Você está na página 1de 25

20 questões

20 minutos de execução

Caderno 2

Professor Décio Terror


1. (CESPE / IHVDF Médico – 2018)
Fragmento do texto: Quando estava com sete anos, acordei com os olhos inchados, e
meu pai me levou ao pediatra. Ao voltarmos, o futebol ininterrupto que jogávamos com
bola de borracha na porta da fábrica em frente parou e a molecada correu até nós.
Queriam saber se era verdade que os médicos davam injeções enormes na bunda das
crianças.
O sujeito da forma verbal “parou” (linha 3) é “fábrica” (linha 3).

Professor Décio Terror


2. (CESPE / CGM de João Pessoa Técnico – 2018)
Fragmento do texto: Servir a Deus significava, para ela, cuidar dos enfermos, e
especialmente dos enfermos hospitalizados. Naquela época, os hospitais curavam tão
pouco e eram tão perigosos (por causa da sujeira, do risco de infecção) que os ricos
preferiam tratar-se em casa. Hospitalizados eram só os pobres, e Florence preparou-se
para cuidar deles, praticando com os indigentes que viviam próximos à sua casa. Viajou
por toda a Europa, visitando hospitais.
A inserção de uma vírgula logo após o termo “Hospitalizados” (linha 4) manteria a
correção gramatical do texto.

Professor Décio Terror


3. (CESPE / TRE BA 2017 Técnico – 2017)
Fragmento do texto: Os votos nulos, por sua vez, são aqueles que, somados aos votos
em branco, compõem a categoria dos votos estéreis, inválidos ou, como denominou
o Tribunal Superior Eleitoral, votos apolíticos. Logo, os votos em branco e os nulos são
votos que, a princípio, não produzem resultado nem influenciam no resultado do pleito.
Ao comparecer às urnas no dia das eleições, o eleitor que apresentar voto em branco
ou nulo pode fazê-lo por diversas razões. Esses motivos podem embasar tanto a postura
dos que votam em branco quanto a dos que votam nulo, pois o resultado final é o
mesmo: invalidar o voto. Assim sendo, não é razoável diferenciar o voto em branco do
voto nulo. Deve-se considerar a essência do ato, a sua real motivação, que é a
invalidação. É evidente que não se sabe, ao certo, a razão que motiva cada eleitor a
votar em branco ou nulo; entretanto, em ambos os casos, não há dúvida quanto à
invalidade do voto por ele dado.

Professor Décio Terror


Assinale a opção que apresenta termo que desempenha a mesma função sintática que
“a razão” (linha 10), no texto.
a) “o mesmo” (linhas 7 e 8).
b) “votos estéreis” (linha 2).
c) “o Tribunal Superior Eleitoral” (linha 3).
d) “dúvida” (linha 11).
e) “resultado” (linha 4).

Professor Décio Terror


4. (CESPE / IHVDF Técnico – 2018)
Fragmento do texto: Quase sempre, condutores, técnicos de enfermagem, enfermeiros
e médicos saem em disparada, ambulância cortando o trânsito, sirenes ligadas, para
atender a alguém que nunca viram. Mas podem chegar à cena e encontrar um amigo.
Estão preparados.
Nas linhas 3 e 4, os termos “um amigo” e “preparados” exercem a mesma função
sintática nos períodos em que se inserem.

Professor Décio Terror


5. (CESPE / TRE TO Analista – 2017)
Fragmento de texto: Quer dizer: apesar de o uso do voto ser ancestral, a organização
do sistema eleitoral tem origem no século XVII, com o surgimento de governos
representativos na Europa e na América do Norte. É o sistema eleitoral que diz como
é escolhido um representante ou decidida uma questão.
Nas linhas 3 e 4, o termo “o sistema eleitoral” exerce a função de sujeito da locução
verbal “é escolhido” (linha 4).

Professor Décio Terror


6. (CESPE / TRE PE Analista – 2017)
Fragmento do texto: No quadro da democracia liberal, cidadania corresponde ao
conjunto das liberdades individuais — os chamados direitos civis de locomoção,
pensamento e expressão, integridade física, associação etc. O advento da democracia
social acrescentou, àqueles direitos do indivíduo, os direitos trabalhistas ou direitos a
prestações de natureza social reclamadas ao Estado (educação, saúde, seguridade e
previdência).
No texto, a expressão “os direitos trabalhistas” (ℓ. 4)
a) restringe a referência da expressão “direitos do indivíduo” (ℓ. 4).
b) exerce a função de sujeito da forma verbal “acrescentou” (ℓ. 4).
c) exemplifica os “direitos do indivíduo” (ℓ. 4).
d) exerce a função de aposto.
e) exerce a função de complemento direto da forma verbal “acrescentou” (ℓ. 4).

