Você está na página 1de 9

GESTÃO DE RECURSOS MATERIAIS

1 Recursos materiais e patrimoniais: definição e objetivos.

2 Nível de serviço: atendimento, pontualidade e flexibilidade.

3 Ética na administração de materiais.

4 Função suprimento: métodos de previsão da demanda; reposição de estoques: estoque de


segurança e sistema ponto de pedido; compras e contratações: princípios, modalidades e tipos
de licitação; seleção de fornecedores e propostas; sistemas registro de preços, pregão e pregão
eletrônico; e economicidade na função suprimento.

5 Função armazenagem: seleção e classificação de materiais: especificação, classificação e


codificação; classificação ABC; armazenagem de materiais: técnicas de estocagem e
movimentação de materiais; recebimento e localização dos materiais; embalagens de proteção;
inventário físico e acurácia dos estoques; avaliação financeira dos estoques; e custos na função
armazenagem.

6 Função administração patrimonial: o ativo imobilizado; administração, contabilização e


controle do ativo imobilizado; depreciação, tombamento e baixa patrimonial; administração e
manutenção de imóveis e prestação de serviços gerais; e sistemas prediais: manutenções
preventiva, corretiva e preditiva.

7 Função documentação: serviços de protocolo, distribuição, classificação e arquivamento de


documentos; sigilo e proteção da documentação; e tabela de temporalidade

PORTUGUÊS

Compreensão e interpretação de textos

2 Estrutura e organização do texto

3 Elaboração de textos para comunicações de rotina (e-mails, despachos, carta e ofício).

4 Ortografia.

5 Semântica.

6 Morfologia.

7 Sintaxe.

8 Pontuação

Assuntos que mais caem para nível Médio:


tipologia textual (dissertação argumentativa e suas características);
• coesão e coerência (pronomes e conjunções);
• emprego e colocação de pronomes (pessoais, demonstrativos e relativos) e verbos
(conjugação de certos verbos, correlação verbal, voz verbal, emprego de tempos e
modos verbais);
• conjunções;
• preposições;
• sintaxe do período simples e composto;
• partícula SE (principalmente a apassivadora e a indeterminadora) e QUE
(principalmente conjunção integrante e pronome relativo);
• pontuação (vírgula);
• concordância (verbal);
• regência (verbal);
• crase.

DIREITO ADMINISTRATIVO

Administração pública: princípios básicos.

Teoria geral da função pública.

Princípios básicos da administração. 5.1 Responsabilidade civil da administração. 5.2


Improbidade administrativa

Poderes administrativos. 2.1 Poder vinculado 2.2 Poder discricionário. 2.3 Poder
hierárquico. 2.4 Poder disciplinar. 2.5 Poder regulamentar. 2.6 Poder de polícia. 2.7 Uso
e abuso do poder.

Serviços públicos: conceito, princípios, natureza, modalidades, classificação,


regulamentação, competência de prestação e formas de prestação, o perfil moderno do
serviço público.

Características básicas das organizações formais modernas: tipos de estrutura


organizacional, natureza, finalidades e critérios de departamentalização.

Processo organizacional: planejamento, direção, comunicação, controle e avaliação.

Organização administrativa: centralização, descentralização, concentração e


desconcentração. Administração direta e indireta. Autarquias, fundações, empresas
públicas e sociedades de economia mista

Ato administrativo. 7.1 Conceito, requisitos, atributos, classificação e espécie. 7.2


Anulação, revogação, convalidação, invalidação, prescrição. 7.3 Discricionariedade e
vinculação. O ato administrativo e os direitos dos administrados

Agentes Públicos. Legislação pertinente. 3.1.1 Lei nº 8.112/1990. 3.1.2 Disposições


constitucionais aplicáveis. 3.2 Disposições doutrinárias. 3.2.1 Conceito. 3.2.2 Espécies.
Cargo, emprego e função pública

Controle da Administração Pública. Controle exercido pela Administração Pública.


