Você está na página 1de 4

SOCIOLOGIA DA COMUNICAÇÃO

2006/2007

Docente José Jorge Barreiros

OBJECTIVOS

A cadeira Sociologia da Comunicação visa proporcionar aos alunos que a frequentem: informação
sobre as realidades da comunicação nas sociedades contemporâneas; uma introdução às principais
referências do repertório teórico e das ferramentas de pesquisa desta área disciplinar; o
desenvolvimento de competências de análise, aplicação e problematização de temáticas de
actualidade no âmbito de uma abordagem sociológica da comunicação tanto no contexto
português como internacional.

PROGRAMA

1 – Comunicação, informação e media no trajecto da modernidade

2 - Enquadramentos para uma abordagem sociológica da comunicação

3 – Comunicação, informação e media na ‘Era da Informação’


- Tendências contemporâneas no sector da informação e da comunicação
- Comunicação, tecnologia e sociedade
- Media, comunicação e cultura
- Comunicação, espaço público, democracia

4 – Introdução à problematização e análise de alguns domínios específicos *


- O jornalismo e as notícias
- Audiências, públicos, usos, recepção
- Comunicação política e opinião pública
- Comunicação, publicidade e marketing
- Comunicação, media e educação
- A comunicação nas organizações
- Comunicação e desenvolvimento
- Comunicação, media e justiça
- Media e comunicação internacional

* A seleccionar entre os domínios indicados, admitindo-se a possibilidade de poderem ser contempladas


outras temáticas correspondentes a áreas de interesse a desenvolver pelos discentes.
FUNCIONAMENTO PEDAGÓGICO

A orientação pedagógica da cadeira procurará promover uma aprendizagem activa e participada. A


leccionação combinará componentes de exposição teórica e momentos de prática e aplicação,
contemplando temas e/ou acontecimentos de relevo e actualidade, com o apoio de materiais
diversos, nomeadamente: registos vídeo, recortes de imprensa, extractos de textos, documentos
www. Os temas poderão ser propostos tanto pelo docente como pelos alunos, a cuja participação
se faz vivo apelo.

No início será distribuída uma ficha pedagógica em que, através de impresso próprio, se pedirá a
definição do comprometimento do aluno com o programa de trabalho e o regime de avaliação da
cadeira.

AVALIAÇÃO

O regime de avaliação combinará os resultados de um momento formal consubstanciado num


trabalho escrito – individual ou de grupo – e a informação recolhida da participação nos outros
planos de actividade escolar.

No caso dos trabalhos realizados em grupo devem existir componentes de avaliação


individualizada, em moldes a acertar com o docente em função da natureza das propostas de
trabalho de iniciativa discente.

As modalidades de trabalho poderão assumir diferentes configurações desde que se revelem


interessantes e adequadas ao sucesso das propostas de trabalho. A título exemplificativo podem
indicar-se: recensão crítica, exposição em aula, ensaio, trabalho de aprofundamento temático,
projecto de pesquisa, dossier documental.

As opções de avaliação de cada discente ou grupo de trabalho deverão ser previamente acordadas
com o docente.

Os alunos que não preencherem as condições do regime de avaliação contínua poderão passar ao
regime de avaliação por exame final.

2
BIBLIOGRAFIA GERAL *
BARNOW, E., (Dir.), International Encyclopedia of Communication, (4 vol.), Oxford, OUP, 1989
BEAUD, P.; et all (Eds.), Sociologie de la Communication, Paris, CNET, 1997
BRIGGS, Asa; BURKE, P., A Social History of the Media. From Gutenberg to the Internet. Cambridge, Oxford,
Polity Press, 2002
DEACON, David. (et al.), Researching Communication, London, Arnold, 1999
CASTELLS, Manuel, A Era da Informação: Economia, Sociedade e Cultura, Lisboa, Fundação Gulbenkian, 2002
CURRAN,J., GUREVITCH, M.,(Eds.), Mass Media and Society 2nd ed, London, Arnold, 1996
FLICHY, P., Una Historia de la Comunicación Moderna, Barcelona Gustavo Gili, 1993
GORMAN, L., MCLEAN, C., Media and Society in the Twentieth Century. Blackwell, 2002
GREEN, Lelia, Communication, Technology and Society, London, Sage, 2002
HARDT, Hano, Critical Communications Studies, London, Routledge, 1992
JENSEN, K. B., (Ed.) A Handbook of Media and Communication Research. Qualitative and Quantitative
Methodologies , London, Sage, 2002
JOHNSTON, Donald H, Editor-in-Chief, Encyclopedia of International Media and Communications, Copyright ©
Elsevier Inc., 2004, http://www.sciencedirect.com/science/referenceworks/0123, 876702
LIEVROUW, L.; LIVINGSTONE, S., (Eds.), Handbook of the New Media, London, Sage, 2002
MACKAY, H., O’SULLIVAN, T., The Media Reader: Continuity and Transformation, London, Sage, 1999
MAIGRET, Eric, Sociologie de la communication et des médias, Paris, Armand Colin, 2003
MANN, C., STEWART, F., Internet Communication and Qualitative Research. A Handbook for Researching
Online, London, Sage, 2000
MATTELART, A., A Comunicação Mundo, Lisboa, Instituto Piaget, 1997
MATTELART, A., e M., História das Teorias da Comunicação, Lisboa, Campo das Letras, 1997
McHALE, John P., Communicating for change : strategies of social and political advocates, Lanham : Rowman
& Littlefield Publishers, 2004
Mc QUAIL, Mc Quail Mass Communication Theory, London, Sage, 2000
MOSCO, Vincent, The Political Economy of Communication, London, Sage, 1996
MORRIS, N., e WAISBORD, S., (Eds.), Media and Globalization, Lanham, Rowman & Littlefield, 2001
NORTON, M.; DUTTA, P., Getting Started in Communication. A Practical Guide for Activists and
Organisations, London, Sage Publications, 2003
O’SULLIVAN, T., et al, Key Concepts in Communication and Cultural Studies, London, Routledge, 1994
PAQUETE DE OLIVEIRA, J. M. “O Estudo da Comunicação numa Perspectiva Sociológica”, in Formas de
Censura Oculta na Imprensa Escrita em Portugal no pós 25 de Abril (1974-1978), Tese de
Doutoramento, Lisboa, ISCTE, 1988
PAQUETE de OLIVEIRA, J.M, et al, (Org.), Comunicação, Cultura e Tecnologias de Informação, Lisboa :
Quimera Editores, 2004
PROULX, S., BRETON, P., A Explosão da Comunicação, Lisboa, Bisâncio, 1997
SIOCHRÚ, S., et al. Global Media Governance: A Beginner's Guide, Lanham, Rowman & Littlefield, 2002
SFEZ, L., (Dir.), Dictionnaire Critique de la Communication, Paris, PUF, 1993
SILVERSTONE, Roger, Why Study The Media, London, Sage, 1999
THOMPSON, J., The Media and Modernity. A Social Theory of The Media, Cambridge, Polity Press, 1995. (Los
Medios e la Modernidad, Barcelona, Paidós, 1998)
WEBSTER, Frank (Ed.), The Information Society Reader London, Routledge, 2005
WINKIN, Y. (org) La Nouvelle Communication, Paris, Mame, 1983
WOLF, M., Teorias da Comunicação, Lisboa, Presença, 1995
WOLTON, D., Pensar a Comunicação, Lisboa, Difel, 1999
E Depois da Internet?, Lisboa, Difel, 2000

