Você está na página 1de 12

www.folhadirigida.com.br

São Paulo | R$4,00

31 DE MARÇO A 6 DE ABRIL DE 2018

FOLHA DIRIGIDA

O

MAIS

COMPLETO

JORNAL

ESPECIALIZADO

EM

E DUCAÇÃO ,

T RABALHO

E

C IDADANIA

Publicação semanal | Ano XX XIII | Número 1.662

 

MPU: novo concurso para 2º e 3º graus. Até R$11.916

 

Polícia Civil: inscrições para 250 vagas de delegado

Secretário-geral do MPU, Alexandre Camanho, informou que a instituição quer abrir, ainda este ano, concurso para técnico administrativo, técnico de segurança (ambos de nível médio; R$7.618 e R$8.676, respectivamente) e analista em Direito (R$11.916). Página 2

Polícia Civil de São Paulo inscreve a partir de 4 de abril no concurso para 250 vagas no cargo de delegado, aberto a bacharéis em Direito. Remuneração inicial de R$10.184. Página 9

   

F EDERAL

Ebserh:

inscrições para São Carlos

Grande SP: 100 vagas na Guarda

Prefeitura de São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo, já prepara edital de concurso para 100 vagas na Guarda Municipal, cargo que exige nível médio. haverá ainda 682 vagas em diversos cargos. Vencimentos iniciais de R$1.675. PÁGINA 11

PARA O ESTADO DE SÃO PAULO HÁ 219 VAGAS

LIQUIGÁS: SAIU EDITAL PARA 697 VAGAS. 1º, 2º E 3º GRAUS

REMUNERAÇÃO INICIAL DE ATÉ R$5.374

Liquigás, subsidiária da Petrobrás que distribui gás liquefeito de petróleo, já inscreve no concurso para 697 vagas em cargos de todos os níveis, sendo 219 em São Paulo (24 imediatas e 195 em cadastro). Destaque para assistente administrativo, que exige nível mé dio. PÁGINA 12

S ÃO P AULO

 

Caraguatatuba:

100 vagas para agente escolar

Prefeitura de Caraguatatuba ins- creve no processo seletivo para contratação temporária com ofer- ta de 157 vagas, sendo 100 para agente de apoio escolar, que exi- ge nível médio.

Carapicuíba:

vencimentos de até R$5.968

Câmara de Carapicuíba, a 21 km da capital, na Grande SP, recebe inscrições para concurso com ofer- ta de dez vagas em cargos dos ní- veis fundamental, médio e superi- or. As remunerações chegam a R$5.968.

OOOOO PINIÃO PINIÃO PINIÃO PINIÃO PINIÃO
OOOOO PINIÃO
PINIÃO
PINIÃO
PINIÃO
PINIÃO

De mãos atadas

Passado mais de um mês da in- tervenção federal no Rio de Ja- neiro, o cenário da segurança pública no estado é praticamente o mesmo. A violência corre solta e a população, refém da bandi- dagem, continua cerceada em seu direito de ir e vir. Página 6

www.folhadirigida.com.br São Paulo | R$4,00 31 DE MARÇO A 6 DE ABRIL DE 2018 FOLHA DIRIGIDA

Ministro da Segurança volta a confirmar concurso da PF e PRF

O ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, voltou a confirmar concursos para mil vagas na Polícia Federal (500) e na Polícia Rodoviária Federal (500). Portaria que autoriza as seleções deverá ser divulgada nos próximos dias. PÁGINA 10

CONCURSO PARA CAMPINAS. VEJA TESTE

TRT: INSCRIÇÕES PARA

NÍVEL MÉDIO. R$8.650

Tribunal Regional do Trabalho de Campinas inscreve no concurso para técnico judiciário, nas áreas administrativa, segurança e enfermagem. Vencimentos iniciais de até R$8.650 mensais. Tribunal também oferece vagas e cadastro para analista judiciário em nove áreas. Vencimentos iniciais de até R$13.526. Veja novo teste especial. PÁGINAS 6 E 7

2
2

FOLHA DIRIGIDA

Á REA F EDERAL
Á REA F EDERAL
Cargill oferece 100 vagas para o seu Programa de Estágio 2018 A Souza Cruz, companhia de
Cargill oferece 100 vagas para
o seu Programa de Estágio 2018
A Souza Cruz, companhia de tabaco, abre inscrições para o Programa de
Estágio em diversas cidades do país, entre elas Rio de Janeiro (RJ), São Paulo
(SP), Blumenau (SC), Santa Cruz do Sul (RS) e Cachoeirinha (RS). Segundo a
empresa, a busca é por jovens que buscam desenvolvimento profissional,
desafios e querem fazer parte da geração de novos gestores. As inscrições
seguem abertas até o dia 19 de abril.
Serão contemplados estudantes com previsão de formatura a partir de julho
de 2019, nos cursos de Psicologia, Administração, Ciência da Computação,
Comércio Exterior, Comunicação (Jornalismo/Publicidade e Propaganda),
Contabilidade/Ciências Contábeis, Direito, Economia/Ciências Econômicas,
Marketing, Pedagogia, Relações Públicas, Relações Internacionais e Enge-
nharia (diversas). Além disso, devem possuir bons conhecimento de Inglês e
disponibilidade para estagiar 20 ou 30 horas semanais.
O processo seletivo será composto por quatro etapas, que envolvem inscri-
ção, avaliações online, dinâmica de grupo e entrevista final. Os selecionados
receberão bolsa-auxílio, que pode chegar a R$1.550, dependendo da carga
horária e localidade. Além disso, serão beneficiados com planos de saúde e
odontológico, seguro de vida, vale-transporte, vale-alimentação e clube de
vantagens.
“O Programa de Estágio é a nossa principal porta de entrada para o quadro
da Souza Cruz. Temos o objetivo de desenvolver jovens talentos e transfor-
má-los em grandes profissionais. Se você está à procura de aprendizado,
tem espírito empreendedor e deseja trabalhar na empresa #1 do Top Em-
ployers, seu lugar é aqui na Souza Cruz”, detalha a global graduate de Talent
da Souza Cruz, Clara Bravo. Para a estagiária da área de Doações e Patrocí-
nios, Júlia Fonseca, o principal benefício de estagiar na Souza Cruz é o pro-
tagonismo e liberdade. “Aqui você realmente tem possibilidades de tocar
seus projetos, reuniões e atividades, liberdade para construir a sua carreira
e total suporte dos gestores para isso. Somos desafiados diariamente e
isso resulta em um imenso aprendizado”, conta.
Como fazer:
Para participar, o interessado deve acessar o site:
<www.souzacruz.com.br>.
Produtor Agro cadastra estudantes
para vagas de estágio em São Paulo
Air Liquide abre inscrições para Programa
de Estágio em São Paulo e outros estados
A Air Liquide, empresa mundial especializada em gases, tecnologias e
serviços para a Indústria e Saúde, está com inscrições abertas para o seu
Programa de Estágio. As oportunidades disponíveis são para as unidades
da empresa em São Paulo (SP), Campinas (SP), Contagem (MG), Aratu (BA),
Canoas (RS) e Curitiba (PR). As inscrições seguem abertas até o dia 21 de
abril.
Podem participar da seleção estudantes dos cursos de Engenharia Quími-
ca, Psicologia, Administração e Economia, com conclusão prevista entre de-
zembro de 2019 e julho de 2020. Além de estarem cursando as graduações
indicadas, outro pré-requisito para os interessados em participar da seleção
é ter Inglês avançado.
Após as inscrições, o processo seletivo terá as seguintes etapas: testes,
entrevistas presenciais ou online, avaliação complementar de perfil e entre-
vista coletiva com gestores. Os aprovados atuarão com carga horária de seis
horas diárias, com início previsto entre maio e junho. Segundo a empresa, os
estudantes receberão bolsa-auxílio compatível com o mercado, além de as-
sistências médica e odontológica, auxílio-transporte e vale-refeição.
De acordo com a Air Liquide, os estagiários de destaque poderão participar
do Summer School, na França, sede do Grupo Air Liquide, ou do Programa
Internacional de Estágio, em um dos 80 países onde a empresa está presen-
te. Os participantes visitam as unidades, discutem temas relacionados às
áreas de negócio da companhia, participam de exercícios de formação, entre
outras atividades.
Como fazer: As inscrições para o Programa de Estágio 2018 da Air
Liquide estarão abertas até o dia 21 de abril, pelo site
<www.airliquide.com.br>, no menu “Programa de Estágio”.
Souza Cruz abre processos de seleção
para vagas de estágio em São Paulo
A Cargill, produtora de serviços alimentícios, agrícolas, financeiros
e industriais, está com mais de 100 vagas abertas para o Programa de
Estágio 2018. As oportunidades são para os Estados da Bahia, Distri-
to Federal, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas
Gerais, Pará, Paraná, Roraima, Santa Catarina, São Paulo e Tocantins.
Os interessados em concorrer à posição nessas localidades devem se
candidatar até o dia 25 de abril.
As oportunidades são para estudantes de nível superior, com previsão
de formatura entre dezembro de 2018 e julho de 2020, nos cursos de
Administração, Agronomia, Ciências Contábeis, Ciências Econômicas,
Medicina Veterinária, Engenharia (diversas), Zootecnia, Ciência Políti-
ca, Direito e Relações Internacionais.
O processo seletivo envolve testes online, análise qualitativa e quanti-
tativa das fichas de inscrição, avaliação online realizada pela Cia de
Talentos e entrevista final, com início do estágio em julho de 2018. Ao
longo do programa, o estagiário terá o acompanhamento de um tutor
que será responsável por seu desenvolvimento, orientará suas ativida-
des e fará as avaliações semestrais.
Os estagiários selecionados receberão bolsa-auxílio compatível com o
mercado, segundo a empresa, além de auxílio-transporte e benefícios,
que incluem assistências médica e odontológica, seguro de vida, vale-
alimentação ou refeitório no local.
Como fazer: Os interessados devem se inscrever através do site
<novostalentoscargill.com.br/cargillnovostalentos>.
Itaú Unibanco inscreve estudantes
para diversas oportunidades de estágio
O Itaú, banco privado brasileiro, cadastra estudantes para programas de
estágio na instituição. Para quem está cursando do terceiro semestre em
diante dos cursos das áreas de Exatas ou Humanas e tem disponibilidade
para estagiar na sede do banco, em São Paulo, as inscrições para o Estágio
Corporativo ficam abertas o ano todo.
Nesse programa, o estagiário participará de projetos desafiadores para a
organização, com a possibilidade de conhecer entre diversas áreas do banco
e, além disso, com uma grade específica de treinamentos para o desenvolvi-
mento de suas habilidades. O estágio tem duração de até dois anos e a
jornada semanal pode ser de quatro, cinco ou seis horas diárias. A remune-
ração conta com bolsa-auxílio e benefícios como descontos e vantagens em
escolas de idiomas, academias, restaurantes e outros serviços.
Outra oportunidade que o banco oferece é o Estágio de Férias. Com duração
de quatro semanas e jornada diária de seis horas, essa modalidade é volta-
da a estudantes que não podem estagiar durante o ano letivo, mas querem
ter a vivência em situações reais do mundo corporativo. Os selecionados
irão participar de projetos no mês de julho. As vagas são para universitários
de cursos de exatas e humanas, do primeiro ao último ano, com disponibili-
dade para atuar na capital paulista.
Com duração de 12 meses, o Estágio na Rede de Agências prioriza o desen-
volvimento de competências comerciais e dá ao profissional a possibilidade
de vivenciar o dia a dia de uma agência bancária. Essa modalidade de está-
gio é voltada a universitários a partir do terceiro semestre dos cursos de
Administração, Economia e Ciências Contábeis. Para esta posição, há vagas
em diversas cidades brasileiras e as inscrições ficarão abertas ao longo do
ano. No segundo semestre de 2018 deve ter início o processo seletivo para
Estágio na Rede, uma das empresas do conglomerado e atuante mercado de
meios eletrônicos de pagamento. Nesse programa, haverá oportunidades
para atuar na área comercial de diversas capitais e os candidatos devem
estar cursando a partir do segundo ano, preferencialmente, dos cursos de
Administração, Economia, Ciências Contábeis, Marketing, Publicidade e Pro-
paganda, Relações Públicas ou Comunicação Social.
O Itaú também oferece o Programa de Estágio de Férias Internacional, dire-
cionado a brasileiros que atualmente estão cursando a graduação em uni-
versidades nos Estados Unidos e Europa. O objetivo é estimular nossos ta-
lentos a voltar para casa. Durante os meses de férias, os estudantes são
convidados para atuar em projetos nas diversas áreas executivas do banco
e tem a oportunidade de aplicarem na prática os conhecimentos adquiridos
em diversos períodos e cursos. As inscrições serão abertas no segundo
semestre do ano.
Como fazer: As inscrições pode ser realizadas através do site
<www.itau.com.br/carreiras>.
ANTONIO AUGUSTO/SECOM PGR
MPU concurso para cargos
de 2º e 3º graus volta à pauta
O concurso para a área de
apoio do Ministério Público da
União (MPU) tem uma nova
previsão de ser realizado. Secre-
tário-geral do Ministério Públi-
co da União, Alexandre Cama-
nho revelou que a proposta do
órgão é abrir a seleção para téc-
nicos (nível médio) e analistas
(nível superior) até o fim do ano.
“Temos a perspectiva de, até
o fim do ano, fazer um concur-
so para analistas, técnicos admi-
nistrativos e técnicos de seguran-
ça para as vagas que não impac-
tarão nosso orçamento, bem
como para formar um cadastro
reserva”, confirmou.
Camanho explicou que não
há previsão de verbas para o
concurso na Lei Orçamentária
deste ano. Apesar disso, revelou
que, tendo em vista a necessida-
de de recompor o quadro de
funcionários, o MPU está levan-
tando os custos para abrir a se-
leção.
O órgão vem consultando o
Tribunal de Contas da União
(TCU) sobre a possibilidade de
rever o entendimento recente de
que o valor das inscrições não
poderia ser utilizado para cus-
tear o processo seletivo.
ÁÁÁÁÁ REA
APOIO |Ógão quer é abrir concurso até o fim deste ano
31 de março a 6 de abril de 2018
ESTÁGIOS E
DE
DE
APOIO
APOIO
DE APOIO
A proposta do MPU é abrir a
seleção mais próxima do fim do
ano, deixando o provimento dos
aprovados para 2019. As decla-
rações foram dadas pelo secre-
tário-geral em reunião com os
procuradores-chefes da Procu-
radoria-Geral da República
(PGR). Alexandre Camanho
tem o concurso como prioridade
da sua gestão. Ele já reconheceu
a necessidade de reposição de
servidores e vem lutando para
viabilizar essa seleção.
Preocupado com o déficit de
pessoal de 1.717 servidores, o
Sindicato Nacional dos Servido-
res do Ministério Público da
União (SindMPU) vem cobran-
do do MPU a abertira do con-
curso. Diretor do SindMPU,
Darci Rodrigues falou da impor-
tância de uma nova seleção ser
realizada.
“Precisamos da reposição de
mão de obra, pois há déficit de
pessoal. Sempre estamos ques-
REA
REA DE
REA
REA
DE APOIO
TRAINEE
O Produtor Agro, grupo consolidado de empresas especializadas em
tecnologia para novos negócios e E-Commerce, inscreve estudantes
para vagas de estágio, nas áreas de Science, Negócios e
Desenvolvimento Fullstack. A empresa possui escritório na região da
Berrini, em São Paulo, e as inscrições vão até o dia 13 de abril.
Para os interessados em se inscreverem para estágio em Science, de-
vem possuir domínio de Python, Java script e bom conhecimento estatís-
tico, pois atuarão com extração, tratamento e cruzamento de dados; de-
finição de modelos para tratamento de dados incluindo árvores de deci-
são, regressões lineares, logísticas e máquinas de vetores de suporte;
e elaboração de interfaces amigáveis para visualização de relatório de
dados. Já o estágio em Negócios é voltado para alunos de todos os cur-
sos. A vaga é estruturada como job rotation, onde o candidato passará
pelas áreas de Operações, Customer Success, Vendas, Recursos Huma-
nos e Novos Negócios, auxiliando em análises de mercado com foco na
expansão da plataforma.
O estagiário em fullstack terá contato tanto com o time de desenvolvimento,
quanto com o time de negócio. Para esta oportunidade, será necessário possuir
domínio de C# | SQL Server|HTML|Javascript|Bootstrap|jQuery|NodeJS.
Como fazer: Os candidatos podem se inscrever, até o dia 13 de
abril, através do link <goo.gl/QWsbwN>.
os três cargos. Há necessidade de
15 técnicos de segurança, 30 téc-
nicos de administração e 20 ana-
listas de Direito.
No Ministério Público Militar
faltam 13 servidores, sendo dez
para os três cargos da seleção pre-
vista. A necessidade é de nove téc-
nicos de administração e um
analista de Direito.
No Ministério Público do Dis-
trito Federal e Territórios a situ-
ação não é diferente. Há déficit
de 34 servidores, sendo 30 para
os três cargos previstos no con-
curso. Faltam quatro técnicos de
segurança, 18 técnicos em admi-
nistração e oito analistas de Di-
reito.
que a fronteira do Brasil é a ter-
ceira maior do mundo, com 17
mil quilômetros de extensão di-
vididos com dez países, e este tra-
balho de reforço precisa ser fei-
to integrando o trabalho das po-
lícias e de outros órgãos como
o Ibama”, destacou.
Essa declaração foi dada na úl-
tima sexta-feira, dia 23, tendo
em vista que uma das missões
de Jungmann à frente da pasta
de Segurança é combater o cri-
me organizado do país.
Para isso, o ministro acredi-
ta que o aumento do efetivo dos
policiais nas fronteiras é funda-
mental. A mesma receita vale
para o Ibama, que é responsável
pela fiscalização dos crimes am-
bientais nas fronteiras.
O responsável por essa ação é
o fiscal ambiental, cargo contem-
plado no pedido de concurso Iba-
ma. No total, o instituto pede 1.630
vagas, sendo 750 para analistas am-
bientais, que fazem a fiscalização.
Esse profissional é importante tam-
bém no combate ao desmatamen-
to, crescente no país.
MMA REITEROU
PEDIDO DE CONCURSO
O cargo de analista ambien-
tal é destinado a graduados em
qualquer área e tem remunera-
ção de R$9.389,84. O Ibama
pede vagas também para a área
administrativa.
São 630 solicitadas para técni-
co administrativo, cargo de nível
médio e com R$4.408,94 mensais.
O pedido de concurso tem ainda
a solicitação de 270 vagas de ana-
lista administrativo. O cargo é des-
tinado a graduados e tem remu-
neração de R$9.389,84. Nos va-
lores já está somado o auxílio-ali-
mentação de R$458.
O Ministério do Meio Ambi-
ente reiterou no início do mês
passado os pedidos de concursos
para quatro órgãos da sua estru-
tura, incluindo o Ibama. A pasta
alega que a falta de pessoal é uma
preocupação constante, havendo
grande necessidade de realização
das seleções. A solicitação de con-
curso do Ibama está desde 1º de
março na Coordenação de Docu-
mentação e Informação do Minis-
tério do Planejamento.
EDIDO
Dados revelados pelo Portal da
Transparência dos quatro ramos
do Ministério Público da União
mostram que o déficit atual é de
1.717 servidores em todo o país.
Desses, 1.660 são referentes aos
três cargos pautados para o novo
edital.
Faltam no MPU 57 técnicos de
segurança, 492 técnicos de admi-
nistração e 1.111 analistas de Di-
reito. Para esses três cargos não
há concurso válido no órgão, que
precisa abrir nova seleção. O
maior déficit encontra-se no Mi-
nistério Público Federal. O MPF
tem necessidade de 1.588 servi-
dores, sendo 1.555 em funções
previstas para o novo concurso.
Faltam 88 técnicos de seguran-
ça, 435 técnicos de administra-
ção e 1.082 analistas de Direito.
Em seguida aparece o Ministério
Público do Trabalho, com défi-
cit de 82 servidores, sendo 65 para
Déficit é superior a 1.700 servidores em todo o país
O concurso para o Instituto
Brasileiro do Meio Ambiente e
dos Recursos Naturais Renová-
veis (Ibama) pode entrar na lis-
ta de prioridades do governo fe-
deral. É que reforçar o quadro da
autarquia significa também in-
vestir em uma área que vem sen-
do prioridade do presidente Mi-
chel Temer. Trata-se da fiscaliza-
ção nas fronteiras do país. Se o
aumento do efetivo na Polícia
Federal e Polícia Rodoviária Fe-
deral ajudará nessa missão, for-
talecer os quadros do Ibama
também é ação importante nes-
sa força-tarefa.
A ajuda do Ibama nesse pro-
cesso foi destacada pelo minis-
tro da Segurança Pública, Raul
Jungmann. “É preciso lembrar
TRADIÇÃO DE
MUITAS CHAMADAS
Em 2013, o MPU ofereceu 147
vagas imediatas, sendo 109 de
técnico administrativo e 38 de
analista em Direito. O número
de nomeações, porém, foi mui-
to maior do que isso, conforme
tradição do órgão. No total, fo-
ram chamados 4.121 aprovados
(28 vezes mais do que a oferta de
vagas - 147), sendo 2.605 técni-
cos administrativos e 1.516 ana-
listas em Direito. O prazo de
validade foi de quatro anos.
O concurso de 2013 teve
283.178 inscritos. sendo 213.261
para o cargo de técnico adminis-
trativo e 69.917 para analista.
Em 2013 e em 2015 os candi-
datos foram avaliados por meio
de duas provas objetivas, uma de
Conhecimentos Básicos (50
questões) e outra de Conheci-
mentos Específicos (70). Para o
analista, houve ainda prova dis-
cursiva. Para o técnico a objeti-
va foi aplicada durante três ho-
ras e meia. Os candidatos a ana-
Concurso para o Ministério Público da União deverá contemplar todos
os estados, além do Distrito Federal, com vagas para técnico e analista
ANTONIO AUGUSTO/SECOM PGR
escolha de organizadora. O Ces-
pe/UnB era o mais cotado, pois
organizou os últimos quatro
concursos.
O MPU já havia adiantados
também que todos os estados,
além do Distrito Federal, serão
contemplados. Os preparativos
foram iniciaram no ano passa-
do, quando o MPU formou uma
comissão responsável por essa
seleção. Esse grupo de trabalho
não foi destituído, o que também
é uma boa notícia aos interes-
sados., pois mostra que o órgão
quer mesmo realizar a seleção.
listas realizaram a avaliação em
quatro horas e meia.
Para ser aprovado na objetiva
o candidatos de 2013 precisavam
de 12 pontos em Conhecimen-
tos Básicos, 23 em Conhecimen-
tos Específicos e 40 na soma das
duas provas. Confira as discipli-
nas de cada parte da avaliação.
Em 2015, os concorrentes a téc-
nico em segurança e transporte
precisaram de dez pontos em Co-
nhecimentos Básicos, 21 em Co-
nhecimentos Específicos e 36 na
soma das duas.
A redação do analista em Di-
reito valia 40 pontos. O candi-
dato precisava elaborar um tex-
to dissertativo de 30 linhas. O foi
tema Legislação aplicada ao
MPU e ao CNMP. Para ser apro-
vado o concorrente precisava de
pelo menos 20 pontos. Confira
abaixo as matérias da prova ob-
jetiva.
CONCURSO
É PRIORIDADE
DO SECRETÁRIO-GERAL
tionando a Secretaria-Geral so-
bre a seleção. A última resposta
que tivemos foi de dificuldades
orçamentárias para viabilizá-la,
mas faremos um novo questio-
namento sobre isso nos próxi-
mos dias”, pontuou.
PREPARATIVOS JÁ
ESTAVA ADIANTADOS
Antes de adiar o concurso para
este ano, por questões orçamen-
tárias, o MPU já estava com os
preparativos da seleção bastan-
te adiantados, já trabalhando na
Três cargos já estão confirmados para o novo concurso
Na declaração sobre o concur-
so, Alexandre Camanho revelou
não apenas a previsão de aber-
tura da seleção. Ele confirmou
também os cargos previstos, já
adiantados por FOLHA DIRIGI-
DA. A princípio, portanto, ha-
verá vagas para técnico adminis-
trativo, técnico de segurança e
analista em Direito.
O técnico administrativo é
destinado a quem possui apenas
o nível médio. A remuneração
em início de carreira é de
R$7.618,61, já com o auxílio-ali-
mentação de R$910,08, reajus-
tado este mês.
O técnico de segurança
também é aberto a quem pos-
sui o nível médio. Contudo, os
candidatos devem ter também
carteira de habilitação nas ca-
tegorias D ou E. A remunera-
ção é de R$8.676,26. Para ana-
lista em Direito podem con-
correr graduados na área. Os
rendimentos são de
R$11.916,90.
É possível, porém, que novos
cargos sejam incluídos , tendo
em vista o fim da validade de ou-
tras seleções do órgão. São dois
concursos com validade expira-
da. O primeiro é o 7º, para téc-
nico em administração e ana-
lista em Direito, encerrado no
fim do ano passado.
O órgão também não pode
Alexandre Camanho informa que
vagas serão para téc. administrativo,
téc. de segurança e analista (Direito)
Cargo de técnico
administrativo exige
apenas nível
médio; R$7.618
Ibama: concurso é crucial
para reforço das fronteiras
PPPPPEDIDO
convocar aprovados do 8º con-
curso, para técnicos e analistas
de outras áreas específicas. A va-
lidade deste foi expirada em no-
vembro do ano passado, para téc-
nicos, e em dezembro para ana-
listas.
Também teve a validade ex-
pirada o concurso para técnico
de segurança do 9º concurso.
Isso aconteceu em dezembro do
ano passado. O MPU tem con-
curso válido apenas para analis-
tas do 9º concurso. Essa seleção
está vigente até 31 de agosto de
2019. Por isso, é possível que o
concurso MPU deste ano conte
com outros cargos, além dos três
já confirmados.
EDIDO | Ministério do Planejamento analisa solicitação de concurso
EDIDO
EDIDO
Á REA F EDERAL
Á REA F EDERAL

