Você está na página 1de 44

TRABALHO INDIVIDUAL

COMPONENTE ELETRÓNICA

PELO

NOME : JUVIAL DOS REIS SOARES

N.R.E : 2016.03.05.088

SEMESTRE :V/A

UNIDADE CURRÍCULAR : ELETRÓNICA BÁSICA

UNIVERSIDADE NACIONAL TIMOR-LOROSA’E(UNTL)

FACULDADE EDUCAÇÃO ARTE E HUMANIDADE

DEPARTAMENTO ENSINO DA FÍSICA

ANO LECTIVO

2018
CAPÍTULO I

1. RESUMO

Deste trabalho é descrevermos algumas informações básicas sobre os componentes


eletrônicos, para que você consiga realizar experiências e montagens eletrônicas com
facilidade. Iremos conhecer e aprender a identificar os componentes fisicamente e no
esquema eletrônico, tendo consequentemente, condições básicas para realizar as experiências
e as montagens na prática. Sendo assim, as informações deste artigo são muito importantes
para sabermos distinguir e utilizar os componentes de maneira correta, ou seja, é importante
saber quem é quem e qual é qual antes de utilizar. Antes de partirmos para tão esperada parte
prática, é importante que você tenha em mente alguns conceitos de eletrônica e de
eletricidade, e só depois de conhecer estes conceitos você deverá dar início as montagens e
experiências (baixe o Curso de Eletrônica Básica em nosso site). Espero que este artigo
atenda os objetivos e seja útil para em seu aprendizado. Vamos lá!!!
Daftar Isi
1. Capitulo I ..................................................................................................................................... 4
1.1. Formulacao Poblema .............................................................................................................. 4
1.2. Objetivo................................................................................................................................... 4
1.3. Importancia ............................................................................................................................. 4
2. Capitulo II .................................................................................................................................... 5
2.1. Definicao ................................................................................................................................. 5
2.2. As Formulas ............................................................................................................................. 6
2.3. Esquema .................................................................................................................................. 6
2.4. As Teorias ................................................................................................................................ 8
3. Capitulo III ................................................................................................................................. 11
3.1. Esplicacao .............................................................................................................................. 11
4. Capitulo IV ................................................................................................................................. 13
4.1. Coclusao ................................................................................................................................ 13
4.2. Sugestoes .............................................................................................................................. 13
5. REFERENCIAS............................................................................................................................. 14
Tabela anexa ..................................................................................................................................... 15
Aplicações .............................................................................................................................................
Aplicações .............................................................................................................................................
INTRODUÇÃO

Os componentes são os blocos básicos de construçao do sistema eletronicos. A funçao de um


componente é manipular, de alguma forma, a corrente elétrca que circula através de um
circuito, por exemplo; para limitar, armazenar, interromper, amplificar, dirigir e transferir. A
seguir estao alguns dos principais tipos de componentes utilizados em elétronicas:

 Resistores (Resistências),
 Capacitors,
 Bobinas (Indutores)
 Transformadores,
 Diodos,
 Transitores,
 Tiristores,
 Circuitos integrados,
 Microfones,
 Alto-falantes,
 Lâmpadas,
 Fotoscélulas,
 Visualizadores,
 Termistores,
 Motores,
 Baterias,
 Fios e cabos,
 Interruptores,
 Relés,
 Fusíveis,
 Conectores,
 Circuitos impressos,
 Dissipadores de calor e
 Caixas de montagem.

 Os resistores, os capacitores, as bobinas e os transformsdores são conhecidos


coletivamente como componentes lineares passivas.
 Os diodos, os transistores, os tiristores, e os circuitos integrados formam parte
de um grupo muito importante de component conhecidos como
semicondutores. Os semicondutores, construidos geralmente a base de silícios,
sao os principais responsaveis pela revoluçao eletronica moderna.
 Os microfones, os altofalantes, as lâmpadas, as fotocélulas, os visualizadores,
os termitores, os motores e as baterias, por sua vez, sao membros de uma
familia muito destacada de componente eletronicos conhecidos coletivamente
como transdutores. Os transdutores convertem em energia (corrente) elétrica
em outras formas de energia e vice-versa, e permitem que os sistemas
elétronicos possam interagir com o mundo exterior.
 Os fios, os cabos, as placas do circuito impresso, os interruptores, os réles, os
conectores, os dissipadores de calor, as caixas de montagem, etc…sao
dispositivosque realize funçoes elétricas simples partindo de açoes mecanicas
internas ou externas. Por esta razao se dominam componentes
eletromecánicos. Esses tipos de elementos sao importante porque permitem
que os sistemas elétronicos possam se comunicar entre si ou com um homem.