Professor Décio Terror


7. (CESPE / Prefeitura de São Paulo Assistente Gestão – 2016)
Fragmento do texto: Há cidades, entretanto, que já existem há bastante tempo. (...)
Nem mesmo o berço histórico da cidade existe mais, arrasado devido à destruição
do Morro do Castelo em 1922. (...)
Há outros exemplos. Olinda, fundada em 1537, orgulha-se de ser patrimônio
cultural da humanidade, mas esse título não lhe foi conferido em razão dos
testemunhos que sobraram da cidade antiga, em grande parte substituída por
construções em estilo eclético ou art déco do início do século passado. (...)
Em suma, não é muito comum encontrarem-se vestígios materiais do passado nas
cidades brasileiras, mesmo naquelas que já existem há bastante tempo. (...)
Independentemente de qual tenha sido o estoque de materialidades históricas
que tenham conseguido salvar da destruição, as cidades do país vêm hoje engajando-se
decisivamente em um movimento de preservação do que sobrou de seu passado, em
uma indicação flagrante de que muita coisa mudou na forma como a sociedade
brasileira se relaciona com as suas memórias.

Professor Décio Terror


Assinale a opção que apresenta um termo que exerce a função de objeto direto na
oração do texto em que ocorre.
a) “esse título” (linha 6)
b) “o berço histórico da cidade” (linha 3)
c) “vestígios materiais do passado” (linhas 10 e 11)
d) “muita coisa” (linha 16)
e) “cidades” (linha 1)

Professor Décio Terror


8. (CESPE / TRE PI Analista Judiciário – 2016)
Fragmento do texto: O que talvez atraia seja a simplicidade do modelo — sem contar,
naturalmente, o fato de que a alteração tende a beneficiar os grandes partidos. Hoje, o
número de cadeiras a que uma agremiação tem direito na Câmara dos Deputados
guarda relação com o total de sufrágios recebidos pela sigla (ou coligação). Figuras
desconhecidas podem obter uma vaga no Poder Legislativo graças ao voto de legenda e
ao desempenho de seus aliados, célebres ou não. Nada disso ocorre sob o distritão.
Funcionando como um pleito majoritário, o formato premia os candidatos mais
populares de uma circunscrição.
Os termos “grandes” (linha 2) e “mais” (linha 7) desempenham a função de adjuntos
adnominais nas orações em que aparecem.

Professor Décio Terror


9. (CESPE / TRE PI Analista Judiciário – 2016)
Fragmento do texto: Figuras desconhecidas podem obter uma vaga no Poder
Legislativo graças ao voto de legenda e ao desempenho de seus aliados, célebres ou
não. Nada disso ocorre sob o distritão. Funcionando como um pleito majoritário, o
formato premia os candidatos mais populares de uma circunscrição. Como
consequência, votos dados a um determinado postulante são pessoais e intransferíveis.
Os particípios “desconhecidas” (linha 1) e “dados” (linha 5) exercem funções sintáticas
distintas nas orações em que ocorrem.

Professor Décio Terror


10. (CESPE / DPU Analista – 2016)
Fragmento do texto: A partir de então, a chamada assistência judiciária praticamente
evoluiu junto com o direito pátrio. Sua importância atravessou os séculos, e ela passou
a ser garantida nas cartas constitucionais.
Na linha 2, o pronome “Sua” delimita o significado do substantivo “importância”,
funcionando, na oração em que ocorre, como um termo acessório.

Professor Décio Terror


11. (CESPE / Médico Perito INSS – 2009)
Fragmento do texto: O episódio transformou, no período de 10 a 16 de novembro de
1904, a recém-reconstruída cidade do Rio de Janeiro em uma praça de guerra, onde
foram erguidas barricadas e ocorreram confrontos generalizados.
A expressão “confrontos generalizados” desempenha a função sintática de
complemento de “ocorreram”.

Professor Décio Terror


12. (CESPE / TCE PA nível superior – 2016)
Fragmento do texto: A Constituição Federal prevê que cabe ao presidente prestar
contas anualmente ao Poder Legislativo. Por simetria, tal obrigação estende-se ao
governador do estado e aos prefeitos municipais.
O termo “ao Poder Legislativo” (linha 2) exerce a função de complemento da forma
verbal “prevê” (linha 1).

Professor Décio Terror


13. (CESPE / CNJ Analista Judiciário – 2013)
Fragmento do texto: Como afirma Foucault, a verdade jurídica é uma relação
construída a partir de um paradigma de poder social que manipula o instrumental legal,
de um poder-saber que estrutura discursos de dominação. Assim, não basta proteger o
cidadão do poder com o simples contraditório processual e a ampla defesa,
abstratamente assegurados na Constituição.
Na linha 4, o termo “do poder” relaciona-se sintaticamente com o termo “o cidadão”,
modificando-o.

Professor Décio Terror


14. (CESPE / MPU Técnico – 2013)
Fragmento do texto: Dependerá da adesão dos demais ministros o êxito de um apelo
feito pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), para que seja extinta a prática
de esconder os nomes de investigados em inquéritos criminais na mais alta corte do
país.
Na linha 1, a expressão “o êxito” exerce função sintática de complemento direto da
forma verbal “Dependerá”.