FOLHA DIRIGIDA

31 de março a 6 de abril de 2018

3
3
Á REA F EDERAL FOLHA DIRIGIDA 31 de março a 6 de abril de 2018 3

PORTUNIDADE | Nível médio confirmado

OOOOO PORTUNIDADE

PORTUNIDADE

PORTUNIDADE

PORTUNIDADE

NNNNN OOOOOVVVVVOOOOO | Inscrições podem ser feitas até o dia 13 de abril

EPE: concurso para área administrativa

Seleção também terá vagas para cargos de nível superior. Edital no segundo semestre

Quem busca uma oportuni- dade no serviço público fede- ral deve ficar atento, pois está programado para o segundo se- mestre deste ano a abertura do concurso da Empresa de Pes- quisa Energética (EPE). O grande destaque da seleção será o cargo de assistente ad- ministrativo, que exige so- mente o nível médio e propi- cia remuneração de quase

R$3.900.

Hoje, a empresa paga R$3.847,01 a esses profissio- nais. O valor é composto por R$3.111,03 de vencimento-bá- sico e R$735,98 de auxílio-ali- mentação. Entre as atribuições dessa função, estão: registrar e organizar documentos; efetu- ar o controle de recebimentos e pagamentos; efetuar pesqui- sas de preços e pequenas com- pras; organizar e agendar reu- niões ou entrevistas; organizar e catalogar o acervo bibliográ- fico da empresa; e operar com- putadores e outros equipamen- tos de informática. Caso a estrutura do novo concurso seja a mesma da se- leção passada, de 2014, quem concorrer à carreira de assis- tente administrativo será sub- metido a somente provas ob- jetivas. Naquele ano, houve 40 perguntas de múltipla escolha, sendo dez de Língua Portugue- sa, dez de Língua Inglesa, dez de Noções de Informática e dez de Matemática. A organizadora foi a Fundação Cesgranrio. Mas não será apenas esse car- go que será oferecido no con-

curso. A EPE também reserva- rá oportunidades para profis- sionais de nível superior, pos- sivelmente nas carreiras de analista de gestão corporativa e de pesquisa energética, assim como na seleção de 2014. Em ambas, a remuneração atual é de R$11.250,17, também já incluindo o auxílio-alimenta- ção de R$735,98. As especialidades que serão abrangidas ainda não foram informadas, mas no concurso anterior as vagas foram desti- nadas a áreas como Jurídica, Administração Geral, Conta- bilidade, Recursos Humanos, Tecnologia da Informação, Meio Ambiente, Finanças e Orçamento e Petróleo. Os aprovados daquele ano foram lotados no Rio de Janeiro e em Brasília. A Fundação Cesgranrio ha- via sido escolhida como a or- ganizadora do concurso no início de março. Contudo, al- guns dias depois a dispensa de licitação foi anulada. Segundo a EPE, isso aconteceu “por motivos de conveniência e oportunidade”. O próximo passo, segundo a empresa, é constituir uma comissão para ficar responsável pelo concur- so, que a princípio deverá ser para cadastro de reserva. Na sequência, a nova banca será escolhida. Além da remuneração, os empregados públicos da EPE, contratados pelo regime cele- tista, terão direito a assistência médica e odontológica de R$428,50; auxílio-transporte de R$163,73; auxílio-creche de R$1.039,61 (integral) ou R$581,98 (parcial); previdên- cia privada complementar; e vale-cultura de R$50.

Assistente administrativo da EPE:

 

estude com base no programa anterior

 

Para orientação daqueles que desejam concorrer a uma vaga de assistente administrativo da EPE, FOLHA DIRIGIDA publi- ca o programa do concurso anterior, que serve como base de estudo, já que não deverá sofrer alterações significativas. Inicie logo a sua preparação!

LÍNGUA PORTUGUESA

 

I

- Compreensão e interpretação de textos. II - Tipologia textual. III -

Ortografia oficial. IV - Acentuação gráfica. V - Emprego das classes das palavras. VI - Emprego do sinal indicativo de crase. VII - Sintaxe da ora- ção e do período VIII - Pontuação. IX - Concordância nominal e verbal.

 

X

- Regência Nominal e verbal. XI - Pronomes: emprego, formas de

tratamento e colocação XII - Significação literal e contextual de vocábu- los. XIII - Emprego de tempos e modos verbais. XIV - Vozes dos verbos.

 

XV - Redação de correspondências oficiais (relatório, ata, atestado, circular, declaração, memorando, ofício e requerimento).

LÍNGUA INGLESA

Compreensão e interpretação de texto escrito em língua inglesa.

MATEMÁTICA

I

- Números reais, inteiros e racionais. Operações. Problemas. II - Nú-

meros e grandezas proporcionais. Razão e proporção. Divisão propor- cional. Regras de três simples e composta. III - Porcentagem. Juros simples e compostos. Descontos. IV - Equações e inequações do 1º e 2º Graus. Sistemas de 1º e de 2º Graus. Problemas. V - Progressões

 

Aritméticas e Geométricas. VI - Análise Combinatória. VII - Probabilida- de. VIII - Medidas de comprimento, superfície, volume, capacidade, massa e tempo. Sistema legal de unidades de medida.

NOÇÕES DE INFORMÁTICA

I

- Conceitos básicos de operação de microcomputadores. II - Noções

básicas de operação de microcomputadores em rede local. III -OPE- RAÇÃO DO SISTEMA OPERACIONAL WINDOWS 7: uso de arquivos, pastas e operações mais frequentes, uso de aplicativos e ferramentas. IV - OPERAÇÃO DO EDITOR DE TEXTOS WORD 2010: conceitos básicos; principais comandos aplicáveis ao texto; uso de tabelas, mala direta e ferramentas; impressão de documentos; compartilhamento de documentos; modelos, temas e estilos; editoração eletrônica; edição de múltiplos documentos; integração com o PowerPoint, Excel e Access. V - OPERAÇÃO DA PLANILHA EXCEL 2010: conceitos básicos; digita- ção e edição de dados; construção de fórmulas para cálculo de valo- res; criação de gráficos; formatação de dados e planilhas; criação e análise de bancos de dados; tabelas dinâmicas; impressão de pastas e planilhas; integração com as demais ferramentas do Office 2010. VI - OPERAÇÃO DO POWERPOINT 2010: conceitos básicos; estrutura básica de apresentações; noções de edição e formatação de apresen- tações; botões de ação, animação e transição. VII - OPERAÇÃO DO OUTLOOK 2010: conceitos básicos; configuração; utilização de cor- reio eletrônico; gerenciamento de mensagens; impressão; personaliza- ção; uso dos recursos calendário, contatos, tarefas e notas. VIII - IN- TERNET: Noções gerais de utilização da internet e suas ferramentas. IX - OPERAÇÃO DO ACCESS 2010: conceitos básicos; criação de banco de dados e seus componentes; entrada de dados; classificação e sele- ção de registros; criação de relatórios.

 

SCOLARIDADE | Níveis médio e superior

EEEEE SCOLARIDADE

SCOLARIDADE

SCOLARIDADE

SCOLARIDADE

Ancine ainda espera autorização para concurso

A Agência Nacional do Cine- ma (Ancine) continua aguar- dando autorização do Ministé- rio do Planejamento para abrir concurso destinado ao preen- chimento inicial de 15 vagas em cargos dos níveis médio, mé- dio/técnico e superior. A Assessoria de Comunicação da Ancine informou que a autar- quia ainda não recebeu nenhum posicionamento do Ministério do Planejamento se a solicitção será ou não atendida. Para o nível médio, a Ancine solicitou sete vagas, uma de téc- nico administrativo e seis de téc-

nico em regulação. As remune- rações iniciais são de R$7.474,67 e R$7.846,37, respectivamente. Para o nível superior, a solici- tação inclui oito vagas de espe- cialista em regulação, cuja remu- neração é de R$15.516,12. Tam- bém foi solicitada formação de cadastro de reserva para analis- ta administrativo (R$14.265,57). O último concurso da Ancine foi realizado em 2013, com or- ganização do Cebraspe (antigo Cespe/UnB). Na época, a oferta foi de 69 vagas, distribuídas en- tre os cargos de analista adminis- trativo (28) e especialista (41).

Unifesp oferece salário de R$2.904 para cargo de nível médio

Vagas também para psicólogo, pedagogo, analista de tecnologia e outros cargos

A Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) abriu concurso para 93 vagas iniciais, mais ca- dastro de reserva, para a área téc- nico-administrativa, em diversos cargos dos níveis médio/técnico e superior. Além das ofertas ime- diatas, há ainda reserva para ne- gros e deficientes. O prazo de inscrição já está aberto. O cargo de destaque no nível médio/técnico é o de assistente administrativo, que tem carga horária semanal de 40h e pro- picia remuneração inicial de R$2.904,96, já acrescida dos R$458 de auxílio-alimentação. Para concorrer a essa função, é preciso ter nível médio profissi- onalizante ou ensino médio mais curso na área administra- tiva, além de experiência míni- ma de um ano nessa área. Ainda no nível médio/técni- co, há ofertas para tradutor e in- térprete de Libras, além de téc- nico de enfermagem, de farmá- cia, de laboratório, de Tecnolo- gia da Informação e de contabi- lidade. Em todos esses cargos, o ganho também é de R$2.904,96, já somado ao mesmo benefício de alimentação. Já no nível superior a univer- sidade contratará, por exemplo, novos enfermeiros, administra- dores, psicólogos, pedagogos, odontólogos, fisioterapeutas, as- sistentes sociais, analistas de tec- nologia da informação e médi- cos em várias especialidades, como Dermatologia, Ortopedia e Traumatologia, Psiquiatria e Clínica Médica. A remuneração inicial de todas as carreiras do 3º

grau é a mesma: R$4.638,66, também já considerando o au- xílio-alimentação de R$458. Além do salário base e do auxí- lio-alimentação, os servidores tam- bém recebem vale-transporte, gra- tificação por qualificação e adici- onal de insalubridade, de acordo com o ambiente de trabalho. Es- ses valores ainda não foram divul- gados. As lotações serão na capi- tal paulista, além de Diadema, São José dos Campos e Guarulhos. Para participar do concurso é preciso acessar o site da univer- sidade e preencher a ficha de ca- dastro até as 16h de 13 de abril. Depois de se cadastrar, é preciso pagar a taxa de inscrição, de R$65 para os cargos de nível médio ou R$97 para os do superior. Não é mais possível solicitar isenção desses valores, pois o prazo en- cerrou na última sexta-feira, 16. Todos os candidatos serão sub- metidos a provas objetivas em 6 de maio, durante três horas. Para as carreiras de nível superior, a avaliação será feita pela manhã; já para o nível médio, à tarde. A par- te de múltipla escolha terá 50 per- guntas, sendo 16 de Conhecimen- tos Gerais (nas disciplinas de Por- tuguês, Matemática, Lógica, Legis- lação e Noções de Informática), além de 34 de Conhecimentos e Legislação específicos. Além do exame objetivo, para determinadas carreiras haverá também análise de títulos e pro- vas práticas. O prazo de valida- de do concurso é de dois anos, podendo dobrar. A Unifesp ado- ta o regime estatutário de contra- tação, o que assegura a estabili- dade no emprego.

SERVIÇO

Edital: www.folhadirigida.com.br

Edital:

Edital:

Edital:

Edital:

Inscrições:

Inscrições:

Inscrições:

Inscrições:

Inscrições:

https://

concurso2018.unifesp.br/

 

Programa de estudo

Para orientação dos candidatos aos cargos dos nível mé- dio e médio/técnico, veja a parte comum do programa ofici- al. Para assistente administrativo, o conteúdo abaixo já está completo.

 
 

CONHECIMENTOS GERAIS

Conhecimentos linguísticos e

dezembro de 1990; Lei Fede-

Língua Portuguesa:

de gênero textual, leitura e in-

ral n.º 8.666, de 21 de junho de 1993; Lei n.º 12.527, de 18 de novembro de 2011. Decre-

terpretação de diversos tipos de textos (literários e não literári- os), aspectos formais do uso

Matemática:

to Federal nº 7.746/2012, de 05 de junho de 2012. Noções de Informática:

da língua.

Programa para edição de tex- tos, planilhas e slides: sistema operacional (coneito de arqui-

Operações com números reais. Mínimo múltiplo comum e má- ximo divisor comum. Potências e raízes. Razão e proporção. Porcentagem. Regra de três simples e composta. Média arit- mética simples e ponderada. Ju- ros simples. Equação do 1.º e 2.º graus. Relação entre gran-

vos e diretórios, área de traba- lho, transferência de arquivos, teclas para atalhos, utilização de menus do sistema). Texto (Word): estrutura básica do documento, teclas de atalho para edição de texto, formata- ção de texto, inserção de sím- bolos/marcadores de página,

dezas: tabelas e gráficos. Sis- temas de medidas usuais. Ge- ometria: forma, perímetro, área, volume, ângulo, teorema de Pi- tágoras. Resolução de situa- ções-problema.

parágrafo/quebra de página, layout de pagina, impressão de documento, inserir tabelas, ca- beçalho/rodapé, régua de pá- gina, orientação de página, mala direta.

Raciocínio Lógico:

Planilhas (Excel): estrutura bá- sica de planilhas, formulas bá-

Visa avaliar a habilidade do can- didato em entender a estrutura lógica das relações arbitrárias entre Pessoas, lugares, coisas, eventos fictícios; deduzir novas informações das relações for- necidas e avaliar as condições usadas para estabelecer a es- trutura daquelas relações. Visa também avaliar se o candidato identifica as regularidades de uma sequência, numérica ou fi- gural, de modo a indicar qual é o elemento de uma dada posi- ção. As questões desta prova poderão tratar das seguintes áreas: estruturas lógicas, lógi- cas de argumentação, diagra- mas lógicos, sequências.

sicas, gerar e interpretar grá- ficos, conceito células/linhas/co- lunas/pastas, classificação de dados, campos pré-definidos. Slides (PowerPoint): conceito bá- sico de apresentação de slides, designer de slides (edição de texto, parágrafo, numeração, efeitos de transição), botões de ação, acrescentar arquivos ex- ternos (vídeos, imagens, etc). Correio eletrônico: uso do cor- reio eletrônico, elaboração e envio de mensagens, impres- são de e-mails, lembretes, agendar envio de e-mails, ane- xar arquivos e teclas de atalho. Internet: navegação na internet, conceito URL/sites, conceito

Legislação:

WWW, acrescentar página aos favoritos, teclas de atalho, im-

Lei Federal n.º 8.112, de 11 de

pressão de página WEB.

FETIVO | Concurso para a área de Saúde

EEEEE FETIVO

FETIVO

FETIVO

FETIVO

Marinha aguarda sinal verde para abrir 300 vagas em concurso

É grande a expectativa que a Marinha receba muito em bre- ve autorização do Ministério do Planejamento visando à aber- tura de concurso para unidades de saúde do Rio de Janeiro e ou- tras cidades do Centro-Oeste e Nordeste. A solicitação foi para 300 vagas em diversos cargos dos níveis médio, médio/técni- co e superior. Segundo a Marinha, as ne- gociações com o Ministério do

Planejamento estão avançadas para que o concurso seja auto- rizado. Caso isso aconteça, mais de 80% das vagas deve- rão ser destinadas ao Rio de Ja- neiro, para atuação no Hospi- tal Marcílio Dias, no bairro do Lins, e na Policlínica Naval Nossa Senhora da Glória, si- tuada na Glória. As 300 vagas estão distribuídas da seguinte forma: 87 para agente administrativo (nível médio;

R$3.419,97), 30 para auxiliar de enfermagem (nível médio/téc- nico; R$2.108,64), 13 para admi- nistrador, 39 para enfermeiro, 12 para farmacêutico e 119 para mé- dico (todos de nível superior, com ganhos de R$5.035,29). A realização de concurso se faz necessária para substituição de terceirizados, sobretudo no Hospital Marcílio Dias, como apontou auditoria do Tribunal de Contas da União (TCU). Por

isso, são grandes as chances de o Ministério do Planejamento autorizar a seleção em breve. A Marinha também infor- mou que encaminhou ao Plane- jamento um outro pedido de concurso para abrir 64 vagas efetivas de médico, para atuação no Hospital Marcílio Dias. Além disso, também foi solicitada a re- alização de um processo seleti- vo para a contratação de 196 mé- dicos temporários.

