ICES) e da Fundação para
parada por técnicos da Divisão de Museus Municipais, a Ciência e Tecnologia (FCT). Esta opção
surgiu, assim, como uma antevisão do que virá a cons- permitirá às obras recém-editadas atin-
tituir o programa museológico do futuro equipamento, girem uma esfera de público mais alargada,
cujo acervo numa primeira fase será essencialmente através da inserção no circuito comercial de
constituído pela colecção de documentos e objectos livrarias. O primeiro volume, Toda a Memória
adquirida pelo município a José Maria Almarjão. Em do Mundo, foi coordenado por Maria de
paralelo foi editado um catálogo, que além de comple-
Sousa e parte da «experiência pessoal, auto- O segundo volume coloca-nos perante a
mentar a mostra, proporciona uma leitura mais atenta
biográfica (textos de Maria Filomena Mónica questão Estado & Cidadania: o que impede
dos conteúdos e apresenta um historial deste vinho
e João Lobo Antunes), passando à memória boas políticas?, que, sob a coordenação de
generoso, típico do concelho de Cascais, e constitui
no registo arqueológico (Carlos Fabião), à Viriato Soromenho-Marques, procurou reflectir
uma excelente base para o desenvolvimento de outros
tragédia de esquecer na Doença de Alzheimer sobre as responsabilidades do Estado em dife-
estudos sobre o Vinho de Carcavelos.
Neste âmbito foi ainda editado o caderno A Francisca (Alexandre de Mendonça e Graça Melo), a rentes sectores da sociedade, desde a Política
e o Pedro foram visitar as Quintas de Carcavelos, diri- modelos experimentais usados para o estudo Externa (Adriano Moreira), de Ambiente e Orde-
gido a crianças dos 8 aos 12 anos. Acompanhados da memória em peixes, por um jovem aluno namento do Território (Vasco Pereira da Silva),
pela avó Luísa, a Francisca e o Pedro descobrem de doutoramento português a realizar os Defesa e Segurança (Pedro de Pezerat Correia),
muitas curiosidades sobre a história do vinho de Car- seus trabalhos em Boston (André Valente), Justiça (Maria José Morgado), e Politica Fiscal
cavelos e as quintas onde era produzido. O conto é da a “Toda a Memória do Mundo”, a conferência (José Luís Saldanha Sanches), terminando
autoria de Ana Duarte Baptista Pereira – também res- com que António e Hanna Damásio fecharam com outra intervenção de Adriano Moreira res-
ponsável pela investigação e textos para a exposição o curso» (pág. 9) peitante à Política de Ensino Superior.
– com ilustrações da Oficina dos Museus.
A Câmara Municipal de Cascais pretende remontar a
exposição na Quinta da Encosta, em Carcavelos, no
próximo mês de Março.
livraria municipal 66 | 67

A Colecção de Ourivesaria O Vento Chama – Campeonatos do


do Museu Condes de Castro Guimarães Mundo de Vela ISAF 2007

O mais antigo museu de Cascais assistiu A encerrar o ano marcado pela realização dos
a uma verdadeira renovação do seu dis- Campeonatos do Mundo de Vela – ISAF 2007,
curso museológico no final de 2007, na em Cascais, a editora Principia, através da sua
sequência do projecto de apresentação marca Sete Mares, publicou com o apoio do
da sua magnífica colecção de ourivesaria. Clube Naval de Cascais, da Câmara Municipal
O impulso foi dado pela publicação do de Cascais e da própria Federação Interna-
livro A Colecção de Ourivesaria do Museu cional de Vela, um livro de retrospectiva do
Condes de Castro Guimarães, resultado evento intitulado O Vento Chama – Campeo-
de um estudo sobre estas peças integra- natos do Mundo de Vela ISAF 2007.
das no espólio do museu desenvolvido Este grande evento desportivo, que decor-
pela investigadora Leonor d’Orey, também reu entre 28 de Junho e 13 de Julho, en-
autora de outras obras dedicadas a esta volveu 1350 atletas, oriundos de 76 países,
temática. Tendo sido editado há já alguns e 900 embarcações, para além de uma
meses, o livro aguardava a altura certa vasta equipa de técnicos, voluntários e mem-
para o seu lançamento, que veio a concre- bros da organização, cujo empenho e tra- desportos náuticos. Página a página, recordamos
tizar-se no passado mês de Novembro. balho coeso comprovaram que a escolha de as etapas do processo que levaram à candidatura
Uma breve introdução contextualiza a im- Cascais foi uma aposta ganha. Como atesta de Cascais e os dias que antecederam o início
portância desta colecção no conjunto do Göran Peterson, Presidente da Federação In- das provas a 3 de Julho. No capítulo “O dia-a-
acervo, referindo que “o núcleo de ourivesaria autoria dos fotógrafos Luís Pavão e Carlos ternacional de Vela, na nota de apresentação -dia das classes olímpicas” temos a oportuni-
abrange um leque muito variado de exem- Sá, realçam a beleza e os pormenores mais do livro “os Campeonatos do Mundo de Vela dade de conhecer o historial de cada uma das
plares, abarcando um período temporal que interessantes de cada uma delas. da ISAF 2007 tiveram um enorme sucesso e classes, bem como pormenores da sua presença
vai desde o final de Seiscentos até ao início As diversas peças surgem reunidas em foram o maior acontecimento de vela alguma na competição. O livro dedica ainda uma secção
de Novecentos. Actualmente, a colecção in- capítulos temáticos: “o gosto de receber e vez preparado para velejadores olímpicos”. A in- aos atletas portugueses, terminando com uma
tegra cerca de cento e oitenta exemplares, a música”, “a hora do chá e do café”, o “con- tensa cobertura por parte dos meios de comu- listagem de anexos, na qual constam os nomes
na sua maioria puncionados, documentando vívio da mesa”, “em privacidade” e “escrita nicação social proporcionou a transmissão dos colaboradores do evento, os participantes e
os centros de fabrico portugueses de Lisboa e recordações”. deste espectáculo para cerca de quinhentos as classificações, e um quadro com as delegações
e do Porto e ainda outros centros brasilei- Nas últimas folhas, temos ainda a possibilidade milhões de pessoas, projectando a imagem de por cada país participante.
ros como o Rio de Janeiro e a Bahia, en- de consultar o inventário de toda a colecção, Portugal e, em particular, da vila de Cascais. Este livro constitui, assim, o testemunho de um
contrando-se representados cerca de vinte em forma de ficha com uma imagem e carac- O cenário da baía e do mar de Cascais foi o acontecimento que ficará na memória de todos
e cinco mestres ourives” (pág. 16). Cada terísticas essenciais de cada peça. pano de fundo ideal para as belíssimas ima- os que, directa ou indirectamente, o viveram; será
página deste livro representa um minucioso O Museu Condes de Castro Guimarães tem gens da autoria do fotógrafo João Ferrand, mais um capítulo a acrescentar um dia à História
trabalho de pesquisa sobre todas as peças, actualmente em preparação um projecto devidamente acompanhadas pelo texto de da Vela em Cascais, outra das obras (livro e ex-
que revelou traços da história e do percurso em moldes semelhantes em torno da sua Nysse Arruda, jornalista especializada em posição) editadas no âmbito deste campeonato.
que as fez chegar até nós. As imagens, da colecção de mobiliário.
museus municipais 68 | 69

