Você está na página 1de 8

Contrato de Locação Residencial com CAUÇÃO

Os signatários deste contrato de locação para fim residencial, denominados de um lado


LOCADOR (A) e de outro lado LOCATÁRIO (A), qualificados e identificados abaixo:

PARTES

• LOCADOR (A) – CLAUVER RENE GUEDES ALVES, brasileiro, solteiro, funcionário publico,
inscrito no CPF/MF sob o nº: 630.911.003-91, portador da cédula de identidade nº 327813398,
expedida por SSP/CE, neste ato representado por sua bastante procuradora SETA
EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS LTDA, sociedade comercial com sede nesta Capital sito à
Rua Barão de Aratanha, 1184 – Fátima, inscrita no CNPJ/MF sob o nº 04.743.251/0001-17,
portadora do CRECI nº 860j -15ª.

• LOCATÁRIO (A) – ANTONIA IZA DE OLIVEIRA, brasileira, casada, autônoma, inscrita no CPF/MF
sob o nº: 730.954.603-25, portadora da cédula de identidade nº 243754692, expedida por SSP/CE,
residente e domiciliada na Rua da Paz, Nº 1526 – João Cabral, Juazeiro do Norte–CE, CEP:
63.047-190.

A CAUÇÃO

CLÁUSULA PRIMEIRA – O (A) LOCATÁRIO (A) se compromete a pagar no ato da assinatura do


presente contrato, o valor da caução que terá como base o valor de R$ 480,00 (Quatrocentos e
Oitenta Reais), fazendo a mesma, parte integrante deste contrato. Nas hipóteses de inadimplemento
das obrigações contratuais do (a) LOCATÁRIO (A), o (a) LOCADOR (A) poderá acionar a caução
para ser ressarcido dos prejuízos oriundos do descumprimento das cláusulas do presente. Podendo
ser o mesmo restituído ao final da abrangência deste instrumento corrigido pelo índice da caderneta
de poupança.

Parágrafo Primeiro - Em caso de falência do (a) LOCATÁRIO (A) obrigam-se seus herdeiros e
sucessores a apresentar outra pessoa idônea com idênticas garantias, no prazo de 15 dias, sob pena
de rescisão do presente contrato de locação;

Parágrafo Segundo - Em caso de falência do (a) LOCATÁRIO (A), a caução continua a configurar
até a desocupação do imóvel e sua entrega na mesma condição que foi estabelecida nas cláusulas
deste instrumento.

OBJETO DA LOCAÇÃO

CLÁUSULA SEGUNDA - O (A) LOCADOR (A) dá em locação o imóvel de sua propriedade situado na
Rua Marechal Deodoro Nº 460 apto 411 – Benfica, Fortaleza–CE, CEP: 60.020-060.

Parágrafo Primeiro – O (A) LOCATÁRIO (A) declara ter recebido o imóvel em perfeitas condições de
habitabilidade e reparado em toda sua extensão.

Parágrafo Segundo - O imóvel locado destina-se, exclusivamente, para fins residenciais, sendo-lhe
vedada outra destinação, transferência ou sublocação, total ou parcial, de forma gratuita ou onerosa,
sem o consentimento expresso do (a) LOCADOR (A).

Seta Imobiliária 1
Rua Barão de Aratanha, 1184 – Fátima – CEP: 60050-071
Fone: 3454.1111 – E-mail: seta@setaimobiliaria.com.br
www.setaimobiliaria.com.br
Contrato de Locação Residencial com CAUÇÃO

Parágrafo Terceiro - O imóvel, ora locado, se destina à residência do (a) LOCATÁRIO (A),
destinação que não poderá ser alterada sem expresso consentimento do (a) LOCADOR (A).

Parágrafo Quarto - O (A) LOCADOR (A) não se responsabiliza por eventuais danos sofridos pelo (a)
LOCATÁRIO (A) em caso de acidentes ocasionados por motivo fortuito ou de força maior.

PRAZO DE LOCAÇÃO

CLÁUSULA TERCEIRA - O prazo da presente locação será de 30 (trinta) meses a iniciar no dia
22/02/2018 e a terminar no dia 22/08/2020, data em que o (a) LOCATÁRIO (A) se obriga a devolver o
imóvel, ora locado, inteiramente desocupado, nas condições descritas no TERMO DE VISTORIA,
anexo, e estipuladas nas cláusulas deste contrato, independentemente de qualquer aviso judicial ou
extrajudicial, ficando de logo notificado, caso este contrato não seja eventualmente renovado. (Art. 46
da Lei 8.245/91).