1.1 FORMULAÇÃO PROBLEMA

O trabalho que nos emfrentamos durante que nos faz o trabalho sobre componente eletronico
que as seguintes :

 Como é que nos sabemos sobre componente eletronica?


 Qual é a diferencia entre componente passivo e ativo?

1.2 OBJECTIVO
 OBJECTIVO GERAL: Para saber ou entender as informações básicas sobre os
componentes eletrónicos.
 OBJECTIVO ESPECÍFICO: para identificar os componentes em fisicamente e
no esquema eletrónico,tendo consequentemente, condições básicas para realizar as
experências e montar na prática.
1.3 IMPORTÂNCIA

A importância do problema que enfrenta durante de fazer este trabalho como é que nos
sabemos sobre componente eletronico e bom conhecer sobre componentes passivos e ativos.
Dar um benefisio para aluno/a que sabia trabalho para desenvolver capasidade ,opinioes do
formato refere todos algumas coisas.
CAPÍTULO II
FUNDAMENTO TEÓRICO

Imagem 1. Componente elétrico.

2.1 DEFINIÇÃO

Os componentes eletrônicos são a estrutura de um circuito eletrônico, isto é, são os


componentes que fazem parte de qualquer circuito eléctrico ou eletrônico (desde os mais
simples aos mais complexos) e que estão interligados entre si. Pode também ser definido
como componente eletrônico todo dispositivo eléctrico que transmite a corrente eléctrica
através de um condutor ou semicondutor.

Uma válvula termoiônica é um dispositivo formado por uma ampola de vidro onde
internamente é criado um vácuo. Um transistor é um dispositivo inteiramente sólido onde
internamente existe um semicondutor. Assim, por definição, ambos são componentes
eletrônicos. Qualquer dispositivo que utiliza outros meios que não o vácuo ou
semicondutores para transmitir a corrente elétrica é denominado componente elétrico.
Componentes podem ser passivos ou ativos:

 Componentes passivos: na indústria elétrica são chamados de componentes elétricos;


 Componentes ativos: incluem semicondutores e válvulas termiônicas.

Podem ser empregados componentes que atuam de diversas maneiras, como a retificação
com o emprego dos diodos e a conversão da energia elétrica para a energia térmica com o uso
dos resistores de potência. O silício é muito usado para a fabricação desses componentes.
Resistor

O resistor é um dispositivo elétrico muito utilizado na eletrônica para controlar a quantidade


de corrente em um circuito, já que oferece resistência da passagem de elétrons, oferece
também a transformação de energia elétrica em energia térmica chamamos esse processo de
Joule( joule é a medição do calor). Alguns resistores são feitos de carbono sendo assim
podem apresentar uma resistência variável ou fixa.

CÓDIGO DE CORES E LEITURA DE RESISTORES

Os resistores são medidos em OHM (Ω ). Em alguns tipos este valor já vem indicado
direto nocorpo em forma de número. Porém a maioria usa um sistema de anéis coloridos para
indicar o valor,conforme visto abaixo:
LEI DE OHM
Esta lei relaciona a corrente elétrica que passa por um resistor com a tensão aplicada nosseus
terminais. A corrente é medida em Ampère (A), a tensão em Volt (V) e a resistênciaem Ohm
(Ω). Basta dividir a tensão pelo valor do resistor e saberemos a corrente que passa por
ele.Veja abaixo:

Conforme vemos abaixo, eles são usados para diminuir ou dividir a tensão em
váriospontos do circuitos. Desempenham papel fundamental na polarização dos transístores
eCIs (circuitos integrados) que são os principais componentes dos circuitos eletrônicos:
POTÊNCIA NOMINAL DO RESISTOR
É o máximo calor que um resistor pode suportar sem queimar. A potência nominal éindicada
em WATT e depende do tamanho da peça. Os resistores de grafite e metalfilmetem potência
nominal variando de 1/16 a 3 W. Os resistores de fio vão de 2 a 200 W.Abaixo vemos alguns
exemplos:
Capacitor

O capacitor é um componente que tem como característica o armazenamento de carga


elétrica. É constituído basicamente de duas placas separadas por um material isolante
(dielétrico). Seu funcionamento é simples, quando seus terminais são submetidos a uma
corrente elétrica as duas placas internas se carregam com as cargas positivas e negativas, a
partir daí diversos efeitos ocorrem e que são utilizados na elétrica e eletrônica. O principal
efeito é a capacitância a unidade de medida é o farad, no entanto está é uma unidade muito
grande por isso na maior parte das vezes se encontra sob a notação de µf (micro farad).
Capacitor eletrolítico

Possui polaridade e durante uma montagem ou substituição devemos estar atentos a esta
polaridade.Os capacitores eletrolíticos vem com uma faixa lateral indicando o terminal
negativo do capacitor, e estapolaridade deve ser respeitada na hora da montagem, caso
contrário o circuito não funcionará edependendo da tensão de trabalho o mesmo pode até
estourar. Abaixo você encontra alguns modelosreais de capacitor eletrolíticos.Na grande
maioria, tem sua capacidade medida em microfarad (μF).Outra especificação importante dos
capacitores é a sua tensão de trabalho, ou seja, qual a tensão maxima que suportam.

