Você está na página 1de 12

MÉDICO

SOCORRISTA/MEDICINA DE URGÊNCIA

CÓDIGO: MMU34 CADERNO: 2

LEIA COM ATENÇÃO AS INSTRUÇÕES AGENDA


1 - A duração da prova é de 4 horas, já incluído o tempo de l 23/02/2014, Provas Objetivas e Entrega de
preenchimento do cartão de respostas. Títulos (candidatos de Nível Superior).
2 - O candidato que, na primeira hora de prova, se ausentar da sala
l 24/02/2014, Divulgação dos Gabaritos Preliminares
e a ela não retornar, será eliminado.
e Disponibilização dos Exemplares das Provas Objetivas.
3 - Os três últimos candidatos ao terminar a prova deverão
permanecer na sala e somente poderão sair juntos do recinto, l 25/02/2014, Disponibilização das Imagens dos
após aposição em ata de suas respectivas assinaturas. Cartões de Respostas das Provas Objetivas.
4 - Você NÃO poderá levar o seu caderno de questões (Provas) e
l 26/02 e 27/02/2014, Interposição de Recursos
nem copiar o gabarito, pois a imagem do seu cartão de respostas
Administrativos quanto as questões das Provas
será disponibilizado em http://concursos.biorio.org.br na data
Objetivas.
prevista no cronograma.
l 17/03/2014, Divulgação dos Gabaritos Definitivos
Oficiais, Resultado das Notas Preliminares das Provas
Objetivas.
INSTRUÇÕES - PROVA OBJETIVA
l 17/03 a 21/03/2014, Interposição de Recursos
1- Confira atentamente se este caderno de questões (Provas), que Administrativos contra as Notas Preliminares das
contém 60 questões objetivas, está completo. Provas Objetivas.
2 - Cada questão da Prova Objetiva conterá 5 (cinco) opções e l 25/03/2014, Divulgação do Resultado dos
somente uma correta. Recursos Administrativos contra as Notas
3 - Confira se seus dados, o curso escolhido, indicados no cartão de Preliminares das Provas Objetivas.
respostas, está correto. Se notar qualquer divergência, notifique
imediatamente ao Fiscal de Sala ou ao Chefe de Local. Terminada l 25/03/2014, Resultado Definitivo das Notas
a conferência, você deve assinar o cartão de respostas no espaço das Provas Objetivas.
apropriado. l 01/04/2014, Resultado das Notas Preliminares
4 - Confira atentamente se o curso e o número do caderno que da Avaliação de Títulos.
consta neste caderno de questões é o mesmo do que consta em
seu cartão de respostas. Se notar qualquer divergência, notifique l 02/04 a 03/04/2014, Interposição de Recursos
imediatamente ao Fiscal de Sala ou ao Chefe de Local. Administrativos contra as Notas Preliminares da
5 - Cuide de seu cartão de respostas. Ele não pode ser rasurado, Avaliação de Títulos.
amassado, dobrado nem manchado. l 06/04/2014, Divulgação do Resultado Final
6 - Se você marcar mais de uma alternativa, sua resposta será das Notas das Provas Objetivas.
considerada errada mesmo que uma das alternativas indicadas
seja a correta. l 07/04/2014, Resultado Final do Processo Seletivo.

INFORMAÇÕES:
l Tel: 21 3525-2480 das 9 às 18h
l Internet: http://concursos.biorio.org.br
l E-mail: fsaude2014@biorio.org.br
SOCORRISTA/MEDICINA DE URGÊNCIA CADERNO 2

LÍNGUA PORTUGUESA QUESTÃO 2


O título do texto nos informa, implicitamente, que:

(A) outros estudos, com o mesmo objetivo, já haviam sido


TEXTO
feitos, mas não haviam chegado a essa conclusão.
ESTUDO DEMONSTROU PELA PRIMEIRA VEZ (B) a tese de que beber água emagrece já era defendida por
QUE BEBER ÁGUA EMAGRECE –Uol Saúde muitos, mas isso era afirmado pelos médicos, sem a
pesquisa de laboratórios farmacêuticos.
Uma equipe de cientistas alemães demonstrou pela (C) o emagrecimento está ligado principalmente à ingestão de
primeira vez que, como assegura a tradição popular, beber grande quantidade de água, fato só agora comprovado
água emagrece. pela ciência.
Uma pesquisa clínica da universidade Charité de Berlim (D) a ciência comprovou, por meio de pesquisas, que o
publicada nesta quinta-feira (29) na revista American consumo de água auxilia no emagrecimento, fato que
Journal of Clinical Nutrition assegura que a ingestão de ainda não havia sido confirmado.
água reforça os efeitos de uma dieta de emagrecimento. (E) algumas pesquisas anteriores, embora sem credibilidade, já
“Apesar de nas dietas normalmente ser recomendado beber haviam demonstrado que beber água emagrece.
muita água, até agora não havia nenhuma recomendação
com base científica”, disse o responsável da equipe de
pesquisa, Rebecca Muckelbauer. QUESTÃO 3
A partir da análise de cerca de 5.000 referências de
O título do texto – estudo demonstrou pela primeira vez
diferentes bancos de dados de artigos científicos, os
que beber água emagrece – pode ser reescrito de várias
especialistas puderam comprovar que beber água
efetivamente acelera os processos de emagrecimento formas; Avalie se as formas de reescrever essa mesma
quando se está fazendo uma dieta. frase seguem corretamente as regras de pontuação:
O estudo destaca a conclusão de uma série de dados I - Pela primeira vez, estudo demonstrou que beber água
sobre o sucesso de uma dieta em um grupo de idosos que emagrece.
aumentaram seu consumo médio de água. II - Estudo, pela primeira vez, demonstrou que beber água
As pessoas estudadas que aumentaram em um litro ao emagrece.
dia seu consumo de água emagreceram entre um e dois
III - Estudo demonstrou, pela primeira vez, que beber água
quilogramas a mais que o grupo de controle, que manteve
emagrece.
sem alteração a quantidade de líquido que bebia.
IV - Estudo demonstrou que beber água emagrece, pela
O efeito de emagrecimento da água em combinação com
uma dieta pode acontecer, segundo os cientistas, à simples primeira vez.
sensação física de saciedade com a ingestão do líquido e à Estão corretas as formas:
aceleração do metabolismo.
(A) I-II-III-IV
(B) I-II-III, apenas
(C) I-III-IV, apenas
(D) II-III-IV, apenas
QUESTÃO 1 (E) II-III, apenas
Considerando que o texto aborda uma pesquisa científica,
indique a etapa dessa pesquisa que NÃO foi corretamente
identificada: QUESTÃO 4
“Uma equipe de cientistas alemães demonstrou pela primeira
(A) hipótese: beber água emagrece vez que, como assegura a tradição popular, beber água
(B) metodologia: comparar grupos de idosos que aumentaram emagrece”.
seu consumo médio de água com outros que não o fizeram.
(C) método empregado: dedutivo, pois partem de um caso O conectivo abaixo que substitui adequadamente o “como”
geral para casos particulares. nesse segmento do texto é:
(D) análise: os estudos mostraram maior emagrecimento no (A) tal qual
grupo de idosos que aumentaram seu consumo médio de (B) assim como
água. (C) conforme
(E) conclusão: os idosos perdem mais peso quando aumentam (D) à medida que
seu consumo médio de água e estão fazendo dieta. (E) desde que

2
SOCORRISTA/MEDICINA DE URGÊNCIA CADERNO 2

QUESTÃO 5 (C) o pronome relativo “que” tem “dieta” por antecedente.


“Apesar de nas dietas normalmente ser recomendado beber (D) o vocábulo “conclusão” indica um pensamento
muita água, até agora não havia nenhuma recomendação com obrigatoriamente correto.
base científica”; a forma abaixo de reescrever-se esse segmento (E) o vocábulo “idosos” representa uma designação
politicamente correta de “velhos”.
do texto que respeita a correlação de tempos verbais é:

(A) Embora na dietas ser normalmente recomendado que


se bebesse muita água, até agora não havia nenhuma QUESTÃO 9
recomendação com base científica. Segundo o texto, a ingestão de água emagrece:
(B) Mesmo que nas dietas seja normalmente recomendado
que se beba muita água, até agora não havia nenhuma (A) desde que acompanhada de controle médico.
(B) sobretudo em pacientes da terceira idade.
recomendação com base científica.
(C) já que traz a sensação de saciedade.
(C) Ainda que nas dietas ser recomendado normalmente beber
(D) caso não esteja acompanhada de uma dieta.
muita água, até agora não há nenhuma recomendação
(E) apesar de já haver uma pesquisa que o comprova.
com base científica.
(D) Conquanto nas dietas fosse normalmente recomendado
beber muita água, até agora não havia nenhuma
recomendação com base científica. QUESTÃO 10
(E) Apesar de nas dietas ser normalmente recomendado “A partir da análise de cerca de 5.000 referências...”; assinale a
beber muita água, até agora não tem havido nenhuma alternativa que indica corretamente o significado da expressão
recomendação com base científica. sublinhada:

(A) quantidade rigorosamente precisa


QUESTÃO 6 (B) quantidade aproximada para menos
O segmento do texto em que a troca de posição dos termos (C) quantidade aproximada para mais
sublinhados modifica o sentido do texto é: (D) quantidade aproximada para mais ou menos
(E) quantidade intencionalmente exagerada.
(A) “A partir da análise de cerca de 5.000 referências de
diferentes bancos de dados de artigos científicos”.
(B) “...os especialistas puderam comprovar que beber água
efetivamente acelera os processos de emagrecimento”.
SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE-SUS
(C) “Uma equipe de cientistas alemães demonstrou
pela primeira vez que beber água emagrece”. QUESTÃO 11
(D) “...como assegura a tradição popular, beber água emagrece”. O Programa Saúde na Escola (PSE) visa à atenção integral à
(E) “Apesar de nas dietas normalmente ser recomendado saúde de crianças, adolescentes e jovens do ensino público
beber muita água...” básico, no âmbito das escolas e Unidades Básicas de Saúde.
Avalie se as seguintes ações, a serem realizadas pelas equipes
de saúde da atenção básica e educação, de forma integrada,
estão corretas:
QUESTÃO 7
O termo sublinhado que funciona como agente (adjunto
I - Avaliação clínica e psicossocial que objetivam identificar
adnominal) e não como paciente (complemento nominal) do
necessidades de saúde e garantir a atenção integral a elas
termo anterior é:
na Rede de Atenção à Saúde.
(A) ingestão de água II - Promoção e prevenção que articulem práticas de
(B) pesquisa da Universidade Charité formação, educativas e de saúde, visando à promoção da
(C) consumo médio de água alimentação saudável, à promoção de práticas corporais
(D) análise de cerca de 5000 referências e atividades físicas nas escolas, à educação para a saúde
(E) aceleração do metabolismo sexual e reprodutiva, à prevenção ao uso de álcool,
tabaco e outras drogas, à promoção da cultura de paz e
prevenção das violências, à promoção da saúde ambiental
e desenvolvimento sustentável.
QUESTÃO 8 III - Educação permanente para qualificação da atuação dos
“O estudo destaca a conclusão de uma série de dados sobre o
profissionais da educação e da saúde e formação de jovens.
sucesso de uma dieta em um grupo de idosos que aumentaram
seu consumo médio de água”.
Está(ao) correta(s) a(s) ação(oes):
Assinale a alternativa em que o comentário realizado sobre um
componente desse segmento do texto é correto: (A) I, II e III.
(B) II e III, apenas.
(A) a expressão “uma série de” indica um conjunto de (C) I e III, apenas.
elementos organizados do menos para o mais importante. (D) II, apenas.
(B) o conectivo “sobre” indica uma noção de “lugar”. (E) I, apenas.

3
SOCORRISTA/MEDICINA DE URGÊNCIA CADERNO 2

QUESTÃO 12 QUESTÃO 14
Avalie se, de acordo com a Lei 8080/90, são objetivos do Em relação à assistência terapêutica e à incorporação de
Sistema Único de Saúde: tecnologia em saúde, de acordo com a lei 8080/90, NÃO é
correto afirmar que:
I - A identificação e divulgação dos fatores condicionantes e
determinantes da saúde. (A) A assistência terapêutica integral inclui a dispensação
II - A formulação de política de saúde destinada a promover, de medicamentos e produtos de interesse para a
nos campos econômico e social, a observância do disposto saúde(próteses, órteses, bolsas coletoras e equipamentos
no § 1º do art. 2º desta lei. médicos), cuja prescrição esteja em conformidade com as
III - A assistência às pessoas por intermédio de ações de diretrizes terapêuticas definidas em protocolo clínico para
promoção, proteção e recuperação da saúde, com a doença ou o agravo à saúde a ser tratado ou, na falta do
a realização integrada das ações assistenciais e das protocolo, em conformidade com o disposto no na própria
atividades preventivas. lei 8080/90.
IV - O fomento, no âmbito do ensino superior de graduação (B) A assistência terapêutica integral inclui a oferta de
e de pós-graduação, de práticas político-pedagógicas procedimentos terapêuticos, em regime domiciliar,
capazes de transformar a concepção dos profissionais da ambulatorial e hospitalar, constantes de tabelas
área de saúde em relação aos cuidados em saúde. elaboradas pelo gestor federal do Sistema Único de Saúde
- SUS, realizados no território nacional por serviço próprio,
Estão corretos os objetivos: conveniado ou contratado.
(C) Protocolo clínico e diretriz terapêutica é um documento
(A) I e II, apenas. que estabelece critérios para o diagnóstico da doença
(B) III e IV, apenas. ou do agravo à saúde; o tratamento preconizado, com os
(C) I, II e III, apenas. medicamentos e demais produtos apropriados, quando
(D) I, III e IV, apenas. couber; as posologias recomendadas; os mecanismos de
(E) I, II, III e IV. controle clínico; e o acompanhamento e a verificação dos
resultados terapêuticos, a serem seguidos pelos gestores
do SUS.
QUESTÃO 13 (D) Os protocolos clínicos e as diretrizes terapêuticas não
Avalie se as ações e serviços públicos de saúde e os serviços devem estabelecer os medicamentos ou produtos
privados contratados ou conveniados que integram o Sistema necessários nas diferentes fases evolutivas da doença ou
Único de Saúde (SUS) obedecem, dentre outros aos seguintes do agravo à saúde de que tratam.
princípios: (E) Os medicamentos ou produtos da assistência terapêutica
e da incorporação de tecnologia são aqueles avaliados
I - universalidade de acesso aos serviços de saúde em todos os quanto à sua eficácia, segurança, efetividade e custo-
níveis de assistência. efetividade para as diferentes fases evolutivas da doença
II - preservação da autonomia das pessoas na defesa de sua ou do agravo à saúde de que trata o protocolo.
integridade física e moral.
III - utilização da epidemiologia para o estabelecimento
de prioridades, a alocação de recursos e a orientação QUESTÃO 15
programática. De acordo com a Lei 8142/90, o Sistema Único de Saúde - SUS
IV - participação da comunidade. contará, em cada esfera de governo, sem prejuízo das funções
do Poder Legislativo, com as seguintes instâncias colegiadas:
Estão corretos:
(A) a Conferência de Saúde e o Conselho de Saúde.
(B) o Comitê Gestor e a Secretaria Executiva.
(A) I e II, apenas. (C) o Conselho Administrativo e o Comitê Gestor.
(B) III e IV, apenas. (D) o Congresso de Saúde e o Conselho de Saúde.
(C) I, II e III, apenas. (E) o Congresso de Saúde e a Conferência Permanente.
(D) I, III e IV, apenas.
(E) I, II, III e IV.

