Você está na página 1de 11

I – Identificação. Data de admissão.

Registos base de dados:


Internamentos/consultas. Vacinações, outros dados de saúde pública. Sistema neuromuscular: perturbações sensoriais, anestesia, parésia,
paralisia, nevralgias, ataxia, convulsões, dores musculares ou actividades
II – ANAMNESE atrofias, distrofias e deformidades.
1) História da doença actual Queixas principais.
História cronológica da doença actual.Sintomas presentes e ausentes. Sistema endócrino: fome exagerada, perda de apetite, sede, alterações da
Sintomas: Localização, irradiação, qualidade, intensidade, duração, voz, astenia, hiperactividade, perturbações do sono. Alterações da pele,
continuidade ou intermitência, ritmicidade. pilosas, da temperatura cutânea, impulso sexual, menstruação, peso.
Relação doente-médico: fiabilidade das informações e capacidade de seguir Alterações do crescimento. Lactação. Sintomas neuropsiquiátricos: cefaleias,
um esquema terapêutico. convulsões, coma.
Factores etiológicos e mesológicos
Sangue: anemia. Tendências hemorrágicas.
2) História pregressa pessoal e familiar
Pessoal: História conjugal. Residências e ocupações. História socio-cultural. Hábitos: alimentares, tabágicos, alcoólicos, excitantes, abusos d drogas.
História psicológica e/ou psiquiátrica.
Desenvolvimento bio-psíquico. Peso: média e evolução ao longo do tempo.
Doenças anteriores: Doenças, acidentes e intervenções cirúrgicas.
Medidas profilácticas. Psiquismo: humor base, relações com outros. Irritabilidade, nervosismo.
Familiar: Caracterização d meio familiar, hist significativa dos familiares. Perturbações neuróticas, psicóticas, antissociais.

3) Memorando dos sintomas por sistemas e aparelhos Investigar o modo como costuma comportar-se quando lhe é prescrita uma
Cabeça: traumatismos, cefaleias, dor sinusal. terapêutica. Investigar terapêuticas a longo prazo.
Olhos: visão (perto e longe), dores, inflamações, diplopia. Óculos.
Ouvidos: audição, dor, corrimento, tinitus, dor mastoideia. Próteses. IV – SUMÁRIO E CONCLUSÕES
Fossas nasais: olfacto, trauma, obstrução, corrim, epitaxis, constipações Resumo dos dados significativos (positivos e negativos) colhidos na
Boca: sabor, salivação. Sintomas dentários. Tratamentos. anamnese e exame objectivo.
Pescoço: adenites, bócio, sintomas musculares. Formulação do diagnóstico clínico.
Hipótese de diagnóstico fundamentada nos dados positivos e na formulação
Aparelho cardio-respiratório: dores, palpitações, dispneia, ortopneia, tosse, de um diagnóstico diferencial.
hemoptise, “bronquite” crónica, expectoração, asma, dores, suores. Hábitos
tabágicos. Plano de exames auxiliares que permitam chegar ao diagnóstico definitivo e
à formulação da terapêutica:
Aparelho digestivo: flatulência, náuseas, vómitos, dores, (cólicas), disfagia,
hematemeses, melenas, icterícia, obstipação, diarreia. Hemorróidas. Hábitos – Exames laboratoriais.
alimentares (alcoolismo). – Exames radiológicos.
– Electrodiagnóstico e outros procedimentos especiais.
Aparelho genito-urinário: disúria, poliúria, hematúria, piúria, oligúria, anúria, – Consultas a entidades ou organismos especializados.
incontinência, dores (cólicas). Corrimentos. Ciclo menstrual.

III – EXAME OBJECTIVO Veias — Estado das veias do pescoço. Variações c posição. Pesquisa d
ASPECTOS GERAIS: consciência, posição preferencial, idade aparente, varizes. Rede abdominal (hemorróidas). Alterações da rede capilar.
nutrição, estatura.higiene.
Pele – Cor, textura, erupções (mácula, pápula, vesícula, pústula), cicatriz, Abdómen – Contorno, simetria e mobilidade. Estado da pele, pêlos, rede
sensibilidade Suor Seborreia Edema Pigmentação. Tumores. vascular. Cicatrizes.
Faneras: unhas, cabelo e distribuições pilosas. Actividade intestinal visível ou audível.
Palpação: rigidez muscular, bordo hepático e esplénico. Estado da superfície.
Linfático – Nódulos: tamanho, sensibilidade, mobilidade, consistência. Massas palpáveis: tamanho, contorno, mobilidade, sensibilidade ou
pulsação. Pesquisa de hérnias.
Cabeça–Cabelo escalpe.Vasos temporais.Dor deformidades. Mobidd
Face – Expressão, simetria, cor. Sensibilidade dos seios. Dores provocadas à palpação (áreas especiais).
Olhos – Expressão: Exoftalmia/enoftalmia. Tensão ocular. Pálpebras, pupilas, Percussão: maciez, timpanismo, distensão. Área hepática e esplénica.
conjuntiva (vascular) córnea, íris. Movimento. Inflamação. Edema palp. Auscultação (diagnóstico de ileus paralítico: 5 minutos)
reflex papilare fundo ocular. Visão e campos visuais. Reflexos abdominais. Sinais de “abdómen agudo”.
Ouvidos – Pavilhões, canais, tímpano. Corrimentos e lesões locais. Audição
(aérea e óssea). Sensibilidade da região mastoideia. Dorso – Curvaturas, simetria, mobilidade dores na coluna vertebral, pelve e
Fossas nasais – Exterior, mucosas, septo. Respiração nasal. Corrimento ou ângulo costo vertebral. Choque renal (sinal de Murphy).
hemorragia.
Boca – Lábios, mucosas, língua, amígdalas e faringe. Hálito. Inflamações. Genitais – Sinais sexuais primários e secundários.
Tumores. Exame dentário: faltas, cáries, destruições. Inspecção e palpação dos testículos, cordões e pénis.
Retracç prepúcio, exame da glande, freio e sulco. Corrimento, úlceras.
Pescoço – Mobilid Dor Pulsos Veias Palp tiroideia e traqueia Nódulos. Tumores, epididimite, varicocelo e hidrocelo. Reflexo.
Inspecção e palpação da vulva e vagina.
Tórax – Pele, mamas, espaços intercostais, vasos. Forma e simetria.
Mobilidade respiratória. diâmetros. Palpação: mamária e grelha costal. Toque vaginal e exame vaginoscópico – Hímen, glândulas vaginais,
Sensibilidade dolorosa, nódulos e tumores, pulsações anormais. corrimento, retrocelo e cistocelo.
Cervix: cor, consistência, inflamação e lesões.
Exame pulmonar – Expansão, frémito, ressonância, excurção diafragmática. Palpação do útero e anexos.
Palpação e percussão. Posição expiratória e inspiratória: (áreas).
Auscultação: murmúrio vesicular, fervores, sibilos, roncos e sopros. Voz Exame da urina – Cor, odor, turvação, presença de sangue.
ciciada, fala e tosse.
Recto – Inspecção. Toq rectal, exame rectoscópico sigmoidoscópico – Tónus
Exame cardíaco – Pulsações anormais. Palpação: choque cardíaco e do esfincter, próstata (tamanho, consistência, sensibilidade), vesículas
frémitos. Percussão: área cardíaca. Auscultação: Frequência, ritmo. seminais. Colo do útero.
Intensidade do primeiro som (S1). Intensidade e desdobramento do segundo Massas, hemorróidas e hemorragias. Corpos estranhos.
som (S2). Sons extracardíacos. Localização, tempos, duração, transmissão e Exame das fezes – Forma, consistência, cor, odor, presença de sangue
qualidade d sons. Efeitos da insp e expiração. (vermelho vivo ou negro).

