Você está na página 1de 4

Obi e Orogbo

Apalavra obi, se refere à noz de cola fresca nativo da África, especificamente o OBI
ABATA. Varia de branco, a escuridão vermelho.
É DITO QUE O OBI VEIO A AIYE (TERRA) COM DUAS IRMÃS OBI ABATA E OBI
GBANJA. OBI ABATA, O TIPO DE OBI USADO EM OBRIGAÇÕES PARA ÒRISÁS.

FLOR DE NOZ DE COLA

A cola é um árvore da família das esterculiáceas, conhecidas na África ocidental por


árvores de noz-de-cola. Suas folhas são ovais e persistentes. As flores são
unissexuais ou poligâmicas, em forma de cálice. Os frutos são lenhosos.

A COLA É UM SÍMBOLO DE UNIDADE ENTRE OS HOMENS E DEUS. A NOZ-DE-


COLA REPRESENTA A VIDA, POR ISSO, É OFERECIDA NA ORAÇÃO E NOS
RITOS QUE CELEBRAM A ALEGRIA DE VIVER, O AMOR, A PAZ, A MÚTUA
COMPREENSÃO. COME-SE A NOZ-DE-COLA QUANDO NASCE UMA CRIANÇA,
QUANDO SE CELEBRA UM CASAMENTO, QUANDO MORRE UM PARENTE,
QUANDO UM NOVO CHEFE SOBE AO PODER, QUANDO TRIBOS SE
RECONCILIAM DEPOIS DE TRAVAR UMA GUERRA, QUANDO SE SELA UMA
NOVA AMIZADE ETC.

ENTRE OS IBOS, POVO DO SUDESTE DA NIGÉRIA, A NOZ-DE-COLA TEM UM


GRANDE VALOR SIMBÓLICO E RELIGIOSO. POR ISSO, COME-SE NOZ-DE-COLA
NOS ACONTECIMENTOS MAIS IMPORTANTES DA VIDA DESTE POVO.

1. Obì Noz de cola Acuminata. Obì e água (obì omi tùtu) são oferendas primordiais nos
cultos afro-descendentes.
2. Obì àbátá ifin – Obi 4 partes branco - Oferenda exclusiva de Obatalá.
3. Obì abatá pupa – Obi vermelho. Serve de oferenda para qualquer òrixás.

OBI GBANJA É A NOZ DE COLA QUE SÓ POSSUI DOIS LÓBULOS. OBI GBANJA NÃO
É USADO EM OBI ADIVINHAÇÃO, EMBORA É CONSUMIDO POR PESSOAS POR
RAZÕES SECULARES, PRINCIPALMENTE DEVIDO A SEU ALTO CONCENTRAÇÃO
DE CAFEÍNA E USADO COMO UM ESTIMULANTE.

OBI MACHO E OBI FÊMEA, DEPOIS DE ABERTOS. CADA OBI TEM 2 MACHOS E
DUAS FEMEAS
OBI MACHO - TEM UM SEGEMENTO RETILINEO AO CENTRO

OBI FÊMEA - TEM UM SEGMENTO PLANO AO FINAL DA LINHA CENTRAL

OROGBO

Este é um fruto negro predileto de Egun e Sàngó, por ser um elemento de pura
ligação com Ikú (a morte). Isto porque Sàngó é um dos maiores representante
de Eegun, fato latente no culto Yorubà e ignorado aqui no Brasil, onde dizem
que Sàngó tem pavor a Egun isto acontece por falta de conhecerem que na
verdade é Sàngó.
Sàngó é tão quente quanto Eegun e o orogbo é o melhor fruto para ser
oferecido tanto no culto de egungun resultado da morte no culto a Sàngó
associado à Ikú por soa capacidade de destruição através do raio. Os orogbo
representam as pedras de raios no culto a Sàngó, já no culto a Eegun
representa os descendentes raciais ou familiares, por este fato está
relacionado à morte.
O orogbo por ser um fruto quente totalmente relacionado Ikú, por isso é
ofertado aos ancestrais, por este aspecto, quando um ser vivo parte orogbo e
oferece juntamente com mel a seus ancestrais, representa «ma comunhão do
físico com o espiritual, ou seja os seres vivos cultuam seus ancestrais
partilhando o fruto. Neste momento a morte é inteiramente representada pelo
orogbo principalmente por sua casca negra, entra em harmonia com a
vivacidade de Sàngó por ser um Orisá oriundo de Iká (norte), on seja, ele é on»
grande Egungun de inteira relação com dos os ancestrais cultuado na terra,
onde todos vivem totalmente sob o domínio do grande Rei da terra
(Òbàlúwàiyé). Muitos e muitos orogbos devem ser ofertados à Sàngó com mel,
o qual è sua fruta predileta de principal relação com Ikú e egun. Fatos
desconhecidos por muitos e ignorados por outros... Os principais òrisás que
também recebem oferta de orogbo é Esú, lyàmi-Òsòróngà, Ogúo, Òbàlúwàiyé,
Oyà, Òmólú, lyémowo-Iyémònjá e Òòrisànlà-Òbátálà só recebem •ferta de
Orogbo sem a casca exibindo sua parte branca.

Interesses relacionados