Você está na página 1de 4

ELIPSES

Elipse é o conjunto todos os pontos P (x, y) de um plano cuja soma das distâncias a dois pontos fixos, F1 e
F2 , desse plano é constante (2a). A equação geral de uma elipse é ax2 + by 2 + cx + dy + f = 0.

ELEMENTOS da elipse

Centro: C (h, k)

Vértices: A1 , A2 , B1 e B2

medida do eixo maior: 2a


medida do eixo menor: 2b

Focos: F1 e F2

Distância focal: 2c
onde a2 = b2 + c2 ou c2 = a2 − b2

c
Excentricidade: e = (0 < e < 1)
a

CASO 1: o eixo maior é paralelo ao eixo Ox (como na figura acima)

(x − h)2 (y − k)2
Equação padrão: + =1
a2 b2

(x0)2 (y0)2
Equação reduzida: + 2 =1
a2 b

x = h + a cos θ
Equações paramétricas: (0 ≤ θ ≤ 2π)
y = k + bsenθ

Vértices: A (h ± a, k) e B (h, k ± b)

Focos: F (h ± c, k)

CASO 2: o eixo maior é paralelo ao eixo Oy


(x − h)2 (y − k)2
Equação padrão: + =1
b2 a2

(x0)2 (y0)2
Equação reduzida: + 2 =1
b2 a

x = h + b cos θ
Equações paramétricas: (0 ≤ θ ≤ 2π)
y = k + asenθ

Vértices: A (h, k ± a) e B (h ± b, k)

Focos: F (h, k ± c)
Exemplo 1 Equação geral da elipse: 16x2 + 25y 2 − 400 = 0

Centro: C (0, 0)
Semi-eixo maior: a = 5
16x2 25y 2 400
+ = =1 Semi-eixo menor: b = 4
400 400 400

x2 y2 Vértices: A (±5, 0) e B (0, ±4)


+ =1
400 400
16 25 c2 = a2 − b2 = 25 − 16 = 9 ⇒ c = 3

x2 y2 Focos: F (±3, 0)
+ =1
25 16 Distância focal: 2c = 6

x2 y 2 c 3
+ 2 =1 Excentricidade: e = =
52 4 a 5
(Equação reduzida) 
x = 5 cos θ
Equações paramétricas:
y = 4senθ

Exemplo 2 Equação geral da elipse: 9x2 + 4y 2 − 54x + 16y + 61 = 0

9x2 − 54x + 4y 2 + 16y + 61 = 0 =⇒ 9 x2 − 6x + 4 y 2 + 4y + 61 = 0


 
   
=⇒ 9 (x − 3)2 − 9 + 4 (y + 2)2 − 4 + 61 = 0 =⇒ 9 (x − 3)2 − 81 + 4 (y + 2)2 − 16 + 61 = 0

=⇒ 9 (x − 3)2 + 4 (y + 2)2 − 36 = 0 =⇒ 9 (x − 3)2 + 4 (y + 2)2 = 36

9 (x − 3)2 4 (y + 2)2 36 (x − 3)2 (y + 2)2 (x − 3)2 (y + 2)2


=⇒ + = =⇒ + = 1 =⇒ + = 1 (padrão)
36 36 36 4 9 22 32

Centro: C (3, −2)

Semi-eixo maior: a = 3
Semi-eixo menor: b = 2

Vértices: A (3, −2 ± 3) ⇒ A1 (3, −5) e A2 (3, 1)


B (3 ± 2, −2) ⇒ B1 (1, −2) e B2 (5, −2)

c2 = a2 − b2 = 9 − 4 = 5 ⇒ c = 5
√ 
Focos: F 3, −2 ± 5 √
Distância focal: 2c = 2 5

c 2 5
Excentricidade: e = =
a 3

x = 3 + 2 cos θ
Equações paramétricas:
y = −2 + 3senθ
Exemplo 3 Equação geral: x2 + y 2 − 9 = 0

c2 = a2 − b2 = 9 − 9 = 0
x2 y 2
+ = 1 (forma padrão)
9 9 Excentricidade: e = c/a = 0/3 = 0
Centro: C (0, 0)
Focos: F (±3, 0)
Semi-eixos: a = b = 3 Distância focal: 2c = 6

Vértices: A (±3, 0) e B (0, ±3) x = 3 cos θ
Equações paramétricas:
y = 3senθ

EXERCı́CIOS

1
Exercı́cio 1 (Página 191 - 50) Um satélite de órbitra elı́ptica e excentricidade viaja ao redor de um planeta
3
situado num dos focos da elipse. Sabendo que a distância mais próxima do satélite ao planeta é de 300 km, calcular
a maior distância.