museus municipais
S. Patrício do escultor Artur Anjos Teixeira: Tinha-se ainda a notícia da existência de uma es-
cultura de São Patrício, datada de 1922, e tam-
três momentos de uma obra de arte bém atribuída ao escultor Anjos Teixeira, no Mu-
seu de Escultura Comparada, em Mafra. Trata-se
de um gesso com 1,72m de altura, propriedade
do Museu do Chiado - Museu Nacional de Arte
Contemporânea. A coincidência tanto na dimen-
são das duas peças, como na aproximação das
datas – dois anos após a finalização da cons-
trução desta casa – permite estimar o ano da
peça existente na Casa Verdades de Faria. Uma
vez que a referida escultura em gesso foi cedida
à Câmara Municipal de Oliveira do Hospital e se
encontra em depósito na Fundação Emília Vas-
concelos Cabral, apenas se teve acesso a uma
ficha de inventário com a respectiva fotografia
da escultura do S. Patrício, gentilmente en-
viada pelo Museu do Chiado, na qual consta a
seguinte observação: “modelo em gesso para
Na Casa Verdades de Faria, antiga Torre de S. Patrício e actual Museu da Música Portuguesa, o mármore existente na capela particular dos
encontra-se uma escultura em pedra de grandes dimensões (170x100x40cm), que representa O’Neill no Estoril, em Cascais (…).”
S. Patrício – o santo padroeiro da Irlanda – esculpida por Artur Anjos Teixeira, em 1922. Esta Numa visita posterior ao Museu Anjos Teixeira
ocupa o altar-mor da capela que lhe é dedicada, sendo a imagem de referência simbólica do encontra-se, então, em exposição, uma pequena
espaço. A figura do santo surge com as suas vestes sacerdotais e insígnias, envergando uma estatueta em barro com o título “Estudo para
ampla casula sobre alva e ostentando o báculo pastoral amparado junto ao peito pelo braço uma imagem de S. Patrício”. Estava fechado o
esquerdo e o crucifixo na mão direita. círculo: foram assim reconstituidos os três mo-
Artur Anjos Teixeira (1880-1935) é um dos nomes de referência da escultura portuguesa. mentos de criação desta obra de arte e esta-
Fez a sua formação na Escola de Belas-Artes de Lisboa com o escultor Simões de Almeida e belecido o elo de ligação e de informação que
trabalhou também no atelier de escultura do mestre Costa Mota. Ganhou uma bolsa de estudos faltava: o estudo para a imagem de S. Patrício –
do legado Valmor que o levou para Paris, onde se notabilizou e permaneceu até ao início da a estatueta em barro cru, datada dos anos 20 do
Primeira Guerra Mundial. Artista multifacetado, escultor, desenhador, caricaturista, aguarelista século XX – será o primeiro trabalho através do
e músico, foi um atento observador do homem, tendo a figura humana como motivo central de qual o artista molda os volumes e o movimento
todo o seu percurso artístico. Deixou inúmeras obras públicas e particulares de que destacamos, e, de certa forma, capta a expressão que encon-
a título de curiosidade, o Monumento ao Soldado de Infantaria 19 (1922), em Cascais. tramos nas duas peças posteriores, o modelo em
Sabia-se que a autoria desta belíssima peça era atribuída ao referido escultor, através de uma gesso e, por último, a escultura em pedra, que se
reportagem sobre a Torre de S. Patrício publicada na revista Ilustração por volta de 1925. Dada a encontra na Capela de S. Patrício. Olhar para es-
necessidade de documentar a peça, efectuou-se um primeiro contacto com o Museu Anjos Tei- tas duas últimas obras permite verificar a mestria
xeira, em Sintra, onde se encontra parte da obra do escultor; porém, não foi descoberta qualquer do escultor e comparar a textura e expressivi-
documentação relativa a esta obra. dade de cada uma, nas quais o suporte em que
foram realizadas foi determinante.
ficha de património 70 | 71

ficha de património móvel


Desembarque do peixe, Setúbal
Designação: Desembarque do peixe, Setúbal
Autor: João Vaz, 1859-1931
Data: Portugal, 1891
Técnica: Óleo sobre tela
Dimensões: 137 x 198 cm

