Projeto Artístico-Pedagógico-Administrativo

CEP-EMB Professor Ocelo Mendonça Matrícula 27.129-2 1° semestre de 2005

Pesquisa para o Mestrado

As Principais Escolas do Violoncelo. No começo do século XIX escolas distintas de tocar violoncelo existiram na Áustria e Alemanha, França, e Inglaterra, neste período os principais representantes são JeanLouis Duport na França e Bernhard Romberg na Alemanha. Como resultado das migrações durante a Revolução francesa houve uma interação entre as várias escolas. Duport e Romberg também compartilharam a mesma estante de orquestra em Berlim por um breve período e outros violoncelistas importantes da época tiveram contato com eles. O estilo expressivo de Romberg e sua audácia técnica o levaram a um lugar proeminente entre violoncelistas do princípio século XIX. Ele viajou extensivamente pela Europa, dando concertos. Seu estilo de tocar foi muito admirado e imitado. Seu Violoncell-Schule é uma excelente fonte de informação incluindo técnicas elementares e avançadas, aspectos físicos do instrumento, fraseado e expressão, música de conjunto e estilos musicais. A Alemanha e a Escola de Dresden. As idéias de Duport e Romberg foram sintetizadas por Dotzauer que estudou com um aluno de Duport, J.J. Kriegk (1750–1814), e depois com o próprio Romberg em Berlim. Embora Dotzauer tenha sido famoso como artista e compositor em seu tempo, é lembrado pela contribuição para a pedagogia do violoncelo e como fundador da “Escola de Dresden”. Seu Schule de Violoncell (1832) foi o primeiro método significante a ser escrito por um violoncelista alemão. Entre os discípulos de Dotzauer estão F.A. Kummer, K.L. Voigt, Karl Drechlser e Carl Schuberth, através dos quais os princípios de Dotzauer foram preservados e disseminados a outras regiões, incluindo a Rússia(por Schuberth). Kummer sucedeu Dotzauer em Dresden em 1852, como violoncelista solista da orquestra e como professor do Conservatório. Kummer era renomado por sua técnica natural e estilo musical elegante. Seus trabalhos pedagógicos estão entre os mais musicalmente interessantes no período e permanecem no repertório de estudos até hoje. A instrução sistemática e progressiva de seu Violoncell-Schule (c1839) deixou um recurso inestimável para os professores dando ênfase musical ao ensino de técnica.

estilo gracioso e tom bonito. Os 12 Caprichos dele (Berlim. Franchomme era um sócio íntimo de Chopin e o dedicatee da Sonata op. onde ele instruiu os violoncelistas como Jules de Swert (1843–1891). nenhum violoncelista italiano internacionalmente proeminente emergiu até Alfredo Piatti (1822–1901). A França e Bélgica. Servais é creditado com desenvolver técnica à esquerda a alturas novas de virtuosismo. A influência de Grützmacher dominou a Escola de Dresden a partir da segunda metade do século XIX.J.65. rosa para proeminência por causa do brilho técnico dele. foi disseminado pelos alunos dele e esses de Janson. entre eles Julius Goltermann (1825–76). Os alunos dele incluíram L. Auguste Franchomme (1808–84). Altamente próspero como um violoncelista de solo e conhecido para o musicianship impecável dele e cantilena bonita.. Joseph Hollmann (1852–1927) e Ernest De Munck (1840–1915). um aluno de Gaetano Zanetti e Merighi. enquanto escrevendo muitos trabalhos para os próprios desempenhos de concerto dele que contêm efeitos técnicos inovadores e interessantes.11 (Mainz. virtuosismo técnico e beleza de tom. conhecido como o ‘Paganini ' do violoncelo. professor posterior no Conservatório de Praga.A. Depois de Boccherini. Entre aqueles que sofrerqam sua influência temos Hugo Becker (1864–1941). Cedo sucessos de concerto conduziram a uma carreira ativa como artista e professor. Lamare (1772–1823) e Louis Norblin (1781–1854) estava entre os diplomados cedo do Conservatório de Paris que se tornou os violoncelistas proeminentes e professores. A. 1875). Servais sucedeu Platel na cátedra de violoncelo no Conservatório de Bruxelas em 1848. o Vidal (1820–91) e Louis Hegyesi (1853– 94). (c) a Itália. dobram e boça da amarra triplo. e Julius Klengel (1859–1933). Karl Drechsler (1800–73) era baseado em Dessau onde ele serviu como o violoncelista principal e professor. Os Seis Caprichos dele op. um aluno de Norblin e Levasseur ao Paris Conservatoire. um cargo que ele ocupou até a morte dele. Servais (1807–66). M. . Platel (1777–1835). oitavas e passagens em posição de dedo polegar. herdou o manto de Duport. inclusive numerosas excursões de concerto para Rússia onde os desempenhos dele eram um catalisador importante para interesse no violoncelo na escola russa emergindo. ricochete. Os estudantes dele incluíram Cossmann. O estudante de Platel. como esboçado por Duport em his Essai e o Paris Conservatoire Méthode. O jogando dele grandemente foi admirado para sua integridade musical. um estudante de Lamare. e Friedrich Grützmacher (1832–1903). explore uma gama larga de técnicas de virtuoso. Em 1846 ele foi designado o professor principal ao Conservatoire.F. J. sautillé. Os princípios técnicos da escola francesa.H. N.Kummer ensinou vários violoncelistas século XIX. e Bernhard Cossmann. Ele executou extensivamente em Europa. Diran Alexanian (1881–1954). como staccato inarticulado. eventualmente fundou a escola belga de tocar quando ele foi designado o professor no Conservatório em Bruxelas em 1826. Servais era um compositor prolífico para o violoncelo. ?1854) caracteriza muito passagem-trabalhe em posição de dedo polegar e dobro deixa de incluir oitavas e 10ths.