Á REA F EDERAL FOLHA DIRIGIDA 31 de março a 6 de abril de 2018 3
4
4

FOLHA DIRIGIDA

31 de março a 6 de abril de 2018

S ERVIDOR P ÚBLICO

ALORIZAÇÃO

VVVVVAL

AL

AL

AL

ORIZAÇÃO | ANP informa que costuma investir cerca 1,7 milhão por ano com capacitação e qualificação de seus servidores

ORIZAÇÃO

ORIZAÇÃO

ORIZAÇÃO

ANP: obsessão pela capacitação dos servidores

Servidores da agência contam com um Plano Anual de Capacitação (PAC)

BEATRIZ CUNHA

beatriz.cunha@jee.com.br

A Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), que completou 20 anos de atividade em janeiro, é uma agên- cia obcecada na capacitação de seus servidores. Quem garante é o su- perintendente de Gestão de Pes- soas da ANP, Gualter Lemos, que, em entrevista exclusiva à FOLHA DIRIGIDA, disse que, ao longo dessas duas décadas, a autarquia buscou a modernização da sua política de gestão de pessoas. “O mercado de Óleo e Gás e da Regulação é um mercado de ponta no que se entende de Tecnologia, Inovação e na questão do Direito e da Regulação. É um mercado que necessita ter uma posição que eu

chamo de vanguarda. Então, nas questões de Engenharia, Geolo- gia, Geofísica, Regulação, Econo- mia e no Direito, a ANP tem uma obsessão pela capacitação”, garan- te Gualter Lemos. O forte investimento na capaci- tação e qualificação dos servido- res tem feito com que o mercado de Óleo e Gás esteja em destaque, segundo Gualter Lemos. “Trabalha- mos bastante para atender, da melhor forma possível, os objeti- vos estratégicos da ANP, com cer- ta relevância na capacitação de alto nível. A ANP não funcionaria sem um corpo de servidores bem capa- citados. O sucesso do mercado de Óleo e Gás é diretamente ligado à capacitação desses servidores.” O superintendente de Gestão de Pessoas da ANP informa que a agência conta com um Plano Anu- al de Capacitação (PAC), onde diversos cursos são realizados dentro das diretrizes do planeja- mento estratégico da autarquia. “Além dos critérios que fazem com que os servidores sejam obrigados

a terem uma capacitação efetiva, que oferece progressão e promoção, há uma política específica de capaci- tação, que é o PAC, instrumento pelo qual a diretoria estabelece as dire- trizes da capacitação naquele ciclo, e essas diretrizes estão alinhadas com o planejamento estratégico da agência. O PAC traz aos nossos ser- vidores a capacitação necessária do atendimento e objetivo estratégi- co daquele ciclo”, explica . Além do PAC, o superintenden- te informa que outro atrativo ofe- recido aos servidores da agência é o plano de carreira, que permite pro- gressão salarial de ano em ano. Segundo ele, em apenas 13 anos o servidor poderá chegar ao seu ápi- ce. “O aumento médio na remune- ração dos servidores anualmente, em virtude de progressão e promo- ção, é de cerca de 2,5%. A progres- são está relacionada aos requisitos necessários, levando em conside- ração as horas de capacitação, o tem- po (de ano em ano) e a avaliação. No entanto, caso o servidor tenha uma licença, isso pode se estender.”

Investimento anual de 1,7 milhão

Para comprovar que a ANP é obcecada na capacitação e qua- lificação, o superintendente de Gestão de Pessoas da agência afir- ma que a autarquia investe mais de R$1.700.000 por ano em cur- sos para os seus servidores. Gualter Lemos informa que a ANP paga integralmente cursos de qualificação de seus servidores, tais como MBAs, mestrados e douto- rados. “Não temos parceria com universidade. Nós fazemos contra- tação. Uma capacitação específica, por exemplo, nós garantimos se- guindo a Lei 8.666. Nós fazemos contratos com as universidades ou encaminhamos os servidores para essas universidades, tanto no Bra- sil quanto no exterior.” No entanto, o superintenden- te ressalta também que uma par- te dos cursos é dada pela Escola Nacional de Administração Públi- ca (Enap). “Há cursos que, por sermos um órgão público, conse- guimos nas escolas de governo como a Enap, que os promove sem

custos. Então, a gente tem bastante capacitação nessa escola de gover- no, mas também temos que fazer nossas contratações para questões mais técnicas”, explicou. A matriz de complexidade da ANP é imensa no que tange à ca- pacitação. Os tipos de cursos mais recomendados aos servidores, para que possam aspirar a cargos comissionados e funções gratifi- cadas, são bastante amplos, ga- rante Gualter Lemos. “Se falarmos de cursos técnicos, nós temos uma amplitude des- ses cursos nas áreas de Engenha- ria, Geologia, Direito, Geofísica, Economia, entre outros. Quando se trata da área de Óleo e Gás, é uma matriz técnica complexa, por outro lado, você tem, ainda, a questão da Administração Pú- blica. Além disso, temos a capa- citação em cursos de Direito Pú- blico, Administrativo, Defesa da Concorrência etc. A ANP investe bastante em um programa cha- mado Escolas de Líderes, onde

todos os cargos de liderança, seja coordenadores, chefes de núcleo, superintendente, entre outros, passam por um programa de ca- pacitação, considerado prioritá- rio pela ANP.” O superintendente de Gestão de Pessoas da ANP afirma que, independentemente do órgão ou instituição onde o servidor venha a trabalhar, é preciso que ele te- nha a consciência da importân- cia de realizar cursos de capaci- tação e qualificação para obter progressões salarial, promoção e/ ou crescimento profissional. “O serviço público, em geral, precisa acompanhar o cenário pri- vado e externo. É indispensável que o servidor aprimore-se, bem como é fundamental que o órgão provoque isso nas pessoas e dê os horizontes de evolução. Eu acho que, principalmente, é um papel da área de Gestão de Pes- soas entregar para a sociedade servidores cada vez mais capaci- tados”, opinou Gualter Lemos.

Recém-ingresso pode ocupar cargos de chefia

Ao ser aprovado em um con- curso da ANP, o novo servidor poderá em um curto espaço de tempo ocupar um cargo de che- fia na agência. Isso porque, segun- do Gualter Lemos, a ANP avalia o currículo e o histórico profissi- onal de seus concursados. "Hoje, nós temos servidores ocupando cargos de diretoria e isso aconte- ce porque atraímos no nosso con- curso público muitas pessoas com histórico profissional no ramo de Óleo e Gás e isso não pode ser desperdiçado". Na entrevista abaixo, Gualter Lemos destaca outras ações da ANP que visam à valorização dos seus servidores:

DIVULGAÇÃO | ANP
DIVULGAÇÃO | ANP

Gualter Lemos diz que a ANP realiza

um processo criterioso na locação

dos servidores dentro das áreas

FOLHA DIRIGIDA - O QUE MU -

DOU NO PERFIL DO SERVIDOR DE - SEJADO PELA ANP, AO LONGO DESSES 20 ANOS ? Q UE TIPO DE QUALIFICAÇÃO ELES PRECISAM TER PARA ATUAR NO TRABALHO DE RE - GULAÇÃO DO PETRÓLEO ?

Gualter Lemos - A formação para o servidor trabalhar na ANP é muito ampla, por conta de um dinamis- mo em relação ao mercado. A SGP (Superintendência de Gestão de Pessoas) e outras unidades técnicas avaliam o desenvolvimento do servidor de acordo com o perfil necessário de cada área. O que eu acredito que seja mais adequado é o comportamento do profissional em si, principalmente os que estão conectados aos novos modelos de Gestão e também de Inovação, até porque a ANP passa por um pro- cesso de mudança digital e o perfil do profissional precisa acompanhar esse novo modelo de mercado".

outros. Na questão da ANP, nós te- mos os sistemas internos, sistema digital de documentação, servido- res técnicos e analistas e adminis- trativos, além da produção para Geologia, Regulação etc. Já na ques- tão de Sistemas, temos a Seguran- ça da Informação, Comunicação, Redação Oficial, entre outros.

A ANP REALIZA PROCESSOS SELE- TIVOS OU CONCURSOS INTERNOS ? E M CASO AFIRMATIVO , COMO ELES FUNCIONAM?

Sim. Nós temos uma ferramenta chamada "Banco de Oportunidade". Ela funciona quando uma área téc- nica demanda à Gestão de Pessoas uma necessidade de atrair um ser- vidor internamente com um perfil específico. A SGP estuda esse perfil específico, monta um edital inter- no e abre para a concorrência. Os servidores que se mostram interes-

  • QUANDOUMCONCURSADOTOMAPOS- sados são chamados para uma en- trevista com a Gestão de Pessoas. A área tenta identificar outros fatores que movem esse servidor para sair do seu setor de origem. Depois é feita uma segunda entrevista com a área técnica, onde acontece, em um terceiro momento, a classifica- ção. Depois dessa classificação, a SGP providencia a movimentação interna do servidor da área de ori- gem para o setor que demandou o Banco de Oportunidades.

SE NA ANP, ELE PASSA POR TREINA-

MENTOS E/OU PERÍODOS DE AMBIEN- TAÇÃO, SOBRETUDO AQUELES QUE OCUPAM AS FUNÇÕESDE TÉCNICO AD- MINISTRATIVO, TÉCNICO EM REGULA- ÇÃO E ANALISTAADMINISTRATIVO, CU- JOS CONCURSOS NÃOTÊM COMO ETA- PA UM CURSO DE FORMAÇÃO? CASO POSITIVO , COMO OCORREM ESSES TREINAMENTOS? O QUE É ENSINADO?

A SGP criou o Programa de Capaci- tação Essencial, que é composto por cinco pilares de execução, sendo eles:

Gestão Pública, Sistemas, Comu- nicação, Pessoas e ANP. Dentro des- se programa, diversos temas são inseridos e todos os servidores, até aqueles que fazem curso de forma- ção, tendem a passar por ele. No pro- grama de Gestão Pública, por exem- plo, temos a Administração Públi- ca, Direito Administrativo, entre

É POSSÍVEL QUE UM SERVIDOR RE- CÉM-EMPOSSADO VENHA A OCUPAR UM CARGO DE CHEFIA NA ANP? A AGÊNCIA COSTUMA AVALIAR O HIS- TÓRICO PROFISSIONAL DE SEUS CON- CURSADOS NO MOMENTO EM QUE OCORRE A POSSE , DE FORMA QUE A AGÊNCIA POSSA ABSORVER O CO - NHECIMENTO E A EXPERIÊNCIA QUE

ELE TRAZ DE FORA ?

Sim, sempre há essa avaliação, até para a locação inicial desse servi- dor dentro da ANP. A complexida- de da ANP exige um processo cri- terioso na locação dos servidores dentro das áreas. Hoje, nós temos servidores ocupando cargos de di- retoria e isso acontece porque atra- ímos no nosso concurso público muitas pessoas com histórico pro- fissional no ramo de Óleo e Gás, e isso não pode ser desperdiçado.

COMOFUNCIONA APOLÍTICA DE BENE- FÍCIOS DA ANP? A QUAIS BENEFÍCIOS OSSERVIDORES TÊM DIREITO?

Bom, se falarmos de benefício da forma intensa da palavra, é o que o Ministério do Planejamento permi- te ter. No entanto, o maior benefí- cio que o servidor tem, além daque- las questões de auxílio-alimenta- ção e outras coisas que nós encon- tramos em qualquer órgão públi- co, é a vontade que a ANP tem de estar na vanguarda de gestão. Isso e a questão da capacitação, que é um diferencial e obsessão nossa, são dois grandes benefícios de uma pessoa vir trabalhar na ANP.

OS CONCURSOS DA ANP, VIA DE RE- GRA, DESPERTAM MUITO INTERESSE NOS CONCURSEIROS, SOBRETUDO EM VIRTUDE DA BOAREMUNERAÇÃO OFE- RECIDA. NO ENTANTO, A QUAIS OU- TROS FATORES O SENHOR ATRIBUI ESSA GRANDE CONCORRÊNCIA? NA SUA VISÃO, POR QUE VALE A PENA SER UM SERVIDOR DA ANP?

Eu acho que o que atrai, além do salário, é a amplitude do negócio. A ANP tem uma matriz de comple- xidade extensa e que dá oportuni- dade de trabalhar em segmentos completamente distintos. E isso é importante para mostrar o quanto nós somos reguladores. Eu acredi- to que das agências reguladores, A ANP é a que tem o maior leque de diretrizes para atuação. Então, eu acho que esse é o grande fator da motivação, além do remuneratório. Além disso, acho que é um órgão de extrema importância no cená- rio nacional das agências regulado- ras, sendo a mais importante de todas. Somos uma agência tem uma política e gestão modernas, que acaba de aprovar várias propostas que diminuem as burocracias in- ternas, de transversalidade de pro- cessos, como Planejamento Estra- tégico, Gestão por Competência, Inovação e Escola de Líderes. En- tão, nós estamos trabalhando como referência em diversas fren- tes na área de Gestão de Pessoas.

SERVIDORES Antonio Batist Antonio Batist é mestre em Administração, consultor, professor, empreendedor e servidor público Contatos:
SERVIDORES
Antonio Batist
Antonio Batist é mestre em Administração,
consultor, professor, empreendedor e servidor público
Contatos:
Contatos:
Contatos:
Contatos:
Contatos:
LinkedIn:
LinkedIn:
LinkedIn:
LinkedIn: www.linkedin.com/in/antoniobatist/
LinkedIn:
Facebook:
Facebook:
Facebook:
Facebook:
Facebook: www.facebook.com/antoniobatistoficial
E-mails:
E-mails:
E-mails:
E-mails: antoniobatista@id.uff.br e antonio.batista.oliveira@usp.br
E-mails:
COM TANTAS PÓS-GRADUAÇÕES
NO BRASIL, QUAL CAMINHO SEGUIR?
O
lá, tudo bem contigo? Hoje vamos tra-
tar com mais profundidade um tema
que já foi discutido aqui várias vezes:
a pós-graduação. Como já foi abordado,
a qualificação precisa ser uma busca per-
manente para o servidor ou funcionário pú-
blico. Não somente porque isso permitirá,
via de regra, incremento salarial ou até uma
promoção, mas sobretudo porque, ao bus-
car uma especialização, nós poderemos
desenvolver com mais eficiência as nos-
sas atividades.
A pós-graduação no Brasil é dividida
em dois grandes grupos: lato sensu e stricto
sensu. O primeiro geralmente compreen-
de cursos de menor duração, quase sem-
pre voltados para o aperfeiçoamento pro-
fissional, com aplicação mercadológica
mais precisa.
Nos cursos lato sensu enquadram-se
tanto as especializações, quanto os MBAs
(Master in Business Administration). Para
quem não sabe, os cursos de residência em
Medicina também são considerados cursos
de pós-graduação lato sensu.
No stricto sensu estão os cursos de pós-
graduação com maior densidade, ou seja,
o mestrado e o doutorado. Geralmente, são
mais longos que os cursos lato sensu e
possuem um processo seletivo mais inten-
so e criterioso. Os cursos stricto sensu pos-
suem um nível de aprofundamento maior,
porque estão vinculados à pesquisa e à
vivência acadêmica.
Mas, ao decidir fazer uma pós-gradua-
ção, qual é a melhor opção: um curso lato
sensu ou stricto sensu? Isso
depende do perfil do servidor
público e de seus objetivos a
médio e longo prazos. Se ele
quiser realizar uma pós-gra-
duação para ter um aumento
salarial e nada mais, é uma
coisa. Se ele quer fazer um
curso para se tornar um pro-
fessor universitário ou atuar
em pesquisa, aí o foco certa-
mente mudará.
Sugiro fortemente que o
servidor faça os seguintes
eu desejo para minha vida profissional?
Quais são meus objetivos a médio e longo
prazo? Pretendo continuar na minha área
de trabalho ou quero buscar novos horizon-
tes e campos de atuação? O pretendo ob-
ter com esse curso?
Se o servidor tiver um desejo mais aca-
dêmico, talvez fazer um MBA não seja a me-
lhor ideia. Caso ele pretenda desenvolver
um estudo aplicado em uma área de ne-
gócios ou gestão, talvez o mestrado ou
doutorado não seja a melhor opção. Mas
tudo precisa ser analisado de maneira muito
cuidadosa.
Por outro lado, há a possibilidade de o
servidor realizar um mestrado profissional.
Apesar de ser um curso mais denso e que
exigirá uma maior dedicação, ele pode ter,
em alguns casos, uma maior aplicabilida-
de às atividades do servidor.
Sendo assim, podemos afirmar que
não existe uma modalidade de pós-gra-
duação melhor do que a outra. O impor-
tante é que a escolha do servidor seja
feita de forma planejada, levando-se em
conta a sua realidade, o seu perfil e os
seus objetivos pessoais e profissionais
a médio e longo prazo.
Vale a pena conhecer o curso de inte-
resse, conversar com profissionais que já
cursaram aquela pós-graduação, interagir
com professores etc. Afinal, a realização de
uma pós-graduação, seja ela lato sensu ou
stricto sensu, demandará tempo, energia e
investimento. E uma decisão errada pode-
rá trazer um desgaste desnecessário.
questionamentos antes de
tomar a sua decisão: quais são
minhas características? O que
MESTRADO E DOUTORADO: SAIBA
MAIS NO SITE DA FUNDAÇÃO CAPES
V ocê, servidor, que deseja buscar
mais informações sobre pós-gradu-
ações, sobretudo de cursos stricto
sensu (mestrado e doutorado), pode
acessar o site da Coordenação de Aper-
feiçoamento de Pessoas (Capes), funda-
ção do Ministério da Educação (MEC). O
endereço eletrônico é www.capes.gov.br.
Lá você obterá dados sobre todos os
mestrados e doutorados recomendados e
reconhecidos no Brasil e poderá até saber
como concorrer a bolsa de estudos, inclusi-
ve no exterior. Vale des-
tacar que a Capes
possui uma série de
programas que visam
contribuir para o apri-
moramento da quali-
dade da educação
básica e estimular ex-
periências inovadoras e
o uso de recursos e tecnologias de comuni-
cação e informação nas modalidades de edu-
cação presencial e a distância.
4 FOLHA DIRIGIDA 31 de março a 6 de abril de 2018 S ERVIDOR P ÚBLICO
Á REA F EDERAL
Á REA F EDERAL

