Você está na página 1de 14

1

UNIVERSIDADE DE UBERABA
ANA CAROLINA PEREIRA DE REZENDE

A IMPORTÂNCIA DA LUDICIDADE EM SALA DE AULA DENTRO DA


ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO.

ARAXÁ – MG
2018
ANA CAROLINA PEREIRA DE REZENDE
2

A IMPORTÂNCIA DA LUDICIDADE EM SALA DE AULA DENTRO DA


ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO.

Projeto de Pesquisa apresentado ao curso de Licenciatura


em Pedagogia da Universidade de Uberaba como
requisito para aprovação na disciplina 999159 - Projeto
de Trabalho de Conclusão de Curso.

ARAXÁ – MG
2018
SUMÁRIO
3

Apresentação .................................................................................................... 4
Tema .................................................................................................... 5
Problema .................................................................................................... 6
Hipótese .................................................................................................... 7
Objetivos .................................................................................................... 8
Justificativa .................................................................................................... 9
Revisão de .................................................................................................... 10

literatura
Metodologia .................................................................................................... 12
Cronograma .................................................................................................... 13

Referências .................................................................................................... 14

1- APRESENTAÇÃO

O lúdico é um tema muito debatido na educação e o mesmo direcionado no


processo de alfabetização na perspectiva do letramento torna essa importante etapa
educacional mais atrativa e também presente aos envolvidos de modo a ter mais
significado.
Favorecendo ao educador novos caminhos para atuar e também novas formas de
aprendizagem com mais sabor aos educandos.
4

2- TEMA

A importância das atividades lúdicas no processo de alfabetização e letramento


nas séries iniciais do Ensino Fundamental I.
5

3- PROBLEMA

Como as atividades lúdicas ajudam e marcam o processo de alfabetização e


letramento nas séries iniciais do Ensino Fundamental I.
6

HIPÓTESE

Assim, essa pesquisa visa demonstrar a relevância do lúdico dentro e no


processo de alfabetização na perspectiva do letramento, favorecendo ao educador novas
formas de ensinar e destacando assim a pluralidade e ao educando novas formas de
aprender e também oportunidades de participar ativamente no processo.
Os jogos facilitam a compreensão da aquisição de palavras e em sua formação e
apoia aos mesmos a descoberta do mundo letrado com sabor e com consciência. Onde o
brincar oferece subsídios positivos e atrativos tanto ao educador quanto para o
educando.
Hoje, é preciso que o educador se atente para a formação plural do educando
onde a prática da alfabetização e letramento facilite essa etapa de suma relevância e que
7

por muitas das vezes acaba sendo mais técnica e nem sempre os resultados são alunos
conscientes e realmente alfabetizados.

OBJETIVOS

 Como as atividades lúdicas podem apoiar no processo de alfabetização e


letramento nas series iniciais do Ensino Fundamental I?

OBJETIVOS ESPECÍFICOS:

 Possibilitar a ampliação do gosto e da participação das crianças/alunos no


processo de alfabetização e letramento nas series iniciais do Ensino Fundamental
I através do lúdico.
 Valorizar a presença das atividades lúdicas no alfabetização e letramento nas
series iniciais do Ensino Fundamental I.
8

 Destacar o papel do educador como motivador e aguçador da curiosidade no


processe de alfabetização e letramento nas series iniciais do Ensino Fundamental
I.

JUSTIFICATIVA

O processo de alfabetização tem início quando a criança/aluno entra na escola e


não ocorre de forma espontânea. O relacionamento entre alfabetização e letramento
deve ser trabalhado de forma conjunta. (SOARES, 1988). O que mostra que a
ludicidade é um instrumento pedagógico que apoia o desenvolvimento de aulas criativas
e que despertam a participação e o gosto das crianças/alunos em sua formação humana e
cidadã.
BROUGÉRE (1997) expõe que a criança/aluno ao perceber que a socialização
com o outro e através das brincadeiras oferece a oportunidade de interação e
assimilação dos códigos dentro da alfabetização e letramento.
É oferecer a sociedade indivíduos mais aptos e ativos de modo a se tornarem
cidadãos capazes de refletir e tomar decisões para contribuir positivamente no processo
de socialização e de melhorias sociais.
9

Abrindo espaço para a interação, novos olhares e caminhos, onde o recomeçar e


o erro são oportunidades de crescimento e aprendizagem e não punição. De modo que
torna a aprendizagem real e possível a todos com a presença da criticidade e também do
olhar diante a modificação de forma sadia e consciente.

