Você está na página 1de 3

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO

CENTRO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS E AMBIENTAIS


CAMPUS IV – CHAPADINHA - MA
CURSO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS

RELATÓRIO AULA PRÁTICA: CONDUÇÃO DE SEIVA NO XILEMA

DISCENTES:
ADNA CARDOSO
AURIANE RODRIGUES
MAX WELL SILVA
WANDERSON VINICIOS

CHAPADINHA – MA
DEZEMBRO/2017
INTRODUÇÃO
A translocação ocorre graças ao produto resultante do processo de fotossíntese,
estes produtos são transportados dos órgãos fotossintéticos (FONTE) e direcionado para
regiões importantes de fotossimilados (DRENOS) envolvendo trnsporte seja de longas
ou curta distância.
Os primeiros pesquisadores acreditavam que os vegetais utilizavam seus
nutrientes exclusivamente do solo, no entanto a partir do século XVII o biólogo
Marcelo Pralpighi por meio de experimentação apontou que o floema transporta
substancias importantes para o desenvolvimento da planta, para essa justificativa
apontou o entremescimento resultante do anelamento de troncos e galhos.
Malpighi demonstrou em 1679 que a seiva bruta advinda do solo passava por
modificações ocorrida nas folhas por meio da ação da luz solar sendo convertida em
seiva elaborada e distribuída para outras partes da planta, para isso é necessário um
sistema de comunicação o qual deve interligar a planta do ápice da parte aérea até o
ápice das raízes.

METODOLOGIA
O experimento foi realizado no Laboratório de Fisiologia Vegetal do Centro de
Ciências Agrárias e Ambientais da Universidade Federal do Maranhão, situado na
cidade de Chapadinha, região do Baixo Parbaíba, Maranhão, Brasil. Para o
desenvovimento do experimento foram utilizados:
 Corante alimentar preto e vermelho;
 Água;
 Copo descartável;
 Flor;
 Estilete.
A prática se deu por meio da preparação de duas soluções com pigmentos de
coloração preta e vermelha em copos separados, posteriormente cortou-se dois ramos,
contendo uma flor em cada, inserido um em cada copo. O experimento ficou em
observação por cerca de 30 minutos.

RESULTADOS E DISCUSSÃO
O transporte radial do nutriente ate o xilema através da raiz pode possuir dois
componentes: um metabólico e outro não metabólico. No primeiro o nutriente absorvido
pela raiz é rapidamente incorporado substâncias orgânicas (ácidos e açucares),
transportado e liberado no xilema na forma orgânica e inorgânica.
A maioria dos nutrientes são transportados para a parte aérea via xilema na
forma iônica (inorgânica).
Ao ser colocado a flor dentro do copo com a solução preparada com corante
alimentar, observou-se que ocorreu o transporte da água e de pigmentos através do
xilema ate a flor, observando uma maior concentração nas bordas.

CONCLUSÃO
Através da realização da pratica pode observa-se que houve a coloração da flor
pelo transporte do pigmento preto.

REFERÊNCIAS
KERBAUY, Gilberto Barbante. Relações Hídricas. In: FISIOLOGIA
VEGETAL. Editora Guanabara Koogan S.A, Rio de Janeiro, RJ, 2004.Cap.2. P. .