FOLHA DIRIGIDA

31 de março a 6 de abril de 2018

5
5
meiro elemento é uma forma verbal. taca-se a energia solar, gerada à partir dos raios solares.
meiro elemento é uma forma verbal.
taca-se a energia solar, gerada à partir dos raios solares.
(C)
O desperdício de água aumenta à cada dia, e pode gerar
uma série de problemas, que afetarão toda a população.
(D)
Os primeiros europeus que vieram à América trouxeram
consigo a tecnologia existente no Velho Continente.
(E)
Por volta do ano 1000, os moinhos de vento eram usa-
dos para bombear à água do mar.
- No trecho “Isto é possível através de aerogeradores, ge-
As lâmpadas de LED são sustentáveis e duráveis, à ponto
radores elétricos associados ao eixo de cata-ventos” ( .38-
40), a palavra destacada apresenta hífen porque o pri-
Entre os exemplos de fontes alternativas de energia, des-
O grupo em que todas as palavras apresentam hífen pelo
mesmo motivo é
(A)
porta-retrato, quebra-mar, bate-estacas
(B)
semi-interno, super-revista, conta-gotas
(C)
guarda-chuva, primeiro-ministro, decreto-lei
(D)
caça-níqueis, hiper-requintado, auto-observação
bem-visto, sem-vergonha, finca-pé
guns fatores, entre eles a velocidade do vento no local
- Em “Atualmente, o desenvolvimento tecnológico desco-
briu outras formas de uso para a força eólica.” ( . 35-36),
(D)
O fragmento do texto que apresenta uma definição de
“energia eólica” é:
(A)
“Energia, derivada de energeia, que em grego significa
‘em ação’, é a propriedade de um sistema que lhe permite
existir, ou seja, realizar ‘trabalho’ ” ( . 1-3)
“Existem fontes de energia alternativas que, adequada-
mente utilizadas, podem substituir os combustíveis fós-
seis em alguns de seus usos” ( . 16-18)
“A energia eólica é a energia gerada pela força do vento,
(C)
ou seja, é a força capaz de transformar a energia do vento
em energia aproveitável.” ( . 21-23)
“Esse baixo impacto ocorre porque usinas eólicas não
a vírgula é utilizada para separar uma circunstância de
promovem queima de combustível, nem geram dejetos
que poluem o ar, o solo ou a água” ( . 50-52)
(E)
“A tendência é que essa tecnologia de geração de ener-
gia cresça cada vez mais, com a presença de diversos
parques eólicos espalhados pelo Brasil.” ( . 77-79)
GABARITO
LÍNGUA PORTUGUESA
2
4
de economizar no consumo e oferecer segurança e es-
tabilidade na iluminação.
(B)
Cartões:
SCOLARID SCOLARID SCOLARID
SCOLARIDADE ADE ADE ADE
ADE ||||| Oportunidades em cargos de 2º e 3º graus
Destaque é o cargo de
técnico, com exigência
de nível médio e
iniciais de R$6.882
Banco Central aguarda sinal
verde para edital com 990 vagas
Outro órgão que também
aguarda o aval do Ministério
do Planejamento para recom-
por seu quadro de servidores
por meio de um novo concur-
so é o Banco Central. Em vir-
tude do grande déficit de pes-
soal (já que a última seleção
ocorreu há cinco anos), a so-
licitação foi para 990 vagas,
nos níveis médio e superior.
A expectativa é que a autori-
zação saia até o fim desse se-
mestre.
A função de técnico, que
exige apenas o nível médio, é
um dos cargos em que o ban-
co quer contratar mais concur-
sados. O objetivo é que sejam
admitidos mais 150 profissi-
onais, que hoje ganham
R$6.882,57.
em qualquer área poderá dis-
putar as 800 ofertas de analista,
cuja remuneração vigente é de
R$17.391,64; já para os advo-
gados com dois anos de prá-
tica forense, haverá 40 opor-
tunidades de procurador, que
propicia ganho de
R$19.665,67. Os três valores
já estão somados ao auxílio-
alimentação, de R$458.
O Cebraspe foi o organiza-
dor do último concurso do
banco para essas três carreiras.
Para técnico e analista, os exa-
mes foram objetivos e discur-
sivos. Houve também análise
de títulos (apenas para analis-
ta), e programa de capacitação,
para ambos os cargos.
Já no caso de procurador, a
seleção abrangeu provas obje-
tiva, discursiva e oral, inscri-
ção definitiva, avaliação de tí-
tulos e curso de formação, além
de sindicância de vida pregres-
sa. As contratações do Banco
Central garantem a estabilida-
de no emprego, já que são fei-
tas pelo regime estatutário.
entação número um”, con-
cluiu.
Cartões – Os locais de pro-
va do concurso da Petrobrás
sairão no dia 4 de abril, e os exa-
mes estão marcados para o dia
8 do mesmo mês. Já no caso
da Transpetro, cujas avaliação
serão em 15 de abril, os car-
tões de confirmação de inscri-
ção serão divulgados no dia 11
do próximo mês. A consulta do
informativo deverá ser feita no
site da Fundação Cesgranrio.
Para os cargos do nível mé-
dio haverá 60 questões de Co-
nhecimentos Básicos e especí-
ficos; já para o superior serão
70 perguntas. As disciplinas
abrangidas serão Língua Por-
tuguesa, Matemática e Língua
Inglesa, além das matérias es-
pecíficas de cada função. O
número de inscritos de ambos
os concursos deverá ser divul-
gado nos próximos dias.
de compreensão, mais infor-
mativos e expositivos. “A Ces-
granrio prioriza bastante a ca-
pacidade de leitura dos candi-
datos. Por isso, repito: não bas-
ta só decorar os assuntos, as
regras. Uma boa dica também
é ler bastante, sobretudo tex-
tos atuais. E nessa reta final, a
resolução de exercícios é a ori-
SERVIÇO
Cartões:
EEEEE SCOLARID
Cartões: www.cesgranrio.org.br
Cartões:
Cartões:
Ficha de Exercícios
A realização de muitos exercícios é a melhor
forma de treinamento para concursos públicos
TÉCNICO DE ADMINISTRAÇÃO E CONTROLE
Provas estão
marcadas para os dias
8 (Petrobrás) e 15
(Transpetro) de abril
Petrobrás/Transpetro: professor
orienta os estudos de Português
Falta pouco para a aplicação
das provas dos concursos da
Petrobrás (555 vagas) e da
Transpetro (1.650 vagas). Nos
dias 8 e 15 de abril, a Funda-
ção Cesgranrio (organizadora)
aplicará as avaliações aos can-
didatos a técnico de adminis-
tração e controle e diversos
outros cargos.
Orientar-se sobre a forma de
cobrança da banca é essencial
para se dar bem nas provas.
Para dar dicas de Língua Por-
tuguesa, FOLHA DIRIGIDA
entrevistou o professor Rian
Geraisste, que leciona nos cur-
sos Pra passar e Focado no
Edital.
Ao analisar o programa da
Petrobrás, o especialista iden-
tificou que o foco será em tex-
tos de interpretação, argumen-
tativos, e não de compreensão.
Ou seja, é preciso ir além do
texto e saber a opinião do au-
tor. “As questões das provas de
Português da Cesgranrio são
sempre com base em textos,
seja tanto para interpretá-los
quanto para uma pergunta de
gramática, por exemplo. Por
isso, não adianta só decorar as
regras gramaticais, mas aplica-
las aos textos”, alertou. Mas
como treinar isso?
“A melhor dica é estudar por
provas recentes da banca, de
2017 e 2018, e ver como é a sua
cobrança. É necessário ter aten-
ção ao enunciado, ou seja, à
maneira como a Cesgranrio
apresenta os assuntos nas pro-
vas. Com base no programa,
acredito que os tópicos mais
cobrados serão regência, cra-
se, pontuação e concordância”,
enumerou.
Já no caso da Transpetro, o
professor acredita que a ban-
ca trabalhará mais com textos
ONCORRÊNCIA | Número de inscritos deverá ser divulgado nos próximos dias
CCCCC ONCORRÊNCIA
ONCORRÊNCIA
ONCORRÊNCIA
ONCORRÊNCIA
(D)
tempo deslocada para o início da frase.
A mesma justificativa para o uso da vírgula pode ser en-
contrada em:
“Energia é vida, é movimento — sem a sua presença o
(A)
mundo seria inerte.” ( .4-5)
“Desde o início da vida em sociedade, as fontes de ener-
(B)
gia de que o homem precisa devem ser geradas continu-
amente” ( .8-10)
(C)
“A quantidade de energia produzida vai depender de al-
- O termo destacado foi utilizado na posição correta, segundo
e a capacidade do sistema montado.” ( .41-44)
1 -
“Esse baixo impacto ocorre porque usinas eólicas não
promovem queima de combustível, nem geram dejetos
que poluem o ar” ( .50-52)
(E)
“Isso acontece devido aos parques eólicos ocuparem gran-
des extensões, com imensos aerogeradores instalados.”
( .58-60)
3
- O acento grave indicador da crase está corretamente
empregado, de acordo com a norma-padrão da língua por-
tuguesa, em:
(A)
Quem tem o nível superior
(D)
(C)
O preço dos combustíveis vem aumentando, mas a in-
(A)
dústria automobilística desconhece o porque do cresci-
mento da frota veicular nas cidades.
Os poluentes derivados dos combustíveis fósseis são
(B)
substâncias prejudiciais por que causam danos aos se-
res vivos e ao meio ambiente.
(C)
Os cidadãos deveriam saber os riscos de um apagão
para conhecerem melhor o porquê da necessidade de
economizar energia.
A fabricação de veículos movidos a combustão explica
mente grafada, de acordo com a norma-padrão da língua
Uma das exigências do mundo atual é que o ser humano
5
as exigências da norma-padrão da língua portuguesa, em:
A poluição do ar será irreversível, caso as medidas pre-
(A)
ventivas esgotem-se.
Os cientistas nunca equivocaram-se a respeito dos pe-
(B)
rigos do uso de combustível fóssil.
(C)
Quando as substâncias tóxicas alojam-se no meio ambi-
ente, causam danos aos seres vivos.
(D)
Se as fontes de energia alternativa se esgotarem, pode-
7
ESPECIALISTAS
É óbvio que todo aquele que começa a estudar para um
concurso público, qualquer que seja ele, precisa estudar um
grande volume de conteúdos técnicos que serão aferidos
em uma ou mais fases da seleção.
Já escrevi por diversas oportunidades sobre a relevância de
planejar os estudos (o que, quanto, onde e quando estudar).
Mas, tem uma característica que costuma diferenciar os aprova-
dos daqueles que deverão tentar no não seguinte: a disciplina!
Etimologicamente, a palavra disciplina se originou a partir
do latim disciplina, que quer dizer “educação que um discí-
pulo recebia de seu mestre”. Este termo, por sua vez, tem
origem diretamente de discipulus, que é referente “aquele
que aprende”, e este, consequentemente, tem raiz no verbo
latino discere, que significa “aprender”. Em um sentido es-
pecífico é conceituada como sendo a capacidade de um in-
divíduo cumprir ordem, regra ou planejamento sem a orien-
tação ou imposição de terceiros. Mantê-la é essencial para
ser exitoso no atingimento dos objetivos estabelecidos.
Em termos conceituais a disciplina foi explicada. Mas, como
desenvolvê-la na prática?
Primeiramente, antes de falar em disciplina é fundamen-
tal que haja um planejamento prévio onde sejam contem-
plados todos os aspectos relevantes referentes à prepara-
ção para aprovação ao concurso desejado. Este deve servir
de guia para o dia a dia de estudos e permitirá ao indivíduo
saber o que deve-se estudar, quando, por quanto tempo e
de que maneira. A disciplina está em seguir estritamente o
planejamento!
Mas, como desenvolvê-la? Não existe mágica e ninguém
se torna disciplinado de uma hora para outra. Tudo é uma
questão de hábito. Uma vez tornando-se habitual, torna-se
automático.
Algumas dicas para criar ou aperfeiçoar a disciplina:
Propósito – identifique o significado maior do porquê deseja
passar naquele concurso. Trata-se de gerar conforto financei-
ro, estabilidade familiar, um sonho, morar em um outro lugar,
tudo isso? Quando identificamos o propósito legítimo, isto
tende a nos impulsionar e nos manter motivados a continuar.
Como diz a frase “quem tem um porquê encontra um como”!
Treino – a excelência vem com o hábito e este com treino.
Diariamente estabeleça uma rotina, uma sequencia do que
fazer e cumpra-a a risca.
Pausas – pesquisas mostram que realizar pequenas pau-
sas durante o período de estudo, ajuda a manter o rendi-
mento. Realizar pequenas pausas de 5 minutos a cada 2 ou
3 horas de estudos pode significar ganho de produtividade.
Atividade física – a prática regular de exercícios contribui para
o bem estar físico e mental, além de ajudar na disciplina.
A disciplina é algo individual e intransferível. Todas as pessoas
sãs são capazes de desenvolvê-la. O que você está espe-
rando?
Disciplina: a chave
para o sucesso no estudo
A conquista de nossos sonhos exige uma combinação de
decisão e atitude, fundamentadas em análise e sabedoria.
Estas bases comportamentais ensejam o que conhecemos
como persistência, a receita do sucesso. Todo concurseiro
também deve seguir esta orientação, é claro, mas alguns
confundem persistência com teimosia e permanecem no erro
durante um tempo precioso. E assim, muito esforço é des-
perdiçado por falta de sabedoria.
Após definir o objetivo a ser alcançado, é preciso traçar
estratégias e pequenas metas, como se fossem degraus
de um pódio e não importa a altura deste, é importante
definir cada passo, cada degrau a ser conquistado e a partir
desta definição, agir para vencer, executando cada tarefa,
cada passo, estudando cada conteúdo necessário à sua
posse no tão sonhado cargo público.
Na trajetória de execução para realização do objetivo é
muito natural os tropeços, erros, tombos. Somos um ser
em construção, não nascemos prontos e o aprimoramento
constante é fundamental para a vitória. O aperfeiçoamento
não acontecerá sem reavaliação da metodologia emprega-
da, dos recursos utilizados, do material de apoio. Errar é
mais que natural, mas permanecer no erro é terrível. Muitos
confundem persistência com teimosia.
O persistente transforma o erro em aprendizado; o teimoso
permanece no erro ou não sabe o que fazer com ele e apenas
sofre. O persistente reavalia sua metodologia sem perder o
foco; o teimoso não se concentra no foco e sim na etapa e
volta a repetir tudo insanamente. O persistente avança sem-
pre, mesmo que ainda longe do objetivo final; o teimoso anda
em círculos, executa tarefas, mas não progride em suas metas.
O persistente aprende e cresce durante todo o processo; o
teimoso apenas repete sequência de atos estanques. O per-
sistente busca qualidade; o teimoso se ilude com a quantida-
de. Ser persistente é fundamental para o sucesso!
É sempre tempo de crescimento. Se você já está há anos
na trajetória concurseira e ainda não obteve sua conquista,
isso não te desmerece, mas reflita sobre sua caminhada até
aqui. O que está faltando para o seu sucesso? Onde estão
os pontos de melhorias? A metodologia empregada está cor-
reta? O material de apoio é de qualidade? É fundamental
esta avaliação e não confunda qualidade com quantidade.
Importante ressaltar que jamais se deve comparar o seu
desempenho com o de outro concurseiro, pois somos seres
únicos e com potenciais pessoais para o sucesso. Claro
que uma história de sucesso pode ser inspiradora, mas ja-
mais podemos copiar outra pessoa, apenas nos inspirar na
sua superação. Conhecer boas ideias, escutar pessoas ex-
perientes, buscar informações não apenas de conteúdo, mas
também de metodologia para potencializar os estudos. Não
basta estudar, tem que saber estudar, combinando várias
técnicas e ações cognitivas para dominar o conteúdo exigi-
do no edital do concurso.
Estude sempre, mas estude com qualidade! Encontre o
seu potencial. Conte comigo!
Persistência ou Teimosia?
Alexandre Prado
Alexandre Prado é coach,
consultor, especialista em
finanças, escritor e professor de
cursos na área de desenvolvimento
humano e organizacional
Claudete Pessôa
Claudete Pessôa é professora,
coach e diretora pedagógica
do curso online Super Professores
E-mail: alex@nucleoexpansao.com.br; Facebook: http://www.facebook.com/
NucleoExpansao
Instagram: @supercoachclaudete; e-mail: coordenacao@superprofessores.com.br
(E)
A palavra ou a expressão destacada aparece correta-
remos sofrer sérias consequências.
-
residenciais” ( . 66-68) [impacto visual]
vocam certas sombras e reflexos desagradáveis em áreas
“o impacto visual causado pelas imensas hélices que pro-
portuguesa, em:
água” ( . 50-52) [usinas eólicas]
vel, nem geram dejetos que poluem o ar, o solo ou a
usinas
eólicas não promovem queima de combustí-
(D)
...
ção ainda não é possível” ( . 18-20) [combustíveis fósseis]
(C)
8
No trecho “Assim, citam-se as seguintes desvantagens”
( . 62-63), a forma verbal destacada está no plural em
atendimento à norma-padrão da língua portuguesa.
Seguindo essa exigência, o verbo destacado está corre-
tamente empregado em:
Atualmente, atribuem-se a modernos aerogeradores a tarefa
(A)
por quê aumentou significativamente a poluição nas grandes
gia elétrica para consumo das populações.
Com o avanço da tecnologia relativa à produção de ener-
(B)
gia, assistem-se a intensas transformações dos hábitos
e aperfeiçoamento dos sistemas de comunicação.
-
De acordo com especialistas, aplicam-se a empresas que
agridem o meio ambiente uma legislação moderna que
tem o objetivo de tipificar esse tipo de crime.
(D)
Segundo a Lei de Crimes Ambientais brasileira, destinam-
se às infrações uma penalização rígida, embora o país
ainda seja pouco operante na fiscalização e na apura-
ção dos crimes.
(B)
Téc. de administração: veja teste
Para ajudar na preparação dos futuros can-
didatos a técnico de administração e contro-
le dos concursos da Petrobrás e Transpetro,
FOLHA DIRIGIDA publica questões de Língua
Portuguesa que caíram na prova da Petrobrás,
aplicada no último domingo, dia 19. Veja quan-
tas consegue acertar.
seis” ( . 16-18) [alternativas]
(E)
“reservando-os para aquelas situações em que a substitui-
sempre mantenha-se em dia com as atividades físicas.
6
- De acordo com a norma-padrão da língua portuguesa, o
pronome que faz referência à palavra ou expressão en-
tre colchetes em:
(A)
“Energia, derivada de energeia, que em grego significa
‘em ação’, é a propriedade de um sistema que lhe permi-
te existir” ( .1-3) [propriedade de um sistema]
“Existem fontes de energia alternativas que, adequada-
(B)
mente utilizadas, podem substituir os combustíveis fós-
PAPO DE
cidades.
(E)
eólicas, exigem-se a ausência de radiação eletromagnéti-
ca e o baixo impacto sonoro das turbinas na vizinhança.
1- C | 2- B | 3- D | 4- A | 5- D | 6- A | 7- C | 8- E
Para atender ao regulamento ambiental relativo às usinas
de converter a força cinética contida no vento em ener-
(E)
Seria impossível falar de energia sem associar o meio
(E)
ambiente ao tema, porquê toda a energia produzida é
resultado da utilização das forças oferecidas pela natu-
reza.
6
6

FOLHA DIRIGIDA

31 de março a 6 de abril de 2018

Á REA J UDICIÁRIA
Á REA J UDICIÁRIA
6 FOLHA DIRIGIDA 31 de março a 6 de abril de 2018 Á REA J UDICIÁRIA

editorial

De mãos atadas

P assado mais de um mês da intervenção federal no Rio de Janeiro, o cenário da segurança pública no estado

é praticamente o mesmo. A violência corre solta e a pou- lação, refém da bandidagem, continua cerceada em seu direito de ir e vir. O general Walter Braga Netto, interventor escolhido pela União, ao menos parece ter vontade de querer mudar essa situação, mas vê-se atado em suas ações, pois sabe que não poderá contar com um aumento do efetivo da Polí- cia Militar (PM) e da Polícia Civil, condição indispensável para se restabelecer a ordem pública a curto prazo. O presidente Michel Temer, após muita pressão da opinião pública, sobretudo após a morte da vereadora Marielle Franco e seu motorista Anderson Gomes, anunciou um aporte de R$1 bilhão para a intervenção no Rio de Janei- ro, valor muito aquém das necessidades. Segundo estudo feito pela equipe do general Braga Netto, o necessário para solucionar os problemas de segurança no estado seria pouco mais de três vezes esse valor. Dos mais de R$3 bilhões necessários para tirar o Rio de Janeiro desse caos na área de segurança, somente para pagar salários atrasados e passivos trabalhistas seria preciso R$1 bilhão. Isso sem falar na necessidade de aumento do efetivo e da melhoria da infraestrutura das polícias, onde faltam desde carros para fazer o trabalho ostensivo da PM até reagentes químicos para o trabalho de perícia da Polícia Civil. A verdade é que o governo do estado não tem condi- ções de arcar, pelo menos a curto e médio prazos, com todas as dívidas do passado, nem tão pouco arcar com um aumento da folha de pagamento com a contratação de novos agentes de segurança. Por isso, sem uma ajuda mais efetiva da União, pouco o general Braga Netto po- derá fazer para reverter esse jogo, apesar de seus esforços. É necessário um aporte mais generoso por parte da União e que se estude soluções para que o governo do estado tenha condições não só de chamar mais de 4 mil policiais militares e civis aprovados em concur- sos já realizados, como também abrir novas seleções para as duas corporações, sem que isso afete a já com- balida economia do estado. Por fazer o policiamento ostensivo, a falta de pessoal na PM acaba sendo mais visível para a sociedade fluminense. No entanto, a situação da Polícia Civil parece ser ainda mais pre- ocupante, pois o déficit de pessoal passa de 14 mil homens. Hoje, a corporação trabalha com apenas 40% do efetivo (9.700 servidores) permitido em lei (23.800), sendo que a situação tende a se agravar ainda mais, pois cerca de 3 mil policiais já possuem as condições necessárias para se aposentar. Se por um lado o trabalho ostensivo fica pre- judicado com a falta de PMs, as atividades de investigação e inteligência são praticamente nulas, devido ao expres- sivo déficit de pessoal na Polícia Civil. Mas de nada adiantará aumentar os efetivos da PM e da Polícia Civil se não houver também um trabalho mais eficaz de combate ao contrabando e ao narcotráfico nas fronteiras, para coibir a entrada de drogas e armas no país. Nesse sentido, torna-se igualmente indispensável um trabalho unificado das forças de segurança federal e estadual, bem como um signi- ficativo reforço de pessoal na Polícia Federal (PF) e da Polícia Rodoviária Federal (PRF), bem superior às mil vagas já anun- ciadas pelo ministro da Segurança, Raul Jungmann. Em suma, até o momento, as medidas anunciadas pelo presidente Michel Temer na área de Segurança Pública, in- cluindo-se aí a intervenção federal no Rio, não passaram de ações de marketing mal formuladas. Se ele mirava melho- rar sua popularidade junto à opinião pública, o tiro está

saindo pela culatra.

colunista convidado Novo concurso do Banco do Brasil está entre nós! Domingos Cereja * Há alguns
colunista convidado
Novo concurso do Banco
do Brasil está entre nós!
Domingos Cereja *
Há alguns dias foi publicado o tão
esperado edital do concurso do Ban-
co do Brasil. Após muito tem-
po de espera, finalmente o can-
didato tem a oportunidade
de lutar por uma vaga em
um emprego que, pelos úl-
timos concursos, vem pro-
vando ser um dos mais
concorridos.“Algumas
mudanças significativas
ocorreram em compara-
ção ao último edital.
DIVULGAÇÃO
O conteúdo de Mate-
mática e Estatística veio cobrando matérias que exigirão um estudo
mais aprofundado do candidato, devido ao critério de dificul-
dade. Conteúdos, que não foram exigidos no concurso anterior,
como Lógica Proposicional, Funções Polinomiais, Logarítmicas
e Exponenciais e Matrizes, serão agora exigidos.
“O edital descreveu apenas Matemática Financeira, porém, como
de costume e também por ser um concurso para área bancária, o
candidato deve estudar todo o conteúdo normalmente cobra-
do, sendo ele, juros, descontos, estudos de taxas, equivalências
de capitais, rendas certas e sistemas de amortizações.
“Na parte de lógica é primordial o conhecimento das tabelas
verdades e das formas de negações e equivalências de proposições
compostas. Atenção especial deverá ter o candidato com as inter-
pretações gráficas das funções já que a banca costuma colocar ques-
tões que, para buscar a solução, além dos conceitos das proprieda-
des de cada função, requer uma boa interpretação gráfica.
“Questões de sequências são cobradas em praticamente to-
das as provas, não podendo, assim, o candidato deixar de dar
uma atenção especial. A mudança mais significativa foi no to-
cante ao conteúdo de estatística. Regressão, tendências, extra-
polações e interpolações não são normalmente exigidos em con-
cursos de nível médio.
“A Cesgranrio não tem característica de colocar as famosas
pegadinhas nas questões, porém gosta de cobrar o máximo pos-
sível do conteúdo do edital na prova. O candidato não pode se
dar o luxo de priorizar uma matéria em detrimento de outra,
pois quase tudo é cobrado.
“O estudo, por meio de resoluções de questões, é o grande
diferencial para uma boa preparação, então não percamos tem-
po e vamos estudar com o máximo de confiança.
* Domingos Cereja é especialista em concursos e professor de
Raciocínio Lógico-Matemático do curso Academia do Concurso