Pulso arterial – Frequência, ritmo, regularidade, igualdade, amplitude. Membros – Tamanho forma, dimensões relativas. Mobilidade, edema e
Dureza da parede arterial. sinais inflamatórios articulares. Estado trófico e doloroso dos mm
TA: Vasos perif – Pesquisa d pulsos arteriais nos 4 memb. (Endurecimento d Deformações, aleijões, cicatrizes (varizes). Tremores.
artérias temporais. Fundos oculares.) Femural: sinal de Durozier. Reflexos. Exame neurológico (Ver esquema).
Exame psiquiátrico – Se necessário.
EXAME NEUROLÓGICO
OBSERVAÇÕES GERAIS IX – Sintoma: disfagia. Teste do sabor do terço posterior da língua.
Posição do corpo, cabeça e extremidades. Estado de consciência.
Observação da pele, cabeça, pescoço, nuca e membros. X – Sintomas: regurgitação de fluídos, dificuldade de articulação verbal.
Tónus muscular. Rigidez muscular. Observação do palato: desvio da úvula. Paralisia laríngea.
Mobilização activa e passiva. Doente deitado, em pé e em marcha.
XI – Incapacidade de elevar os ombros (trapésio e SCM).
NERVOS CRANIANOS
I – Sintomas e sinais de alteração do odor. Use odores comuns: cigarro, café, XII – Língua desvia-se para o lado da lesão. Atrofia e fibrilhação.
etc. (provas especializadas).
FUNÇÕES CEREBRAIS
II – Sintomas visuais. Acuidade visual (dedos, carta com letras ou sinais, a 5 Perceptivo – motoras. Linguagem, apraxias, agnosias.
metros), campos visuais, visão da cor (testes). Exame dos fundos (sinais de
hipertensão intracraniana). FUNÇÕES CEREBELOSAS
Hipotonia, nistagmo, disartria. Incoordenação (dedo ao nariz; pé ao joelho).
III, IV, e VI – Diplopia. Movimentos oculares externos, nistagmo, fissuras Adiadococinésia. Teste de Romberg.
palpebrais, ptose. Papilas: tamanho, igualdade, regularidade, reacção à luz e
acomodação. FUNÇÕES MEDULARES
(a) Ptose,estrabismo divergente,diplopia ausência d reflex papilares >III Sintomas: fraqueza muscular, dificuldades na marcha. Alterações sensoriais.
(b) Diplopia ao olhar para baixo, ambos os lados –> IV – Controlo dos esfincteres.
(c) Estrabismo convergente –> VI ou hipertensão intracraniana. Sinais: movimentos involuntários, tremor, coreia, tiques, atetose. Convulsões.
Testes das sensibilidades: táctil, superficial e profunda, térmica, dolorosa,
V – Sintomas: sensação de dor, adormecimento ou parésia. vibratória.
Perturbações sensoriais: face, reflexos cranianos e inalatório.
Perturbações motoras: desvio da maxila, fraqueza dos masseteres e músculos REFLEXOS
temporais. Tendinosos: Radial Bicipital Tricipital Rotuliano Aquiliano Clono da rótula e do

VII – Sintomas: perturbações gustativas, espasmo facial, lacrimejo, salivação, Cutâneos: Abdominais Cremasterianos Plantares Sinal de Babinsky
assimetria facial.
Perturbação motora: expressão facial, prega naso-labial. O enrugar da testa FUNÇÕES VASOMOTORAS E TRÓFICAS
não pode ser feito na paralisia periférica, mas pode ser na central. Estado da pele e faneras, Edemas, escaras, Artropatias (coluna, cotovelos e
Teste do sorriso e do assobio. joelhos)
Perturbação sensorial: testar os 2/3 ant da língua com sal e açúcar.
Perturbação secretória: lacrimejo e salivação.

VIII – (a) Porção coclear. Sintomas auditivos: surdez, tinitus.


Teste do relógio e voz ciciada (Audiograma).
(b) Porção vestibular. Sintomas: marcha difícil, tonturas, naúseas.
Nistagmo, oscilação. Teste do calor de Barany. Teste das funções cerebelosas.