Em um esquema eletrônico identificamos o capacitor eletrolítico pelo seu símbolo,


independente dotamanho.Abaixo você encontra forma simbólica para o capacitor
eletrolítico.Atenção à polaridade.
Capacitor de Poliester

O capacitor de poliester é muito utilizado nas montagens eletrônica. Este tipo de capacitor,
geralmenteapresenta menor capacidade que os eletrolíticos, sendo da ordem de alguns
nanofarads (nF) até algunsmicrofarads (μF). Não tem polaridade como os eletrolíticos.
Abaixo você encontra alguns modelos reaisde capacitores de poliester.

Em um esquema eletrônico identificamos o capacitor de poliester pelo seu símbolo,


independente dotamanho e tensão de trabalho.Abaixo você encontra forma simbólica para o
capacitor poliéster.

Já o valor do capacitor pode ser impresso no corpo do mesmo de duas maneiras, irei
descrever as mais comuns na atualidade.
Capacitores Cerâmicos

O capacitor cerâmico também é muito utilizado nas montagens eletrônica, principalmente em


circuitososciladores e de RF. Este tipo de capacitor, geralmente apresenta menor capacidade
que os de poliester eeletrolíticos, sendo da ordem de alguns picofarads (pF) até centenas de
nanofarads (nF). Também nãopossui polaridade.Abaixo você encontra alguns modelos reais
de capacitores de cerâmica.

Em um esquema eletrônico identificamos o capacitor de cerâmica pelo seu símbolo,


independente dotamanho e tensão de trabalho.Abaixo você encontra forma simbólica para o
capacitor cerâmica.
A maneira como o valor do capacitor é impresso no corpo do capacitor de cerâmica é
bem igual ao ultimo exemplo do capacitor de poliester, principalmente nos mod. mais
comuns. Existe apenas uma diferença em relação ao capacitores de valores inferiores a 100
pF.

Nos tipos de baixos valores existe uma letra maiúscula que substitui a vírgula e a
capacitância é dada empicofarads. Por exemplo 4N7 ou 4J7 indicam 4,7 pF. Nos tipos de
maiores valores, continua valendo amesma regra, os dois primeiros dígitos formam a dezena
da capacitância e o terceiro o número de zeros,com o valor dado em picofarads. Por exemplo
103 significa 10 seguido de 3 zeros ou 10 000 pF.Ora, 10 000 pF equivale a 10 nF
(nanofarads).

Dica de mestre

Por que é importante seguir o tipo indicado de capacitor numa montagem? Os


capacitores, se bem quetenham por função armazenar cargas elétricas, são diferentes quanto a
outras propriedades que sãoimportantes numa montagem eletrônica.Por que não posso usar
um capacitor de poliéster onde se recomenda um cerâmico? Os capacitores depoliéster não
respondem as variações de sinais de altas frequências tão bem quanto os cerâmicos. Assim,
num circuito de alta frequência, um capacitor de poliéster pode não funcionar, dependendo de
sua função.É por este motivo, que nas listas de materiais ou mesmo nas recomendações para
montagem de certoscircuitos, deve-se seguir à risca a recomendação de se usar determinado
tipo de capacitor. Numtransmissor, por exemplo, se o capacitor indicado for cerâmico ele
deve ser desse tipo, sob pena doprojeto não funcionar.

Diodo

Diodo é um componente elétrico que tem por função permitir a passagem de corrente
somente numa direção, impedindo no sentido contrário. Isso é possível por meio das
características dos semicondutores como o silício e o germânio. O material em estado natural
é isolante, mas recebe uma dopagem e a partir daí começa a conduzir eletricidade, mas não
como um condutor comum e sim com certas características específicas a cada componente e
aplicação. No caso do diodo, este é formado por dois cristais de silício ou germânio, a
principal característica é conduzir a corrente somente em um sentido, tendo sua principal
aplicação como retificador de tensão, ou seja, converter uma corrente alternada em corrente
continua. Um dos cristais que o formam é chamado de P e outro de N. Sendo o P o anodo e N
o catodo. A corrente elétrica só flui do anodo para o catodo, ao contrário se comporta como
um isolante.

