Você está na página 1de 8

lv

Si
o
72 ã
MI
NI
03 CAR GO:pc pi

13 ç
A
GEN
TED
EPO

CI
Aci
vi
l
P
ROV
ASO
BJE
TI
VA
S
67 ei
c
97 n o
25 C
: 6 ilo
PF an
D

"
Nin
guémpo
defaz
ervo
cêses
ent
iri
nf
er
io
r
s
emoseucon
sent
ime
nto
"
E
le
anor
Roo
sev
elt
C

#pert
e n
ceremos
www.
proj
etocav
eir
a.c
om.
br
PROJETO CAVEIRA – PCPI 03º MINI LEG. ESPECIAL

lv
a) perda de bens e valores.
LEGISLAÇÃO ESPECIAL
b) medida educativa de internação em unidade de

Si
1.Assinale a opção que apresenta medida protetiva de tratamento.
urgência a ser aplicada ao agressor no caso de
constatação da prática de violência doméstica contra a c) advertência sobre os efeitos das drogas.
mulher, conforme o disposto na Lei Maria da Penha — Lei
n.º 11.340/2006. d) admoestação verbal pelo juiz.

o
a) transferência para outra comarca e) prestação pecuniária.

72 ã
b) prestação de serviços em creches e asilos
4.Em uma cidade brasileira, durante as eleições municipais,
c) proibição de aproximação ou contato com um delegado de polícia estadual não efetuou a prisão em
familiares da ofendida flagrante de um indivíduo acusado do delito de captação

13 ç
de sufrágio, popularmente conhecido como “boca de
d) pagamento de multa urna”, alegando ausência de indícios de materialidade do
delito. Em virtude dessa conduta, um juiz eleitoral
e) pagamento de cestas básicas decretou, sem as devidas formalidades legais, ordem de
detenção do delegado até o fim do pleito.

67 ei
2.Está em conformidade com a Lei no 11.343/2006, que Considerando a situação hipotética apresentada e a
instituiu o Sistema Nacional de Políticas Públicas sobre legislação vigente sobre abuso de autoridade, assinale a
Drogas − SISNAD, e com o entendimento do Superior
c
Tribunal de Justiça acerca do assunto:
opção correta.
97 n
a) Vítimas de abuso de autoridade podem representar
a) Compete ao juiz estadual do local da apreensão da
o autor do delito diretamente ao órgão do Ministério
droga remetida do exterior pela via postal processar e
o
Público.
julgar o crime de tráfico internacional.
b) É vedado ao Ministério Público requerer o
25 C

b) É incabível a aplicação retroativa da Lei no arquivamento de representação referente a crimes de


11.343/2006, ainda que o resultado da incidência das
abuso de autoridade.
suas disposições seja mais favorável ao réu do que o
advindo da aplicação da Lei no 6.368/1976, sendo c) O ato do juiz eleitoral não pode ser tipificado como
: 6 ilo

possível, também, a combinação das referidas leis. crime de abuso de autoridade.


c) Para a incidência da majorante prevista no art. 40,
d) A conduta do delegado de polícia enquadra-se
V, da Lei no 11.343/2006, é desnecessária a efetiva
como delito de abuso de autoridade.
PF an

transposição de fronteiras entre Estados da Federação,


sendo suficiente a demonstração inequívoca da intenção
e) Os autores do delito de abuso de autoridade estão
de realizar o tráfico interestadual.
sujeitos a pena de reclusão.
d) Em razão de alteração legislativa recente, quem
D

adquirir, guardar, tiver em depósito, transportar ou trouxer


consigo, para consumo pessoal, drogas sem autorização 5.Carlos exerce cargo público de natureza civil, de forma
ou em desacordo com determinação legal ou transitória e sem remuneração. No exercício do seu
regulamentar não terá praticado qualquer delito. trabalho, cometeu atentado ao livre exercício do culto
religioso. Por isso, Carlos recebeu sanção administrativa
e) É dispensável a licença prévia da autoridade legalmente determinada em função da gravidade do
competente para produzir, extrair, fabricar, transformar, abuso cometido, que consistiu em advertência.
preparar, possuir, manter em depósito, importar, exportar, Considerando as disposições da Lei n° 4.898/65, Carlos
reexportar, remeter, transportar, expor, oferecer, vender,
comprar, trocar, ceder ou adquirir, para fins medicinais, a) não é considerado autoridade, pois exerce seu
C

drogas ou matéria-prima destinada à sua preparação, cargo de forma transitória.