VALORES HEMATOLÓGICOS
CONSTANTES GLOBULARES
Unidades Conv Factor Unidades SI
Eritrocitos 4,6 - 6,2 x 106/µl 106 4,6 -6,2 x 1012 /l
Leucocitos 4,5 - 11,0 x 103 /µl 106 4,5 - 11,0 x 109 /l
Hemoglobina 12,0 - 16 g/l 0,155 1,86 - 2,48 mmol/l
Hematrócito - Mulher 38 - 47% 0.01 0,38 - 0,47
Hematrócito - Homem 40 - 54% 0,01 0,40 - 0,54

COAGULAÇÃO
Unidades Conven Factor Unidades SI
Tempo coagulação (ivy) 1 - 6 minutos 1 1 - 6 minutos
Tempo coagulação (Duke) 1 - 3 minutos 1 1 - 3 minutos
Tempo coagulação protrombina 12 - 14 segundos 1 12 - 14 segundos
Tempo tromboplastina parcial 60 – 70 segundos 1 60 – 70 segundos

ÍNDICE DOS ERITROCITOS


Unidades Conve Factor Unidades SI
Volume corpuscular médio 80 - 96 cu-microns 1 80 - 96
Homoglobina corpuscular médio 27 - 13 pg 1 27 - 31
Conce hemoglobinacorpuscular médio 32 - 36% 0,01 0,32 - 0,36
VALORES BIOQUIMICOS SORO, PLASMA, SANGUE
Componente Sistema Unidades Convencionais Factor Unidades SI
Acetona Soro 0,3 - 2mg/dl 172 m
Ácidos gordos:
Soro 9 -15 mM 1
total (livre e esterificado) 9 -15 mmol/l
Plasma 300 - 480 µEq/l 1
livre (não esterificado) 300 - 480 µml/l
Ácido úrico Soro 2,7 - 8,5 mg/dl 0,059 0,16 - 0,5 mmol/l
Albumina (electroforese) Soro 3,2 - 5,6 g/dl 10 32 - 56 g/l
Álcool etílico Soro Negativo (mg/dl) 0,22 (mmol/l)
3 - 8 Sibley-Lehninger
Aldolase adulto Soro 7,4 22 - 59 mU/l a 37° C
U/dl a 37° C
Aldolase criança Soro 6 - 16 Sibley-Lehninger U/dl a 37° C 7,4 44 - 118mU/l a 37° C
Aldolase recém-nascido Soro 12 - 32 Sibley-LehningerU/dl a 37° C 7,4 88 - 236mU/l a 37° C
Amónia (met. enzimático) Plasma 40 - 80 µg/dl 0,554 22,2 - 44,3 µmol/l
Amilase Soro 60 - 160 Somogyi U/dl 1,85 111 - 296 U/l
Base (excesso) homem Sangue -33 + 1,2 mEq/l 1 -3,3 + 1,2 mmol/l
Base (excesso) mulher Sangue -2,4 + 2,3 mmol/l 1 -2,4 + 2,3 mmol/l
Base (total) Soro 145 - 160 mmol/l 1 145 - 160 mmol/l
Bicarbonato Plasma 21 - 28 mM 1 21 - 28 mmol/l
Bilirrubina directa Soro até 0,3 mg/dl 17,1 até 5,1 µmol/l
Bilirrubina indirecta Soro 0,1 - 1,0 mg/dl 17,1 1,7 - 17,1 µmol/l
Bilirrubina total Soro 0,1 - 1,2 mg/dl 17,1 1,7 - 20,5 µmol/l
Bilirrubina (recém/nascido) Soro 1 -12 mg/dl 17,1 17,1 - 205 µmol/l
Bromo Soro 0 - 5 mg/dl 0,125 0 - 0,63 mmol/l
não menos de 6% de retenção após 45 não menos de 0,06 de retenção
Bromosulftateína (5 mg/kg) Soro 0,01
min. da injecção após 45 min. da injecção
4 - 4,8 mg/dl 0,25 1 - 1,2 mmol/l
Cálcio ionizado Soro
2,0 - 2,4 mEq/l 0,5 1 - 1,2 mmol/l
9,2 - 11,0 mg/dl 0,25 1 - 2,3 mmol/l
Cálcio total
4,6 - 5,5 mEq/l 0,5 23 - 28 mmol/l
Sangue arterial 19 - 24 mM 1 19 -24 mmol/l
Plasma ou soro arterial 21 - 28 mM 1 21 - 28 mmol/l
Carbono dióxido
Sangue venoso 22 - 26 mM 1 22 - 26 mmol/l
Plasma ou soro venoso 24 - 30 mM 1 24 - 30 mmol/l
Ceruplasmina Soro 23 - 50 mg/dl 10 230 - 500 mg/l
17 - Cetoesteróis Plasma 25 - 125 µg/dl 0,01 0,25 - 1,25 mg/l
Cloretos Soro 95 -103 mEq/l 1 95 -103 mmol/l
Colesterol total Soro 150 - 250 mg/dl 0,026 3,9 - 6,5 mmol/l
Colesterol esterificado Soro 65 - 75% do total 0,01 0,65 - 0,75 do total
Colinesterase Eritrocitos 0,65 - 1,3 Unidades pH 1 0,65 - 1,3 unidades
Citrato Soro ou plasma 1,7 - 3,0 mg/dl 52 88 - 156 µmol/l
Soro ou plasma H: 70 - 140 µg/dl 0,157 11 - 22 µmol/l
Cobre
Soro ou plasma M: 80 - 155 µg/dl 0,157 12,6 - 24,3 µmol/l
Cortisol Plasma 3 - 23 µg/dl 27,6 83 - 635 nmol/l
Soro ou plasma H: 0,1 - 0,4 mg/dl 76,3 7,6 - 30,5 µmol/l
Creatina
Soro ou plasma M: 0,2 - 0,7 mg/dl 76,3 15,3 - 53,4 µmol/l
H: 55 - 170 U/I (37° C) 1 55 - 170 U/I (37° C)
Creatinafosfoquinase Soro
M: 30 - 135 U/I (37° C) 1 30 - 135 U/I (37° C)
Creatinina Soro ou plasma 0,6 - 1,2 mg/dl 88,4 53 - 106 µmol/l
H: 107 - 139 ml/min 0,0167 1,78 - 2,32 ml/s
Clearance creatina Urina 24h
M: 87 - 107 ml/min 0,0167 1,45 - 1,79 ml/s
Lípidos totais Soro 400 - 800 mg/dl 0,01 4 - 8 g/l
Lítio (valor terapêutico) Soro 0,5 - 1,4 mEq/l 1 0,5 - 1,4 mmol/l
Dehidrogenase Láctica Soro 185 - 640 U 0,48 90 - ø310 U/I
Electroforese Em percentagem:
Albumina Soro 52 - 65% 0,01 0,52 - 0,65%
Alfa-1 Soro 2,5 - 5,0% 0,01 0,025 - 0,05%
Alfa-2 Soro 7,0 - 13,0% 0,01 0,07 - 0,13%
Beta Soro 8,0 - 14,0% 0,01 0,08% - 0,14%
Gama Soro 12,0 - 22% 0,01 0,12 - 0,22%
Electroforese Em concentração:
Albumina Soro 3,2 - 5,6 g/dl 10 32 - 56 g/l
Alfa-1 Soro 0,1 - 0,4 g/dl 10 l - 4 g/l
Alfa-2 Soro 0,4 - 1,2 g/l 10 4 - 12 g/l
Beta Soro 0,5 - 1,1 g/dl 10 5 - 11g/l
