Você está na página 1de 16
EXPEDIENTE Série MPT em Quadrinhos ISSN 2527-1091 Coordenação: Ministério Público do Trabalho no Estado do
EXPEDIENTE Série MPT em Quadrinhos ISSN 2527-1091 Coordenação: Ministério Público do Trabalho no Estado do
EXPEDIENTE Série MPT em Quadrinhos ISSN 2527-1091 Coordenação: Ministério Público do Trabalho no Estado do
EXPEDIENTE Série MPT em Quadrinhos ISSN 2527-1091 Coordenação: Ministério Público do Trabalho no Estado do

EXPEDIENTE

Série MPT em Quadrinhos

ISSN 2527-1091

Coordenação: Ministério Público do Trabalho no Estado do Espírito Santo

Gerência: Wendell Luís Táboas (MPT/ES)

Ilustrações: Rafael S.

Cor, Balões, Diagramação e Revisão Ortográfica: Preview Comunicação

Roteiro: Thales Siqueira

Sinopse: Wendell Luís Táboas

Revisão da Arte: Wendell Luís Táboas, Dra. Suzane Schulz Ribeiro (Juíza do Trabalho – TRT/ES) e Erika Gusmão (COEP)

Agradecimento Especial: Dra. Daniele Corrêa Santa Catarina (MPT/ES), Dr. Marcos Mauro Rodrigues Buzato (PTM Colatina/ES), Dra. Rosaly Stange Azevedo (Juíza do Trabalho – TRT/ES), Dra. Suzane Schulz Ribeiro (Juíza do Trabalho – TRT/ES) e Erika Gusmão (COEP).

Contato: quadrinhos@mpt.mp.br

Website: www.quadrinhos.mpt.mp.br

Facebook:

www.facebook.com/MPT-em-Quadrinhos

Sobre: A série “MPT em Quadrinhos” teve início em junho de 2012 dentro do projeto “O MPT, a Sociedade e o Cidadão”, vinculado à Coordenadoria Nacional de Estágio do MPT, coordenada, à época, pelas Dras. Guadalupe Louro Turos Couto (MPT/RJ) e Daniele Corrêa Santa Catarina (MPT/ES).

Esta edição foi publicada na gestão do Procurador-Geral do Trabalho Dr. Ronaldo Curado Fleury.

Direitos Autorais: Esta obra poderá ser reproduzida ou utilizada mediante comunicação ao Ministério Público do Trabalho e citação da fonte.

Vitória/ES - Dezembro/2017.

ou utilizada mediante comunicação ao Ministério Público do Trabalho e citação da fonte. Vitória/ES - Dezembro/2017.

3

OLHA SÓ. “MENINO DE SETE ANOS VENDE BALAS NA RUA PARA CUSTEAR FESTA DE ANIVERSÁRIO*”.
OLHA SÓ. “MENINO
DE SETE ANOS VENDE
BALAS NA RUA PARA
CUSTEAR FESTA DE
ANIVERSÁRIO*”.
HUMM…

https://tinyurl.com/mptes-hq33-1

OS PAIS NÃO TINHAM CONDIÇÕES DE DAR A FESTA. AÍ, O MOLEQUE RESOLVEU VENDER BALA
OS PAIS NÃO TINHAM CONDIÇÕES
DE DAR A FESTA. AÍ, O MOLEQUE
RESOLVEU VENDER BALA PARA
PODER FINANCIAR TUDO. ELE
QUER PULA-PULA, DOCINHOS
E TUDO O MAIS.
ISSO QUE
É EDUCAÇÃO.
PODE CRER.
PODE
CRER.

4

DESCULPE. AÍ FALA ALGO DO QUE O CONSELHO TUTELAR ACHA DISSO?
DESCULPE.
AÍ FALA ALGO DO
QUE O CONSELHO
TUTELAR ACHA
DISSO?
AQUI DIZ QUE ELES NÃO VIAM PROBLEMA, JÁ QUE O PAI ESTAVA DO LADO E
AQUI DIZ QUE ELES
NÃO VIAM PROBLEMA, JÁ QUE
O
PAI ESTAVA DO LADO
E
NÃO PREJUDICAVA O
HORÁRIO DE AULA.
ESTRANHO. O TRABALHO SÓ É PERMITIDO A PARTIR DOS 16 ANOS, EXCETO COMO APRENDIZ, A
ESTRANHO.
O TRABALHO SÓ
É PERMITIDO A PARTIR
DOS 16 ANOS, EXCETO
COMO APRENDIZ, A PARTIR
DOS 14. ME ADMIRA MUI-
TO O CONSELHO APOIAR
ISSO.
COMEÇOU O PAPO DOS DIREITOS HUMANOS
COMEÇOU
O PAPO DOS
DIREITOS
HUMANOS
NÃO É MELHOR TRABALHAR QUE ROUBAR, MINHA SENHORA?
NÃO É MELHOR
TRABALHAR QUE
ROUBAR, MINHA
SENHORA?

