Você está na página 1de 23

MATEMÁTICA E SUAS Considerando, inicialmente, a imagem do homem na posi-

ção da figura anteriormente apresentada, obtém-se, após


TECNOLOGIAS a roleta realizar uma rotação de três quartos de volta, no
QUESTÕES 91 A 135 sentido horário, a figura representada em:
A
QUESTÃO 91
Alex, Beatriz e Camila foram convidados a fazerem afir-
mações sobre o número N = 250 + 420.
§§ Alex afirmou que N é múltiplo de 8;
§§ Beatriz afirmou que metade de N é igual a 225 + 410;
§§ Camila afirmou que N é par.
B
Quantas das afirmações feitas pelos participantes são
verdadeiras?
A 0
B 1
C 2
D 3
E 4 C
QUESTÃO 92
Os alunos de um professor pediram que ele cobrasse na
sua prova bimestral exercícios “quase iguais” aos do livro.
Após ampla negociação, ficou acordado que o professor
poderia mudar apenas uma palavra do exercício que ele
escolhesse no livro para cobrar na prova. D
O professor escolheu o seguinte problema no livro:
Problema do Livro:
Os lados de um triângulo medem 3x, 4x e 5x e seu perí-
metro, em cm, mede 3 + ​​dXX
3 ​​ + ​​dXX
6 ​​.  Quanto mede seu menor
lado?
E
E montou o seguinte problema na prova:

Problema da Prova:
Os ângulos de um triângulo medem 3x, 4x e 5x e seu perí-
metro, em cm, mede 3 + ​​dXX
3 ​​ + ​​dXX
6 ​​.  Quanto mede seu menor
lado?
Ao perceber que, mesmo trocando apenas uma palavra
do enunciado, o problema havia ficado muito mais compli- QUESTÃO 94
cado, um aluno ainda pediu uma dica e o professor suge- Matheus marcou, em uma folha quadriculada de 1 × 1 cm,
riu que ele traçasse a altura relativa ao maior lado. três pontos e ligou-os formando o seguinte triângulo:
A resposta correta, em cm, do problema da PROVA é:
A 2.
3 ​​. 
B ​​dXX
C 1.
6 ​​. 
D d​​ XX
E 8.

QUESTÃO 93
Em um círculo recortado em papel cartão foi feito o de-
senho de um homem estilizado. Esse círculo foi utilizado
para montar uma roleta, conforme a figura abaixo, fixada
em uma parede. Quando a roleta é acionada, o círculo
gira livremente em torno do seu centro, e o triângulo indi-
cador permanece fixo na parede.
É correto afirmar que o produto dos lados do triângulo é:
A 10​​dXXX
13 ​​ .
B 20​​dXXX
17 ​​. 
C 10​​dXXXX
221 ​​. 
D 20​​dXXXX
221 ​​. 
E 30.

3 MT - 2º dia
QUESTÃO 95 60º (sessenta graus); em seguida, afastando-se 10 m (dez
metros) em linha reta do ponto A e cravando uma nova
estaca no ponto B, mede-se novamente o ângulo entre o
topo do poste e o solo, que é de 30° (trinta graus).

A partir do procedimento descrito e da figura abaixo, é


CORRETO afirmar que a altura do poste é de, aproxima-
damente:

Considere a expressão numérica A = 0,001/1000 + 82/3 + ​​dXXX


25 ​​. 
É CORRETO afirmar que o valor de A é:
A 9.
B 10.
C 81,003. Dados: sen30° = 0,5; cos 30º = 0,86; tg30º = 0,58
D 69. sen60º = 0,86; cos 60º = 0,5; tg60º = 1,73
E 9,000001. A 8,65 m.
B 5 m.
QUESTÃO 96 C 6,65 m.
O comandante de um navio fez, pela primeira vez, uma D 7,65 m.
rota retilínea AC orientado por um farol F, localizado numa E 4 m.
ilha. Ele pretendia determinar as distâncias do farol F à
rota AC e do ponto inicial A ao farol ​F.​ No início da viagem, QUESTÃO 98
^
o comandante obteve a medida F​​A ​​C   = 30° e, após per-
Para encher um reservatório de água, estão conectadas a
correr 6 milhas marítimas,
​^​
localizando-se em B, ele fez a ele duas torneiras com vazões diferentes. A primeira tor-
medição do ângulo F​​B ​​ C, obtendo 60º. Observe a figura a neira enche esse reservatório em 15 horas e, a segunda,
seguir que ilustra esta situação. em 10 horas.
Qual fração, em relação à capacidade total do reservató-
rio, representaria a quantidade de água eliminada pelas
torneiras, se elas ficassem abertas ao mesmo tempo, du-
rante 2 horas?
Assinale a alternativa CORRETA.
A 1/3
B 2/25
C 1/150
D 1/6
E 2/15
De acordo com as informações, as distâncias, em milhas,
do farol F à rota AC e do ponto inicial A ao farol F, obtidas QUESTÃO 99
pelo comandante foram, respectivamente. Márcia e Leandro são profissionais liberais e compraram
uma sala retangular de 90 m2. Eles querem fazer uma re-
__ 3
A 2​​dXX
3 ​​ e ​​    ​​​​dXX
3 ​​.  forma para que cada um tenha sua sala. Para isso, irão
2
B 2​​dXX
3 ​​ e 4​​dXX 3 ​​.  construir um corredor retangular de 1,5 m de largura e
C 3​​dXX
3 ​​ e 6​​dXX 3 ​​.  duas salas quadradas de mesma área, aproveitando a
D 3​​dXX
3 ​​ e d​​ XX
3 ​​.  área total da sala.
E 4​​dXX
3 ​​ e 2.

QUESTÃO 97
Em uma aula prática, um professor do curso técnico de
edificações do campus Florianópolis do IFSC, pede para
que seus alunos determinem a altura de um poste que fica
nas instalações da instituição, porém há uma impossibili-
dade para se chegar tanto ao topo do poste, bem como
sua base. Para realizar tal medida, são disponibilizados
para os alunos uma trena (fita métrica) e um teodolito. É
realizado o seguinte procedimento: primeiro crava-se uma
estaca no ponto A a x metros da base do poste e mede-se É CORRETO afirmar que, depois da reforma, a medida do
o ângulo formado entre o topo do poste e o solo, que é de lado das salas será de:

4 MT - 2º dia
A 6 m. Se, com a venda dos materiais, a e b representam, res-
B 12 m. pectivamente, o valor recebido pelas cooperativas A e B,
C 5,5 m. então:
D 7 m. ___65
A b = ​​  6 ​​ a.
E 24 m. 2
___33
B b > ​​  5 ​​ a.
QUESTÃO 100 2
C b – a = 65.
Certo dia, a administração de um hospital designou duas
de suas enfermeiras − Antonieta e Bernardete − para aten- ___65
D b < ​​  6 ​​ a.
der os 18 pacientes de um ambulatório. Para executar tal 2
incumbência, elas dividiram o total de pacientes entre si, ___33
E b = ​​  5 ​​  a.
em quantidades que eram, ao mesmo tempo, inversamen- 2
te proporcionais às suas respectivas idades e diretamente QUESTÃO 102
proporcionais aos seus respectivos tempos de serviço no Uma família resolveu comprar um imóvel num bairro,
hospital. Sabendo que Antonieta tem 40 anos de idade e cujas ruas estão representadas na figura. As ruas com
trabalha no hospital há 12 anos, enquanto que Bernardete nomes de letras são paralelas entre si e perpendiculares
tem 25 anos e lá trabalha há 6 anos, é correto afirmar que: às ruas identificadas com números. Todos os quarteirões
A Bernardete atendeu 10 pacientes. são quadrados, com as mesmas medidas, e todas as ruas
B Antonieta atendeu 12 pacientes. têm a mesma largura, permitindo caminhar somente nas
C Bernardete atendeu 2 pacientes a mais do que Anto- direções vertical e horizontal. Desconsidere a largura das
nieta. ruas.
D Antonieta atendeu 2 pacientes a mais do que Bernardete.
E ambas atenderam a mesma quantidade de pacientes.

QUESTÃO 101
A reciclagem do lixo é uma das principais alternativas en-
contradas para diminuir os impactos ambientais causados
pelo excesso de lixo, além de ser uma fonte de emprego e
renda para muitas pessoas. Nas cooperativas de recicla-
gem, cada material é dividido em vários subtipos e vendi-
do a indústrias recicladoras diferentes.
A tabela mostra o valor, por tonelada, de cada material
nas cidades de São Paulo e Rio de Janeiro.

São Paulo Rio de Janeiro


R$ 220,00 (prensa- R$ 250,00 (pren-
Papelão
do limpo) sado limpo)
Papel R$ 420,00 (prensa-
R$ 580,00 (limpo) A família pretende que esse imóvel tenha a mesma distân-
branco do limpo)
cia de percurso até o local de trabalho da mãe, localizado
Latas de aço R$ 320,00 (limpo) R$ 170,00 (limpo) na rua 6 com a rua E, o consultório do pai, na rua 2 com a
R$ 2.800,00 (pren- R$ 2.300,00 (pren- rua E, e a escola das crianças, na rua 4 com a rua A.
Alumínio
sado limpo) sado limpo) Com base nesses dados, o imóvel que atende as preten-
Vidro sões da família deverá ser localizado no encontro das ruas:
--- R$ 150,00 (limpo) A 3 e C.
incolor
Plástico R$ 500,00 (pren- B 4 e C.
R$ 110,00 (limpo) C 4 e D.
rígido sado limpo)
D 4 e E.
R$ 1.150,00 (pren- R$ 1.400,00 (pren- E 5 e C.
PET
sado limpo) sado limpo)
Plástico R$ 600,00 (pren- QUESTÃO 103
R$ 135,00 (limpo)
filme sado limpo) Uma família fez uma festa de aniversário e enfeitou o local
R$ 210,00 (pren- da festa com bandeirinhas de papel. Essas bandeirinhas
Longa vida R$ 220,00 (prensado)
sado limpo) foram feitas da seguinte maneira: inicialmente, recortaram
Disponível em: http://revistaepoca.globo.com/sociedade/o- as folhas de papel em forma de quadrado, como mostra
caminho-do-Iixo/noticia/2012/01/os-numeros-da-reciclagem- a Figura 1. Em seguida, dobraram as folhas quadradas
no-brasil.html>. Acesso em 13 jun. 2013. (Adaptado) ao meio sobrepondo os lados BC e AD, de modo que C
e D coincidam, e o mesmo ocorra com A e B, conforme
Suponha que a cooperativa de reciclagem A vendeu 1 to-
ilustrado na Figura 2. Marcaram os pontos médios O e N,
nelada e meia de papelão (prensado e limpo), 500 kg de
dos lados FG e AF, respectivamente, e o ponto M do lado
alumínio (prensado e limpo) e 1 tonelada de PET (prensa-
AD, de modo que AM seja igual a um quarto de AD. A se-
do e limpo) a uma indústria de São Paulo e que a coope-
guir, fizeram cortes sobre as linhas pontilhadas ao longo
rativa B vendeu essa mesma quantidade a uma indústria
da folha dobrada.
do Rio de Janeiro.