Gama Soro 0,5 - 1,6 g/dl 10 5 - 16g/l
Ferro Total 60 - 150 µg/dl 0,179 11 - 27 µmol/l
Ferro capacidade fixação Soro 300 - 360 µg/dl 0,179 54 - 64 µmol/l
Ferro saturação Soro 20 - 55% 0,01 0,20 - 0,55
Fibrinogénio Plasma 200 - 400 mg/l 0,01 2,0 - 4,0 g/l
Fluoreto Sangue Total <0,05 mg/dl 0,53 <0,027 µmol/l
Fosfatase alcalina Soro 20 - 90 IU/l (30° C) 1 20 - 90 U/I (30° C)
Fosfatase ácida Soro 0,13 - 0,63 U/i (37) 16,67 2,2 - 10,5 U/I (37°C)
Fosfolípidos Soro 150 - 380 mg/dl 0,01 1,50 - 3,80 g/l
7,38 - 7,44 (arterial) 1 7,38 - 7.44
Gases no sangue:
7,36 - 7,41 (venoso) 1 7,36 - 7,41
pH
Sangue total 35 - 40 mmHg (arterial) 0,133 4,66 - 5,32 KPa
Pco2
40 - 45 mmHg (venoso) 0,133 5,32 - 5,99 KPa
PO2
95 - 100 mmHg (artene) 0,133 12,64 - 13,30 KPa
Gamaglutamil transferase Soro 5 - 40 IU/l 1 5 - 40 U/I (37ºC)
Soro, plasma 70 - 110 mg/dl 0,055 3,85 - 6,05 mmol/l
Glucose, jejum
Sangue total 60 - 100 mg/dl 0,055 3,30 - 5,50 mmol/l
Haptoglobulina Soro 60 - 270 mg/dl 0,01 0,6 - 2,7 g/l
Hemoglobulina Sangue total 12,0 - 16 g/dl 0,155 1,86 - 2,48 mmol/l
Hidroxibutirato
Soro 140 - 350 U/dl 1 140 - 350 Ku/l
dehidrogenase
Plasma após 24 UsP H: 7 - 19 µg/dl 10 70 -190 µg/l
Hidroxicorticosteróides
unidades de ACTH I.M. M: 9 - 21 µg/dl 10 90 - 210 µg/l
Imunoglobulinas Soro
Ig G Soro 800 - 1801 mg/dl 0,01 8 - 18 g/l
Ig A Soro 113 - 563 mg/dl 0,01 1,1 - 5,6 g/l
Ig M Soro 54 - 222 mg/dl 0,01 0,54 - 2,22 g/l
Ig D Soro 0,5 - 3,0 mg/dl 10 5 - 30 mg/l
Ig E Soro 0,01 - 0,04 mg/dl 10 0,1 - 0,4 mg/l
Insulina (RIA) Plasma 4 - 24 µlU/ml 0,0417 0,17 - 1 µg/l
Iodo:
BEI Soro 3,5 - 6,5 µg/dl 0,079 0,28 - 0,51 µmol/l
PBI Soro 4,0 - 8,0 µg/dl 0,079 0,32 - 0,63 µmol/l
LHD1 Soro 17 - 27% 0,01 0,17 - 0,27 do LDH total
LDH2 Soro 27 - 37% 0,01 0,27 - 0,37 do LDH total
LDH3 Soro 18 - 25% 0.01 0,18 - 0,25 do LDH total
LDH4 Soro 3 - 8% 0,01 0,03 - 0,08 do LHD total
LDH5 Soro 0 - 5% 0,01 0,00 - 0,05 do LDH total
Leucina-aminopeptidase
LAP
Soro
Homem 80 - 200 U/ml 0,24 19,2 - 48,0 U/l
Mulher 75 - 185 U/ml 0,24 18,0 - 44,4 U/I
0,0 - 1,5 U/l 278 0 - 417 U/I
Lípase Soro
14 - 280 mlU/l 1 14 - 280 U/l
1,3 - 2,1 mEq/l 0,5 0,7 - 1,1 mmol/l
Magnésio Soro
1,8 - 8,0 mg/dl 0,41 0,7 - 1,1 mmol/l
Mucoproteína Soro 80 - 200 mg/dl 0,01 0,8 - 2,0 g/l
Nucleotidase Soro 0 - 1,6 U a 37"ºC 1 0,0 - 1,6 U a 37ºC
Oxigénio (pressão PO2) Sangue arterial 95 -100 mmHg 0,133 12,64 - 13,30 Kpa
Sangue venoso Sangue 7,36 - 7,41 1 7,36 - 7,41
pH
arterial 7,38 - 7,44 1 7,38 - 7,44
Potássio Plasma 3.8 - 5,0 mEq/l 1 3,8 - 5,0 mmol/l
Proteínas:
total 6,0 - 7,8 g/dl 10 68 - 78 g/l
Soro
albumina 3,2 - 4,5 g/l 10 32 - 45 g/l
globulina 2,3 - 3,5 g/dl 10 23 - 35 g/l
Protoporfirina Eritrocitos 15 - 50 µg/dl 0,018 0,27 - 0,90 µmol/l
Piruvato Sangue total 0,3 - 0,9 mg/dl 114 34 - 103 µmol/l
Pseudocolinesterase Plasma 0,5 - 1,3 pHU 1 0,5 - 1,3 unidades
Sódio Plasma 136 - 142 mEq/l 1 136 - 142 mmol/l
Sulfato (inorgânico) Soro 0,2 - 1,3 mEq/l 0,5 0,10 - 0,65 mmol/l
Testosterona
Homem Soro ou Plasma 300 - 1200 ng/dl 0,035 10 - 42,0 nmol/l
Mulher 30 - 95 ng/dl 0,035 1,1 - 3,3 nmol/l
Timol Soro 0 - 5 Unid. 1 0,1 - 5 Unid.
Tiróide (hormonas)
a) Expressa em tiroxina:
T4 (por coluna) 5 - 11 µg/dl 13 65 -143 nmol/l
Soro
T4 (Murphy-Pattee) 6 - 11,8 µg/dl 13 78 - 153 nmol/l
T4 (RIA) 5,5 - 12,5 mEq/dl 13 72 - 163 nmol/l
T4 (livre) 0,9 - 2,3 ng/dl 13 12 - 30 pmol/l
Tiróide (hormonas)
b) Expressa em iodo:
T4 (por coluna) Soro 3,2 - 7,2 µg/dl 79 253 - 569 nmol/l
T4 (Murphy-Pattee) 3,9 - 7,7 µg/dl 79 303 - 608 nmol/l
T4 (livre) 0,6 - 1,5 ng/dl 79 47 - 119 pmol/l
10 - 40 U/ml (karmen) a 25ºC 0,48 8 - 29 U/l a 30ºC
Transaminases
16 - 60 U/ml (karmen) a 30ºC 0,48 8 - 33 U/I a 37ºC
AST ou GOT Soro
10 - 30 U/ml (Karmen) a 25ºC 0,48 4 - 24 U/l a 30ºC
ALT ou GPT
8 - 50 U/ml (Karmen) a 30ºC 0,48 4 - 36 U/l a 37ºC
Triglicéridos Soro 10 - 190 mg/dl 0,011 0,011 - 2,09 mmol/l
Ureia (Nitrogénio) Soro 8 - 23 mg/dl 0,357 2,9 - 8,2 mmol/l
Ureia (clearance máximo) Soro e urina 64 - 99 ml/min 0,0167 1,07 - 1,65 ml/s
Ureia (clearance padrão) Soro e urina 41 - 65 ml/min 0,0167 0,68 - 1,09 ml/s
Vitamina A Soro 15 - 60 µg/dl 0,035 0,53 - 2,10 µmol/l
Vitamina B 12 Soro 160 - 950 pg/ml 0,74 118 - 703 pmol/l
Vitamina C Plasma 0,6 - 1,6 mg/ml 56,8 34 - 91 µmol/l
1,68 - 2,68 mmol/l entre
Xilose Soro 25 - 40 mg/dl entre 1 e 2 horas 0,067
1 e 2 horas
Zinco Soro 50 - 150 µg/dl 0,153 7,65 - 22,95 µmol/l