Diodos retificadores

Os diodos semicondutores são dispositivos que conduzem a corrente num único sentido. Por
este motive eles são utilizados tanto em funções lógicas como na retificação, ou seja, para
converter correntealternada em corrente contínua. Abaixo você encontra alguns modelos reais
de diodos.

Diodos de sinal São projetados para funcionarem com baixas correntes (menos de 1
A).Possuem o encapsulamento de vidro, podem ser de silício ou germânio e os
encontraremos nos circuitos chaveadores ou retificadores de baixa corrente.Abaixo você
encontra alguns modelos reais de diodos de sinal.

Em um esquema eletrônico identificamos os diodos pelo seu símbolo, independente


do tipo e da corrente, devendo observar as especificações fornecidas no esquema do circuito.
Abaixo você encontra a forma simbólicas para o diodo.

 Ponte de Diodos retificadores


Trata-se de um conjunto de diodos montado e conjunto chamado Ponte de diodos, este
conjunto écomposto por 4 diodos e pode ter diversos encapsulamentos com capacidade de
trabalhar com amplafaixa de corrente, dependendo do modelo de das características da ponte.

Abaixo você encontra algunsmodelos reais de ponte de diodos:

Em um esquema eletrônico identificamos as pontes de diodos pelo seu símbolo,


independente do tipo e da corrente, devendo observar as especificações fornecidas no
esquema do circuito.

Abaixo você encontra a forma simbólicas para uma ponte de diodo.

Diodo zeners

Estes diodos podem conduzir corrente no sentido inverso. Para isto devemos aplicar
tensão igual ou maior que a indicada no corpo dele. Quando um zener está conduzindo no
sentido inverso, ele mantém a tensão constante nos seus terminais. Portanto ele pode ser
usado como estabilizador, regulador de tensão ou em circuitos de proteção em circuitos de
baixa corrente. Abaixo você encontra alguns modelos reais de diodos zeners.

Em um esquema eletrônico identificamos as pontes de diodos pelo seu símbolo,


independente do tipo e da corrente, devendo observar as especificações fornecidas no
esquema do circuito. Abaixo você encontra a forma simbólicas para uma ponte de diodo.

LED
Dentre os diodos existe um tipo especial conhecido como LED ou diodo emissor de
luz. È feito de arseneto de gálio e tem como característica emitir luz quando transpassado por
uma corrente elétrica. Tem sido muito popularizado nos últimos anos visto ter um baixo
consumo elétrico, maior durabilidade e poder substituir outros tipos de emissores de luz como
lâmpadas ccd nos backlights de telas lcd e na iluminação doméstica.

Transistor
Este é principal componente da eletrônica substituto das válvulas termiônicas. Sua
invenção bem como o aperfeiçoamento de suas técnicas de produção foi o que possibilitou o
avanço e o desenvolvimento de toda a tecnologia que temos hoje.

Basicamente um transistor é um diodo com a possibilidade de controlar a passagem


de corrente. Possui três terminais, base, emissor e coletor. Caso exista alguma tensão na base
ele permite a passagem da corrente entre emissor e coletor, caso não exista corrente, ele não
conduz. Essa a é estrutura básica de funcionamento de um transistor, e com base nesta
característica é que toda a computação se fundamentou.

Existem dois tipos de transistores que são diferenciados pelo modo como sua estrutura
de silício édeterminada. Se usarmos dois pedaços de silício N e um de silício P teremos um
transistor NPN. Por outrolado, usando dois pedaços de silício P e um de N, teremos um
transistor PNP.

Abaixo você encontra alguns modelos reais de Transistores Bipolares.


Abaixo vamos identificar a base, coletor e emissor de alguns tipos de transistores
bipolar. Isso é muito importante para que você saiba utiliza-los corretamente em uma
montagem ou até mesmo em substituição durante o reparo de algum equipamento.

Através da simbologia do transistor não é possível saber qual é o seu encapsulamento,


temos que identificar no circuito através da descrição qual o tipo do transistor que esta sendo
utilizado. Geralmente osfabricantes identificam os transistores em um circuito utilizando
letras como Q , T , TR, acrescentando umnº conforme a ordem .Por exemplo: ex1: Q1 BC
558 ex2: T1 BC548 ex3: TR5 BF 494 ex4: Q3 BD 139Em um esquema eletrônico
identificamos os transistores bipolares pelo seu símbolo, pode ser umtransistor NPN ou um
transistor PNP. Abaixo você encontra a formas simbólicas para os dois tipos detransistores.
Fusível

O fusível possivelmente é o mais simples de todos os componentes utilizados num


equipamento eletrônico. A função dele é proteger o equipamento de uma sobrecarga elétrica
que poderia danificá-lo permanentemente ou ainda causar um incêndio dependendo do caso.
O fusível se baseia na teoria de que ao aumentar a corrente num condutor, devido à maior
quantidade de elétrons passando por este, ocorre o efeito Joule fazendo com que este
condutor se aqueça. Todo circuito aquece devido à resistência que cada componente possui,
mas dentro de certos limites. Se não existir um dispositivo para impedir que a corrente
alcance níveis muito altos caso ocorra um curto circuito em um transistor, por exemplo, a
corrente pode aquecer o circuito a ponto de literalmente pegar fogo no equipamento. A
função do fusível é exatamente esta, proteger o circuito contra sobre tensão fundindo seu
interior (daí seu nome) caso a corrente aqueça o circuito até certo limite impedindo a
passagem da corrente pelo sistema.

Indutores
Os indutores ou bobinas são componentes formados por espiras de fio esmaltado que
podem ser enroladas em uma forma sem núcleo de ferro ou ferrite.Os indutores podem ser
especificados pela indutância em Henrys ( e seus submúltiplos como o milihenry eo
microhenry) ou ainda pelo número de espiras, diâmetro e comprimento da forma, além do
tipo do núcleo.Alguns indutores possuem núcleos ajustáveis para que sua indutância possa
ser modificada.

Em um esquema eletrônico identificamos o indutores pelo seu símbolo, com núcleo e sem
núcleo, variávelou fixo. Abaixo você encontra algumas formar simbólicas mais utilizadas
para o indutor.
Os transformadores são componentes formados por duas bobinas ou enrolamentos em
núcleo ou formacomum. Eles são usados para alterar o valor de uma voltagem AC,
principalmente nas fontes dealimentação. O tipo mais utilizado de transformador é
denominado “transformador de força”. Abaixo vocêencontra alguns modelos reais de
transformadores.

Em um esquema eletrônico identificamos o transformador pelo seu símbolo,


independente do tamanho, tensão de saída e da corrente, devendo observar as especificações
fornecidas no esquema do circuito. Abaixo você encontra algumas formar simbólicas mais
utilizadas para o indutor.

Tiristores

São diodos especiais destinados ao controle de corrente intensas com um terminal


para o disparo docomponente, havendo dois tipos principais que podem se encontrados. Os
SCRs são usados em correntecontínua e os TRIACs são usados em corrente alternada.

Abaixo veremos os seus aspectos físicos e osímbolo destes dois tipos de


componentes:

SCR

SCR (Silicon Controlled Rectfier) ou Diodo Controlado de Silício.Trata-se de um


dispositivo semiconductor de 4 camada destinado ao controle de correntes intensas nos
circuitos.Este dispositivo possui um anodo eum catodo entre os quais passa a corrente
principal, e um elemento de disparo denominado gate.Abaixovocê encontra alguns modelos
reais de SCRs.
Em um esquema eletrônico identificamos o SCR pelo seu símbolo.Abaixo você encontra a
formassimbólicas para o SCR.

TRIACs

Os TRIACs conduzem corrente nos dois sentidos quando disparados, e por isso são
indicados para ocontrole de dispositivos em circuitos de corrente alternada.São usados para
controlar a passagem dacorrente alternada em lâmpadas incandescentes, motores, resistências
de chuveiros, etc.Este tipo decircuito controlador recebe o nome de "dimmer".O TRIAC é
um componente formado basicamente por dois SCRs internos ligados em paralelo, um
aocontrário do outro. Ele possui três terminais: MT1 (anodo 1), MT2 (anodo 2) e gate
(G).Abaixo você encontra alguns modelos reais de TRIACs.

Em um esquema eletrônico identificamos o SCR pelo seu símbolo.Abaixo você encontra a


formassimbólicas para o SCR.

Relés

Os relés são dispositivos comutadores eletromecânicos.Nas proximidades de um


eletroímã é instaladauma armadura móvel que tem por finalidade abrir ou fechar um jogo de
contatos.Quando a bobina épercorrida por uma corrente elétrica é criado um campo
magnético que atua sobre a armadura, atraindo-a.Nesta atração ocorre um movimento que
ativa os contatos, os quais podem ser abertos, fechados oucomutados, dependendo de sua
posição, conforme mostra a figura.
Podemos controlar circuitos de características completamente diferentes usando relés:
um relé, cujabobina seja energizada com apenas 5, 6 ou 12V, pode perfeitamente controlar
circuitos de tensões maisaltas como 110V ou 220V. Abaixo você encontra alguns modelos
reais de relés.