observadas as demais exigências legais.
b) sofreu advertência por abuso de autoridade.

c) não é considerado autoridade, pois exerce seu


3.Indivíduo não reincidente que semeie, para consumo cargo sem remuneração.
pessoal, plantas destinadas à preparação de pequena
d) cometeu abuso de autoridade, mas a advertência
quantidade de produto capaz de causar dependência
não é sanção administrativa prevista para o atentado
psíquica se sujeita à penalidade imediata de
cometido.

www.projetocaveira.com.br
PROJETO CAVEIRA – PCPI 03º MINI LEG. ESPECIAL

lv
e) cometeu atentado que não caracteriza abuso de
autoridade. e) Considera-se autoridade, para os efeitos da
referida lei, apenas quem exerce cargo, emprego ou

Si
função pública, de natureza civil, ou militar, de natureza
6.A Declaração Universal dos Direitos Humanos permanente.

a) prevê, expressamente, o dever da fraternidade no


agir uns para com os outros. 9.Segundo a jurisprudência dominante do STF, é correto:

o
b) assevera que o acesso a cargos públicos pode ser a) não configura constrangimento ilegal o

72 ã
mitigado em função de condições fáticas. cumprimento de pena em regime mais gravoso do que o
fixado na sentença em virtude da falta de vagas, pois se
c) estabelece que o princípio da fraternidade pode ser aplica o princípio da reserva do possível.
limitado em situações de calamidade.
b) a hediondez do tráfico de drogas em todas as suas

13 ç
d) é pensada a partir das situações ocorridas no modalidades impede a aplicação do indulto.
Grande Terror da Revolução Francesa.
c) o delito previsto no artigo 33 da Lei de Drogas, por
e) retira de sua construção normativa a ser crime de ação múltipla, faz com que o agente que, no
desnecessidade de o indivíduo ser responsável para com mesmo contexto fático e sucessivamente, pratique mais

67 ei
a comunidade na qual se insere. de uma ação típica, responda por crime único em função
do princípio da alternatividade.
c
7.Assinale a alternativa que indica corretamente o
organismo internacional cujo preâmbulo da Declaração
d) o porte de munição de arma de fogo de uso restrito
constitui crime de perigo concreto, necessitando da
97 n
Universal dos Direitos Humanos aponta que se presença da arma de fogo para sua tipificação.
compromete a promover, em cooperação com os Estados
o
Membros, o respeito universal e efetivo dos direitos do e) a circunstância judicial da personalidade do agente,
Homem e das liberdades fundamentais. por ser própria do direito penal do autor, não foi
recepcionada pela Constituição de 1988.
25 C

a) Comunidade Europeia

b) Organização do Tratado Norte 10.A respeito do crime de abuso de autoridade, assinale a


opção correta à luz da atual legislação de regência.
: 6 ilo

c) Organização das Nações Unidas


a) Em caso de abuso de autoridade cometido por
d) Organização Internacional do Trabalho agente de autoridade policial, civil ou militar, poderá ser
cominada pena autônoma ou acessória, consistente em
PF an

e) Fundo das Nações Unidas para a Infância não poder o acusado exercer funções de natureza policial
pelo prazo de um a cinco anos.

b) O sujeito ativo do crime de abuso de autoridade é


D

8.A Lei Federal nº 4.898/1965 disciplina a responsabilidade toda autoridade pública, considerada como tal o
em caso de abuso de autoridade. Tal diploma estatui que: funcionário público que exerça cargo, emprego ou função
em caráter efetivo e remunerado.
a) O processo administrativo para apurar abuso de
autoridade deve ser sobrestado para o fim de aguardar a c) O mesário eleitoral exerce múnus público, motivo
decisão da ação penal que apura a mesma conduta. pelo qual não pratica o crime de abuso de autoridade, pois
o encargo que lhe incumbe não é típico de autoridade
b) Quando o abuso for cometido por agente de pública.
autoridade policial, civil ou militar, de qualquer categoria,
poderá ser cominada a pena autônoma ou acessória, de d) O particular não pode ser sujeito ativo do crime de
C

não poder o acusado exercer funções de natureza policial abuso de autoridade, salvo se praticar o fato criminoso em
ou militar no município da culpa, por prazo de um a cinco concurso com o funcionário público e se tiver consciência
anos. dessa condição elementar.
c) Dentre as sanções penais que podem ser aplicadas e) As ações penais relativas aos crimes de abuso de
está a perda do cargo e a inabilitação para o exercício de autoridade são públicas, condicionadas à representação
qualquer outra função pública por prazo de até oito anos. da vítima.
d) Constitui abuso de autoridade qualquer atentado ao
exercício dos direitos sociais.

www.projetocaveira.com.br
PROJETO CAVEIRA – PCPI 03º MINI LEG. ESPECIAL

lv
11.Com relação à Declaração Universal dos Direitos na terceira fase da dosimetria da pena, sob pena de bis in
Humanos, é correto afirmar que a(os): idem.

Si
a) três valores fundamentais dos direitos humanos e) As circunstâncias judiciais previstas na parte geral
são a liberdade, a igualdade e a fraternidade. do CP podem ser utilizadas para aumentar a pena base,
mas a natureza e a quantidade da droga não podem ser
b) pessoas vítimas de perseguição tem direito de utilizadas na primeira fase da dosimetria da pena.
procurar asilo em outro país, mesmo nos casos em que a

o
perseguição é motivada por crimes de direito comum.
14.A Lei nº 11.343/2006 é a atual Lei sobre drogas. Tendo

72 ã
c) liberdade de opinião e de expressão não inclui a por base os ditames do citado diploma, assinale a
liberdade de transmitir informações por qualquer meio e alternativa correta.
independente de fronteiras. a) Referido diploma legal institui o Sistema Nacional
de Políticas Públicas sobre Drogas.
d) direitos de liberdade previsto são relativos à esfera

13 ç
individual, não prevendo liberdades políticas relativas à b) O porte e o cultivo para consumo próprio não
participação do povo no governo. configuram crime.

e) liberdade religiosa é acessível a qualquer pessoa c) O sujeito ativo do delito previsto no Artigo 33, caput,
desde que sua manifestação seja feita de forma coletiva e da lei em comento pode ser qualquer pessoa. Trata-se de

67 ei
em particular apenas. crime comum. No entanto, a coautoria e a participação
não são possíveis nas condutas descritas no tipo penal.
c
12.Configura violência doméstica e familiar contra a mulher
qualquer ação ou omissão que, baseada no gênero, lhe
d) Denomina como objeto material dos crimes nela
previstos a seguinte expressão: “substância entorpecente
97 n
cause sofrimento físico e que ocorra ou que determine dependência física ou psíquica”.
o
a) dentro da residência da vítima, desde que o e) No momento em que o agente realiza a conduta
agressor seja do sexo masculino. típica, se dá a consumação do tráfico de drogas. Todas as
condutas previstas no artigo 33 da lei em estudo
25 C

b) em relação íntima de afeto, somente se o agressor constituem crimes permanentes.


ainda conviver com a vítima.

c) em relação íntima de afeto, independentemente da 15.Sobre as medidas protetivas de urgência em favor da


: 6 ilo

coabitação dos envolvidos. mulher vítima de violência doméstica e familiar,

d) no âmbito da unidade doméstica, desde que o a) é permitido ao juiz, exclusivamente a requerimento


agressor seja pessoa da família. do Ministério Público, rever as medidas já concedidas, se
PF an

entender necessário à proteção da vítima.


e) no âmbito da família, salvo se o agressor não
possuir laços naturais com a vítima. b) ou a vítima, ou seu advogado ou Defensor Público,
deverão ser informados sobre a saída do agressor da
D

prisão.
13.Com referência aos parâmetros legais da dosimetria da
pena para os crimes elencados na Lei n.°11.343/2006 — c) não abrangerá a suspensão da visita do agressor
Lei Antidrogas — e ao entendimento dos tribunais aos dependentes menores, sob nenhuma hipótese, tendo
superiores sobre essa matéria, assinale a opção correta. em vista a importância da convivência familiar.