URINA VALORES NORMAIS


Componente Amostra Unidades Convencionais Factor Unidades SI
Ácido Ùrico 24 horas 250 - 750 mg/24 h 0,0059 1,48 - 4,43 mmol/24
Ácido vanilmandélico 24 horas 1,5 - 7,5 mg/24 h 5,5 7,6 - 37,9 µmol/24 h
Eritrocitos e células epiteliais: 1.800.000/12 h 1 1,8x106 /12 h
Addis (contagem) 12 horas Leucócitos: 500.000/12 h Cilindro hialinos: 0- 1 0.5x106/12 h
500/12 h 1 5,0x103/12 h
Albumina 24 horas 15 - 150 mg/24 horas 0,001 0,015 - 0,150 g/24 h
Aldosterona 24 horas 2 - 26 µg/24 h 2,77 5,5 - 72,0 nmol/24 h
Amónia 24 horas 500 - 1200 mg/24 h 0,071 35,5 - 85,2 nmol/24
Amilase 2 horas 35 - 260 Somogyi unid./h 0,185 6,5 - 48,1 U/h
Arsénico 24 horas <50 µg/l 0,013 <0,65 µmol/l
Ácido ascórbico 24 horas >50mg/24 h 0,057 >0.29 mmol/24 h
100 - 240 mg/24 h 0,025 2,50 - 6,25 mmol/24
Cálcio (Sulkowitch) dieta
24 horas <150 mg/24 h 0,025 <3,75 mmol/24 h
média dieta pobre dieta alta
240 - 300 mg/24 h 0,025 6,25 - 7,50 mmol/24
Catecolaminas: <100 µg/24 h 0,0059 <0,59 µmol/24 h
Epineferina <10 ng/24 h 5,46 <55 nmol/24 h
Norepineferina 24 horas <100 ng/24 h 5,91 <590 nmol/24 h
Catecolaminas livres 4 - 126 µg/24 h 5,91 24 - 745 nmol/24 h
Maranefrinas totais 0,1 - 1,6 mg/24 h 5,07 0,5 - 8,1 µmol/24 h
Cloretos 24 horas 140 - 250 mEq/24 h 1 140 - 250 mmol/24 h
Cobre 24 horas 0 - 50 µg/24 h 0,016 0 - 0,48 µmol/24 h
20 - 26 mg/kg/24 h 0,0088 0,18 - 0,23 mmol/kg/24 h
Creatinina
1 - 2 g/24 h 8,8 8,8 - 17,6 mmol/ 24
Homem 24 horas
14 - 22 mg/hg/24 h 0.0088 0,12 - 0,19 mmol/kg/ 24 h
Mulher
0,8 - 1,8g/24 h 8,8 7,0 - 15,8 mmol/24 h
Cetoandrosterona:
Homem 24 horas 0,2 - 1,0 mg/24 h 3,28 0,7 - 3,3 µmol/24 h
Mulher 0,2 - 0,8 mg/24 h 3,28 0,7 - 2,6 µmol/24 h
Cetoetiocolanolona:
Homem 24 horas 0,2 - 1,0 mg/24 h 3.28 0,7 - 3,3 µmol/24 h
Mulher 0,2 - 0,8 mg/24 h 3,28 0,7 - 2,6 µmol/24 h
Chumbo 24 horas <100 µg/24 h 0,0048 <0,48 µmol/24 h
Densidade Qualquer 1,016 - 1,022 1 1,016 - 1,022
Estrogénos totais:
Homem 5 - 18 µg/24 h 1 5 - 18 µg/24 h
Mulher:
ovulação 28 - 100 µg/24 h 1 28 - 100 µg/24 h
24 horas
pico luteal 22 - 80 µg/24 h 1 22 - 80 µg/24 h
menstruação 4 - 25 µg/24 h 1 4 - 25 µg/24 h
gravidez até 45.000 µg/24 h 1 até 45.000 µg/24 h
Postmenopausa até 10 µg/24 h 1 até 10 µg/24 h
Estrogénios fraccionados:
24 horas, não
Estrona (E1) 2 - 25 µg/24 h 3,7 7 - 93 nmol/24 h
grávida, meio
Estradiol (E2) 0 - 10 µg/24 h 3,7 0 - 37 nmol/24 h
do ciclo
Estriol (E3) 2 - 30 µg/24 h 3,5 7 - 105 nmol/24 h
<3 mg/24 h 5,7 <7 µmol/24 h
Figlu após 15 g de L-histidina 24 horas
4 mg/8 h 5,7 23 µmol/9 h
FSH
adulto 4 - 25 mlu/ml 6 - 50 Mouse uterine units 24 h
24 horas
prepubertal 4 - 30 mlu/ml <10 MUU/24 h
postmenopausa 40 - 50 mlu/ml <50 MUU/24 h
Fructose 24 horas 30 - 65 mg/24 h 0,0056 0,17 - 0,36 mmol/24
Fósforo qualquer 0,9 - 1,3 g/24 h 32 29 - 42 mmol/24 h
Glucose 24 horas média 130 mg/24 h 0,0056 média 0,73 mmol/24