O quadro Desembarque do peixe, Setúbal per-


tence à colecção de pintura do Museu Condes
de Castro Guimarães, integrando o importante
núcleo de obras apresentadas na Galeria do
Museu, espaço reservado à pintura e escultura
dos séculos XIX e XX, de gosto preferencial-
mente romântico e naturalista. Nesta obra,
João Vaz, um dos mais significativos marinhis-
tas da pintura portuguesa, retrata o momento a presença do próprio pintor e sem se per-
do desembarque do peixe no cais de Setúbal, der o carácter rotineiro da faina diária, re-
uma cena diária dos pescadores do Sado forçando-se a repetição única de cada um
à qual o pintor, com toda a certeza, assistiu dos seus particulares momentos. Neste céu,
repetidamente ao longo da sua vida. perspectivado em amplidão e profundidade
João Vaz, natural da cidade de Setúbal, foi pro- espacial, Vaz confere plasticidade no jogo de
fessor na Escola Industrial Afonso Domingues, nuvens e manchas de vazio que reflectem,
em Lisboa, e um importante membro do de- em necessárias tonalidades veladas, o burbu-
nominado Grupo do Leão, formado por pin- rinho de figuras, embarcações e casario que
tores e intelectuais lisboetas que, em torno se lhes opõem.
de Silva Porto, defendiam uma nova estética Vaz não esquece, igualmente, a importância
naturalista, de devoção submissa à paisagem dos pormenores figurativos da cena repre-
e à captação directa do motivo, nas suas di- sentada, enchendo os vazios espaciais com
versas cambiantes de luz. o movimento da acção, desmultiplicada, ao
Numa composição espacialmente equilibrada, olhar, pela diversidade de centros de interes-
Vaz retrata pormenorizadamente as diversas se visual. A importância desta obra como um
figuras, as inúmeras embarcações ancora- dos símbolos do Naturalismo português de
das e, também, dois dos seus elementos de Oitocentos advém-lhe não só da qualidade
eleição: o tremeluzir das águas, de pequenos pictórica da composição, mas também do seu
reflexos de luz, e a profundidade do céu, inten- percurso histórico – o pintor expõe a tela pela
samente azul, coberto de consistentes grupos primeira vez em 1892 no Grémio Artístico, em
de nuvens. Nesta cena, o artista aproxima a Lisboa, tendo sido, nessa mesma exposição,
pintura das exigências do instantâneo fo- imediatamente alvo de merecida distinção por
tográfico e toda ela decorre sem se notar parte do Júri.
ficha de património 72 | 73

ficha de património
edificado
Relativamente a este projecto de 1895, cons-
tante no Arquivo Histórico Municipal de Cas-
cais, o edifício hoje existente apresenta altera-
ções, sendo a mais significativa a mudança de
duas das entradas primitivas. Contudo, a traça
original é passível de identificação total.
O conjunto foi ampliado com outro edifício, de
cariz habitacional e cuidado desenho formal,
cuja data de execução, ainda não conhecida,
deverá datar de finais do século XIX e princí-
pios do século XX.
O autor do projecto original, o italiano Cesar
Ianz, veio para Portugal a convite do Governo
para integrar a equipa de professores das es-
colas industriais (ou ensino industrial) então
fundadas.
Em 1888, Cesar Ianz foi nomeado para a
Escola Industrial Marquês de Pombal, perten-
Designação: Antigo Edifício das Cocheiras e rectangular, confinam para um pequeno pátio cendo à elite dos recursos estrangeiros com
Cavalariças dos Duques de Palmela centrado e que organiza os diferentes aces- sólida formação em arquitectura e todas as
Localização: Travessa da Conceição, sos aos edifícios.
técnicas de construção e decoração, ao nível,
nº 6, em Cascais No edifício de maior porte, com dois pi-
por exemplo, de Ernesto Korrodi ou Nicolau
Freguesia: Cascais sos, a entrada principal era lateral, com uma
Bigaglia.
Classificação/Protecção: Catálogo-Inventário pequena escada exterior, e dava acesso a um
Além da actividade docente, Ianz desenvolveu
Municipal de Protecção e Valorização do quarto e a um espaço comum no seu piso
trabalho como arquitecto, sendo autor da
Património Arquitectónico – Nível 1 térreo, bem como, através de uma outra longa
fachada do edifício do Coliseu dos Recreios,
Tipologia: Arquitectura Civil escada, ao primeiro piso, onde se situavam os
em Lisboa, construído em 1888-1890 e do
quartos dos criados e o palheiro. Neste edifí-
Chalet Barros no Estoril, construído em 1896,
Descrição: O projecto original do edifício, que cio, no piso térreo, ao centro, desenvolvia-se a
por encomenda de João Martins de Barros.
hoje alberga os serviços centrais do Departa- cavalariça cuja entrada era fronteira ao pátio
Finda a obra do Chalet Barros, o arquitecto
mento de Cultura da Câmara Municipal de Cas- e do lado direito deste, a cocheira ocupava o
permaneceu em Portugal pouco tempo e foi
cais, nomeadamente a Livraria Municipal e tam- único piso da outra construção.
considerado “o mais legítimo representante
bém o Instituto de Cultura e Estudos Sociais, A expressão formal do conjunto é a de um
da moderna arte italiana”. Morreu em 1901,
foi encomendado pelo Duque de Palmela ao chalet, com telhados que terminam em beira-
novo e pobre, “(...) e se a morte o não rouba
arquitecto César Ianz, que projectou, em 1895, dos, com cumeeiras, pontuadas por pináculos
tão cedo aos seus labores utilissimos, a mo-
as cocheiras e cavalariças do Palácio Palmela, cerâmicos e chaminés, paredes decoradas
derna construcção portugueza, teria recebido
em Cascais. com cimalhas, vãos emoldurados em cantaria
um valioso impulso artistico que deveria mar-
e tijolo num desenho cuja importância hierár-
Dois corpos justapostos, sem ligação interior, car notavelmente uma epocha”, in Construção
quica se traduz na decoração e nos materiais
de planta e volumetria distinta, um em forma Moderna, Ano III, Nº 59, Maio de 1902.
aplicados. A simetria é o principal elemento
de “L” e outro com implantação sensivelmente
organizador do desenho.
património 74 | 75