5

ELE SÓ TEM ESTAS DUAS OPÇÕES? É ISSO QUE OS PAIS ENSINAM A SEUS FILHOS?
ELE SÓ TEM
ESTAS DUAS
OPÇÕES?
É ISSO QUE OS PAIS
ENSINAM A SEUS FILHOS?
“SE NÃO DER PARA COM-
PRAR, ROUBE”?
NA IDADE
DESSA CRIANÇA,
TODOS DEVERIAM
SÓ ESTUDAR
E BRINCAR.
COM LICENÇA. EU TRABALHO DESDE CRIANÇA E NÃO VEJO NADA DEMAIS EM DAR RESPONSABI- LIDADE
COM LICENÇA. EU TRABALHO DESDE CRIANÇA
E NÃO VEJO NADA DEMAIS EM DAR RESPONSABI-
LIDADE PARA UMA CRIANÇA.
ELE CRESCE
FORTE E APRENDE
A SE VIRAR.

6

O SENHOR ESTUDOU ATÉ QUE SÉRIE? NÃO CONCLUÍ, MAS ISSO NÃO VEM AO CASO.
O SENHOR ESTUDOU
ATÉ QUE SÉRIE?
NÃO CONCLUÍ,
MAS ISSO NÃO VEM
AO CASO.
SE VOCÊ TIVESSE CONCLUÍDO, SUA VIDA NÃO TERIA TIDO MAIS OPORTU- NIDADES? ATÉ QUE SÉRIE
SE VOCÊ
TIVESSE CONCLUÍDO,
SUA VIDA NÃO TERIA
TIDO MAIS OPORTU-
NIDADES?
ATÉ QUE
SÉRIE SEU PAI
ESTUDOU?
NÃO BOTA
MEU VELHO
NISSO.
SEM A CHANCE DE ESTUDAR E DE SE DEDICAR PARA A FASE ADULTA, NADA MUDA.
SEM A CHANCE
DE ESTUDAR E DE
SE DEDICAR PARA A
FASE ADULTA, NADA
MUDA.
NÃO QUIS OFENDER, MAS O SENHOR PERCEBE O QUE QUERO DIZER? É UM CICLO!
NÃO QUIS
OFENDER, MAS O
SENHOR PERCEBE
O QUE QUERO
DIZER?
É UM
CICLO!
QUANTAS PESSOAS O SENHOR VIU SUBIR NA VIDA PORQUE TINHAM ESTUDO E O SENHOR NÃO?
QUANTAS PESSOAS
O SENHOR VIU SUBIR
NA VIDA PORQUE TINHAM
ESTUDO E O SENHOR
NÃO?
MUITAS.

7

MUITAS PESSOAS CONSE- GUEM TRABALHAR E ESTUDAR.
MUITAS
PESSOAS CONSE-
GUEM TRABALHAR
E ESTUDAR.
SIM, ADULTOS FAZEM ISSO, MAS ESTAMOS FALANDO DE CRIANÇAS. SEUS CORPOS E MENTES NÃO ESTÃO
SIM, ADULTOS
FAZEM ISSO, MAS
ESTAMOS FALANDO
DE CRIANÇAS.
SEUS CORPOS E MENTES
NÃO ESTÃO AMADURECIDOS
PARA SUPORTAR O STRESS
QUE ISSO CAUSA.
ALÉM DISSO, SÃO SEMPRE A PARTE MAIS FRÁGIL EM QUAL- QUER RELAÇÃO. OS SENHORES CONHECEM
ALÉM DISSO,
SÃO SEMPRE A PARTE
MAIS FRÁGIL EM QUAL-
QUER RELAÇÃO.
OS SENHORES
CONHECEM O DECRETO
QUE TRAZ A LISTA DAS
PIORES FORMAS DE
TRABALHO INFANTIL*?
É UMA REGULAMENTAÇÃO DO GOVERNO FEDERAL PARA A O ACORDO FIRMADO NA 182 A CONVENÇÃO
É UMA REGULAMENTAÇÃO
DO GOVERNO FEDERAL PARA
A O ACORDO FIRMADO NA
182 A CONVENÇÃO DA OIT**.
TERESA: LÁ DIZ A QUE TIPOS
DE TRABALHOS UMA CRIANÇA
NÃO PODE FICAR EXPOSTA. A
LISTA É BEM GRANDE***.