5 MT - 1º dia
Após os cortes, a folha é aberta é a bandeirinha está pronta. Passo 3 – recortou quatro quadriláteros congruentes a
A figura que representa a forma da bandeirinha pronta é: partir da área visível do quadrado maior.
A

B
Passo 4 – posicionou os quatro quadriláteros de tal ma-
neira que formassem um novo quadrado de lado de me-
dida z.

D Uma relação válida entre as medidas x, y e z dos lados


dos quadrados é:
A z = y − x.
y____
−x
B z = ​​   ​​. 

2
C z = d​​ XXXXX 
y − x ​​.
D z = ​​dXXXXXX
y2 − x2   ​​.
E E z = x − y.

QUESTÃO 105
Um avião voava a uma altitude e velocidade constantes.
Num certo instante, quando estava a 8 km de distância de
um ponto P, no solo, ele podia ser visto sob um ângulo de
elevação de 60° e, dois minutos mais tarde, esse ângulo
QUESTÃO 104 passou a valer 30°, conforme mostra a figura abaixo.
Em uma aula de Artes Visuais, a professora pediu aos
seus alunos que construíssem um quadrado a partir do
recorte de dois quadrados de lados medindo x e y. Mirian,
uma das alunas mais criativas, decidiu confeccionar a sua
peça quadrada de acordo com os passos seguintes:
Passo 1 – marcou o centro dos dois quadrados, colocou
um sobre o outro, fazendo com que os centros coincidis-
sem no ponto C.

A velocidade desse avião era de:


A 180 km/h.
B 240 km/h.
C 120 km/h.
D 150 km/h.
E 200 km/h.
Passo 2 – traçou retas pontilhadas sobre os lados do qua-
drado menor.

6 MT - 2º dia
QUESTÃO 106 QUESTÃO 108
Rotas aéreas são como pontes que ligam cidades, esta- Um produtor de soja deseja transportar a produção da sua
dos ou países. O mapa a seguir mostra os estados bra- propriedade até um armazém distante 2.225 km. Sabe-
sileiros e a localização de algumas capitais identificadas -se que 2.000 km devem ser percorridos por via marítima,
pelos números. Considere que a direção seguida por um 200 km por via férrea e 25 km por via rodoviária. Ao fazer
avião AI que partiu de Brasília-DF, sem escalas, para Be- um levantamento dos custos, o produtor constatou que,
lém, no Pará, seja um segmento de reta com extremida- utilizando transporte ferroviário, o custo por quilômetro
des em DF e em 4. percorrido é:
§§ 100 reais mais caro do que utilizando transporte ma-
rítimo.
§§ a metade do custo utilizando transporte rodoviário.
Com base nessas informações e sabendo que o custo to-
tal para o produtor transportar toda sua produção será de
700.000 reais, é correto afirmar que o custo, em reais, por
quilômetro percorrido, no transporte marítimo é de:
A 200.
B 250.
C 300.
D 350.
E 400.

QUESTÃO 109
Uma indústria fabrica uma placa metálica no formato de
um retângulo de lados (ax + by) e (bx + ay). Encontre, de
forma fatorada, o perímetro deste retângulo.
A 2(a + b) (x + y)
B 4(a + b) (x + y)
C 2(a − b) (x − y)
D 4(a − b) (x − y)
Suponha que um passageiro de nome Carlos pegou um E (a + b) (x + y)
avião AII, que seguiu a direção que forma um ângulo de
135º graus no sentido horário com a rota Brasília-Belém
QUESTÃO 110
e pousou em alguma das capitais brasileiras. Ao desem-
Um fazendeiro possui dois terrenos quadrados de lados
barcar, Carlos fez uma conexão e embarcou em um avião
a e b, sendo a > b. Represente na forma de um produto
AIII, que seguiu a direção que forma um ângulo reto, no
notável a diferença das áreas destes quadrados.
sentido anti-horário, com a direção seguida pelo avião AII
A (a + b) ⋅ (a + b)
ao partir de Brasília-DF. Considerando que a direção se-
B (a + b) ⋅ (a − b)
guida por um avião é sempre dada pela semirreta com
C (a − b) ⋅ (a − b)
origem na cidade de partida e que passa pela cidade-des-
D (a + b)2
tino do avião, pela descrição dada, o passageiro Carlos
E (a − b)2
fez uma conexão em:
A Belo Horizonte e, em seguida, embarcou para Curitiba.
B Belo Horizonte e, em seguida, embarcou para Salvador. QUESTÃO 111
C Boa Vista e, em seguida, embarcou para Porto Velho. Na sequência de quadros a seguir, o valor da primeira cé-
D Goiânia e, em seguida, embarcou para o Rio de Janeiro. lula de cada quadro é a soma dos valores das duas últi-
E Goiânia e, em seguida, embarcou para Manaus. mas células do quadro anterior.

QUESTÃO 107
Um piscicultor cria alevinos em um tanque de 2500 litros. Se o número da célula central do último quadro dessa se-
Para garantir o desenvolvimento dos peixes, o piscicultor quência é 22013, quanto vale o produto dos números das
necessita que a salinidade da água do tanque seja de 18 duas outras células?
gramas de sal por litro. Nesse tanque, foram misturadas A 22013 − 1
água salobra com 25,5 gramas de sal por litro e água doce B 22013 + 1
com 0,5 grama de sal por litro. C 22013 + 1
A quantidade, em litros, de água salobra e doce que deve D 24026 + 1
estar presente no tanque é de, respectivamente: E 24026 − 1
A 2370 e 130.
B 2187,5 e 312,5. QUESTÃO 112
C 1750 e 750. Nas competições olímpicas de Tiro com Arco, o alvo pos-
D 1562,5 e 937,5. sui 1,22 m de diâmetro. Ele é formado por dez circunfe-
E 1250 e 1250. rências concêntricas pintadas sobre um mesmo plano e a
uma distância constante de 6,1 cm entre si, como vemos
no esquema.

7 MT - 1º dia
QUESTÃO 114
Uma pista de atletismo é formada por duas raias, cujo per-
curso é formado por duas partes retas intercaladas com
duas semicircunferências, conforme a figura.

Podemos afirmar corretamente que a razão entre a área


da região cinza e a área total do alvo, nessa ordem, é
igual a: Dois atletas estavam correndo, um na raia I e outro na
3
___ raia II, quando pararam para descansar. O atleta da raia II
A ​​     disse que dera 10 voltas na pista e correra mais, pois sua
10.
2
___ raia é maior; já o outro atleta discordou, pois ele acredita-
 ​​B ​​     ​​ 
15. va ter dado mais voltas.
1
___ Se a semicircunferência tracejada da raia I tem raio igual
C ​​    ​​. 
25 a 10 metros, a da raia II tem raio de 12 metros e as partes
10
___ retas têm 100 metros de comprimento, então o número
D ​​   ​​ .
61 mínimo de voltas que o atleta da raia I deve completar
5
___ para correr mais que o outro é:
E ​​    ​​. 
21 A 11.
QUESTÃO 113 B 12.
A figura é uma representação simplificada do carrossel de C 13.
um parque de diversões, visto de cima. Nessa representa- D 14.
ção, os cavalos estão identificados pelos pontos escuros E 15.
e ocupam circunferências de raios 3 m e 4 m, respectiva-
mente, ambas centradas no ponto O. Em cada sessão de QUESTÃO 115
funcionamento, o carrossel efetua 10 voltas. Pedro é pecuarista e, com o aumento da criação, ele terá
que fazer um novo cercado para acomodar seus animais.
Sabendo-se que ele terá que utilizar 5 voltas de arame
farpado e que o cercado tem forma retangular, cujas di-
mensões são as raízes da equação x2 − 45x + 500 = 0,
qual a quantidade mínima de arame que Pedro terá que
comprar para fazer esse cercado?
A 545 m
B 225 m
C 200 m
D 500 m
E 450 m

QUESTÃO 116
Quarenta pessoas em excursão pernoitam em um hotel.
Somados, os homens despendem R$ 2.400,00. O grupo
de mulheres gasta a mesma quantia, embora cada uma
tenha pago R$ 64,00 a menos que cada homem.
Quantos metros uma criança sentada no cavalo C1 per- Denotando por x o número de homens do grupo, uma ex-
correrá a mais do que uma criança no cavalo C2, em uma pressão que modela esse problema e permite encontrar
sessão? Use 3,0 como aproximação para π. tal valor é:
A 55,5 A 2400x = (2400 + 64x)(40 − x).
B 60,0 B 2400(40 − x) = (2400 − 64x)x.
C 175,5 C 2400x = (2400 − 64x)(40 − x).
D 235,5 D 2400(40 − x) = (2400 + 64x)x.
E 240,0 E 2400x − 300.