Parágrafo Primeiro - Terminado o prazo inicialmente convencionado e não havendo qualquer


manifestação das partes, a locação será prorrogada por tempo indeterminado, podendo ser
denunciada por qualquer das duas partes a qualquer tempo, com aviso prévio de 30 (trinta) dias a
serem utilizados para a desocupação do imóvel.

Parágrafo Segundo - O presente contrato poderá ser rescindido a partir do 13º (décimo terceiro)
mês, conforme conveniência do (a) LOCATÁRIO (A), mediante aviso por escrito com antecedência de
30 (trinta) dias, não incorrendo em multa rescisória prevista neste instrumento.

Parágrafo Terceiro - Caso o (a) LOCATÁRIO (A) não conceda o aviso prévio quando da
desocupação do imóvel no caso acima especificado, ficará obrigado a pagar, a título de multa, o valor
de 1 (um) mês de aluguel vigente.

VALOR DA LOCAÇÃO

CLÁUSULA QUARTA - O aluguel mensal convencionado é de R$ 480,00 (Quatrocentos e Oitenta


Reais), a ser pago pelo (a) LOCATÁRIO (A) até o dia 05 de cada mês à SETA EMPREENDIMENTOS
IMOBILIÁRIO LTDA., mediante boleto bancário.

Parágrafo Primeiro - No caso de o contrato iniciar após o primeiro dia do mês, o (a) LOCATÁRIO (A)
pagará o aluguel correspondente aos dias faltantes para o término do mês, e posteriormente, o
aluguel dos meses do calendário por inteiro.

Parágrafo Segundo - Caso o (a) LOCATÁRIO (A) não receba o boleto de cobrança do aluguel, acima
descrito, em até três dias úteis anteriores ao vencimento, deverá o mesmo entrar em contato com a
SETA IMOBILIARIA e solicitar 2ª (segunda) via ou, se preferir, poderá pagar diretamente na
imobiliária, desde que não vencido. Em caso de atraso de pagamento dos alugueres pelo motivo
acima descrito, não serão dispensados os encargos contratuais e legais.

ENCARGOS

CLÁUSULA QUINTA - Serão de responsabilidade do (a) LOCATÁRIO (A) os pagamentos de IPTU,


Seta Imobiliária 2
Rua Barão de Aratanha, 1184 – Fátima – CEP: 60050-071
Fone: 3454.1111 – E-mail: seta@setaimobiliaria.com.br
www.setaimobiliaria.com.br
Contrato de Locação Residencial com CAUÇÃO

condomínio, água, luz, seguro contra incêndio e todas as demais despesas referentes à conservação
do imóvel permitidas por lei e taxas que vierem a ser criadas pelo Poder Público.

CORREÇÃO

CLÁUSULA SEXTA - O aluguel será reajustado automaticamente na periodicidade mínima


determinada pela legislação vigente, pelo Índice Geral de Preços de Mercado fornecido pela
Fundação Getúlio Vargas (IGP-M/FGV) ou, na falta deste, pelo Índice Nacional de Preços ao
Consumidor Amplo, calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IPCA-IBGE), ou o
índice que vier a substituí-los.

Parágrafo Primeiro - Nos períodos em que o IGP-M/FGV estiver com o índice de reajuste negativo,
ou seja, deflacionário, será aplicado o IPCA-IBGE.

Parágrafo Segundo - Caso o índice de reajuste substituto também esteja negativo, o aluguel
permanecerá no valor acordado no último reajuste.

SEGURO

CLÁUSULA SÉTIMA - Obriga-se ainda o (a) LOCATÁRIO (A) a pagar o prêmio de seguro do imóvel
locado, contratado em companhia de livre escolha do (a) LOCADOR (A), e pelo valor sempre
atualizado, devendo o referido pagamento ser efetuado pelo (a) LOCATÁRIO (A).

Parágrafo Único - O seguro de que trata o “caput” desta cláusula não inclui de forma alguma os
móveis, utensílios ou outros objetos que se encontrarem dentro do imóvel por ocasião do sinistro,
devendo, por isso, o(a) LOCATÁRIO(A) fazer, por sua conta, o seguro de seus pertences, se lhe
convier.