Gonadotrofinas 24 horas 10 - 50 MUU/24 h 1 10 - 50 MUU/24 h
Etiocolanolona
Homem 24 horas 1,4 - 5,0 mg/24 h 3,44 4,8 - 17,2 µmol/24 h
Mulher 0,8 - 4,0 mg/24 h 3,44 2,8 - 13,8 µmol/24 h
Dehidroepiandrosterona
Homem 24 horas 0,2 - 2,0 mg/24 h 3,46 0,7 - 6,9 µmol/24 h
Mulher 0,2 - 1,8 mg/24 h 3,46 0,7 - 6,2 µmol/24 h
Hidroxiandosterona
Homem 24 horas 0,1 - 0,8 mg/24 h
3,26 3,26 0,3 - 2,6 µmol/24 h 1,6 - µmol/24 h
Mulher 0,0 - 0.5 mg/24 h
Hidroxieticolanolona
Homem 24 horas 0,2 - 0,6 mg/24 h 3,26 0,7 - 2,0 µmol/24 h 0,3 - 3,6
Mulher 0,1 - 1,1 mg/24 h 3,26 µmol/24 h
Lactose 24 horas 14 - 40 mg/24 h 2,9 41 - 116 Mmol/24 h
Magnésio 24 horas 6,0 - 8,5 mg/24 h 0,5 3,0 - 4,3 mmol/24 h
Metanefrinas totais 24 horas 0,1 - 1,6 mg/24 h 5,07 0,5 - 8,1 µmol/24 h
Osmolaridade qualquer 500 - 800 mOsm/kg de água 1 500 - 800 mOsm/kg de água
Pentoses 24 horas 2 - 5 mg/kg/24 h 1 2 - 5 mg/kg/24 h
pH qualquer 4,6 - 8,0 1 4,6 - 8,0
Potássio 24 horas 40 - 80 mEq/24 h 1 40 - 80 mmol/24
Pregnanediol
Homem 0,0 - 1,5 mg/24 h 3,12 0 - 4,7 µmol/24 h
24 horas
Mulher 1 - 8 mg/24 h 3,12 3 - 25 µmol/24 h
Gravidez <50 mg/24 h 3,12 <156 µmol/24 h
Pregnanetriol
Homem 24 horas 0,4 - 2,4 mg/24 h 2,97 1,2 - 7,1 µmol/24 h
Mulher 0,5 - 2,0 mg/24 h 2,97 1,5 - 5,9 µmol/24 h
Proteína 24 horas 40 - 150 mg/24 h 1 40 - 150 mg/24 h
Sódio 24 horas 75 - 200 mEq/24 h 1 75 - 200 mmol/24 h
Substâncias redutoras 24 horas 0,5 - 1,5 mg/24 h 1 0,5 - 1,5 mg/24 h
Ureia 24 horas 6 - 7 g/24 h 0,0357 0,21 - 0,60 mol/24 h
Urobilinogénio 24 horas 0,05 - 2,5 mg/24 h ou 0,5 - 4 unid. Ehrlich/24 h 1,69 0,09 - 4.23 µmol/24 h
Uroporfirinas 24 horas 10 - 30 µg/24 h 0,0012 0,012 - 0,037 µmol/24 h
Zinco 24 horas 0,15 - 1,2 mg/24 h 15,3 2,3 - 18,4 µmol/24 h

OUTROS VALORES
Unidades Convencionais Factor Unidades SI
1,5 - 3,5 de hemoglobina total 0,01 0,015 - 0,035 d hemog tot
Hemoglobina A2 <2% 0,01 <0,02
Hemoglobina F 150,000 - 400,000/µl 106 0,15 - 0,4 x 1012 /l
Plaquetas 0,5 - 1,5% 0,01 0,005 - 0,015
Reticulocitos 25.000 - 75.000 cel./µl 106 25 - 75 x 109 /l
Velocidade sedimentação (Westergren)
Homem (menos 50 anos) 15 mm/h 1 15 mm/h
Homem (mais 50 anos) 20 mm/h 1 20 mm/h
Mulher (menos 50 anos) 20 mm/h 1 20 mm/h
Mulher (acima 50 anos) 30 mm/h 1 30 mm/h
LÍQUIDO CÉREBRO - ESPINAL
Unidades Convencionais Factor Unidades SI
Albumina 10 - 30 mg/dl 10 100 - 300 mg/l
Cálcio 2,1 - 2,7 mEq/l 0,5 1,05 - 1,35 mmol/l
Células 0 - 5 cel./µl 106 0 - 5 x 106/l
Cloreto 118 - 132 mEq/l 1 118 - 132 mmol/l
Glucose 50 - 80 mg/dl 0,055 2,75 - 4,4 mmol/l
LHD Aprox. 10% da taxa de soro Aprox. 0,1 da taxa de soro
Proteína total 15 - 45 mg/dl 10 150 - 450 mg/l
Proteínas (Electroforese)
Pré Albumina 2 - 7% 0.01 0,02 - 0,07
Albumina 56 - 76% 0,01 0,56 - 0,76
Alfa-1-globulina 2 - 7% 0,01 0,02 - 0,07
Alfa-2-globulina 4 - 12% 0,01 0,04 - 0,12
Beta-globulina 8 - 18% 0,01 0,08 - 0,18
Gama-Globulina 3 - 12% 0,01 0,03 - 0,12