4
SOCORRISTA/MEDICINA DE URGÊNCIA CADERNO 2

QUESTÃO 16 QUESTÃO 18
Os seguintes itens são necessários à Estratégia Saúde da
Um dos fundamentos da Atenção Básica é “Ter território Família, EXCETO UM, que está ERRADO. Assinale-o.
_____ sobre o mesmo, de forma a permitir o planejamento,
a programação _____ e o desenvolvimento de ações (A) Existência de equipe multiprofissional (equipe de Saúde
setoriais e intersetoriais com impacto na situação, da Família) composta por, no mínimo, médico generalista
nos condicionantes e nos determinantes da saúde das ou especialista em Saúde da Família ou médico de Família
coletividades que constituem aquele território, sempre e Comunidade, enfermeiro generalista ou especialista em
em consonância com o princípio da _____”. Saúde da Família, auxiliar ou técnico de enfermagem e
agentes comunitários de saúde.
(PNAB, 2012, Anexo 1)
(B) Como parte da equipe multiprofissional, podem ser
acrescentados profissionais de saúde bucal: cirurgião-
As lacunas ficam corretamente preenchidas por:
dentista generalista ou especialista em Saúde da Família,
(A) associado / centralizado / impessoalidade. auxiliar e/ ou técnico em saúde bucal.
(B) adstrito / descentralizada / equidade. (C) O número de ACS deve ser suficiente para cobrir 100% da
(C) limitado / centralizada / paridade. população cadastrada, com um máximo de 750 pessoas
(D) adstrito / centralizada / hierarquização. por ACS e de 12 ACS por equipe de Saúde da Família, não
(E) limitado / hierarquizada e centralizada / equidade. ultrapassando o limite máximo recomendado de pessoas
por equipe.
(D) Recomenda-se que o número de pessoas por equipe
QUESTÃO 17 considere o grau de vulnerabilidade das famílias
Avalie se as atribuições comuns a todos os profissionais das daquele território, sendo que, quanto maior o grau de
Equipes de Atenção Básica incluem: vulnerabilidade, maior deverá ser a quantidade de pessoas
por equipe.
I - Realizar ações de atenção à saúde conforme a necessidade (E) Cada equipe de Saúde da Família deve ser responsável por,
de saúde da população local, bem como as previstas nas
no máximo, 4.000 pessoas, sendo a média recomendada
prioridades e protocolos da gestão local.
II - Manter atualizado o cadastramento das famílias e dos de 3.000, respeitando critérios de equidade para essa
indivíduos no sistema de informação indicado pelo definição.
gestor municipal e utilizar, de forma sistemática, os dados
para a análise da situação de saúde, considerando as
características sociais, econômicas, culturais, demográficas QUESTÃO 19
e epidemiológicas do território, priorizando as situações a Avalie se são verdadeiras (V) ou falsas (F) as seguintes
serem acompanhadas no planejamento local. afirmativas a respeito da Estratégia Saúde da Família:
III - Participar do acolhimento dos usuários realizando a escuta
qualificada das necessidades de saúde, procedendo à
I - Visa à reorganização da atenção básica no País, de acordo
primeira avaliação (classificação de risco, avaliação de
vulnerabilidade, coleta de informações e sinais clínicos) com os preceitos do Sistema Único de Saúde.
e identificação das necessidades de intervenções de II - É considerada pelo Ministério da Saúde e pelos gestores
cuidado, proporcionando atendimento humanizado, estaduais e municipais, representados respectivamente
responsabilizando-se pela continuidade da atenção e pelo Conass e Conasems, como estratégia de expansão,
viabilizando o estabelecimento do vínculo. qualificação e consolidação da atenção básica por
IV - Realizar busca ativa e notificar doenças e agravos de favorecer uma reorientação do processo de trabalho
notificação compulsória e de outros agravos e situações com maior potencial de aprofundar os princípios,
de importância local. diretrizes e fundamentos da atenção básica, de ampliar a
resolutividade e impacto na situação de saúde das pessoas
Estão corretas as atribuições:
e coletividades.
(A) I e III, apenas. III – Propicia uma importante relação custo-efetividade.
(B) II, III e IV, apenas.
(C) I, II e III, apenas. As afirmativas I, II e III são respectivamente:
(D) I, III e IV, apenas.
(E) I, II, III e IV. (A) F, V e V.
(B) V, F e F.
(C) V, V e V.
(D) V, F e V.
(E) F, V e F.