*, ** e *** https://tinyurl.com/mptes-hq33-2

8

CRIANÇAS QUE TRABALHAVAM 20H POR DIA NA INDÚSTRIA DE JEANS. ALGUMAS FICARAM QUATRO ANOS SEM
CRIANÇAS QUE
TRABALHAVAM 20H POR
DIA NA INDÚSTRIA DE JEANS.
ALGUMAS FICARAM QUATRO
ANOS SEM VER A LUZ DO
SOL E OUTRAS PRECISARAM
SAIR CARREGADAS DEVIDO
A PROBLEMAS
MUSCULARES.

https://tinyurl.com/mptes-hq33-3

DESCULPE-ME POR INTROMETER. ONTEM MESMO ESTAVA LENDO ESSA MA- TÉRIA SOBRE O TRABALHO INFANTIL NA
DESCULPE-ME
POR INTROMETER.
ONTEM MESMO
ESTAVA LENDO ESSA MA-
TÉRIA SOBRE O TRABALHO
INFANTIL NA ÍNDIA*.

9

PÔ, MAS OLHA SÓ A COMPARAÇÃO. A GENTE COM A ÍNDIA! NÃO É TÃO ABSURDO
PÔ, MAS OLHA
SÓ A COMPARAÇÃO. A
GENTE COM A ÍNDIA!
NÃO É
TÃO ABSURDO
ASSIM.
EXISTE TRABALHO
ESCRAVO AQUI NO BRASIL E
TODOS OS DIAS ENCONTRAMOS
CRIANÇAS EM SITUAÇÕES DE
VULNERABILIDADE.

“UMA ONG ALUGOU MEU IMÓVEL.”

“NÃO TINHA IDEIA DO TRABALHO DELES E QUERIA PEDIR A CASA PARA ALUGAR POR UM PREÇO MELHOR.”

“QUANDO FUI LÁ DIZER ISSO, CONHECI AS CRIANÇAS ATENDIDAS POR ELES.”

“ELES ME DEIXARAM LER SUAS HISTÓRIAS. DEIXE-ME CONTAR ALGUMAS PRA VOCÊS.”

10

“CLEIVSON QUERIA SER COMO QUALQUER OUTRA CRIANÇA.”

“GANHAVA CINCO CENTAVOS POR CAIXOTE MONTADO. AO FINAL DO DIA, VOLTAVA PARA CASA COM R$ 3 NO BOLSO.”

“SE FOSSE DISCIPLINADO OU TRABALHADOR, CONSEGUIRIA, NÃO É MESMO?”

DISCIPLINADO OU TRABALHADOR, CONSEGUIRIA, NÃO É MESMO?” *https://tinyurl.com/mptes-hq33-4 **

*https://tinyurl.com/mptes-hq33-4

** https://tinyurl.com/mptes-hq33-5

“QUANDO COMEÇOU A TRABA- LHAR NA MONTAGEM CAIXOTES, QUERIA COMPRAR UMA BICICLE- TA OU UM VIDEOGAME.”

“COISAS QUE OS PAIS

NÃO PODERIAM DAR A TODOS OS FILHOS.”

“QUE DIFERENÇA FAZIA USAR ÓCULOS DE PROTEÇÃO?”

“ERA SÓ TER FORÇA DE VONTADE, NÃO É MESMO?”

“ELE PERDEU UM OLHO E HOJE PRECISA USAR PRÓTESE.”

11 11

11 11 “SABIA QUE FAZER ISSO DURANTE A ANDADA ERA PROIBIDO. MAS ERA TÃO MAIS FÁCIL.”

“SABIA QUE FAZER ISSO DURANTE A ANDADA ERA PROIBIDO. MAS ERA TÃO MAIS FÁCIL.”

“CARANGUEJOS-UÇÁS E GUAIAMUNS.”

“SABIA TAMBÉM QUE O MANGUE ERA PERIGOSO.”

“TINHA CACOS DE VIDRO, GALHOS QUE FURAM OS PÉS, COBRAS E BURACOS NA LAMA.”

“TEVE UM MENINO QUE RASGOU O PÉ COM UM VERGALHÃO, 36 PONTOS.”

*https://tinyurl.com/mptes-hq33-6

** https://tinyurl.com/mptes-hq33-7

“MAS ERA BOM VENDER O BICHO NA CIDADE, DAVA UM DINHEIRINHO.”

12 12

“A MÃE DE ANTONELA GOSTAVA MUITO DE NOVELA”.

“TEVE UMA EM ESPECIAL QUE FALAVA DE UMA MOÇA DO ORIENTE QUE HAVIA SE APAIXO- NADO POR UM BRASILEIRO E DEPOIS PELO SEU CLONE, QUE ERA A CÓPIA PERFEITA DELE”.

“O NOME DA FILHA É EM HOMENA- GEM À ATRIZ DAQUELA NOVELA”.

“ELA ADOROU A HISTÓRIA. UM CONTO DE FADAS DE SEGUNDAS CHANCES”.

A HISTÓRIA. UM CONTO DE FADAS DE SEGUNDAS CHANCES”. * Artigo 4º, inciso II, do decreto

* Artigo 4º, inciso II, do decreto 6481, de 12 de junho de 2008: http://bit.ly/2zfCmXw

13

MAS QUANDO A FILHA CONTRAIU UMA DST, NÃO DEIXOU QUE SE TRATASSE. DIZIA QUE PRECISAVA
MAS QUANDO A FILHA
CONTRAIU UMA DST, NÃO
DEIXOU QUE SE TRATASSE.
DIZIA QUE PRECISAVA DO
DINHEIRO QUE ELA GANHA-
VA NA ESTRADA*.
“NO BRASIL, MORRERAM 187 CRIANÇAS E ADOLESCENTES COM IDADES ENTRE CINCO E 17 ANOS DU-
“NO BRASIL,
MORRERAM 187 CRIANÇAS E
ADOLESCENTES COM IDADES
ENTRE CINCO E 17 ANOS DU-
RANTE O TRABALHO NOS
ÚLTIMOS OITO ANOS”.
“518 TIVERAM A MÃO AMPUTADA DENTRE 20.770 CASOS GRAVES DE ACIDENTES TRABALHISTAS ENVOLVENDO CRIANÇAS E
“518 TIVERAM A MÃO
AMPUTADA DENTRE 20.770 CASOS
GRAVES DE ACIDENTES TRABALHISTAS
ENVOLVENDO CRIANÇAS E ADOLESCEN-
TES ENTRE 2007 E 2015*”. PELO MENOS
UM MORRE POR MÊS NO PAÍS.**
O TRABALHO INFANTIL É UM MAL QUE ATRAVESSA GERAÇÕES. AS CRIANÇAS QUE ESTÃO NAS PRAIAS,
O TRABALHO
INFANTIL É UM MAL
QUE ATRAVESSA
GERAÇÕES.
AS CRIANÇAS
QUE ESTÃO NAS
PRAIAS, SEMÁFOROS
E CASAS NOTURNAS
SÃO FILHAS DE PAIS
QUE TAMBÉM PASSA-
RAM POR ISSO.
ELAS NÃO
SÃO PEQUENOS
TRABALHADORES,
SÃO CRIANÇAS
QUE TÊM SUA
INFÂNCIA ROUBADA
E SEUS DIREITOS
DESRESPEITADOS.
O MITO DO “É MELHOR TRABALHAR DO QUE ROUBAR”, JOGOU MUITAS CRIANÇAS EM ES- TADO
O MITO DO
“É MELHOR TRABALHAR
DO QUE ROUBAR”, JOGOU
MUITAS CRIANÇAS EM ES-
TADO DE VULNERABILIDADE
E DE INSEGURANÇA.
ELAS FORAM
PREJUDICADAS EM
SUA SAÚDE E SEU
FUTURO. TIVERAM
REDUZIDAS SUAS
CHANCES DE QUALIFI-
CAÇÃO PROFISSIONAL
POR CONTA DA BAIXA
ESCOLARIZAÇÃO.
ELAS NÃO DEVEM PROVER OS PAIS, É AO CONTRÁRIO! E SE ELES NÃO PUDEREM, QUEM
ELAS NÃO DEVEM PROVER OS PAIS, É AO
CONTRÁRIO! E SE ELES NÃO PUDEREM,
QUEM TEM QUE FAZER ISSO É O ESTADO***.
NÃO UMA CRIANÇA QUE VENDE DROGA****,
OU UMA DE OITO ANOS QUE É EXPLORADA
SEXUALMENTE PARA SUSTENTAR
A FAMÍLIA*****.

