Você está na página 1de 8

Nouvelle vague

Com os anos de ouro do cinema americano, ja muito para tras, a censura e a


preceguiçao aos comunistas, ditou a fim da hollywood liberal que marcava o final da
decada de 1950.

Foi atravez dos cineclubes franceses, que nas suas cessoes projectavam filmes
antigos e de uma constante analise e apredizagem do passado do cinema, que surgui
a novelle vague . Protagonizado por uma geraçao que cresceu a ver filmes e a
escrever criticas de cinema, estes jovens realizadores começaram a escrever e a
realizar muito novos. Mas apesar da sua idade estes possuiam uma rara quantidade
de cultura para os jovens com essa idade. Este foi o primeiro movimento
cinematografico em que a principal base se emcontra num interesse comum pela
memoria do cinema. Entre os filmes projetados podem se identificar obras de
eisenstein, Grifflth, Murnau, von sternberg ou os irmaos Lumiere.

O acesso a 60 anos de historia de filmes permitiu a identificaçao acertiva da ruptura e


do desenvolvimento que pretendiam afirmar. E para isto foi essencial o trabalho de
langlois co-fundador da cinemateca francesa, que alem de historiador era tambem
conservador, tendo protegido diversas obras garantindo a sobrevivencia de diversos
classicos do cinema que de outra maneira se teriam perdido.

Estes jovens que escreviam criticas na revista de cinema chahiers du cinema, revista
de cinema fundada em abril de 1951 por andre bazin e jacques valcroze, deram inicio
a nouvelle vague quando decidiram entrar na realização, os primeiros foram jacques
rivette em 1950 e eric rohmer em 1954, que apresentaram as suas primeiras curtas
metragens. Com inicio em 1954 este movimento frances incorporou estilos como a pop
arte ou teatro epico. Utilizou o vasto patrimonio cultural europeu, que tinha como
epicentro Paris e acabou por sintetizar todo este conhecimento da cultura actual
presente no pos guerra frances. Este novo movimento cinematografico proporcionou
uma redefiniçao dos padroes e maneiras de filmar e interpretar o cinema. Defendendo
um cinema cultural de vocaçao social e apresentando uma resistencia politica e
poetica ás inluencias americanas e ao consumismo crescente em França na altura.

Os priemiros filmes de godard rivette e truffaut na nouvelle vague alcançam o sucesso


e podemos notar uma noçao de identidade geral sem contrapor os traços distintos de
cada autor.

As obras cinematograficas tem uma produçao de baixo custo e conceguem se


rentabilizar facilmente no mercado. Este sucesso inpele muitos jovens para a
realizaçao.

A grande novidade apresentada foi a caracterizaçao do presente parisience,


representando o mundo no qual viviam os seus comtemporaneos, nos seus filmes.

A escolha de localizaçoes para filmar recai normalmente nas ruas de Paris facilmente
aceciveis. Filmam em cafes e clubes noturnos reais, que eram frequentados pelos
realizadores. Demonstram uma nova concepçao de espaço e em relaçao com a
realidade parisience. Esta é uma influencia direta do documentario, captando as ruas,
os monumentos e os cafes com os seus frequentadores que se interpretao a si
proprios no filme. Incorporavam assim o acaso e a realidade documental,
transportando o ambiente que os envolvia e realizando um retrato social do pais.

Estes autores retiraram ao cinema frances o aspecto normalizador da imagem de


estudio. Para isto foi nessesario a utilizaçao de equipamentos novos, para a captaçao
de som em directo e camaras para documentario, mais leves, para dar agilidade ao
operador de camara e facilitar nas mudanças de local.

A montagem moderna e conceptual da nouvelle vague não regeita a descontinuidade


em resposta ao cinema de hollywood que utiliza a continuidade logica. Tambem
utilizava muitas vezes material de arquivo ou bandas desenhadas que sao
incorporados no filme.

Na narrativa os filmes utilizam frequentemente voz off , o narrador e muito utilizado.


Que se opem a um cinema em que a historia parece desenrolar se sozinha. O cinema
aparece tambem a retratarse a si proprio como em O despreso de godard ou em A
noite americana de truffaut que nos relembra que esta e uma experiencia
cinematografica.

O final da novelle vague foi aconpanhado pelo final da amizade entre godard e truffaut
durante os anos de 1970 inpulsionado pelas diferenças esteticas e de concepçoes do
cinema de cada realizador. As influencias deixadas por este movimento tiveram
reprecursoes no novo cinema portugues, japones, alemao entre outros. Onde a sua
linguagem foi incorporada nestas novas produçoes. Estes novos metodos alteraram o
modo de filmar e montar um filme.
Jean-luc godard

Jean-luc godard descobriu a cinemateca quando tinha apenas 16 anos, a sua vida
ficaria para sempre marcada por esta decoberta. Começou a escrever criticas de
cinema na revista cahiers du cinema em 1952 com apenas 21 anos. O seu primeiro
trabalho como realizador foi a curta metragem une femme coquette em 1955.