8 MT - 2º dia
QUESTÃO 117 QUESTÃO 119
Antônio é um botânico que desenvolveu em seu labora-
tório três variedades de uma mesma planta, V1, V2 e V3. Roseane pretende cobrir duas paredes de sua cozinha
Esses exemplares se desenvolvem cada um a seu tempo, com adesivos que imitam cerâmicas portuguesas. As di-
de acordo com a tabela a seguir. mensões das paredes são 2,20 m × 1,60 m e 1,90 m × 0,50 m.
Ao pesquisar sobre os adesivos, viu que suas dimensões
Tempo para
Tempo de eram 20 cm × 20 cm e que eram vendidos em pacotes
Tempo de uma única
floração com 25 adesivos cada. Quantos pacotes ela precisa com-
germinação colheita
Variedade (em sema- prar para cobrir as duas paredes da cozinha?
(em semanas, (em semanas,
nas, após a
após o plantio)
germinação)
após a A 1
floração) B 2
V1 5 3 1 C 3
V2 3 2 1 D 5
V3 2 1 1 E 4

Considere um experimento em que as três variedades se- QUESTÃO 120


rão plantadas inicialmente no mesmo dia e que, a cada
dia de colheita, outra semente da mesma variedade será Uma pessoa é deixada num certo ponto sobre uma pista
plantada. quadriculada, como mostra a figura, com um cartão con-
tendo instruções para chegar do outro lado da pista.
Com base nos dados da tabela, o número mínimo de se-
manas necessárias para que a colheita das três varieda-
des ocorra simultaneamente será:
A 36.
B 24.
C 18.
D 16.
E 10.

QUESTÃO 118

Uma rua sem saída, às margens de um rio, será calçada


pelos proprietários dos seus quatro lotes e o custo da pa-
vimentação será de R$ 60.000,00. Em uma reunião, eles
chegaram ao seguinte acordo: os custos da pavimentação
do primeiro lote serão divididos entre os proprietários dos
quatro lotes; para o segundo lote serão divididos entre os
proprietários dos lotes 2, 3 e 4; os custos da pavimenta-
ção para o terceiro lote serão divididos entre os proprie- Começando a partir do ponto indicado pela seta da área
tários dos lotes 3 e 4, e os custos da pavimentação para quadriculada, de frente para a pista, caminhando apenas
o quarto lote caberão apenas ao seu proprietário. Nessas sobre as linhas e seguindo as instruções fornecidas, res-
condições, quanto o proprietário do lote 4 pagou a mais ponda qual a alternativa cuja letra corresponde ao ponto
que o do lote 2? final desta trajetória (cada passo significa passar de um
vértice ao outro de um mesmo lado do quadrado no qual
se encontra).
A A
B B
C C
D D
E Tanto C quanto D são possíveis.

QUESTÃO 121

Cada grama de sal de cozinha contém 0,4 grama de só-


dio, íon essencial para o organismo, pois facilita a reten-
ção de água. Porém, o consumo excessivo de sal pode
A R$ 12.500,00 sobrecarregar o sistema cardiovascular. O Ministério da
B R$ 14.500,00 Saúde recomenda a ingestão de 5 gramas de sal por dia,
C R$ 16.500,00 entretanto, pesquisas apontam que os brasileiros conso-
D R$ 18.000,00 mem, em média, 10 gramas de sal diariamente.
E R$ 22.500,00
A tabela a seguir mostra a quantidade de sódio (em mili-
gramas) presente em alguns alimentos.

9 MT - 1º dia
Refrigerante Água de coco Sabe-se que a base da mesa, considerando a borda ex-
Bebidas (1 copo) (1 unidade) terna, tem a forma de um retângulo, cujos lados medem
10 mg 66 mg
AC = 105 cm e AB = 120 cm.
Na loja onde será feita a compra do tampo, existem cinco
Macarrão instantâneo Hambúrguer com
tipos de opções de tampos, de diferentes dimensões, e
Pratos (1 pacote) fritas (1 porção)
todos com a mesma espessura, sendo:
1951 mg 1810 mg
Tipo 1: 110 cm × 125 cm
Paçoca Sorvete de flocos
(1 unidade) (1 bola) Tipo 2: 115 cm × 125 cm
Sobremesas
Tipo 3: 115 cm × 130 cm
41 mg 37 mg
Tipo 4: 120 cm × 130 cm
Disponível em: http://www.drauziovarella. Tipo 5: 120 cm × 135 cm
com.br/hipertensao/o-sal-na-dieta. Acesso
em: 15 set. 2014. (adaptado) O proprietário avalia, para comodidade dos usuários, que
se deve escolher o tampo de menor área possível que
Com base na tabela, o número de refeições com uma satisfaça a condição: ao colocar o tampo sobre a base, de
bebida, um prato e uma sobremesa que não ultrapassa cada lado da borda externa da base da mesa, deve sobrar
o limite diário de sódio recomendado pelo Ministério da uma região, correspondendo a uma moldura em vidro, li-
Saúde é igual a: mitada por um mínimo de 4 cm e máximo de 8 cm fora da
A 8. base da mesa, de cada lado.
B 5. Segundo as condições anteriores, qual é o tipo de tampo
C 4. de vidro que o proprietário avaliou que deve ser escolhido?
D 3. A 1
E 2. B 2
C 3
QUESTÃO 122 D 4
Um terreno com formato de um triângulo retângulo será E 5
dividido em dois lotes por uma cerca feita na mediatriz da
hipotenusa, conforme mostra a figura. QUESTÃO 124
Um estudante se cadastrou numa rede social na internet
que exibe o índice de popularidade do usuário. Esse índi-
ce é a razão entre o número de admiradores do usuário e
o número de pessoas que visitam seu perfil na rede.
Ao acessar seu perfil hoje, o estudante descobriu que seu
índice de popularidade é 03121212... O índice revela que
as quantidades relativas de admiradores do estudante e
pessoas que visitam seu perfil são:
A 103 em cada 330.
B 104 em cada 333.
C 104 em cada 3.333.
D 139 em cada 330.
Sabe-se que os lados AB e BC desse terreno medem, E 1.039 em cada 3.330.
respectivamente, 80 m e 100 m. Assim, a razão entre o
perímetro do lote I e o perímetro do lote II, nessa ordem, é: QUESTÃO 125
__ 5 Além das informações dadas por Calvin na tira abaixo,
A ​​   ​​ .
3 considere que os “quatro paus” aos quais ele se refere
___10
B ​​   ​​ . correspondem a R$ 400,00.
11
__ 3
C ​​    ​​.
5
___11
D ​​    ​​.
10
E 5.

QUESTÃO 123
O proprietário de um restaurante deseja comprar um tam-
po de vidro retangular para a base de uma mesa, como
ilustra a figura.

10 MT - 2º dia
Supondo a ideia de Calvin aceita por seu pai e contabili-
zados todos os conceitos que ele obteve ao longo do ano
em que foi feita a proposta, observou-se que o número
de conceitos “D” era o quíntuplo do de “B” e o número de
conceitos “C” excedia o de “A” em 10 unidades. Nessas
condições, se a quantidade de conceitos “A” que Calvin
tirou era um número par, então, para obter exatamente os
“quatro paus” por ele pretendidos, o total de conceitos “B”
que ele tirou era um número:
A primo.
B maior que 17.
C quadrado perfeito.
D ímpar.
E menor que 10.
Considere que:
QUESTÃO 126 §§ a Rua Bálsamo é continuação da Av. Lions Clube;
Duas cidades X e Y são interligadas pela rodovia R101, §§ o ponto A é a intersecção da Av. Vitório Baccan com a
que é retilínea e apresenta 300 km de extensão. A 160 km Av. Lions Clube;
§§ o ponto B é a intersecção da Rua Romeu Zerati com a
de X, à beira da R101, fica a cidade Z, por onde passa a
Rua Bálsamo;
rodovia R102, também retilínea e perpendicular à R101.
§§ o ponto C é a intersecção da Av. Vitório Baccan com a
Está sendo construída uma nova rodovia retilínea, a R103, Rua Romeu Zerati;
que ligará X à capital do estado. A nova rodovia intercep- §§ o ponto D é a intersecção da Rua Bálsamo com a Rua
tará a R102 no ponto P, distante 120 km da cidade Z. Vitório Genari;
§§ o ponto E é a intersecção da Rua Romeu Zerati com a
Rua Vitório Genari;

§§ a medida do segmento ​​AC​​  é 220 m;

§§ a medida do segmento ​​BC​​ é 400 m, e
§§ o triângulo ABC é retângulo em C.

Considere que o trecho ​​DE​​ da Rua Vitório Genari é pa-

ralelo ao trecho ​​AC​​ da Av. Vitório Baccan. Sabendo que

a medida do segmento ​​DE​​ é 120 m, então a medida do

trecho CE​​
​​  da Rua Romeu Zerati é, em metros, mais pró-
xima de:
A 182.
B 198.
C 200.
O governo está planejando, após a conclusão da obra, D 204.
construir uma estrada ligando a cidade Y até a R103. A E 216.
menor extensão, em quilômetros, que esta ligação poderá
ter é: QUESTÃO 128

A 250. A fotografia mostra uma turista aparentemente beijando a


esfinge de Gizé, no Egito. A figura a seguir mostra como,
B 240.
na verdade, foram posicionadas a câmera fotográfica, a
C 225.
turista e a esfinge.
D 200.
E 180.

QUESTÃO 127
As ruas e avenidas de uma cidade são um bom exemplo
de aplicação de Geometria.
Um desses exemplos encontra-se na cidade de Mirassol,
onde se localiza a Etec Prof. Mateus Leite de Abreu.
A imagem apresenta algumas ruas e avenidas de Miras-
sol, onde percebemos que a Av. Vitório Baccan, a Rua Ro-
meu Zerati e a Av. Lions Clube/Rua Bálsamo formam uma
figura geométrica que se aproxima muito de um triângulo
retângulo, como representado no mapa.

11 MT - 1º dia
QUESTÃO 130
Certo consumidor gastou tudo que tinha no seu bolso
durante as compras em 6 lojas. Em cada uma, gastou
R$ 1,00 a mais do que a metade do que tinha ao entrar.
Quanto tinha inicialmente?
A R$ 14,00
B R$ 30,00
C R$ 62,00
D R$ 126,00
E R$ 254,00

QUESTÃO 131

O banheiro de uma escola pública, com paredes e piso em


formato retangular, medindo 5 metros de largura, 4 metros
Medindo-se com uma régua diretamente na fotografia, ve-
de comprimento e 3 metros de altura, precisa de revesti-
rifica-se que a medida do queixo até o alto da cabeça da
mento no piso e nas paredes internas, excluindo a área da
turista é igual a 2/3 da medida do queixo da esfinge até porta, que mede 1 metro de largura por 2 metros de altura.
o alto da sua cabeça. Considere que essas medidas na Após uma tomada de preços com cinco fornecedores, fo-
realidade são representadas por d e d' respectivamente, ram verificadas as seguintes combinações de azulejos para
que a distância da esfinge à lente da câmera fotográfica, as paredes e de lajotas para o piso, com os preços dados
localizada no plano horizontal do queixo da turista e da em reais por metro quadrado, conforme a tabela:
esfinge é representada por b e que a distância da turista à
mesma lente, por a. Fornecedor Azulejo (R$/m2) Lajota (R$/m2)
A 31,00 31,00
A razão entre b e a será dada por:
B 33,00 30,00
b __
__ d'
A ​​ a ​​ = ​​  c ​​ . C 29,00 39,00
b ___
__ 2d D 30,00 33,00
B ​​  a  ​​ = ​​   ​​ .
3c
b ___
__ 3d' E 40,00 29,00
C ​​  a  ​​ = ​​   ​​ .
2c
b ___
__ 2d' Desejando-se efetuar a menor despesa total, deverá ser
D ​​ a ​​ = ​​   ​​ . escolhido o fornecedor:
3c
b ___
__ 2d' A A.
E ​​ a ​​ = ​​  c ​​.   B B.
C C.
QUESTÃO 129 D D.
A figura a seguir representa uma sequência lógica, na qual E E.
cada quadrado possui uma quantidade de quadradinhos
QUESTÃO 132
pintados em seu interior. Se prosseguirmos dessa manei-
O padrão internacional ISO 216 define os tamanhos de
ra, verificaremos que o 8º quadrado possuirá:
papel utilizados em quase todos os países. O formato-ba-
se é uma folha retangular de papel chamada de A0, cujas
dimensões estão na razão 1:​​dXX
2 ​​.  A partir de então, dobra-
-se a folha ao meio, sempre no lado maior, definindo os
demais formatos, conforme o número da dobradura. Por
exemplo, A1 é a folha A0 dobrada ao meio uma vez, A2 é
a folha A0 dobrada ao meio duas vezes, e assim sucessi-
vamente, conforme a figura.

Um tamanho de papel bastante comum em escritórios bra-


sileiros é o A4, cujas dimensões são 21,0 cm por 29,7 cm.
A abaixo de 1.000 quadradinhos pintados. Quais são as dimensões, em centímetros, da folha A0?
A 21,0 × 118,8
B 6.144 quadradinhos pintados.
B 84,0 × 29,7
C acima de 60.000 quadradinhos pintados.
C 84,0 × 118,8
D 40.320 quadradinhos pintados. D 168,0 × 237,6
E 10.000 quadradinhos pintados. E 336,0 × 475,2

12 MT - 2º dia
QUESTÃO 133
Um paciente precisa ser submetido a um tratamento, sob
orientação médica, com determinado medicamento. Há
cinco possibilidades de medicação, variando a dosagem e
o intervalo de ingestão do medicamento. As opções apre-
sentadas são:
A: um comprimido de 400 mg, de 3 em 3 horas, durante
1 semana;
B: um comprimido de 400 mg de 4 em 4 horas, durante
10 dias;
C: um comprimido de 400 mg, de 6 em 6 horas, durante
2 semanas;
D: um comprimido de 500 mg, de 8 em 8 horas, durante
10 dias;
E: um comprimido de 500 mg, de 12 em 12 horas, durante De acordo com as regras definidas para o Quociente Par-
2 semanas. tidário, o número de cadeiras (vagas) de deputado esta-
Para evitar efeitos colaterais e intoxicação, a recomenda- dual conquistadas pelo partido/coligação B foi:
ção é que a quantidade total de massa da medicação in-
A 5.
gerida, em miligramas, seja a menor possível.
B 4.
Seguindo a recomendação, deve ser escolhida a opção:
A A. C 3.
B B. D 2.
C C. E 1.
D D.
E E. QUESTÃO 135
Dentro de um grupo de tradutores de livros, todos os que
falam alemão também falam inglês, mas nenhum que fala
QUESTÃO 134 inglês fala japonês. Além disso, os dois únicos que falam
No sistema eleitoral brasileiro, o Quociente Eleitoral (QE) russo também falam coreano. Sabendo que todo integran-
V
__ te desse grupo que fala coreano também fala japonês, po-
é dado por QE = ​​    ​​, sendo V o total de votos válidos do de-se concluir que, necessariamente:
C
Estado e C o número de cadeiras (vagas) para deputa- A todos os tradutores que falam japonês também falam
do estadual. Para um candidato a deputado estadual ser russo.
eleito, basta obter uma quantidade de votos igual ou supe- B todos os tradutores que falam alemão também falam
rior a QE. Já o número de vagas de deputados estaduais coreano.
destinadas a cada partido político ou coligação política é C pelo menos um tradutor que fala inglês também fala
dado pelo Quociente Partidário (QP), calculado por meio coreano.
Vp
___ D nenhum dos tradutores fala japonês e também russo.
da fórmula Qp = ​​    ​​,  sendo Vp o número total de votos vá- E nenhum dos tradutores fala russo e também alemão.
QE
lidos obtidos pelo partido/coligação. Caso Qp não seja um
número inteiro, consideramos apenas sua parte inteira,
desprezando a parte decimal. Caso QE não seja um nú-
mero inteiro, considera-se apenas sua parte inteira, se a
parte decimal for igual ou inferior a 0,5, ou arredondamos
seu valor para a unidade imediatamente maior, se a parte
decimal for maior do que 0,5.
(Disponível em: http://www.tse.jus.br/eleitor/glossario/
termos-iniciados-com-a-letra-q#quociente-eleitoral.
Último acesso: 18 de setembro de 2014. Adaptado.)

Suponha que para certo Estado existam 20 vagas para


deputado estadual. Após a apuração, os votos válidos ob-
tidos pelos 5 partidos/coligações (A, B, C, D e E) deste
Estado foram representados no gráfico:

13 MT - 1º dia
CIÊNCIAS DA NATUREZA E SUAS E interrompe a produção de proteína das bactérias cau-
sadoras da doença, o que impede sua multiplicação
TECNOLOGIAS pelo bloqueio de funções vitais.
QUESTÕES 136 A 180
QUESTÃO 138
“Mais de 230 novos casos de aids foram detectados em
QUESTÃO 136
2016 no Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA) de
CASOS DE LEPTOSPIROSE CRESCEM NA REGIÃO Marabá, município do sudeste do Pará. O centro atende
18 municípios da região e o número de resultados positi-
M.P.S. tem 12 anos e está desde janeiro em tratamento de vos para o vírus HIV preocupa as autoridades.”
leptospirose. Ela perdeu a tranquilidade e encontrou nos
(http://g1.globo.com/pa/para/noticia/2017/02/cta-de-maraba-
ratos, (...), os vilões de sua infância. "Se eu não os matar,
registrou-235-novos-casos-de-aids-em-2016.html).
eles me matam", diz. Seu medo reflete um dos maiores
problemas do bairro: a falta de saneamento básico e o
acúmulo de lixo... Assinale a alternativa incorreta.
(O Estado de S. Paulo, 31/07/1997) A O vírus da imunodeficiência humana (VIH) faz parte de um
grupo de vírus conhecidos como retrovírus. O material ge-
OITO SUSPEITOS DE LEPTOSPIROSE nético desse vírus é constituído por uma fita simples com
A cidade ficou sob as águas na madrugada de anteontem nucleotídeos adenina, uracila, citosina e guanina.
e, além de 120 desabrigados, as inundações estão fazen- B As proteínas de envelope do vírus conectam-se à célula
do outro tipo de vítimas: já há oito suspeitas de casos de hospedeira, desencadeando a fusão das membranas
leptospirose (...) transmitida pela urina de ratos contami- celular. O vírus é lançado para o citoplasma, deixando a
nados. cápsula viral e as proteínas de envelope para trás.
(Folha de S. Paulo, 12/02/1999) C A transcriptase reversa é a enzima que produz DNA a
partir do RNA viral, e todos os vírus de RNA possuem
As notícias dos jornais sobre casos de leptospirose estão para que possam infectar as células.
associadas aos fatos: D O vírus ataca principalmente macrófagos e linfócitos
I. Quando ocorre uma enchente, as águas espalham, CD4, o que resulta na imunodeficiência do organismo.
além do lixo acumulado, todos os desetos dos animais Pra infectar células é necessário o amadurecimento do
que ali vivem. vírus.
II. O acúmulo de lixo cria ambiente propício para a proli- E O contágio da aids pode ser através de seringas con-
feração dos ratos. taminadas e na amamentação de mãe para filho.
III. O lixo acumulado nos terrenos baldios e nas margens
de rios entope os bueiros e compromete o escoamento QUESTÃO 139
das águas em dias de chuva. Foi proposto um novo modelo de evolução dos primatas,
IV. As pessoas que vivem na região assolada pela en- elaborado por matemáticos e biólogos. Nesse modelo o
chente, entrando em contato com a água contaminada, grupo de primatas pode ter tido origem quando os dinos-
têm grande chance de contrair a leptospirose. sauros ainda habitavam a Terra, e não há 65 milhões de
A SEQUÊNCIA de fatos que relaciona corretamente a lep- anos, como é comumente aceito.
tospirose, o lixo, as enchentes e os roedores é:
A I, II, III e IV.
B I, III, IV e II.
C IV, III, II e I.
D II, IV, I e III.
E II, III, I e IV.

QUESTÃO 137
Na embalagem de um antibiótico, encontra-se uma bula
que, entre outras informações, explica a ação do remédio
do seguinte modo: o medicamento atua por inibição da
síntese proteica bacteriana. Essa afirmação permite con-
cluir que o antibiótico: (Fonte: Raquel Aguiar Ciência Hoje on-line 13/05/02)
A impede a fotossíntese realizada pelas bactérias causado-
ras da doença e, assim, elas não se alimentam e morrem. Examinando esta árvore evolutiva, podemos dizer que a
B altera as informações genéticas das bactérias causa- divergência entre os macacos do Velho Mundo e o grupo
doras da doença, o que impede a manutenção e a re- dos grandes macacos e de humanos ocorreu há, aproxi-
produção desses organismos. madamente:
C dissolve as membranas das bactérias responsáveis A 10 milhões de anos.
pela doença, o que dificulta o transporte de nutrientes B 40 milhões de anos.
e provoca a morte delas. C 55 milhões de anos.
D elimina os vírus causadores da doença, pois não con- D 65 milhões de anos.
seguem obter as proteínas que seriam produzidas pe- E 85 milhões de anos.
las bactérias que parasitam.

14 CN - 2º dia
QUESTÃO 140

"Os progressos da medicina condicionaram a sobrevivên-


cia de número cada vez maior de indivíduos com cons-
tituições genéticas que só permitem o bem-estar quan-
do seus efeitos são devidamente controlados através de
drogas ou procedimentos terapêuticas. São exemplos os
diabéticos e os hemofílicos, que só sobrevivem e levam
vida relativamente normal ao receberem suplementação
de insulina ou do fator VIII da coagulação sanguínea".
SALZANO, M. Francisco. Ciência
Hoje: SBPC: 21(125),1996.

Essas afirmações apontam para aspectos importantes


que podem ser relacionados à evolução humana. Pode-se
afirmar que, nos termos do texto:

A os avanços da medicina minimizam os efeitos da sele-


ção natural sobre as populações.
B os usos da insulina e do fator VIII da coagulação san-
guínea funcionam como agentes modificadores do ge-
noma humano.
C as drogas medicamentosas impedem a transferência
De acordo com as informações acima:
do material genético defeituoso ao longo das gerações.
A a presença de populações de grandes mamíferos her-
D os procedimentos terapêuticos normalizam o genótipo
bívoros provoca o declínio das acácias.
dos hemofílicos e diabéticos. B os hábitos de alimentação constituem um padrão de
E as intervenções realizadas pela medicina interrompem comportamento que os herbívoros aprendem pelo uso,
a evolução biológica do ser humano. mas que esquecem pelo desuso.
C as formigas da espécie 1 e as acácias mantêm uma
QUESTÃO 141 relação benéfica para ambas.
D os besouros e as formigas da espécie 2 contribuem
para a sobrevivência das acácias.
Muitas espécies de plantas lenhosas são encontradas no
E a relação entre os animais herbívoros, as formigas e as
cerrado brasileiro. Para a sobrevivência nas condições de
acácias é a mesma que ocorre entre qualquer preda-
longos períodos de seca e queimadas periódicas, próprias dor e sua presa.
desse ecossistema, essas plantas desenvolveram estru-
turas muito peculiares. As estruturas adaptativas mais QUESTÃO 143
apropriadas para a sobrevivência desse grupo de plantas, João ficou intrigado com a grande quantidade de notí-
nas condições ambientais de referido ecossistema, são: cias envolvendo DNA: clonagem da ovelha Dolly, terapia
gênica, testes de paternidade, engenharia genética etc.
A cascas finas e sem sulcos ou fendas. Para conseguir entender as notícias, estudou a estrutura
B caules estreitos e retilíneos. da molécula de DNA e seu funcionamento e analisou os
C folhas estreitas e membranosas. dados do quadro a seguir.
D gemas apicais com densa pilosidade.
E raízes superficiais, em geral, aéreas.

QUESTÃO 142

Um grupo de ecólogos esperava encontrar aumento de


tamanho das acácias, árvores preferidas de grandes ma-
míferos herbívoros africanos, como girafas e elefantes, já
que a área estudada era cercada para evitar a entrada
desses herbívoros. Para espanto dos cientistas, as acá-
cias pareciam menos viçosas, o que os levou a compa-
rá-las com outras de duas áreas de savana: uma área na
qual os herbívoros circulam livremente e fazem podas re-
gulares nas acácias, e outra de onde eles foram retirados
há 15 anos. O esquema a seguir mostra os resultados
observados nessas duas áreas:
Em I, está representado o trecho de uma molécula de
DNA. Observando o quadro, pode-se concluir que:

15 CN - 2º dia
A a molécula de DNA é formada por duas cadeias carac- Colestorol (mg/100 g)
terizadas por sequências de bases nitrogenadas. Alimento
Cru Cozido
B na molécula de DNA, podem existir diferentes tipos de
Carne de frango (branca) sem pele 58 75
complementação de bases nitrogenadas.
Carne de frango (escura) sem pele 80 124
C a quantidade de A presente em uma das cadeias é
Pele de frango 104 139
exatamente igual à quantidade de A da cadeia comple-
Carne suína (bisteca) 49 97
mentar.
Carne suína (toucinho) 54 56
D na molécula de DNA, podem existir 5 diferentes tipos
Carne bovina (contrafilé) 51 66
de bases nitrogenadas.
Carne bovina (músculo) 52 67
E no processo de mitose, cada molécula de DNA dá ori-
gem a 4 moléculas de DNA exatamente iguais. Com base nessas informações, avalie as afirmativas a seguir.
I. O risco de ocorrerem doenças cardiovasculares por inges-
tões habituais da mesma quantidade de carne é menor se
QUESTÃO 144 esta for carne branca de frango do que se for toucinho.
A identificação da estrutura do DNA foi fundamental para II. Uma porção de contrafilé cru possui, aproximadamen-
compreender seu papel na continuidade da vida. Na déca- te, 50% de sua massa constituída de colesterol.
da de 1950, um estudo pioneiro determinou a proporção III. A retirada da pele de uma porção cozida de carne escura
de frango altera a quantidade de colesterol a ser ingerida.
das bases nitrogenadas que compõem moléculas de DNA
IV. A pequena diferença entre os teores de colesterol en-
de várias espécies. contrados no toucinho cru e no cozido indica que esse
Exemplos de mate- BASES NITROGENADAS
tipo de alimento é pobre em água.
riais analisados É correto apenas o que se afirma em:
Adenina Guanina Citosina Timina A I e II.
Espermatozoide
30,7% 19,3% 18,8% 31,2%
B I e III.
humano C II e III.
Fígado humano 30,4% 19,5% 19,9% 30,2% D II e IV.
Medula óssea de rato 28,6% 21,4 % 21,5 % 28,5% E III e IV.
Espermatozoide QUESTÃO 146
32,8% 17,7% 18,4% 32,1%
de ouriço-do-mar
O gráfico abaixo representa a evolução da quantidade de
Plântulas de trigo 27,9% 21,8% 22,7% 27,6% oxigênio na atmosfera no curso dos tempos geológicos. O
Bactéria E. coli 36,1% 24,8% 23,9% 25,1% número 100 sugere a quantidade atual de oxigênio na at-
mosfera, e os demais valores indicam diferentes porcen-
A comparação das proporções permitiu concluir que ocor- tagens dessa quantidade.
re emparelhamento entre as bases nitrogenadas e que
elas formam:
A pares de mesmo tipo em todas as espécies, eviden-
ciando a universalidade da estrutura do DNA.
B pares diferentes de acordo com a espécie considera-
da, o que garante a diversidade da vida.
C pares diferentes em diferentes células de uma espécie,
como resultado da diferenciação celular.
D pares específicos apenas nos gametas, pois essas
células são responsáveis pela perpetuação das espé-
cies.
E pares específicos somente nas bactérias, pois esses
organismos são formados por uma única célula.

QUESTÃO 145
Defende-se que a inclusão da carne bovina na dieta é im-
De acordo com o gráfico, é correto afirmar que:
portante, por ser uma excelente fonte de proteínas. Por A as primeiras formas de vida surgiram na ausência de O2.
outro lado, pesquisas apontam efeitos prejudiciais que B a atmosfera primitiva apresentava 1% de teor de oxigênio.
a carne bovina traz à saúde, como o risco de doenças C após o início da fotossíntese, o teor de oxigênio na at-
cardiovasculares. Devido aos teores de colesterol e de mosfera mantém-se estável.
gordura, há quem decida substituí-la por outros tipos de D desde o Pré-cambriano, a atmosfera mantém os mes-
carne, como a de frango e a suína. O quadro a seguir mos níveis de teor de oxigênio.
apresenta a quantidade de colesterol em diversos tipos de E na escala evolutiva da vida, quando surgiram os anfí-
carne crua e cozida. bios, o teor de oxigênio atmosférico já se havia estabi-
lizado.

16 CN - 2º dia
QUESTÃO 147 QUESTÃO 150
As plantas insetívoras, ou carnívoras, vivem, geralmente, De acordo com o Catálogo Brasileiro de Engenharia Sani-
em solos pobres em nutrientes. Com base nessa informa- tária e Ambiental de 1994 (17ª edição), a percentagem da
ção e em outros conhecimentos sobre o assunto, é IN- população do Rio Grande do Norte beneficiada com água
CORRETO afirmar que as plantas insetívoras: encanada era 57,5%; com esgoto sanitário era 7,4%. Os
A podem realizar respiração celular. dados anteriores indicam que essa população corria o ris-
B são consideradas produtores primários. co de contrair doenças como:
C usam matéria orgânica de suas presas para fotossíntese. A leishmaniose e malária.
D utilizam nutrientes das presas no seu metabolismo. B salmonelose e tricomoníase.
E realizam fotossíntese. C ancilostomose e cólera.
D pediculose e dengue.
QUESTÃO 148 E Chagas e malária.