5
SOCORRISTA/MEDICINA DE URGÊNCIA CADERNO 2

QUESTÃO 20 QUESTÃO 22
Em relação aos Núcleos de Apoio à Saúde da Família (NASF), Observe a imagem abaixo.
NÃO é correto afirmar que:

(A) foram criados com o objetivo de ampliar a abrangência


e o escopo das ações da atenção básica, bem como sua
resolubilidade.
(B) São constituídos por equipes compostas por profissionais
de diferentes áreas de conhecimento, que devem atuar de
maneira integrada e apoiando os profissionais das equipes
de Saúde da Família, das equipes de atenção básica para
populações específicas.
(C) Devem, a partir das demandas identificadas no trabalho
conjunto com as equipes e/ou Academia da Saúde, atuar
de forma integrada à Rede de Atenção à Saúde e seus
serviços, além de outras redes como SUAS, redes sociais e
comunitárias.
(D) Fazem parte da atenção básica e se constituem como
serviços com unidades físicas independentes ou especiais
e de livre acesso para atendimento individual ou coletivo.
(E) A responsabilização compartilhada entre a equipe do NASF
e as equipes de Saúde da Família/equipes de atenção básica
para populações específicas prevê a revisão da prática do
encaminhamento com base nos processos de referência Com relação ao tipo de hemorragia intracraniana presente na
e contrarreferência, ampliando-a para um processo de imagem, é correto afirmar que:
compartilhamento de casos e acompanhamento longitudinal
de responsabilidade das equipes de atenção básica, (A) o tratamento da hipertensão arterial sistêmica na
atuando no fortalecimento de seus princípios e no papel de população geral reduziu sua incidência.
coordenação do cuidado nas Redes de Atenção à Saúde. (B) o tabagismo não é um fator de risco para a sua etiologia.
(C) diante da suspeita clínica, a ressonância nuclear magnética
é o exame complementar inicialmente indicado por ser mais
sensível do que a tomografia para detecção do sangramento.
(D) o uso de nimodipina na dose de 60 mg a cada 4 horas,
reduz a frequência de vasoespasmo.
(E) a hiponatremia é a alteração eletrolítica mais comumente
associada com este tipo de hemorragia.

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS
QUESTÃO 23
A medicação que foi retirada do algoritmo de parada cardíaca por
assistolia ou atividade elétrica sem pulso (AESP), por não existirem
QUESTÃO 21 evidências de que seu uso produza efeitos terapêuticos, é a:
Em pacientes com crise tireotóxica, o seguinte medicamento
deve ser evitado por ser capaz de diminuir a ligação dos (A) amiodarona
hormônios tireoidianos com suas proteínas carreadoras, (B) epinefrina
aumentando assim os níveis de hormônios livres: (C) adrenalina
(D) atropina
(A) dipirona sódica (E) lidocaína
(B) propranolol
(C) aspirina
(D) metimazol QUESTÃO 24
(E) hidrocortisona A administração de adenosina e a manobra vagal são as
intervenções iniciais de eleição nos casos de taquicardias com
complexo QRS estreito. Dentre as condições citadas abaixo,
aquela em que deve-se evitar a administração da adenosina é a:

(A) hipertensão arterial sistêmica


(B) pancreatite aguda
(C) sepse grave
(D) asma brônquica
(E) dissecção aórtica

6
SOCORRISTA/MEDICINA DE URGÊNCIA CADERNO 2

QUESTÃO 25 QUESTÃO 29
Diante de um paciente com parada cardíaca em atividade A aspergilose invasiva é uma infecção fúngica associada ao uso
elétrica sem pulso (AESP), devemos obrigatoriamente prolongado de corticoides e a condições de neutropenia grave
pensar em determinadas condições que, ao serem corrigidas (p.ex.: neutropenia pós-quimioterapia). A droga considerada
permitem o retorno da circulação espontânea. As duas causas de primeira escolha para o tratamento da aspergilose invasiva
mais comuns e facilmente reversíveis de AESP são: é:

(A) tamponamento cardíaco e hipóxia (A) anfotericina B lipossomal


(B) hipoglicemia e pneumotórax (B) voriconazol
(C) hipóxia e hipovolemia (C) micafungina
(D) hipotermia e hipopotassemia (D) caspofungina
(E) acidose metabólica e intoxicações exógenas (E) itraconazol