a) A personalidade e a conduta social do agente não d) poderá ensejar a proibição temporária para a
preponderam sobre outras circunstâncias judiciais da celebração de atos e contratos de compra e venda,
parte geral do CP quando da dosimetria da pena. locação de propriedade em comum, salvo expressa
autorização judicial.
C

b) A natureza e a quantidade da droga são


circunstâncias judiciais previstas na parte geral do CP. e) não inclui a possibilidade de o juiz decidir pela
separação de corpos.
c) A natureza e a quantidade da droga não
preponderam sobre outras circunstâncias judiciais da
parte geral do CP quando da dosimetria da pena.
16.Considerando as disposições contidas na Lei nº 8.429 de
d) A natureza e a quantidade da droga apreendida não 1992 – Lei de Improbidade Administrativa, assinale a
podem ser utilizadas, concomitantemente, na primeira e alternativa CORRETA.

www.projetocaveira.com.br
PROJETO CAVEIRA – PCPI 03º MINI LEG. ESPECIAL

lv
a) As ações destinadas a levar a efeito as sanções improbidade administrativa importando enriquecimento
cominadas aos atos ímprobos podem ser propostas até ilícito auferir qualquer tipo de vantagem patrimonial
dois anos após o término do exercício de mandato, de indevida em razão do exercício de cargo, mandato,

Si
cargo em comissão ou de função de confiança. função, emprego ou atividade lei, e notadamente:

b) Estando a petição inicial da ação de improbidade a) Receber, para si ou para outrem, dinheiro, bem
em devida forma, o juiz mandará autuá-la e ordenará a móvel ou imóvel, ou qualquer outra vantagem econômica,
citação do requerido, para, no prazo de quinze dias, direta ou indireta, a título de comissão, percentagem,

o
contestar a ação. gratificação ou presente de quem tenha interesse, direto
ou indireto, que possa ser atingido ou amparado por ação

72 ã
c) A legitimidade para a propositura da ação de ou omissão decorrente das atribuições do agente público.
improbidade pertence apenas à pessoa jurídica de direito
público interessada. b) Receber vantagem patrimonial indireta, para
facilitar a alienação, permuta ou locação de bem público
d) A aplicação das sanções previstas na Lei de ou o fornecimento de serviço por ente estatal por preço

13 ç
Improbidade não depende da aprovação ou rejeição das superior ao valor de mercado.
contas pelo órgão de controle interno ou pelo Tribunal ou
Conselho de Contas. c) Alugar, para si ou para outrem, no exercício de
mandato, cargo, emprego ou função pública, bens de
e) Entre as sanções às quais está sujeito o agente qualquer natureza cujo valor seja inferior à evolução do

67 ei
público que negar publicidade aos atos oficiais figuram patrimônio ou à renda do agente público.
perda da função pública, bem como a suspensão dos
direitos políticos de cinco a oito anos.
c d) Receber vantagem econômica de qualquer
natureza, direta ou indiretamente, para divulgar ato de
ofício, providência ou declaração independentemente de
97 n
17.Considerando a disciplina normativa estabelecida para a estar ou não obrigado.
improbidade administrativa, assinale a alternativa
o
INCORRETA. e) Conceder vantagem econômica de qualquer
natureza, direta ou indireta, para combater a exploração
a) A posse e o exercício de agente público ficam ou a prática de jogos de azar, de lenocínio, de
25 C

condicionados à apresentação de declaração dos bens e narcotráfico, de contrabando, de usura ou de qualquer


valores que compõem o seu patrimônio privado, a fim de outra atividade ilícita, ou aceitar promessa de tal
ser arquivada no serviço de pessoal competente. vantagem.
: 6 ilo

b) Qualquer pessoa poderá representar a autoridade


administrativa competente para que seja instaurada 19.De acordo com a Lei 10.826/03, que dispõe sobre registro,
investigação destinada a apurar a prática de ato de posse e comercialização de armas de fogo e munição e
improbidade. sobre o Sistema Nacional de Armas – Sinarm compete ao
PF an

Sinarm, dentre outras atribuições:


c) Constitui ato de improbidade administrativa que
atenta contra os princípios da administração, entre outras I. Identificar as características e a propriedade de armas
hipóteses, descumprir as normas relativas à celebração, de fogo, mediante cadastro.
D

fiscalização e aprovação de contas de parcerias firmadas


pela administração pública com entidades privadas. II. Cadastrar as armas de fogo das Forças Armadas e
Auxiliares, mantendo registro próprio.
d) Constitui crime a representação por ato de
improbidade contra agente público ou terceiro III. Cadastrar as apreensões de armas de fogo, exceto as
beneficiário, quando o autor da denúncia o sabe inocente. vinculadas a procedimentos policiais e judiciais.
A sanção penal não exclui a possibilidade de
responsabilização civil do representante. IV. Cadastrar os armeiros em atividade no País, bem
como conceder licença para exercer a atividade.
e) As disposições contidas na lei de improbidade
C

administrativa somente se aplicam aos ocupantes de Assinale a alternativa correta:


cargos públicos, sejam efetivos ou comissionados.
a) Apenas I e II estão corretas.

b) Apenas II e IV estão corretas.