Um estudante do ensino médio, ao ler sobre o tegumento QUESTÃO 151


humano, fez a seguinte afirmação ao seu professor: “o ho-
mem moderno não apresenta tantos pelos como os seus Um automóvel de passeio, em uma reta longa de uma ro-
ancestrais, pois deixou de usar esses anexos como iso- dovia, viaja em velocidade constante de 100 km/h, e à sua
lante térmico. Isso só foi possível porque o homem adqui- frente, à distância de 1,00 km, está um caminhão que via-
riu uma inteligência que permitiu a confecção de roupas, ja em velocidade constante de 80 km/h. O automóvel tem
protegendo-o do frio.” Diante dessa informação dada pelo de comprimento 4,50 m e o caminhão, 30,0 m. A distância
aluno, o professor explicou que isso: percorrida pelo carro até ultrapassar completamente o ca-
A não ocorreu e a informação está de acordo com a teo- minhão é, aproximadamente, igual a:
ria evolutiva de Lamarck, que pressupõe que estrutu- A 517 m.
ras do corpo que não são solicitadas desaparecem e B 20,7 km.
essas características adquiridas são transmitidas aos C 515 m.
descendentes. D 5,15 km.
B não ocorreu e a informação está de acordo com a teo- E 5,17 km.
ria evolutiva de Lamarck, que pressupõe que existe va-
riação genotípica entre indivíduos, sendo que aqueles QUESTÃO 152
portadores de características adaptativas conseguem
sobreviver e deixar descendentes. Coloca-se 1,50 kg de gelo, à temperatura de 0 ºC, no inte-
C não ocorreu e a informação está de acordo com a teoria rior de um forno de micro-ondas de potência 1,0 kW. Sa-
evolutiva de Stephen Jay Gould, que pressupõe que os be-se que Lgelo ≅ 320.000 J/kg. O tempo de funcionamento
seres vivos não se modificam por interferência ambien- a que se deve programar o forno de micro-ondas para que
tal, mas sim por alterações genéticas intrínsecas. toda a energia fornecida seja absorvida pelo gelo apenas
D ocorreu de fato e a informação está de acordo com a para fundi-lo é:
teoria evolutiva de Darwin, que pressupõe que os se- A 5,0 min.
res vivos com características adaptativas favoráveis B 3,0 min.
têm maiores chances de viver. C 1,5 min.
E ocorreu de fato e a informação está de acordo com a D 8,0 min.
teoria evolutiva de Darwin, que pressupõe que os se- E 10 min.
res vivos por necessidade vão se modificando ao longo
do tempo. QUESTÃO 153

Quando um patinador desliza sobre o gelo, o seu desliza-


QUESTÃO 149 mento é facilitado, sendo o atrito diminuído, porque parte
do gelo se transforma em água. Se o gelo se encontra a
A Rifampicina é um dos antibióticos utilizados para o trata-
uma temperatura inferior a 0 °C, isso ocorre porque
mento da tuberculose. Seu mecanismo de ação consiste
A o aumento da pressão sobre o gelo diminui a tempera-
na inibição da transcrição nas células de Mycobacterium
tura de fusão.
tuberculosis. Sob ação do antibiótico, nas células bacte-
B a pressão sobre o gelo e a temperatura de fusão não
rianas haverá comprometimento:
se alteram.
A exclusivamente da produção de proteínas. C a diminuição da pressão sobre o gelo diminui a tempe-
B exclusivamente da produção de DNA. ratura de fusão.
C exclusivamente da produção de RNA. D o aumento da pressão sobre o gelo aumenta a tempe-
D da produção de RNA e de proteínas. ratura de fusão.
E da produção de DNA e RNA. E o aumento da temperatura de vaporização faz com que
o gelo derreta.

17 CN - 2º dia
QUESTÃO 154 A A − menor que a
O Sistema Internacional de unidades (SI) adota sete uni- B A − maior que a
dades fundamentais para grandezas físicas. Por exemplo, C B − maior que a
a unidade da intensidade de corrente elétrica é o ampère, D B − menor que a
cujo símbolo é A. Para o estudo da Mecânica, usam-se E A − igual à
três unidades fundamentais associadas às grandezas físi-
cas: comprimento, massa e tempo. QUESTÃO 157
Nesse sistema, a unidade de potência mecânica é: Assinale a alternativa que preenche corretamente as lacu-
A s3 ⋅ (kg/m2). nas do texto a seguir, na ordem em que aparecem.
B kg ⋅ (m/s2). A figura que segue representa um anel de alumínio homo-
C kg ⋅ (m2/s3). gêneo, de raio interno Ra e raio externo Rb, que se encon-
D kg ⋅ (m2/s). tra à temperatura ambiente.
E (m/s2)/kg.

QUESTÃO 155
Recentemente foi divulgado pela revista norte-americana
Nature a descoberta de um planeta potencialmente ha-
bitável (ou com capacidade de abrigar vida) na órbita de
Próxima Centauri, a estrela mais próxima do nosso siste-
ma solar. Chamado de Próxima-B, o nosso vizinho está Se o anel for aquecido até a temperatura de 200 °C, o raio
a “apenas” 4,0 anos-luz de distância e é considerada a Ra .......... e o raio Rb .......... .
menor distância entre a Terra e um exoplaneta. A aumentará − aumentará
Considerando que a sonda espacial Helios B (desen- B aumentará − permanecerá constante
volvida para estudar os processos solares e que atinge C permanecerá constante − aumentará
uma velocidade máxima recorde de aproximadamente D diminuirá − aumentará
250.000 km/h fosse enviada a esse exoplaneta, numa ten- E diminuirá − permanecerá constante
tativa de encontrar vida, qual a ordem de grandeza, em
anos, dessa viagem? QUESTÃO 158
Considere que o movimento da sonda é retilíneo unifor- Na figura são mostradas quatro placas metálicas retangu-
me, que 1 ano-luz = 1 x 1013 km e que 1 ano terrestre lares feitas de um mesmo material. A medida de cada um
tenha exatos 365 dias. dos lados dessas placas vale L, 2L ou 3L. A temperatura
Fonte: adaptado de http://www.newsjs.com – redação das placas sofre um aumento ∆T a partir de um mesmo
olhardigital.uol.com.br. Acesso em 01/09/2016. valor inicial,T0.
A 100 anos. Marque a alternativa onde as relações entre os aumentos,
B 101 anos. ∆A, nas áreas das placas estão indicadas corretamente.
C 102 anos.
D 103 anos.
E 104 anos.

QUESTÃO 156
Dois cubos metálicos com dimensões idênticas, um de
ouro (A), outro de chumbo (B), estão sobre uma placa A ∆A4 = ∆A1 > ∆A2 = ∆A3
aquecedora, inicialmente em temperatura ambiente. B ∆A1 > ∆A2 > ∆A3 > ∆A4
A tabela a seguir apresenta algumas das propriedades C ∆A3 > ∆A2 > ∆A1 = ∆A4
térmicas desses dois materiais. D ∆A4 > ∆A3 > ∆A2 = ∆A1
E ∆A2 = ∆A3 > ∆A1 = ∆A4
Propriedades térmicas A ouro B chumbo
Condutividade térmica (W/m·K) 317 35 QUESTÃO 159
Coeficiente de dilatação linear (10 /K)
-6
15 29 Sentado em um banco, de frente para a praia, um estudan-
te observa um pequeno barco de pesca que se move len-
Calor específico (J/kg·K) 130 130 tamente no mar. Entre o seu banco e a praia, existe uma
Densidade / Massa específica (kg/m ) 19.600
3
11.400 fileira de palmeiras que, aparentemente, foram plantadas
Assinale a alternativa que preenche corretamente as lacu- na mesma época e, portanto, possuem aproximadamente
nas do texto a seguir, na ordem em que aparecem. o mesmo diâmetro. O estudante percebe que, quando a
vista do barco é encoberta pelo tronco de uma palmeira,
No topo de cada cubo é colocada uma cabeça de fósforo seu comprimento aparente corresponde exatamente ao
que fica em contato direto com o cubo. Os dois cubos são diâmetro da árvore. Ele resolve então medir, para cada
aquecidos a uma temperatura final levemente superior à árvore, o tempo transcorrido entre o instante em que o
de ignição do fósforo. barco começa a ser encoberto até o instante em que ele
Com base nos dados da tabela, conclui-se que o fósforo fica completamente encoberto, e verifica que para todas
acenderá primeiro no cubo ________ e que a aresta do as palmeiras ele é praticamente o mesmo, 4 s. A seguir,
cubo A será _________ do cubo B no estado de equilíbrio olhando ao seu redor, o estudante verifica que, ancorados
térmico. num porto próximo à praia, estão outros barcos iguais ao

18 CN - 2º dia
que ele observa no mar e resolve medir seu comprimento, tentativa de explicar o fenômeno, 6 alunos fizeram os se-
obtendo 10 m. Finalmente, medindo a distância entre o guintes comentários:
ponto de observação e as palmeiras, bem como o diâ-
metro das árvores, ele obtém, respectivamente, 16 m e João: A esfera 1 pode estar eletrizada negativamente, e a
25 cm. A partir destes dados, ele pôde calcular a distân- esfera 2, positivamente.
cia entre o barco e a sua posição de observação, bem Maria: A esfera 1 pode estar eletrizada positivamente e a
como a velocidade com que o barco se deslocava no mar. esfera 2 negativamente.
Assinale a alternativa que apresenta, respectivamente, os Letícia: A esfera 1 pode estar eletrizada negativamente, e
resultados encontrados pelo estudante. a esfera 2 neutra.
A 450 m e 2,1 m/s. Joaquim: A esfera 1 pode estar neutra e a esfera 2 eletri-
B 640 m e 2,5 m/s. zada positivamente.
C 640 m e 8,0 m/s. Marcos: As esferas 1 e 2 podem estar neutras.
D 1.100 m e 2,5 m/s. Marta: As esferas 1 e 2 podem estar eletrizadas positiva-
E 1.100 m e 7,0 m/s. mente.