MULTA IMPONTUALIDADE

CLÁUSULA OITAVA - Caso não haja o pagamento até o prazo convencionado neste instrumento,
conforme descrito na cláusula quarta, incidirá multa de 10% sobre o valor do aluguel, acrescido juros
de mora de 1% (um) por cento ao mês, mais correção monetária apurados no período.

Parágrafo Único - Caberão a (o) LOCATÁRIO (A) os pagamentos do IPTU, condomínio, água, luz,
taxas, etc. Caso haja inadimplência das taxas acima citadas, poderá o (a) LOCADOR (A) quitar os
referidos débitos e cobrar do (a) LOCATÁRIO (A) o valor efetivamente pago com os acréscimos
legais.

HONORÁRIOS

CLÁUSULA NONA - Após o vencimento do aluguel, a cobrança será enviada para assessoria
jurídica, onde será efetuado o pagamento acrescido de 20% de honorários advocatícios sobre o valor
do débito atualizado, independentemente da referida cobrança ser judicial ou extrajudicial, sem
prejuízo dos encargos previstos no presente contrato e/ou na lei.

Seta Imobiliária 3
Rua Barão de Aratanha, 1184 – Fátima – CEP: 60050-071
Fone: 3454.1111 – E-mail: seta@setaimobiliaria.com.br
www.setaimobiliaria.com.br
Contrato de Locação Residencial com CAUÇÃO

RESTITUIÇÃO DO IMÓVEL

CLÁUSULA DÉCIMA - Findo o prazo da locação ora estabelecida, ou rescindida a locação por
qualquer motivo, será o imóvel restituído ao (a) LOCADOR (A), em condições de serem
imediatamente habitados, com as quitações de luz e força, água e esgoto, imposto predial e demais
encargos de responsabilidade do (a) LOCATÁRIO (A), conforme laudo de vistoria que faz parte
integrante deste.

Parágrafo Primeiro - Objetivando o cumprimento do disposto no “caput” desta cláusula, o (a)


LOCATÁRIO (A) se obriga a conservar bem o imóvel para entregá-lo limpo, pintado, nas mesmas
condições constantes no Laudo de Vistoria inicial (cor e tipo de material), com as janelas, vidros,
portas, fechaduras, instalações elétricas, hidráulicas e sanitárias em perfeito funcionamento e em
plenas condições de imediato uso. Se assim não o fizer, fica o (a) LOCADOR (A), desde logo,
autorizado a fazê-lo, com prévia vistoria, e a cobrar os custos executivamente do (a) LOCATÁRIO (A),
mediante a exibição dos recibos de realização das obras e demais pagamentos efetuados.

Parágrafo Segundo - A entrega provisória das chaves para vistoria, quando desocupado o imóvel,
não exonera o (a) LOCATÁRIO (A) das obrigações ora assumidas, pois caso o imóvel não se
encontre nas condições apontadas no Termo de Vistoria de ocupação, o (a) LOCATÁRIO (A) terá que
promover a sua imediata reparação, persistindo a responsabilidade pelos aluguéis e encargos da
locação, ainda que restituídas provisoriamente as chaves, até a conclusão dos serviços e quitação
dos débitos porventura existentes, ocasião em que, e só nestas condições, a entrega do imóvel se
tornará real e definitiva.

Parágrafo Terceiro - Não cumprindo o (a) LOCATÁRIO (A) a obrigação de reparar o imóvel, serão os
serviços feitos pelo (a) LOCADOR (A) ou Procurador, cobrando-se os valores dos aluguéis, encargos
e dos serviços pelos meios adequados, além dos honorários do advogado e das custas processuais.
Para fixação do valor dos reparos bastará à apresentação dos recibos dos materiais comprados e dos
pagamentos aos profissionais que executaram os serviços. Sobre o valor dos reparos incidirão os
juros legais.

Parágrafo Quarto - Se o (a) LOCATÁRIO (A), usando da faculdade que lhe confere o artigo 4º da Lei
nº 8.245/91 alterado pela Lei 12.112/09, devolver o imóvel locado antes de decorrido o prazo ajustado
na Cláusula Terceira - PRAZO DA LOCAÇÃO, pagará ao (a) LOCADOR (A) a multa compensatória
correspondente a 03 (três) meses de aluguel em vigor, a ser cobrada em ação de execução, e que
será reduzida, proporcionalmente, ao tempo do contrato já cumprido, na forma do artigo 413 do
Código Civil, na base de 1/30 (um trinta avos) para cada mês já transcorrido.

