Você está na página 1de 3

QUESTÕES PARA O SIMULADO SOCIOLOGIA – 2002, 2003, e 2004

QUESTÃO 1
Em geral, os nossos tupinambás ficam bem admirados ao ver os franceses e os outros dos países
longínquos terem tanto trabalho para buscar o seu arabotã, isto é, pau-brasil. Houve uma vez um
ancião da tribo que me fez esta pergunta: “Por que vindes vós outros, mairs e perós (franceses e
portugueses), buscar lenha de tão longe para vos aquecer? Não tendes madeira em vossa terra?”
LÉRY, J. Viagem à Terra do Brasil In: FERNANDES, F. Mudanças Sociais no Brasil. São Paulo:
Difel, 1974.

O viajante francês Jean de Léry (1534-1611) reproduz um diálogo travado, em 1557, com
um ancião tupinambá, o qual demonstra uma diferença entre a sociedade europeia e a indígena
no sentido

a) do destino dado ao produto do trabalho nos seus sistemas culturais.


b) da preocupação com a preservação dos recursos ambientais.
c) do interesse de ambas em uma exploração comercial mais lucrativa do pau-brasil.
d) da curiosidade, reverência e abertura cultural recíprocas.
e) da preocupação com o armazenamento de madeira para os períodos de inverno.

QUESTÃO 2

A forma de organização interna da indústria citada gera a seguinte consequência para a mão de
obra nela inserida:

a) Ampliação da jornada diária.


b) Melhoria da qualidade do trabalho.
c) Instabilidade nos cargos ocupados.
d) Eficiência na prevenção de acidentes.
e) Desconhecimento das etapas produtivas.

QUESTÃO 3

As novas tecnologias foram massificadas, alcançando e impactando de diferentes formas os


lugares. A ironia proposta pela charge indica que o acesso à tecnologia está

a) vinculado a mudanças na paisagem.


b) garantido de forma equitativa aos cidadãos.
c) priorizado para resolver as desigualdades.
d) relacionado a uma ação redentora na vida social.
e) dissociado de revoluções na realidade social e espacial.

QUESTÕES 4

O mercado tende a gerir e regulamentar todas as atividades humanas. Até há pouco, certos
campos — cultura, esporte, religião — ficavam fora do seu alcance. Agora, são absorvidos pela
esfera do mercado. Os governos confiam cada vez mais nele (abandono dos setores de Estado,
privatizações).
RAMONET, I. Guerras do século XXI: novos temores e novas ameaças. Petrópolis: Vozes, 2003.
No texto é apresentada uma lógica que constitui uma característica central do seguinte sistema
socioeconômico:
a) Socialismo.
b) Feudalismo.
c) Capitalismo.
d) Anarquismo.
e) Comunitarismo.

GABARITO

1–a
2–e
3–e
4–c