Você está na página 1de 72

Página 1

Página 1
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

Índice
Lição 1 – A Bíblia é um Livro Especial .......................................................................................... pg 06
Lição 2 – A Bíblia é uma arma para lutar ..................................................................................... pg 09
Lição 3 – A Bíblia é o caminho para o sucesso............................................................................. pg 13
Lição 4 – A Bíblia, meu alimento diário ........................................................................................ pg 16
Lição 5 – Salmo de Confiança ...................................................................................................... pg 20
Lição 6 – Salmo de Proteção ........................................................................................................ pg 23
Lição 7 – A Isca Perigosa ............................................................................................................... pg 27
Lição 8 – Quem é o meu próximo? ............................................................................................... pg 31
Lição 9 – Somos o Bom Perfume de Cristo................................................................................... pg 35

Orientação para líderes de crianças


  Seu estilo de vida é o maior exemplo que você pode deixar para suas crianças.
 Seu tempo diário com Deus, sua busca e intensidade irão fazer toda a diferença em
 suas ministrações.
 Nunca deixe para estudar a lição na última hora, ela deve ser lida uma semana antes,
 afim de que a verdade ali inserida torne-se realidade para você.
  Conheça suas crianças. Procure visitá-las para saber a realidade de cada uma.
 Ore por elas, para que mudanças aconteçam em suas vidas. Ore para que toda
a oposição das trevas seja quebrada em nome de Jesus Cristo.

 Não esqueça que cada encontro é uma oportunidade para o Espírito
 Santo trabalhar no coração das crianças.
 Não considere seus alunos como seu legado espiritual, pois Jesus
disse a Pedro: “apascenta as minhas ovelhas” (Jo 21:16 b).
Trabalhe para no sentido de imprimir o caráter de Cristo nelas.

 Encerre cada reunião compartilhando um lanche. Não precisa ser algo
 complicado, o objetivo é terem um momento de comunhão.
  Faça cópias das atividades das lições de acordo com o número de participantes.
 Não esqueça que as células de crianças acontecem simultaneamente a dos adultos, com
crianças de todas as idades. Assim, procure atender a todas com sabedoria

Página 2
2

Página 3
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

Página 4
Página 5
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

Lição 1 - A Bíblia um livro especial

Orientação ao Líder de Criança


Querido líder, vamos passar nove semanas despertando em nossas crianças o desejo de ler e
meditar na palavra de Deus.
Para que isso aconteça, teremos que lhes provar que a Bíblia não é um livro comum ou enfadonho,
mas um livro “vivo”, que contém verdades, ensinos sobre o caminho a seguir e que é uma arma
poderosa para destruir todo pensamento ruim que o diabo tenta colocar em suas mentes.
Por se tratar de um livro “vivo” e de ser “alimento”, deve ser lido todos os dias.
Nosso grande desafio será levá-las a ter um período tranquilo todos os dias para meditar na
palavra e torná-la como alimento.
Crianças que se alimentam da palavra são crianças vitoriosas!

Princípio:
Ler a Bíblia é ouvir Deus falar conosco.

Versículo:
“Pois toda Escritura Sagrada é inspirada por Deus...” (II Timóteo 3:16 a)

Quebra-gelo:
Levar uma caixa com alguns livros infantis e uma Bíblia também.
Conversem sobre: Quem escreveu (o autor), para quem escreveu e o assunto escrito.
Após terem analisado todos, pegar a Bíblia em sua mão para que todas as crianças vejam e
falem sobre o seu autor, Deus. Que foi escrita para homens e mulheres, meninos e meninas e o
assunto escrito nela fala exatamente o que vamos ler em II Timóteo 3:16.
Moral: A Bíblia foi escrita por um único autor, Deus, que inspirou todos os homens que a
escreveram; foi escrita para todas as idades e contém tudo o que precisamos para viver bem
como amigos de Deus.

História do dia:
Texto Bíblico: II Timóteo 3:14-16 e Hebreus 4:12-14
Nestes versículos, Paulo está falando para Timóteo, seu discípulo na fé, seu aluno, como nós
professores e líderes somos na vida de vocês. Ele está aconselhando Timóteo a continuar firme
na leitura e prática da palavra de Deus.
Paulo lembra Timóteo que foi desde menino que ele aprendeu a ler e a praticar a palavra, sabe
com quem ele aprendeu? Com sua avó Loide e sua mãe Eunice. Se você ainda não sabe ler, ou
tem dificuldade para entender a Bíblia, peça para a vovó, a mamãe, o papai para que leiam para
você, mas nunca deixe de ouvir e ler a Bíblia.
No verso 16 de II Timóteo 3, Paulo diz a Timóteo que a Bíblia é inspirada por Deus. O que
significa inspirada? Deus usou escritores humanos, é como se tivesse “soprado” suas palavras
para os escritores da Bíblia enquanto colocavam as palavras no papel.
Ler a Bíblia não é como ler um livro comum, pois ao lermos, não entendemos apenas o que o
escritor quis dizer e sim o que Deus, o autor dela quer dizer com aquelas palavras, que sempre
nos são novas ao coração. Podemos ler o mesmo versículo todos os dias, mas a cada dia, ele
falará algo diferente para nós.

Página 6
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

Ao ler a Bíblia somos ensinados com a verdade, nossos erros são condenados, nossa faltas
corrigidas e aprendemos a maneira certa de viver.
Ler a Bíblia mexe com as nossas emoções, pois o autor dela nos conhece muito bem e quando
fala conosco através dela, nos pega lá no mais íntimo de nosso ser.
Podemos entender isto, quando lemos em Hebreus 4:12: “Pois a palavra de Deus é viva e poderosa e
corta mais do que qualquer espada afiada de dois lados. Ela vai até o mais fundo da alma e do
espírito, vai até o íntimo das pessoas e julga o desejo e pensamento do coração delas.”
Ela é viva, porque seu autor está vivo e porque as palavras que foram escritas a milhares de
anos não se tornaram obsoletas, ultrapassadas, como acontece com qualquer livro escrito por
homens, que com o passar do tempo são substituídos, mas a Bíblia não, ela é o livro mais lido e
vendido no mundo, ela nos oferece o caminho para o céu e a sabedoria para a vida diária.
É também eficaz, ou seja, funciona de forma útil, traz resultados rápidos, pois quando lemos e
obedecemos as palavras escritas, elas nos transformam, mudam nossas vidas.

Aplicando a Palavra:
 A Bíblia é um livro muito especial.
 É viva, pois seu autor continua vivo e as palavras e ensinamentos atuais para os nossos dias.
 É afiada como uma espada. Mas como, se não é comprida, nem pontuda, nem feita de aço?
Porque uma espada afiada pode fazer cortes profundos, muitas vezes as palavras que lemos
nela, não são que gostaríamos de ouvir, nos ferem, nos atravessam como uma espada,
 como esta palavra aqui:
 “O salário (pagamento) do pecado é a morte...” (Romanos 6:23 a)
 Quem gostaria de ouvir isto? Se eu pecar morrerei, ficarei separado de Deus. Dói, mas é a
 verdade.
 A espada é usada para separar as coisas, o que é bom e o que não é.
 E eficaz, ativa, quando colocada em prática muda nossa maneira de agir, nos transforma.
 Como por exemplo: “É melhor não prometer nada, do que fazer uma promessa e não cumprir”.
 Eclesiastes 5:5 - Quando obedecemos essa verdade, não fazemos promessas tolas. Como
prometemos que vamos estudar se não estamos com vontade?

Acerto
 Você possui uma Bíblia. Obs: - Seria importante providenciar uma Bíblia para cada criança.
 Você reconhece que a Bíblia é um livro especial?
 Que tudo o que nela está escrito é para você?
 Permite que a espada afiada toque o seu interior e separe da sua vida o que é bom e o que é
 ruim?
 Vamos orar?
Ore pelas crianças para que compreendam a importância da leitura e que se comprometam
em cumprir tudo o que nela está escrito.

Página 7
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

Página 8
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

Lição 2 - A Bíblia é uma arma para lutar

Princípio:
Não adianta possuir uma Bíblia se não souber manuseá-la.

Versículo:
“Recebam a salvação como capacete, e a palavra de Deus como a espada que o Espírito Santo
lhes dá.” (Efésios 6:17)

Quebra-Gelo:
Leve um violão ou um outro instrumento para que as crianças possam tocar.
Deixe que eles tentem tocar e converse sobre não adiantar ter ganho um instrumento se não
souberem manusear. Para se manusear, tocar um instrumento, temos que dedicar tempo para
aprender, praticar e então tocar.
Moral: Não adiante ter uma Bíblia se não souber manusear.

História do dia:
Texto Bíblico: Efésios 6:17 e Mateus 4:1-11.
A medida que vivemos para agradar a Deus, a sua Palavra é a poderosa espada que precisamos
para vencer na vida cristã.
Nos dias bíblicos, a espada era uma das armas mais importantes na guerra. Você e eu temos
que lutar todos os dias e nossa arma mais importante é a palavra de Deus (Efésios 6:17).
Quando Satanás tentou Jesus a agir mal (Mateus 4:1-11), Jesus investiu contra Satanás com a
palavra de Deus. Cada vez que Jesus citava um versículo bíblico, Satanás não tinha outro
recurso seão recuar.
Ele tentou várias vezes fazer Jesus pecar, mas foi derrotado pela palavra de
Deus. Jesus conhecia a palavra de Deus e sabia usá-la. Você sabe?
Antes de ir para o campo de batalha todo o bom soldado pratica com a espada todos os dias.
Isso é o que você e eu precisamos fazer se quisermos vencer a guerra contra o diabo.
Nunca tente vencer o diabo usando palavras suas, pois são palavras humanas, use a palavra
de Deus, pois ela é poderosa, o diabo a conhece muito bem e contra ela, ele não tem
argumentos, pois sabe que tudo o que está escrito vai se cumprir.

