Você está na página 1de 10

Words in Context - Discourse and

Pragmatics
APRESENTAR ALGUMAS ESTRUTURAS DA LÍNGUA INGLESA QUE ESTÃO FORA DO ÂMBITO GRAMATICAL
E ESTÃO BASTANTE RELACIONADAS AO CONTEXTO: PHRASAL VERBS E ELLIPSIS.

AUTOR(A): PROF. ELTON LUIZ ALIANDRO FURLANETTO

AUTOR(A): PROF. VERA LUCIA RAMOS

Os estudos da linguagem
Uma maneira de abordar o estudo da linguagem é a separação dela em diversas áreas, ou ciências que vão
estudar determinados aspectos da língua. A fonologia se preocupa com o o estudo do fonema, que é a
unidade mais básica de uma língua: os sons que, enquanto unidades mínimas, vão ter um significado. Ao
juntarmos diversos desses sons, formamos palavras. As palavras são, portanto, a junção de vários sons que
ganham um significado próprio. Cada palavra pertence a uma classe, temos os verbos, que indicam ações, os
substantivos, que nomeiam as coisas, as preposições, que ligam palavras, etc. A Morfologia é a área que
estuda as palavras e suas classificações.
Quando as palavras são colocadas em relações, elas formam orações e frases. As palavras passam a adquirir
funções na frase, como ser sujeito, predicado, adjuntos. Tais funções são estudadas pela Sintaxe. Todas
essas áreas de estudo, vão se preocupar, portanto, com a estrutura da língua.

Há, no entanto, outras seções da Linguística que vão se preocupar com o uso da língua. Como todo uso da
língua vai configurar algum tipo de comunicação, ela vai depender não apenas do código (a língua em si),
mas de outros fatores como a intenção do falante ou a habilidade de interpretação do ouvinte. Ainda, vai
ser necessário entender qual o contexto no qual a comunicação acontece. Para estudar o contexto e as
mudanças da língua a partir das mudanças e dos usos, temos a Análise do Discurso e da Pragmática.
 
O que é o contexto?

01 / 09
O contexto comunicativo é formado pelos enunciadores, que são os participantes da situação comunicativa
que produzem uma fala (ou escrita), os enunciatários, que recebem a mensagem, e as circunstâncias
espaciais e temporais em que a comunicação ocorre.Tais circunstâncias espaciais e temporais vão
estabelecer os elementos ideológicos e culturais que os participantes provavelmente compartilham.
Tais elementos vão reforçar os significados originais de determinada fala, ou, podem igualmente, alterar
esses significados, subvertê-los ou criar novos significados. A compreensão da mensagem, portanto, vai
depender de um processo de interpretação daquilo que foi falado e para tanto, será necessário acessar o
contexto, já que ele pode alterar os significados e a mensagem.
 
Registros
Formal e informal
Um dos detalhes da comunicação mais importantes será o tipo de uso que se fará da linguagem em
contextos sociais mais ou menos controlados. Há o discurso ou registro formal e o discurso ou registro
informal, que vão adaptar o que é dito para determinado público ou para uma finalidade específica.
Vejamos agora alguns dos aspectos linguísticos que vão ser mais levados em conta para alterar de um dos
registros para outro. Os exemplos estão em português e inglês:
 

Escolhas lexicais: usar certas palavras e não outras.


Formal: O senhor poderia me ajudar?
Informal: Você poderia me ajudar?
Formal: Sir, could you help me?
Informal: Can you help me?
 

Escolhas sintáticas: a forma de organizar as palavras na frase.


Formal: Falaram-me da situação do Oriente Médio.
Informal: Me falaram da situação do Oriente Médio.
Formal: I was told about the problems in the Middle East.

02 / 09
Informal: They told me about the problems in the Middle East.
 

Tom e liberdade com relação às regras da língua:


Formal: Eu nunca tinha o visto com tanta raiva.
Informal: Eu nunca tinha visto ele com tanto sangue nos olhos.
Formal: I had never seen him in such an angry state.
Informal: I had never seen him so pissed off.
 