JJJJJUS

US TIÇA DO TRABALHO

USTIÇA

US

US

TIÇA DODODO

TIÇA

TIÇA

DO TRABALHO

TRABALHO| Atendimento é feito até as 14h de 4 de abril

TRABALHO TRABALHO

TRT-Campinas: vencimentos de R$8.650 para nível médio

Provas objetivas do concurso serão aplicadas no dia 17 de maio

Já estão abertas as inscrições do concurso para o Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região, em Campinas (TRT15), que traz vagas ime- diatas e cadastro de reserva de pessoal. Apesar da oferta de apenas duas vagas, o TRT tem tradição de convocar mui- tos aprovados. No concurso de 2013, por exemplo, foi formado somente cadastro para técnico judiciário da área administrativa. Contudo, du- rante a validade do concur- so, o TRT convocou 286 apro- vados. Para participar, os interes- sados já podem acessar o site da Fundação Carlos Chagas (FCC), a organizadora, e se inscrever para as carreiras de técnico (nível médio) ou ana- lista judiciário (superior), em diferentes áreas. As vagas são para os polos de Campinas e São José do Rio Preto. A função em destaque é téc- nico judiciário da área admi- nistrativa, que é a única que exige somente o nível médio completo, e propicia remu- neração de R$7.592,53. Ainda na carreira de técnico há va- gas ainda para a área de En- fermagem, cujo ganho é o mesmo. Neste caso, é neces- sário ter curso técnico na área. Ainda o antigo 2º grau, o tribunal reserva vagas para téc- nico judiciário da área de se- gurança. Para concorrer a esse cargo é preciso ter, além de nível médio, carteira de habi- litação nas categorias D ou E. O rendimento neste caso é maior: R$8.650,18. Quem tem graduação em qualquer área, além das áreas de Direito, História, Arquite- tura, Medicina, Psiquiatria, Odontologia e Psicologia po- derá disputar as oportuni- dades da carreira de analis- ta judiciário. Em todos os cargos a remuneração é de R$11.890,82, exceto para quem atuar como oficial de justiça (nível superior em Direito), pois receberá R$13.626,13. Todos os ganhos são com- postos pelo salário base, varí-

Quadro de vagas

6 FOLHA DIRIGIDA 31 de março a 6 de abril de 2018 Á REA J UDICIÁRIA

avel; auxílio-alimentação co- mum a todas as funções, de R$884; e Gratificação de Ati- vidade Judiciária (GAJ), tam- bém variável. Há também a Gratificação de Atividade Externa (GAE) para os ofici- ais de justiça, e a Gratificação de Atividade de Segurança (GAS), para os técnicos da área de Segurança. As contra- tações são feitas pelo regime estatutário, o que propicia a estabilidade no emprego. O prazo de inscrição ficará aberto até as 14h do dia 4 de abril, no site da FCC. Depois de se cadastrar, será preciso pagar R$80 de taxa para concorrer às funções de nível médio, ou R$95

para as do superior. Porém, quem for membro de família de baixa renda e inscrito no CadÚnico do Governo Federal poderá so- licitar isenção desse valor no site da banca, durante todo o pra- zo de cadastro. Em 27 de maio ocorrerão as primeiras avaliações dos can- didatos. Todos passarão por provas objetivas. No mesmo dia, quem concorre a analista nas especialidades de Direito (oficial de justiça), Arquitetu- ra e História fará também uma avaliação discursiva. Já os técnicos judiciários das áreas administrativa e de Se- gurança terão de escrever uma redação, enquanto que os ana-

listas das áreas judiciária, ad- ministrativa, Medicina, Psi- quiatria, Psicologia, Odonto- logia, além dos técnicos da área de Enfermagem serão sub- metidos a um estudo de caso, também em 27 de maio. Para quem disputa uma vaga de técnico da área de Seguran- ça, haverá mais duas fases: teste físico, em 23 de setembro, e um curso de formação, ain- da sem data informada. A va- lidade do concurso é de dois anos, podendo ser prorroga- da por igual período.

SERVIÇO

Edital: www.folhadirigida.com.br

Edital:

Edital:

Edital:

Edital:

Inscrições eeeee isenção:

Inscrições Inscrições Inscrições

Inscrições

isenção:

isenção:

isenção:

isenção:

http://

www.concursosfcc.com.br/

TRT: Fundação Carlos Chagas deverá ser a organizadora

O Setor de Concursos do Tribunal Regional do Traba- lho da 2ª região, na capital paulista (TRT-SP) ainda ela- bora o termo de referência e o projeto básico para o concurso de técnico e analista. O setor acrescentou que se os docu- mentos estiverem dentro das exigências legais eles serão en- caminhados, em seguida, para as bancas que disputam a organização do concurso.

Apesar da escolha da or- ganizadora não ter termina- do, uma publicação do 8 de março do Diário Eletrônico da Justiça do Trabalho reve- la que s seleção ficará sob a responsabilidade da Funda- ção Carlos Chagas. No item

2 do processo administrati- vo consta que “A contrata- ção da Fundação Carlos Chagas, com dispensa de li- citação, nos termos assenta- dos na referida informação, que se adotam como razão de decidir. Autorizo a asses- soria jurídica a adotar as medidas necessárias, com a urgência demandada”. O Setor de Concursos, po- rém, informou na última quin- ta, 15, que esse trecho do do- cumento não significa que a organizadora já foi escolhida, e acrescentou que a banca não necessariamente será a Funda- ção Carlos Chagas (FCC), mas poderá ser outra. Por fim, o setor de Concur-

sos disse que assim que a or- ganizadora for definida, a dispensa de licitação será publicada no Diário Oficial da União. E quanto à previ- são de publicação do edital, esse setor do TRT2 revelou que o mais provável é que o do- cumento saia somente no se- gundo semestre. Isto porque até junho (ou julho, depen- dendo do cargo), o órgão está com o último concurso, de 2013, em validade. A carreira de técnico judici- ário requer o nível médio, en- quanto que os analistas pre- cisam ter formação acadêmi- ca. Contratados pelo regime estatutário (garantia de esta- bilidade no emprego), os fu-

turos servidores ganharão ini- cialmente, R$7.592,53 ou R$11.890,82 de remuneração, respectivamente. No entanto, dependendo das especialidades o ganho pode ser maior. Se a seleção trouxer vagas de técnico na área de Segurança, por exem- plo, o valor passará para R$8.650,18. O TRT de São Paulo já havia confirmado que o concurso trará vagas para a especialidade oficial de justi- ça, que faz parte da carreira de analista judiciário. Neste caso, esses servidores recebem R$13.626,13 por mês. Todas as remunerações já estão so- madas ao auxílio-alimenta- ção, de R$884.

FOLHA DIRIGIDA

DESDE 1985

Rua do Riachuelo, 114 - Centro- Rio de Janeiro - RJ - CEP 20.230-014 ISSN 1980-3893

Presidente

Presidente

Presidente

Presidente

Presidente

A DOLFO

M ARTINS

Vice Vice Vice Vice Vice President President President Presidenteeeee M ARIZETE R IBEIRO C ASTANHEIRA President
Vice
Vice
Vice
Vice
Vice President
President
President
Presidenteeeee M ARIZETE R IBEIRO C ASTANHEIRA
President
Diretor
Diretor
Diretor
Diretor
Diretor de
de
de
de Redação
de
Redação
Redação
Redação LUIZ F ERNANDO C ALDEIRA
Redação

Diretora Contábil/Financeira

Diretora

Diretora

Diretora

Diretora

Contábil/Financeira

Contábil/Financeira

Contábil/Financeira

Contábil/Financeira

L ÚCIA

H ELENA

DE

O LIVEIRA

Editoria

Editoria

Editoria

Editoria

Editoria

de Educação

de

de

de

de

Educação

Educação

Educação

Educação

DÉBORA

T HOMÉ

Gerente

Gerente

Gerente

Gerente

Gerente

Industrial Industrial Industrial

Industrial

Industrial

C RISTIANO

F ORTI

Circulação E DUARDO L OPES

Circulação

Circulação

Circulação

Circulação

Carga tributária federal aproximada de 20%

www.folhadirigida.com.br

OLHA DDDDDIRIGIDA

FFFFFOLHA

OLHA

OLHA

OLHA

IRIGIDA IRIGIDA IRIGIDA

IRIGIDA

OOOOONLINE

NLINE

NLINE

NLINE

NLINE

www.folhadirigida.com.br/assine

EDAÇÃO

EDAÇÃO

EDAÇÃO

RRRRR EDAÇÃO

EDAÇÃO

TTTTTel.: el.: el.: el.: el.: 21-3233-6200 | 3233-6201 | 3233-6202 E-mail: E-mail: E-mail: E-mail: E-mail: atendimento@folhadirigida.com.br
TTTTTel.:
el.:
el.:
el.:
el.: 21-3233-6200 |
3233-6201 | 3233-6202
E-mail:
E-mail:
E-mail:
E-mail:
E-mail: atendimento@folhadirigida.com.br

PPPPP UBLICIDADE

UBLICIDADE

UBLICIDADE

UBLICIDADE

UBLICIDADE

TTTTTel.: el.: el.: el.: el.: 21-3233-6307 E-mail: E-mail: E-mail: E-mail: publicidade.rj@folhadirigida.com.br E-mail: OOOOOUTROS UTROS UTROS UTROS
TTTTTel.:
el.:
el.:
el.:
el.: 21-3233-6307
E-mail:
E-mail:
E-mail:
E-mail: publicidade.rj@folhadirigida.com.br
E-mail:
OOOOOUTROS
UTROS
UTROS
UTROS
UTROS
TTTTTELEFONES
ELEFONES
ELEFONES
ELEFONES
ELEFONES
Obras
Obras
Obras
Obras gráf
Obras gráf icas ----- TTTTTel.:
gráf
gráf
gráficas
icas
icas
icas
el.:
el.:
el.:
el.:
21-3233-6363
AAAAAdministração
dministração dministração dministração
dministração ----- TTTTTel.:
el.:
el.:
el.:
el.:
21-3233-6246
Cir culação - TTTTTel.:
Cir
Cir
Cir
Circulação culação culação culação
el.: el.: el.:
el.:
21-3233-6240 e
3233-6237
CCCCC LASSIFICADOS
LASSIFICADOS
LASSIFICADOS
LASSIFICADOS
LASSIFICADOS
TTTTTel.:
el.:
el.:
el.:
el.: 21-3233-6343
Atendimento
Atendimento
Atendimento
Atendimento
Atendimento

De segunda a sexta: das 9h às 19 horas

TENDIMENTOOOOO/A/A/A/A/ASSINA

AAAAATENDIMENT

TENDIMENT

TENDIMENT

TENDIMENT

SSINA

SSINA

SSINA

SSINATURAS

TURAS

TURAS

TURAS

TURAS

-----

DIRIGIDA DIRIGIDA DIRIGIDA DIRIGIDA DIRIGIDA ONLINE ONLINE ONLINE ONLINE ONLINE TTTTTel.: el.: el.: el.: el.: 21-3500-6645
DIRIGIDA
DIRIGIDA
DIRIGIDA
DIRIGIDA
DIRIGIDA
ONLINE
ONLINE
ONLINE
ONLINE
ONLINE
TTTTTel.:
el.:
el.:
el.:
el.: 21-3500-6645

OLHA

OLHA

FFFFFOLHA

OLHA

OLHA

De segunda a sexta: das 8h às 19 horas

SSSSS UCURSAIS

UCURSAIS

UCURSAIS

UCURSAIS

UCURSAIS

São São São São São Paulo Paulo Paulo Paulo Paulo Rua Barão de Itapetininga, 151 -
São
São
São
São
São
Paulo
Paulo
Paulo
Paulo
Paulo
Rua Barão de Itapetininga, 151 - Térreo
Cep
Cep
Cep
Cep ::::: 01042-001 - SÃO PAULO-SP
Cep
TTTTTel.:
el.:
el.:
el.:
el.: 11 3123-2222
Fax
Fax
Fax
Fax ::::: 11 3129-9095
Fax
Representante Representante Representante
Representante
Representante ememememem Brasília:
Brasília: Brasília: Brasília:
Brasília:

CPM Consultoria Planejamento Midia Ltda.

( marcio@marketingcpm.com.br ) * TTTTTel.:

el.:

el.:

el.:

el.: 55-

613034.7448 - SHN Quadra 2 - 15º andar- salas

1514 e 1515 *Executive Office Tower - Brasília

- DF - CEP 70702-905

ISTRIBUIÇÃO

ISTRIBUIÇÃO

ISTRIBUIÇÃO

DDDDD ISTRIBUIÇÃO

ISTRIBUIÇÃO

Rio Rio Rio Rio Rio de Janeiro de de de Janeiro de Janeiro Distribuidora Dirigida Janeiro
Rio
Rio
Rio
Rio
Rio de Janeiro
de
de
de Janeiro
de Janeiro Distribuidora Dirigida
Janeiro
Janeiro
Rua Riachuelo, 114 - Centro
Cep
Cep
Cep
Cep
Cep.:.:.:.:.: 20.230-014
TTTTTel.:
el.:
el.:
el.:
el.: 21-3233-6238
Á REA J UDICIÁRIA
Á REA J UDICIÁRIA

FOLHA DIRIGIDA

31 de março a 6 de abril de 2018

7
7

DDDDDESESESESESTTTTTAAAAAQUE

QUE | Maior oferta de vagas do TRT-RJ é para técnico administrativo, cargo em que o tribunal costuma realizar mais contratações

QUE

QUE

QUE

Técnico do TRT: nível médio. R$7.592

Para técnico administrativo, mil aprovados vão ser classificados

R$7.592,53, passando para R$7.746,73 em junho. Embora sejam oferecidas dez vagas iniciais, serão classifica- dos para o cadastro de reserva do concurso mil aprovados para essa função. Eles poderão ser chamados durante o pra- zo de validade da seleção, de dois anos, podendo dobrar. Vale destacar que o cargo de técnico judiciário da área ad- ministrativa é o que o TRT-RJ costuma realizar o maior nú- mero de convocações em seus concursos. Um bom exemplo é a última seleção, realizada em 2012. Durante o prazo de validade, o tribunal chamou 1.195 aprovados, sendo 818 técnicos administrativos. Os interessados devem reali-

zar a inscrição no site do Insti- tuto AOCP, organizador, até 19 de abril. É necessário preencher o formulário, imprimir o bole- to e pagar a taxa, de R$60 para técnico ou de R$100 para ana- lista, até o dia 20 do mesmo mês. Antes de efetuar o pagamen- to, o candidato deve ler aten- tamente o edital, disponível gra- tuitamente na FOLHA DIRI- GIDA Online, para ver se pos- sui todos os requisitos para par- ticipar da seleção. Membros de família de baixa renda, inscri- tos no CadÚnico, podem pe- dir isenção. Essa solicitação po- derá ser feita durante todo o período de inscrições, na pá- gina eletrônica do organizador. O resultado está previsto para sair no dia 26 de abril.

Quadro de vagas

Você tem o nível médio e sem- pre sonhou em trabalhar na área judiciária? Então, não
Você tem o nível médio e sem-
pre sonhou em trabalhar na
área judiciária? Então, não perca
a oportunidades do participar
do concurso para o Tribunal
Regional do Trabalho do Rio
de Janeiro (TRT-RJ), que está
com inscrições abertas em seu
concurso para a área de apoio,
na função de técnico judiciá-
rio da área administrativa.
Das 16 vagas iniciais do con-
curso, dez são para técnico da
área administrativa, cargo que
exige apenas o nível médio e
tem remuneração inicial de
Quadro de remuneração

Tribunal também oferece oportunidades em outras funções

Além do técnico judiciário da área administrativa, o TRT-RJ ofe- rece oportunidades em várias ou- tras funções. Para técnico, há tam- bém uma vaga para a especialida- de de segurança e uma para enfer- magem. O primeiro cargo exige nível médio e carteira de habilita- ção na categoria D ou E Já o segun- do requer curso técnico na área e registro no conselho de classe. As remunerações são de R$8.650,18 e R$7.592,53, respectivamente. Já para analista judiciário, ini- cialmente são oferecidas quatro vagas imediatas: uma para a área administrativa (nível superior em qualquer curso), uma para ofi- cial de justiça e dois para a área judiciária (ambos para quem pos- sui formação em Direito). Tam-

bém será formado cadastro de reserva para das área de engenha- ria (Civil, Elétrica e Mecânica) e psicologia. Para os analistas, a remuneração inicial é de R$11.890,82. A exce- ção é o oficial de justiça, que rece- be R$15.164,03. Todos os valores já incluem gratificações e auxílio- alimentação no valor de R$884. Todos os contratados terão di- reito ainda a auxílo-transporte, programa de assistência à saúde, assistência pré-escolar, de R$699 para quem tem dependentes de até cinco anos, e auxílio-natali- dade de R$556,46.

SERVIÇO Edital: Edital: Edital: Edital: Edital: www.folhadirigida.com.br Inscrições: Inscrições: Inscrições: Inscrições: Inscrições: www.institutoaocp.org.br
SERVIÇO
Edital:
Edital:
Edital:
Edital:
Edital: www.folhadirigida.com.br
Inscrições:
Inscrições:
Inscrições:
Inscrições:
Inscrições: www.institutoaocp.org.br

Atrativo a mais: é possível concorrer a mais de um cargo

As provas do concurso es- tão marcadas para o dia 10 de junho. Na parte da manhã, farão as avaliações os candi- datos a técnico judiciário da área administrativa e os ana- listas judiciários das áreas de engenharia e psicologia, além do oficial de justiça. Já no turno da tarde, será as vez dos técni- cos das áreas de segurança e enfermagem e os analistas das áreas administrativa e judici- ária. Com isso, é possível con- correr a dois cargos. Um candidato que tenha o nível médio, por exemplo, pode concorrer às funções de técni-

co da área administrativa (prova

pela manhã) e a técnico da área de segurança (tarde). Quem tem formação em Direito pode dis- putar, se assim desejar, as fun- ções de analista/oficial de jus- tiça (manhã) e analista da área judiciária (tarde). Quem tem formação supe- rior também tem a opção de concorrer a um cargo de ní- vel médio, como o técnico da área administrativa, e a um de 3º grau, como o analista da área administrativa (tarde), por exemplo. No dia 10 de junho, todos os candidatos realizarão pro- vas objetivas e discursivas. Esta última será uma redação para

os candidatos para técnico da área administrativa e um es- tudo de casos para os demais cargos do concurso. Somen- te para técnico da área de se- gurança haverá mais uma eta- pa, composta de prova física, em data ainda a ser definida. Todas essas etapas serão re- alizadas nas cidades do Rio de Janeiro, Barra Mansa, Duque de Caxias, Macaé, Niterói, Nova Iguaçu, São Gonçalo, e Volta Redonda. A prova objetiva contará com 60 questões, sendo 30 de Conhecimentos Gerais e 30 de Conhecimentos Específicos. Em Conhecimentos Gerais, as

disciplinas cobradas serão Lín- gua Portuguesa, Legislação, Noções sobre Direito das Pes- soas com Deficiência e Noções de Informática. Para todos os cargos, as ques- tões de Português terão peso dois, já as demais, peso um. Já as 30 questões de Conheci- mentos Específicos (as disci- plinas variam de cargo para cargo) terão peso três. Para ser aprovado na pro- va objetiva, será preciso ob- ter 50% dos pontos em Co- nhecimentos Básicos e 50% em Conhecimentos Específicos, além de não zerar nenhuma disciplina.