Parágrafo Quinto - Caso a locação tenha se prorrogado por prazo indeterminado, obriga-se o (a)
LOCATÁRIO (A) a comunicar o (a) LOCADOR (A), por escrito, com antecedência mínima de 30
(trinta) dias, a data da restituição do imóvel locado, sob pena de pagar quantia correspondente a um
mês de aluguel e encargos vigentes, conforme disposto no art. 6º da Lei 8.245/91 (lei do inquilinato).

VISTORIA DO IMÓVEL

CLÁUSULA DÉCIMA PRIMEIRA - Faz parte integrante deste contrato o termo de vistoria com as
condições gerais do imóvel locado, conforme cópia anexa.
Seta Imobiliária 4
Rua Barão de Aratanha, 1184 – Fátima – CEP: 60050-071
Fone: 3454.1111 – E-mail: seta@setaimobiliaria.com.br
www.setaimobiliaria.com.br
Contrato de Locação Residencial com CAUÇÃO

Parágrafo Primeiro - O (A) LOCATÁRIO (A) se obriga a manter o imóvel locado sempre limpo e a
restituí-lo, finda a locação, nas mesmas e perfeitas condições de habitabilidade recebidas, de acordo
com o termo de vistoria, correndo exclusivamente por sua conta, todos os reparos tendentes à
conservação do imóvel, das suas dependências, instalações e utensílios nele existentes, inclusive os
consertos e reparos que se fizerem necessários na rede de água e esgoto, bem como as multas a
que der causa, por inobservância de quaisquer leis, decretos e regulamentos.

Parágrafo Segundo - Caso o imóvel, suas dependências e utensílios nele existentes, não forem
restituídos nas mesmas condições estipuladas nesta cláusula, o aluguel e seus acessórios
continuarão a correr até que o(a) LOCATÁRIO(A) cumpra todas as exigências do(a) LOCADOR(A),
com base na vistoria referida (semelhante à disposição contida na cláusula nona, parágrafo segundo,
deste contrato).

Parágrafo Terceiro - O (A) LOCATÁRIO (A) que esteja com a posse das chaves do imóvel para
mandar proceder aos reparos que forem exigidos, terá o prazo de 15 (quinze) dias para executá-los.
O não cumprimento das obrigações no prazo fixado dará ao (a) LOCADOR (A) o direito de entrar na
posse do imóvel, procedendo-se, então, na forma determinada do PARÁGRAFO QUARTO infra.

Parágrafo Quarto - Caso os reparos exigidos pelo (a) LOCADOR (A) não sejam executados dentro
de 15 (quinze) dias contados da entrega das chaves, o (a) LOCATÁRIO (A) e principal pagador serão
obrigados a depositar em mãos do (a) LOCADOR (A) ou onde este indicar, o valor correspondente ao
orçamento apresentado pelo vistoriador. Não sendo executados os reparos, nem sendo depositado o
valor do orçamento apresentado, na forma e no prazo acima fixado, poderá o (a) LOCADOR (A), se
assim desejar, mandar executar os reparos para o que fica, desde já, autorizado pelo (a) LOCATÁRIO
(A) e principal pagador, os quais reconhecem como idôneo o orçamento apresentado e de cujo valor
total se considera devedores, autorizando, por conseguinte, a sua cobrança mediante ação de
execução, na forma do inciso IV do artigo 585 do Código de Processo Civil, com os encargos legais
aplicáveis.

Parágrafo Quinto - O disposto no PARÁGRAFO SEGUNDO, supra, aplicar-se-á, também, no que diz
respeito aos reparos ou consertos que tiverem que ser executados no curso da locação.

Parágrafo Sexto - Quando da desocupação e entrega do imóvel, o (a) LOCATÁRIO (A) deverá
apresentar os comprovantes de que estão completamente quitadas todas as contas de energia
elétrica, água, imposto predial, condomínio e taxas que vierem a ser criadas pela prefeitura que sejam
de responsabilidade legal ou contratual do (a) LOCATÁRIO (A), correndo a locação até o momento
em que forem apresentados os comprovantes mencionados e quitação de todas as obrigações
contidas neste pacto.

BENFEITORIAS

CLÁUSULA DÉCIMA SEGUNDA - Quaisquer obras ou benfeitorias dependem do consentimento


expresso e escrito do (a) LOCADOR (A) e não darão direito à indenização ou retenção e, finda a
locação, poderá o (a) LOCADOR (A) exigir-lhe(s) retirada.