Vejamos duas estruturas da língua inglesa que vão ser bastante dependentes de fatores contextuais para
mudar a forma de expressar as ideias.

Phrasal Verbs
Formação
Phrasal Verbs são expressões formadas da seguinte forma:
VERB + PARTICLE (+PARTICLE)
 
As partículas são normalmente PREPOSITIONS ou ADVERBS. Por vezes, o verbo pode receber duas
partículas. Veja os exemplos:
I’m looking after the neighbor’s kids while they are in the party. (preposition)
Stand up and come here. (adverb)
Let’s get this meeting over with and move to the next steps. (adverb and preposition)
 

A importância do phrasal verb é que a partícula utilizada junto com o verbo vai causar uma alteração no
verbo, alterando levemente seu sentido, ou mudando completamente seu significado. No caso dos
exemplos, os verbos look, stand e get foram modificados: look after ganha a conotação de “tomar conta”,
stand up é “levantar” (a partícula apenas reforça o movimento para cima) e get over with tem uma idea de
“encerrar”.
 
Literal and non-literal phrasal verbs

03 / 09
Um dos aspectos mais importantes dos phrasal verbs é que ele vão podem ter mais de um sentido de acordo
com o contexto. Tais sentidos podem se aproximar do sentido mais comum do verbo, e são chamados de
literal phrasal verbs ou non-idiomatic:
Martin looked up and saw a strange light.
Claire looked out the window and saw the movement of the street.
 
Nos exemplos, look up significa olhar para cima, em direção ao céu e look out é também olhar em
determinada direção.
 
A dificuldade maior acontece quando falantes não-nativos se deparam com non-literal, idiomatic ou
metaphorical phrasal verbs. Eles se distanciam do sentido original do verbo e adquirem uma conotação
diferente. Grande número de phrasal verbs só possui essa versão, não sendo usado no seu sentido literal.
Sarah looked up the meaning of the word “hut” in the dictionary.
Look out! The light is red for you.
 
Aqui look up ganha o significado de “procurar em um livro de referência” e look out é “tenha cuidado”.
Vejamos mais alguns exemplos:

04 / 09
Phrasal
Sentence Translation
Verb

Run out Ele saiu correndo do prédio para escapar do


He ran out of the building to escape the fire.
of incêndio.

  We’ve run out of coffee. Would you have tea? Acabou o café. Você tomaria chá?

Look She looked through the window to see if there was Ela olhou pela janela para ver se havia
through somebody in. alguém em casa.

Can you look through my lesson to see if it is Você pode conferir minha lição para ver se
 
right? está certa?

Put on She put her bag on the table. Ela colocou a bolsa na mesa.

  She put the radio on to hear about the accident. Ela ligou o radio pra ouvir sobre o acidente.

  He put on his best pants. Ele vestiu sua melhor calça.

Eles estavam enchendo alguns balões para a


Blow up They were blowing up some balloons for the party.
festa.

Ele viu o que ela estava fazendo e ficou


  He saw what she was doing and blew up.
bastante bravo.

 
Em alguns casos, será necessário apresentar melhor o contexto, para que não fique ambíguo qual dos
sentidos o phrasal tem. Vejamos um exemplo:
This program is very bad. I wanted you to switch off the TV.
The reading was so boring that I switched off. He had to call my name twice before I realized he was talking
to me.
 
Uma outra característica dos phrasal verbs é que eles são usados mais em um contexto informal e
conversacional. São bastante comuns em discurso jornalístico. Veja a mesma situação em contextos
diferentes:
Situation:
A neighbor is listening to very loud music.
Informal: “I can’t put up with this noise any longer. I think I will put up an argument and if it doesn’t work
out, I’ll take him to court”.
Formal: “I cannot tolerate such loud noise any longer. I think I will start an argument and if doing this does
not succeed, I will take appropriate legal action.”
 