Aplicando a Palavra:
Devemos aprender a palavra de Deus e usá-la todos os dias.
 Quando receber o troco a mais no supermercado e for tentado a ficar com o troco, vai lembrar:
 “Não furtarás”. (Êxodo 20:15).
 Quando estiver conversando com seus amigos na escola e ouvir uma piada suja, vai lembrar:
 “Não saia da sua boca nenhuma palavra torpe...” (Efésios 4:29)
 Se você tem o costume de reclamar ao ter que fazer lição de casa, tente repetir: “Fazei tudo
 sem murmurações, nem contendas”. (Filipenses 2:14)
 Quando estiver doente, vai manter seu coração agradecido, pois: “Em tudo dai graças,
 porque esta é a vontade e Deus...” (ITes.5:18)
 Quando vir alguém bebendo ou comprando bebida forte, vai lembrar: “Não vos embriagueis
com vinho, em que há contenda, mas enchei-vos do Espírito.” (Efésios 5 :18)

Página 9
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

Acerto:
 Você está armado? Possui uma Bíblia?
 Procure ter um exemplar para seu uso pessoal.
 A Bíblia é um livro bem grande, não fique assustado. Comece com pequenas porções, o
 importante é ler a Bíblia todos os dias.
 Nunca se esqueça que é a prática e a dedicação que fará de você um soldado que sabe
 manejar bem a sua arma, que é a palavra de Deus.
 Vamos Orar?
Levar as crianças a orar o (Salmo 119:11) “Guardo a tua palavra no meu coração para não
pecar contra ti”.

Página 10
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

COMPLETE

Página 11
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

Página 12
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

Lição 3: A Bíblia é o caminho para o sucesso

Princípio:
A palavra de Deus nos leva ao sucesso.

Versículo:
“Os meus ensinamentos lhe darão uma vida longa e cheia de sucesso”. (Provérbios 3:2)

Quebra-gelo:
Brincar de acertar o alvo. Entregar para cada criança uma folha contendo um alvo, mandar que
todas de olhos fechados, ao ouvir sua voz de “atirar”, tentem acertar o alvo com o dedo
indicador, e só então abram os olhos.
Moral: Para ter sucesso, não basta confiar em mim, preciso ouvir e seguir os ensinamentos de
Deus. Assim, meus olhos espirituais estarão atentos para que eu acerte o alvo.

História do dia:
Texto Bíblico: Salmo 1:1-3 e Josué 1:3.
No Salmo 1 aprendemos que se lermos a palavra de Deus e meditarmos, pensarmos nela, dia e
noite, seremos abençoados. Aprendemos também que, aquele que se alimenta da palavra todos
os dias, será como árvore plantada junto a um rio, seremos bonitos por dentro e por fora, por
dentro seremos tranquilos e por fora, todos verão em nós atos de bondade.
Quando Deus escolheu Josué para ser líder no lugar de Moisés, chamando-o a parte, ele falou-
lhe, dando instruções para ser um líder bem sucedido. Falou-lhe assim: “Fale sempre do que
está escrito no livro da lei. Estude este livro dia e noite e se esforce para viver de acordo com
tudo o que está escrito nele. Se fizer isto, tudo lhe correrá bem, e você terá sucesso”. (Josué 1:8)
Quando queremos ser bem sucedidos, temos sempre que seguir alguém, que já trilhou o
caminho que queremos seguir e foi vitorioso.
Deus, o todo poderoso, é o Criador de todas as coisas, o grande “Eu Sou”, não há ninguém tão
sábio, tão grande, tão bem sucedido como ele.
O seu grande desejo é que sejamos como ele é, por isso, nos deixou tudo escrito, através de
homens inspirados por ele, para nos orientar no caminho que devemos seguir para sermos bem
sucedidos.
A nossa parte é sermos humildes, dedicados e comprometidos em estar todos os dias
ouvindo seus ensinamentos através da leitura da palavra.

Aplicando a Palavra
 Quando ouço o que a palavra diz aprendo a:
 Tomar decisões sábias;
 Relacionar-me bem com os outros;
 Aproveitar o meu tempo;
 Cuidar bem do meu dinheiro;
 Resistir aos pensamentos maus;
 Passar o dia alegre;
 E tantas outras infinitas coisas que necessito para viver bem.

Página 13
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

Acerto:
 Quando você tem que tomar alguma decisão, procura na palavra de Deus ensino e
orientação? Ex: Um grande amigo seu brigou com você sem razão, você deve perdoá-lo?
“Porque, se vocês perdoarem as pessoas que ofenderam vocês, o Pai de vocês, que está no
 céu, também perdoará vocês”. (Mateus 6:14)
 Para ter sucesso, devo escolher o que a Bíblia diz, ao invés do que meu coração ou outra
 pessoa diz.
 Vamos orar?
Orar para que todas as decisões sejam tomadas após consultar a Deus, através da sua
palavra.

Página 17

Página 14
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

Página 15
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

Lição 4: A Bíblia, meu alimento diário

Princípio:
Eu tenho que ter prazer na palavra de Deus.

Versículo:
“Como são doces as tuas palavras! São mais doces do que o mel”. (Salmos 119:103)

Quebra-gelo:
Levar um bolo confeitado de chocolate e entregar um pedaço para cada criança.
Orientação: Vocês devem comer juntos o bolo de maneira orientada por você líder, devem comer
devagar, sentindo o sabor delicioso do bolo, apreciar o cheiro, sentir o gosto do recheio, mastigar
bem devagar.
Explicar que se alimentar da palavra de Deus, deve ser assim.
Um momento especial, um momento de prazer, de desfrute, como Davi nos escreveu sobre o
seu tempo com Deus.
“Como são doces as tuas palavras! São mais doces do que o mel”. (Salmos 119:103)
Moral: Ler e meditar na palavra deve ser prazeroso para nós.

História do dia:
Aprendendo a se alimentar da palavra de Deus.
1º - Lugar Certo
Há um lugar certo para se ler a palavra de Deus? Sim.
Da mesma maneira como para fazer as refeições diárias, usamos a mesa, por razão de hábito,
ordem, lugar adequado, para se ler a Bíblia é necessário um lugar tranquilo.
2º - Hora Certa
Há hora certa para comer? Sim.
Da mesma maneira que devo me alimentar nas horas certas, respeitando todo os dias os
mesmos horários. Devo procurar o melhor horário para ler a Bíblia todos os dias.
Talvez antes de ir para a escola pela manhã.
Se ficar sozinho em casa depois da escola, seria uma boa hora para conversar com Deus e ler a
sua palavra.
Ou quem sabe na hora de dormir, mas fique esperto! Para que não seja muito tarde, pois poderá
correr o risco de adormecer lendo ou orando a palavra.
O que devo fazer no período tranquilo?
Pedir ajuda ao Espírito Santo, através de uma oração curta.
“Abre os meus olhos para que eu possa ver as verdades maravilhosas da tua lei”. (Salmos 119:18)
Deixe Deus falar com você através da leitura do versículo que escolheu. Leia o versículo diversas
vezes.
Exemplo: “O Senhor é o meu pastor e nada me faltará”! (Salmos 23:1)
Ao ler várias vezes, faça como fizemos com o bolo de chocolate, pare para pensar no sabor da
verdade que há nestas palavras, no recheio, o conteúdo, as promessas para a sua vida.

Página 16
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

O Senhor, quem é o Senhor? É Deus!


O que Ele é para você? Seu pastor!
O que um pastor faz? Cuida das ovelhas, dá a vida por elas, as ama, as alimenta, não deixa que
nada lhes falte.
Vá pensando e meditando em cada palavra deste versículo e levando estas verdades para o seu
coração. Agora comece a se sentir esta ovelha, sendo cuidada por este pastor que tanto a ama.
Comece a falar com Deus, a agradecer por tê-lo como pastor, por se sentir amada e cuidada por
ele.

Aplicando a palavra:
Dicas: Sempre que for se alimentar de um versículo faça as seguintes perguntas:
 Há alguma coisa nova sobre Deus que preciso aprender?
 Há alguma promessa de Deus para mim?
 Ele quer que eu faça algo?
 Quer que eu deixe de fazer algo?
Você pode escrever o versículo para ajudá-lo a memorizar.
Termine falando com Deus em oração. Agradecendo por ter falado com você.
Conte para ele o seu dia, seus problemas, seus sonhos, peça perdão pelo que tem feito de
errado e peça-lhe ajuda para poder estar junto dele todos os dias. Diga que você o ama, que
quer conhecê-lo mais, que ele é o melhor pai...

Acerto:
 Você tem um tempo tranquilo com Deus todos os dias?
 Gostaria de começar a ter este tempo maravilhoso?
 Vamos orar?
Ore para que as crianças sejam visitadas pelo Espírito Santo, afim de que se encham de
amor pela presença dele e tomem o desafio de estar todos os dias diante do Senhor, para
ler a sua palavra, falar com ele em oração e ser um grande amigo de Deus.

Página 17
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

Página 18
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

Página 19
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

Lição 5 – Salmo de Confiança

Princípio:
Quem confia, descansa.