Controle Administrativo, Controle judicial. Controle legislativo.
Responsabilidade civil do Estado. 6.1 Responsabilidade civil do Estado no direito
brasileiro. 6.1.1 Responsabilidade por ato comissivo do Estado. 6.1.2 Responsabilidade
por omissão do Estado. 6.2 Requisitos para a demonstração da responsabilidade do
Estado. 6.3 Causas excludentes e atenuantes da responsabilidade do Estado

Regime jurídico-administrativo. 7.1 Conceito. 7.2 Princípios expressos e implícitos da


Administração Pública. Avaliação do regime jurídico-administrativo e sua relação com
os direitos individuais

Contratos administrativos: conceito, características, peculiaridades; aspectos formais;


execução e inexecução

Lei nº 8.666/1993 e suas alterações (normas para licitações e contratos). obrigatoriedade,


dispensa, inexigibilidade e vedação da licitação; procedimentos, anulação e revogação;
modalidades de licitação. Disposições Gerais: Princípios e Definições. 9.2 Licitações e
Contratos. 9.3 Licitação: Modalidades, limites e dispensa. 9.5 Contratos: Disposições
Preliminares, Formalização, Alteração, Execução, Inexecução e Rescisão. 9.5 Pregão
Eletrônico. Lei nº 10.520/2002 e Decreto nº 5.504/2005 (pregão).

Lei nº 8.112/1990 e suas alterações (regime jurídico dos servidores públicos civis da
União). 12.1 Disposições preliminares. 12.2 Provimento, vacância, remoção,
redistribuição e substituição. 12.3 Direitos e vantagens: do vencimento e da remuneração.
12.4 vantagens. 12.5 Férias 12.6 Licenças 12.7 Afastamentos. 12.8 Concessões de tempo
de serviço 12.9 Direito de petição. 12.10 Regime disciplinar: dos deveres e proibições.
Seguridade Social do Servidor. 12.11 Acumulação. 12.12 Responsabilidades. 12.13
Penalidades. 12.14 Processo administrativo disciplinar. Processo administrativo:
conceito, princípios, fases e modalidades. Disposições gerais (arts.236 ao 242).

Lei nº 9.784/1999 (processo administrativo).

Lei Complementar nº 140/2011 (competências ambientais).

Decreto nº 2.271/1997 (contratação de serviços).

Convênios, Contratos de repasse e Termos de cooperação celebrados pelos órgãos e


entidades da Administração Pública Federal com órgãos ou entidades públicas ou
privadas sem fins lucrativos para a execução de programas, projetos e atividades de
interesse recíproco que envolvam a transferência de recursos financeiros oriundos do
Orçamento Fiscal e da Seguridade Social da União (Decreto n. 6.170/2007 e Portaria
Interministerial MP/MF/MCT n. 127/2008
Domínio público: conceito; domínio eminente; domínio patrimonial; conceito e
classificação dos bens públicos; administração dos bens públicos; utilização dos bens
públicos; alienação dos bens públicos; afetação e desafetação; imprescritibilidade;
impenhorabilidade; inalienabilidade e impossibilidade de oneração de bens públicos;
aquisição de bens pela administração; terras públicas; águas públicas; espaço aéreo; zona
econômica exclusiva; intervenção na propriedade de terceiros (desapropriação, servidão
pública e outros); patrimônio histórico; proteção ambiental
Agências Reguladoras: origem, caracterização e competências
GESTÃO PÚBLICA

Estado, Governo, Sociedade e Mercado: conceito e evolução do Estado contemporâneo;