18.Os atos de improbidade praticados por qualquer agente
público, servidor ou não, contra a administração direta, c) Apenas I e IV estão corretas.
indireta ou fundacional de qualquer dos Poderes da União,
dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios, serão d) Apenas I e III estão corretas.
punidos na forma da Lei nº 8.429/92. Constitui ato de
4

www.projetocaveira.com.br
PROJETO CAVEIRA – PCPI 03º MINI LEG. ESPECIAL

lv
e) Todas estão corretas. b) na hipótese em que, na residência, houver
disponibilidade de munição compatível com a arma
apreendida.

Si
20.Analise as proposições a seguir.
c) se o implicado não possuir licença para o porte da
I. Configura crime de preconceito de raça ou cor (Lei n. arma apreendida.
7.716/1989) distribuir emblemas com símbolos que
utilizem a cruz suástica ou gamada, para fins de d) caso o implicado não possua o registro de

o
divulgação do nazismo. propriedade válido da arma.
II. Adolescente que pratica ato infracional análogo ao do

72 ã
artigo 28 da Lei n. 11.343/2006 (Lei de Drogas), pois e) se a residência estiver situada em área urbana.
apreendida consigo substância entorpecente para uso
pessoal, não pode ter contra si aplicada medida
socioeducativa prevista no Estatuto da Criança e do 23.No que concerne à Lei que trata dos crimes Hediondos
Adolescente (Lei n. 8.069/1990) que restrinja, ainda que (Lei n° 8.072/1990 e suas alterações), assinale a

13 ç
parcialmente, sua liberdade pessoal, conforme alternativa correta.
entendimento do Supremo Tribunal Federal.
a) A progressão de regime, no caso dos condenados
III. É crime de tortura (Lei n. 9.455/1997) a conduta de por crimes hediondos, dar-se-á após o cumprimento de
constranger alguém com emprego de grave ameaça, 3/5 (três quintos) da pena, se o apenado for primário.

67 ei
causando-lhe sofrimento mental, em razão de
discriminação religiosa. b) O crime de homicídio qualificado previsto no Código
c Penal Militar é considerado hediondo.
IV. Tratando-se de crime hediondo ou equiparado (Lei n.
8.072/90), o condenado por crime de tortura (Lei n. c) O fato de o crime ser considerado hediondo, por si
97 n
9.455/1997), em qualquer modalidade, deverá iniciar o só, não impede a concessão da liberdade provisória, de
cumprimento da pena em regime fechado. acordo com o entendimento dos Tribunais Superiores.
o
Assinale a alternativa correta. d) O sistema adotado pela legislação brasileira para
rotular uma conduta como hediondo é o sistema misto.
25 C

a) Somente os itens I e II estão corretos.


e) Dentre os crimes equiparados aos hediondos
b) Somente os itens III e IV estão corretos. estão: tortura, tráfico ilícito de drogas e racismo.
: 6 ilo

c) Somente os itens II, III e IV estão corretos.


24.Consoante a Lei de Tortura (Lei n° 9.455/1997), assinale
d) Somente os itens I, II e III estão corretos. a alternativa correta.
PF an

e) Todos os itens estão corretos. a) A Lei de Tortura aplica-se ainda quando o crime não
tenha sido cometido em território nacional, sendo a vítima
brasileira ou encontrando-se o agente em local
21.Dentre os crime tipificados na Lei n. 10.826/2003, é de sobjurisdição brasileira.
D

menor potencial ofensivo o crime de


b) Se o crime é cometido contra criança, gestante,
a) omissão de cautela. portador de deficiência, adolescente ou maior de 70
(setenta) anos, aumenta-se a pena um sexto até a
b) posse irregular de arma de fogo de uso permitido. metade.