Versículo:
“O Senhor é o meu pastor; nada me faltará”. (Salmo 23:1)

Quebra-Gelo:
Levar tiras de T.N.T pretas, ou pano para vendar os olhos das crianças, escolha três, mas se
forem poucas, todas podem brincar.
Peça para que fiquem bem próximos a você, pois irá levá-las a um bom lugar. Dar várias voltas
no local, passar por obstáculos, sempre falando e as dirigindo por estes obstáculos, lugares
apertados, e terminar o passeio ainda com olhos vendados. Ajude-as a sentar em seus lugares,
abrace-as com carinho e peça para que tirem as vendas.
Agora é o momento de conversar como se sentiram, se sentiram medo ou se sentiram
segurança, pois confiaram que você estava por perto.
Moral: Quando confiamos no Senhor como nosso pastor é assim, não sabemos como será o
amanhã, o que vai acontecer no futuro, mas como ele está conosco, podemos descansar pois
estamos seguros.

História do Dia:
(Salmo 23:1-6)
Davi escreveu este Salmo para expressar o cuidado de Deus, como um pastor que conduz suas
ovelhas, cuidando dela, que são totalmente fracas e dependentes.
Tenha em sua mão uma máscara de ovelha e escolha uma criança para vesti-la.
Hoje vamos conhecer um pouco sobre ovelhas para entender por que somos chamados por
Deus desta forma.
Você sabia que a ovelha não enxerga bem? E se cair, não consegue levantar sozinha?
Isto a torna muito dependente do pastor, como vocês ficaram na hora do quebra-gelo.
Quando o rei Davi era menino, era pastor de ovelhas. Você sabe o que faz um pastor de ovelhas?
É o responsável pelo cuidado delas. Toda ovelha precisa de água e pasto, o serviço do pastor é
conduzi-las, levá-las onde há alimento suficiente e descanso.
O pastor cuida de cada ovelha individualmente, livra-as de animais predadores como o lobo, urso,
leão... cuida para que fiquem sempre juntas, pois uma ovelha longe se torna uma presa fácil.
O pastor cuida também do físico, do bem estar de suas ovelhas, cuida da enferma até que se
torne sadia.
O caminho certo, onde há alimento, nem sempre é o mais plano, por isso o pastor vai à frente
para conduzir suas ovelhas em um caminho de vida.
A morte é um dos fatos difíceis de lidar na vida. As ovelhas perto do pastor terão uma vida boa,
mas todas morrerão um dia.
O que é a morte? A passagem através de uma porta, um corredor, algo desconhecido para nós.
Esse túnel leva a uma nova vida. Ali encontramos o ser da luz, o Senhor Jesus Cristo. Por que

Página 20
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

então temeríamos qualquer mal? O pastor está ali conosco. Ele nos consola com a sua vara e o
seu cajado. Ele nos conduz de uma vida para a outra.
Sabe para que serve o cajado, que é uma vara comprida com a extremidade retorcida? Para
contar as ovelhas quando recolhidas à noite. Para trazer a ovelha para perto, tocando nas suas
patas, para que volte ao caminho certo. E também para puxá-la, com a parte encurvada, quando
essa cai em buracos ou em lugares íngremes, como penhascos.
As ovelhas conhecem até qual é o cajado do seu pastor pelo cheiro da sua mão, que fica ali
impregnado.
Obs: Líder, procure ter em suas mãos um cajado. Use-os como ilustração ao contar, tocando
cada criança e puxando.
Davi encerra o Salmo dizendo que o pastor prepara também um banquete diante dos inimigos
das ovelhas, para que vejam que suas ovelha lhe são especiais, quando ungir a cabeça com óleo
(tenha em mãos óleo para ungir as “ovelhinhas” e fazer transbordar seus copos de alegria,
entregue para as crianças copinhos com suco de uva).

Aplicando a palavra:
 Ninguém sabe como será seu amanhã, mas como é bom depender do pastor Jesus para
cuidar de nós.

 Sabemos que se cairmos em enfermidade ou tristeza, ele nos levantará.

 Se o caminho for difícil, ele está à nossa frente.

 No dia em que a morte chegar, não temeremos, pois ele estará conosco.

 Que possamos desfrutar da mesa que ele tem preparada para nós todos os dias. Com óleo
da unção, que é a capacitação e o poder para viver, e o cálice transbordante, que é alegria.

Acerto:
 Você tem confiado, descansado em Deus em todos os momentos de sua vida, quer sejam
bons ou ruins?

 Tem buscado estar com ele todos os dias para desfrutar da sua presença?

 Você tem medo da morte?

 Vamos Orar?

Este é o momento em que você líder, deve orar junto das crianças, reconhecendo o Senhor
Jesus como pastor da vida delas, como aquele que as ama e cuida.

Página 21
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

Página 22
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

Lição 6 - Salmo de Proteção

Princípio:
Deus protege seus filhos fieis.

Versículo:
“Se Deus é por nós, quem será contra nós.” (Romanos 8:31)

Quebra-Gelo:
Você líder deve fazer as seguintes perguntas às crianças:
- Quem aqui sente medo do escuro? Quem tem medo de ficar sozinho? Medo de injeção? Medo
de perder os pais?
Leve um objeto qualquer, como uma bolinha por exemplo...apenas para organizar a ordem de cada
um falar...pois a vez de cada um será dada pela posse deste objeto que você líder escolher.
Vá passando a bolinha e deixe que as crianças contem sobre os seus medos. Se você líder tiver
medo de algo, também deve compartilhar quando estiver com a bolinha nas mãos.
Siga a conversa dizendo:
- Todos nós temos medo de alguma coisa, e até existem medos bons, medos saudáveis. Mas
como assim?
- Medo de repetir de ano é bom, porque assim vamos nos esforçar para estudar bastante. Medo
de nos queimar, pois tomaremos mais cuidado ao ficar perto do fogo.
- Mas também existem os medos maus, que nos paralisam, nos causam pânico. Pensamentos
que nos causam medo, insegurança e que não devemos deixar ocupar a nossa mente.
Agora é uma oportunidade para você líder citar alguns dos medos que as crianças relataram e
que você percebeu que são os mais comuns.
Depois de citá-los explique para a todos o nosso objetivo de hoje:
- Hoje vamos aprender a nos proteger em Deus e vencer todos os medos.
Anuncie então o versículo do dia: - “Se Deus é por nós, quem será contra nós.” (Romanos 8:31)
Entregue uma folha com a impressão da Atividade do Versículo do dia para cada grupo de 3
crianças e peça que juntos completem as letras que faltam.

História do Dia:
Salmo 91:1-11 (Leia os 11 versículos do Salmo 91 na Bíblia na Linguagem de Hoje)
Explique para as crianças a mensagem principal do salmo:
Este Salmo indica para nós que existe um lugar onde podemos nos esconder para nos proteger
na hora do medo. Este lugar é na presença de Deus.
Passe a bolinha para uma das crianças responder (se não souber, passe para outra): ‒ Deus Pai
e Deus Filho (Jesus) habitam no céu, mas e Deus Espírito Santo, onde é que ele habita?
Deixe-a responder e complemente: – Se nós já convidamos Jesus Cristo para ser o dono das
nossas vidas, então o Espírito Santo habita dentro de nós, em nosso interior. Por esta razão,
quando estivermos com medo, devemos parar e lembrar que o Espírito Santo está conosco.
Podemos declarar com a nossa boca “Obrigado Senhor porque eu sei que estás comigo”, e
confiar nele, pois ele nos protegerá.

Página 23
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

Aplicando a Palavra:
Pergunte para outra criança: - O que é um Salmo? É uma canção a Deus.
Explique sobre o Salmo 91, dizendo: - Este é o Salmo 91, uma canção ao Deus da nossa
proteção, ele lista os tipos comuns de dificuldades que enfrentamos em nosso dia a dia, e a
vitória por todos os lados daquele que confia no Senhor.
- Pois Deus é quem te livrará dos perigos escondidos, lá na escola ou numa festa quando te
oferecerem uma bala com drogas, ou um cigarro, bebida com álcool... ele te fará forte para dizer
não e te livrará de muitas tristezas. Ele te guardará, livrará de doenças mortais, acidentes e
perigos.
Uma raposa pode destruir a proteção de uma galinha sobre seus pintinhos, pois ela é mais forte
que uma galinha, mas asegurança das asas divinas, de Deus, ninguém pode romper.
Pergunte: - Quem vai responder agora? (Selecione um candidato) -Quanto tempo dura uma
promessa de Deus? Responda e explique mais aspectos do Salmo 91:
Este Salmo 91 tem promessas de Deus para nós! As palavras de Deus nunca perdem a validade!
A promessa é para a criança que confia na palavra de Deus, crê em Jesus Cristo e busca
segurança nele, esta criança estará protegida.
A criança que confia no Senhor não precisa temer a violência, o assalto, o diabo, o escuro...
A criança que teme ao Senhor, pode deitar e dormir tranquilamente, porque o anjo do Senhor
está estacionado à sua porta como um guarda, não duvide! Esta é uma promessa para nós e
está escrita ali no versículo 11.
Enquanto prepara a célula, ore ao Senhor e peça que o lembre de alguma experiência pessoal
em que você tenha tido vitória sobre o medo.
O diabo trabalha dia e noite contra a igreja de Jesus, mas quem confia em Deus não precisa temer.
Pergunte se elas sentem os seus corações cheios de confiança de que Deus está com elas.
Ele nos protegerá de todo perigo. Perto do Senhor, iremos contemplar o livramento que ele nos
dará.
Convide-as para repetir esta pequena oração “Obrigado Senhor porque eu sei que estás comigo”.
Pergunte para uma delas: - Como podemos viver todos os dias da nossa vida sem desanimar ou
temer? Ajude-a a responder: Confiando em Deus e querendo, pedindo que ele seja nosso melhor
amigo.
Pergunte para todos: - Quem de vocês sabe como dar ordem para o medo ir embora?
Ouça as respostas e afirme: - O nome de Jesus tem todo o poder para vencer o mal. É confiando
no nome de Jesus que estamos seguros!