K. até mesmo no registro mais alto do instrumento. como também obra-mestras claras.73 (Leipzig. enquanto usando técnicas de virtuoso avançadas. O treinamento dele estava baseado no ensino de Grützmacher. jogando trabalhos como o Concerto de Haydn em D e o Concerto de Schumann. é particularmente associado com a escola russa. mudanças de posição em posição de dedo polegar.B. influenciou W. Davïdov adotou um sistema novo de tocar no violoncelo (documentou na VioloncellSchule Leipzig inacabada dele. todo o silêncio muito popular com artistas modernos. como boça da amarra dobro e oitavas. estava entre os primeiros 19º violoncelistas de século para reavivar interesse em obra-primas mais velhas. estabelecendo a escola húngara de violoncelo tocar. Popper. e também era muito influente como o professor de muitos violoncelistas russos na parte posterior do século. 1888) em qual a mão esquerda tem mobilidade completa em cima da bússola inteira do fingerboard.W. Popper era um compositor prolífico de avançado estuda para o violoncelo. era um fator importante gerando uma vida musical russa rica no 19º século.Y. Whitehouse e Howell também eram muito ativos como professores ao CARNEIRO. e ajudou estimular interesse no violoncelo. David Popper (1843–1913) estava entre os virtuosos de violoncelo mais influentes do 19º século posterior. Alfredo Piatti levou residência em Londres e. um aluno de Grützmacher. O sócio de escrivaninha dele F. pureza de entonação e expressivo jogando fixo um padrão novo na Rússia nativa dele e no estrangeiro. junto com Piatti. a linha pedagógica inglesa de Whitehouse que é particularmente forte no 20º século. Whitehouse e Popa de Leo. Davïdov (1838–89). sem referência para posições fixas. Em 1846. um aluno de Carl Schuberth. e de Príncipe N. enquanto sendo o primeiro violoncelista russo para ganhar uma cátedra no St Petersburg Conservatory em 1862. Golitsïn (o posterior dois de quem eram os violoncelistas amadores). o domínio de Popper do violoncelo era não superado. Ele foi designado o professor no Conservatório Real húngaro Nacional em Budapeste em 1886. Wilhelm Fitzenhagen (1848–90). O patronato do russo Conta Saltïkov e Mateusz Wielhorski. concertos e câmara trabalha. vibra. pôs a fundação para a escola russa. e o nível alto dele de habilidade técnica. A estada curta de Romberg em Rússia onde ele fugiu o partidário a invasão de Prússia por Napoleon em 1806. (e) A escola russa. e o jogando dele foi caracterizado por refinamento musical e tom de ricos. como também virtuosismo sem defeito. Abaixe (c1808-44) também era um jogador realizado e publicou um tratado inclusivo no violoncelo baseado na Paris método de Conservatoire. e a associação íntima dele com Wielhorski em particular. Junto com Davïdov. Robert Lindley era a Inglaterra está conduzindo o violoncelista para a maioria da vida dele e ensinou ao CARNEIRO. De acordo com os contemporâneos dele. era um solista e músico de câmara. Nascido e educado em Praga. (f) O Czechs e húngaro.E para a próxima geração de violoncelistas ingleses que incluíram Edward Howell. Popper Hohe Schule Violoncello-lengalengas de des op.(d) A escola inglesa. 1901–5) ainda está entre os trabalhos pedagógicos mais importantes para o violoncelo. como professor ao CARNEIRO. Davïdov compôs muitos pedaços atraentes para o instrumento no estilo Romântico alemão. e dobrando técnicas como staccato .

Os pedaços de salão de virtuoso deslumbrando que ele escreveu eram inovadores na partida deles/delas do caracteristicamente qualidade de soulful do estilo de cantilena que era tradicionalmente associado com o violoncelo no 19º século. piqué. e cruzamentos de fio rápidos. Brasília.inarticulado. sautillé. 20 de Maio de 2005 . spiccato.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful