Você está na página 1de 1

1.

(Cespe 2018) O sujeito da forma verbal “têm”


(l.16) está elíptico e retoma “cada um desses
autores” (l.14).

6. (Cespe 2017) Nas expressões em que são


empregados, os vocábulos “Humanos” (ℓ.1),
2. (Cespe 2018) Na linha 8, o termo “a todos” “Unidas” (ℓ.2) e “internacional” (ℓ.11)
exerce a função de complemento indireto da forma desempenham a mesma função sintática.
verbal absolveria”.

7. (Cespe 2017) No segundo período do terceiro


parágrafo, os termos “pela luta” (l.28), “pelas
manifestações” (l.30) e “pelo direito” (l.31)
funcionam como agentes da passiva.

3. (Cespe 2018) O vocábulo “daí” (ℓ.15) e a


expressão “da ignorância” (ℓ.16) exercem a
mesma função sintática no período em que
ocorrem.

8. (Cespe 2017) O termo “bens não mercantis em


disputa” (l.32) exerce a função de sujeito da
oração em que ocorre e é o referente do pronome
“se”, em “Tratando-se” (l.32).

4. (Cespe 2018) O termo “entre os mais mal pagos


do orbe” (ℓ.24) exerce a função de complemento
da forma verbal “inclui”. 9. (Cespe 2017) Na oração “que lhe atribui um
valor ‘atual’” (l.19), o elemento “que” exerce a
função de complemento direto da forma verbal
“atribui”.

10. ( Cespe 2017) No período “Assim, os negócios


escusos, a corrupção, a gatunagem, os
procedimentos ilícitos fogem da luz da divulgação
5. (Cespe 2018) Em “temos o ‘jeitinho’ virando como os vampiros da luz do Sol” (l. 24 a 27), a
corrupção” (ℓ.15), os termos ‘jeitinho’ e “corrupção” expressão “da luz”, em ambas as ocorrências,
funcionam como complementos diretos da forma exerce funções gramaticais distintas, embora
verbal “temos”. tenha sido empregada com o mesmo sentido.

Gabarito: 1E 2E 3C 4C 5E 6C 7E 8E 9E 10E

O CONHECIMENTO É O ESCUDO

Interesses relacionados