Você está na página 1de 23

3ª Semana do Desenvolvimento

Gastrulação

Professora: Juliana Coelho Aguiar


Laboratório de Morfogênese Celular (Sala F-24) / ICB / UFRJ
jumcoelho@gmail.com
01 / 2016
Resumo da 1ª Semana do Desenvolvimento

• Fertilização
• Formação do zigoto:
o Célula com 2 pró-núcleos
o Fusão do material genético
• Clivagens
• Estágio de mórula
• Formação do blastocisto
• Início da implantação
Resumo da 2ª Semana do Desenvolvimento
• Reação Decidual;

• Formação do Âmnio e da
cavidade amniótica;

• Formação da membrana
exocelômica e do saco vitelínico;

• Proliferação e diferenciação do
trofoblasto:
 Citotrofoblasto contribui
para as vilosidades
coriônicas,
 Sinciciotrofoblasto:
lacunas preenchidas com
sangue materno
3ª semana do desenvolvimento
Gastrulação:
estabelecimento das 3 camadas germinativas

• Gastrulação
• Desenvolvimento da notocorda
• Indução Neural
Linha primitiva
• Por volta do 15º dia.
• Inicia-se como uma faixa espessa de células no epiblasto.
• Alonga-se pela adição de células na extremidade caudal.
• A extremidade cefálica prolifera e forma o nó primitivo.
Linha primitiva
• Linha primitiva  sulco primitivo
• Nó primitivo  fosseta primitiva

• Identificação das extremidades cefálica e caudal.


• Determinação dos eixos corporais
Formação do mesoderma (intra-embrionário)
• Por volta do 16º dia.

•Células do epiblasto migram, através da linha primitiva, para o espaço entre o


endoderma definitivo e o epiblasto para formarem o mesoderma intra-embrionário.
Formação do mesoderma (intra-embrionário)
Formação do mesoderma (intra-embrionário)

• Processo Notocordal
• Mesoderma cardiogênico
• Mesoderma paraxial  mesoderma da cabeça
 somitos
• Mesoderma intermediário
• Mesoderma da placa lateral

Formação das membranas bucofaríngea e cloacal


• Fusão do ectoderma com o endoderma e exclusão do mesoderma nessas áreas.
Formação do ectoderma
• Células que permanecem no epiblasto dão origem ao ectoderma do embrião.
• Diferenciação de parte do ectoderma em placa neural, o restante permanece
como ectoderma superficial.
Conversão do disco
embrionário bilaminar no
disco embrionário
trilaminar
3ª semana de gestação

• Gastrulação
• Desenvolvimento da notocorda
• Indução Neural
Processo notocordal e notocorda
• Células mesenquimais migram cefalicamente do nó e da fosseta primitiva
formando um cordão: o processo notocordal.

• O processo notocordal sofre cavitação (forma-se o canal notocordal) e cresce


até a placa precordal (espessamento do hipoblasto).
Notocorda

• Define o eixo primitivo do embrião.


• Se estende da membrana bucofaríngea ao nó primitivo.
• Serve de base para o desenvolvimento do esqueleto axial.
• Indica o local dos futuros corpos vertebrais.
• Parte degenera quando os corpos vertebrais se formam e
persiste como o núcleo pulposo das vértebras até a infância.

A notocorda tem papel indutor e de geração de padrões no início do desenvolvimento e


Está envolvida na indução dos corpos vertebrais e do tubo neural
Mesoderma intra-embrionário

• Processo Notocordal

•Mesoderma cardiogênico

• Mesoderma paraxial  mesoderma da cabeça


 somitos

• Mesoderma intermediário

• Mesoderma da placa lateral


Mesoderma cardiogênico

• Algumas células migram cefalicamente do lado do processo notocordal.


• Estas celulas se movem em torno da placa precordal, formando a área
cardiogênica.

FFF

FFF
Mesoderma intermediário e mesoderma da placa lateral