EXAMES LABORATORIAIS PARA CONTROLO - "CHECK UP"


Com a inclusão destes exames analíticos no I.N.T. pretende-se unicamente colocar ao alcance do Clinico um conjunto de exames laboratoriais, destinados a um
controlo ("check-up"), os quais, não sendo exaustivos, servirão apenas como perfis auxiliares do diagnóstico final efectuado pelo médico.

Controlo p adulto Controlo infantil Controlo do metab dos glúcidos

 Hemograma  Hemograma  Glicémia


 Fosfatase alcalina  TASO  Urina tipo II
 V sedimentação  Velocidade de sedimentação  Hemoglubina glicosilada
 Trasaminases  Urina tipo II  Tempo protrombina
 Glicémia Controlo da função hepática Controlo do metab lipídico
 Biliburrina  Hemograma  Colesterol
 Ureia  Gama GT  LDL
 Ácido Úrico  Velocidade de sedimentação  Triglicéridos
 Creatina  Fosfatase alcalina  Apolipoproteínas
 TASO  Tempo protrombina  HDL
 Colesterol  Electrolease das proteínas  Electrolease das proteínas
 VDRL  Transaminases
 Triglicéridos  AG HBs
 Urina tipo II  Bilirrubinas
 Gama GT  Urina tipo II
QUADRO SINÓPTICO

SITUAÇÃO SINTOMAS E SINAIS TERAPÊUTICAS


Baixa tensional Taquicardia
CHOQUE Hipotermia Pele húmida e fria Sangue Plasma ou substitutos
Oligúria (Variam com a fase)
Sede extrema
DEFICIT 1º – Soro isotónico com glucose a 5-6%
Oligúria c urina d alta densidade e alto teor de NA+
AQUOSO 2º – Corrigir as alterações electrolíticas
Hipernatrenia e hiperuremia
Ausência de sede, Hipotensão aumentada pela posição
1º – Soro fisiológico – Nos défices graves: soro
ortostática Cãibras Náuseas e vómitos
DEFICIT SALINO hipersalino (2 a 3%)
Oligúria com baixo teor de NA+ e CI (excepto na doença
2º – Após corrrecção: dextrose em água
de Addison)
1º – Soro salino (Hartman) ou lact Ringer (1/6 M)
Desidratação 2º – Posteriormente: dextrose em água Deplecção:
ACIDOSE
Taquipneia profunda de K+ Soluto de Darrow DMellitus
METABÓLICA
Coma Baixa de CO2 no sangue Insulina Acidose láctica
Bicarbonato em altas doses
Alterações respiratórias (prévias e causais)
ACIDOSE Respiração assistida para aumentar
Hipercapnia
RESPIRATÓRIA ventilação
Aumento de CO2 no sangue
Desidratação Bradipneia Soro fisiológico
ALCALOSE Tetania Oligúria Dextrose em água
METABÓLICA Aumento de CO2 no sangue Solutos com K+
Déficit de K+ (frequente) Nunca com: bicarbonato ou lactato mas sim CI
ALCALOSE Alta ansiedade Ansiolíticos
RESPIRATÓRIA (Intraoperatória; raro) Psicoterapia Respiração assistida
ANÚRIA ou Limitação de fluidos e dieta hipoproteica
Uremia
acentuada oligúria Cuidadosa correcção electrolítica (não contar com a
Hipercaliemia
(I.R.A.) função renal)

Pesos e Medias Equivalentes


IMC - Índice de massa corporal
Relação Cintura/Anca (C/A)
peso/altura2
menos de 19 - MAGREZA
19 - 24 - NORMAL >1 no sexo masculino
25 - 29 - EXCESSO DE PESO >0,8 no sexo feminino
30 - 49 - OBESIDADE = OBESIDADE ANDRÓIDE =
mais de 40 - OBESIDADE MÓRBIDA (Risco Cardiovascular)

Medidas não graduadas p/ administ d medicamentos


Dose Medidas a utilizar
5 c.c. (cm3)líquido Uma colher de chá
10 c.c. Uma colher de sobremesa
15 c.c. Uma colher de sopa
Uma colher de chá bem cheia ou
3 g. de pó
uma colher de sobremesa rasa