Acerto:
  Este é um momento especial, peça que prestem atenção para responder.
  Você se assusta com a violência que existe no mundo?
 Existe alguma pessoa perto de você na escola ou perto da sua família que ameaça lhes
 fazer mal?
  Quer entregar ao Senhor todos os teus temores e viver livre do medo?
  Vamos Orar?
Deixe que cada criança entregue os seus medos ao Senhor, em silêncio ou orando
baixinho. Desafie-as a orar por 30 segundos, diga que você vai marcar e que elas são
capazes! Em seguida ore com elas.
Tomando posse em nome de Jesus da palavra que receberam hoje do Senhor, e das promessas
que ele lhes faz, na palavra.

Página 24
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

Página 25
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

Página 26
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

Lição 7 - A Isca Perigosa

Princípio:
Ao fazer escolhas devo estar atento para não pecar.

Versículo:
“Não deem ao Diabo oportunidade para tentar vocês”. (Ef. 4:27)

Quebra-gelo:
Vamos conversar sobre pescaria. Pergunte às crianças: Quem já foi numa pescaria? Como foi?
Deixe-os contar seus “causos de pescaria”. Siga a conversa perguntando: Vocês sabem que
cada tipo peixe é atraído por um tipo de isca? E que há lugares específicos onde os peixes são
fisgados com mais facilidade?
Veja os modelos de isca relacionados abaixo para compreender melhor isso. Para pescar o
agulhão (foto) a isca correta é a “isca lula” em pesca de superfície (na linha da água) em alto
mar, longe da costa (a partir de 80 km).

http://economia.uol.com.br/agronegocio/album/2014/01/27/conheca-as-iscas-certas-para-fisgar-peixes-brasileiros.htm?fotoNav=6

Para espécies como cavala a isca é usada com o barco em movimento, em profundidades de
cerca de 6 m. Os peixes a confundem com peixinhos menores, e a atacam.

http://economia.uol.com.br/agronegocio/album/2014/01/27/conheca-as-iscas-certas-para-fisgar-peixes-
brasileiros.htm?fotoNav=9#fotoNav=9

Para se pescar trairão (foto abaixo) se usa isca popper. O anzol passa a maior parte do tempo
escondido por um "peixe" feito de borracha macia. Assim, pode passar, sem enroscar, no meio
de plantas aquáticas onde a traíra se esconde. Quando a isca é mordida, a parte de borracha se
contrai e o anzol aparece.

Página 27
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

Quantas iscas diferentes, não é mesmo?


Hoje vamos aprender a vigiar, para não sermos fisgados pelo mal.
Moral: Assim como os peixes são atraídos por diferentes iscas, nós corremos o risco de sermos
enganados e fisgados pelo mal nas nossas escolhas.

História do dia:
Texto Bíblico: Efésios 4:17-32
Podemos perceber neste texto que várias iscas estão ao nosso redor, no dia-a-dia, nos
convidando para pecar, nos tentando a fazer o que é errado aos olhos de Deus.
Para sermos cristãos verdadeiros, precisamos viver da maneira que Jesus viveu. A Bíblia nos
ensina que devemos deixar para trás tudo o que pode entristecer o Espírito Santo. Isto quer dizer
que nosso papel é ficarmos atentos para não pecar.
O inimigo das nossas almas quer nos ver pecando, pois assim ficamos afastados de Deus. Se
passarmos o dia distraídos, com pensamentos bobos e sem prestar atenção no que falamos ou
fazemos...facilmente somos fisgados pelas iscas perigosas.

Aplicando a palavra:
 Quais são as iscas que o inimigo usa para nos enganar?
 Podem ser pessoas nos convidando para praticar o mal, para irmos num lugar onde não
 devemos, para fazermos aquilo que sabemos que é mal.
 Se o inimigo falar mentiras em nossa mente, devemos repreender o mal, mas se estamos
 distraídos, o que fazemos é engolir esta isca e praticar esse mal.
 Esta batalha entre o bem e o mal acontece dentro da nossa mente. É ali no nosso pensar
que decidimos seguir a Cristo. Por isso temos que ficar bem longe das iscas de satanás e
 não duvidarmos da palavra de Deus, pois ele é verdadeiro, bondoso e justo.
 À primeira vista as tentações parecem coisas boas, assim como a isca parece boa para o
 peixe, mas depois de fisgá-lo, revela do que se trata na verdade.
 Uma mentira pode parecer a solução para fugir da disciplina. Roubar pode parecer mais
rápido do que conquistar. Invejar é mais fácil do que amar. Falar mal dos outros faz mais
sucesso do que ficar quieto. Deixar para depois é menos cansativo do que terminar as
tarefas na hora certa.
 Quando um peixe é fisgado, ele é machucado. Mesmo que seja jogado de volta no mar,
aquela ferida poderá mata-lo. Quando caímos sempre na mesma tentação, este
envolvimento com o pecado vai deixando marcas na nossa vida, que podem nos levar à
morte.

Página 28
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

Acerto:
 Você já reparou que seus pecados costumam ser sempre os mesmos?
 Que tipo de fraqueza você tem? Você já percebeu que o inimigo oferece a isca certinha para
 o tentar a pecar na sua fraqueza?
 O que você tem feito para vencer o mal? Vença o mal com o bem!!!
 Vamos orar?
Para que o Senhor nos revista da sua natureza e nos ajude a viver uma vida parecida com a
de Jesus. Que nos livre das tentações e de todo mal. Amém.

Página 29
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

Página 30
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

Lição 8 - Quem é o meu próximo?

Princípio:
O meu próximo é aquele para quem posso demonstrar o amor de Deus.

Versículo:
“Amarás o Senhor teu Deus, de todo coração, de toda a tua alma, todas as tuas forças e de todo
o teu entendimento; e amarás o teu próximo como a ti mesmo.” Lucas 10:27

Quebra-gelo:
Hoje vamos conversar sobre o kit de primeiros socorros!
Imprima uma via da figura sugerida abaixo ou leve o seu kit, se o tiver.
Recorte cada item, e distribua os recortes entre os presentes.
Peça que cada um explique como usar o item que recebeu. Quando não souberem a utilidade,
você deverá ajudá-los, explicando a todos.
Ao final, troque ideias sobre os tipos de situações em que o kit se faz útil.
Exemplos: quedas de bicicleta, acidentes com cortes, trombada no futebol...enfim, todas as
vezes que nos machucamos, alguém que nos quer bem cuida de nós, e usa o kit de primeiros
socorros para nos ajudar.

Página 31
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

História do dia:
Texto Bíblico: Lc. 10:25-37
Vemos neste texto uma conversa entre Jesus e um doutor da lei (um religioso muito estudado).
Quando o religioso responde sobre a salvação ele recita a bíblia, dizendo: “Amarás o Senhor teu
Deus, de todo coração, de toda a tua alma, todas as tuas forças e de todo o teu entendimento; e
amarás o teu próximo como a ti mesmo.”
Jesus o parabeniza, pois o caminho para o céu é este mesmo; amar a Deus sobre todas as coisas.
Já amar e ajudar o próximo, é somente o reflexo de quem ama ao Senhor verdadeiramente. O
bilhete, ou seja, a entrada para o céu é amar a Deus e reconhecer que enviou seu filho Jesus
para nos amar e nos perdoar os pecados, e não as boas obras que podemos fazer.
Este doutor da lei conhecia toda a teoria de como ser um filho de Deus verdadeiro, mas não havia
colocado isto em prática. É como se ele tivesse um kit de primeiros socorros mas não soubesse como
usá-lo, ele não sabia nada sobre aqueles itens caso precisasse cuidar de si ou de alguém.
Note que no texto o religioso pergunta: “Quem é o meu próximo?”, Jesus respondeu-lhe contando
um fato e lhe fazendo outra pergunta.
Agora é hora de distribuir pedaços de massinha de modelar e contar a história do bom
samaritano... determinando ao longo do texto uma tarefa para cada um confeccionar um
personagem ou objeto da história. Exemplo: a vítima, os ladrões com armas, os bens da vítima, o
sacerdote, o levita, o bom samaritano, o cavalo, o dono da hospedaria, as moedinhas do
pagamento... a hospedaria.
Quando acabar a leitura, pergunte: _ “Quem foi o próximo na história?” Espere-os responder,
finalizar as modelagens e reconte junto com eles toda a história, fazendo com que manuseiem
seus objetos.

Aplicando a Palavra:
Converse sobre a história:
1.Situação de um homem que acabou de sofrer um terrível ataque do inimigo e que morto
precisa de socorro.
2.Atitudes de 2 homens que passaram por ele, um sacerdote (ministro de cultos religiosos) e um
levita (encarregado do serviço no templo), os dois passaram de longe sem prestar socorro.
3.Atitude do samaritano (uma pessoa comum), desprezado pelos religiosos, mas, que sentiu
compaixão pelo homem.
O que fez o samaritano, afinal? Compadeceu-se dele. Imediatamente prestou-lhe os primeiros
socorros, deuvinho, que é símbolo da salvação em Jesus e óleo, que é a cura e unção, ou seja, a
presença do Espírito Santo (Isaías 61:1-3).
4.Carregou-o até uma hospedaria (lugar seguro, lugar de cuidados: célula, igreja). Não basta
aplicar os primeiros socorros. Devemos ajudar esta pessoa a seguir sua caminhada espiritual.
5. Pagou ao dono da hospedaria dois denários e partiu dizendo: “...se alguma coisa gastares a
mais, eu te pagarei quando voltar.” Jesus já pagou o preço para nos conquistar para Deus e nos
promete uma recompensa pelos cuidados que tivermos com o nosso “próximo”.
Significado de próximo: Vizinhos, amigos, parentes dos amigos, nossos parentes e todas as
pessoas que estão feridas na alma pelo inimigo.