*Os dados são do Sistema de Informações de Agravo de Notificação (Sinan) do Ministério da Saúde - https://tinyurl.com/mptes-hq33-9

**https://tinyurl.com/mptes-hq33-10

***https://tinyurl.com/mptes-hq33-11

**** https://tinyurl.com/mptes-hq33-12

*****https://tinyurl.com/mptes-hq33-13

14

MUITOS GOVERNOS NÃO DÃO PRIORIDADE ÀS FAMÍ- LIAS DE BAIXA RENDA. O ESTADO DEVE OFERTAR
MUITOS GOVERNOS
NÃO DÃO PRIORIDADE ÀS FAMÍ-
LIAS DE BAIXA RENDA. O ESTADO
DEVE OFERTAR PROGRAMAS DE
INCLUSÃO SOCIAL QUE RETIREM
AS CRIANÇAS DA SITUAÇÃO DE
VULNERABILIDADE E INVESTIR
EM UM SISTEMA ESCOLAR QUE
ASSEGURE A PERMANÊNCIA DE
TODAS ELAS NA ESCOLA, COM
APRENDIZAGEM EFETIVA.
SOMOS A 7 a MAIOR
ECONOMIA DO MUNDO, MAS A
85 a NAÇÃO NO IDH*. TODOS
OS DIAS VEMOS NOTÍCIAS DE
CORRUPÇÃO NA POLÍTICA E
DE FRAUDES E EXPLORAÇÃO
DO TRABALHO.
COMO PODEMOS SER
GRANDES SE NEM CONSEGUIMOS
ATINGIR A META DE ACABAR COM
AS PIORES FORMAS DE TRABALHO
INFANTIL EM 2016?** QUEM DIRÁ
O DE ERRADICAR TODAS AS
FORMAS EM 2025**.
E A ONG? VOCÊ A DESPEJOU???
E A ONG?
VOCÊ A
DESPEJOU???
O PAI, QUE DEIXOU O FILHO VENDER BALA NA RUA*** PARA A FESTA DE ANIVERSÁRIO,
O PAI, QUE DEIXOU
O FILHO VENDER BALA NA
RUA*** PARA A FESTA DE
ANIVERSÁRIO, E O JORNAL,
QUE ROMANCEOU TUDO,
ERRARAM.
SE A INTENÇÃO ERA ENSINAR COMPROMISSO E DEDICAÇÃO À CRIANÇA, HÁ FORMAS MAIS ADEQUADAS E
SE A INTENÇÃO ERA
ENSINAR COMPROMISSO E
DEDICAÇÃO À CRIANÇA, HÁ
FORMAS MAIS ADEQUADAS E
SEGURAS DE SE FAZER ISSO,
COMO A APRENDIZAGEM****.
TCHAU,
GENTE.

*Índice de Desenvolvimento Humano

**https://tinyurl.com/mptes-hq33-14

NADA. DOU AULA DE CROCHÊ LÁ NAS TERÇAS E QUINTAS.
NADA. DOU
AULA DE CROCHÊ
LÁ NAS TERÇAS
E QUINTAS.

***https://tinyurl.com/mptes-hq33-15

**** Ver MPT em Quadrinhos Nº 28

Conheça os mitos que cercam o trabalho infantil, saiba mais sobre a rede de proteção
Conheça os mitos que
cercam o trabalho infantil,
saiba mais sobre a rede de
proteção e conheça outras
formas de exploração!
de proteção e conheça outras formas de exploração! Você pode acessar o site www.mptemquadrinhos.com.br para
de proteção e conheça outras formas de exploração! Você pode acessar o site www.mptemquadrinhos.com.br para
de proteção e conheça outras formas de exploração! Você pode acessar o site www.mptemquadrinhos.com.br para
de proteção e conheça outras formas de exploração! Você pode acessar o site www.mptemquadrinhos.com.br para
de proteção e conheça outras formas de exploração! Você pode acessar o site www.mptemquadrinhos.com.br para
de proteção e conheça outras formas de exploração! Você pode acessar o site www.mptemquadrinhos.com.br para

Você pode acessar o site www.mptemquadrinhos.com.br para ler as outras edições

um grande abraço!

exploração! Você pode acessar o site www.mptemquadrinhos.com.br para ler as outras edições um grande abraço!
exploração! Você pode acessar o site www.mptemquadrinhos.com.br para ler as outras edições um grande abraço!
www.quadrinhos.mpt.mp.br Realização
www.quadrinhos.mpt.mp.br Realização

www.quadrinhos.mpt.mp.br

Realização

www.quadrinhos.mpt.mp.br Realização