dose de adulto x peso da criança


Dose para criança = ------------------------------------------
peso convencional do adulto (75 kg)
SINOPSE DE DOENÇAS INFECTO-CONTAGIOSAS
Doença Agente Período de Confere Imunidade Imunização artificial Período de evicção escolar
Incubação
Actinomicose Actinomicoses bovis ? ? Não —
Nocardia asteroides
Adenovirose Adenovirus (28 tipos) 2 - 10 dias Não Vacina (morta) —
Ancilostomíase A. duodenale Necator 2 - 10 semanas Não Não —
americanus
Ascaridíase Ascaris Lumbricoides 2 meses Não Não —
Bartonelose (Doença de Bartonela baciliformis 21 dias ? Não —
Carrion)
Bilharzíase ou Schistozoma mansoni 20 dias Não Não —
esquistozomiase japonicum hematobium
Blastomicose Blastomices dermatitis ? ? Não —
Botulismo Clostridum botulinum 8 - 48 horas Não Não —
Brucelose Brucella abortus suis 6 - 60 dias ? (só para animais) —
mellitensis
Cancro mole Hemophilus ducreyi 1 - 10 dias Não Não —
Carbúnculo Bacilus antracis 1 - 4 dias Parcial (só para animais) —
Cólera Vibrio cholerae Poucas horas ? Vacina (morta) —
Conjuntivite gonorreica do Gonococo (Neisseria 2 - 5 dias após o Não Não —
recém-nascido gonorrae) parto
Conjuntivite de inclusão Vírus 7 - 21 dias ? Não —
Coriomeningite linfocitária Vírus 8 - 14 dias Sim Não —
Coxidioidiomicose Coccidioides immitis 7 - 12 dias Parcial Não —
"Constipação Vulgar" Muitos vírus 1 - 4 dias ? Não —
Dengue Vírus 3 - 15 dias ? Não —
Difteria Corynbacterium 2 - 5 dias Sim Activa: toxoide. Passiva: antitoxina 30 dias após cultura negativa ou após 15 dias de doença
difteriae com duas culturas negativas separadas por dois dias.
Não atingidos: após culturas negativas.
Disenteria amibiana Entamoeba histolítica dias ou meses Não Não —
Disenteria bacilar Shigella species 1 - 7 dias Não Não (quimio- proxilaxia com —
sulfamidas)
Encefalite infecciosa aguda Vírus (arthropod born) 4 - 21 dias Sim Suspensões de vírus Até cura (formalizados em alguns casos)
Escarlatina Estreptococcus 1 - 5 dias Parcial, específica do Não Atingidos: 21 dias e após análises negativas. Não
tipo atingidos: 8 dias
Espiroquetose Ictero- Leptospira 4 - 19 dias Sim Não —
hemorrágica (D. de Well) i.-h. canicola, etc.
Favo Trichophyton ? Não Não —
Schoeneini
Febre amarela Vírus 3 - 6 dias Sim Vacina viva —
Febre recorrente Borrelia Racorrentis 3 -12 dias Sim Não —
duttoni
Febres tifóides e Salmonelas 3 - 38 dias Sim Vacina tifóide- paratifóide —
paratifóides (usualmente 10 -
14 dias)
Febre papataci Vírus 1 - 14 dias Sim Não —
Gangrena gasosa Clostridia anaerobios 8 - 24 horas Não Antitoxina para profiláxia e —
tratamento
Gonorreia Neisseria gonoereae 1 - 8 dias Não Não (quimioprofilaxia eficiente) —
Granulona inguinal Donovania dias a meses Não Não —
granulomatis
Gripe Vírus (vários subtipos) 1 - 4 dias De pouca duração Possível, de pouca duração —
específica do tipo
Hepatite A Vírus 15 - 35 dias Sim Globulina imune após exposição —
Hepatite B Vírus 2 - 4 meses Provável Vacina e Imunoglobulina —
Herpes simples Vírus ? ? (Experimental) —
Kala-azar Leishmania donovani, semanas a 6 ? Não —
etc. meses
Lepra Micobacterium leprae Anos ? Não —
Linfogranuloma venéreo Vírus 1 - 6 semanas ? Não —
Meningite a vírus Diversos vírus Variável Específica Não —
Meningite cerebro-espinal Neisseria meningitides 2 - 10 dias ? Não (quimio- Atingidos: até cura. Não atingidos: 10 dias
(e diversas bactérias) -profilaxia)
Mononucleose infecciosa Vírus 3 - 14 dias Sim? Não —
Mormo Malleomices mallei 1 - 5 dias Sim Não —
Paludismo (Sezonismo) Plasmodia 5 - 35 dias Não Não (quimio- —
-profilaxia)
Parotidite (trasorelho) Vírus 7 - 26 dias Sim Vírus inactivado Pelo menos 21 dias e após passar a tumefacção e febre
Peste Pasteurela pestis 2 - 10 dias Sim Vacina —
Pneumonia bacteriana Pneumococcus (e 1 - 7 dias ? (Experimental) —
outras bactérias)
Pneumonia a vírus Agente de Eaton (e 2 - 30 dias Sim Contra alguns agentes específicos —
outros vírus)
Poliomielite Vírus tipo I, II, III 7 - 21 dias Específica do tipo Vacinas, inactivada e viva Atingidos: findo o período febril e não antes de 14 dias.
Não atingidos: duas semanas
Psitacose humana Vírus 6 - 15 dias Sim (Experimental) —
Raiva Vírus 10 dias a 6 meses Sim (com alta Após mordedura, soro hiperimune e —
mortalidade) vacina morta. Vacinação animal c
vacina viva.
Rubéola Vírus 10 - 15 dias Sim Gama-globulina após exposição Durante o período febril
Sarampo Vírus 14 - 21 dias Sim Vacinas Sete dias a contar do início do exanterma. Não atingidos:
8º ao 14º dia após início da doença
Sida Vírus Variável Não Não —
Sifilis Treponema pallidum 1 - 6 semanas ? Quimioprofilaxia após exposição —
(usualmente 3)
Sodoku Spirillum minus, 3 - 30 dias ? Não —
streptobacilus
Tétano Clostridium Tetani 4 - 21 dias (ou Altamente fatal Activa: toxoide. Passiva: antitoxina —
mais)
Tifo Exantemático e outras Riquetsias 7 - 31 dias ? Não —
riquetsioses
Tinha Microsporum ? Não Não Até cura
Tricophitum e outros
fungos
Tosse convulsa Haemophilus pertussis 2 - 21 d (usual 5 - Sim Vacina Atingidos: 3 s após início d doença. N atingidos: 15 d a
10 dias) partir do contacto se nunca sofreram a doença
Tracoma Vírus ? Não Não Enquanto tiverem lesões agudas
Triquinose Trichinela spiralis 6 - 7 dias ? Não —
Tubercolose Mycobacterium Variável ? B.C.G. —
tuberculosis
Tularemia Pasteurella tularensis 1 - 10 dias Sim (Experimental) —
Vacina Vírus 3 - 4 dias Sim Serve de "vacina" para a varíola —
Varicela Vírus (idêntico ao do 2 - 3 semanas Não Não Até cura com queda das crostas
herpes zoster)
Varíola Vírus 7 - 16 dias Sim Vacina Até cura com queda das crostas. Não atingidos: 16 dias
(normalm 12 d) quando não vacinados ou vacinados de 3 anos

Interesses relacionados