QUESTÃO 26 QUESTÃO 30
Nos casos de embolia pulmonar, o ecocardiograma Considere o seguinte perfil de análise do líquor de um paciente
transtorácico raramente consegue demonstrar a imagem com suspeita de meningite:
do trombo. No entanto, o melhor sinal indireto de embolia
pulmonar ao ecocardiograma transtorácico, onde a parede # Pressão de abertura < 20 cmH20
livre do ventrículo direito é hipocinética e o ápice do VD # Contagem celular entre 5-500 células/mm3
apresenta movimentação normal é conhecido como sinal de: # Proteína 55 mg/dL
# Glicose normal
(A) Murphy
(B) McConnell Baseado no perfil liquórico exposto, o agente etiológico
(C) Simvoulidis possivelmente implicado na etiologia da meningite em questão
(D) Jameson é:
(E) Pieralli
(A) Mycobacterium tuberculosis
(B) Neisseria meningitidis
QUESTÃO 27 (C) Listeria monocytogenes
A síndrome de Bartter e a síndrome de Gitelman são distúrbios (D) Borrelia borgdoferi
tubulares hereditários onde existem defeitos genéticos nos (E) Herpes simplex
transportadores iônicos em segmentos variados do néfron. A
síndrome de Gilteman pode ser diferenciada da síndrome de
Bartter pela presença das seguintes alterações: QUESTÃO 31
São considerados fatores de risco para o desenvolvimento de
(A) hipomagnesemia e hipocalciúria abscesso cerebral, EXCETO:
(B) hipopotassemia e acidose metabólica
(C) hipermagnesemia e hipocalciúria (A) doença cardíaca cianótica
(D) hiperpotassemia e acidose metabólica (B) abscesso pulmonar
(E) alcalose metabólica e acidose respiratória (C) pancreatite aguda
(D) imunossupressão
(E) endocardite infecciosa
QUESTÃO 28
O distúrbio do equilíbrio ácido-básico que comumente está
associado ao uso de diuréticos de alça é a: QUESTÃO 32
A insuficiência ou injúria renal aguda descreve uma síndrome
(A) acidose metabólica clínica em que um dos critérios que a definem é a oligúria.
(B) alcalose respiratória Em termos de volume urinário, a opção que melhor define a
(C) alcalose mista oligúria nos casos de injúria renal aguda é:
(D) alcalose metabólica
(E) acidose mista (A) débito urinário > 0,8 mL/kg/hora por mais de seis horas
(B) débito urinário < 0,5 mL/kg/hora por menos de seis horas
(C) débito urinário > 0,8 mL/kg/hora por menos de seis horas
(D) débito urinário < 0,5 mL/kg/hora por mais de seis horas
(E) débito urinário < 0,8 mL/kg/hora por mais de três horas

7
SOCORRISTA/MEDICINA DE URGÊNCIA CADERNO 2
ATENÇÃO QUESTÃO 33
Leia atentamente o caso clínico abaixo e responda No quadro descrito, a gasometria arterial do paciente revela o
corretamente as quatro questões seguintes. seguinte distúrbio ácido-básico:
Paciente do sexo masculino, 53 anos, em tratamento para tumor (A) alcalose metabólica compensada.
de cólon metastático com quimioterapia, procurou o pronto (B) alcalose metabólica.
atendimento com queixa de febre com calafrios, astenia e (C) acidose respiratória compensada com alcalose metabólica.
inapetência. Ao exame físico apresentava-se em regular estado (D) acidose metabólica não compensada.
geral, porém desidratado, hipocorado e com discreta cianose (E) acidose respiratória.
de extremidades. Ventilava espontaneamente com discreto
esforço. Após a instalação do monitor multiparamétrico, os
dados obtidos foram: QUESTÃO 34
A pCO2 esperada para correção do distúrbio apresentado na
# Pressão arterial = 80x50 mmHg
gasometria do paciente em questão é:
# Frequência cardíaca = 116 bpm
# Frequência respiratória = 24 irpm (A) 21 mmHg.
# Saturação de oxigênio = 88% (B) 18 mmHg.
# Temperatura = 38oC (C) 26 mmHg.
(D) 40 mmHg.
Os exames complementares solicitados no momento do
(E) 35 mmHg.
atendimento são os seguintes:

Gasometria arterial:
pH = 7.18 QUESTÃO 35
pCO2 = 32 mmHg Após tentativa infrutífera de ventilação não-invasiva, você opta
pO2 = 59 mmHg pela intubação orotraqueal e ventilação mecânica invasiva
SatO2 = 90% com pressão positiva. Diante do diagnóstico de Síndrome da
BE = -8,5 mmol/L Angústia Respiratória Aguda (SARA), a melhor opção de ajuste
Bicarbonato = 12 mmol/L na ventilação mecânica é:
Lactato = 4,2 mmol/L (V.R.: até 2 mmol/L)
(A) ventilação com volume corrente entre 8 e 10 mL/kg predito
Bioquímica/eletrólitos: (B) ventilação com volume corrente entre 10 e 12 mL/kg
Ureia = 68 predito
Creatinina = 1,63 (C) ventilação com volume corrente entre 1 e 3 mL/kg predito
Na+ = 148 (D) ventilação com volume corrente entre 7 e 12 mL/kg predito
K+ = 4,8 (E) ventilação com volume corrente entre 3 e 6 mL/kg predito
Cl- = 105
PCRt = 32,1 (V.R.: < 0,5)
QUESTÃO 36
Hemograma: Para o paciente do caso clínico em questão, a escolha mais
1200 leucócitos, 428 neutrófilos e presença de formas jovens racional de antibioticoterapia empírica inicial é:
Hemoglobina = 8 g/dL
Hematócrito = 24% (A) vancomicina
Plaquetas = 103.000/mm3 (B) ceftazidima
(C) ertapenem
A radiografia de tórax é a demonstrada abaixo: (D) linezolida + fluconazol
(E) amoxicilina + clavulanato

QUESTÃO 37
Avalie se são consideradas contraindicações à lavagem gástrica
em casos de intoxicação exógena:
I - Tempo de ingestão menor do que uma hora.
II - Ingestão de substância desconhecida.
III - Nível de consciência preservado com reflexo de tosse intacto.
IV - Ingestão de hidrocarbonetos

Está correto apenas o que se afirma em:

(A) I e III
(B) II
(C) III e IV
(D) IV
(E) II, III e IV
8
SOCORRISTA/MEDICINA DE URGÊNCIA CADERNO 2

QUESTÃO 38 QUESTÃO 42
Dentre as substâncias abaixo, aquela que pode ser dosada A medicação intravenosa de escolha para o controle da agitação
em casos de intoxicações exógenas, para que possamos em um paciente com delirium (estado confusional agudo) é:
estabelecer uma possível relação entre o nível sérico e
a toxicidade, ajudando a definir também uma estratégia (A) morfina
terapêutica direcionada é a: (B) midazolam
(C) haloperidol
(A) metformina (D) diazepam
(B) losartana potássica (E) tramadol
(C) teofilina
(D) losartana sódica
(E) imipramina QUESTÃO 43
Uma paciente de 83 anos é trazida por seus familiares ao serviço
de urgência com quadro de síndrome infecciosa aguda. A filha
QUESTÃO 39 da paciente refere que a mesma possui bexiga neurogênica e faz
Com relação às intoxicações exógenas, assinale a alternativa infecções urinárias de repetição com uso de múltiplos esquemas
que correlaciona corretamente a substância tóxica com o seu antibióticos nos últimos seis meses. Na última urinocultura
antídoto: houve crescimento de E.coli ESBL positiva. Nesse caso, o
antibiótico mais indicado para o tratamento empírico é:
(A) benzodiazepínicos  naloxona.
(B) beta-bloqueadores  hemodiálise. (A) cefuroxima
(C) opióides  flumazenil. (B) ciprofloxacina
(D) isoniazida  vitamina B12. (C) ampicilina
(E) digoxina  anticorpos antidigoxina. (D) ertapenem
(E) vancomicina

QUESTÃO 40
A sepse é definida como a síndrome de resposta inflamatória QUESTÃO 44
sistêmica (SIRS) provocada por um agente infeccioso A manobra de Dix-Hallpike, quando positiva, é um dos critérios
(documentado ou suspeito). Podemos afirmar que um paciente usados para o diagnóstico de:
tem SIRS quando estão presentes pelo menos 2 critérios que
(A) acidente vascular encefálico cerebelar
definem a inflamação sistêmica. Avalie as opções abaixo e
(B) neurinoma do acústico
assinale aquela que possui a melhor combinação de critérios
(C) meningioma de fossa posterior
que definem SIRS em um determinado paciente:
(D) vertigem de posicionamento paroxística benigna
(E) aneurisma da artéria cerebelar posterior inferior
(A) frequência cardíaca de 82 bpm e contagem de leucócitos
de 17.000/mm3
(B) frequência cardíaca de 95 bpm e contagem de leucócitos
QUESTÃO 45
de 13.350/mm3
No derrame pleural de origem neoplásica, o parâmetro que
(C) frequência respiratória de 18 irpm e temperatura axilar de
possui correlação com o prognóstico e prediz uma resposta
36oC ruim nos casos em que se indica a pleurodese é:
(D) frequência respiratória de 19 irpm e temperatura axilar de
35oC (A) LDH
(E) contagem de leucócitos de 10.500/mm3 e temperatura (B) pH
axilar de 38oC (C) glicose
(D) colesterol
(E) albumina
QUESTÃO 41
De acordo com as recomendações do manejo do paciente
com Sepse Grave e/ou Choque Séptico da Campanha de QUESTÃO 46
Sobrevivência à Sepse (2012), a meta da pressão venosa Diante de um paciente com icterícia, é importante sabermos o
central (PVC) a ser alcançada nas primeiras seis horas é: tipo de hiperbilirrubinemia para estreitarmos as possibilidades
diagnósticas e direcionarmos a propedêutica. Dentre as
(A) 5 a 7 mmHg. condições citadas abaixo, aquela que é uma causa de
(B) 3 a 7 mmHg. hiperbilirrubinemia não conjugada é:
(C) 13 a 15 mmHg.
(A) hepatite autoimune.
(D) 8 a 12 mmHg.
(B) linfoma.
(E) 15 a18 mmHg.
(C) nutrição parenteral total.
(D) sepse.
(E) hemólise.

9
SOCORRISTA/MEDICINA DE URGÊNCIA CADERNO 2

QUESTÃO 47 QUESTÃO 52
Na avaliação de um paciente com dor torácica, algumas condições Diante de um paciente com cefaleia em salvas, a primeira
podem alterar o eletrocardiograma, resultando num falso opção a ser tentada como medida terapêutica é:
positivo ou num falso negativo quanto a origem coronariana do
quadro álgico. Dentre as condições citadas abaixo, a que pode (A) Sumatriptano
levar a um falso negativo na interpretação do ECG é: (B) tartarato de ergotamina
(C) oxigênio
(A) colecistite. (D) lidocaína intranasal
(B) embolia pulmonar. (E) capsaicina
(C) ritmo de marcapasso.
(D) síndrome de Brugada.
(E) hemorragia subaracnoide. QUESTÃO 53
O uso do peptídeo natriurético cerebral (BNP) e do N-terminal
proBNP (NT-proBNP) pode aumentar a acurácia do diagnóstico
QUESTÃO 48 de insuficiência cardíaca no pronto-socorro. Os níveis de
A seguinte condição é considerada uma contraindicação para BNP ou de NT-proBNP que melhor refletem um quadro de
trombólise intravenosa nos casos de acidente vascular cerebral insuficiência cardíaca provável são respectivamente:
isquêmico (AVCi):
(A) 98 e 350 pg/mL.
(A) diagnóstico clínico de AVCi. (B) 70 e 1800 pg/mL.
(B) idade acima de 18 anos. (C) 350 e 1.200 pg/mL.
(C) tempo de evolução dos sintomas de 4h. (D) 450 e 2200 pg/mL.
(D) tomografia de crânio sem evidências de hemorragia. (E) 200 e 1700 pg/mL.
(E) crise convulsiva no início do quadro.

QUESTÃO 49 QUESTÃO 54
Nos quadros de insuficiência renal aguda, o achado laboratorial
Dentre as condições abaixo, aquela que é considerada uma
que fala a favor da insuficiência renal de origem pré-renal é:
causa de hipercalcemia mediada pelo PTH é:
(A) densidade urinária 1025
(A) hipervitaminose D
(B) fração de excreção de sódio > 1%
(B) tireotoxicose
(C) osmolalidade urinária 200 mOsm/kg
(C) insuficiência adrenal
(D) presença de cilindros granulosos.
(D) doença de Paget
(E) sódio urinário 45 mEq/L.
(E) intoxicação pelo lítio

QUESTÃO 50 QUESTÃO 55
Os órgãos oficiais brasileiros apontam que, em 2040, a proporção Antes da trombólise intravenosa em pacientes com acidente
de idosos (pessoas com 60 anos ou mais) será de aproximadamente vascular cerebral isquêmico, a melhor opção para o controle
27%. Por esse motivo, é importante conhecer aspectos peculiares pressórico daqueles que apresentam pressão arterial sistólica
da fisiologia nesta faixa etária. As alterações fisiológicas típicas do acima de 180 mmHg e/ou pressão arterial diastólica acima de
envelhecimento incluem as seguintes, EXCETO: 110 mmHg é:

(A) diminuição da complacência ventricular (A) hidralazina sublingual


(B) aumento da resistência periférica (B) captopril sublingual
(C) diminuição da motilidade intestinal (C) nitroprussiato de sódio intravenoso
(D) menor sensibilidade a hipóxia (D) nitroglicerina intravenosa
(E) maior sensibilidade a hipercapnia (E) propranolol sublingual

QUESTÃO 51 QUESTÃO 56
Considere um paciente que apresenta hemoptise, frequência Em pacientes politraumatizados que apresentem lesão por
cardíaca maior do que 100 bpm, embolia pulmonar prévia e esmagamento, uma condição relativamente comum que pode
seja portador de neoplasia prostática. A pontuação obtida nos cursar com insuficiência renal aguda e cujo tratamento deve
critérios de Wells é de: ser iniciado ainda na cena do trauma é:

(A) 6 (A) meningite asséptica traumática


(B) 5 (B) rabdomiólise
(C) 4,5 (C) colecistite alitiásica
(D) 4 (D) isquemia hepática transitória
(E) 3 (E) infarto agudo do miocárdio

10
SOCORRISTA/MEDICINA DE URGÊNCIA CADERNO 2

QUESTÃO 57
A taquiarritmia mais comum que leva os pacientes a procurarem
os serviços de emergência é:

(A) taquicardia sinusal


(B) flutter atrial
(C) taquicardia ventricular
(D) fibrilação atrial
(E) fibrilação ventricular

ATENÇÃO
Observe o eletrocardiograma abaixo e responda as duas
questões seguintes:

QUESTÃO 58
O medicamento que pode provocar o distúrbio acima é:

(A) propranolol.
(B) midazolam.
(C) remifentanil.
(D) haloperidol.
(E) amicacina.

QUESTÃO 59
A melhor opção de tratamento da arritmia observada é:

(A) lidocaína.
(B) amiodarona.
(C) sulfato de magnésio e/ou marcapasso transvenoso
provisório.
(D) desfibrilação.
(E) cardioversão elétrica sincronizada.

QUESTÃO 60
Em pacientes com leptospirose, o antibiótico de primeira
escolha para o tratamento é:

(A) doxicilina
(B) penicilina cristalina
(C) ampicilina
(D) ertapenem
(E) vancomicina

11