c) porte ilegal de arma de fogo de uso permitido. c) O crime de tortura é inafiançável e suscetível de
graça ou anistia.
d) disparo de arma de fogo.
d) A condenação pela prática do crime de tortura
C

e) comércio ilegal de arma de fogo. acarretará a perda do cargo, função ou emprego público
e a interdição para seu exercício pelo triplo do prazo da
pena aplicada.
22.A guarda de arma desmuniciada, de uso permitido, em
sua própria residência, constituirá crime e) O condenado por crime previsto na Lei de Tortura,
via de regra, iniciará o cumprimento da pena em regime
a) na hipótese de a arma, em exame pericial, se semiaberto.
mostrar apta a efetuar disparo.

www.projetocaveira.com.br
PROJETO CAVEIRA – PCPI 03º MINI LEG. ESPECIAL

lv
25.Constranger alguém com emprego de violência ou grave e) Os homens e mulheres de maior idade têm o direito
ameaça, causando-lhe sofrimento físico ou mental, com o de contrair matrimônio e fundar uma família, observadas
fim de obter informação, declaração ou confissão da as restrições de suas religiões ou crenças.

Si
vítima ou de terceira pessoa constitui em:

a) crime de imprensa. 28.Sobre a Declaração Universal dos Direitos Humanos, é


correto afirmar que:
b) crime de tortura.

o
a) não trata da liberdade religiosa.
c) crime de constrangimento ilegal.

72 ã
b) não faz referência a direitos políticos.
d) crime de lesões corporais.
c) foi editada em 1958.
e) crime contra a liberdade individual.

13 ç
d) é vinculante em sua integral idade, por se tratar de
26.Considerando o quanto disposto na Declaração Universal resolução da Organização das Nações Unidas.
dos Direitos Humanos, é correto afirmar que:
e) prega os ideais de liberdade, igualdade e
a) não será feita qualquer distinção fundada na fraternidade.

67 ei
condição política, jurídica ou internacional do país ou
território a que pertença uma pessoa, desde que tal
território não esteja sujeito a qualquer tipo de limitação de
c 29.Com relação ao trabalho e ao que estabelece a
soberania. Declaração Universal dos Direitos Humanos, assinale a
alternativa correta.
97 n
b) a liberdade de opinião e de expressão não inclui a
liberdade de transmitir informações por qualquer meio e a) Toda pessoa que trabalha tem direito a uma
o
independente de fronteiras. remuneração justa e satisfatória, que lhe assegure
apenas a si uma existência compatível com a dignidade
c) toda pessoa tem direito a repouso e lazer, inclusive humana, não sendo necessário acrescentar outros meios
25 C

a limitação razoável das horas de trabalho e a férias de proteção social.


periódicas não remuneradas.
b) Toda pessoa tem direito ao trabalho, à livre escolha
d) toda pessoa tem o direito de tomar parte no governo de emprego e a condições justas e favoráveis de trabalho,
: 6 ilo

de seu país, diretamente ou por intermédio de sendo opcional a proteção contra o desemprego.
representantes livremente escolhidos.
c) A remuneração por igual trabalho permite distinção
e) toda pessoa, vítima de perseguição, tem o direito desde que prevista em lei nacional.
PF an

de procurar e de gozar asilo em outros países com os


quais existe tratado de reciprocidade. d) Toda pessoa tem direito a organizar sindicatos e a
neles ingressar para a proteção de seus interesses.
D

27.Com relação à liberdade religiosa e o quanto é e) Toda pessoa tem direito a repouso e lazer inclusive
estabelecido na Declaração Universal dos Direitos a limitação razoável das horas de trabalho e a férias
Humanos, assinale a alternativa correta. periódicas não remuneradas.

