Você está na página 1de 18

SOCIEDADE EDUCACIONAL DE SANTA CATARINA

INSTITUTO SUPERIOR TUPY – IST


TECNOLOGIA EM PROCESSOS GERENCIAIS

CASO “ PRÓ CONDOMÍNIO” &


A GESTÃO DA QUALIDADE EM EMPRESA PRESTADORA DE SERVIÇOS

Joinville/ SC

Agosto/2011
Odimar Manoel da Silva – Mat. 109002843
Edson Roncky – Mat. 111002595

CASO “ PRÓ CONDOMÍNIO” &


A GESTÃO DA QUALIDADE EM EMPRESA PRESTADORA DE SERVIÇOS

Projeto Integrador de Manufatura, orientado


pela Profª. Kátia Cristina Reimer
Siedschlag, do Curso de Tecnologia em
Processos Gerenciais, submetido ao
Instituto Superior Tupy, para obtenção de
nota final na disciplina de Projeto
Integrador de Manufatura.

Joinville/ SC

Agosto/2011

2
SUMARIO

INTRODUÇÃO ........................................................................................................................................ 4

1. FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA ..................................................................................................... 6

1.1.CONCEITO DE CONDOMÍNIO E CONDOMÍNIO DE EDILÍCIO .................................................. 6


1.1.1. Implantação de condomínio no Novo Código Civil ................................. 6
1.2.PROCESSOS OPERACIONAIS ................................................................................................... 7
1.2.1. Fluxograma ................................................................................................ 7
1.3. FERRAMENTAS DA QUALIDADE EM PRESTADORA DE SERVIÇOS ..................................... 7
1.3.1. Diagrama de Causa e Efeito ...................................................................... 8

1.3.2. Plano de Ação 5W2H ................................................................................. 8


1.4. OS CUSTOS NO ORÇAMENTO EMPRESARIAL ....................................................................... 9

2. DESENVOLVIMENTO DO CASO “ PRÓ CONDOMÍNIO“ ......................................................... 10

2.1. CENÁRIO MERCADOLÓGIO.................................................................................................... 10


2.2. SERVIÇOS ................................................................................................................................. 10
2.3. LOCALIZAÇÃO .......................................................................................................................... 11
2.4.MAPEAMENTO DOS PROCESSOS OPERACIONAIS – IMPLANTAÇAO DE CONDOMÍNIOS 12
2.5. ANALISE DE CUSTOS E INDICADORES FINANCEIROS ........................................................ 13
2.5.1. Investimentos iniciais e Custos Operacionais .......................................... 13

2.5.2. Volume estimado de faturamento............................................................ 14

2.5.3. Análise de Cenário ................................................................................... 14


2.6. FERRAMENTAS DA QUALIDADE............................................................................................. 15
2.6.1. PLANO DE AÇÃO 5W2H ....................................................................................................... 15
2.6.2. Diagrama de Causa e Efeito .................................................................... 16

CONSIDERAÇÕES FINAIS .................................................................................................................. 17

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS..................................................................................................... 18

3
INTRODUÇÃO

Apresentaremos nesse artigo acadêmico, o caso da “Pró Condomínio”, uma


empresa projeto joinvilense , idealizada para prestar serviços no segmento de
consultoria condominial, especializada na implantação jurídica de condomínios .

A construção civil passa por um bom momento econômico, fruto de uma


economia estável; Em virtude desse “boom imobiliário “, prédios brotam das ruas da
cidade de Joinville modificando a paisagem pela verticalização do espaço urbano ;
Face a este evento imobiliário, surgem dezenas de oportunidades de novos
negócios na prestação serviços ligados a construção civil, neste contexto a Pro
Condomínio lança-se no mercado propondo a solução para problemática da
legalização dos edifícios em Condomínios através da implantação jurídica, um
processo burocrático previsto no Novo Código Civil de 2002 que regulamenta as
relações entre os moradores de um residencial .

Teremos por objetivo neste trabalho estabelecer as relações de


interdisciplinaridade das matérias estudadas no modulo de manufatura do curso
superior em Tecnologia em Processos Gerenciais da SOCIESC/IST como base para
avaliar o estudo da gestão através de implementação das ferramentas qualidade
em empresa de prestação de serviços “Pró Condomínio” em implantação legal de
condomínios em Joinville .

Nosso objetivo especifico será esquematizar o mapeamento dos processos


operacionais, propor a otimização dos recursos financeiros através da gestão de
custos e orçamentos , documentar a aplicação de ferramentas da qualidade visando
a excelência da produtividade nos serviços ofertados .

O estudo do caso da “Pró Condomínio” é interessante pelo fato de expor as


transformações das cidades pela construções de edifícios, suas implicações legais
nessa nova forma de habitar em condomínios e pela relevância das ações jurídicas
nas relações de vizinhança .

4
A coleta e tabulação dos dados necessários para o desenvolvimento deste
artigo utilizou-se da seguinte metodologia: Elaboração de relatório de visita
realizada em 2 empresas administradoras de condomínios; entrevista com gestores
de construtoras e incorporadoras em Joinville e a analise do Plano de Negócios da
empresa Pró Condomínio .

A apresentação do caso “Pró Condomínio” iniciará pela exposição dos dados


do mercado, seguirá pela descrição das etapas do processo de serviço, aplicação
das ferramentas da qualidade, estratificação dos custos operacionais e
considerações finais .

5
1. FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA

1.1.CONCEITO DE CONDOMÍNIO E CONDOMÍNIO DE EDILÍCIO

Em termos simplificado, o condomínio ocorre quando existe um domínio de


mais de uma pessoa simultaneamente de um determinado bem, ou partes de um
bem; ou seja , quando a mesma coisa pertence a mais de uma pessoa, e todas
envolvidas têm igual direito, de forma ideal, sobre o todo e cada uma de suas partes.
O termo possui origem no latim: “cum” significa conjuntamente e “dominum”, significa
domínio, propriedade. Portanto condomínio é propriedade conjunta, que pertence a
mais de um.
Condomínio de Edilício , “aedilitiu” em latim , diz respeito à edificação - que
pode ser de unidades em loteamento (casas) ou edifício de pavimentos -
apartamentos, salas, etc Assim, condomínio edilício é a co-propriedade numa
edificação da qual constam unidades privativas autônomas, de uso exclusivo, e
partes que são propriedade comum dos condôminos , esse conceito é amplamente
explanado na obra de Carlos Roberto Gonçalves, ( Direito das Coisas. p. 374) que
"Caracteriza-se o condomínio edilício pela apresentação de uma propriedade
comum ao lado de uma propriedade privativa".

1.1.1. Implantação de condomínio no Novo Código Civil

No processo de implantação de condomínio, os moradores se reúnem em


assembléia, elegem um sindico, votam a convenção de gestão do condomínio e
estabelecem a regulamentação de convívio interno.
O edificio inicialmente tem apenas um proprietario, a construtora ou
incorparadora; porém após as vendas dos apartamentos para os diversos clientes ,
o bem é fracionado em partes exclusivas ( comodos internos dos apartamentos) e
partes comum ( corredores , salao de festas, portarias, jardins,etc), a transiçao legal
desse processo ( transferencia da responsabilidade sobre o bem da construtora para
os moradores) é chamada de intituiçao ou implantaçao do condominio , que se dá de
forma juridica conforme regulamentadada no Novo Codigo Civil de 2002 , previsto
pelos Artigos 1.331 a 1.334.

6
1.2.PROCESSOS OPERACIONAIS

Não existe um bem ou serviço, sem que haja um processo, Segundo Teboul
(1991), um processo é uma série de atividades ou operações que levam a um
resultado determinado. Neste artigo utilizaremos o fluxograma vertical para o
mapeamento do processo.

1.2.1. Fluxograma

Ferramenta utilizada para representar de forma seqüencial as etapas de um


processo de produção. É uma importante fonte de oportunidades de melhorias para
o processo, fornece um detalhamento das atividades, concedendo um entendimento
global do processo produtivo, de suas falhas e de seus gargalos. É elaborado com
uma série de símbolos padronizados, que representam as ações tomadas no
processo analisado. O fluxograma vertical é, normalmente, destinado à
representação de rotina simples em seu processamento analítico em uma unidade
organizacional.

1.3. FERRAMENTAS DA QUALIDADE EM PRESTADORA DE SERVIÇOS

A gestão da qualidade é formada por um conjunto de programas, ferramentas


e métodos, aplicados no controle do processo de produção das empresas, para
obter bens e serviços pelo menor custo e melhor qualidade, objetivando atender as
exigências e a satisfação dos clientes. Os princípios da Qualidade Total estão
fundamentados na administração Científica de Frederick Taylor (1856-1915), no
Controle Estatístico de Processos de Walter A. Shewhart (1891-1967) e na
Administração por Objetivos de Peter Drucker (1909-2005), Seus primeiros
movimentos surgiram e foram consolidados no Japão após o fim da II Guerra
Mundial com os Círculos de Controle da Qualidade, sendo difundida nos países
ocidentais a partir da década de 1970,

O programas de qualidade total inicialmente projetado para os processos


produtivo industrial, agora voltam-se para a prestaçao de serviço , visando

7
excelencia e maior competitividade no setor , Segundo Freitas (2005), apesar de
muito abordado em pesquisas científicas, o tema “Qualidade em Serviços” ainda é
objeto de muitas discussões entre pesquisadores, gerentes e Administradores,
devido suas particularidades, Parasuraman (1988) destaca a:

a) simultaneidade, serviços são consumidos quase que simultaneamente ao


momento em que são produzidos, tornando difícil ou quase impossível detectar e
corrigir as falhas antes que elas ocorram e afetem o cliente ;

b) intangibilidade, os serviços representam um produto não físico, ou seja,


não podendo ser transportados e/ou armazenados ;

c) heterogeneidade, a grande variedade de serviços existentes e o forte


relacionamento com o fator humano dificultam a atividade de padronização e
estimação de preços.

1.3.1. Diagrama de Causa e Efeito

Também conhecido por diagrama Ishikawa e por diagrama espinha de peixe


(por seu formato). Este diagrama auxilia na identificação das causas das não
conformidades e defeitos em produtos e serviços a as idéias que são apresentadas.
O problema (efeito) deve ser claramente identificado no lado direito do diagrama e
as causas potenciais devem ser distribuídas no lado esquerdo.

1.3.2. Plano de Ação 5W2H

Abordagem em forma de uma matriz de perguntas que orienta o grupo na


obtenção de respostas a planos de ações. É um conceito derivado da abordagem
aristotélica de compreensão do mundo e definição de um método. Os cinco W e dois
H são: What? (O que?), Who? (Quem?), Where? (Onde?), When? (Quando?), How?
(Como?) e How much (quantos ) Desta forma é possível conduzir um processo
detalhado de compreensão do problema e dos diversos fatores que a ele estão
relacionados.

8
1.4. OS CUSTOS NO ORÇAMENTO EMPRESARIAL

Conceitualmente, custos são todos os gastos, em bens e serviços, utilizados na


produção de outros bens e/ou serviços. As técnicas para apuração de custos, sejam
contábeis ou gerenciais, são aplicáveis em todos os negócios, de um modo geral,
principalmente para planejar, administrar e controlar as atividades econômicas
resultantes de cada negócio que pode, resumidamente, explorar atividade industrial,
comercial ou prestação de serviço.
Na opinião de Abernethy e Brownell (1999, p. 191), o orçamento possui enorme
relevância, sendo comumente utilizado pelos gestores como ferramenta de
coordenação e comunicação de planos e estratégias organizacionais. Hansen, Otley
e Van der Stede (2003, p. 95) ressaltam que o orçamento é a principal ferramenta do
sistema de controle de quase todas as entidades Backer e Jacobsen (1979) afirmam
que o orçamento é um programa coordenado para consecução de certos objetivos
de lucro dentro de um período determinado. Ele é um dos mais importantes
instrumentos que uma empresa pode utilizar para o planejamento e a coordenação
de suas atividades.
Neste artigo analisaremos os indicadores financeiros dentro da analise de custos :
a)lucratividade, é um indicador que demonstra, em percentual, qual é o
ganho que a empresa consegue gerar sobre o trabalho que desenvolve, através da
formula de divisão do lucro liquido sobre a receita mensal;

b)rentabilidade , apresenta a velocidade com que o capital investido


retornará, é um dos indicadores de atratividade do negócio, obtida sob a forma de
valor percentual por unidade de tempo (por exemplo, mês ou ano) e da razão lucro
liquido sobre investimento total;

c) prazo de retorno sobre o investimento, mostra o tempo necessário para


recuperar o investimento fixo inicial do negócio;

d)ponto de equilíbrio, cálculo muito importante principalmente em negócios


que estão no início das atividades, ponto onde as despesas serão igual as receita .

9
2. DESENVOLVIMENTO DO CASO “ PRÓ CONDOMÍNIO“

A Pro Condomínio é uma empresa joinvilense, em fase de projeto , mas que já


tem suas bases estratégicas definida para se lançar no mercado ainda este ano,
concebida após criteriosas pesquisa de mercado

2.1. CENÁRIO MERCADOLÓGIO

Com a concentração numerosa de pessoas nos centros urbanos, surge a


verticalização das cidades, cada vez mais comum hoje em nosso país, como forma
de otimizar os espaços urbanos, a ocupação residencial em forma de edifícios e
grandes condomínios de apartamentos tem se mostrado uma alternativa racional e
inteligente de convívio em sociedade com menor impacto sobre o meio ambiente .
Em Joinville não é diferente, acompanhando o “boom” imobiliário, nossa cidade
cresce a cada dia, “ avante e para o alto”, surgindo novas demandas no setor, neste
contexto nasce a “Pró Condomínio”.

Gráfico1 – Construções em Joinville – Fonte Seinfra

2.2. SERVIÇOS

A empresa iniciará suas atividades ofertando os serviços de implantação


jurídica de condomínios; esse serviço prever o acompanhamento de todas as
etapas do processo, desde o seu nascimento como pessoa jurídica (aquisição do
CNPJ na Receita Federal) , até sua consolidação legal total .
10
2.3. LOCALIZAÇÃO

A atuação geográfica da Pró Condomínio será em Joinville, que conforme o


IBGE/Censo 2010, confirmou como sendo a maior cidade do Estado, com 515.288
habitantes, e que 96% da população se concentram na área urbana, que atualmente
atravessa um momento de grande verticalização, através da construção de edifícios
de até 18 pavimentos. Situará no Bairro America , bairro em frança expansão
imobiliária e com grande numero de empreendimentos em lançamentos , alem de
uma área com alto índice de ocupação habitacional , caracteriza-se também pela
alta renda per capita ; Consideramos uma localização estratégica por ser próximo ao
centro e outros bairros com taxa de verticalização elevada .

Mapa 1 – Joinville Bairros

11
2.4.MAPEAMENTO DOS PROCESSOS OPERACIONAIS – IMPLANTAÇAO DE
CONDOMÍNIOS

Fluxograma Vertical

Tipo de
Análise ou operação Rotina: Atual Rotina
Transporte Proposta X Operacional
Execução ou Inspeção Setor: Implantação de Condomínios
Símbolos

Arquivo provisório Efetuado por: Odimar Manoel e Edson Ronchy

Totais
Arquivo definitivo Data: 10/08/2011

Ordem Símbolos Setor Descrição dos passos


Fechamento Contrato de Prestação de serviços : Pró Condomínio X
1 Com.
Incorporadora Cliente

2 Oper. Expedição do Habite-se (pela construtora/ incorporadora).

Inscrição das escrituras definitivas das unidades no Cartório de Registro


3 Oper.
de Imóveis

4 Oper. Elaboração da Convenção e do regulamento interno do condomínio

Convocação e realização da primeira Assembléia para eleição de


5 Oper. síndico, conselho consultivo e aprovação da convenção com assinatura
de proprietários de no mínimo 2/3 das frações ideais do condomínio

6 Oper. Solicitar o desmembramento do IPTU por unidade na prefeitura .

Registro do condomínio no Cartório de Registro de Imóveis, juntamente


7 Oper.
com a Convenção
Inscrição do condomínio no CNPJ, que torna automática a inscrição no
8 Oper.
INSS (esta é necessária para o condomínio ser empregador)
Arquivamento de documentos essenciais do condomínio : Alvarás da
prefeitura , Bombeiros; Projetos executivos de instalação: elétrica, de

9 Oper. para-raio, Mapeamento da rede de telefonia, dados; Certificado de


garantia de equipamentos (como elevadores, interfones, circuitos de
tevê, portões), suas notas ficais e seus manuais técnicos.

10 Oper. Elaboração do cronograma de limpeza do condomínio

11 Oper. Previsão orçamentária para os próximos meses

12 Oper. Elaboração de políticas sustentáveis para o condomínio

Apresentação ao novo sindico proposta de consultoria e gestão


13 Oper.
condominial da Pró Condomínio

14 Oper. Fim do Processo de implantação do Condomínio

12
2.5. ANALISE DE CUSTOS E INDICADORES FINANCEIROS

2.5.1. Investimentos iniciais e Custos Operacionais

Foram analisadas varias tabelas de orçamento e projeções de custo


apresentada pelos sócios da empresa, abaixo uma síntese dos custos para inicio
das operações ( Tabela 1) , desdobrada em custos com pessoal ( Tabela 2 ) e
custos operacionais :

Tabela 1- Custos projetados para o inicio das operações


Item Discriminação Valores
Investimento com Instalação do escritório , moveis , equipamentos e
1 R$ 15.100,00
Abertura da empresa.
2 Folha de pagamento com encargos R$ 5.628,02
3 Despesas Operacionais R$ 3.801,67
Total R$ 24.529,69

Tabela 2 – Custo de Pessoal


Cargo/Função Nº func. Salário % de Encargos Total
Gestor 1 1.480,00 74,24% 1.098,78 2.578,78
Auxiliar Administrativo 1 900,00 74,24% 668,18 1.568,18
Auxiliar Operacional 1 850,00 74,24% 631,06 1.481,06

TOTAL 3 3.230,00 2.398,02 5.628,02

Tabela 3 – Despesa operacional

Água R$ 115,00
Luz R$ 160,00
Telefone R$ 300,00
Contador R$ 230,00
Despesas com Veículos R$ 400,00
Material de Expediente e Consumo R$ 200,00
Aluguel R$ 700,00
Propaganda e Publicidade R$ 700,00
Depreciação Mensal R$ 146,67
Serviços de Terceiros R$ 850,00
Total R$ 3.801,67

13
2.5.2. Volume estimado de faturamento

O volume de vendas estimado pelos sócios da Pró Condomínio é de 12


pacotes de serviços no primeiro mês de operação, com expectativa de um
crescimento de 10% a.m , podendo com a estrutura atual atender uma demanda de
até 40 pacotes de serviços mensais sem comprometer a qualidade .

Tabela 4 – Volume estimado de faturamento


Qtde Serviço Valor unitário

12 Pacote de Serviço de Implantação de Condomínios R$ 710,00

Valor de faturamento estimado no primeiro mês R$ 8.520,00

2.5.3. Análise de Cenário

Quadro 1 -Cenário da evolução do faturamento no primeiro ano


ago / 11 set / 11 out / 11 nov / 11 dez / 11 jan / 12 fev / 12 mar / 12 abr / 12 mai / 12 jun / 12 jul / 12
Evolução do Faturamento 100,00% 110,00% 120,00% 130,00% 140,00% 150,00% 160,00% 170,00% 180,00% 190,00% 200,00% 210,00%
1. Receita Total 8.520,00 9.372,00 10.224,00 11.076,00 11.928,00 12.780,00 13.632,00 14.484,00 15.336,00 16.188,00 17.040,00 17.892,00
2. Custos Fixos 9.429,69 9.429,69 9.429,69 9.429,69 9.429,69 9.429,69 9.429,69 9.429,69 9.429,69 9.429,69 9.429,69 9.429,69
3. Resultado Operacional -1.037,49 -198,27 640,95 1.480,17 2.319,39 3.158,61 3.997,83 4.837,05 5.676,27 6.515,49 7.354,71 8.193,93
4. Resultado Líquido -1.037,49 -198,27 640,95 1.480,17 2.319,39 3.158,61 3.997,83 4.837,05 5.676,27 6.515,49 7.354,71 8.193,93
Acumulado no Ano -1.037,49 -1.235,76 -594,81 885,37 3.204,76 6.363,37 10.361,20 15.198,25 20.874,52 27.390,02 34.744,73 42.938,66

Conforme quadro 1, apontaremos os indicadores financeiro da Pró Condomínio:

a) lucratividade , media no primeiro ano de 3,81 % a.m;


b) rentabilidade, estimada no primeiro ano será de 4,37% a.m;
c) prazo de retorno sobre o investimento, acontecerá em 8 meses;
d) ponto de equilíbrio, no terceiro mês.

14
2.6. FERRAMENTAS DA QUALIDADE

2.6.1. Plano de Ação 5W2H

Abaixo ( Quadro 2 ) , aplicação da ferramenta da qualidade 5w2h para visualização das


metas de evolução dos serviços da Pró Condomínio.

Quadro 2 – Metas de evolução de serviços

O que Quem Onde Quando Por que Como Quanto


Capital
Serviço base do Através do
Serviço de Implantação de Auxiliar Edifícios em inicial para
Out/11 negocio da Pró processo de
Condomínios Administrativo Construção abertura do
Condomínio implantação
negocio
Serviço de apelo
Serviço de Implantação de sustentável, a ser Parceria com
Auxiliar Edifícios
Sistema de Coleta de óleo Out/11 explorado como empresa
Administrativo Novos
de cozinha ferramenta de Ambiental
marketing
Suprir a necessidade
Condomínios Salário de
Serviço de Gestão Contador de gestão financeira Colaborador
já Jan/12 1500,00 +
financeira de condomínios Contratado após os condomínio Contador
estabelecidos Encargos
estiver estabelecido.
Serviço de Gestão de
Atender as demandas
Pessoas (Fornecimento de Parceria com Edifícios de Contrato de
Fev/12 de empreendimentos
pessoal para trabalho em RH Grande Porte terceirização
de grande porte.
condomínio)
Solucionar situações
de conflitos em
Edifícios com
Serviço de assessoria Advogado relacionamento entre Parceria com
demanda Mar/12
Jurídica Parceiro vizinhos e cobrança Advogado
Jurídica
jurídicas de
inadimplentes
Consolidar a empresa Através de
Todas as Investiment
Serviços de Gestão Plena Sócios no mercado através Software de
formas de Abr/12 o em
em Condomínios Gestores da gestão completa gestão
Condomínios tecnologia
de condomínios condominial

15
2.6.2. Diagrama de Causa e Efeito

Aplicamos o diagrama de causa e efeito ( diagrama 1) , para tipificar a excelência na


qualidade buscada pela Pró Condomínio, a causa desejada ocorre em conseqüência do efeitos
dos fatores listado na espinha de peixe.

Diagrama 1 – Excelência no atendimento

16
CONSIDERAÇÕES FINAIS

O setor de prestação de serviço tem alcançado uma posição de destaque no


momento atual da economia, porém a competitividade no setor exige planejamento e
estratégia dos empreendedores;
Neste cenário torna-se de suma importância a gestão de custos e um
gerenciamento que proporcione melhorias contínuas nos padrões de qualidade dos
serviços, para isto se faz necessário que exista um processo bem estruturado para
solução de problemas – processos padronizados e a inclusão de programas de
qualidade em todas as fases da cadeia de serviços, a fim de produzir excelência na
prestação de serviços, satisfação dos anseios do cliente, lucratividade e
sustentabilidade do negocio.

Após analisar o caso “Pró Condominio” , mapear os processos descritos no


fluxograma , elaborar as planilhas de custo com base em orçamento realizado pelos
sócios ,concluímos que para melhorar o caixa da empresa, ter maior rentabilidade e
uma melhor margem de contribuição serão necessárias a incrementação do mix de
produtos conforme plano de ação mostrado no quadro 2 (pag.14) , percebemos
também as dificuldade de implantação das ferramentas de qualidade e mapeamento
e medição dos processos em empresa prestadora de serviço devido às
características intrínsecas aos serviços, é necessário estabelecer um modelo de
gerenciamento visando a excelência em serviços no qual o cliente é considerado
como peça fundamental para o sucesso empresarial .

A problemática levantada neste artigo - serviço de implantação de


condomínios, foi amplamente mapeado, fundamentado legalmente, seus processos
descritos, e viabilizado pela empresa por sua composição de custos, o serviço pode
ser ofertado ao mercado, estabelecido como produto base do negocio; os
conhecimentos aprendidos no modulo de Manufatura nas disciplinas de Custos e
Orçamentos, Fundamentos da Qualidade e Planejamento e Controle da Produção
aplicado ao projeto foram essenciais para a resolução da problemática e alcance
dos objetivos desse artigo.

17
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

MEZZARI, Mario Pazutti. Condomínio e Incorporação no Registro de Imóveis.


Porto Alegre: Livraria do Advogado, 1996. p.41

BRASSARD, M. - Qualidade – ferramentas para uma melhoria contínua. Rio de


Janeiro: Qualitymark,1992

FERNANDES, Flavio Cesar Faria; GODINHO FILHO, Moacir. Planejamento e


controle da produção. SÃO PAULO: Atlas, 2010

SILVA, José Oliveira da. Custos e orçamentos. Apostila EAD Tupy, Joinville, 2009.

18

Você também pode gostar