Você está na página 1de 2

l c c  c

cc
clcc   c  c c
l c c cc lc
c
l c
c c

c


c c
c
— c c ccccccccccccccccc

c  c  cc
 c !c c"#c ccc cc
c

Observações: 1) Leia atentamente as questões; 2) Não use corretivo; 3) Não rasure ou marque mais de uma alternativa,
no caso de questões objetivas; 4) Use caneta de tinta preta ou azul.
c

OS MALES DOS RAIOS X DENTÁRIOS 3 ± Na primeira oração do último parágrafo, a


palavra ³parâmetros´ poderia ser substituída por
No início da década de 1980, oitenta e qual palavra?
cinco por cento de cada 100 pessoas que se _______________________________________
submeteram a exames odontológicos com uso de _______________________________________
raios X no Rio de Janeiro foram submetidas a _______________________________________
doses de radiação superiores aos níveis 4 ± Em ³«foram checados exames feitos por«´
aceitáveis, que são em torno de 500 milihems. (na terceira linha do segundo parágrafo), o que
Cerca de 17% foram expostas a níveis acima de significa a palavra ³checados´ ?
2.000 milihems. _______________________________________
Estes dados foram obtidos através de um _______________________________________
estudo realizado na época pelo Instituto de _______________________________________
Radiologia e Dosimetria da Comissão Nacional _______________________________________
de Energia Nuclear. De maio de 1980 a julho de 5 ± Escreva em poucas palavras o que você
1981, foram checados exames feitos por meio de entendeu sobre o tema central do texto:
308 aparelhos de raios X que indicaram a _______________________________________
necessidade do restabelecimento imediato do _______________________________________
controle das doses de radiação a que os pacientes _______________________________________
estavam sendo expostos. _______________________________________
As doses de exposição e outros _______________________________________
parâmetros físicos dos exames odontológicos
com uso de raios X serviram como base para o 6) Além de verificar os níveis de dosagem de
cálculo das doses absorvidas por órgãos como os raios X em pacientes, a pesquisa visava:
pulmões e a medula óssea. Os outros objetivos a) melhorar a qualidade técnica dos aparelhos.
das análises foram orientar os dentistas para a b) verificar o desempenho dos aparelhos.
melhoria da imagem radiográfica e estabelecer c) orientar os pacientes a conhecerem melhor os
condições corretas e regras básicas de proteção aparelhos.
radiológica. d) mostrar aos dentistas a necessidade de
estabelecer regras de proteção.
Fonte: revista Ciência Hoje No. 7
7) Os resultados da pesquisa do instituto
1 ± De acordo com o texto: revelaram que:
a) O tratamento odontológico com raios X é a) a maioria dos aparelhos de raios X não estava
sempre perigoso. funcionando.
b) Oitenta e cinco por cento de cada 100 pessoas b) a maioria dos aparelhos não estava sendo
que receberam o tratamento odontológico com usada de forma adequada.
raios X correram riscos graves. c) a maioria dos consultórios odontológicos do
c) O tratamento odontológico com raios X só é Rio de Janeiro não possuía aparelhos de raios X.
perigoso para o paciente se ele for exposto a d) Dezessete por cento dos aparelhos
níveis acima de 500 milihems. averiguados não estavam em condições de uso.
d) O tratamento odontológico com raios X só é
perigoso para quem é exposto a radiações acima 8. No texto, a palavra ³restabelecimento´ (quarta
de 2.000 milihems. linha do segundo parágrafo) significa:
a) retorno
2 ± Marque a alternativa errada. b) estabelecimento
a) Os estudos foram feitos durante os anos 1980. c) restrição
b) Os estudos foram feitos nos dois primeiros d) condição
anos da década de 1980.
c) Os estudos foram feitos de maio de 1980 a 9) Segundo o texto, a porcentagem de pessoas
julho de 1981. submetidas a doses perigosas de radiação era:
d) Nenhuma resposta acima. a) 85% da população do Estado do Rio de
Janeiro.
b) 17% da população da cidade do Rio de c) Apenas I, II e III.
Janeiro. d) Apenas I, III e IV.
c) 85% de cada grupo composto por 100 pessoas. e) I, II, III e IV.
d) 17% de cada grupo de 100 pessoas.

10) O principal objetivo do estudo foi:

_______________________________________
_______________________________________
_______________________________________
_______________________________________
_______________________________________

11. Considere os trechos que seguem e as


afirmações a seu respeito:
c
cc
Carlos Lyra ± Vinícius de Moraes

Se você quer ser minha namorada


Ah! que linda namorada
Você poderia ser
Se quiser ser somente minha
Exatamente essa coisinha
Essa coisa toda minha
Que ninguém mais pode ser
Você tem que me fazer um juramento
De só ter um pensamento
Ser só minha até morrer.

c
 c
Frejat ± M. Barros ± M. Sta. Cecília

Por você
Eu dançaria tango no teto
Eu limparia os trilhos do metrô
Eu iria a pé do Rio a Salvador
Eu aceitaria a vida como ela é
Viajaria a prazo pro inferno
Tomaria banho gelado no inverno
(...)
Eu mudaria até o meu nome
Eu viveria em greve de fome
Desejaria todo dia a mesma mulher.

I. O primeiro texto, dos anos 60, e o segundo, da


década de 90, apresentam por parte do eu-lírico o
desejo de viver intensamente uma relação
amorosa.
II. Em "Minha namorada", uma canção da Bossa
Nova, o eu-lírico estabelece condições para
vivenciar a experiência amorosa ao lado da
pessoa escolhida.
III. Em "Por você", o lírico sujeita-se às maiores
penas para viver seu amor.
IV. O exagero que caracteriza ambos os textos
pode sugerir a profundidade do sentimento
amoroso envolvido.

Quais estão corretas?


a) Apenas I e II.
b) Apenas II e III.