Você está na página 1de 51

TREINAMENTO LOTOTO

Treinamento & Desenvolvimento


Ramal: 5154
T&D
Treinamento de Lototo

Controlando a Fera!
T&D
Objetivo do Treinamento

 Entender os principais conceitos do LOTOTO.

 Entender e reconhecer as fontes de energias.

 Entender os passos para um trabalho seguro.

 Identificar as situações que necessitam controles de energias.

 Entender o uso e aplicação dos dispositivos de bloqueios.

T&D
O que significa Lototo?

 LOCK OUT- BLOQUEAR

 TAG OUT- ETIQUETAR

 TEST OUT-TESTAR

T&D
Porque Lototo?

T&D
Porque Lototo?

PERIGOSAS E DEVEM SER CONTROLADAS

T&D
Fluxo do Programa Lototo
1. Palestra para liderança

8. Implantação e Auditoria 2. Listagem das tarefas


(OPT- específica) maiores x menores

3. Treinar/divulgar as
7. Treinamento para tarefas maiores e
operação menores

6. Modificações em 4. Criar o Placard (layout da


máquinas. máquina + tarefas maiores
e menores)
5. Aquisição do TOTEM +
cadeados + dispositivos de
bloqueios.

T&D
Conceito de Lototo

GARANTIR QUE DURANTE A REALIZAÇÃO DO SERVIÇO


OU MANUTENÇÃO, A MÁQUINA/ EQUIPAMENTO OU
SISTEMA PERMANEÇA NO ESTADO “ZERO ENERGIA”

T&D
Qual o objetivo do Lototo?

 Estabelecer um programa e procedimentos para controle


de energias perigosas;

 Impedir os ferimentos que possa ocorrer na partida ou


na liberação inesperada de energia armazenada;

 Impedir que ocorra as fatalidades e ferimentos.

T&D
Histórico de Bloqueios de energia
 SURGIU NA DÉCADA DE 90, CUJO OBJETIVO
ERA EVITAR MAIS DE 60.000 LESÕES E 100
MORTES ANUAIS !

“A maior parte dos acidentes do trabalho em 1999


teve como causa a utilização de máquinas inseguras e
obsoletas.”

Fonte: O Estado de São Paulo. Acidentes custam R$ 20 bilhões ao país por ano. 12.04.2001
T&D
Legislação Brasileira (Bloqueio de Energia)

 NR-10 – SERVIÇOS E INSTALAÇÕES EM ELETRICIDADE

 NR-12 – MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS

 NR-33 – SEGURANÇA E SAÚDE NOS TRABALHOS EM ESPAÇO


CONFINADO

T&D
Exemplo de Fontes de Energia
 Elétrica – energia presente em transformadores, interruptores, motores, painéis,
etc.;
 Hidráulica / Pneumática – energia sob pressão de um gás ou líquido;
 Mecânica (cinética) – equipamentos rotativos, agitadores, moinhos, etc.;
 Gravitacional – quando parte de um equipamento ou peça para em ponto elevado
e pode descer a qualquer momento;
 Química / Produtos Reativos perigosos – podem ser liberados ao religar (tóxico,
corrosivos, etc.);
 Térmica – partes de máquinas/ reações químicas (caracteriza-se por baixas ou
altas temperaturas).
 Energia Potencial ou acumulada – podem ser por molas, por gravidade,
capacitores, etc.
 Outras....
T&D
Considerações
A QUEM SE APLICA?
 FUNCIONÁRIOS PRÓPRIOS
KC
 TERCEIROS

EM QUE SITUAÇÕES SE APLICA?


 Sempre que uma ou mais formas de energia estiverem
presentes em qualquer situação, onde a intervenção manual
de manutenção ou similar venha a ser necessário e o risco
decorrente pode causar uma lesão ou dano material.
T&D
Você trabalharia sem bloqueio?

T&D
Caso Verídico

Fonte: Gazeta de Limeira


24.04.2001

T&D
Legislação Brasileira (Bloqueios)

NR-10 – SERVIÇOS E INSTALAÇÕES EM ELETRICIDADE

NR-12 – MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS

NR-33 – SEGURANÇA E SAÚDE NOS TRABALHOS EM ESPAÇO


CONFINADO
T&D
Considerações Importantes
 Pergunta: Para se fazer o bloqueio de uma fonte de energia
ELÉTRICA, a pessoa deve ser obrigatoriamente um eletricista?