Página 32
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

Acerto:
 Você percebe que Deus usa as pessoas mais simples e pode usar você?
 Você entende que cuidar do próximo significa gastar tempo e esforços?
 Você já tem a salvação em Jesus e o poder do Espírito Santo? (Ofereça oração nesta hora,
 tanto para a profissão de fé como para o enchimento do Espírito!)
 Você está preparado para aplicar o kit dos primeiros socorros espirituais, que é levar o
 “próximo” a ser salvo e curado por Jesus?
 Você concorda que, depois dos primeiros socorros devemos levar o “próximo” para um lugar
seguro? Isto é, convidá-lo para frequentar a célula e a igreja, ok? Você fará isto de agora em
 diante?
 Vamos orar:
Sugestão, divida-os em duplas, oriente-os a colocar a mão no ombro do companheiro e
 convide-os a repetir uma oração de poder.
Para que as crianças continuem cumprindo o ministério de Cristo em favor dos que sofrem,
que estão caídos, perseguidos e castigados pelo adversário e que saibam cuidar do seu
próximo e levá-lo para a segurança da família de Deus.

Sugestões em anexo de atividades extra: Visto que o quebra gelo e a encenação com a
massinha já serão bem interativas, já demandarão 1 h. ou mais, sendo suficientes para o
período de um culto ou célula.

Página 33
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

Página 34
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

Lição 9 - Somos o bom perfume de Cristo

Princípio:
O valor do perfume é espalhar seu aroma.

Versículo:
“Como um perfume que se espalha por todos os lugares, somos usados por Deus para que
Cristo seja conhecido por todas as pessoas”. (II Coríntios 2:14b)

Quebra-gelo:
Líder, você deverá ter em mãos dois vidros de perfume, pode ser um seu ou destes comprados
para fazer lembrancinhas. Em um você colocará perfume - para render, pode adicionar um
pouco de álcool.
No outro irá colocar vinagre. Deverá também providenciar uma mosca, que poderá ser um
emaranhado de linha preta para parecer uma mosca presa na própria linha. Coloque os dois
vidros de perfume sobre uma mesa e comece a narrar esta história para as crianças.

“Uma certa manhã, uma mulher, antes de sair de casa, tomou seu banho, escovou seus dentes e
é claro, não podia esquecer de passar o seu perfume predileto, hmm...! Que cheiro bom! “ Abra
o vidro de perfume, passe para cheirarem e deixe-o aberto sobre a mesa. “Meu Deus! Estou
atrasada, preciso ir agora!”
Agora, discretamente, troque o vidro de perfume pelo de vinagre e siga contando a história... “Ela
vai embora deixando o perfume aberto, mas uma mosca que andava por ali, sentiu o cheiro
maravilhoso daquele perfume e voou até a borda do vidro, respirou fundo, hmm! Respirou de
novo, hmm! Ficou embriagada com aquela fragrância maravilhosa e caiu dentro do perfume,
Splash! Se debateu e conseguiu sair, deslizando pelo vidro, tentou subir, fez força, tanta força,
que chegou a borda do vidro, mas ainda estava um pouco tonta e acabou caindo novamente no
perfume, desta vez, foi um tombo fatal, morreu ali, naquele aroma suave” (cortar o fio com uma
tesoura). A mulher, quando voltou para casa, viu que havia esquecido o vidro aberto e correu
para tampá-lo. “Que horror, esqueci o meu perfume tão caro aberto e fecha-o (as crianças
podem tentar avisar que há uma mosca lá, mas a mulher não irá reparar)”.
Passando muitos dias, a mulher volta a querer usar o perfume que tanto gostava, um perfume
caríssimo, mas, ao abrir o vidro sentiu um cheiro horrível!
Deixe com que as crianças peguem o frasco na mão e sintam o aroma ruim. Depois que todos
sentiram o mau cheiro, com a Bíblia na mão, leia para elas na linguagem de hoje o texto de
Eclesiastes 10:1.
“Assim como algumas moscas mortas podem estragar um frasco inteiro de perfume, assim
também uma pequena tolice pode fazer a sabedoria perder o valor”.
Moral: Cuidado com as suas pequenas atitudes, pois podem contaminar o aroma de Cristo que
está dentro de você.

História do dia:
Texto Bíblico: II Coríntios 2:14b
Líder, pegue agora o frasco de perfume verdadeiro, abra para que as crianças apreciem
novamente o cheiro agradável.
Meditar com elas sobre o versículo de (II Coríntios 2:14b), dizendo que da mesma forma que
apreciamos o bom cheiro do perfume quando estamos perto do frasco, assim também, nossos

Página 35
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

amigos de escola, ao estarem conosco, poderão sentir a fragrância de Cristo em nós, através de
nossas atitudes boas.
Explicar que somos o frasco e quando convidamos Jesus para entrar em nossa vida, a boa
fragrância da pessoa dele entra no nosso coração, e a partir deste dia, passamos a carregar seu
aroma, o cheiro da presença de Deus dentro de nós.
Mas, precisamos tomar cuidado! Pois as moscas, que são os pecados, estão a rodear o nosso
frasco querendo entrar e estragar o bom perfume que possuímos.

Aplicando a Palavra:
 Aproveite para perguntar: Quem gostaria de convidar Jesus para entrar na sua vida? Em
seguida peça direção ao Espírito Santo e ore com os que receberam a Cristo como Senhor e
 Salvador das suas vidas.
 Hoje podemos agradecer a Deus por nos ter sido escolhido para carregar a sua fragrância.
 Cuidado! Não deixe o seu frasco aberto para o pecado. Feche as brechas, mude o que precisa ser
mudado. Não permita que a desobediência aos pais, mentiras, maus pensamentos, raiva, brigas
ou palavras torpes entrem em seu frasco, contaminando assim a sua fragrância.

Acerto:
 As atitudes do seu dia a dia fazem você ter cheiro de perfume ou de vinagre no mundo
 espiritual?
 E o seu frasco? Está aberto para a mosca (pecado) entrar?
 Vamos orar?
Pedindo que o bom perfume de Cristo seja exalado pelas nossas palavras e atitudes, e que
todos que têm convívio conosco possam sentir a presença de Jesus através de nós.

Página 36
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

Página 37
MDG – A BÍBLIA E SEUS TESOUROS

A Bíblia e Seus Tesouros


Diário de Lições

Líder de crianças:

Classe/ célula:

Lições:
Crianças
1 2 3 4 5 6 7 8 9

1.

2.

3.

4.

5.

6.

7.

8.

9.

10.

11.

12.

Página 38
Página 0
Página 1
MDG – CONHECENDO JESUS E APRENDENDO A ORAR

Índice
Lição 1 – Jesus, a fonte de água viva! ..........................................................................................pg 04
Lição 2 – Jesus, o bom Pastor! ......................................................................................................pg 09
Lição 3 – Aprendendo a Orar Adorando ........................................................................................pg 13
Lição 4 – Aprendendo a Orar Confessando Meu Pecado ............................................................pg 17
Lição 5 – Aprendendo a Orar Agradecendo a Deus .....................................................................pg 21
Lição 6 – Aprendendo a Orar Suplicando .....................................................................................pg 29
Lição 7 – Lição de Revisão ...........................................................................................................pg 31

Orientação para líderes de crianças


 Seu estilo de vida é o maior exemplo que você pode deixar para suas crianças.
 Seu tempo diário com Deus, sua busca e intensidade irão fazer toda a diferença em suas
ministrações.
 Nunca deixe para estudar a lição na última hora, ela deve ser lida uma semana antes, afim de
que a verdade ali inserida torne-se realidade para você.
 Conheça suas crianças. Procure visitá-las para saber a realidade de cada uma.
 Ore por elas, para que mudanças aconteçam em suas vidas. Ore para que toda a oposição
das trevas seja quebrada em nome de Jesus Cristo.
 Não esqueça que cada encontro é uma oportunidade para o Espírito
Santo trabalhar no coração das crianças.
 Não considere seus alunos como seu legado espiritual, pois Jesus
disse a Pedro: “apascenta as minhas ovelhas” (Jo 21:16 b). Trabalhe
para no sentido de imprimir o caráter de Cristo nelas.
 Encerre cada reunião compartilhando um lanche. Não precisa ser algo
complicado, o objetivo é terem um momento de comunhão.
 Faça cópias das atividades das lições de acordo com o número de participantes.
 Não esqueça que as células de crianças acontecem simultaneamente a dos adultos, com
crianças de todas as idades. Assim, procure atender a todas com sabedoria

Página 2
MDG – CONHECENDO JESUS E APRENDENDO A ORAR

Página 3
MDG – CONHECENDO JESUS E APRENDENDO A ORAR

Lição 1 -
Jesus, a fonte de água viva!

Princípio:
Ninguém pode oferecer o que não tem.

Versículo:
“Rios de água viva vão jorrar do coração de quem crê em mim”. (João 7:38 b)

Quebra-Gelo:
Brincadeira da Pedra e Algodão.
Escolha duas crianças e leve-as para fora da sala ou local do encontro.
Para a primeira dê 2 pedras e para a segunda 2 bolinhas de algodão. Elas devem saber que
precisam ficar em silêncio na hora da brincadeira, apenas deverão obedecer ao que as crianças
pedirem.
Retorne com elas e diga para as demais que vão brincar de pedra e algodão.
Chame primeiro a criança que tem a pedra, as demais não sabem se ela tem pedra ou algodão.
Agora, os voluntários tentarão descobrir em qual mão está o algodão, um de cada vez e com uma
tentativa cada. A criança que tem as pedras terá que por as mãozinhas para trás e fingir fazer a
troca. Permita que várias crianças tentem, sabendo que todas vão errar.
Agora será a vez da criança com o algodão, siga o mesmo processo, com voluntários diferentes
para tentar achar apedra. É claro que vão errar, pois só há algodões desta vez. Concluída a
brincadeira, as duas crianças deverão abrir as duas mãos e mostrar que não têm duas opções,
mas somente uma, ou pedra ou algodão.
Moral:– Ninguém pode dar o que não tem. Jesus é o autor e a fonte da vida, por isso ele pode nos
dar a vida eterna, que pertence a ele. Se uma pessoa não tem Jesus no seu coração, ela não tem
quase nada a oferecer para os outros.