Ficha de Exercícios Os candidatos do concurso para a área de apoio dos TRTs precisam intensificar
Ficha de Exercícios
Os candidatos do concurso para a área de apoio dos TRTs precisam
intensificar ainda mais os estudos, procurando realizar diariamente muitos exercícios
TÉCNICO DOS TRTS
Técnico do TRT: teste comentado de Informática Os candidatos a técnico judiciário da área administrativa dos
Técnico do TRT: teste comentado de Informática
Os candidatos a técnico judiciário da área
administrativa dos concursos para os TRTs
odem conferir abaixo uma bateria de exercí-
cios de Informática. O teste abaixo foi elabo-
rado pelo professor Rodrigo Ribeiro, do curso
online Super Professores. Ao final, confira
gabarito comentado pelo especialista.
a)
linha e coluna.
b)
bussola.google.com.br
tinto (off-site). Ao criarmos um backup no Windows será
b)
cabeçalho e rodapé.
c)
estradas.google.com.br
dado uma extenção *.BKF .Existem 5 tipos de Backup:
c)
linha e parágrafo.
d)
maps.google.com.br
Normal; Incremental; Diferencial; Diário e Cópia.
d)
página e seção.
e)
direcao.google.com.br
e)
imagens e sons.
5
- COMENTÁRIO: LETRA: D - Ao acionarmosa guia
11
- Considerando o MS-WORD 2013 em sua instala-
Layout da Página e opção quebras que encontra-se
6
- Considerando o MS-Excel 2013, versão português em
ção padrão, o recurso que permite ao Word que-
no grupo configurar página , encontraremos a opção
sua instalação padrão, e a planilha a seguir, ao clicar
brar linhas entre as sílabas das palavras (separa-
quebras de página e quebras de seção.
na célula A5 e inserir a fórmula a seguir, pressionando
ção de sílabas ao final de cada linha) é
a tecla <Enter>, será exibido como resultado:
a)
a separação.
6
- COMENTÁRIO: LETRA: B
=SE(A1+B5>B2^2;CONT.SE (D1:D5; "<50");A1+A4*C2)
b)
a hifenização.
=SE(A1+B5>B2^2;CONT.SE(D1:D5;"<50");A1+A4*C2)
INFORMÁTICA
c)
o vocábulo.
CONDIÇÃO: A1+B5>B2^2: 10 > 2² 10>4
d)
centralizar.
VERDADEIRO: CONT.SE(D1:D5;"<50"): 4
1
- Conjunto de teclas muito utilizado em Sistema Ope-
e)
concatenar.
FALSO: A1 + A4*C2: 10 + 2x3 10+6 16
racional como no Windows 7 , para a mudança entre
Logo, =SE (10>4;4;16) 4
as diversas janelas abertas sem opções de esco-
12
- O Google disponibiliza recursos de pesquisa que
lha para o usuário:
facilitam encontrar informações na internet. Caso uma
7
- COMENTÁRIO: LETRA: E
a)
Alt + Esc
pessoa deseje pesquisar por páginas que possu-
HOME Início da linha .
b)
Ctrl + Tab
em as palavras velocidade do jaguar, nessa mes-
END Final da linha .
c)
Shift + Ctrl
ma ordem, e que não possuem a palavra carro, ela
CTRL + HOME Ir para o início do texto:
d)
Alt + Tab
deverá digitar no campo de busca, do site
CTRL + END Ir para o final do texto:
e)
Alt + Print screen
a)
0.
www.google.com.br, a expressão:
b)
4.
a)
velocidade do jaguar -carro
Nesse caso, somente o cursor se move, nada é sele-
2
-
Em termos de tipologia temos basicamente dois
c)
15.
b)
"velocidade do jaguar" -carro
cionado.
tipos de memórias : a primária e a secundária.
d)
36.
c)
"velocidade do jaguar" -não carro
Dicas: Caso o cursor esteja posicionado no começo
Identifique a alternativa que apresenta correta-
e)
74.
d)
velocidade do jaguar -exceto carro
da linha e você utilize SHIFT + END, vai selecionar a
mente uma memória do tipo secundária:
e)
"velocidade do jaguar" -exceto carro
linha inteira.
a)
ROM
7
- Considerando o MS-Word 2013, versão português
Se o cursor estiver posicionado no final da linha e você
b)
RAM
em sua configuração padrão, e um documento con-
GABARITO COMENTADO
queira selecionar a linha toda, clicar em SHIFT + HOME.
c)
SSD
tendo diversas páginas, sabendo que o cursor está
d)
CACHE
posicionado na primeira linha da primeira página, ao
1
- COMENTÁRIO: LETRA: A - Windows possui algu-
8
- COMENTÁRIO: LETRA: E - para acionarmos o
e)
VRAM
pressionar a tecla de atalho CTRL + END, esse cur-
mas teclas que alternam entre janelas citarei elas :
botão iniciar ou Menu iniciar será através do logotipo
sor .Obs: O caractere "+" foi utilizado apenas para a
ALT + TAB Alterna entre janelas exibindo caixa
do Windows (Winkey) ou pela combinação das teclas
3
- Um certo usuário do Microsoft Office Word 2013
interpretação da questão.
de diálogo .
CTRL + ESC .
, querendo utilizar a opção Abrir no aplicativo
a)
continuará posicionado na primeira página, mas no
ALT + ESC Alterna entre janelas sem exibir caixa
através de teclas de Atalho . Qual a combinação
final da primeira linha.
de diálogo .
9
- COMENTÁRIO: LETRA: D
noaplicativo?
b)
continuará posicionado na primeira página, mas no
TECLA DO WINDOWS + TAB Alterna entre jane-
Pressionar a tecla F1 - AJUDA.
a)
ctrl + B
início da última linha.
las ativando o recurso Flip 3D .
Executar a tecla de atalho Ctrl + X - RECORTAR.
b)
ctrl + F12
c)
continuará posicionado na primeira página, mas no
CTRL + F6 Alterna entre janelas de um mesmo
Pressionar a tecla F5 - APRESENTAÇÃO DO INÍCIO.
c)
ctrl + N
final da última linha.
aplicativo .
Executar a tecla de atalho Shift+F5- Apresentação do
d)
ctrl + ESC
d)
será posicionado na última página, na primeira li-
slide do atual .
e)
ctrl
+ O
nha que contenha texto.
2
- COMENTÁRIO: LETRA: C - Memória Primária (RAM
Executar a tecla de atalho Ctrl + Enter - NOVO SLIDE.
e)
será posicionado na última página, no final da últi-
e ROM). Memória Secundária (Dispositivos de armaze-
4
-
Quanto as cópias de segurança (backup), ana-
ma linha que contenha texto.
namentos ) .
10
- COMENTÁRIO: LETRA: D
lise as afirmativas abaixo, dê valores Verdadeiro
O SSD (sigla do inglês solid-state drive) ou unidade de
Google Maps é um serviço de pesquisa e visualiza-
(V) ou Falso (F) e assinale a alternativa que apre-
8
- No Sistema Operacional Windows 7 , ao pressio-
estado sólido é um tipo de dispositivo de armazenamento
ção de mapas e imagens de satélite da Terra gratuito
senta a sequência correta (de cima para baixo):
, sem partes móveis, para armazenamento não volátil
na web fornecido e desenvolvido pela empresa esta-
( ) Dois tipos principais de backup, e também um
nar a tecla (Winkey),
de dados digitais. São, tipicamente, construídos em tor-
dunidense Google. ( maps.google.com.br ) .
dos mais utilizados, são o linear e o matricial.
no de um circuito integrado semicondutor , responsável
Os aplicativos e serviços do google começam com o
(
)
Para que haja segurança não basta a cópia de da-
a)
o sistema operacional será desligado.
pelo armazenamento, diferindo dos sistemas magnéti-
nome do App antes da palavra google.com e escritas
dos no mesmo dispositivo de armazenamento, tem
b)
o sistema operacional entrará em modo de econo-
cos (como os HDDs e fitas LTO) ou óticos (discos como
em inglês. Ex:
que fazê-la em um local distinto do de origem.
mia de energia.
CDs e DVDs). Os dispositivos utilizam memória flash (tec-
1- drive.google.com
a)
V - V
c)
será acionado o Windows Explorer.
nologia semelhante as utilizadas em cartões de memó-
2- photos.google.com
b)
V - F
d)
será acionado o gerenciador de tarefas.
ria e pendrives).
3- mail.google.com
c)
F - V
e)
será acionado o menu iniciar.
4- docs.google.com
d)
F – F
3
– COMENTÁRIO: LETRA: B - Lembrando que a op-
5- images.google.com
9
- Considerando o MS-PowerPoint 2013, versão por-
ção ABRIR possui duas teclas de atalho (CTRL + A ou
5
-
Considerando o MS-Word 2013 , versão portu-
tuguês, em sua configuração padrão, assinale a
CTRL + F12) que nos permite utilizarmos a opção ABRIR
11
- COMENTÁRIO: LETRA: B - A hifenização é
guês em sua instalação padrão, no menu “Layout
alternativa que apresenta a forma correta para ini-
.
um processo de separação de palavras, que ocorre
da Página” existe a opção “Quebras”, que pos-
ciar uma apresentação a partir do slide Atual.
a)
Salvar
no final de cada linha de um parágrafo. Podendo ser
sibilita algumas configurações de quebras de
a)
Pressionar a tecla F1.
b)
Abrir
utilizado em vários documentos como: textos científi-
b)
Executar a tecla de atalho Ctrl + X.
c)
Negrito
cos, jornais e livros.
c)
Pressionar a tecla F5.
d)
Acionar o botão iniciar do Windows
Passo a passo no MS- WORD
d)
Executar a tecla de atalho Shift+F5.
e)
Novo
1°) Guia: Layout da Página
e)
Executar a tecla de atalho Ctrl + Enter.
2°) Em Configurar Página: Hifenização
4
- COMENTÁRIO: LETRA: C - O Backup é um proce-
10 -
Acerca do motor de busca na internet www.
dimento de armazenamento em um local seguro , onde
12
- COMENTÁRIO: LETRA: B - Sempre que pes-
google.com.br, o serviço que possibilita visualizar ma-
um acidente de qualquer espécie não danifique a cópia
quisar com "aspas" o que queremos achar e ser qui-
pas e obter rotas de tráfego é o:
e o original . O backup pode ser armazenado na própria
sermos tirar algo da pesquisa devemos utilizar o sinal
a)
gps.google.com.br
instituição (on-site) ou em um lugar geograficamente dis-
de menos (-) para não aparecer na pesquisa.
8
8

FOLHA DIRIGIDA

C IDADES
C IDADES
31 de março a 6 de abril de 2018 LLLLL ITITITITIT ORAL ORAL ORAL ORAL ORAL
31 de março a 6 de abril de 2018
LLLLL ITITITITIT ORAL
ORAL
ORAL
ORAL
ORAL |Vagas também para professores
casos de sucesso
Caraguatatuba: 100 vagas
para agente. Nível médio
Dedicação é equilíbrio na rotina de estudos:
Provas objetivas
do concurso estão
marcadas para
o dia 6 de maio
para cargos de nível médio e
R$52 para superior.
Há 100 vagas para agente de
apoio escolar, que exige nível
médio. O salário é R$1.434,77
para 40 horas de trabalho.
Para nível superior há 40 va-
gas para professor adjunto (Nor-
mal Superior ou Licenciatura em
Pedagogia), que recebe R$954
para carga de 10 horas. Além dis-
so, a seleção tem 12 vagas para
professor de educação básica -
Inglês e cinco para professor de
educação básica - Geografia,
ambos com remuneração de
R$2.490,72 para 30 horas.
A seleção será realizada atra-
vés de uma etapa única: prova
objetiva. Marcada para 6 de
maio, o exame terá questões de
Língua Portuguesa e Conheci-
mentos Específicos, com acrés-
cimo de Matemática e Conhe-
cimentos Gerais para nível
médio e Raciocínio Lógico para
superior.
O prazo de validade da sele-
ção é de seis meses, podendo
ser prorrogado por igual perí-
odo. O tempo de contratação
dos temporários também será
de seis meses.
a receita de Ivone, guarda municipal do Rio
BRUNA SOMMA
bruna.somma@folhadirigida.com.br
A Prefeitura de Caraguatatu-
ba, cidade localizada do litoral
norte do estado e a 178 Km da
capital, recebe inscrições no
processo seletivo com oferta de
157 vagas, em caráter tempo-
rário, em cargos dos níveis mé-
dio e superior.
Os interessados podem se
inscrever até 6 de abril no site
do Instituto Nosso Rumo, orga-
nizador. As taxas custam R$42
SERVIÇO
Inscrições:
Inscrições:
Inscrições:
Inscrições:
Inscrições: wwv.nossorumo.org.br
EEEEE SSSSS TTTTTADO
ADO
ADO
ADO
ADO | Remuneração inicial de R$4.878 mensal
Supervisor de ensino:
novo concurso para 372 vagas
DIVULGAÇÃO
Interessados em fazer parte
dos quadros de pessoal da Secre-
taria Estadual de Educação de São
Paulo poderão se inscrever em
breve em um concurso para 372
vagas de supervisor de ensino.
Poderão participar candidatos
com nível superior completo
em Licenciatura - Pedagogia ou
pós-graduação na área de edu-
cação, para aqueles que tenham
apenas nível superior comum.
É exigida também experiência
profissional de, no mínimo, oito
anos de efetivo no exercício de
magistério, sendo que três anos
devem ser em cargos de gestão
educacional. O concurso foi
autorizado no dia 20 de março.
A remuneração é
R$4.878,15, sendo R$3.243,08
de salário, R$500 de gratifica-
ção de representação e
R$1.135,07 referente à Grati-
ficação de Gestão Educacional.
O supervisor de ensino tem
como função estabelecer o po-
sicionamento dos professores
em seu ambiente de trabalho. Ele
deve também apoiar o grupo de
educadores a qual lidera, organi-
zando e orientando o trabalho
pedagógico desenvolvidos pelos
docentes, assim como auxiliar os
alunos nas Unidades de Ensino.
Os supervisores podem atuar
em setores pedagógicos e admi-
nistrativos da Diretoria de Ensi-
no, Recursos Humanos e acom-
panhamento do projeto pedagó-
gico nas Unidades de Ensino,
bem como realizar visitar a ou-
tros municípios se assim for re-
quisitado a ele. Governador Ge-
raldo Alckmin, que chegou a
anunciar o concurso em 2014,
para o preenchimento de 146
oportunidades imediatas. Na
ocasião, o órgão chegou até mes-
mo a definir a banca organiza-
dora, que seria a Fundação Vu-
nesp. O concurso anterior para
a carreira ocorreu há quase dez
anos, em 2008, e foi organizada
pelo Instituto Cetro. A seleção
contou com prova de conheci-
mentos sobre a formação bási-
ca específica do supervisor, com
duas partes. A primeira teve uma
avaliação objetiva com 80 ques-
tões e a segunda, uma prova dis-
sertativa, com quatro. Para a clas-
sificação final também foram
considerados títulos, com limi-
te de dez pontos. Na ocasião,
foram ofertadas 372 vagas, dis-
putadas por 24 mil inscritos. A
seleção contou com provas ob-
jetivas e discursivas, realizadas no
período da manhã e da tarde, res-
pectivamente. A organizadora foi
a Cetro Concursos.
EEEEE SSSSS TTTTTADO
ADO
ADO
ADO
ADO | Vencimentos iniciais de R$22.178 mensais
PGE-SP inscreve para
100 vagas de procurador
Controlar e fiscalizar o
trânsito de veículos e pedes-
tres pelas ruas da Zona Oes-
te do Rio de Janeiro é a fun-
ção de Ivone dos Santos há
21 anos, quando foi aprova-
da no concurso para guarda
municipal. Essa foi a primei-
ra e única seleção a qual se
candidatou. Ela faz parte do
primeiro grupo de mulheres
a atuarem na área de trânsi-
to da cidade.
“O concurso da GM-Rio
foi o primeiro e único ao qual
me candidatei, fui aprovada
e classificada. Foram ofere-
cidas as primeiras 200 vagas
para mulheres na área de
trânsito, que era realmente
o que eu almejava”, relem-
bra.
Desde que tomou posse, em
1996, Ivone chegou a traba-
lhar dois anos no Grupa-
mento de Ronda Escolar.
Mas, logo voltou a atuar no
trânsito. Ela diz se identifi-
car “com a rotina dinâmica
das ações para promover
fluidez e fiscalização, além
da interação com a popula-
ção que o trabalho propor-
ciona”.
O empenho e profissiona-
lismo permitiram que ela se
tornasse, em 2007, uma das
líderes operacionais do Gru-
pamento Especial de Trânsi-
to da Zona Oeste (GET-Oes-
te). Com 54 anos, Ivone se
diz realizada com seu traba-
lho e pretende se aposentar
como guarda municipal do
Rio de Janeiro.
“Tenho muito orgulho em
poder dizer que ajudo a fa-
zer o trânsito da cidade fluir.
O serviço público nos permi-
te isso, ajudar a cidade, o es-
tado e o país a avançarem”,
orgulha-se.
Ivone dos Santos conta que
soube do concurso para
Guarda Municipal do Rio de
Janeiro, em 1995, enquanto
lia a FOLHA DIRIGIDA. A es-
tabilidade e a oferta de vagas
para atuação no trânsito foram
os motivos que despertaram
seu interesse. “Gosto muito
do dinamismo do trânsito”, as-
segura.
Por não disponibilizar de
tantos recursos tecnológicos
para estudo como hoje, ela
usou os métodos tradicionais
de preparação: muitos cader-
nos, apostilas e provas de con-
cursos anteriores.
“Não cheguei a abdicar da
vida social até porque na época
meus filhos eram pequenos,
apenas alterei a frequência de
algumas atividades. Acho que
o segredo está no equilíbrio e
na dedicação ao tempo sepa-
rado para estudar”, explica.
Na opinião de Ivone, a eta-
pa mais difícil do concurso foi
o teste de aptidão física, que
exigiu além de seu condicio-
namento. “Na época, eu tra-
balhava como segurança e saí
de um plantão de 12h notur-
no para fazer o teste, que foi
bem puxado. A questão psico-
lógica também pesou bastan-
te, pois tínhamos que ter aten-
ção para executar os exercíci-
os corretamente”, relembra.
Quando Ivone entrou para
Guarda Municipal, nos anos
90, o número de homens era
muito superior ao das mulhe-
res. No entanto, ela explica
que o quadro de pessoal ten-
de a ser mais equilibrado,
hoje em dia. A própria GM-
Rio é comandada por uma
mulher, inspetora Tatiana
Mendes.
“Nós, mulheres, temos
muitas ideias e característi-
cas que podem ajudar em
nossa cidade. A mulher tem
um olhar diferenciado, aten-
ção e foco nos detalhes, o que
faz a diferença em trabalhos
que exigem contato com
outras pessoas”, relata a guar-
da municipal.
Para Ivone, a maioria de
homens na corporação não
atrapalha o andamento do
trabalho das mulheres no
dia a dia. “No grupamento
em que trabalho, a maioria
é formada por homens. Mas,
isso não interfere em nada
no nossa rotina de trabalho.
Todos têm muito respeito,
atuam com profissionalismo
e também ajudam uns aos
outros”.
Para todos aqueles que so-
nham com o serviço públi-
co, a guarda Ivone Santos
deixa a seguinte mensagem:
“além de sonhar, busque
sempre obter o melhor de si
através de algo que seja pra-
zeroso. Nunca procure a gra-
tificação financeira como
prioridade e sim a realização
profissional”.
Se você também conquistou sua vaga no serviço público e é um exemplo
de superação, envie seus contatos para o e-mail casosdesucesso@folhadirigida.com.br.
Em breve, sua história poderá ser contada nesta coluna

A Procuradoria Geral do Esta- do de São Paulo (PGE-SP) inscreve até 20 de abril no concurso para 100 vagas de procurador. Os in- teressados devem ter curso de Direito e registro na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Os vencimentos iniciais são

R$22.178,43.

As inscrições já estão abertas e poderão ser efetuadas no site da Vunesp, organizadora da seleção. Os interessados devem quitar a taxa de R$240, através de boleto bancário, até 23 de abril.

A primeira etapa será a prova objetiva, marcada para 20 de maio. Haverá 90 questões, sendo dez para cada disciplina de Direito Constitucional, Direito Processu- al Civil, Direito Civil, Direito Administrativo, Direito de Pes- soal e Previdenciário Público, Direito Ambiendatos deverão passar ainda por avaliação discur- siva, que será realizada em duas fases: serão seis questões e uma peça processual na parte da ma- nhã, além de dez discursivas no turno da tarde. Haverá também

prova oral e de títulos. O concurso terá validade de dois anos, podendo ser prorroga- do por igual período. A atuação será na capital, nas regiontal, Direito Tributário, entre outras. O concurso terá validade de dois anos, podendo ser prorrogado por igual período. A atuação dos ser- vidores será na capital, nas regio- nais (Grande São Paulo, litoral e interior paulista) ou em Brasília.

SERVIÇO Inscrições: Inscrições: Inscrições: Inscrições: Inscrições: www.vunesp.com.br
SERVIÇO
Inscrições:
Inscrições:
Inscrições:
Inscrições:
Inscrições: www.vunesp.com.br

GGGGG RANDE

RANDE SP

RANDE

RANDE

RANDE

SP

SP

SP|Interessados

SP

devem ter o nível médio

GGGGG RANDE

RANDE SP

RANDE

RANDE

RANDE

SP

SP

SP

SP|

Inscrições podem ser feitas até 13 de abril

Prefeitura de Suzano oferece

R$2.696 para guardas. 2º grau

Camara de Embu das Artes inscreve para auxiliar de gabinete

Para os interessados em vagas de nível médio na área adminis- trativa, a Câmara Municipal de Embu das Artes, a cidade a 23 km da capital, oferece 17 oportuni- dades para auxiliar de gabinete. Há dez vagas imediatas e sete em cadastro de reserva. O cargo proporciona remune- ração de R$3.006,64 para carga de 40 horas semanais. Segundo a descrição do cargo, o auxiliar executa serviços como realizar todas as atividades administra- tivas de responsabilidade do ga-

binete do Vereador. A contratação será pelo regime estatutário. As inscrições podem ser reali- zadas no site do Instituto Zam- bini, organizador da seleção, até 5 de abril. O boleto bancário da taxa, de R$67, deve ser quitado até 6 de abril. A única etapa será avaliação objetiva. A convocação para a prova, indicando horário e local da aplicação, será realizada em 27 de abril nos sites da empresa organizadora e da Câmara. Marcada para 6 de maio, a prova

terá 40 questões sobre as disci- plinas de Língua Portuguesa (dez), Matemática (dez) e Conhe- cimentos Específicos (20). A divulgação da classificação final e homologação devem ocorrer em 30 de maio, de acordo com o cronograma previsto. O concurso terá validade de um ano, que pode ser prorrogado por igual período.

SERVIÇO

Inscrições: www.zambini.org.br

Inscrições:

Inscrições:

Inscrições:

Inscrições:

Convocação

Convocação

Convocação

Convocação

Convocação

para

para

para

para

para

prova:

prova:

prova:

prova:

prova:

www.cmembu.sp.gov.br

Interessados devem ter idade de 18 a 35 anos e Carteira Nacional de Habilitação

A Prefeitura de Suzano, na Re- gião Metropolitana de São Pau- lo, inscreverá a partir de 12 de março no concurso público com oferta de 20 vagas de guarda municipal, sendo 14 para ho- mens e seis para mulheres. Para participar, os interessa- dos devem ter nível médio com- pleto, ltura de pelo menos 1,60m (mulheres) ou 1,70m (homens), idade entre 18 e 35 anos e Carteira Nacional de

Habilitação na categoria A/B.