património
Villa Romana do Alto do Cidreira
(Carrascal de Alvide)
Os trabalhos anteriores a 2007 revelaram a
existência de uma área residencial (pars ur-
bana), incluindo parte do sector termal de uma
uilla romana que terá tido alguma monumen-
talidade sobretudo em época baixo-imperial
e tardo-antiga. Essa impressão é confirmada
pela análise dos materiais arqueológicos re-
colhidos, alguns dos quais de carácter verda-
deiramente excepcional, como a já referida
máscara de terracota ou fragmentos de re-
cipientes cerâmicos do tipo terra sigillata
cinzenta paleocristã.
Os trabalhos desenvolvidos em 2007 vêm
demonstrar que a cronologia de ocupação
do sítio é muito mais ampla, tendo-se iniciado
em época pré-histórica e estendendo-se até
> Caixa de decantação / vista da conduta romana identificada em 2007 > Vista geral da conduta romana identificada em 2007
à Idade Média (período islâmico), podendo
A existência de ocupação romana na zona do Alto do Cidreira é conhecida desde os finais do algumas das estruturas identificadas ser de
século XIX, tendo sido recolhidos no local alguns artefactos de grande importância patrimonial, época posterior. cos identificados no decurso das intervenções
como é o caso de uma pequena máscara em terracota representando a cabeça de um negro. No que diz respeito à ocupação de época ro- recentes assumem um extraordinário valor
As características geográficas que tornaram o sítio altamente apetecível à fixação humana em mana, foram identificados elementos que cor- científico para a caracterização do sítio, mas
época antiga são responsáveis também pelo interesse de urbanização de meados do século XX, responderão a diferentes áreas funcionais da apresentam menor interesse patrimonial na
que se desenvolveu de forma desordenada em toda a área do Bairro de Carrascal de Alvide. É uilla, sendo de particular relevância a identifi- sua valorização.
essa pressão urbanística que determina a realização de intervenções arqueológicas no local, as cação da necrópole. A conduta de água posta No momento presente, a avaliação do interes-
primeiras levadas a cabo em 1977 e 1980-1982, com direcção científica de José d’Encarnação a descoberto pode estar relacionada com uma se patrimonial do sítio e consequente poten-
e de Guilherme Cardoso. A importância dos vestígios postos a descoberto e a consciência do área de exploração agrícola e artesanal (pars cialidade de valorização está inevitavelmente
elevado valor patrimonial do sítio levaram à sua classificação como Imóvel de Interesse Público, rustica e pars fructuaria). associada à ocupação urbana deste espaço
em 1992 (Decreto nº 26-A/92 de 1 de Junho). O conjunto edificado correspondente à pars que destruiu, de uma forma clandestina e de-
No entanto, a existência de mecanismos legais de protecção não impediu a construção clan- urbana da uilla (as “duas ou três casas enter- sordenada, as características da paisagem ru-
destina, que continuou a ser feita no local, ignorando as disposições legais em vigor. No âmbito radas” identificadas por Francisco Paula e Oli- ral que aí perdurou até meados do século XX.
da reconversão das AUGI (Áreas Urbanas de Génese Ilegal) e da delimitação de uma ZEP veira no século XIX) foi o que justificou a clas- Hoje este é um espaço urbano e urbanizável e
(Zona Especial de Protecção) ao imóvel classificado, a Câmara Municipal está a desenvolver sificação como Imóvel de Interesse Público a valorização da uilla romana terá que ser feita
uma estratégia concertada com os proprietários de terrenos no local, no sentido de estabelecer e continua a ser a área do sítio arqueológico neste quadro, necessariamente qualificada e
os princípios de ordenamento da área, cujos objectivos genéricos deverão integrar um Plano de com maior potencialidade de valorização pa- enquadrada nos instrumentos de planeamen-
Pormenor a elaborar posteriormente. Com este enquadramento, foram desenvolvidos, em 2007, trimonial. Todos os testemunhos arqueológi- to e gestão legalmente adequados.
trabalhos arqueológicos de carácter preventivo na área da ZEP proposta, sob responsabilidade
da empresa de arqueologia Neoépica.
o que está a dar! 76 | 77

o que está a dar!


Não se esqueça, tome nota!
A presença da corte contribuiu fortemente
para o progresso da vila, pois com ela che-
gavam as últimas novidades: em Cascais as-
sistiu-se, por exemplo, à primeira experiência
de iluminação eléctrica no nosso país, por
ocasião do aniversário de D. Carlos, em 1878.
Também o filme português mais antigo que se
conhece foi produzido na Boca do Inferno, por
Henry Short, no ano de 1896. Para além da
edificação de novas residências de veraneio,
surgiu o Sporting Club de Cascaes e o Teatro
Gil Vicente, locais regularmente frequentados
pela família real.
A inauguração do primeiro troço de caminho-
-de-ferro entre Cascais e Pedrouços, a 30 de
Setembro de 1889, tornou mais curta a dis-
tância que separava a vila da capital, levando
ao natural desenvolvimento da chamada linha
Há um ano, a Câmara Municipal de Cascais distribuiu uma agenda bastante original para o
do Estoril. Multiplicaram-se as residências de
ano de 2007 - ano dos Campeonatos do Mundo de Classes Olímpicas de Vela - cujo tema de
veraneio, das quais ainda restam hoje alguns
capa foi, naturalmente, o mar e a vela. No separador de cada mês, uma imagem acompanhada
belíssimos exemplares.
de uma breve nota dava conta de um acontecimento relevante na história do concelho, prefe-
D. Carlos terá sido, porventura, quem estabe-
rencialmente ocorrido nesse mês, introduzindo, desse modo, uma vertente lúdica a um tipo de
leceu uma ligação mais profunda a Cascais.
publicação ao qual que habitualmente apenas recorremos como forma de planificar as nossas
Pintor e biólogo, foi no mar da Baía que bus-
acções no tempo.
cou inspiração para muitas suas obras de arte,
Em 2008, a autarquia dá sequência a este bem-sucedido projecto, distribuindo uma nova
mas foi também nele que realizou as suas
agenda, desta vez inteiramente dedicada às vivências da família real em Cascais, assinalando
campanhas oceanográficas, suportadas pelo
também o centenário do regicídio.
laboratório de biologia marítima que instalou
No dia 1 de Fevereiro de 1908, D. Carlos e o Príncipe Real D. Luís Filipe foram assassinados
na Cidadela.
no Terreiro do Paço, encerrando-se, então, um dos períodos mais impressivos da história casca-
Nesta agenda para 2008 encontramos um
lense. Passados cem anos, não se poderia deixar de evocar a presença da Família Real no con-
conjunto diverso de imagens históricas, prove-
celho, cuja memória foi preservada em belíssimas imagens como as que aqui se reproduzem.
nientes do Arquivo Fotográfico Municipal de
De 1870 até ao assassinato do rei, Cascais ascendeu à condição de rainha das praias portu-
Lisboa, do Arquivo Histórico Municipal de
guesas, na sequência da instalação da família real na vila nos meses de Verão, durante os quais
Cascais, do Clube Internacional de Futebol, do
praticava os banhos de mar, hábito que se expandira na Europa desde o século XVIII.
Clube Naval de Lisboa e do Museu de Marinha.
desporto 78 | 79

desporto
Relvado artificial em todos os
campos de futebol de 11 do concelho de Cascais