História do Dia:
Texto Bíblico: João 7:37-39
Por ocasião de uma festa muito importante para os judeus, Jesus no meio de todos chamou
atenção dizendo: “Se alguém tem sede, venha a mim e beba”.
O que ele quis dizer com estas palavras é que para receber algo, em primeiro lugar eu preciso
querer como vocês quiseram ao tentar achar o algodão e a pedra.
Naquela festa tinha muita gente, mas nem todas queriam o que Jesus tinha para oferecer, foi por
esta razão que disse: “Se alguém tem sede”, ou seja, se alguém aqui quiser.
Em segundo lugar ele mostra o que tem para oferecer, como as crianças mostraram para vocês
aqui.
Afinal, eu só posso oferecer daquilo que tenho para dar, não é mesmo?
O que tinha Jesus? “Rios de água viva”, não apenas um copo, uma jarra de água, mas uma fonte
inesgotável de água, que quer dizer vida. E o mais maravilhoso é que para aqueles que cressem,
que quisessem, esta fonte iria morar, residir em seu coração, em seu interior para sempre.

Página 4
MDG – CONHECENDO JESUS E APRENDENDO A ORAR

Est
Esta é a imagem de uma nascente de rio, para ilustrar:

Mas, por que Jesus disse um rio? Porque um rio tem correnteza, tem uma grande diversidade de
animais, plantas e não é parado, ele flui sempre se renovando com as águas da nascente, da
fonte.

É assim com a vida daquele que quer Jesus, quem o recebe em seu coração, o rio de Deus começa
a fluir dele, a vida de Deus o enche e a partir de então passa a ter vida para oferecer a outros.

Aplicando a Palavra:
Você pode se perguntar, quer dizer que eu quis Jesus, o convidei e o tenho agora dentro de mim?
Vamos entender bem, Jesus deixou bem claro em sua explicação naquela festa que esta água de
que falava era a pessoa do Espírito Santo, que passaria a morar dentro de cada um que cresse,
ou seja, algo muito superior a água moraria dentro de nós, a vida de Deus passaria a estar em
nós.
Por exemplo, pode acontecer de encontrarmos alguém numa situação muito difícil e não sabermos
como ajudar num primeiro momento, mas nesta hora podemos nos voltar para a fonte de vida
dentro de nós, que é o Espírito Santo e perguntar em oração o que devemos fazer para levar o
amor de Deus até esta pessoa. É certo que ele responderá.
Jesus aproveitou a oportunidade da festa para falar da vida que possuía para oferecer.
Que você também não perca a oportunidade de mostrar para quem estiver por perto: aos seus
amigos, vizinhos, e até aos adultos, pais de amigos ou professores, que Jesus é a fonte de vida e
ele pode ser tudo o que eles precisam.
Talvez eles não demonstrem sede, ou seja, interesse, no momento em que você falar, mas
saberão que em você reside o Rio de Deus e quando quiserem ter isto também, eles poderão ir
até você fazer perguntas sobre a sua fé em Jesus. Então você saberá que Deus já está agindo na
vida desta pessoa. Aleluia!

Página 5
MDG – CONHECENDO JESUS E APRENDENDO A ORAR

Fique atento, quando seu professor estiver triste, quando seu amigo lhe contar um problema,
perceba que esta conversa já é Deus colocando uma oportunidade para você e esta pessoa terem
uma experiência com ele.
Seja forte e corajoso, fale com fé: “Jesus pode todas as coisas!”, que pode ajudar qualquer pessoa
em qualquer situação. Pergunte qual pedido ela quer fazer para Deus. Convide-a para orar naquele
momento. Se ela quiser, ore com ela. Comece a oração pedindo orientação do Espírito Santo, pois
ele guiará você nesta oração.
Ofereça o que tem para dar!!!

Acerto:
 Você tem a fonte de água viva dentro de si?
 Verifique se ali existe alguém que ainda não conhece a Jesus e encoraje-o(s) a fazer o
convite ao Salvador. Também peçam que este rio flua de maneira com que percebam no
seu interior a presença gloriosa do Espírito Santo.
 Você aproveita a oportunidade para falar de Jesus para as pessoas perto de você? Espere
as respostas e os encoraje a começar daqui para sempre!!
 Você tem percebido que quando estão falando de um sentimento ou problema, esta é a
hora de falar de Jesus e oferecer oração? Explique que quando alguém está reclamando
de algo perto de nós, esta pessoa nem sabe, mas ela precisa de oração!
 Vamos Orar?
Aproveite para junto das crianças dizer que Deus é bom, que nos ama, que nos escolheu.
Dizer que reconhecem que Jesus é a fonte de vida, que desejam que o rio de Deus flua no
vosso interior e que o Espírito Santo faça as mudanças necessárias, para que possam ter
vida para oferecer aos outros. Em nome de Jesus, amém.

Página 6
MDG – CONHECENDO JESUS E APRENDENDO A ORAR

Página 7
MDG – CONHECENDO JESUS E APRENDENDO A ORAR

Página 8
MDG – CONHECENDO JESUS E APRENDENDO A ORAR

Lição 2 - Jesus, o bom P


Jesus, o bom Pastor!

Princípio:
Quem ama, se entrega.

Versículo:
“Eu sou o bom pastor. O bom pastor dá a vida pelas ovelhas.” (João 10:11)

Quebra-Gelo:
Fazer uma encenação, você precisará de 5 crianças; uma para ser o caixa do banco, outra para
ser a mãe com um bebê no colo (uma boneca), duas crianças para estarem na fila, atrás da mãe
com um bebê e uma para ser o ladrão.
Elas irão encenar o dia do pagamento, onde as pessoas estão na fila do banco para receber,
quando chega o ladrão armado e diz que vai matar todas, a mãe com o bebê deverá gritar: Não!
Neste momento, você líder vai congelar a cena, fazendo com que todos fiquem como estão.
Você perguntará para as crianças que estiverem assistindo a encenação quem delas teria
coragem de pedir que o ladrão a matasse no lugar destas pessoas!
Moral: Jesus teve coragem de entregar sua alma na morte e morreu em nosso lugar.

História do Dia
Texto bíblico: João 10:10-16.
A história que vamos contar hoje foi contada pelo próprio Jesus, para mostrar para seus seguidores
quem ele é.
Começa falando quem é “ladrão, aquele que vem para roubar, matar e destruir, como aquele que
vimos na encenação que fizemos.
O diabo é um ladrão que nos quer matar e destruir. Ele não nos ama, muito pelo contrário, sente
por nós raiva, porque sabe que somos muito queridos do Pai.
Jesus fala também do “empregado”, pessoas na igreja que cuidam das ovelhas mas o fazem só
por dinheiro, não por amor ao rebanho do Senhor. Pessoas que não estão dispostas a se envolver
(proteger a ovelha) quando o ladrão aparece para matá-la.
Precisamos tomar cuidado para não sermos assim, pois esta é a nossa fraqueza, quem de nós
gostaria de morrer em favor dos que iriam morrer nas mãos do ladrão? Falou ainda do bom pastor
dizendo que ele próprio é o bom pastor, pois foi o único que teve a coragem de dar a vida para
nos resgatar das mãos do diabo (ladrão).
O bom pastor Jesus termina falando que existem ovelhas que ainda não estão no aprisco(igreja),
mas que elas virão e passarão a ouvir-lhe a voz e a tê-lo como seu pastor.

Aplicando a Palavra
Aprendemos hoje com Jesus que precisamos:
 Tomar cuidado com o maligno, pois ele é ladrão de ovelhas e está sempre tentando nos
roubar da presença de Deus, roubando nossos sonhos e a vida feliz que ele planejou para
nós.
 Existem ovelhas que ainda não ouviram a voz do bom pastor, precisamos ir até elas para
trazê-las até Jesus. Saiba: Ovelha gera Ovelha.

Página 9
MDG – CONHECENDO JESUS E APRENDENDO A ORAR

Precisamos tomar cuidado para não nos


 Precisamos tomar cuidado para não nos tornarmos empregados, pois servimos os irmãos
por amor e não por recompensas. Somos filhos do Pai, aqueles que Jesus chamou para
ganhar e cuidar de suas ovelhas aqui na terra. Ele deixou este serviço para a igreja. E nós,
como é que temos realizado esta tarefa? Nos arriscando por ovelhas, ou fugindo com
medo do ladrão?

Acerto
 Você tem sentido algum ataque do ladrão (diabo) em sua vida?
 Na saúde, nos estudos, nos relacionamentos com pais e amigos?
 Você tem se preocupado com seus irmãos da igreja que têm passado por lutas?
 Você tem falado de Jesus para seus colegas da escola ou vizinhos, para que venham a ser
ovelhas de Jesus?
 Você é ovelha de Jesus? Já o convidou para entrar em sua vida e ser o seu pastor?
 Vamos Orar?
É tempo de reconhecer que Jesus é o nosso bom pastor, que deu a vida por nós. De pedir
que nos ensine a amá-lo e a obedecê-lo. Apresentar as ovelhas/crianças que ainda não
chegaram na célula/igreja, mas que elas sejam salvas e façam parte da nossa família da
fé.