A remuneração inicial é R$2.696,92. Esse valor é compos- to pelo salário base de R$1.728,40, auxilio-alimentação de R$295, auxílio-cesta básica de R$155 e adicional de periculosidade de R$518,52. Os futuros contratados contarão com a estabilidade no emprego, já que o regime de ad- missão será o estatutário. O prazo de inscrição ficará aberto no site da Vunesp, orga- nizadora, das 10h de 12 de mar- ço até o dia 13 de abril. É preciso pagar ainda R$65 de taxa, mas quem estiver desempregado, re- ceber um salário mínimo ou for doador de sangue do município de Suzano poderá solicitar isen- ção desse valor, no período de 12

a 14 de março, no site da banca. Os candidatos terão seus conhe- cimentos testados por meio de seis fases: provas objetivas (mar- cadas para 10 de junho, à tarde), exame antropométrico, teste físi- co, avaliação psicológica, exame médico e pesquisa social. Na parte de múltipla escolha, haverá perguntas de Português, Matemática, Atualidades, No- ções de Informática e Conheci- mentos Específicos. A validade do concurso é de um ano, po- dendo esse prazo ser estendido por igual período.

SERVIÇO

Edital: www.folhadirigida.com.br

Edital:

Edital:

Edital:

Edital:

Inscrições eeeee isenção:

Inscrições Inscrições Inscrições

Inscrições

isenção:

isenção:

isenção:

isenção: https://

www.vunesp.com.br/

8 FOLHA DIRIGIDA C IDADES 31 de março a 6 de abril de 2018 LLLLL ITITITITIT

Á REA DE S EGURANÇA

FOLHA DIRIGIDA

31 de março a 6 de abril de 2018

9
9

EEEEE XPECT

XPECTAAAAATIV TIV TIV TIV

XPECT XPECT XPECT

TIVAAAAA | Serão oferecidos cargos para candidatos com escolaridade dos níveis médio e superior

Polícia Civil 2.500 vagas para concursos

Destaque para

agente, com oferta

de 400 vagas

de nível médio

Após a publicação do edital do concurso para delegado, a expectativa agora é pela divul- gação dos outros editais para mais seis carreiras da Polícia Civil do Estado de São Paulo (PC-SP), que juntas totalizam 2.500 vagas. Procurada, a cor- poração informou, por meio da Assessoria de Imprensa da Secretaria de Segurança Públi- ca do estado, que ainda não há data para publicação desses editais, pois os cronogramas ainda estão sendo finalizados. Será um edital por cargo. No nível médio, as funções contempladas serão agente de polícia, com 400 vagas, auxi-

liar de papiloscopista, com 200, agente de telecomunica- ções, com 300 ofertas, e papi- loscopista, com 200. As remu- nerações, já reajustadas, são de R$3.469,89 para os dois pri- meiros cargos, e R$4.128,07 para os dois últimos. Já no nível superior, ainda faltam sair os editais para es- crivão e investigador. Ambas as carreiras exigem nível su- perior em qualquer área e pro- piciam o mesmo ganho, de R$4.276,27. Em todas as re- munerações, já constam os R$634,78 referentes ao adici- onal de insalubridade. Todos esses concursos serão organizados pela Fundação Vu- nesp, assim como a seleção de delegado. Esses futuros servido- res terão a estabilidade empre- gatícia garantida, já que o regi- me de admissão da Polícia Ci- vil de São Paulo é o estatutário.

Próximos concursos

CARGO

ESCOLARIDADE

VAGAS

SALÁRIO

Agente de telecomunicações

Nível médio

300

R$4.128,07

Agente

Nível médio

400

R$3.469,89

Papiloscopista

Nível médio

200

R$4.128,07

Auxiliar de papiloscopista

Nível médio

200

R$3.469,89

Investigador

Nível superior

600

R$4.276,27

Escrivão

Nível superior

800

R$4.276,27

Delegado: atendimento começa no dia 4 de abril

Polícia Civil do Estado de São Paulo abre isncrições no dia 4 de abril para o concurso com oferta de 250 vagas de delegados, sendo 13 reservadas para defi- cientes. Poderão participar gra- duados em Direito que tenham Carteira Nacional de Habilita- ção B e experiência de dois anos em atividade jurídica ou policial. Os vencimentos iniciais podem chegar a R$10.184,06, somados R$9.507,77 correspondentes aos valores do salário-base, da Gra- tificação pelo Regime Especial de Trabalho Policial, do Adici- onal por Direção da Atividade de Polícia Judiciária e pelo adi- cional de insalubridade de

R$676,29.

As inscrições começarão às 10h de 4 de abril e permance- rão abertas até 2 de maio. Todo procedimento será feito pelo site da Vunesp. Para validar a can- didatura será preciso ainda pa- gar a taxa de R$84,81. Os inte-

ressados que não tiverem aces- so à internet poderão utilizar os computadores do programa Acessa São Paulo para realizar as candidaturas. Doadores de sangue poderão pedir isenção do valor entre os dias 4 e 10 de abril, também pela página eletrônica da or- ganizadora. Estudantes (neste caso de pós-graduação) pode- rão solicitar a redução da taxa em 50%. Caso os pedidos se- jam aceitos, o valor passa a ser de R$42,40. O concurso para admissão na carreira de delegado contará com cinco etapas. São elas: prova objetiva; prova escrita; compro- vação de idoneidade e conduta escorreita mediante investigação social; prova oral e prova de tí- tulos. A prova objetiva será no dia 27 de maio.

SERVIÇO Inscrições Inscrições Inscrições Inscrições ----- www.vunesp.com.br Inscrições
SERVIÇO
Inscrições
Inscrições
Inscrições
Inscrições ----- www.vunesp.com.br
Inscrições

SSSSS ÃOÃOÃOÃOÃO PPPPP AULO

AULO |Serão divulgados dois editais

AULO

AULO

AULO

MP-SP: concurso para cargo de 1º grau

De acordo com o cargo escolhido, vencimentos iniciais chegam a R$12.875

Os dois concursos em pauta do Ministério Público do Esta- do de São Paulo (MP-SP) deve- rão obter avanços a partir de abril. É que no próximo mês ocorrerá a posse do novo pro- curador-geral, por meio de elei- ção. A data em que isso ocorre- rá ainda não foi fechada. No total, serão abertas 67 vagas nos níveis fundamental e superior, em cargos que possibilitam a estabilidade no emprego (devi- do ao regime estatutário de admissão). As remunerações chegam a quase R$12.900. Eletricistas, encanadores, marceneiros, pedreiros, pinto- res e serralheiros serão admi- tidos no primeiro concurso da pasta. A carreira, neste caso, é a de auxiliar de promotoria I,

que virá com 28 oportunida- des. Com exigência somente do nível fundamental, esses profissionais terão remunera- ção acima da média nacional:

R$3.575,13.

Nesse mesmo concurso, que será organizado pela Fundação Vunesp, o MP de São Paulo quer contratar ainda mais nove ana- listas, que precisam ser forma- dos em Administração, Con- tabilidade ou Economia. Esses futuros servidores receberão R$12.875,55 por mês. As duas remunerações, tanto no 2º quanto no 3º grau, já estão so- madas aos R$710 de auxílio-ali- mentação. Está em pauta ainda um ou- tro concurso para a função de analista jurídico, que requer graduação em Direito e propi- cia ganho de R$8.597,23. Nes- se valor, já consta o auxílio-ali- mentação, de R$900. A organi- zadora dessa seleção ainda não foi definida.

Ficha de Exercícios Os candidatos do concurso para delegado da Polícia Civil de São Paulo precisam
Ficha de Exercícios
Os candidatos do concurso para delegado da Polícia Civil de São Paulo precisam
intensificar a os estudos, procurando realizar diariamente muitos exercícios
DELEGADO
Veja novo teste de Direito Constitucional Os candidatos a delegado podem con- ferir abaixo uma bateria
Veja novo teste de Direito Constitucional
Os candidatos a delegado podem con-
ferir abaixo uma bateria de exercícios
de Direito Constitucional. O teste foi ela-
borado por especialista em concursos.
Ao final, confira gabarito comentado pelo
especialista.
tem assegurado o direito de:
diferentes, a primeira que trata da Legalidade pri-
a)
Sigilo das votações.
vada, onde os particulares podem fazer tudo que
b)
O juiz decidir por eles.
a Lei não proíba, temos diferente a legalidade pú-
c)
Votos abertos.
blica voltada para nós futuros servidores “somente
d)
Competência para crimes comuns.
fazer o que está previsto em Lei”.
e)
Competência para crimes culposos con-
Letra B - II –Art. 5º inciso II “ninguém será obri-
tra vida.
gado a fazer ou deixar de fazer alguma coisa senão
em virtude de lei;” Observando que se a condu-
DIREITO CONSTITUCIONAL
07.
Em geral os atos processuais são públi-
ta estiver prevista em Lei ele estará obrigado a
cos, mas de acordo com a Constituição
fazer, exemplo: Serviço militar obrigatório, me-
01.
Considerando a Constituição Federal de
Federal, a lei poderá restringir a publicida-
sário eleitoral etc.
1988, são Poderes dos Municípios:
de dos atos processuais quando o exigi-
Letra C – Art. 5º inciso IX –”é livre a expressão
a)
Judiciário, Executivo e Legislativo;
rem:
da atividade intelectual, artística, científica e de
b)
Executivo e Judiciário;
a)
a defesa da honra ou a vida privada;
comunicação, independentemente de censura ou
c)
Legislativo e Executivo;
b)
a defesa da intimidade ou o interesse social
licença” Lembrando que a Constituição veda a
d)
Judiciário e Legislativo;
c)
a defesa vida privada e o interesse público
Censura ou licença!
e)
Tribunal de Contas e Executivo;
d)
a proteção da imagem e o interesse público
Letra D – Art. 5ºIII - ninguém será submetido a
e)
a proteção da intimidade e a vida privada
tortura nem a tratamento desumano ou degra-
02.
Com relação à Constituição Federal de
dante; A Constituição Federal veda a tortura ou
1988 para a aprovação dos tratados e
08.
Dentre o tema Nacionalidade NÃO é pri-
qualquer tratamento que ofenda a Pessoa hu-
convenções internacionais sobre direitos
vativo de brasileiro nato, o cargo de:
mana.
humanos, de modo a tornar esses acor-
a)
Oficial das Forças Armadas.
Letra E – Art. 5º XIII - é livre o exercício de qual-
dos equivalentes às emendas constitu-
b)
Carreira Diplomática
quer trabalho, ofício ou profissão, atendidas as
cionais, assinale a alternativa CORRE-
c)
Procurador Geral da República
qualificações profissionais que a lei estabelecer;
TA.
d)
Ministro de Estado da Defesa.
Resposta letra E.
a)
A aprovação deve dar-se no Senado, em
e)
Vice Presidente da República
dois turnos, por três quintos dos votos
05.
Gabarito Letra B
dos seus membros.
09.
Com relação à Constituição Federal da
Comentários: A inviolabilidade de domicílio é um
b)
A aprovação deve dar-se em cada Casa
competência dos entes federativos, as-
tema sempre cobrado nos concursos públicos,
do Congresso Nacional, em dois turnos,
sinale a alternativa INCORRETA:
o tema está previsto no Art. 5º XI - a casa é asilo
por três quintos dos votos dos seus res-
a)
É competente o Município para fixar o ho-
inviolável do indivíduo, ninguém nela podendo
pectivos membros.
rário de funcionamento de estabelecimento
penetrar sem consentimento do morador, salvo
c)
A aprovação deve dar-se na Câmara,
comercial;
em caso de flagrante delito ou desastre, ou para
em dois turnos, por três quintos dos vo-
b)
São da competência legislativa privativa
prestar socorro, ou, durante o dia, por determi-
tos dos seus membros.
da União a definição dos crimes de res-
nação judicial. Devemos observar que a deter-
d)
A aprovação deve dar-se pelo Chefe do
ponsabilidade e o estabelecimento das res-
minação judicial a Constituição reserva somen-
Poder Executivo independentemente de
pectivas normas de processo e julgamento;
te no horário diurno, também temos a caracte-
manifestação do Poder Legislativo.
c)
Compete privativamente à União legislar
rística do Princípio da reserva jurisdição – so-
e)
A aprovação deve dar-se em cada Casa
sobre trânsito e transporte;
mente um magistrado detém a competência para
do Congresso Nacional, em dois turnos,
d)
Compete privativamente à União legislar-
praticar tal ato-.
por três quintos dos votos dos seus res-
sobre previdência social;
pectivos membros com a sanção do Pre-
e)
Compete privativamente à União legislar
06.
Gabarito Letra A
sidente da República.
sobre vencimentos dos membros das po-
Comentários: Previsto no Art. 5º XXXVIII - é re-
lícias civil e militar e do corpo de bombei-
conhecida a instituição do júri, com a organiza-
03.
Com base nos direitos e garantias fun-
ros militar do Distrito Federal;
ção que lhe der a lei, assegurados:
damentais previstos na Constituição da
a)
a plenitude de defesa;
República em seu artigo 5º, assinale a
10.
De acordo com a Constituição Federal de
b)
o sigilo das votações;
alternativa correta.
1988, ao Poder judiciário podemos afirmar:
c)
a soberania dos veredictos;
a)
Segundo posição majoritária do Supremo
a)
Lei específica, de iniciativa do Supremo
d)
a competência para o julgamento dos crimes
Tribunal Federal (STF), a realização de
Tribunal Federal, disporá sobre o Esta-
dolosos contra a vida;
pesquisas em células-tronco embrioná-
tuto da Magistratura;
rias ofende o direito à vida, assim como
b)
ingresso na carreira, cujo cargo inicial será
07.
Gabarito: Letra B
o princípio da dignidade da pessoa hu-
o de juiz substituto, mediante concurso
Comentários: Devemos observar a Publicidade
mana.
público de provas ou de provas e títulos;
dos atos Processuais previstos no Art. 5º LX “a
b)
A proteção do direito à vida tem como
c)
é vedado dedicar-se à atividade político-
lei só poderá restringir a publicidade dos atos pro-
consequência a proibição da pena de mor-
partidária, salvo para se candidatar a Pre-
cessuais quando a defesa da intimidade ou o in-
te em qualquer situação, da prática de
sidente da República;
teresse social o exigirem”;
tortura e da eutanásia;
d)
os Juizes serão vitalícios nos Tribunais,
c)
A indenização por danos material, mo-
após 2 (dois) anos de efetivo exercício;
08.
Gabarito letra C
ral e à imagem abrange as pessoas físi-
e)
é vedado exercer a advocacia no juízo
Comentários:
cas e jurídicas;
ou tribunal do qual se afastou, antes de
Art 12 § 3º São privativos de brasileiro nato os
d)
O preceito constitucional que estabele-
decorridos três anos do afastamento do
cargos:
ce que ninguém é obrigado a fazer ou
cargo por aposentadoria ou exoneração;
I - de Presidente e Vice-Presidente da Repúbli-
deixar de fazer alguma coisa senão em
ca;
virtude de lei veicula a noção genérica
GABARITO COMENTADO
II - de Presidente da Câmara dos Deputados;
do princípio da legalidade voltada para a
III - de Presidente do Senado Federal;
administração pública;
01.
Gabarito Letra C.
IV - de Ministro do Supremo Tribunal Federal;
e)
As pessoas jurídicas de direito privado
Comentários: A nossa Constituição Federal
V - da carreira diplomática;
ou público são destinatárias de todos os
determina em seu Art. 2º que são Poderes da
VI - de oficial das Forças Armadas.
direitos e garantias fundamentais;
União, independentes e harmônicos entre si,
VII - de Ministro de Estado da Defesa
o Legislativo, o Executivo e o Judiciário. Po-
Logo, devemos tomar cuidado que o PGR chefe
04.
Dos Direitos e Garantias Fundamentais
rem, em âmbito Municipal só temos os Pode-
do MPU não necessita ser brasileiro nato.
na Constituição Federal de 1988, assi-
res Executivo a cargo do Prefeito e o Poder
nale a alternativa correta.
Legislativo a cargo da Câmara Municipal.
09.
Gabarito: Letra D
a)
O princípio da legalidade tem a mesma
Comentários: Letra A - Súmula Vinculante 38 - É
aplicabilidade e interpretação para os par-
02.
Gabarito Letra B.
competente o Município para fixar o horário de
ticulares e para a Administração Públi-
Comentários: No título II da Constituição Fe-
funcionamento de estabelecimento comercial.
ca.
deral que trata dos Direitose Garantias Fun-
Letra B - Súmula Vinculante 46 - A definição dos
b)
Ninguém será obrigado a fazer alguma
damentais no Art. 5º § 3º diz que: “os tratados
crimes de responsabilidade e o estabelecimento
coisa, mesmo que tal conduta esteja pre-
e convenções internacionais sobre direitos
das respectivas normas de processo e julgamento
vista em lei.
humanos que forem aprovados, em cada Casa
são da competência legislativa privativa da União.
c)
A expressão da atividade intelectual, ar-
do Congresso Nacional, em dois turnos, por
Letra C -Art. 22. Inciso XI - Compete privativamente
tística e científica será livre, após o li-
três quintos dos votos dos respectivos mem-
à União legislar sobre trânsito e transporte;
cenciamento e a aprovação da censura
bros, serão equivalentes às emendas consti-
Letra D – Cuidado! Não podemos confundir SE-
ética, na forma da lei.
tucionais.” (Incluído pela Emenda Constitucio-
GURIDADE SOCIAL – competência privativa, com
d)
A tortura será admitida, desde que para
nal nº 45, de 2004).
PREVIDÊNCIA SOCIAL – competência concor-
a promoção da segurança da socieda-
rente.
de e do Estado.
03.
Gabarito Letra C.
Letra E - Súmula Vinculante 39Compete privati-
e)
É livre o exercício de qualquer trabalho,
Comentários: letra A - O Supremo Tribunal
vamente à União legislar sobre vencimentos dos
ofício ou profissão, desde que atendidas
Federal (STF) decidiu que as pesquisas com
membros das polícias civil e militar e do corpo de
as qualificações estabelecidas na forma
células-tronco embrionárias não violam o di-
bombeiros militar do Distrito Federal.
da lei.
reito à vida, tampouco a dignidade da pessoa
humana(ADI 3510).
10.
Gabarito Letra E
05.
Assinale a alternativa correta, a respei-
Letra B – Nossa Constituição Federal define
Comentários: Letra A - Art. 93. Lei complemen-
to da inviolabilidade de domicílio previs-
em seu Art. 5º XLVII, alínea “a” que: não have-
tar, de iniciativa do Supremo Tribunal Federal, dis-
to no Art. 5º inciso XI da Constituição Fe-
rá penas de morte, salvo em caso de guerra
porá sobre o Estatuto da Magistratura, observa-
deral de 1988;
declarada, nos termos do art. 84, XIX;
dos os seguintes princípios:
a)
O Ministério Público pode determinar a
Letra C – Previsto no Art. 5ºV - é assegurado o
Letra B – Cuidado! O ingresso na carreira da Ma-
violação de domicílio alheio para a reali-
direito de resposta, proporcional ao agravo, além
gistratura Nacional será no cargo de Juiz Subs-
zação de uma busca e apreensão de ma-
da indenização por dano material, moral ou à
tituto por meio do concurso público de Provas e
teriais e equipamentos que possam servir
imagem. O dano material e a imagem conseguem
Títulos. Não confundir com a regra para os ser-
como prova em um processo.
ser facilmente aplicados para as pessoas físi-
vidores públicos que coloca que a Constituição
b)
Pode-se adentrar a casa de alguém, me-
cas e jurídicas, porem quando observamos o dano
Federal define no Art. 37 II que diz: “a investidura
diante determinação judicial, durante o
moral devemos recorrer a jurisprudência do
em cargo ou emprego público depende de apro-
dia.
Superior Tribunal de Justiça na Súmula 227 - A
vação prévia em concurso público de provas ou
c)
Pode-se adentrar a casa de alguém, me-
pessoa jurídica pode sofrer dano moral.
de provas e títulos, de acordo com a natureza e
diante determinação judicial, durante o
Letra D – O Artigo 5º inciso II da Constituição
a complexidade do cargo ou emprego, na forma
dia ou à noite.
Federal trata da Legalidade privada ou também
prevista em lei, ressalvadas as nomeações para
d)
Só se pode adentrar a casa de alguém
chamada de legalidade ampla, situada nas rela-
cargo em comissão declarado em lei de livre no-
com o seu consentimento, durante o dia
ções entre particulares, diferente da Legalidade
meação e exoneração”
ou à noite.
pública prevista no Artigo 37 caput.
Letra C - Art. 95. Paragrafo único, inciso III é vedado
e)
Entre as possibilidades de violação de
Letra E – Cuidado! Embora, como regra geral,
dedicar-se à atividade político-partidária.
domicílio, inclui-se a realizada em horá-
as pessoas físicas e jurídicas são destinatárias
Letra D - vitaliciedade, que, no primeiro grau,
rio noturno e autorizada por ordem judi-
dos Direitos e garantias Fundamentais, alguns
só será adquirida após dois anos de exercício;
cial.
direitos ou ações não são compatíveis as pes-
Letra E – Trata da famosa quarentena no Art.
soas jurídicas.
95 paragrafo único, é vedado exercer a advo-
06.
De acordo com a Constituição Federal
cacia no juízo ou tribunal do qual se afastou,
no título II que trata dos Direitos e Ga-
04.
Comentários: Letra A - Voltamos ao Prin-
antes de decorridos três anos do afastamento
rantias Fundamentais, o Tribunal do Júri
cípio da Legalidade que tem duas concepções
do cargo por aposentadoria ou exoneração.
Á REA DE S EGURANÇA FOLHA DIRIGIDA 31 de março a 6 de abril de 2018
10
10

FOLHA DIRIGIDA

31 de março a 6 de abril de 2018

Á REA DE S EGURANÇA

SSSSS OLD ADO | São oferecidas 2.700 vagas para interessados de ambos os sexos com escolaridade do nível médio

OLDADO

OLD

OLD

OLD

ADO

ADO

ADO

PM-SP oferece 2.700 vagas até 19 de abril

Interessados ainda

devem ter CNH B e

E. Remuneração

inicial de R$3.049

A Polícia Militar do Estado de São Paulo (PM-SP) inscre- ve até 19 de abril no concur- so com oferta de 2.700 vagas no cargo de soldado. Pode- rão participar interessados com

nível médio e que tenham Car- teira Nacional de Habilitação “B” e “E”. A idade mínima é de 17 anos e a máxima de 30 anos, além de ter, no mínimo, 1,60m de altu- ra se homem e 1,55m de altura se mulher. A remuneração ini- cial para o cargo é de R$3.049,41, já incluindo os ganhos de Regi- me Especial de Trabalho Polici- al (RETP) no valor de

R$1.178,88 e insalubridade no valor de R$691,65.Os interes- sados poderão se cadastrar pelo site da banca, Fundação Vunesp até as 23h59 de 19 de abril. A taxa custa R$50 e poderá ser paga em qualquer agência bancária, utilizando somente o boleto ban- cário gerado no ato da inscri- ção. Na hora de preencher o ca- dastro, o candidato precisará es- colher o local de realização das

provas em um dos seguintes municípios: Araçatuba, Bauru, Campinas, Piracicaba, Presiden- te Prudente, Ribeirão Preto, San- tos, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Paulo e Soro- caba. A seleção terá seis etapas, sen- do elas: prova objetiva e de re- dação; exame de aptidão físi- ca; exames psicológicos; exames de saúde; avaliação de condu-

ta social; e análise de docu- mentos. A prova objetiva e a reda- ção (prova dissertativa), es- tão previstas para serem apli- cadas no dia 3 de junho com quatro horas de duração. A objetiva consistirá em 60 questões sobre as disciplinas de Português, Matemática, Conhecimentos gerais, no- ções básicas de Informática

e noções básicas de Adminis- tração Pública.Já o exame dis- sertativo será composto de uma redação, na qual se es- pera que o candidato produ- za uma dissertação em prosa a partir da leitura de textos au- xiliares. As provas serão apli- cadas no período da tarde.