Na senda do esforço desenvolvido nos últimos anos pela autarquia, de melhoria das condições
técnicas e das infra-estruturas desportivas existentes, o qual tem vindo a ser alvo de uma espe-
cial atenção nos últimos números da Agenda Cultural de Cascais, vimos agora dar-lhe conta da
inauguração, já em Janeiro, de mais dois relvados artificiais nos campos de futebol da Malveira
da Serra e de Carcavelos.
A implementação destas obras corresponde a um investimento municipal de cerca de quinhen-
tos mil euros e irá proporcionar ao Grupo Desportivo da Malveira da Serra e ao Grupo Sportivo
de Carcavelos novas e excelentes condições para a prática de futebol, dando por concluído um
processo que visou instalar este tipo de relva em todos os campos de futebol de 11 disponíveis
no concelho. O relvado artificial, para além de apresentar inúmeras vantagens em relação à relva
natural no que diz respeito à durabilidade e manutenção, é também bastante mais confortável e
higiénico para os praticantes da modalidade, diminuindo os riscos de lesões. Nesse sentido, esta
medida constitui também mais um incentivo para as equipas de futebol amador, que, deste modo,
passam a poder treinar e disputar todas as provas no concelho em campos de relva sintética.
De forma a impulsionar esta modalidade, o Departamento de Desporto da autarquia organiza,
desde 1996, em instalações desportivas municipais, a Taça de Cascais (que inclui a Taça de
Futebol de 11 e a Taça de Futsal). Este torneio tem como finalidade promover o encontro das
equipas sénior não-profissionais que participam nas competições regionais da Associação de
Futebol de Lisboa e nas competições nacionais da Federação Portuguesa de Futebol, num
período de pré-competição.
a sugestão de.... 80 | 81

A sugestão de...
José Jorge Letria

Uma corte em fuga para o Brasil


Não faltam livros com saborosas descrições fronto. Também assim se moldou a História
dessa imensa operação logística, talvez só do século XIX e uma boa parte do que foram
comparável à transferência épica da popu- as mentalidades dominantes ainda no século
lação da cidade-fortaleza de Mazagão, em XX, dividido entre uma esquerda de tradição
Marrocos, para a Amazónia, em finais do liberal e estrangeirada e uma direita caceteira,
século XVIII. beata, terra tenente e ferozmente avessa à
Por estarmos perante acontecimentos que modernidade.
ajudam a definir a história e a personalidade
de um povo, aqui deixo, a propósito deles, as José Jorge Letria nasceu em Cascais no dia
seguintes sugestões de leitura: o álbum A 8 de Junho de 1951. Estudou Direito, História
Transferência da Capital e Corte Portuguesa e História da Arte, na Universidade de Lisboa,
para o Brasil (Tribuna), de Kenneth Light, com e Jornalismo Internacional, na Universidade
a participação de prestigiados historiadores Autónoma de Lisboa. Exerce a profissão de
portugueses e brasileiros, Império à Deriva jornalista desde 1970, época em que se tor-
(Civilização), de Patrick Wilcken, e sobre o que nou também conhecido como “cantautor” de
me atrevo a designar por “Operação Mazagão” intervenção. Ao longo da sua profícua car-
o livro Mazagão - A Cidade que Atravessou o reira, tem-se distinguindo no campo da lite-
Atlântico (Teorema), de Laurent Vidal. ratura como poeta, dramaturgo e escritor, com
Se ler nunca é de mais, ler livros de História é uma especial vocação para o público infantil
> Embarque da família real para o Brasil. Gravura de Francisco Bartolozzi.
Colecção de gravuras do Arquivo Histórico-Militar. Foto: A. Sequeira sempre uma opção que enriquece e engran- e juvenil. Iniciou a sua actividade política em
dece quem a põe em prática, pois ajuda a com- 1972, tendo ocupado o cargo de Vereador
Foi há 200 anos que a corte portuguesa protagonizou um acontecimento único na História preender o que é essencial no presente através da Cultura da Câmara Municipal de Cascais,
mundial ao transferir-se de armas e bagagens para uma colónia chamada Brasil, onde das grandes lições extraídas do passado, sendo entre 1994 e 2001. Como dirigente associa-
permaneceu 13 anos e onde deixou marcas, dinâmicas sociais, políticas e também insu- que a continuidade entre esses dois tempos é tivo foi membro da direcção do Sindicato dos
peráveis contradições e tensões que viriam a franquear as portas à declaração de inde- a chave de uma correcta visão do futuro. Músicos e da Associação Portuguesa de Es-
pendência daquele vasto e rico território. Há 200 anos, escapando às tropas napoleóni- critores, sendo actualmente vice-presidente
Um monarca fraco, uma rainha feia e de hábitos morais no mínimo bastante controversos e cas, a corte portuguesa refez a sua vida em da direcção da Sociedade Portuguesa de Au-
uma corte ociosa e minada pela intriga e pela ambição atravessaram o Atlântico para se irem terras brasileiras, abrindo caminho para o que tores. Em 1992 foi agraciado com a medalha
instalar numa colónia longínqua e para eles totalmente desconhecida. Tudo teve de caber a viria a ser a criação de uma nova nação, rica, International des Arts et des Lettres, de Paris,
bordo, a começar por cerca de 10 mil pessoas e a acabar em animais, jóias, obras de arte, multicultural e infinitamente criativa. O Brasil juntamente com os escritores Natália Correia
bibliotecas, arcas recheadas de moedas, criados, escravos, clérigos e muita coisa inútil. Quase de hoje, mesmo quando o tenta ocultar ou e David Mourão Ferreira, e, em 1997, foi con-
nada foi deixado em terra. O objectivo desta corte em fuga era escapar à invasão napoleónica disfarçar, é herdeiro desse tempo e dessa decorado pelo Presidente da República com
comandada por Junot, que ficou literalmente “a ver navios” quando se cruzou, à chegada, com História, que também abriu as portas a uma a Ordem da Liberdade. É o patrono da Escola
a imensa frota que partia. E gritava D. Maria, a rainha vencida pela loucura: “Ainda vão pensar brutal guerra civil com dois irmãos (D. Pedro e n.1 José Jorge Letria, cuja biblioteca inaugura
que estamos a fugir!” D. Miguel) a comandarem as forças em con- no próximo dia 22 de Janeiro.
83