Página 10
MDG – CONHECENDO JESUS E APRENDENDO A ORAR

Página 11
MDG – CONHECENDO JESUS E APRENDENDO A ORAR

Página 12
MDG – CONHECENDO JESUS E APRENDENDO A ORAR

Lição 3 – Aprendendo a Orar Adorando

Instrução ao líder de crianças


Agora que já tivemos a oportunidade de apresentar a pessoa de Jesus Cristo para as crianças, é
hora de ensiná-las a orar. Por isso as próximas 5 lições serão neste sentindo:
 Aprendendo a orar, adorando.
Mostrar o quanto o amamos, através de palavras de amor ao Criador e de gratidão ao
Espírito Santo que habita em nós.

 Aprendendo a orar confessando.


Contar nossos pecados a ele, pois precisam de confissão. Não adianta eu orar, sabendo
que o pecado que está em mim impede o Senhor de escutar a minha oração. Preciso
confessar-lhe o meu pecado, um a um, para que o canal de nossa comunicação seja
aberto.

 Aprendendo a orar confessando.


Devo demonstrar gratidão pelo perdão dos pecados, por meio do sangue de Jesus na cruz
e por todas as coisas que ele me tem feito.

 Aprendendo a orar suplicando.


Pedir com humildade, sabendo que ele é a fonte de todas as bênçãos e que todo aquele
que pede, recebe.

 Lição de revisão.
Aprendendo com a Geração Criança a adorar, confessar, agradecer e suplicar. Aleluias!

Princípio:
Só podemos adorar a um Deus quem conhecemos.

Versículo:
“Deus é espírito, e importa que os seus adoradores o adorem em espírito e em verdade”. Jo. 4:24

Quebra-gelo:
Levar uma barra de chocolate e perguntar para as crianças qual delas gosta de chocolate. Para
quem respondeu que sim, pergunte o quanto gosta: Médio, muito, ou muitíssimo.
Médio – gosto, mas posso ficar sem.
Muito – fico feliz quando como.
Muitíssimo – não posso passar sem chocolate.
Agora, pergunte sobre um sentimento diferente de gostar de chocolate. Peça para que falem sobre
quem eles mais amam, gostam, são apaixonados. Deixe que defina o grau, a intensidade a qual
amam esta pessoa (Pai, mãe etc.).
Moral: Nossos sentimentos em relação às pessoas só podem acontecer dentro de nós, na medida
do quanto somos próximos a elas. Ninguém ama ou é apaixonado por quem não conhece.
Com relação a Deus, é algo ainda mais intenso, pois além de conhecê-lo, posso experimentá-lo
dentro de mim, como o chocolate, pois o Espírito Santo passa a residir dentro em mim, quando
convido Jesus para entrar em minha vida, e um sentimento de alegria e paz, passa a tomar conta
de todo o meu ser.

Página 13
MDG – CONHECENDO JESUS E APRENDENDO A ORAR

Histórias do dia:
Texto Bíblico: João 4: 1-30
Deus quer ser conhecido e adorado por todos os homens, não importa qual a raça, cor ou pecados
que tenham cometido.
Para se adorar, gostar exageradamente, ser apaixonado, precisamos conhecer, ser próximo deste
alguém. Foi por esta razão que Deus enviou o seu Filho Jesus para se aproximar do homem, falar
com ele, sofrer e morrer como um homem.
A história de hoje nos conta como Jesus não faz acepção, diferença de pessoas, mas quer ser
conhecido por todos. Quando resolveu entrar na cidade de Samaria, cidade esta que os judeus
tinham muita inimizade, falou com uma mulher, sendo que na época, era proibido um homem
falar com uma mulher em público. Mas Jesus com nada se importou e muito mais que isto, foi ao
encontro da necessidade daquela mulher. Foi até aquele poço onde sabia que a encontraria e
assentou-se a sua espera para ter um contato pessoal, para salvá-la e ser então reconhecido como
Deus, adorado por ela.
Queridos, Deus é amor (I João 4:8). Ele ama a mim e a você, da mesma maneira que amou aquela
mulher.
Ela já havia ouvido falar sobre Jesus. Quanto a Deus, o Criador, sabia que deveria adorá-lo por ter
criado todas as coisas. A tradição do seu povo dizia que deveriam adorar a Deus no monte Gerizim,
o centro de adoração dos samaritanos, mas sabia também que os judeus diziam que era em
Jerusalém que ele deveria ser adorado. Isto era tudo o que ela sabia sobre Deus.
Vocês acham que é possível alguém ser apaixonado por quem tão pouco se conhece? Esta é a
razão pela qual Jesus se aproximou para ser amigo dela. E começou sua conversa não como nós
começamos com quem não conhecemos, como: Será que vai chover? Como está calor hoje não?
Conversou com ela a respeito da água a qual viera buscar, pediu para que lhe desse água e lhe
ofereceu “água viva”.
O Deus que nos ama, quer dar e receber; quer amar e ser amado. Conhece tudo o que somos e
enxerga todos os nossos pecados. Tocou no assunto do seu marido para que confessasse não ter
marido, pois era conhecida por todos como uma mulher de vida fácil, moralmente pervertida.
Jesus falou-lhe ainda sobre os cinco maridos que já tinha tido; mas para ele, nada disso fazia
diferença, a amava da mesma maneira.
Esta revelação de Jesus sobre sua vida íntima a deixou perplexa, achando ser ele um profeta, ela
procurou mudar o assunto, falando da briga entre judeus e samaritanos, sobre o lugar certo de
adorar o Senhor. Jesus lhe deixou bem claro que o lugar de adoração não era importante, mas
que os verdadeiros adoradores adorariam em “Espírito e verdade”.
A conversa dos dois foi até o limite onde ela disse a Jesus que o messias que estava por vir
explicaria estas coisas, e ele lhe revelou ser ele o messias, quando disse: “ Eu o sou” (v.25 e 26).
A mulher se achou então frente a frente com o salvador do mundo. Na mesma hora creu e correu
admirada até a cidade para contar aos outros o acontecido (V 27 a 30).
Jesus naquele dia mudou de posição em sua vida, de longe para perto, de fora para dentro.
Digno de ser adorado, pois agora para ela ele não era mais um estranho, mas alguém que a
conhecia no mais profundo de seu ser.

Página 14
MDG – CONHECENDO JESUS E APRENDENDO A ORAR

Aplicando a Palavra:
 Há ainda em nossos dias, muitas pessoas que conhecem pouco sobre Deus.
 E há muito mais pessoas, que ainda não tiveram um encontro pessoal com Jesus Cristo,
como aquela mulher samaritana teve.
 Se estas pessoas não o conhecem, como poderão adorá-lo. Se não o convidarem para
entrar em suas vidas, como poderão adorá-lo em Espírito (no seu interior) e em verdade.
 Deus não faz diferença entre as pessoas, ama a todas e deseja ser amado por todas.
 Quando Deus nos vê, enxerga todos os nossos pecados, mas isto não muda o seu amor
por nós.
Acerto:
 Você já encontrou com Jesus pessoalmente?
 Você é um verdadeiro adorador?
 Tome a decisão de tornar Jesus conhecido de seus todos.
 Vamos orar?
Pai, queremos dizer-lhe de todo o coração que o amamos e queremos amá-lo cada dia mais, não
só com palavras mais com o nosso viver.
Obs.: Se alguma criança ainda não aceitou a Jesus, ore com ela.

Página 15
MDG – CONHECENDO JESUS E APRENDENDO A ORAR

Página 16
MDG – CONHECENDO JESUS E APRENDENDO A ORAR

Lição 4 – Aprendendo a Orar Confessando Meu Pecado

Princípio:
Se eu permanecer no pecado, Deus não ouvirá a minha oração.
Versículo:
“Mas, se eu tivesse guardado meus pensamentos no coração, o Senhor não teria me ouvido”.
Salmo 66:18.

Quebra-gelo:
Leve um cano de pvc na classe e brinque de falar no ouvido um do outro (Tipo telefone sem fio).
A voz sairá quente e se falarmos alto, irritará o ouvido. Leve também folhas de jornal ou revista
velha para que as crianças façam bolas de papel para colocarem no cano de pvc, até que fique
totalmente entupido. Agora pegue o tubo de pvc e comece a falar, a voz não ultrapassa a barreira
dos papéis.
Moral: O pecado bloqueia a voz de Deus no meu coração e impede a minha oração de ser ouvida
também..
História do dia:
Texto Bíblico: (Isaías 59: 1-3;12;20 e 21; Lucas 19: 1-10)
Desde a queda do homem no pecado, lá no Jardim do Éden, o pecado sempre foi o motivo para
afastá-lo de Deus. Deus nunca desistiu do homem.
No livro de Isaías, vemos ele usando este profeta, para falar ao seu povo por cerca de 40 anos,
durante o reinado de quatro reis em Judá a mesma palavra ao povo, de que eles precisavam se
arrepender dos pecados cometidos, pois oravam e não eram respondidos, qual o motivo? Pecados
não confessados.
Veja as palavras de Isaías ao povo:
“O Senhor não mudou, continua sendo Deus forte e poderoso. Não está surdo para que não os
ouça a oração. O que aconteceu então? Sãos os seus pecados que os separam de Deus e suas
maldades que o fazem se esconder de vocês e não atender as vossas orações. Que tipo de
pecado? Mãos sujas de sangue por crimes praticados, mentiras, lábios que estão sempre dizendo
coisas que não prestam”.
O povo ao ouvir reconheceu a culpa pelos pecados cometidos. O que mudou o coração de Deus.
Ele diz que virá a Sião para salvar as pessoas do seu povo que se arrependerem.
Queridos, Deus não tem compromisso com quem está em pecado e disse ainda mais ao seu povo:
Que iria deixar o Seu Espírito e os ensinamentos da Bíblia para sempre diante deles para que
ensinassem a seus filhos e demais descendentes a não pecar. v 21.
Em Lucas 19: 1-10, vemos como deve ser o coração de quem recebe Jesus em sua casa.
Quando lemos a Bíblia vemos o grande amor que Deus tem pelo pecador.
Certo dia, Jesus estava atravessando a cidade de Jericó, onde morava um homem muito rico
chamado Zaqueu, este era cobrador de impostos e temido pelo povo por roubá-los muitas vezes,
cobrando muito mais do que o necessário. A notícia de que Jesus estava na cidade inquietou este
homem, mas de pequena estatura e a multidão numerosa, decidiu subir em uma figueira brava
para ver Jesus passar.
Para sua surpresa, Jesus o chamou para descer pois iria se hospedar em sua casa. O que pensou
Zaqueu, que honra para mim, hospedar Jesus.