SERVIÇO Inscrições Inscrições Inscrições Inscrições ----- www.vunesp.com.br Inscrições
SERVIÇO
Inscrições
Inscrições
Inscrições
Inscrições ----- www.vunesp.com.br
Inscrições
 

Programa oficial

 
 
 

Para orientação dos interessados em participar do concurso para soldado da PM-SP, veja

 

mentos, edição e formatação de textos, cabeçalhos, pa-

cutivo.

programa oficial de estudo, elaborado pela Fundação Vunesp. Provas serão em 3 de junho.

rágrafos, fontes, colunas, marcadores simbólicos e numé-

2.3.

Título III – Da Organização do Estado: Capítulo I –

 

ricos, tabelas, impressão, controle de quebras e numera-

Da Administração Pública: Seção I – Disposições Ge-

ção de páginas, legendas, índices, inserção de objetos,

campos predefinidos, caixas de texto. MS-Excel 2010: es-

rais: artigos 111 a 114, e 115 “caput” e incisos I a X, XVIII,

XIX, XXIV, XXVI e XXVII; Capítulo II – Dos Servidores

 

LÍNGUA PORTUGUESA

1.

HISTÓRIA GERAL

1.

Leitura e interpretação de diversos tipos de textos (li-

1.1.

Primeira Guerra Mundial.

trutura básica das planilhas, conceitos de células, linhas,

Públicos do Estado: Seção I – Dos Servidores Públicos

terários e não literários).

1.2.

O nazifascismo e a Segunda Guerra Mundial.

colunas, pastas e gráficos, elaboração de tabelas e gráfi-

Civis: artigo 124 “caput”, e artigos 125 a 137; Seção II –

2.

Sinônimos e antônimos.

1.3.

A Guerra Fria.

cos,

Dos Servidores Públicos Militares; Capítulo III – Da Se-

3.

Sentido próprio e figurado das palavras.

1.4.

Globalização e as políticas neoliberais.

uso de fórmulas, funções e macros, impressão, inserção

gurança Pública: Seção I – Disposições Gerais; Seção

4.

Pontuação.

2.

HISTÓRIA DO BRASIL

de objetos, campos predefinidos, controle de quebras e

III – Da Polícia Militar.

5.

Classes de palavras: substantivo, adjetivo, numeral,

2.1.

A Revolução de 1930 e a Era Vargas.

numeração de páginas, obtenção de dados externos, clas-

2.4.

Título VII – Da Ordem Social: Capítulo III – Da Edu-

pronome, verbo, advérbio, preposição e conjunção:

2.2.

As Constituições Republicanas.

sificação de dados. MS-PowerPoint 2010: estrutura bási-

cação, da Cultura e dos Esportes e Lazer: Seção I – Da

emprego e sentido que imprimem às relações que esta-

2.3.

A estrutura política e os movimentos sociais no perío-

ca das apresentações, conceitos de slides, anotações,

Educação: artigos 237 a 249 e 251 a 258; Capítulo VII –

 

belecem.

do militar.

régua, guias, cabeçalhos e rodapés, noções de edição e

Da Proteção Especial: Seção I – Da Família, da Criança,

 

6.

Concordância verbal e nominal.

2.4.

A abertura política e a redemocratização do Brasil.

formatação de apresentações, inserção de objetos, nu-

do Adolescente, do Jovem, do Idoso e dos Portadores

7.

Regência verbal e nominal.

3.

GEOGRAFIA GERAL

meração de páginas, botões de ação, animação e transi-

 

de Deficiência.

8.

Colocação pronominal.

3.1.

A nova ordem mundial, o espaço geopolítico e a globa-

ção entre slides. Correio Eletrônico: uso de correio eletrô-

2.5.

Título VIII – Disposições Constitucionais Gerais:

9.

Crase.

lização.

nico, preparo e envio de mensagens, anexação de arqui-

artigos 284 a 291.

 

3.2.

Os principais problemas ambientais.

vos. Internet: Navegação Internet, conceitos de URL, links,

  • 3. LEI Nº 10.261, de 28 de outubro de 1968 – Estatuto

 

MATEMÁTICA

4.

GEOGRAFIA DO BRASIL

sites, busca e impressão de páginas.

dos Funcionários Públicos Civis do Estado.

1.

Números inteiros: operações e propriedades.

4.1.

A natureza brasileira (relevo, hidrografia, clima e ve-

  • 4. LEI Nº 10.177, de 30 de dezembro de 1998 – Regula

2.

Números racionais, representação fracionária e deci-

getação).

NOÇÕES DE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

o processo administrativo no âmbito da Administração

mal: operações e propriedades.

4.2.

A população: crescimento, distribuição, estrutura e mo-

No que se refere à legislação indicada, informa-se que deve

Pública Estadual.

3.

Mínimo múltiplo comum.

vimentos.

ser considerada a legislação atualizada, desde que vigen-

  • 5. LEI COMPLEMENTAR Nº 893, de 09 de março de 2001

4.

Razão e proporção.

4.3.

As atividades econômicas: industrialização e urbani-

te, tendo como base a data da publicação oficial do Edital.

– Institui o Regulamento Disciplinar da Polícia Militar – RDPM.

5.

Porcentagem.

zação, fontes de energia e agropecuária.

 

1.

CONSTITUIÇÃO FEDERAL.

  • 6. LEI COMPLEMENTAR Nº 1.080, de 17 de dezembro

6.

Regra de três simples.

 

4.4.

Os impactos ambientais.

  • 1.1. Título II – Dos Direitos e Garantias Fundamentais:

de 2008 – Institui Plano Geral de Cargos, Vencimentos e

7.

Média aritmética simples.

5.

ATUALIDADES

Capítulo I – Dos Direitos e Deveres Individuais e Coleti-

Salários para os servidores das classes que especifica.

8.

Equação do 1º grau.

Questões relacionadas a fatos políticos, econômicos, so-

 

vos; e Capítulo II – Dos Direitos Sociais;

  • 6.1. Capítulo I – Disposição Preliminar.

9.

Sistema de equações do 1º grau.

ciais e culturais, nacionais e internacionais, ocorridos a partir

  • 1.2. Título III – Da Organização do Estado: Capítulo VII –

  • 6.2. Capítulo II – Do Plano Geral de Cargos, Vencimen-

  • 10. Sistema métrico: medidas de tempo, comprimento,

do 1º de março de 2017, divulgados na mídia local e/ou

Da Administração Pública: Seção I – Disposições Gerais;

tos e Salários: Seção I – Disposições Gerais; Seção II –

superfície e capacidade.

 

nacional.

Seção II – Dos Servidores Públicos; e Seção III – Dos Militares

Do Ingresso; Seção III – Do Estágio Probatório; Seção

  • 11. Relação entre grandezas: tabelas e gráficos.

 

dos Estados, do Distrito Federal e dos Territórios.

IV – Da Jornada de Trabalho, dos Vencimentos e das

  • 12. Noções de geometria: forma, perímetro, área, volu-

NOÇÕES BÁSICAS DE INFORMÁTICA

 
  • 1.3. Título V – Da Defesa do Estado e das Instituições De-

Vantagens Pecuniárias; Seção VII – Da Progressão; Seção

me, teorema de Pitágoras.

MS-Windows 10: conceito de pastas, diretórios, arquivos

mocráticas: Capítulo III – Da Segurança Pública.

VIII – Da Promoção; Seção IX – Da Substituição.

  • 13. Raciocínio lógico.

e atalhos, área de trabalho, área de transferência, manipu-

2.

CONSTITUIÇÃO DO ESTADO DE SÃO PAULO.

  • 6.3. Capítulo IV – Disposições Finais: artigos 54 a 56.

  • 14. Resolução de situações-problema.

lação de arquivos e pastas, uso dos menus, programas e

  • 2.1. Título I – Dos Fundamentos do Estado.

7.

LEI FEDERAL Nº 12.527, de 18 de novembro de 2011

 

aplicativos, interação com o conjunto de aplicativos MS-

  • 2.2. Título II – Da Organização e dos Poderes: Capítulo I –

– Lei de Acesso à Informação; e Decreto n° 58.052, de

 

CONHECIMENTOS GERAIS

Office 2010. MS-Word 2010: estrutura básica dos docu-

Disposições Preliminares; e Capítulo III – Do Poder Exe-

16 de maio de 2012.

 

DDDDDEMAND

EMANDAAAAA | Vagas serão para policial rodoviário federal, cargo que exige curso de nível superior

EMAND

EMAND

EMAND

PRF: ministro volta a confirmar novo concurso

Ministro Raul Jungmann

disse que novo

concurso ocorrerá

ainda em 2018

O ministro da Segurança Públi- ca, Raul Jungmann, voltou a asse- gurar, na última sexta-feira, dia 23, que o concurso da Polícia Rodo- viária Federal (PRF) sairá este ano. “Praticamente no dia em que as- sumi (o ministério), anunciei um concurso. Vamos ter um concur- so ainda este ano para a Polícia Ro- doviária Federal”, garantiu em evento que marcou a inauguração da nova unidade operacional da PRF em Cascavel, no Paraná. As declarações do ministro confirmam as previsões passadas pelo Ministério do Planejamen- to e pelo diretor-geral da Polícia Ro- doviária Federal, Renato Dias. Ambos informaram que a divul- gação do primeiro edital, com 250 vagas, acontecerá neste semestre, ou seja, até junho. O outro edital sairá no próximo semestre. Os critérios para a divisão des- sas vagas por edital ainda não fo- ram informados. É possível que a PRF oferte vagas para determina- das localidades, no primeiro con- curso, e para outras regiões no se- gundo. O diretor-geral da PRF, Renato Dias, também esteve no evento. O titular da corporação comentou que o novo concurso público é pri- mordial para a PRF dar andamento aos trabalhos que realiza. Ele falou

também do desejo de recomposi-

ção total do quadro da corporação e voltou a destacar a necessidade

de concurso para servidores admi- nistrativos. “Mesmo estando no limite de nossa atuação, oferecemos para a sociedade excelentes resultados sociais. O anúncio de novo con- curso é um bom prenúncio de nosso caminho para a necessária recomposição total do efetivo e am- pliação de nossos quadros funci- onais, tanto de policiais quanto de servidores administrativos”, assi- nalou Renato Dias, que já passou essa necessidade ao ministro Jung- mann. Para divulgar o aguardado edi- tal, a PRF depende da publica- ção da portaria autorizativa das vagas, por parte do Ministério do Planejamento. Procurada, a pas- ta não confirmou uma previsão para isso acontecer. Assegurou apenas que a primeira portaria autorizativa, com 250, das 500 vagas, sairá em breve. Tendo a autorização do con- curso oficializada, a PRF não de- morará a divulgar o edital. Essa informação partiu da própria corporação. Segundo a Assesso- ria de Imprensa da PRF, há um grupo de trabalho que mantém os preparativos de concursos re- gularmente. A única pendência para a abertura da seleção é a escolha da organizadora, que será agilizada assim que sair a portaria. Já há até uma minuta do edital pronta, com todas as regras da seleção.

A carreira de policial rodoviário federal é aberta a candidatos com formação superior em qualquer área. A remuneração inicial é de R$9.931, 57. As contratações ocor- rem pelo regime estatutário, que assegura estabelidade. Um dos entraves para o Plane- jamento publicar a portaria auto- rizativa do concurso PRF é a apro- vação do teto salarial no Poder Exe- cutivo federal, de R$5 mil. O go- verno pretende conceder a auto- rização oficialmente para a PRF após a aprovação dessa medida. A opção do Palácio do Planalto é publicar uma Medida Provisória, que tão logo publicada já tem for- ça de lei. Como a proposta é polêmica, é possível que o governo envie à Câmara dos Deputados um pro- jeto de lei. Tudo dependerá da re- sistência feita à mudança. Para dis- cutí-la, o Planejamento se reuni- rá com a Casa Civil nesta quinta, 15. A ideia é, nesse encontro, for- matar as formas de viabilizar o teto de R$5 mil. Esse limite refere-se aos salários dos servidores do Po- der Executivo federal. A ideia do governo é limitar a R$5 mil o teto para esses novos servidores. O último concurso para a PRF foi realizado em 2013 e teve o Cebraspe (antigo Cespe/UnB) como organizador. Foram ofere- cidas mil vagas para o cargo de policial rodoviário federal. A expec- tativa é que o novo edital siga os mesmos padrões do anterior, com relação a estrutura, etapas e crono- grama.

Legislação de Trânsito:

veja que priorizar no estudo da disciplina

Legislação de Trânsito é uma das disciplinas certas no concur- so para a Polícia Rodoviária Fe- deral (PRF). E apesar de sempre ter sido o “carro-chefe” das sele- ções para policial rodoviário fe- deral, no certame anterior, de 2013, houve apenas cinco per- guntas dessa matéria. Mesmo assim, os candidatos não podem negligenciá-la na preparação para o concurso des- se ano, até porque existe a pos- sibilidade de o quantitativo de perguntas voltar a ser elevado, como aconteceu em concursos anteriores. “Nos concursos de 2003 e 2008, 37,5% das questões fo- ram sobre o Código de Trânsi- to Brasileiro. Em 2004, quase 34% das questões eram sobre Legislação de Trânsito. Acredito que o concurso deste ano volte a ter um número mai- or de questões dessa matéria, não menos que 20% do total das perguntas”, apostou o pro- fessor de Legislação de Trânsi- to, Carlos Maximo, que atual- mente leciona em cursos como Degrau Cultural e Cejuris. Por isso, é preciso intenfici- ar o estudo dessa disciplina. No entanto, é necessário ter aten- ção especial a essa matéria por outro motivo: as constantes mu- danças no Código de Trânsito Brasileiro, que certamente se-

rão abordadas nas provas do novo concurso, segundo Carlos Maximo. “Esse código (Lei 9.503/97) já foi alterado mais de 15 vezes desde o último edital, de 2013. Só a Lei 13.281/16 modificou 29 artigos e acrescentou outros seis. O capítulo sobre Infrações de Trânsito sofreu alterações signi- ficativas desde a seleção passa- da, bem como os capítulos sobre Medidas Administrativas, Pena- lidades e Crimes de Trânsito”, pontuou o professor, que também é policial rodoviário federal. E apesar de tantas modifica- ções, será que vale a pena ter como base de estudo o último edital da PRF? O especialista responde. “O estudo pelo edi- tal anterior sempre é um bom guia para início da preparação do candidato. Mas o aluno deve estar atento às mudanças na Le- gislação e evitar o uso de ma- teriais desatualizados, princi- palmente em Legislação de Trânsito, que tem um perfil legislativo muito dinâmico”, indicou, acrescentando que edi- tais de concursos recentes para o Detran e da Polícia Militar podem ser usados na prepara- ção também, por geralmente abordarem essa disciplina. Como dica final, o professor aponta quais falhas não devem ser cometidas pelos que almejam

DIVULGAÇÃO
DIVULGAÇÃO

passar nesse concurso. “Legisla- ção de Trânsito é um tema apai- xonante, viciante às vezes, mas não é a única matéria que cai nessa prova. É comum o aluno gostar tanto dela que acaba deixando de lado as demais disciplinas. O can- didato deve buscar o equilíbrio no estudo. Matérias como Língua Portuguesa, Direito Constitucio- nal, Administrativo e Penal cos- tumam pontuar bastante nas pro- vas da PRF e, por isso, não podem ser menosprezadas nesta fase de preparação pré-edital”, concluiu.

AAAAA UT ORIZAÇÃO | Ministério do Planejamento deve criar 500 vagas para concurso em breve

UTORIZAÇÃO ORIZAÇÃO ORIZAÇÃO ORIZAÇÃO

UT UT UT

PF duplicará efetivo nas fronteiras, diz Jungmann

O concurso da Polícia Fede- ral (PF) servirá para duplicar o efetivo da corporação nas fron- teiras do país. O objetivo da se- leção foi informado pelo mi- nistro da Segurança Pública, Raul Jungmann, na última sex- ta-feira, dia 23. “Ainda este ano estaremos ampliando o contin- gente da PRF e da PF e dupli- cando o efetivo da PF nas fron- teiras”, revelou o titular da pasta à qual a PF é vinculada. Jungmann falou ainda dos de- safios que a corporação enfren- ta todos os dias no combate ao crime nas fronteiras. “É preciso

lembrar que a fronteira do Bra- sil é a terceira maior do mun- do, com 17 mil quilômetros de extensão divididos com dez pa- íses, e este trabalho de reforço precisa ser feito integrando o trabalho das polícias e de ou- tros órgãos como o Ibama.” O concurso da Polícia Fede- ral, cuja autorização foi revela- da pelo ministro Raul Jung- mann, será destinado a preen- cher 500 vagas. A corporação e o Ministério do Planejamento vêm discutindo como será a distribuição dessas vagas pelos cargos. A PF já tem uma distri-

buição fechada, que já foi pro- posta ao Planejamento. A princípio, serão 220 vagas de agente, 140 de delegados, 50 de peritos, 60 de escrivães e 30 de papiloscopistas. A con- firmação desta distribuilção, contudo, só acontecerá quando o Planejamento publicar a por- taria autorizativa, o que deve- rá acontecer nos próximos dias. A PF já informou que só se ma- nifestará sobre o concurso quan- do sair o aval for oficializado em Diário Oficial. Como, segundo o Planeja- mento, serão duas portarias au-

torizativas, cada uma com 250 vagas, acredita-se que a PF di- vulgue dois editais. Um seria com 220 vagas de agente e 30 de papiloscopistas, e o outro com 140 vagas de delegados, 50 de peritos e 60 de escrivães. Essa informação ainda não foi con- firmada pelo Planejamento. A pasta garantiu apenas que a pri- meira portaria será publicada no Diário Oficial este semes- tre, ou seja, até junho. A outra sairá no próximo semestre. Podem concorrer às carreiras de agente, escrivão e papilos- copista da PF quem possui

qualquer graduação ou curso de tecnólogo. A corporação exige ainda carteira de habili- tação na categoria B ou superi- or. Os ganhos para os três car- gos são de R$12.441,26, che- gando a R$12.980,50 no ano que vem, quando os seleciona- dos já deverão estar em ativi- dade. Para delegado, a exigência é graduação em Direito e cartei- ra de habilitação na categoria B. Para perito, o requisito é gra- duação em áreas específicas, além, também, da carteira de habilitação. As áreas do perito,

entretanto, ainda não foram re- veladas. A remuneração é de R$23.130,48 para os dois car- gos, chegando a R$24.150,74 no ano que vem. Esses valores não levam em consideração o teto dos gastos públicos, que ainda precisa ser aprovado no Congresso Nacio- nal. A PF contrata pelo regime estatutário, que garante a esta- bilidade. Os últimos concur- sos da PF foram realizados em 2012 (escrivão, delegado, pe- rito e papiloscopista) e 2014 (agente) e são base de estudo para os interessados.

C

IDADES

FOLHA DIRIGIDA

31 de março a 6 de abril de 2018

11
11

GGGGG RANDE SP

RANDE SP

RANDE

RANDE

RANDE

SP