Você está na página 1de 2

Porque orar a Palavra

Jesus é a Palavra Viva que transforma o nosso viver. Quando somos


impactados pela revelação de quem Ele é, nós somos libertos por essa
verdade. Todas as mentiras ao nosso redor vão sendo combatidas uma a
uma. Orar a palavra é trazer à luz esses princípios ordenados e descritos na
Bíblia. Isso poderá mudar drasticamente o nosso futuro. Pois nos levará a um
nível de liberdade e alegria indescritível.

Característica de um discípulo verdadeiro de Jesus é permanecer em


sua palavra e por que não orar a palavra? Quando passamos a conhecer Jesus
de forma mais profunda pela meditação e oração, nesse processo de entrega,
vamos nos tornando, de fato, livres de tantas mentiras ditas a nós. Porque Ele
simplesmente vem e começa a desvendar nossos olhos.
“Disse, pois, Jesus aos judeus que haviam crido nele: Se vós
permanecerdes na minha palavra, sois verdadeiramente meus discípulos; e
conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará.” João 8.31-32.

A verdade é uma pessoa que demonstrou seu amor da forma mais


radical, até a morte de cruz.

Por exemplo, o que o mundo diz sobre muitos de nós? Talvez que nós
não somos pessoas bem sucedidas, que não alcançamos os nossos objetivos
ou quem sabe somos fracos… Mas o que a Bíblia diz a nosso respeito? Que
somos amados, que Cristo pagou um alto preço pela nossa vida, que somos
Filhos de Deus. Então, nós podemos pegar a verdade de Deus descrita em sua
Palavra e tomá-la como promessas para nós. E assim, fazer dessas verdades
nossa oração.

Passamos a concordar com as verdades ditas por Deus sobre nós ao


invés das mentiras ditas pelo mundo ou por nossas histórias traumáticas. Além
disso, combatemos todas as setas enviadas pelo diabo contra nossa
identidade, contra as dúvidas lançadas em nossa mente sobre o caráter e a
fidelidade de Deus. É importante orar a palavra e Paulo fala a respeito de levar
a mente à obediência de Cristo:

“Pois as armas da nossa guerra não são terrenas, mas poderosas em Deus
para destruir fortalezas! Destruímos vãs filosofias e a arrogância que tentam
levar as pessoas para longe do conhecimento de Deus, e dominamos todo
pensamento carnais, para torná-lo obediente a Cristo.” 2 Coríntios 10.4-5

“Porque as armas da nossa milícia não são carnais, e sim poderosas em Deus,
para destruir fortalezas, anulando nós sofismas e toda altivez que se levanta
contra o conhecimento de Deus, e levando cativo todo pensamento à
obediência de Cristo.
“2 Coríntios 10.4-5

Não importa que tipo de fortaleza nós temos que enfrentar. A questão é
que as nossas armas não são carnais ou terrenas, mas poderosas em Deus.
Mesmo que tenhamos que combater oposições demoníacas e o sistema deste
mundo caído, o Senhor nos deu recursos para guerrear. Ele nos deu a sua
Palavra e liberou sua autoridade sobre nós. Ele nos deu o Espírito Santo que
nos ajuda e nos dá poder para viver segundo a sua vontade e em mover
sobrenatural. Crescemos nisso por meio da oração, intercessão, adoração e
estudando a Palavra.

Nós proclamamos suas Verdades por meio de nossas


orações. Proclamamos as verdades de Deus a respeito de nossas vidas, de
nossa nação e dos povos da terra. Nós creditamos, isso mesmo, nós damos
crédito, confiamos, declaramos a Palavra porque confiamos naquele que a
deixou para nós. Para que pudéssemos conhecê-lo e fazê-lo conhecido.

Nayla Cintra