Você está na página 1de 2

ESPECIALIZAÇÃO: LEGISLAÇÃO SOCIAL E POLÍTICAS PÚBLICAS:

PARÂMETROS PARA O TRABALHO DO/A ASSISTENTE SOCIAL


TURMA -03
DISCIPLINA:
PROFESSOR:

EQUIPE: JAQUELINE VASCONCELOS DE ALMEIDA


MARIA ROSIANE GOMES SANTOS
THAIS DE SOUSA MADEIRA

ATIVIDADE

01. Mulher, 41 anos, levou a filha de 11 anos para uma consulta de rotina na
Unidade Básica de Saúde após perceber que a filha estava com febre e esta não
queria mais sair de casa. Durante a consulta médica a criança começou a chorar
e pediu ajuda; tanto a mãe como a médica ficaram interrogando-a até que esta
relatou que nas ultimas semana tinha sido violentada sexualmente por seu
irmão de 17 anos. Apavorada a mãe foi encaminhada ao serviço social, porém
esta tinha saído para visita aos pacientes acamados e a mesma recebeu
orientações para procurar o Creas.

Resposta: Ao Chegar ao Creas a mãe e filha relataram toda a situação para a


Assistente Social e esta após uma escuta qualificada iniciou os encaminhamentos.
Primeiro acionou o Conselho Tutelar, tendo em vista que a criança sofreu uma
violência sexual por parte de uma familiar e que esta precisa urgentemente ser
retirada do convívio com o mesmo; foi acionado a policia; a assistente social passa
o caso pro conselho tutelar, faz um relatório do atendimento e envia para além do
próprio conselho para a delegacia; inclui a família no PAEFI, que é um serviço
voltado para famílias e pessoas que estão em situação de risco social ou tiveram
seus direitos violados. Registra o atendimento e já se programa para uma visita
domiciliar que será feita após a contra referencia do conselho tutelar, podendo
fazer a visita com a equipe multidisciplinar. Pode-se fazer também uma visita a
escola que a criança estuda e tentar desenvolver junto com a assistente social da
escola atividades que possam contribuir para que a situação seja superada e caso
não haja assistente social na escola pode-se junto à coordenação e direção
desenvolver alguma atividade com a mesma finalidade.

02. A idosa de 70 anos foi desprezada pelos familiares a passou a morar com a
Neta de 20 anos achando que sua vida melhoraria, ela passou pelo pior, com
agressões psicológicas constante de quem achava que seria seu porto seguro.
Uma pessoa fez a denuncia. O que o Creas pode fazer para mudar a vida dessa
idosa?
Resposta: Assistente Social fez uma visita domiciliar para averiguar a denuncia, após
constatar que a situação realmente acontece, procurou a acompanhar o caso, fez uma
busca ativa de toda família, fazendo a mesma assinar um termo de compromisso, para
cuidar bem da idosa, após reunião a família também foi orientada a procurar um
profissional capacitado como um cuidador de idoso para atender as necessidades e
para que ela continuasse no convívio familiar.

Interesses relacionados