Exercı́cio 2 (Página 189 - Em cada um dos problemas de 1 a 10...) Esboçar o gráfico e determinar os vértices
A1 e A2 , os focos e a excentricidade das elipses dadas:
x2 y 2
1) + =1 6) 4x2 + 9y 2 = 25 7) 4x2 + y 2 = 1
25 4

Exercı́cio 3 (Página 189 - Em cada um dos problemas de 12 a 19...) Deterrminar uma equação (padrão) da
elipse que satisfaça as condições dadas. Esboçar o gráfico.
13) focos F (0, ±5) e eixo menor igual a 10
14) focos F (±3, 0) e vértices A (±4, 0)
1
16) vértices A (±10, 0) e excentricidade
2
 
2 5
19) centro (0, 0), focos no eixo dos x, e = , passando por P 2, −
3 3

Exercı́cio 4 (Página 189 - Em cada um dos problemas de 20 a 27...) Obter uma equação (padrão) da elipse que
satisfaça as condições dadas.
2
22) focos F1 (−1, −3) e F2 (−1, 5) e excentricidade
3
24) vértices A1 (−7, 2) e A2 (−1, 2) e eixo menor igual a 2
27) centro C (2, −1), tangente aos eixos coordenados e eixos de simetria paralelos aos eixos coordenados

Exercı́cio 5 (Página 190 - Em cada um dos problemas de 28 a 33...) Determinar a equação reduzida, o centro,
os vértices A1 e A2 , os focos e a excentricidade. Esboçar o gráfico.
29) 25x2 + 16y 2 + 50x + 64y − 311 = 0 31) 16x2 + y 2 + 64x − 4y + 52 = 0

Exercı́cio 6 (Página190 - Nos problemas de 34 a 39...) Obter equações paramétricas da elipse da equação dada.
35) x2 + y 2 = 36 37) 9 (x − 1)2 + 25 (y + 1)2 = 225 39) 4x2 + 9y 2 − 54y + 45 = 0
Exercı́cio 7 (Página190
 - Nos problemas de 40 a 43...) Obter uma equação
√ geral da elipse dada por equações
x = 2 + 4 cos θ x = 2 cos θ
paramétricas. 42) 43)
y = 3 + 2senθ y = −1 + senθ

Exercı́cio 8 (Página 190 - 44) Determinar os focos da elipse de equações x = 4 + 3 cos t e y = −2 + 5sent.

Exercı́cio 9 (Página 190 - 45) Determinar uma equação (geral) da curva gerada por um ponto que se move, de
modo que a soma de suas distâncias ao pontos (4, −1) e (4, 7) seja sempre 12.

Exercı́cio 10 (Página 191 - 48) Encontrar uma equação (geral) da elipse de centro (0, 0), eixo maior sobre Ox,
1
excentricidade e que passa por (2, 3).
2

Exercı́cio 11 (Página 191 - 49) Determinar uma equação (geral) das circunferências inscrita e circunscrita à
elipse de equação dada. a) 16x2 + y 2 − 16 = 0 b) 4x2 + 9y 2 − 32x + 36y + 64 = 0

RESPOSTAS
50) 600 km

√  21
1) A (±5, 0) F ± 21, 0 e=
5
  √ ! √
5 5 5 5
6) A ± , 0 F ± ,0 e=
2 6 3
√  √
7) A (0, ±1/2) F 0, ± 3/2 e = 3/2
.
x2 y2 x2 y 2 x2 y2 x2 y 2
13) + =1 14) + =1 16) + =1 19) + =1
25 50 16 7 100 75 9 5
.
(x + 1)2 (y − 1)2 (x + 4)2 (y − 2)2 (x − 2)2 (y + 1)2
22) + =1 24) + =1 27) + =1
36 20 9 1 4 1
.
(x0)2 (y0)2 3
29) + =1 C (−1, −2) A1 (1, −7) e A2 (1, 3) F1 (−1, −5) e F2 (−1, 1) e=
16 25 5

(y0)2 √ 15
31) (x0)2 +

=1 C (−2, 2) A1 (−2, −2) e A2 (−2, 6) F −2, 2 ± 15 e=
16 4
.
  
x = 6 cos θ x = 1 + 5 cos θ x = 3 cos θ
35) 37) 39)
y = 6senθ y = −1 + 3senθ y = 3 + 2senθ
.
42) x2 + 4y 2 − 4x − 24y + 24 = 0 43) x2 + 2y 2 + 4y = 0
.
44) F1 (4, −6) e F2 (4, 2)
45) 9x2 + 5y 2 + 72x − 30y + 9 = 0
48) 3x2 + 4y 2 − 48 = 0
49) a) x2 + y 2 − 1 = 0 x2 + y 2 − 16 = 0
b) x2 + y 2 − 8x + 4y + 16 = 0 x2 + y 2 − 8x + 4y + 11 = 0