Em um esquema eletrônico identificamos os relés pelo seu símbolo, conforme o


número de pinos econtatos NA e NF. Os relés são dotados de contatos, que podem ser do tipo
normalmente abertos NA e dotipo normalmente fechado NF.
2.1 ESQUEMA/DIAGRAMA
2.2 FORMULA
 Resistor

Basicamente os resistores são representados da seguinte maneira:

Representaçoes dos Resistores

Matemáticamente:

Sendo que:

R – é a resistência elétrica medida em ohm (Ω)

U – é a tensão medida em volt (V)

i – é a corrente elétrica medida em ampère (A)

2.3 AS TEÓRIAS REINFORCADAS

A eletrônica (Português Braziliano) ou eletrónica (Português Europeia) é a ciência


que estuda a forma de controlar a energia elétrica por meios elétricos nos quais os elétrons
têm papel fundamental.

Divide-se em analógica e em digital porque suas coordenadas de trabalho optam por


obedecer estas duas formas de apresentação dos sinais elétricos a serem tratados.
Numa definição mais abrangente, podemos dizer que a eletrônica é o ramo da ciência que
estuda o uso de circuitos formados por componentes elétricos e eletrônicos, com o objetivo
principal de representar, armazenar, transmitir ou processar informações além do controle de
processos e servo mecanismos. Sob esta ótica, também se pode afirmar que os circuitos
internos dos computadores (que armazenam e processam informações), os sistemas de
telecomunicações (que transmitem informações), os diversos tipos de sensores e transdutores
(que representam grandezas físicas informações sob forma de sinais elétricos) estão, todos,
dentro da área de interesse da eletrônica.

Complementar à definição acima, a eletrotécnica é o ramo da ciência que estuda uso de


circuitos formados por componentes elétricos e eletrônicos, com o objetivo principal de
transformar, transmitir, processar e armazenar energia, utilizando a eletrônica de potência.
Sob esta definição, as usinas hidrelétricas, termoelétricas e eólicas (que geram energia
elétrica), as linhas de transmissão (que transmitem energia), os transformadores, retificadores
e inversores (que processam energia) e as baterias (que armazenam energia) estão, todos,
dentro da área de interesse da eletrotécnica.

Entre os mais diversos ramos que a abrangem, estuda a transmissão da corrente elétrica
no vácuo e nos semicondutores. Também é considerada um ramo da eletricidade que, por sua
vez, é um ramo da Física onde se estudam os fenômenos das cargas elétricas elementares, as
propriedades e comportamento, do elétron, fótons, partículas elementares, ondas
eletromagnéticas, etc.

Considera-se o primeiro componente eletrônico puro a célula fotovoltaica (1839) seguida


pela válvula termoiônica (Ver Efeito Édison), ou termiônica e alguns diodos à base de
Selênio (Se).

A válvula termiônica, também chamada de válvula eletrônica, é um dispositivo que


controla a passagem da corrente elétrica através do vácuo (ver John Ambrose Fleming),
dentro de um bulbo de vidro, sendo utilizada em larga escala até meados da década de 1960.
Aos poucos, foi substituída pelos transístores.

Quando se tem qualquer tipo de dispositivo onde haja a atuação de um determinado


fenômeno físico em correlação com outro, interagindo, modificando, medindo, aí está a
eletrônica. Um exemplo seria a conversão de onda sonora para onda eletromagnética, da
emissão eletromagnética através do espaço físico, para em seguida a captação desta, sua
recepção e reconversão para onda eletromagnética, assim novamente para onda sonora. Sem a
eletrônica, isto seria impossível de se conseguir, pois o ato de se transmitir uma onda de
radiofrequência e sua posterior recepção necessita de dispositivos eletrônicos que
transformarão as manifestações físicas de um determinado tipo de energia que será
convertido em outro. Por exemplo: onda sonora em onda elétrica, onda luminosa para onda
sonora e vice versa.
CAPÍTULO III
3.1 EXPLICAÇÃO

Os componente eletronica é o componente que estuda sobre a estrutura de um circuito


eletrônico, isto é, são os componentes que fazem parte de qualquer circuito eléctrico ou
eletrônico (desde os mais simples aos mais complexos) e que estão interligados entre si. Uma
válvula termoiônica é um dispositivo formado por uma ampola de vidro onde internamente é
criado um vácuo. Um transistor é um dispositivo inteiramente sólido onde internamente
existe um semicondutor. Assim, por definição, ambos são componentes eletrônicos.

 Componentes passivos na indústria elétrica são chamados de componentes elétricos;


 Componentes ativos incluem semicondutores e válvulas termiônicas.

Os componentes eletrônicos são divididos em duas classes os passivos e ativos,

Vamos começar o nosso pequeno estudo pelos:

 componentes passivos.

O primeiro componente que iremos estudar chama-se resistor. Sua função é limitar o
fluxo de corrente em um circuito, ou seja dificultar a passagem da correte elétrica.