Assinale a alternativa que apresenta os alunos que fize-


QUESTÃO 160 ram comentários corretos com relação aos fenômenos
O gráfico mostra a variação da posição de uma partícula observados:
em função do tempo. A somente João e Maria.
B somente João e Letícia.
C somente Joaquim e Marta.
D somente João, Letícia e Marcos.
E somente Letícia e Maria.

QUESTÃO 163
Um pedaço de gelo a 0 °C é colocado em 200 g de água a
30 °C, num recipiente de capacidade térmica desprezível
e isolado termicamente. O equilíbrio térmico se estabele-
Analisando o gráfico, é correto afirmar: ce em 20 °C. O calor latente de fusão do gelo é 80 cal/g
A É nulo o deslocamento da partícula de 0 a 15 s. e o calor específico da água é 1,0 cal/g.°C. A massa do
B A velocidade da partícula é negativa entre 0 e 10 se- pedaço de gelo, usado no experimento, é:
gundos. A 10 g.
C A aceleração da partícula vale 20 m/s2. B 20 g.
D A velocidade da partícula é nula no instante 10 s. C 30 g.
E A velocidade da partícula é constante e vale 20 m/s. D 40 g.
E 50 g.
QUESTÃO 161
Um corpo possui 5·1019 prótons e 4·1019 elétrons. QUESTÃO 164
Considerando a carga elementar igual a 1,6·10-19 C, este O clima de regiões próximas de grandes massas de água,
corpo está: como mares e lagos, caracteriza-se por uma grande es-
A carregado negativamente com uma carga igual a 1·10-19 C. tabilidade térmica, ao contrário de regiões no interior do
B neutro. continente, onde há acentuadas variações de temperatura
C carregado positivamente com uma carga igual a 1,6 C. entre o dia e a noite. A propriedade que torna a água um
D carregado negativamente com uma carga igual a 1,6 C. regulador de temperatura é:
E carregado positivamente com uma carga igual a 1·10-19 C. A sua grande condutividade térmica.
B sua grande densidade.
QUESTÃO 162 C seu elevado calor específico.
Em uma experiência realizada em sala de aula, o profes- D seu pequeno calor específico.
sor de Física usou três esferas metálicas, idênticas e nu- E sua grande condutividade magnética.
meradas de 1 a 3, suspensas por fios isolantes em três
arranjos diferentes, como mostra a figura abaixo: QUESTÃO 165
Neste sábado, começa a maior, mais famosa e mais es-
perada competição do ciclismo mundial, o Tour de France.
(...) Do dia 2 ao dia 24 de julho, os ciclistas vão encarar as
grandes montanhas francesas e as mais belas paisagens
em busca da tão sonhada camisa amarela. (...) Serão vin-
te e duas etapas – nove planas, uma de alta montanha,
nove de montanha e duas de relógio individual – e 3.519 km
percorridos ao longo de todo o território francês, uma mé-
Inicialmente, o Professor eletrizou a esfera 3 com carga dia de 167,5 km pedalados por dia.
negativa. Na sequência, o professor aproximou a esfera Fonte: http://espn.uol.com.br/noticia/610082_
1 da esfera 3 e elas se repeliram. Em seguida, ele apro- equipes-favoritos-camisas-e-curiosidades-saiba-
ximou a esfera 2 da esfera 1 e elas se atraíram. Por fim, tudo-sobre-o-tour-de-france-2016. Acessado
aproximou a esfera 2 da esfera 3 e elas se atraíram. Na em 15 de julho de 2016. (Adaptado)

19 CN - 2º dia
Ao longo dessa competição, um ciclista viaja por diversos A troca de átomos entre as diferentes moléculas do ma-
locais, onde ele e sua bicicleta experimentam as mais di- terial.
ferentes temperaturas. Desejando um melhor desempe- B transmutação nuclear dos elementos químicos do ma-
nho aerodinâmico na prova, um atleta analisa o compor- terial.
tamento geométrico dos raios (barras cilíndricas maciças) C redistribuição de prótons entre os diferentes átomos do
disponíveis para instalar nas rodas de sua bicicleta, com a material.
variação de temperatura. Em seu experimento, dois raios D mudança na estrutura espacial formada pelos diferen-
de alumínio, A e B, de comprimentos L e 2L e diâmetros 4r tes constituintes do material.
e 2r, respectivamente, são aquecidos até a mesma tem- E alteração nas proporções dos diferentes isótopos de
peratura, a partir de uma mesma temperatura inicial. cada elemento presente no material.
A razão entre o aumento de volume do raio A com respeito
ao raio do tipo B é: QUESTÃO 168
A 1:1. Uma pessoa é responsável pela manutenção de uma sau-
B 1:2. na úmida. Todos os dias, cumpre o mesmo ritual: colhe
C 2:1. folhas de capim-cidreira e algumas folhas de eucalipto.
D 1:4. Em seguida, coloca as folhas na saída do vapor da sauna,
E 4:1. aromatizando-a, conforme representado na figura.

QUESTÃO 166
O ambiente marinho pode ser contaminado com rejeitos
radioativos provenientes de testes com armas nucleares.
Os materiais radioativos podem se acumular nos orga-
nismos. Por exemplo, o estrôncio − 90 é quimicamente
semelhante ao cálcio e pode substituir esse elemento nos
processos biológicos.
FIGUEIRA, R. C. L.; CUNHA, I. I. L. A contaminação
dos oceanos por radionuclídeos antropogênicos.
Química Nova na Escola, n. 1, 1998 (adaptado).

Um pesquisador analisou as seguintes amostras coleta-


das em uma região marinha próxima a um local que mani-
pula o estrôncio radioativo: coluna vertebral de tartarugas,
concha de moluscos, endoesqueleto de ouriços-do-mar,
sedimento de recife de corais e tentáculos de polvo.
Em qual das amostras analisadas a radioatividade foi menor? Qual processo de separação é responsável pela aromati-
A Concha de moluscos zação promovida?
B Tentáculos de polvo A Filtração simples
C Sedimento de recife de corais B Destilação simples
D Coluna vertebral de tartarugas C Extração por arraste
E Endoesqueleto de ouriços-do-mar D Sublimação fracionada
E Decantação sólido-líquido
QUESTÃO 167
Primeiro, em relação àquilo a que chamamos água, quan- QUESTÃO 169
do congela, parece-nos estar a olhar para algo que se tor- Em Bangladesh, mais da metade dos poços artesianos,
nou pedra ou terra, mas quando derrete e se dispersa, cuja água serve à população local, está contaminada com
esta torna-se bafo e ar; o ar, quando é queimado, torna- arsênio proveniente de minerais naturais e de pesticidas.
-se fogo; e, inversamente, o fogo, quando se contrai e se O arsênio apresenta efeitos tóxicos cumulativos. A ONU
extingue, regressa à forma do ar; o ar, novamente con- desenvolveu um kit para tratamento dessa água a fim de
centrado e contraído, torna-se nuvem e nevoeiro, mas, a torná-la segura para o consumo humano. O princípio des-
partir destes estados, se for ainda mais comprimido, tor- se kit é a remoção do arsênio por meio de uma reação de
na-se água corrente, e de água torna-se novamente terra precipitação com sais de ferro (III) que origina um sólido
e pedras; e deste modo, como nos parece, dão geração volumoso de textura gelatinosa.
uns aos outros de forma cíclica. Disponível em: http://tc.iaea.org. Acesso
PLATÃO. Timeu-Crítias. Coimbra: CECH, 2011. em: 11 dez. 2012 (adaptado).

Do ponto de vista da ciência moderna, os “quatro ele- Com o uso desse kit, a população local pode remover o
mentos” descritos por Platão correspondem, na verdade, elemento tóxico por meio de:
às fases sólida, líquida, gasosa e plasma da matéria. As A fervura.
transições entre elas são hoje entendidas como conse- B filtração.
quências macroscópicas de transformações sofridas pela C destilação.
matéria em escala microscópica. D calcinação.
Excetuando-se a fase de plasma, essas transformações E evaporação.
sofridas pela matéria, em nível microscópico, estão asso-
ciadas a uma:

20 CN - 2º dia
QUESTÃO 170 Que valor mais próximo de massa de zinco metálico, em
A minimização do tempo e custo de uma reação química, quilogramas, será produzido a partir de 100 kg de esfale-
bem como o aumento na sua taxa de conversão, carac- rita?
teriza a eficiência de um processo químico. Como con- A 25
sequência, produtos podem chegar ao consumidor mais B 33
baratos. Um dos parâmetros que mede a eficiência de C 40
uma reação química é o seu rendimento molar (R, em %), D 50
nproduto
________ E 54
definido como R = ​​ n   ​​ · 100, em que n corresponde
reagente limite
ao número de mol. O metanol (CH3OH) pode ser obtido QUESTÃO 173
pela reação entre brometo de metila (CH3Br) e hidróxido Grandes fontes de emissão do gás dióxido de enxofre são
de sódio (NaOH), conforme a equação química: as indústrias de extração de cobre e níquel, em decor-
CH3Br + NaOH → CH3OH + NaBr rência da oxidação dos minérios sulfurados. Para evitar
a liberação desses óxidos na atmosfera e a consequen-
As massas molares em g/mol desses alimentos, são: te formação da chuva ácida, o gás pode ser lavado, em
H = 1; C = 12; O = 16; Na = 23; Br = 80. um processo conhecido como dessulfurização, conforme
O rendimento molar da reação, em que 32 g de metanol mostrado na equação (1).
foram obtidos a partir de 142,5 g de brometo de metila e
80 g de hidróxido de sódio, é mais próximo de: CaCO3(s) + SO2(g) → CaSO3(s) + CO2(g) (1)
A 22%. Por sua vez, o sulfito de cálcio formado pode ser oxida-
B 40%. do, com o auxílio do ar atmosférico, para a obtenção do
C 50%. sulfato de cálcio, como mostrado na equação (2). Essa
D 67%. etapa é de grande interesse porque o produto da reação,
E 75%. popularmente conhecido como gesso, é utilizado para fins
agrícolas.
QUESTÃO 171
2CaSO3(s) + O2(g) → 2CaSO4(s) (2)
A energia nuclear é uma alternativa aos combustíveis
fósseis que, se não gerenciada de forma correta, pode As massas molares dos elementos carbono, oxigênio, en-
causar impactos ambientais graves. O princípio da gera- xofre e cálcio são iguais a 12 g/mol, 16 g/mol, 32 g/mol e
ção dessa energia pode se basear na reação de fissão 40 g/mol, respectivamente.
controlada do urânio por bombardeio de nêutrons, como BAIRD, C. Química ambiental. Porto
ilustrado: Alegre: Bookman. 2002 (adaptado).
235
U + n → 95Sr + 139Xe + 2n + energia Considerando um rendimento de 90% no processo, a
Um grande risco decorre da geração do chamado lixo atô- massa de gesso obtida, em gramas por mol de gás retido,
mico, que exige condições muito rígidas de tratamento e é mais próxima de:
armazenamento para evitar vazamentos para o meio am- A 64.
biente. B 108.
Esse lixo é prejudicial, pois: C 122.
A favorece a proliferação de microrganismos termófilos. D 136.
B produz nêutrons livres que ionizam o ar, tornando-o E 245.
condutor.
C libera gases que alteram a composição da atmosfera QUESTÃO 174
terrestre. O brasileiro consome em média 500 miligramas de cál-
D acentua o efeito estufa decorrente do calor produzido cio por dia, quando a quantidade recomendada é o dobro.
na fissão. Uma alimentação balanceada é a melhor decisão pra evi-
E emite radiação capaz de provocar danos à saúde dos tar problemas no futuro, como a osteoporose, uma doen-
seres vivos. ça que atinge os ossos. Ela se caracteriza pela diminuição
substancial de massa óssea, tornando os ossos frágeis e
QUESTÃO 172 mais suscetíveis a fraturas.
Para proteger estruturas de aço da corrosão, a indústria Disponível em: www.anvisa.gov.br. Acesso
utiliza uma técnica chamada galvanização. Um metal bas- em: 1 ago. 2012 (adaptado).
tante utilizado nesse processo é o zinco, que pode ser ob-
Considerando-se o valor de 6 · 1023 mol-1 para a constante
tido a partir de um minério denominado esfalerita (Zns), de
de Avogadro e a massa molar do cálcio igual a 40 g/mol,
pureza 75%. Considere que a conversão do minério em
qual a quantidade mínima diária de átomos de cálcio a ser
zinco metálico tem rendimento de 80% nesta sequência
ingerida para que uma pessoa supra suas necessidades?
de equações químicas:
A 7,5 · 1021
2ZnS + 3O2 → 2ZnO + 2SO2 B 1,5 · 1022
ZnO + CO → Zn + CO2 C 7,5 · 1023
D 1,5 · 1025
Considere as massas molares: ZnS (97 g/mol);
E 4,8 · 1025
O2 (32 g/mol); ZnO (81 g/mol); SO2 (64 g/mol);
CO (28 g/mol); CO2 (44 g/mol); e Zn (65 g/mol).

21 CN - 2º dia
QUESTÃO 175
A produção de aço envolve o aquecimento do minério de
ferro, junto com carvão (carbono) e ar atmosférico em uma
série de reações de oxirredução. O produto é chamado de
ferro-gusa e contém cerca de 3,3% de carbono. Uma for-
ma de eliminar o excesso de carbono é a oxidação a partir
do aquecimento do ferro-gusa com gás oxigênio puro. Os
dois principais produtos formados são aço doce (liga de fer-
ro com teor de 0,3% de carbono restante) e gás carbônico.
As massas molares aproximadas dos elementos carbono e
oxigênio são, respectivamente, 12 g/mol e 16 g/mol.
LEE, J. D. Química Inorgânica não tão concisa.
São Paulo: Edgard Blücher, 1999 (adaptado).

Considerando que um forno foi alimentado com 2,5 tone-


ladas de ferro-gusa, a massa de gás carbônico formada,
em quilogramas, na produção de aço doce, é mais próxi-
ma de: A análise da água de um lago que recebe a descarga
A 28. de águas residuais provenientes de lavouras adubadas
B 75.
revelou as concentrações dos elementos carbono (21,2
C 175.
mol/L), nitrogênio (1,2 mol/L) e fósforo (0,2 mol/L). Nessas
D 275.
E 303. condições, o nutriente limítrofe é o:
A C.
B N.
QUESTÃO 176
C P.
Aspartame é um edulcorante artificial (adoçante dietético) D CO2.
que apresenta potencial adoçante 200 vezes maior que o E PO4.
açúcar comum, permitindo seu uso em pequenas quanti-
dades. Muito usado pela indústria alimentícia, principal- QUESTÃO 178
mente nos refrigerantes diet, tem valor energético que O peróxido de hidrogênio (H2O2) é comumente utilizado
corresponde a 4 calorias/grama. É contraindicado a por- como antisséptico e alvejante. Também pode ser empre-
tadores de fenilcetonúria, uma doença genética rara que gado em trabalhos de restauração de quadros enegreci-
provoca o acúmulo da fenilalanina no organismo, causan- dos e no clareamento de dentes. Na presença de solu-
do retardo mental. O IDA (índice diário aceitável) desse ções ácidas de oxidantes, como o permangato de potásio
adoçante é 40 mg/kg de massa corpórea. (KMnO4), este óxido decompõe-se, conforme a equação
Disponível em: http://boaspraticasfarmaceuticas. a seguir:
blogspot.com. Acesso em: 27 fev. 2012.
5H2O2(aq) + 2KMnO4(aq) + 3H2SO4(aq) →
Com base nas informações do texto, a quantidade máxi- 5O2(g) + 2MnSO4(aq) + K2SO4(aq) + 8H2O()
ma recomendada de aspartame, em mol, que uma pessoa
ROCHA-FILHO, R. C. R.; SILVA, R. R. Introdução aos
de 70 kg de massa corporal pode ingerir por dia é mais Cálculos da Química. São Paulo: McGraw-Hill, 1992.
próxima de:
Dado: massa molar do aspartame = 294 g/mol De acordo com a estequiometria da reação descrita, a
A 1,3 · 10−4. quantidade de permanganato de potássio necessária para
B 9,5 · 10−3. reagir completamente com 2 · 10-3 mol de peróxido de hi-
C 4 · 10−2. drogênio é igual a:
A 2,0 · 100 mol.
D 2,6.
B 2,0 · 10-3 mol.
E 823.
C 8,0 · 10-1 mol.
D 8,0 · 10-4 mol.
QUESTÃO 177 E 5,0 · 10-3 mol.
A eutrofização é um processo em que rios, lagos e mares
adquirem níveis altos de nutrientes, especialmente fosfa- QUESTÃO 179
tos e nitratos, provocando posterior acúmulo de matéria O flúor é usado de forma ampla na prevenção de cáries.
orgânica em decomposição. Os nutrientes são assimila- Por reagir com a hidroxiapatita [Ca10(PO4)6(OH)2] presen-
dos pelos produtores primários e o crescimento desses te nos esmaltes dos dentes, o flúor forma a fluorapatita
[Ca10(PO4)6F2], um mineral mais resistente ao ataque áci-
é controlado pelo nutriente limítrofe, que é o elemento
do decorrente da ação de bactérias específicas presentes
menos disponível em relação à abundância necessária à
nos açúcares das placas que aderem aos dentes.
sobrevivência dos organismos vivos. O ciclo representado
Disponível em: http://www.odontologia.com.
na figura seguinte reflete a dinâmica dos nutrientes em br. Acesso em: 27 jul. 2010 (adaptado).
um lago.

22 CN - 2º dia
A reação de dissolução da hidroxiapatita é:
[Ca10(PO4)6(OH)2](s) + 8H+(aq) → 10Ca2+(aq) + 6HPO​​ 
2-
4​​(aq)
   +
2H2O()
Dados: Massas molares em g/mol − [Ca10(PO4)6(OH)2] =
1.004; HPO​​ 
2-
4​​  = 96; Ca = 40.

Supondo-se que o esmalte dentário seja constituído exclu-


sivamente por hidroxiapatita, o ataque ácido que dissolve
completamente 1 mg desse material ocasiona a formação
de, aproximadamente:
A 0,14 mg de íons totais.
B 0,40 mg de íons totais.
C 0,58 mg de íons totais.
D 0,97 mg de íons totais.
E 1,01 mg de íons totais.

QUESTÃO 180
Atualmente, sistemas de purificação de emissões poluido-
ras estão sendo exigidos por lei em um número cada vez
maior de países. O controle das emissões de dióxido de
enxofre gasoso, provenientes da queima de carvão que
contém enxofre, pode ser feito pela reação desse gás com
uma suspensão de hidróxido de cálcio em água, sendo
formado um produto não poluidor do ar.
A queima do enxofre e a reação do dióxido de enxofre
com o hidróxido de cálcio, bem como as massas de algu-
mas das substâncias envolvidas nessas reações, podem
ser assim representadas:
enxofre (32 g) + oxigênio (32 g) → dióxido de enxofre (64 g)
dióxido de enxofre (64 g) + hidróxido de cálcio (74 g) →
produto não poluidor
Dessa forma, para absorver todo o dióxido de enxofre pro-
duzido pela queima de uma tonelada de carvão (contendo
1% de enxofre), é suficiente a utilização de uma massa de
hidróxido de cálcio de, aproximadamente:
A 23 kg.
B 43 kg.
C 64 kg.
D 74 kg.
E 138 kg.

23 CN - 2º dia