Você está na página 1de 3

Universidade Federal de Uberlândia

FEELT – Faculdade de Engenharia Elétrica

CURSO DE ENGENHARIA ELETRÔNICA E DE


TELECOMUNICAÇÕES

Avaliação 11

Professor: Eustaquio Faria

Aluno(s): Lucas Eduardo Ribeiro Duarte (11611ETE015)

Data : 02/05/18
Avaliação 11

Aluno : Lucas Eduardo Ribeiro Duarte

Questão 1

1)Tudo se inicia quando uma fábrica de automóveis de uma cidade pequena nos
Estados Unidos da América é fechada. Devido a este problema, começa ocorrer
conflitos na cidade, que dependia muito da empresa a qual gerava trabalho para a
maioria dos seus habitantes.
Como forma de solução encontrada para a reabertura da fábrica, um funcionário da
empresa americana Michael vai até o Japão, com intuito de convencer os japoneses a
assumirem a fábrica. Eles aceita a proposta.

Nesse começo da história em que há o conflito cultural. Em seus postos de chefes,


diretores e inspetores, os japoneses tentam implantar as técnicas tidas como responsáveis
pelo desempenho excelente de seu país: cultura da qualidade e produtividade, o sistema
organizacional, liderança, as horas extras, metas ambiciosas a serem batidas, ginástica no
pátio e trabalho em equipe dos trabalhadores americanos. Porém enfrentam uma série de
restrições, conflitos e situações que ilustram mudança.

Pode se destacar também a diferença de liderança. Enquanto um lado é verdadeiro e


preocupado com o trabalho japonês, o outro mente e acaba iludindo seus operários, com
falsa expectativa de aumento americano.

Com essas mentiras descobertas, os operários decidem não trabalhar mais e a fábrica
volta a fechar. Os japoneses decidem retornar a sua cidade natal. Porém, os dois chefes
que fracassaram, tanto o japonês como o americano, se unem e tentam bater a meta dos
quinze mil carros. Ao verem seus esforços, os operários acabam por ajudá-lo na produção.
Evidencia-se nesse caso, o espírito de equipe, a cooperação.

É possível notar também o interesse dos japoneses, pelo lado humano bem como dos
americanos em busca de resultados melhores, ou seja, houve uma troca de conhecimentos.
No final, o equilíbrio desses dois modelos de administração prevaleceu, o que foi bom
para ambas às partes. Foram encontrado alguns pontos importantes no filme : Divisão
hierárquica na fábrica, Recurso humanos : união entre operários e chefes para atingir a
meta, os donos da fpabrica buscam poder econômico . tarefas divididas e o homem era
máquina com alta produtividade e baixa remuneraçao.

Questão 2

2) Os movimentos taylorismo , fordismo e toyotismo nasceram e evoluíram no mundo


corporativo, Durante o início do século XX a indústria passava por mais um dos muitos
processos de transformação. O início do uso do petróleo e da energia elétrica, além do
surgimento das indústrias siderúrgica e química foram importantes para o período que,
posteriormente, seria conhecido como Segunda Revolução Industrial. Outro fato
fundamental neste período foi o surgimento do capitalismo financeiro, que integrava o
setor industrial ao lucro dos grandes bancos.

Juntamente com tais processos, houve um acirramento na disputa por lucro dentre as
empresas. A partir daí, começou-se a disseminar várias novas formas de produção que
visavam aumentar o lucro do patrão, aumentando a produção e reduzindo preços. Estes
mecanismos criados para este objetivo ficaram conhecidos como modelos produtivos, dos
quais se destacam o fordismo, o taylorismo e, mais recentemente, o toyotismo.