Parágrafo Primeiro - É vedada ao (a) LOCATÁRIO (A) a colocação de placas, bandeiras, cartazes,
painéis, luminosos, antenas, etc., nas paredes externas do imóvel locado.
Seta Imobiliária 5
Rua Barão de Aratanha, 1184 – Fátima – CEP: 60050-071
Fone: 3454.1111 – E-mail: seta@setaimobiliaria.com.br
www.setaimobiliaria.com.br
Contrato de Locação Residencial com CAUÇÃO

Parágrafo Segundo - Embora autorizado, o (a) LOCATÁRIO (A) responde pelos danos que, nessa
hipótese, foram causados ao imóvel.
RESCISÃO

CLÁUSULA DÉCIMA TERCEIRA - O (A) LOCADOR (A) poderá dar como rescindido o presente
contrato de locação de pleno direito, independentemente de qualquer interpelação judicial, sem que
assista ao (a) LOCATÁRIO (A) direito a qualquer indenização ou reclamação, a exemplo:

a) Em caso do não pagamento pontual do aluguel e encargos ou a falta do exato cumprimento de


quaisquer das obrigações;
b) Em caso de sinistro ou desapropriação;
c) Dar destinação diversa da que consta no contrato;
d) Sublocar o imóvel, gratuita ou onerosamente, sem autorização expressa do (a) LOCADOR(A);
e) Infringir quaisquer das cláusulas do presente contrato.

Parágrafo Primeiro - Uma vez tendo o (a) LOCATÁRIO (A) dado motivo à rescisão do contrato de
locação nas hipóteses supracitadas, pagará ele (a) uma multa de 03 (três) vezes o valor locatício
vigente ajustado e atualizado, independentemente das sanções anteriormente previstas.

Parágrafo Segundo - Incorrerá na mesma multa do parágrafo acima se o (a) LOCATÁRIO (A) decidir
rescindir o contrato dentro do prazo convencionado no contrato de locação.

OBRIGAÇÕES

CLÁUSULA DÉCIMA QUARTA - Não poderá o (a) LOCATÁRIO (A) se escusar do pagamento de
quaisquer diferenças de aluguel, impostos, taxas, despesas de condomínios ou outro ônus a que
estiver obrigado nos termos da lei e do presente instrumento, sob a alegação de que o pagamento ou
a obrigação não lhe foi exigido na época fixada neste contrato de locação.

Parágrafo Primeiro - Quaisquer tolerâncias ou concessões do (a) LOCADOR (A) não constituirão
precedente invocável e não terão a virtude de alterar as obrigações que lhe são impostas neste
instrumento.

Parágrafo Segundo - Os prazos e as obrigações legais e contratuais do (a) LOCATÁRIO (A)


vencerão independentemente de interpelação, notificação ou aviso, judicial ou extrajudicial.

Parágrafo Terceiro - O vencimento do aluguel sem a devida quitação conferirá ao (a) LOCADOR (A)
o direito de ingressar em juízo com ação de despejo para desocupação compulsória do imóvel, sendo
que a não propositura desta ação, logo após o vencimento, não caracterizará a moratória prevista no
inciso I do artigo 838 do Código Civil Brasileiro.

Parágrafo Quarto - Caso ocorra efetivamente à rescisão do presente contrato no período anterior ao
pactuado na cláusula terceira, o (a) LOCATÁRIO (A) ficará obrigado ao pagamento da multa prevista
na cláusula sétima deste contrato.

Parágrafo Quinto - Em caso de morte do (a) LOCATÁRIO (A), seu herdeiro e sucessores continuam
responsável como principal pagador até a desocupação do imóvel e sua entrega nas mesmas
Seta Imobiliária 6
Rua Barão de Aratanha, 1184 – Fátima – CEP: 60050-071
Fone: 3454.1111 – E-mail: seta@setaimobiliaria.com.br
www.setaimobiliaria.com.br
Contrato de Locação Residencial com CAUÇÃO

condições que foram estabelecidas nas cláusulas décima e décima primeira.