T&D
Considerações Importantes
 Resposta Segundo a NR-10: 10.6.1.2
“As operações elementares como ligar e desligar circuitos
elétricos, realizadas em baixa tensão, com materiais e
equipamentos elétricos em perfeito estado de conservação,
podem ser realizadas por qualquer pessoa...”
Porém a maioria das empresas e nós da KC adotamos que a MANOBRA dos
sistemas elétricos sejam realizados por profissionais da área elétrica.
O colaborador treinado e devidamente capacitado terá o conhecimento para
poder identificar e aplicar o procedimento de bloqueio e etiquetagem, de
acordo com o trabalho que ira executar sempre seguindo o Placar do Lototo,
porem não estará habilitado a efetuar esse mesmo procedimento no
interior de painéis elétricos e subestações.
T&D
Bloqueio
 IMPEDIR FISICAMENTE

T&D
Dispositivos Prontos (padrão)
DIE´s – DISPOSITIVOS DE ISOLAMENTO DE ENERGIA

DIE

T&D
Dispositivos Auxiliares
 Devem ser:

 Suficientes para prevenir remoção;

 Padronizados;

 Facilmente reconhecidos por quem os aplica;

 Duráveis.

T&D
Dispositivos Auxiliares
DIE´s – DISPOSITIVOS DE ISOLAMENTO DE ENERGIA

DIE

DIE

DIE

T&D
Dispositivos de bloqueio

T&D
E quando temos varias pessoas?

T&D
Dispositivo de Bloqueio

T&D
Etiquetar
Além de bloquear é preciso também etiquetar as “energias perigosas”?

É necessário, pois identifica quem está bloqueando o local.

T&D
Importante

“NINGUÉM DEVE TRABALHAR SOB A PROTEÇÃO DO


BLOQUEIO FEITO POR OUTRA PESSOA”.

T&D
Totem de Lototo
 Caixa ou armário;
 Placard (Esquema gráfico do equipamento com os pontos de bloqueios);
 Dispositivos para bloqueios.

T&D
Totem de Lototo

1 TOTEM PARA CADA 2 MÁQUINAS

T&D
Falsos Bloqueios

T&D
Instalações

O QUE FAREMOS COM


INSTALAÇÕES QUE NÃO ESTÃO PRONTAS
PARA O TRAVAMENTO?

T&D
Passos seguro para o controle de energia
1° PASSO 2° PASSO 3° PASSO

IDENTIFICAR DESENERGIZAR
AS ENERGIAS DESLIGA

4° PASSO 5° PASSO 6° PASSO

BLOQUEAR /
ETIQUETAR ALIVIAR AS ENERGIAS TESTAR / VERIFICAR
RESIDUAIS
T&D
1º Passo – Identificar as energias

Inteirar-se do serviço a ser executado.


Verificar quais as fontes de energia envolvidas.
Conhecer os riscos e como controlá-los através do placard.
T&D
2º Passo – Desligar o equipamento (painel)

Pressionado o botão de desligar.


Colocando o botão na posição Desligado.
T&D
3º Passo - Desenergizar

Desligar a chave geral.


Fechar as válvulas.
Drenar fluidos ou aliviar a pressão.
Bloquear tubulação ou válvulas.

T&D
4º Passo – Bloquear e Etiquetar

Instale os porta cadeados, seus próprios cadeados ou bloqueadores


específicos se necessário.
Use suas etiquetas.
Nota: Veja as instruções no placar de Lototo disposto nos totens.
T&D
5º Passo – Aliviar energias residuais
O QUE ALIVIAR?
 HIDRÁULICA: Liberar pressão de óleo ou outro fluido;

 PNEUMÁTICA: Liberar pressão de ar;

 TÉRMICA: Liberar vapor, aguardar o resfriamento;

 MECÂNICA - Cinética: Aguardar cessar o movimento (liberar rotação);


- Potencial - deixar na posição de descanso (abaixar), liberar mola;

 QUÍMICA: Drenar, escorrer;

 ELÉTRICA: Aterrar, aguardar dissipar (capacitores).