REVISÃO DE LITERATURA

Na visão de VYGOTSKY (2000), o ambiente externo interage diretamente na


aprendizagem e desenvolvimento das crianças e que o contato/relacionamento das
mesmas com a cultura que as mesmas estão inseridas se torne um elemento crucial para
e no seu desenvolvimento.
É de suma importância que o jogo seja trabalhado de forma inteligente e assim
planejados de modo a incentivar a participação e a interação com o outro e de forma que
a criança/aluno seja motivada a recomeçar e a rever sempre que preciso. (OLIVEIRA,
2002).
A palavra letramento apareceu pela primeira vez nos estudos de KATO, (1986),
sendo o uso social da leitura e da escrita para formar cidadãos participativos e também é
preciso ressaltar o lado cultural e aqui o aluno se torna capaz de compreender o sentido
dos textos e associando-os com o mundo.
10

O conceito de letramento aparece diante da necessidade da sociedade


contemporânea que já não bastava codificar e decodificar textos escritos, mas sim, usar
o significado e a compreensão de seus usos e significados nos mais amplos sentidos.
(KATO, 1986).
As atividades lúdicas devem estar presentes no cotidiano da educação e quando
utilizadas como recurso lúdico essa estratégia apresenta novos caminhos e alternativas a
criança/aluno e também para o educador. O que na concepção de KISHIMOTO (2008),
amplia as condições para a construção do conhecimento introduzindo as propriedades
do lúdico, do prazer, da capacidade de iniciação e ação ativa e motivadora.
ALMEIDA (1995), apresenta que as atidades ludcas proporcionam prazer, que
leva a criança/aluno ao surgimento de novas ideias e experiências que facilitam e
ampliam a aprendizagem e favorecendo assim o desenvolver da mesma no processo de
alfabetização e letramento.
SOARES (1988) apresenta que a alfabetização é um processo no qual a
criança/aluno assimila o aprendizado do alfabeto e sua utilização como código se
comunicação, não deve se restringr apenas na aquisição dessas habilidades mecânicas:
codificação e decodificação, do ato de ler, mas na capacidade de interpretar,
compreender. A alfabetização envolve também novas formas de compreensão e de uso
da linguagem. Onde as atividades lúdicas ilustram e apoiam o desenvolvimento humano
critico, consciente, real e cidadão.
11

METODOLOGIA

Será uma pesquisa bibliográfica baseada na leitura referente à temática. Por


pesquisa bibliográfica, entende-se a busca em publicações sobre determinado assunto.
Através de uma investigação em livros, artigos, teses e dissertações que discutam sobre
a importância do lúdico o que é apontado por Gil (2002), e é realizada com base em
material já elaborado, constituído principalmente de livros e artigos científicos.
Para tanto, este tipo de pesquisa envolve um levantamento bibliográfico, o qual
deverá ser feito em diversas fontes, buscando consultar obras respeitáveis e atualizadas.
O método de revisão narrativa será utilizado, pois, descreve a história ou
desenvolvimento de um problema e seu gerenciamento, bem como para discutir o
assunto do ponto de vista teórico ou contextual, estabeleceu analogias para redigir a
pesquisa. Buscando demonstrar como a presença e a atuação do professor é importante
no processo educacional.
12

CRONOGRAMA

DATA ATIVIDADES A SEREM REALIZADAS


Fevereiro /2018 Leituras para a confecção do Pré-Projeto do TCC.
Revisão de bibliografias.
Março /2018 Leituras e revisão de bibliografias.
Escrita do TCC.
Abril/2018 Entrega do TCC.
13

REFERÊNCIAS

ALMEIDA, Paulo Nunes. Educação lúdica, técnicas e jogos pedagógicos. São Paulo:
Loyola, 1995.

BROUGÉRE, Guilles. Brinquedos e cultura. São Paulo: Cortez, 1997.

GIL, Antônio C. Métodos e Técnicas de Pesquisa Social. São Paulo: ATLAS, 2002.

KATO, M. No mundo da escrita: uma perspectiva psicolinguística. São Paulo: Ática,


1986.

KISHIMOTO, Tizuco. O brincar e suas teorias. São Paulo: Cengage Learning, 2008.

OLIVEIRA, Zilma Ramos. Educação Infantil: fundamentos e métodos. São Paulo:


Cortez, 2002.

SOARES, Magda Becker. Letramento: um tema em três gêneros. Belo Horizonte:


Autentica, 1988.
14

VYGOTSKY, L. S. A formação social da mente. São Paulo: Martins Fontes, 2000.