aspectos fundamentais na formação do estado brasileiro; teorias das formas e dos sistemas
de governo.
Origem do Estado e da Administração pública modernos: teorias voltadas para formação
espontânea ou natural do Estado e para a formação contratual do Estado.
Evolução da administração pública no Brasil: o Estado oligárquico e patrimonial, o
Estado autoritário e burocrático, o Estado de bem estar, o Estado regulador. As reformas
constitucionais. Estruturação da máquina administrativa no Brasil desde 1930: dimensões
estruturais e culturais.
Administração Estratégica.
Organização do Estado e da gestão.
Departamentalização; descentralização; desconcentração.
Os agentes públicos e a sua gestão, normas legais e constitucionais aplicáveis.
Serviço de atendimento ao cidadão.
Comunicação interna e externa; relacionamento interpessoal e trabalho em equipe.
Gestão de conflitos.
Governança na gestão pública.
Estrutura e estratégia organizacional. Caracterização das organizações: tipos de estruturas
organizacionais; aspectos comportamentais (motivação, clima e cultura).
Gestão da mudança organizacional: ferramentas de mudança organizacional
(benchmarking, programa de qualidade, aprendizado organizacional e planejamento
estratégico)
Cultura organizacional.
Administração pública: do modelo racional-legal ao paradigma pós-burocrático. Modelos
de administração pública: modelo patrimonialista, modelo burocrático (Weber) e suas
disfunções. Modelo gerencial de administração pública: contexto inicial, evolução,
principais tendências e diferenças entre os modelos de diferentes países. Características
da nova gestão pública. Obstáculos à nova gestão pública. Visões da administração
pública gerencial (modelo gerencial puro, consumerism, public service oriented).
Empreendedorismo governamental e novas lideranças no setor público.
Convergências e diferenças entre a gestão pública e a gestão privada.
Excelência nos serviços públicos.
O paradigma do cliente na gestão pública.
Gestão estratégica.
A redefinição do papel do Estado: Reforma do Serviço Civil (mérito, flexibilidade e
responsabilização) e Plano Diretor para a Reforma do Aparelho do Estado de 1995.
Processos participativos de gestão pública: conselhos de gestão, orçamento participativo,
parceria entre governo e sociedade
Instrumentos gerenciais contemporâneos: avaliação de desempenho e resultados,
flexibilidade organizacional, trabalho em equipe, a cultura da responsabilidade e os
mecanismos de rede
Processo Administrativo na Administração Pública Federal - Lei n. 9.784/1999
Lei de Responsabilidade Fiscal – Lei Complementar n. 101/2000. Disposições
Preliminares. Do Planejamento. Da Receita Pública. Da Despesa Pública.
Licitações: Lei nº 8.666/93. Pregões Presenciais e Eletrônico: Lei nº 10.520/2002;
Decreto nº 3.555/2000; Decreto nº 5.450/2005; Decreto nº 5.504/2005. Microempresas e
empresas de pequeno porte nas contratações públicas de bens, serviços e obras, no âmbito
da administração pública federal: Decreto nº 6.204/2007.
Administração de Contratos: características do contrato administrativo; formalização e
fiscalização do contrato; aspectos orçamentários e financeiros da execução do contrato;
sanção administrativa; equilíbrio econômico financeiro; garantia contratual; alteração do
objeto - acréscimo e supressões; prorrogação do prazo de vigência e de execução;
contratos de terceirização – cautelas em relação à responsabilidade trabalhista
Convênios, Contratos de repasse e Termos de Cooperação celebrados pelos órgãos e
entidades da Administração Pública Federal com órgãos ou entidades públicas ou
privadas sem fins lucrativos para a execução de programas, projetos e atividades de
interesse recíproco que envolvam a transferência de recursos financeiros oriundos do
Orçamento Fiscal e da Seguridade Social da União (Decreto n. 6.170/2007 e Portaria
Interministerial n. 127/2008).
Recursos Humanos: conceitos, importância, relação com os outros sistemas da
organização. A função do órgão de recursos humanos: atribuições e objetivos, políticas e
sistemas de informações gerenciais. Desenvolvimento e capacitação de recursos
humanos: planejamento, execução e avaliação de processo, de custos e de resultados.
Noções de Auditoria: normas brasileiras de auditoria interna: independência, competência
profissional, âmbito do trabalho, execução do trabalho e administração do órgão de
auditoria interna.
Auditoria no Setor Público Federal: princípios, normas técnicas, procedimentos,
avaliação de controles internos, papéis de trabalho, relatórios e pareceres. Finalidades e
Objetivos da Auditoria Governamental. Abrangência de atuação. Formas e Tipos.
ÉTICA NO SERVIÇO PÚBLICO

Ética no Serviço Público. 10.1 Ética e moral. 10.2 Ética, princípios e valores. 10.3 Ética
e democracia: exercício da cidadania. 10.4 Ética e função pública. 10.5 Ética no Setor
Público. 10.5.1 Código de Ética Profissional do Serviço Público (Decreto nº 1.171/1994).
10.5.2 Lei nº 8.112/1990 e alterações: regime disciplinar (deveres e proibições,
acumulação, responsabilidades, penalidades). 10.5.3 Lei nº 8.429/1992: das disposições
gerais, dos atos de improbidade administrativa.