A unidade de medida da resistência elétrica é o Ohm, simbolizada por Ω. Os resistores mais


comuns são os de carbono, utilizados nos aparelhos eletrônicos, como radios, DVDs,
televisores são pequenos, com potências de 1/8W à 5 W, tipicamente.

Em um esquema eletrônico identificamos o resistor pelo seu símbolo, independente da sua


potência, material ou tamanho, lembrando que o resistor não tem polaridade. Abaixo você
encontra as duas formas simbólicas para o resistor.

O capacitor cumpre inúmeras finalidades nos circuitos eletrônicos. Os capacitores são


utilizados como reservatórios de cargas nos circuitos de filtro, como “amortecedores”,
evitando que ocorra variações grandes em um circuito, em acoplamentos e desacoplamentos
de sinais, no bloqueio de corrente contìnua, para livre passagem da corrente alternada, etc.. .

A unidade de medida de um capacitor é dado em farads (F).Na prática são utilizados


submúltiplos do farad como o microfarad (μF – milionésimo do farad – 0,000 001F), o
nanofarad (nF – bilionésimo do farad – 0,000 000 001 F) e o picofarad (PF – trilionésimo
do farad – 0,000 000 000 001 F). Abaixo você encontrará os tipos mais comuns de
capacitores utilizados na eletrônica.

Os indutores ou bobinas são componentes formados por espiras de fio esmaltado que
podem ser enroladas em uma forma sem núcleo de ferro ou ferrite. Os indutores podem ser
especificados pela indutância em Henrys ( e seus submúltiplos como o milihenry e o
microhenry) ou ainda pelo número de espiras, diâmetro e comprimento da forma, além do
tipo do núcleo. Alguns indutores possuem núcleos ajustáveis para que sua indutância possa
ser modificada.

Os transformadores são componentes formados por duas bobinas ou enrolamentos em


núcleo ou forma comum. Eles são usados para alterar o valor de uma voltagem AC,
principalmente nas fontes de alimentação. O tipo mais utilizado de transformador é
denominado “transformador de força”. Abaixo você encontra alguns modelos reais de
transformadores.

 Componentes ativos (semicondutores)

Diodos retificadores

Os diodos semicondutores são dispositivos que conduzem a corrente num único


sentido. Por este motive eles são utilizados tanto em funções lógicas como na retificação, ou
seja, para converter corrente alternada em corrente contínua. Abaixo você encontra alguns
modelos reais de diodos.

LED (ou diodo emissor de luz) é um diodo especial feito de arseneto de gálio que
acende quando polarizado no sentido direto. É usado nos circuitos como sinalizadores
visuais. Abaixo você encontra alguns modelos reais de LEDs.

De todos os componentes eletrônicos, talvez o mais importante seja o transistor bipolar ou


simplesmente transistor. O transistor pode amplificar sinais, gerar sinais ou ainda funcionar
como uma chave eletrônica, ligando e desligando circuitos. Em outras palavras, colocando
um transistor num circuito ele pode controlar este circuito a partir de sinais de comando.

Tiristores São diodos especiais destinados ao controle de corrente intensas com um


terminal para o disparo do componente, havendo dois tipos principais que podem se
encontrados. Os SCRs são usados em corrente contínua e os TRIACs são usados em corrente
alternada. Abaixo veremos os seus aspectos físicos e o símbolo destes dois tipos de
componentes:
CAPÍTULO IV
CONSIDERAÇÃO FINAIS

4.1 CONCLUSÃO

Apartir deste trabalho é concluir que a variação de componentes eletronicas que acedem
dependendo da estrutura de circuito eletronico.

4.2 SUGESTÃO

Depois de acabou de escrever este trabalho,durante o processo de escrever, enfrentou muito


dificuldades ou problemas, mas no fim conseguia de terminar este trabalho é dá muitas
esperiencias, e por isso minha trabalho é pode ser feito. E por isso eu recomendou para a
Universidada Nasional Timor Lorosa’e “UNTL” para manter establecer este trabalho para os
estudantes para desenvoler capacidades dos estudantes e especialmente recomendou para
professor que leva este unadade curricular. Professor Euclides L.e.d,para continuar dar o
trabalho para os estudantes do periodo que vem porque pelo trabalho tem função para
facilitar ou desenvolver as capacidades dos estudantes.
4.3 REFERÊNCIA BIBLIOGRAFIA

Bibliografi
Anjos, T. A. (2013). Mundo Educacao (2nd ed., Vol. II). (T. Alves, Ed., & T. Alves, Trans.) Porto:
Adventure Work Press.