a) É assegurada a liberdade de ensino da crença


religiosa somente de forma coletiva.
30.Sobre a Lei de Abuso de Autoridade (Lei nº 4.898, de 9 de
b) A liberdade de manifestação de religião ou crença dezembro de 1965), analise as afirmativas a seguir.
deve se dar apenas em âmbito particular.
I. Quando o abuso for cometido por agente de
C

c) O direito à liberdade de pensamento inclui a autoridade policial, civil ou militar, de qualquer categoria,
liberdade de mudar de religião ou crença e a liberdade de poderá ser cominada a pena autônoma ou acessória, de
manifestar essa religião ou crença. não poder o acusado exercer funções de natureza policial
ou militar no município da culpa, por prazo de um a três
d) Os direitos e as liberdades estabelecidos na anos.
Declaração podem ser usufruídos por qualquer pessoa
com a capacidade de obedecer aos preceitos de sua II. Considera-se autoridade, para os efeitos da lei de
religião. abuso de autoridade, quem exerce cargo, emprego ou
função pública, de natureza civil, ou militar, ainda que
transitoriamente e sem remuneração.
6

www.projetocaveira.com.br
PROJETO CAVEIRA – PCPI 03º MINI LEG. ESPECIAL

lv
III. A ação penal será iniciada, independentemente de b) constitui efeito genérico e automático a perda de
inquérito policial ou justificação por denúncia do Ministério cargo, função ou mandato eletivo.
Público, instruída com a representação da vítima do

Si
abuso. c) não constitui infração penal, mas meramente
administrativa, o exercício de função de que privado o
Estão corretas as afirmativas agente por decisão judicial.

a) I, II e III. d) a reabilitação atinge os efeitos da condenação,

o
vedada reintegração na situação anterior apenas quando
b) III, apenas. aplicada, em qualquer crime, pena privativa de liberdade

72 ã
superior a 4 (quatro) anos.
c) I e II, apenas.
e) para os crimes de tortura, além da perda do cargo,
d) II e III, apenas. função ou emprego público, igualmente prevista a
interdição de seu exercício por prazo determinado em lei.

13 ç
e) I e III, apenas.

34.Analisando em conjunto as Leis no 4.898, de 9 de


31.Nos termos da Lei n° 8.072, de 1990, é correto afirmar que dezembro de 1965 e no 7.960, de 21 de dezembro de
constitui crime hediondo: 1989, é correto afirmar que constitui abuso de autoridade

a)

b)
67 ei
A epidemia sem o resultado morte.
c
Sequestro ou cárcere privado.
a) decretar a prisão temporária em despacho
prolatado dentro do prazo de 24 (vinte e quatro) horas,
contadas a partir do recebimento da representação.
97 n
c) Extorsão simples. b) prolongar a execução de prisão temporária, de
pena ou de medida de segurança, deixando de expedir
o
d) Homicídio simples, em qualquer caso. em tempo oportuno ordem de liberdade.

e) A lesão corporal seguida de morte, quando c) executar a prisão temporária somente depois da
25 C

praticada contra cônjuge, de integrantes da Força expedição de mandado judicial.


Nacional de Segurança Pública, em razão dessa
condição. d) decretar a prisão temporária pelo prazo de 5 (cinco)
dias, e prorrogá-la por igual período em caso de
: 6 ilo

comprovada necessidade.
32.Assinale a alternativa correta sobre o crime de tortura
praticado por agente público. e) determinar a apresentação do preso temporário,
solicitar informações e esclarecimentos da autoridade
PF an

a) A pena deverá ser reduzida de um sexto até um policial e submetê-lo a exame pericial.
terço.

b) A fiança somente poderá ser arbitrada pela 35.Sobre o crime de associação para fins de tráfico de
D

autoridade judiciária. drogas,

c) Somente será punível quando houver sido a) é necessária a estabilidade do vínculo entre 3 ou
praticado de forma culposa. mais pessoas.

d) Quando praticado com o fim de se obter b) deverá se verificar, necessariamente, a finalidade


informação, declaração ou confissão da vítima ou de de praticar uma série indeterminada de crimes.
terceira pessoa não constitui crime.

e) A condenação acarretará a perda do cargo, função c) nas mesmas penas deste crime incorre quem se
C

ou emprego público e a interdição para seu exercício pelo associa para a prática reiterada do financiamento de
dobro do prazo da pena aplicada. tráfico de drogas.
33.No que toca aos efeitos da condenação, correto afirmar
que d) incidirá na hipótese de concurso formal de crimes,
a prática da associação em conjunto com a do tráfico de
a) nos crimes de licitações, desde que consumados, drogas.
os autores, quando servidores públicos, além das
sanções penais, estão sujeitos à perda do cargo, e) deverão os agentes, para sua configuração,
emprego, função ou mandato eletivo. praticar as infrações para as quais se associaram.

www.projetocaveira.com.br