Da longa lista de trabalhos assinados por este autor, estes podem ser divididos por fazes
distintas. A primeira parte dos filmes realizados sob a alçada da nouvelle vague, depois surgem
os filmes de caracter partidario, os trabalhos com o video e o documentario noa anos 1970, a
redescoberta do cinema nos anos 1980 e os trabalhos mais ligados a historia e a memoria nos
anos 1990. Do conjunto de obras subresai naturalmente o estilo particular da cinematografia
de godard. O realisador que mais influenciou godard no cinema foi roberto rossellini,
mas godard nao se limitava a copiar os seus realizadores favoritos, ele inovava,
criando um estilo novo caracteristico.

Os filmes da nouvelle vague começarao a perder o interece dos espectodores e para


continuar a filmar, godar teve de procurar financiamento, que o obrigou a reduzir
drasticamente os custos dos seus filmes que se tornaram cada vez mais
experimentais.
O acussado

O acossado foi a primeira longa metragem realizada por jean-luc godard e uma das
primeiras obras da Nouvelle Vague. Antes ja tinha realizado as curtas metraguens Une femme
coquette, All the Boys Are Called Patrick, e um documentario Operation Concrete.

Neste filme michel interpretado por jean-paul belmondo que entra mais tarde nos
filmes de godard Une Femme est Une Femme e Pierrot le Fou, rouba um carro e tenta
convencer jean deberg no papled de patricia, a fugir com ele para italia. Patricia e
uma americana a estudar em paris, esta muito indecisa em ir com michel para italia,
michel tem de figir varias vezes a policia. No final patricia promete ir mas acaba por
trair o namorado, informando a policia. Ele tenta escapar mas e atingido nas costas e
cai morto.

O enrredo, retirado de uma noticia de jornal, por francois truffaut, que estava muito
intereçado na historia que aparecia nos jornais. Depois de uma conversa com godard,
truffaut decide oferecer o filme a godard ajudando a corrigir o enredo final de, o
acossado. Michel parece um gangster americano que nao respeita as regueras da
sociedade, vive de roubos que pratica. Podemos encontrar traços da influencia dos
filmes noir americanos devido a presença de uma relaçao constante com a morte que
anuncia o fatal destino da personagem como quando aparece o poster de um filme em
que se pode ler, vive perigosaamente ate ao fim.

Patricia resenta a juventude, sensualidade e descontraçao, que se afirma como a


imagem caracteristica da mulher moderna que invadiu o cinema no final dos anos 50.

o cinema filmado dentro de estudios e formatado de regras envelhecidas é incapaz de


captar essa juventude e senssualidade rebelde.

A encenaçao e livre e incorpora algumas citaçoes de outos filmes. No inicio e no fim


do filme os actores olham directamente para a objectiva, enquanto falam questionando
ou abrindo os seus pençamentos para o publico. Esta liberdade atribuida aos actores
denuncia a presença da camara. O resultado é uma afirmaçao do filme como filme e
do actor como personagem ficcional, revelando que esta e apenas uma reproduçao da
realidade.

Devido a falta de dinheiro para realisar o filme, As dificuldades de produçao foram


contornadas de forma criativa. A equipa reduzia-se ao minimo possivel, Utilizou um
carrinho de supermercado para filmar um traveling dos personagens, todas as cenas
sao filmadas num local real como por exemplo les champs elisees, permitindo poupar
dinheiro no aluguer de estudio e construçao de cenarios. Aproveitam tambem a luz
natural para iluminar as cenas. Estas sao influencias dos filmes do realizador Neo-
realista Roberto Rossellini, em Roma Cidade Aberta, rosselini filma com luz natural
nas ruas de Roma, destruidas durante a segunda guerra mundial, acabando por
resultar num retrato documental da cidade italiana na altura.
Filmado em preto e branco, godard utiliza material fotorgrafico para imagens com
pouca luz. Outra particularidade do filme foi a edicao de jump-cuts que adevem da
utilizaçao de pequenos rolos fotograficos de 35mm que foram utilizados em algumas
das cenas. Partes do filme encontram-se fragmentados, afectando a noçao de
continuidade espacial e temporal que esta instalada na estrutura base do cinema
desde 1907. Esta caracteristica estetica é uma afirmaçao de autenticidade e rebeldia.
Na cena em que Michael e patricia passeiam de carro por Paris temos um plano em
close-up da actir, de costas sentada no carro, suceden se varios cortes com o mesmo
enquadramento, mas o plano de fundo muda e com ele o angulo do sol alterando a
noçao de espaço e tempo e provocando elipses abruptas. Em arsenal um filme de
Alesksadr Dovzhenko (1920) utilisava a mesma tecnica, faz varios cortes do mesmo
plano em que mostra um homem de idade, a camara permanece estatica, mas o actor
muda ligeiramente de posiçao varias vezes. Neste caso o realisador pretende
demostrar a agitaçao mental do sujeito, mas godard não quer transmitir a mesma ideia
que Dovzhenko, apenas quer mostrar que isto e cinema, uma linguagem
cinematografica, elevando o estatuto do filme a obra de arte. Para gadard o plano não
serve apenas para nos dar a conhecer a historia do filme ou o que esta presente na
imagem, afirma que o plano e um desenvolvimento intlectual do realizador.