contactos
contactos 84 | 85

contactos
> Academia de Artes e Restauro > Atelier dos Artistas Plásticos > Casino Estoril > Clube Naval de Cascais
Rua Visconde da Luz, 41-A de Carcavelos Praça José Teodoro Santos | 2765-237 Estoril Esplanada Príncipe D. Luís Filipe
2750-415 Cascais Rua Luís de Camões, nº 27, r/c Geral: 214667700 2750-411 Cascais
Tel.:214844073 | Tlm: 914226288 2775-519 Carcavelos Galeria de Arte: 214667800 Tel.:214830125 | geral@cncascais.com
Tel.: 214578019 | zednarte@netcabo.pt Teatro-auditório: lotação> 400 lugares
> Academia de Letras e Artes > Colégio Marista de Carcavelos | Auditório
Av. da Castelhana, nº 13 > Auditório Fernando Lopes-Graça > Centro de Congressos do Estoril Av dos Maristas, 175 . Parede
2765-405 Monte Estoril Parque Palmela Av. Amaral | 2765 – 192 Estoril
Tel.:| Fax:214685604 Parque Palmela, Av. Marginal Tel.: 214647575 > Delegação dos Espectáculos
junto ao Hotel Estoril-Sol Câmara Municipal de Cascais
> Academia Sénior Tel.: 214825447 > Centro Cultural de Cascais 2ª a 6ª feira 9h às 13h00 e das 14h às 16h00
Cruz Vermelha Portuguesa Ar livre > 700 lugares | interior > 120 lugares 3ª feira a domingo das 10h às 18h00 Edifício dos Paços do Concelho | 2750 Cascais
Núcleo do Estoril Avª. Rei Umberto II de Itália, S/N Tel.: 214825284 | ana.castro@cm-cascais.pt
Rua Vasco da Gama, 243 | 2775-297 Parede > Biblioteca Municipal de Cascais 2750-641 Cascais
Tel.: 214570924 | Fax: 214584882 – S. Domingos de Rana Tel.: 214848900 > Ellipse Foundation | Art Centre
2ª feira das 14h às 19h00 Auditório > 144 lugares Rua das Fisgas | Pedra Furada
> Arquivo Histórico Municipal de Cascais 3ª a 6ª feira das 10h às 19h00
2ª a 6ªfeira das 9h00 às 17h00 2645-117 Alcoitão
Sábado das 10h às 13h00 e das 14h às 18h00 > Centro de Informação Jovem Tel.: 214691806
Complexo Multiserviços de Adroana
Encerra aos domingos e feriados 2ª a 6ª feira das 10h às 18h00 E-mail: info@ellipsefoundation.com
Tel.:214815738-40 | Fax: 214606255
Rua das Travessas – Bairro do Moinho Av. Valbom n.º 21 | Largo da Estação
arquivo.historico@cm-cascais.pt
Massapés – Tires 2750 Cascais > Escola Superior de Hotelaria e
2785-285 S. Domingos de Rana Tel.: 214815910 | cij@cm-cascais.pt
> Art Shopping Turismo do Estoril
Tel.: 214481970 | Fax: 214481979
Centro Comercial Visconde da Luz Av. Condes de Barcelona | 2769 - 510 Estoril
biblioteca.sdomingos.rana@cm-cascais.pt > Centro de Interpretação
Rua Afonso Sanches, nº37 a 41 Tel.: 210040700
Consulta do catálogo on-line Ambiental Ponta do Sal
2750-282 Cascais
Tel:214868464 www.cm-cascais.pt/cascais/pacweb 3ª a 6ª feira das 10h às 17h00 > Espaço Desenhabitado
Sábado e domingo Av. de Sabóia, loja 32 (às escadinhas de St.ª Cruz)
> Associação dos Artesãos da > Biblioteca Municipal de Cascais das 10h às 13h00 e das 14h às 18h00 Tel.: 214680808 | Tlm: 967880035
Costa do Estoril Infantil e Juvenil Feriados das 14h00 às 17h00 www.desenhabitado.pt
Praça 5 de Outubro, 72 B 2ª feira das 14h às 17h30 Estrada Marginal | S. Pedro do Estoril
Edifício da Estação | 2775-184 Parede 3ª a 6ª feira das 9h30 às 17h30 Tlm.: 913339840 | Tel.: 214643670
Sábado das 10h às 13h00 e das 14h às 17h30 > Espaço Internacional Rota Jovem
Tel.: 214579307 | Tm.: 914327305 centro.pontadosal@cm-cascais.pt
Encerra aos domingos e feriados Largo do Mercado, Edifício Rota Jovem – Cascais
www.artesanatocostaestoril.org
Avª. Rei Umberto II de Itália Tel. | Fax.: 214862005 | rotajovem@hotmail.com
> Cinemas Castello Lopes
> Associação Cultural de Cascais Parque Marechal Carmona | 2750-327 Cascais Cascaisvilla Shopping
Rua Eng. Adelino Amaro da Costa, Lote 25 C Tel.: 214815326 | Fax.: 214825381 > Espaço Memória dos Exílios
Av. da Marginal | Cascais
2775-149 Parede bij@cm-cascais.pt 2ª a 6ª feira das 10h às 18h00
Tel.: 214818510 reservas a partir das 12h30
Encerra aos sábados, domingos e feriados
5 salas
> Associação Internacional de Música > Biblioteca Municipal de Cascais Av. Marginal, 7152-A | 2765-247 Estoril
da Costa do Estoril Casa da Horta da Qta de Santa Clara 1º piso do Edifício da Estação dos CTT no Estoril
> Cinemas Warner Lusomundo Tel.: 214815930/09
Rua de Lisboa, 5 - Loja 12 | 2765-240 Estoril 2ª feira das 13h às 19h00 Cascaishopping
Tel. 214685199/214660081 | Fax 214685607 3ª a 6ª feira das 10h às 19h00 Consulta do catálogo on-line:
Estrada Nacional n.º 9 – Alcabideche
festivaldoestoril@sapo.pt Sábado das 10h às 13h00 e das 14h às 18h00 www.cm-cascais.pt/cascais/pacweb
2750-277 CASCAIS | Tel.:707246362
Av. Costa Pinto, Nº 27 | 2750-329 Cascais
http://lusomundo.sapo.pt
> Atelier HR Tel.: 214848711 | Fax: 214849520
7 salas > Espaço Memória
Rua Borges Barruncho, nº2. 2750 Cascais bchqsc@cm-cascais.pt Teatro Experimental de Cascais
Telm: 919621714 Consulta do catálogo on-line Visitas mediante marcação
www.cm-cascais.pt/cascais/pacweb > Cinema City Beloura Shopping Av. Marechal Carmona, 6B | 2750-312 Cascais
> Atlântida-cine Estrada Nacional nº 9 | Tel.:219247643
Tel.: 214867933
Junto à estação da CP de Carcavelos > Casa de Santa Maria www.cinemacity.pt | info@cinemacity.pt
Tel.: 214565653 | não efectuam reservas 3ª a domingo das 10h às 13h00 e das 14h às 17h00 9 salas
Sala 1 - lotação > 211 lugares Rua do Farol de Santa Marta | 2750-341 Cascais
Sala 2 - lotação > 81 lugares Tel.: 214815382 | Telm: 912414743
contactos 86 | 87

