Você está na página 1de 2

Relatório parcial de F690

Aluno: Allan Ian Reid


RA:890087
Orientador: prof. dr. David Soares

Potenciostato (Detetor de Metais Pesados em Meios Aquosos)


– título provisório

Este trabalho dá prosseguimento ao projeto realizado na disciplina de F590, um


sistema eletrônico para manter o potencial elétrico de um eletrodo, RE, através do controle
do potencial de outro eletrodo, EC, em relação ao potencial do eletrodo de terra, WE, em
ambientes líquidos. Este sistema conhecido como "potenciostato" é a principal ferramenta
para estudos de eletroquímica e ciências correlatas como corrosão, eletrodeposição de
metais, polímeros condutores, além de outras aplicações. A figura 1 apresenta o esquema
do circuito eletrônico suficiente para implementar o potenciostato.

-1/1V
10k 10k

LF357/NS +
10kHz
100k
+
10k 15V

1k
+
10k
+ OP07 +
LF357/NS 15V
+
1V
-
EC

WE
RE

O projeto portanto visa a construção deste potenciostato e aplicá-lo ao estudo da


corrosão de cobre em ácido sulfúrico na presença de inibidores de corrosão. A identificação
e medidas de concentrações de metais pesados em meio aquoso também é, embora mais
ousado, intuito deste projeto.
Nestes últimas semanas tenho trabalhado, com orientação do Prof. David, em 2
focos principais:
1) A parametrização empírica das constantes de corrosão para que o aparelho possa
executar o processo numa rampa de tensão, com a avaliação das correntes
demandadas. Não é um processo complexo, mas muitas tentativas são
necessárias para uma média aceitável dentro do erros envolvidos.
2) Para que o equipamento inicialmente desenvolvido possa ser controlado por um
PC, é necessário o interfaceamento do circuito eletrônico com o micro. Para isto
estou usando um Lock-In model 5210, da EG&G, que deve configurado com a
apropriada rotina estruturada de controle. A avaliação em tempo real é
necessária para um correta avaliação e cálculo das variáveis de corrosão.

Problemas como a falta de componentes eletrônicos na Unicamp este semestre não


afetaram o cronograma deste projeto, como infelizmente ocorreu semestre passado, quando
me fui obrigando a me deslocar e com recursos próprios adquirir os componentes
necessários. Também já recebi da vidraria novo becker de corrosão com as medidas nas
especificações pretendidas, e observadas em trabalhos recentes, como sendo mais eficazes
para os objetivos propostos nesta fase.