Você está na página 1de 3

Marcus Vinicius Ginez da Silva

Advogado – OAB-PR.30.664
_________________________________________________________________________________________________________________

Instrumento Particular de Rescisão


Contratual

Dezainy Assessoria de Cobranças s/c Ltda


&
Conjunto Residencial Carlos Clementino Moreira

O presente instrumento particular tem como base à


Rescisão Contratual, onde as partes por comum acordo realizam o
DISTRATO do contrato firmado entre o CONDOMÍNIO CONJUNTO CARLOS
CLEMENTINO MOREIRA, pessoa jurídica de direito privado, inscrito no
CNPJ sob nº 80.298.243/0001-97, com localização nesta cidade e
comarca de Londrina/PR, sito à rua Roseiral, nº 100, neste ato
representado por seu síndico sr. SANTOS BONORA MUNHOZ, brasileiro,
casado, residente e domiciliada no apto. 404 – Bloco 01, portador do
CPF/MF sob o nº

718.891.169-04, acompanhada de seu advogado Dr. José


Luiz Nunes da Silva OAB-PR.27255, e de outro doravante denominada
Dezainy Assessoria de Cobranças S/C LTDA, pessoa jurídica de direito
privado, com sede também nesta cidade de comarca de Londrina/PR, sito
à rua Minas Gerais, 297, Sl.94, 9ºAndar, com inscrição no CGC/MF sob
o nº85.446.615/0001-07, neste ato representada por sua gerente IVONE
DA CRUZ, brasileira, casada, bem como por seu advogado Dr. Marcus
Vinicius Ginez da Silva OAB-PR.30664, resolvem por comum acordo fazer
o DISTRATO das estipulações firmadas no Instrumento Particular de
contrato de Garantia de Taxas Condominiais, cujo presente segue nos
seguintes termos que ora se estabelece:

CLÁUSULA PRIMEIRA - A presente rescisão teve principal


como motivo 02(dois), itens abaixo descrito:

I – o elevado índice de inadimplência que após o


vencimento do mês de março atingiu um percentual de 36%(trinta e seis
por cento);

II – E a recusa do condomínio em aceitar a proposta


requerida pela Dezainy, qual seja, que em um prazo não superior a 120
dias o repasse fosse feito em duas vezes, sendo 60%(sessenta por

_________________________________________________________________________________________________________________
Rua Minas Gerais, 297 - 9º Andar-Sala 94 – Ed. Palácio do Comércio Fone/Fax (43)321-3562 / 344-
2184/ 9101-6361.
Email-marcuszenig21@hotmail.com
1/ 3
Marcus Vinicius Ginez da Silva
Advogado – OAB-PR.30.664
_________________________________________________________________________________________________________________

cento), no dia aprazado em contrato e, o remanescente até o último


dia do mês.

CLÁUSULA SEGUNDA - A DEZAINY ASSESSORIA DE COBRANÇAS


S/C LTDA sub-rogar-se-a em todos os direitos e Poderes para receber
as Taxas de Condomínio em atraso até o último repasse, qual seja,
MARÇO DE 2002, permanecendo-se responsável pela cobrança das taxas
condominiais vencidas até a data alhures, inclusive nos casos
demandados judicialmente.

CLÁUSULA TERCEIRA- A atual e ou futura administração do


CONJUNTO RESIDENCIAL AIMARÁ II, “não poderá em hipótese alguma
receber ou dar quitação total ou parcial das taxas condominiais
vencidas entre o período compreendido de 01/10/1998 até 06/03/2002”,
sob pena de ficar o Condomínio obrigado a devida restituição da
quantia recebida, acrescido da multa de 20%(vinte por cento), juros
de mora e correção monetária, bem como de outros encargos que vierem
a ser criados por lei, e ainda os honorários advocatícios desde já
fixados em 20%(vinte por cento) sobre o total recebido além das
custas despedidas nos casos de cobranças judicial.