O som e captado em directo. A camara demonstra autonomia. E manuseada pelo


oerador de camara Claude Beausoleil e mantem se a parte das personagems ou do
drama, este modo de filmar torna se interessante quando revela cartazes de filmes
que revelam o destino do personagem. Em o acossado, a actris patricia tem nas
paredes posteres de picasso, renoir e klee, estas referencias sao apresentadas como
as coisas que a actris gosta, se identifica. As reproduçoes ganham um valor simbolico,
o objecto reproduzido adequirre assim o estatuto de objecto de culto. Mais tarde, as
citaçoes presentes nos filme tornam se num tratamento visual da linguagem
cinematografica. esta mudança surgiu com a utilizaçao do video no cinema de godard
apartir de 1980, como nos documentarios História(s) do cinema em que godard
explora a imagem sem fazer distinçoes entre qualquer forma de arte, quer musical,
literaria ou fotografica.

O filme e dedicado a produtora de filmes B americanos a Monogram Pictures.


Filme socialismo

Este filme acompanha a viagem de um crozeiro pelo mediterraneo. Godard utiliza a


viagem para retratar os paises que sao visitados, establecendo relaçoes da imagem
com o lugar visitado. Um exemplo disso e a sequencia em que a rapariga ve um video
de gatos no youtube, em alusao ao Egipto, pais onde se encontram nesse momento.
Em seguida mostra imagens de arquivo, de uma batalha aeria entre dois avioes,
referindo se a guerra que decorre no Egipto. O filme recorre a varias imagens de
arquivo e filmes antigos como Viagio in italia de Roberto Rossellini entre outros. Sendo
que sao varias as referencias a obras literarias ou cinematograficas que podemos
encontrar no filme, como ja e normal nas obras de jean-luc godard.

Como o titulo refere este é um filme politico, sobre o socialismo, em que o autor
establece uma relaçao de igualdade entre o consumismo e o socialismo. Como o
cruzeiro que e gerido pelo capitalismo, e pode representar uma ilustraçao da beleza do
socialismo.

Para captar as imagens do filme godard recorreu a varias camaras de video digital,
como a canon ou panasonic. Filmado a cores, algumas das camaras apresentao uma
resoluçao de imagem muito ma. Pode se motar aqui uma derivaçao do registo
documental ou amador. Estas imagens parecem os videos captados por uma familia,
que foi de ferias e regista certos momentos para gradar como recurdaçao. A camara
utiliza quase sempre um tripe, e os movimentos sao raros. Utiliza uma prefundidade de
campo normalmente pequena ou entao o seu foco pode ser colocado em locais pouco
usuais, como na sena no casino do cruzeiro em que a imagem esta focada não nos
passageiros ou nas slot machines mas no mar em plano de fundo, que pode ser
vislumbrado atravez da janela. Aqui a camara esta em contradiçao em relaçao aos
passageiros que se emcontram no casino, focados na maquina e no dinheiro, e em
vez disso mostra o mar e aquilo que estes deviam estar a apreciar.

No som godard recorre muitas vezes ao som captado pela maquina de filmar, como
na cena no interior de uma discoteca, o som é captado pelo telemovel que se
apresenta completamenta destorcido pelo volume da musica.

Esta obra apresenta um forte conponente experimental, como e normal nos filmes
deste autor que aconpanha a evoluçao da tecnologia, demonstrando uma grande
criatividade no modo como a utiliza sem esquecer o passado. As personagens sao
retratadas a utilizar tanto camaras fotograficas de ultima geraçao, como a usar um
leitor de vinil para ouvir musica.