T&D
6º Passo – Testar / Verificar

Avisar aos empregados quanto ao lacre, área de influência e tempo de


duração.
Fazer teste de funcionamento para certificar-se de que o sistema
LOTOTO esta operacional.
Verifique durante o trabalho se os bloqueios estão operacionais.
T&D
Removendo os Bloqueios e Etiquetas
 Verifique ao término se alguma ferramenta, parte do equipamento solta, fio
desencapado que por esquecimento tenha ficado no interior do equipamento;

 Avise a todos os envolvidos que o sistema de bloqueio será desativado;

 Afaste todos os trabalhadores do equipamento antes de restabelecer a energia;

 Cadeados e etiquetas devem então ser removidos somente por quem os instalou;

 Fazer os testes de funcionamento com representantes do local;

 Limpar toda a área de trabalho;

 Terminar a Permissão de Trabalho (PTE) de acordo com o procedimento;

 Devolver a Permissão de Trabalho (PTE) para o EHS.


T&D
Erros Fatais
 Acidentes acontecem por falta de proteção
adequada ou por causa de uma das 5 falhas abaixo:

1) Falha ao desligar um aparelho;

2) Falha ao desconectar o equipamento de sua fonte de energia;

3) Falha ao eliminar a energia residual;

4) Falha ao religar acidentalmente o equipamento;

5) Falha ao não afastar objetos que possam interferir quando o


equipamento for ativado.
T&D
Quando bloquear e quando
utilizar procedimento
alternativo?

T&D
Critério de Avaliação de Risco

Tarefa menor
São tarefas que não
necessitam de bloqueios

T&D
Placard do Lototo

O Placard do LOTOTO é constituído do layout da máquina + as


tarefas maiores e menores.

Serve como diretriz (direcionamento) dos pontos que necessitam ser


bloqueados.

T&D
Segurança em todos os serviços

Treinamento Equipamentos
adequados

Instalações elétricas
em boas condições
Procedimentos

T&D
A chave do sucesso

Equipamentos
Treinamento adequados

Instalações elétricas
Procedimentos
em boas condições

T&D
Auditoria do Programa

T&D
Fique atento ao procedimento

Acesse no ETQ:

http://www.etq.kcc.com/RelianceProd/reliance?ETQ$CMD=CMD_OPEN_DOC&ETQ$APPLICA
TION_NAME=DOCWORK&ETQ$FORM_NAME=DOCWORK_DOCUMENT&ETQ$KEY_NAME=DO
CWORK_ID&ETQ$KEY_VALUE=86609

T&D
Responsabilidade e comprometimento

“A DISTÂNCIA ENTRE O RISCO E O


ARREPENDIMENTO É MÍNIMA.

BASTA IGNORAR QUE ELE EXISTE.”

T&D
Título:
O SUCESSO DA PREVENÇÃO ...

É VOCÊ!
T&D
Referência
ANSI/ASSE – American National Standard Z244/2003 (em conjunto com ASSE – American Society of Safety Engineer) –
Control of Hazardous Energy – Lockout/Tagout and Alternative Methods

Farber, José Henrique – Revista Proteção, Prevenindo Acidentes Durante a Realização de Serviços e Manutenções -
Abril2002

Farber, José Henrique – Revista Protecao.

NR – 10: Portaria n.º 598, de 07/12/2004 (D.O.U. de 08/12/2004 – Seção 1)


Ementas: Portaria n.º 126, de 03/06/2005 (D.O.U. de 06/06/2005 – Seção 1)

NR-12 – Portaria 3214/MTE – Máquinas e Equipamentos

NR-33 - Portaria SIT n.º 202, 22 de dezembro de 2006 – Segurança e Saúde no Trabalho em Espaços Confinados

Normas (várias) internas KCC.

OSHA – 1910.147 – Control of Hazardous Energy – Lockout/Tagout

OSHA DIRECTIVE – CPL-02-00 – The Control of Hazardous Energy – Enforcement Policy and Inspection Procedures

T&D