> Essência do Ser > Junta de Turismo da Costa do Estoril > No Mundo da Lua - Centro de Artes > Serviço de Apoio às Bibliotecas
2ª a 6ª feira das 10h às 13h00 e das 15h às 19h00 Av. Clotilde, Edifício Centro de Congressos, 3ºA Rua Mayer Garção, nº 274 Escolares (SABE)
Rua Dr. José Joaquim Almeida, 420 D, R/c Esq. 2765-211 Estoril 2765-539 S. Pedro do Estoril Biblioteca Municipal de Cascais
Carcavelos | Tel.: 214579312 Tel.:214678210 | Fax: 214678213 Tel.: 214674531 | nmlua@ntheias.com - S. Domingos de Rana
ser@essenciadoser.net | www.essenciadoser.net info@visiteestoril.com www.nomundodalua.com Tel.: 214481972 ext.: 4409
paula.almeida@cm-cascais.pt
> Farol Museu de Santa Marta > Livraria Municipal de Cascais > NUCLIO
Até 30 de Setembro 2ª a 6ª das 10h às 13h00 e das 14h às 17h00 NÚCLEO INTERACTIVO DE ASTRONOMIA > Teatro Gil Vicente
3ª feira a domingo das 10h às 19h00 Travessa da Conceição, nº 6 | 2750-327 Cascais Rua Fernão de Magalhães, nº 92, 301 Largo Manuel Rodrigues Lima, n.º 7/13
A partir de 1 de Outubro junto à estação CP 2775-573 Carcavelos 2750-478 Cascais | Tel.: 214830522
3ª feira a domingo das 10h às 18h00 Tel.: 214825379 Tel.: 214537440 | geral@nuclio.pt Lotação > 273 lugares
Encerra à 2ª feira e feriados.
Rua do Farol de Santa Marta > Mathnasium – Ginásio de Matemática > Oficina de Cerâmica > Teatro Mirita Casimiro
Tel.: 214815328 Rua António Gilberto de Andrade, 65 A Av. 25 de Abril, 1218 Teatro Experimental de Cascais
Cascais | Junto ao tribunal Tel: 214821276 | Tlm: 919670729 Av. Fausto Figueiredo, Monte Estoril
> Forte de S. Jorge de Oitavos Tel.:214836222 | Tlm: 918425353 2765-412 Estoril | Tel.: 214670320
Temporariamente encerrado para obras www.mathnasium.pt | cascais@mathnasium.pt > Oficina do Desenho
Estrada do Guincho | 2750 Cascais Edifício da Sociedade Musical de Cascais > Tons da Baía
> Moinho de Armação Tipo Americano Rua António Andrade Júnior, nº63 Largo Cidade de Vitória nº 32 | 2750 Cascais
> Fundação D. Luís I Visitável à 2ª, 4ª e 6ª feira, mediante marcação, Alto da Pampilheira | 2750-654 Cascais Tel.: 214846234
Avª. Rei Umberto II de Itália, S/N por grupos a partir de 10 pessoas. Tel.: 214832293 | Tlm: 963099972
2750-641 Cascais | Tel.: 214848900 Inscrições: entre as 10h e as 16h00 oficinadodesenho@mail.telepac.pt > Vox Laci
pelo tel.: 214601763 www.oficinadodesenho.interdinamica.pt Rua D. Francisco Coutinho, 302
> Fundação Diogo D’ávila Praceta do Moinho | 2645-060 Alcabideche 2775 S. Domingos de Rana
Rua Rei Pedro II da Jugoslávia, 1 > Quinta da Encosta Tlm: 963963749 e 919353786
Casa Fairway | 2765-269 Estoril > Museu-Biblioteca Conde Largo Vasco d’ Orey, nº 4 Sassoeiros info@voxlaci.com
Tel.: 214685559 | Fax: 214688684 de Castro Guimarães 2775-535 Carcavelos
E-mail: fdda@netcabo.pt | www.fdavila.org 3ª a domingo das 10h às 17h00 Tel.: 214581569 > Way of Arts
Avª. Rei Humberto II de Itália info@quintadaencosta.com Rua do Campo Santo nº 92, Galiza
> Galeria Trassovivo Parque Marechal Carmona | 2750 -319 Cascais 2765-306 S. João do Estoril
Tel.: 214684172
Rua Alfredo Santos Fidalgo, nº28 A | Carcavelos Tel.: 214815304 > Pátio das Artes | Margarida’s School
mccg@cm-cascais.pt Av. Portugal, 616 C/V | 2765 Estoril
> Grupo Ecológico de Cascais Contactos Câmara Municipal de Cascais
Tel.: 214681571
Rua do Estorninho, loja L – Quinta da Bicuda > Museu do Mar - Rei D. Carlos E-mail: margaridaschool@netcabo.pt
2750-686 Cascais 3ª a domingo das 10h às 17h00 www.margaridaschool.com
> Departamento de Cultura
Tel.: 214847136 | gec@sapo.pt Tel: 214825018 | Fax: 214836970
Rua Júlio Pereira de Mello | 2750 - 319 Cascais patiodasartes.blogs.sapo.pt
agenda.cultural@cm-cascais.pt | www.cm-cascais.pt
Tel.: 214815906
> Interartes - Escola de Música e Tecnologia museumar@cm-cascais.pt > Posto de Turismo de Cascais > Geral
Av. 25 de Abril, Galerias O Navegador, 2ª a sábado das 9h às 19h00
214825000
Piso-2, Lojas 65-66C | Cascais > Museu da Música Portuguesa Domingos e feriados das 10h às 18h00
Tel.:214866468 | Tlm: 966545906 - Casa Verdades de Faria Rua Visconde da Luz, nº14 | 14-A
Visitas ao Museu
> Apoio ao Munícipe
interartes@gmail.com 2750 Cascais
214825166|10
3ª feira a dom. das 10h às 13h e das 14h às 17h Tel.: 214868204
> Instituto de Cultura e Estudos Sociais Centro de Documentação
5ª e 6ª feira das 10h às 13h e das 14h às 17h00
> Assembleia Municipal de Cascais
Travessa da Conceição, nº 6 | 2750-327 Cascais > Posto de Turismo do Estoril 214825338
Junto à estação da CP Av. de Sabóia, n.º 1146 – Monte Estoril 2ª a 6ª das 9h às 19h00
Tel.:214825330 2765-580 Estoril | Tel.: 214815901|02 Sábados, domingos e feriados das 10h às 18h00
mmp@cm-cascais.pt
> Departamento de Actividades Económicas
Arcadas do Parque | 2750 Cascais 214815801|2
> Jangada de Pedra Tel.: 214663813
Escritório: Rua Octaviano Augusto, 15-1º > Departamento de Ambiente
2775-256 Parede | Tel.:214577134 214814318|9
taniaguerreiro@jangada.pt
contactos 88 | 89