05 / 09
 

COMO PESQUISAR SOBRE PHRASAL VERBS


Um bom dicionário traz uma lista de phrasal verbs na entrada sobre verbo. Ele diz se o verbo pode
ser separado da partícula ou se eles são inseparáveis, além de indicar se o phrasal pode ser seguido

de um objeto humano (somebody), não humano (something), ou se ele é intransitivo.

ELLIPSIS
Definition
A elipse ocorre quando um ou mais elementos necessários gramaticalmente são deixados de fora na fala ou
na escrita, porque podem ser deduzidos a partir do contexto ou situação enunciativa.
 
Quando é usado?
Normalmente, as elipses acontecem em situações de diálogos informais e mesmo em textos escritos. Ele
serve para evitar as repetições. Em alguns materiais elas são chamadas de short answers.Vejamos alguns
exemplos:
A: Where are you going?
B: To Lapa. (= I’m going to Lapa)
A: Why? (= Why are you going to Lapa?)
B: To get my new pair of glasses. (= I’m going to Lapa to get my new pair of glasses.)
 
Mark: Ready? (= Are you ready to go?)
Susan: Yes, I am (= Yes, I am ready to go)
 
Esse tipo de estrutura acontece em alguns casos especiais:

Em estruturas subordinadas:
If you wash the dishes today, I will tomorrow. (= I will wash the dishes tomorrow)
I’ll talk to her if you want. (= If you want me to talk to her.)
 

06 / 09
Em estruturas coordenadas, quando as informações presentes na primeira são similares às seguintes:
I’ve washed some clothes, done the ironing, and the homework. (I’ve washed some clothes, I’ve done the
ironing, and I’ve done the homework.)
Sonya plays the drums, Josh the flute, and Karl the saxophone. (Sonya plays the drums, Josh plays the flute,
and Karl plays the saxophone)
 

No caso de REDUCED CLAUSES:


When a student, he was always the first one to arrive. (= when he was a student)
Though a little anxious, he accomplished the task in time. (Though he was a little anxious)
 

Quando o verbo auxiliar resume toda a ação:


Marcia wrote five letter and John did too. (= John wrote five letters too)
Chris is paying the bills in advance and Rose is too (= Rose is paying the bill in advance too)
 

Com palavras como so, neither, not:


Cinthya: Is Carla really dropping out the course?
Sidney: I think so. (= I think Carla is really dropping out the course.)
 
I don’t like onions and neither does my sister. (= my sister does not like onions either)
 
Ambiguidade
Segundo Davidson (2001), às vezes, certas construções de elipses vão levar a certa dúvida com relação a
qual elemento foi retirado.
I can hear him more clearly than you.
 

07 / 09
Essa frase poderia ser:
I can hear him more clearly than you can hear him.
I can hear him more clearly than I can hear you.
Para evitar a ambiguidade, basta elidir um pouco menos da segunda oração:
I can hear him more clearly than you can.
I can hear him more clearly than I can you.
 

ATIVIDADE

Em qual das frases não há elipse?

A. Has she been running? No, cycling. 


B. I could have gone to her party, but I didn't want 
C. I don't know if John has gone, but I think he has 
D. Mark bought a coat and Lynn bought a hat and gloves. 

ATIVIDADE

Qual das frases traz o phrasal verb em sua versão literal ou non

idiomatic?

A. After being together for five years they have decided to break up.
B. His pessimistic comments bring down the whole group.
C. You must clean up the room before the president arrives. 
D. She dropped out of college but managed to set up her own company.

08 / 09
REFERÊNCIA
DAVIDSON, George. Phrases, Clauses and Sentences. Singapore: Learners Publishing Pte Ltd, 2001.
MCCARTHY, Michael, and O'Dell, Felicity. English Phrasal Verbs in Use. Cambridge: Cambridge UP, 2004.
WALKER, Elaine, and Steve Elsworth. Grammar Practice for Upper Intermediate Students: With Key. Harlow:
Longman, 2000.
WORKMAN, Graham. Phrasal Verbs and Idioms. Oxford: Oxford UP, 1993.

09 / 09