Página 17
MDG – CONHECENDO JESUS E APRENDENDO A ORAR

Sabe o que aconteceu naquela noite? Zaqueu foi confrontado com o seu pecado, arrependeu-se,
confessou-o e mudou de vida.
Quando Jesus entra em nossa vida, o pecado que ali reside tem que sair.
As pessoas que viram Jesus entrar na casa de Zaqueu murmuravam. Como pode Jesus entrar na
casa de um pecador? Mas ao ver aquele homem devolver tudo o que havia roubado ao povo, os
fez acreditar que Jesus mudou a sua história. Há um versículo em I João 1:9 que diz que: se
confessarmos, reconhecendo os nossos pecados, chamá-los pelo nome, como Zaqueu o fez; Deus
é fiel e justo para perdoar os pecados e nos purificar de toda a injustiça, mudar a nossa história
como daquele cobrador injusto, Zaqueu.

“Pecado confessado, pecado perdoado. Oração limpa, oração ouvida”.

Aplicando a Palavra:
 Muitas vezes oramos, oramos e sentimos que a nossa oração não passou do teto, como o
povo de Deus se sentia no tempo do profeta Isaías. O que será que há de errado conosco?
 Se um dia Jesus entrou em nossa casa, como entrou na casa de Zaqueu, não podemos
permitir que o pecado habite em nós.
 Que tipo de pecado? Desobediência, palavras más, brigas e tantas outras coisas que
precisam ser confessadas, uma a uma, para termos de volta o canal da oração limpo.

Acerto:
 O que tem impedido a sua oração? Chame o pecado pelo nome. Confesse-o um a um, para
que o teu pecado no mundo espiritual seja retirado dentre você e Deus.
 Vamos orar?
Permita que cada criança faça sua lista individualmente diante de Deus e em oração,
confesse pecado por pecado para ficar limpo diante do Pai.

Página 18
MDG – CONHECENDO JESUS E APRENDENDO A ORAR

Página 19
MDG – CONHECENDO JESUS E APRENDENDO A ORAR

Página 20
MDG – CONHECENDO JESUS E APRENDENDO A ORAR

Lição 5 – Aprendendo a Orar Agradecendo a Deus

Princípio:
Agradecer é reconhecer a bondade de Deus.

Versículo:
“...Orem sempre com o coração agradecido” Filipenses 4:6b

Quebra-gelo:
Faça a seguinte pergunta para as crianças. Você tem um coração agradecido? Você mostra
gratidão a Deus por tudo o que lhe acontece? Sim ou não?
Entregue o gibi (a seguir) de coisas que devemos agradecer a Deus.
Moral: Deus quer que tenhamos um coração agradecido por tudo o que temos e pelo que nos
acontece.

História do dia:
Texto Bíblico: Lucas 17:11-19. Ler para as crianças o texto na bíblia na linguagem de hoje.
O que aconteceu com aqueles homens foi um tremendo milagre. As pessoas que contraíam lepra
naquela época eram tidas como imundas, não podiam viver no convívio da família e sociedade.
Viviam em cavernas, isolados, junto de outros leprosos. Seus familiares iam de quando em quando
lhes levar alimentos e roupas, deixavam tudo em um determinado lugar, para que eles pudessem
ir buscar, pois a lepra era contagiosa. Eles iam perdendo partes do corpo como dedos, orelhas,
ficando defeituosos até que morriam.
A Bíblia nos conta que Jesus numa de suas viagens passou entre a região de Samaria e Galileia,
e entrando num povoado viu dez leprosos, que pararam de longe e gritaram, pediram que o mestre
tivesse dó deles.
Ao ouvi-los fez com que exercitassem a sua fé. Pediu para que fossem até o sacerdote para que
lhes examinasse, sabe o que isto implicava? Teriam que sair da caverna, ir para a cidade, se
deparar com pessoas sãs. Mas, pela fé foram e no caminho os dez homens foram curados.
Contudo, somente um leproso voltou gritando em alta voz, louvando a Deus, ajoelhou-se aos pés
de Jesus e lhe agradeceu. Jesus lhe disse: “Onde estão os outros nove?”

Aplicando a Palavra:
 Onde estão os outros nove? Cada vez que não agradecemos a Deus pelo que nos faz, fazemos
parte dos nove que não agradeceram.
 Agradeça e diga a Deus que aprecia o que possui e de quem você é.
 Agradeça por sua família, pelo alimento.
 Agradeça acima de tudo por Deus ter enviando Jesus para pagar por seus pecados na cruz.
 Tenha um tempo todos os dias na sua oração, especialmente para agradecer ao Senhor por
tudo o que ele fez por você.
Acerto:
 Você já agradeceu a Deus hoje?
 Vamos começar a agradecer até pelas pequenas coisas?
 Vamos orar?
Deixe que as crianças individualmente e de joelhos façam a sua oração de gratidão, procurando
lembrar-se de tudo o que o Senhor tem feito por eles.

Página 21
MDG – CONHECENDO JESUS E APRENDENDO A ORAR

Quebra-gelo - Montagem do Gibi 1

Página 22
Página 23
MDG – CONHECENDO JESUS E APRENDENDO A ORAR

Quebra-gelo - Montagem do Gibi 2

Página 24
Página 25
MDG – CONHECENDO JESUS E APRENDENDO A ORAR

Quebra-gelo - Montagem do Gibi 3

Página 26
MDG – CONHECENDO JESUS E APRENDENDO A ORAR

Página 27
MDG – CONHECENDO JESUS E APRENDENDO A ORAR

Página 28
MDG – CONHECENDO JESUS E APRENDENDO A ORAR

Lição 6 - Aprendendo a Orar Suplicando

Princípio:
“Quem pede, recebe.”

Versículo:
“Peçam e vocês receberão” Mateus 7:7 a.

Quebra-gelo:
Leve dentro de uma caixa de presentes, vários pacotinhos de presentes que serão bilhetes com
uma das seguintes descrições: Cura da mamãe; salvação do papai; uma casa; salvação dos
amigos; passar de ano; crescimento da igreja; carro para a família; emprego para o papai;
irmãozinho; tornar-me um pastor; tornar-me um professor etc...
Obs.: Tem que ter na caixa um bilhete para cada criança.
Moral: Deus tem para dar a todo aquele que pede. No céu há muitos presentes para nós
reservados, que estão apenas a espera doas nossas orações. Quanto mais vocês pedirem, mais
receberão.

História do dia:
Texto Bíblico: Efésios 6:18 e Mateus 7:7-11
Nunca deixe de suplicar, pedir de maneira humilde quando você conversar, orar a Deus. A Bíblia
nos diz que Deus sabe de tudo o que precisamos, mas o que o Senhor deseja é que com
humildade, reconheçamos que ele é o autor de todas as bênçãos, dos presentes que lhe pedimos.
Em Efésios 6:18, Paulo ensina os irmãos a orar por todo o povo de Deus. É nossa obrigação
queridos, orar pelos pastores, líderes, professores, por todos os nossos irmãos em Cristo, para
que o Senhor os abençoe e guarde de todo o mal.
O próprio Jesus ao nos ensinar a orar em Mateus7:7-11, nos desafia a pedir, a insistir, a buscar e
bater. Cita inclusive um exemplo muito peculiar e familiar para todos nós. Ele cita a figura de um
pai terreno que quando seu filho pede pão, não vai lhe dar uma pedra. E se pedir um peixe, não
lhe dará uma cobra. Se o nosso pai terreno que não é perfeito, sabe nos dar boas coisas, quanto
mais o Pai que está no céu, dará coisas boas aos seus filhos quando pedirem.

Aplicando a Palavra:
 Deus sabe de tudo o que precisamos, mas seu desejo é que oremos pedindo o que queremos.
 Paulo nos ensina a orar por todo o povo de Deus, ou seja, todos os nossos irmãos em Cristo.
 Jesus nos incentivou e desafiou a pedir quando orar ao Pai do céu.
 É desejo de Deus abençoar seus filhos, porque ele é bom.
Acerto
 Você tem orado pelos seus pastores, líderes, professores e irmãos em Cristo?
 Você quando ora, pede de maneira humilde, suplica?
 Vamos orar?
Deixe que cada criança faça a sua oração pela igreja, pelos seus familiares não crentes, pelos
doentes, desabrigados e que façam seus pedidos pessoais a Deus.

Página 29
MDG – CONHECENDO JESUS E APRENDENDO A ORAR

Página 30
MDG – CONHECENDO JESUS E APRENDENDO A ORAR

Lição 7 – Lição de Revisão

Página 31
MDG – CONHECENDO JESUS E APRENDENDO A ORAR

Página 32