> Departamento de Assuntos Jurídicos > Provedor Municipal > Centro de Saúde de Alcabideche > Junta de Freguesia de Carcavelos
214825231 214818590 214691838 214588910 | www.jf-carcavelos.pt

> Departamento de Desporto > Recolha de “Monstros” > Centro de Saúde de Carcavelos > Junta de Freguesia de Cascais
214825556|8 800203186 214574282 214849550 | www.jf-cascais.pt
> Departamento de Educação e Juventude
214814228 > Serviço Municipal de Informação > Centro de Saúde de Cascais > Junta de Freguesia de Estoril
ao Consumidor 214812710 214646140
> Departamento de Gestão Financeira 214814816
214825309 > Centro de Saúde de Estoril > Junta de Freguesia de Parede
> Serviço Municipal de Protecção Civil 214659580 214586730
> Departamento de Habitação e 214607610
Desenvolvimento Sócio-Territorial > Centro de Saúde de Parede > Junta de Freguesia de S. Dom. de Rana
214814256 Outros telefones úteis 214547000 214524444

> Departamento de Manutenção e Trânsito > Aeródromo Municipal de Tires > Centro de Saúde de S. Dom. de Rana > Junta de Turismo da Costa do Estoril
214814723 214456265 214520574 Sede > 214678210 | Estoril > 214663813
Cascais > 214868204
> Departamento de Obras Municipais > Águas de Cascais > Centro de Saúde de Tires
214825538 214838300 | www.aguasdecascais.pt 214450543 > Protecção Civil de Cascais
214607610
> Departamento de Planeamento Estratégico > Bombeiros Alcabideche > CP
214825209 214690026 Gabinete de Apoio ao Cliente Cais do Sodré > Polícia Marítima de Cascais
800203067 | www.cp.pt 214864500
> Departamento de Polícia Municipal > Bombeiros Carcavelos - S.D. Rana
Contacto 24 horas – 214815611 214584700 > EDP > PSP
800505505 | www.edp.pt Cascais > 214839100 | Estoril > 214681396
> Departamento de Recursos Humanos > Bombeiros Cascais Parede > 214575978 | Carcavelos > 214570228
214825225|6 214828400 > EMAC S. Domingos de Rana > 214525417
800203186
> Departamento de Urbanismo > Bombeiros Estoril > Repartições de Finanças
800200276 | 214825378 214680189 > Empresa Municipal de Gestão Cascais > 214849900
Habitacional EMGHA Carcavelos > 214560045/0639
> Gab. Comunicação e Relações Públicas > Bombeiros Parede Cascais 214812100
214825163 | 64 214571004 > Scotturb - Transportes Urbanos, Lda
> GNR Alcabideche > 214699100
> Gabinete de Intervenção nas > BRISA Alcabideche 214603850 www.scotturb.com
Toxicodependências Apoio a clientes 808508508 | www.brisa.pt Trajouce 214453619
214825422 > Serviço Local de Seg. Social de Cascais
> Câmara Municipal de Oeiras > Hospital Distrital de Cascais Rua Alexandre Herculano, nº21, 1º| Cascais
> Gabinete de Sistema de 214408300 | www.cm-oeiras.pt 214827700 214825600
Informação Geográfica
214825287 > Câmara Municipal de Sintra > Hospital Ortopédico de Sant’Ana > Rádio Táxis Costa do Sol
219238500 | www.cm-sintra.pt 214585600 214660101
> Plano Especial de Realojamento
214825250 | 5333 > Capitania do Porto de Cascais > Hospital Ortopédico Dr. José d’Almeida > Cooperativa de Táxis D. Pedro I, CRL
214864469 214568600 214670850
> Projecto do Aeroporto Municipal
214606250 > Centro de Emprego > Juntas de Freguesia de Alcabideche > Auto Táxis Vasquinho, Lda
Instituto do Emprego e Formação Profissional 214603212 | www.jf-alcabideche.pt 214864731
> Projecto de Recuperação e Legalização 214812010 | www.iefp.pt
de Loteamentos Ilegais > Tribunal Judicial de Cascais
214825375|6 214824900
calendário 90 | 91

janeiro 2008 fevereiro 2008


1 T 1 S
2 Q 2 S
3 Q 3 D
4 S 4 S
5 S 5 T
6 D 6 Q
7 S 7 Q
8 T 8 S
9 Q 9 S
10 Q 10 D
11 S 11 S
12 S 12 T
13 D 13 Q
14 S 14 Q
15 T 15 S
16 Q 16 S
17 Q 17 D
18 S 18 S
19 S 19 T
20 D 20 Q
21 S 21 Q
22 T 22 S
23 Q 23 S
24 Q 24 D
25 S 25 S
26 S 26 T
27 D 27 Q
28 S 28 Q
29 T 29 S
30 Q
31 Q
92 | 93
94 | 95
Na Capa
Exposição de Ourivesaria
do Museu Condes de Castro Guimarães