Professor Décio Terror


15. (CESPE / CGM de João Pessoa Técnico – 2018)
Fragmento do texto: A questão sociológica que o “jeitinho” apresenta, porém, é outra.
Ela mostra uma relação ruim com a lei geral, com a norma desenhada para todos os
cidadãos, com o pressuposto de que essa regra universal produz legalidade e cidadania.
Eu pago meus impostos integralmente e, por isso, posso exigir dos funcionários públicos
do meu país. Agora, se eu dou um jeito nos meus impostos porque o delegado da
receita federal é meu amigo ou parente e faz a tal “vista grossa”, aí temos o “jeitinho”
virando corrupção.
Em “temos o ‘jeitinho’ virando corrupção” (linhas 6 e 7), os termos ‘jeitinho’ e
“corrupção” funcionam como complementos diretos da forma verbal “temos”.

Professor Décio Terror


16. (CESPE / TCE PA nível superior – 2016)
Fragmento do texto: Não foi a lei que não funcionou, mas os responsáveis pelo
dinheiro público que, por alguma razão, não a cumpriram. De que adiantaria, então,
tornar a lei mais rigorosa, se nem nas condições atuais esses responsáveis estão sendo
capazes de cumpri-la? O problema não está na lei.
Na linha 3, o termo “mais rigorosa” funciona como um predicativo do termo “a lei”.

Professor Décio Terror


17. (CESPE / BSF nível superior – 2014)
Fragmento do texto: O próprio microblogue Twitter, intensamente debatido na mídia
por sua contribuição à concisão, de certa forma cristalizou a tendência à escrita de
textos enxutos. Anos antes de o microblogue cair na preferência de internautas no
mundo inteiro, os blogues já ocupavam um lugar privilegiado na Internet, que pela
primeira vez oferecia aos usuários a possibilidade de escrever, editar e publicar seus
próprios textos.
A partir daí, navegar pela Internet deixou de ser um ato solitário, em que o usuário
apenas entrava nas páginas e lia seus conteúdos. Com os recursos de interação cada vez
mais expandidos, qualquer sítio é um convite a comentários, críticas e observações, o
que obrigou os internautas a desenvolverem discursos de improviso e a defender seus
pontos de vista.
Os trechos “a tendência à escrita a textos enxutos” (linhas 2 e 3), “um ato solitário”
(linha 7) e “discursos de improviso” (linha 10) desempenham a mesma função sintática
nas orações em que estão inseridos.

Professor Décio Terror


18. (CESPE / Assembleia Legislativa ES nível superior – 2011)
Evaristo de Moraes, com a autoridade de quem foi não apenas republicano histórico, mas
ativo membro da propaganda republicana, ao relembrar as mais remotas origens do
movimento republicano no Brasil — não das ideias republicanas, cujas primeiras
manifestações são encontráveis ainda na colônia, mas do movimento republicano
organizado —, declarou que foi a frustração que a inopinada troca de gabinetes em 1869,
com o completo desrespeito das regras então vigentes, impôs aos membros mais radicais
do partido liberal que levou à cisão desse partido, dando origem tanto ao partido liberal
radical quanto ao partido republicano.
Com relação ao emprego dos sinais de pontuação, seria mantida a correção gramatical do
texto se a vírgula logo após o adjetivo “histórico” (linha 1) fosse excluída e se inserisse uma
vírgula imediatamente após a forma verbal “foi” (linha 1).

Professor Décio Terror


19. (CESPE / ABIN nível médio – 2010)
Fragmento do texto: Os sistemas de inteligência são uma realidade concreta na
máquina governamental contemporânea, necessários para a manutenção do poder e
da capacidade estatal. Entretanto, representam também uma fonte permanente de
risco. Se, por um lado, são úteis para que o Estado compreenda seu ambiente e seja
capaz de avaliar atuais ou potenciais adversários, podem, por outro, tornar-se
ameaçadores e perigosos para os próprios cidadãos se forem pouco regulados e
controlados.
Os adjetivos “úteis” (linha 4), “atuais” (linha 5) e “perigosos” (linha 6) caracterizam os
“sistemas de inteligência” (linha 1).

Professor Décio Terror


20. (CESPE / Instituto Rio Branco Diplomata – 2016)
Fragmento do texto: O relato, como o filme, dá conta do trágico percurso de Uirá, da
tribo Urubu-Kaapor, no Maranhão deste século, o qual um dia fica iñaron quando, após
muitas desgraças comuns ao destino dos índios brasileiros, como fome, espoliação,
epidemias, perseguições, perde também um dos filhos.
Os termos “trágico” (linha 1), “de Uirá” (linha 1) e “deste século” (linha 2) exercem a
mesma função sintática, na oração em que ocorrem.

Professor Décio Terror


Controle de desempenho:
Caderno 2

Quantidade de acertos (QA): + _____


Quantidade erros (QE): – _____
Total (To=QA-QE): _____
Porcentagem ( x 100): ______
20 (quantidade de questões)

Professor Décio Terror