Você está na página 1de 1

EXERCÍCIOS

1º) A obra Macunaíma, de Mário de Andrade foi inspirada nos escritos do viajante alemão Theodor Koch-Grünberg, que esteve no Brasil entre os anos de 1911 e 1913. Em qual região do país Koch-Grünberg e sobre quais povos ele coletou o material que inspirou Mário de Andrade?

a) Nordeste brasileiro, estado do Ceará, povo Tupi- guarani.

b) Sul, estado do Paraná, povo Tupiniquim.

c) Centro-oeste, estado do Mato Grosso, povos Kalapalo e Kamayurá.

d) Norte, estado de Roraima, povos Taurepang, Macuxi e Arecuna.

e) Sudeste, estado de São Paulo, povos Tupinambá e Tupi.

2º) Responda às questões abaixo:

a) Em que ano aconteceu a Semana de Arte Moderna?

b) Como se denominava a primeira fase do Modernismo Brasileiro?

c) Quais artes o movimento modernista abrangia?

d) Cite o nome de um autor modernista de poesia, autor de prosa, um artista plástico e um compositor.

e) Cite um poema modernista, um romance modernista, um quadro modernista e uma música modernista.

3 0 ) Leia o texto “Erro de português”, de Oswald de Andrade, para responder à questão.

Erro de português

Quando o português chegou Debaixo duma bruta chuva

Vestiu o índio Que pena! Fosse uma manhã de sol

O

índio tinha despido

O

português.

(Oswald de Andrade)

Podemos observar que há uma crítica do autor em relação aos povos colonizadores, sobretudo uma crítica sobre as intenções dos europeus ao chegar em Terras Brasilis. A crítica de Oswald de Andrade está presente no verso:

(a) “Quando o português chegou (

)”;

(b) “(

)

Debaixo de uma bruta chuva (

)”;

(c)

“(

)

O índio tinha despido (

)”;

(d)

“(

)

Que pena! Fosse uma manhã de sol (

)”.

4 0 ) Leia o poema abaixo, em seguida responda:

Estilo colonial

Um dia

Os europeus subiram o rio

Trazendo na canoa

Um canhão

Os índios

Que viviam nesta região

Descobriram que a flecha

Não era nada diante do canhão

Os europeus

Cobriram os índios de bala

De canhão

E celebraram uma missa

Em comemoração.

(Eliakin Rufino)

a)

Qual a relação entre o poema de Oswald de Andrade e o de Eliakin Rufino?

b)

Os dois poemas tratam de que encontro acontecido em Terra Brasilis? De que forma ele se deu?

c)

d)

O que os versos “Os europeus/ Cobriram os índios de bala/ De canhãoindicam sobre o relacionamento entre índios e portugueses?

e)

Os versos E celebraram uma missa/ Em comemoração” indicam qual relação entre a Igreja, os portugueses e os índios?

5º) Leia os dois trechos abaixo e depois responda:

Além, muito além daquela serra, que ainda azula no horizonte, nasceu Iracema. Iracema, a virgem dos lábios de mel, que tinha os cabelos mais negros que a asa da graúna, e mais longos que seu talhe de palmeira. O favo da jati não era doce como seu sorriso; nem a baunilha recendia no bosque como seu hálito perfumado.” (Iracema. José de Alencar)

No fundo do mato-virgem nasceu Macunaíma, herói da nossa gente. Era preto retinto e filho do medo da noite. Houve um momento em que o silêncio foi tão grande escutando o murmurejo do Uraricoera, que a índia tapanhumas pariu uma criança feia.(Macunaíma. Mário de Andrade)

Comparando os dois textos, é possível identificar características do movimento modernista. Assinale a alternativa que contém algumas dessas características:

a) Intertextualidade com textos de movimentos literários brasileiros anteriores ao modernismo, irreverência, linguagem coloquial, localização geográfica em terras brasileiras.

b) Linguagem formal, complexa e rebuscada, localização geográfica em países europeus.

c) Valorização de elementos pertencentes à fauna e

flora estrangeiras, valorização do elemento estrangeiro como formador da cultura brasileira. d) Fidelidade aos textos canônicos da literatura

brasileira.