* Inclui referências de ordem geral. Indicações bibliográficas e documentais específicas para os diferentes
capítulos do programa serão apresentadas nas aulas.

3
ALGUMAS REVISTAS E PUBLICAÇÕES ELECTRÓNICAS
COMUNICAÇÃO & LINGUAGENS, Lisboa, Universidade Nova
COMUNICAÇÃO E SOCIEDADE, Braga, Instituto de Ciências Sociais, Universidade do Minho
COMUNICAÇÃO PÚBLICA, Escola Superior de Comunicação Social, Lisboa
COMUNICAÇÕES, Lisboa, APDC
COMMUNICATIONS, Paris, École des Hautes Études en Sciences Sociales.
EUROPEAN JOURNAL OF COMMUNICATION, London, Sage Publications
FEMINIST MEDIA STUDIES, London, Routledge
HERMÈS, Paris, CNRS
INFORMATION COMMUNICATION & SOCIETY, London, Routledge
MEDIA, CULTURE AND SOCIETY, London, Sage Publications
MEDIA & JORNALISMO, Coimbra, Minerva
NEW MEDIA AND SOCIETY, London, Sage Publications
NORDICOM, Review of Nordic Communication Research, Gothenburg, University of Gothenburg
OBSERVATÓRIO, Revista do OBERCOM, Lisboa, Observatório da Comunicação
PROBLEMI DELL INFORMAZIONE, Bologna, Il Mulino
RÉSEAUX, Paris, CNET
SOCIOLOGIA – PROBLEMAS E PRÁTICAS, Lisboa, ISCTE
TELEVISION & NEW MEDIA, Sage Publications
TRAJECTOS – Revista de Comunicação, Cultura e Educação, Lisboa, ISCTE
Agora::net
http://www.labcom.ubi.pt/agoranet/
Canadian Journal of Communication
http://cjc-online.ca/
Columbia Journalism Review
http://www.cjr.org/whoweare/
Commposite
http://commposite.uqam.ca
Firstmonday
http://www.firstmonday.org/
Electronic Journal of Sociology
http://www.sociology.org/
E.Journalist
http://www.ejournalism.au.com/ejournalist/index.html
International Journal of Communication
http://ijoc.org/ojs/index.php/ijoc
International Journal of Public Opinion Research
http://www3.oup.co.uk/intpor/
Journal of Computer-Mediated Communication
http://www.ascusc.org/jcmc/index.html
Observatorio para la CiberSociedad
http://www.cibersociedad.net/
Online Journalism Review
http://ojr.usc.edu/
The Electronic Journal of Communication
http://www.cios.org/www/ejc/v6n296.htm
TELOS - Cuadernos de Comunicación, Tecnología y Sociedad
http://www.campusred.net/telos/
Revista Brasileira de Ciências da Comunicação
http://www.intercom.org.br/revista/capa.shtml
Revistas Digitais Jornalismo e Comunicação (Portal Universia)
http://www1.universia.net/catalogaxxi/C10046PPPTII2/S11737/P11731NN1/INDEX.HTML
Digital Journals on Communication (Collected by Piet Bakker [University of Amsterdam, Netherlands]
http://users.fmg.uva.nl/pbakker/DJC/index.html