CLAÚSULA QUARTA - O CONJUNTO RESIDENCIAL AIMARÁ II,


deverá a qualquer tempo fornecer a Dezainy assessoria de Cobranças
S/C LTDA, todos quaisquer documentos necessários à propositura da
competente Ação de Cobrança que será ajuizada em nome do Condomínio,
cujas cotas vencidas integrem o período descrito na CLÁUSULA SEGUNDA.

I – O (a) síndico(a), nos casos e que forem ajuizadas


as AÇÕES DE COBRANÇA, deverá assinar a procuração com poderes ‘ad e
et judicia” fornecendo sempre que necessário a última ata de Eleição
do Síndico, quaisquer mudanças realizada por Assembléia Geral e
Extraordinária que modifique a Convenção ou o Regimento Interno do
Condomínio.
CLAUSULA QUINTA – O Condomínio não poderá em hipótese
alguma modificar o percentual da multa fixada em 20%(vinte por
cento), nos casos das cobranças que integrem o presente Contrato ora
Distratado, contudo, após a data do DISTRATO o condomínio querendo
alterar o percentual da multa através de Assembléia, “deverá
resguardar o direito da Dezainy Assessoria de Cobrança S/C referente
a multa de 20%(vinte por cento), que serão aplicadas nas ações
Judiciais”

I - O Condomínio mesmo após rescindido o contrato, não


poderá privar a entrada dos cobradores da Dezainy, para que estes
possam realizar a cobrança nos apartamentos dos moradores
inadimplentes.

CLÁUSULA SEXTA – No caso de mudança do morador


inadimplente, o CONDOMÍNIO não poderá dar autorização de mudança
devendo de imediato comunicar a Dezainy para que esta tome as medidas
legais, não pode também o Condomínio dar qualquer DECLARAÇÃO DE
QUITAÇÃO das taxas vencidas e não pagas constates no período de
_________________________________________________________________________________________________________________
Rua Minas Gerais, 297 - 9º Andar-Sala 94 – Ed. Palácio do Comércio Fone/Fax (43)321-3562 / 344-
2184/ 9101-6361.
Email-marcuszenig21@hotmail.com
2/ 3
Marcus Vinicius Ginez da Silva
Advogado – OAB-PR.30.664
_________________________________________________________________________________________________________________

OUTUBRO DE 1998 À MARÇO DE 2002, sob pena de responder o Condomínio


pelo reembolso descrito na CLÁUSULA TERCEIRA.

CLÁUSULA SÉTIMA - A partir da presente data fica


estabelecido o DISTRATADO do o Liame Obrigacional celebrado no
Instrumento Particular de Contrato de Garantia de Taxas de Condomínio
celebrado entre as partes, restando para tanto o cumprimento do
presente que ora se impõe.

CLÁUSULA OITAVA – Fica eleito o foro da comarca de


Londrina, com privilégio sobre qualquer outro, para dirimir qualquer
questão oriunda do presente contrato.

E, para que o pressente instrumento de DISTRATO,


surta seu efeito legal, foi este redigido em 02(duas), vias de
igual teor, firmado pelas partes seus procuradores e
testemunhas a baixo relacionadas.

Londrina, 18 de março de 2002

____________________________ _________________________________
COND. CONJ. RES. AIMARÁ II DEZAINY ASS. DE COBRANÇA S/C LTDA
MARIA ZENAIDE DE OLIVEIRA IVONE DA CRUZ - GERENTE
SÍNDICA

_______________________ ___________________________
JOSÉ LUIZ NINEZ DA SILVA MARCUS VINICIUS GINEZ DA SILVA
Advogado OAB-PR.27255 Advogado OAB-PR.30664

TESTEMUNHAS:

______________________________ __________________________________
GULHERME RESS BARBOZA MARCOS ANTÔNIO DE SOUZA
OAB-30120 CPF/MF 790.059.177-20

_________________________________________________________________________________________________________________
Rua Minas Gerais, 297 - 9º Andar-Sala 94 – Ed. Palácio do Comércio Fone/Fax (43)321-3562 / 344-
2184/ 9101-6361.
Email-marcuszenig21@hotmail.com
3/ 3