Ética e moral. 2 Ética, princípios e valores. 3 Ética e democracia: exercício da cidadania.


4 Ética e função pública. 5 Ética no Setor Público. 5.1 Código de Ética Profissional do
Serviço Público – Decreto nº 1.171, de 22 de junho de 1999 e Decreto nº 6.029, de 1º de
fevereiro de 2007; 5.2 Lei nº 8.112/90 – regime disciplinar: deveres e proibições;
acumulação de cargos; responsabilidades; penalidades. 5.3 Lei nº 8.429, de 2de junho de
1992: disposições gerais; atos de improbidade administrativa.

Constituição Federal: Título II, Capítulo I – Dos Direitos e Deveres Individuais e


Coletivos; Título III, Capítulo
VII – Da Administração Pública. 2. Código Penal Brasileiro: Título II - Do crime; Título
III – Da Imputabilidade
Penal; Título V, Capítulo VI – Dos Efeitos da Condenação; Título XI – Dos Crimes contra
a Administração Pública
(com as alterações da Lei n. 9.983/2000). 3. Regime Disciplinar dos Servidores Públicos
Civis da União: Lei n.
8.112/1990 (atualizada), artigos 116 a 182. 4. Lei n. 8.137/1990: Capítulo I, Seção II –
Dos crimes contra a Ordem
Tributária praticados por Funcionários Públicos. 5. Lei n. 8.429/1992 - Dispõe sobre a
Improbidade Administrativa.
6. Código de Ética Profissional do Servidor Público Civil do Poder Executivo Federal –
Decreto nº 1.171/1994. 7.
Processo Administrativo Federal (Lei n. 9.784/1999 – artigos 1º, 2º, 3º, 18 a 21).
CONTABILIDADE

Teoria e campo de atuação: conceitos, objetivos da informação contábil.

2 Livros contábeis.

3 Registros contábeis.

4 Método das partidas dobradas.

5 Lançamentos.

6 Regime de competência e Regime de caixa. Critérios de avaliação do Ativo e do Passivo.

7 O Patrimônio líquido. Capital subscrito e integralizado.

8 Reservas e provisões.

9 Contas patrimoniais e contas de resultado.

10. Apuração do resultado.

11 Operações contábeis comuns às empresas comerciais, industriais e de prestação de serviços.


12 Principais demonstrações contábeis – estrutura e finalidades.

13 Balanço patrimonial, demonstração do resultado do exercício, demonstração das mutações


do patrimônio líquido, Demonstração do fluxo de caixa (método direto e indireto).

14 Demonstração do valor adicionado e as 42 notas explicativas às demonstrações contábeis.

15 Avaliação de investimentos pelo método da Equivalência Patrimonial e pelo método do


Custo.

16 Critérios de avaliação de estoques – métodos PEPS, UEPS e Média Ponderada Móvel.

17 Depreciações do Ativo Imobilizado.

18 Amortizações do Ativo Diferido.

19 Provisão para crédito de liquidação duvidosa.

20 Desconto de duplicata.
RACIOCÍNIO LÓGICO QUANTITATIVO
Princípio da Regressão ou Reversão.

Lógica dedutiva, argumentativa e quantitativa.

Lógica matemática qualitativa, sequências lógicas envolvendo números, letras e figuras.

Geometria básica.

Álgebra básica e sistemas lineares.

Calendários.

Numeração.

Razões especiais.

Análise combinatória e probabilidade.

Progressões Aritmética e Geométrica.

Conjuntos. 11.1 As relações de pertinência; 11.2. inclusão e igualdade; 11.3. operações entre conjuntos,
união, interseção e diferença.

Comparações

Estruturas lógicas.

2 Lógica de argumentação: analogias, inferências, deduções e conclusões.

3 Lógica sentencial (ou proposicional).

3.1 Proposições simples e compostas.

3.2 Tabelas verdade.

3.3 Equivalências.

3.4 Leis de De Morgan.

3.5 Diagramas lógicos.

4 Lógica de primeira ordem.

5 Princípios de contagem e probabilidade.

6 Operações com conjuntos.

7 Raciocínio lógico envolvendo problemas aritméticos, geométricos e matriciais