Parágrafo Sexta - O (A) LOCATÁRIO (A) se obriga também a:

a) Transferir a conta de energia elétrica do imóvel locado para o seu nome, no ato da assinatura
deste instrumento, sob pena de incorrer em violação de cláusula contratual.
b) Manter o imóvel no mais rigoroso estado de conservação e uso, além da limpeza física do
imóvel.
c) Fazer às suas custas, as despesas que porventura se tornem necessárias para a conservação
das pinturas, portas de aço, fechaduras, trincos, vidros, torneiras, puxadores, instalações
elétricas e sanitárias, limpeza, reparos e desentupimentos de encanamento de água, esgoto,
etc., mantendo tudo em perfeito estado de funcionamento. Todo o material empregado para o
bom cumprimento desta cláusula deverá ser de qualidade, tipo e medida existente no imóvel. A
conservação, a manutenção, a limpeza e reparos de poços, bombas para água e fossas
correrão por conta exclusiva do (a) LOCATÁRIO (A). Se assim não o fizer, fica o (a) LOCADOR
(A), desde logo, autorizado a fazê-lo, sem prévia vistoria, e a cobrar as despesas de execução
das obras e demais eventuais pagamentos, mediante apresentação da relação do material
utilizado e recibo do pagamento efetuado.
d) O (A) LOCATÁRIO (A) poderá fazer no imóvel locado melhorias ou benfeitorias que julgar
necessárias. Por todas as melhorias ou benfeitorias, inclusive as úteis e necessárias, que vier o
(a) LOCATÁRIO (A) a fazer no imóvel, não fará jus a qualquer indenização e/ou restituição por
elas, uma vez que as mesmas aderirão ao imóvel.
e) O (A) LOCATÁRIO (A) declara haver recebido o imóvel, ora locado, em perfeito estado de
conservação e uso, limpeza e funcionamento, assim como se obriga a devolvê-lo na mais
perfeita ordem e no mesmo estado em que recebeu, limpo e em estado de habitabilidade, de
modo que possa ser alugado, imediatamente, sem a necessidade e qualquer reparo.
f) Junto com este contrato, assina o (a) LOCATÁRIO (A) o “Relatório de Vistoria”, o qual
discrimina a situação do imóvel, que se torna parte integrante deste contrato.

Parágrafo Sétima - O (A) LOCATÁRIO (A) obriga-se a respeitar, além das posturas municipais, e de
saúde, os regulamentos, regimentos internos e convenções do edifício condominial, ficando
responsável pelas multas a que der causa.

CLÁUSULA ESPECIAL

CLÁUSULA DÉCIMA QUINTA - O (A) LOCATÁRIO (A) autoriza a inclusão de seus nomes em banco
de dados de proteção de crédito (SPC, SERASA, SEPROGUEL, etc.) sem aviso prévio, uma vez
existindo débito decorrente da presente locação.

PROCEDIMENTOS JUDICIAIS

CLÁUSULA DÉCIMA SEXTA - O (A) LOCATÁRIO (A) expressamente autorizam o (a) LOCADOR (A)
a proceder à sua citação inicial, interpelações, intimações, notificações ou qualquer outro ato de
comunicação processual, por via postal ou por fac-símile, em toda e qualquer ação judicial ou
procedimento extrajudicial, decorrente da relação ora ajustada, especialmente as intimações referidas
nos artigos 62, inciso III e 67, II e VII da Lei nº. 8.245, de 18 de Outubro de 1991.

Seta Imobiliária 7
Rua Barão de Aratanha, 1184 – Fátima – CEP: 60050-071
Fone: 3454.1111 – E-mail: seta@setaimobiliaria.com.br
www.setaimobiliaria.com.br
Contrato de Locação Residencial com CAUÇÃO

FORO

CLÁUSULA DÉCIMA SÉTIMA - Fica eleito o foro da cidade de Fortaleza, para solução de quaisquer
dúvidas ou litígio decorrente deste contrato, renunciando as partes a qualquer outro, que tenham ou
venham ter, por mais especializado ou privilegiado que seja. (Art. 58, II e IV, da Lei 8.245/91).

E por estarem justos e contratados, as partes firmam o presente contrato em duas vias de
igual conteúdo e teor, na presença de duas testemunhas, para que surtam seus jurídicos e legais
efeitos.

Fortaleza, 22 de Fevereiro de 2018.

LOCADOR:
CLAUVER RENE GUEDES ALVES
CPF/MF Nº 630.911.003-91

LOCATÁRIOS:
ANTONIA IZA DE OLIVEIRA
CPF/MF Nº 730.954.603-25

TESTEMUNHAS:
CPF/MF Nº CPF/MF Nº

Seta Imobiliária 8
Rua Barão de Aratanha, 1184 – Fátima – CEP: 60050-071
Fone: 3454.1111 – E-mail: seta@setaimobiliaria.com.br
www.setaimobiliaria.com.br