Irwin, J. (2003). Livro eletronico para engenheiro (Vol. I). (J. Irwin, Ed., & J. Irwin, Trans.) Rio de
Jeneiro: LTC.

Hasil Kutipan
Anjos, T. A. (2013). Mundo Educacao (2nd ed., Vol. II). (T. Alves, Ed., & T. Alves, Trans.) Porto:
Adventure Work Press.

Irwin, J. (2003). Livro eletronico para engenheiro (Vol. I). (J. Irwin, Ed., & J. Irwin, Trans.) Rio de
Jeneiro: LTC.
Tabela dos componentes elétronicos

Nome dos Imagens Símbolos Funçoes


componentes
Resistor Sua função é limitar o
fluxo de corrente em
um circuito,ou seja
dificultar a passagem
da correte elétrica.

Capacitor

Para selecionar as
ondas de
rádiosintonizador no
circuito

para fornecer corrente


eléctrica.
Diodo

Diodo especial feito de


arseneto de gálio que
acende quando
LED polarizado no sentido
direto. É usado nos
circuitos como
sinalizadores visuais
Os transistores
Transistor também têm como
característica a
amplificação de sinais
(efeito transistor) e
regulagem de tensões.

Estes soquetes são


previamente soldados
Soquetes na placa.

Serve como um
resistor de resistência
Potenciometro ajustável. Utilizado
para

Os indutores podem
ser especificados pela
indutância em Henrys
Bobina ou ( e seus submúltiplos
indutor como o milihenry eo
microhenry) ou ainda
pelo número de
espiras, diâmetro e
comprimento da
forma, além do tipo do
núcleo.
Por este motive eles
são utilizados tanto em
funções lógicas como
Diodo comum
na retificação, ou seja,
para converter
correntealternada em
corrente contínua.
Abaixo você encontra
alguns modelos reais
de diodos.

Usado como o
cérebro de
Circuitos componentes
integrados, eletrônicosem um
equipamento
eletrônico
Microfones,
Alto-falantes,
Lâmpadas,
Fotoscélulas,
Visualizadores
Termistores,
Motores,
Baterias,
Fios e cabos,
Interruptores, Usado para ligar e
desligar o fluxo
elétrico

Relés,
Eles funcionam como
o elo mais fraco de
uma corrente. Se algo
vai mal eles quebram e
interrompem a
corrente evitando
maiores danos ao
circuito ou mesmo à
Fusíveis, instalação elétrica do
automóvel.

Conectores,
Circuitos
impressos,
Dissipadores de
calor

Caixas de
montage
É para alterar tensões
num circuito,
Transformador elevando-as ou
abaixando-os como as
encontradas nas
ignições.
É para utilizar em
instalações
Disjuntores domésticas,
comerciais e
industriais.

Descrição e uso dos mais conhecidos componentes elétricos:
Naran componente Imagem Símbolo Função
Sua função é limitar o
fluxo de corrente em
Resistor um circuito,ou seja
dificultar a passagem da
correte elétrica.

Os capacitores são
utilizados
comoreservatórios de
cargas nos circuitos de
Capacitor
filtro, como
“amortecedores”,
evitando que ocorra
variações grandes em
um circuito,.

função permitir a
passagem de corrente
Diodo somente numa direção,
impedindo no sentido
contrário.
Diodo especial feito de
arseneto de gálio que
acende quando
Led polarizado no sentido
direto. É usado nos
circuitos como
sinalizadores visuais.
Os transistores também
têm como característica
Transitor a amplificação de sinais
(efeito transistor) e
regulagem de tensões.
Estes soquetes são
Soquetes previamente
soldados na placa.

Serve como um
Potenciômetro resistor de
resistência ajustável.
Utilizado para
controles diversos.

Os indutores podem
Bobina ou indutor ser especificados
pela indutância em
Henrys ( e seus
submúltiplos como o
milihenry eo
microhenry) ou
ainda pelo número
de espiras, diâmetro
e comprimento da
forma, além do tipo
do núcleo.
Diodo comum Por este motive eles
são utilizados tanto
em funções lógicas
como na retificação,
ou seja, para
converter
correntealternada em
corrente contínua.
Abaixo você
encontra alguns
modelos reais de
diodos.
Tabela dos componentes elétronicos

Nome dos Imagens Símbolos Funçoes


componentes
Resistor Sua função é limitar o
fluxo de corrente em um
circuito,ou seja dificultar a
passagem da correte
elétrica.

Para selecionar as ondas de


rádiosintonizador no
circuito

Capacitor

para fornecer corrente


eléctrica.
Diodo

Diodo especial feito de


arseneto de gálio que acende
quando polarizado no sentido
LED direto. É usado nos circuitos
como sinalizadores visuais