Você está na página 1de 7

FACULDADE DE TECNOLOGIA DE SÃO BERNARDO DO CAMPO

“ADIB MOISÉS DIB”

Gerenciamento de projetos de TI

Implantação de aplicativo mobile

Curso: IFN (Informática para Negócios)

ProfªDrªJacy Marcondes Duarte

MPCT

Alisson da Silva

Alisson Martins de Oliveira

Jucier Santos de Deus

Priscila Pinheiro dos Santos

São Bernardo do Campo - SP

05/2018
Jucier Santos de Deus
Alisson Martins de Oliveira
Alisson da Silva
Priscila Pinheiro dos Santos

Gerencia de Projetos em TI
Implantação de um aplicativo mobile

Trabalho apresentado a Faculdade de


Tecnologia de São Bernardo do Campo “Adib
Moises Dib” como requisito parcial para
obtenção do titulo de tecnólogo em Informática
para Negócios.

Orientador: Prof. Jaci .M. Duarte.

São Bernardo do Campo – SP


05/2018
Projeto de pesquisa

TEMA:

Gerenciamento de Projetos de TI

PROBLEMA:

Como podemos integrar departamentos e otimizar as entregas e controle de produtos


em uma empresa de distribuição?

HIPÓTESE:

Através da implantação de um aplicativo ERP desenvolvido para uma distribuidora,


podemos obter mais fluidez e dinâmica no controle de entrega, baixa no produto
entregue ou não, na separação e romaneio de rota do motorista. Além de melhor
integração com todas as áreas funcionais da empresa.
REVISÃO DA LITERATURA

A aplicação de tecnologia necessária nesse projeto chama-seERP( Enterprise


Resource Planning)e são, um conjunto interligado de todos os processos que uma
empresa ou organização qualquer realiza, permitindo a essas empresas uma maior
integração à medida que linearizam e otimizam todos os seus recursos.Suas
informações bem articuladas possibilitam um auxílio valioso para tomadas de
decisões, e permitem um acompanhamento minucioso de todos os departamentos de
uma empresa. Sendo assim temos a seguinte definição:

“...é uma arquitetura de software que permite a integração entre os departamentos da


empresa.”(GARCIA,2005,p.117).

O aplicativo ERP para uma distribuidora e suas funcionalidades

Em uma distribuidora um aplicativo um ERP vem para facilitar a gerência de seus


grandes volumes de itens, além de uma melhoria na integração dos seus
departamentos. O aplicativo centraliza todas as informações e armazena dados na
mesma plataforma. Segundo Garcia (2005),todas as informações , procedimentos
transações e operações da empresa devem ser gerenciadas através de um único
banco de dados, por isso, é possível integrar informações de todos os departamentos
da distribuidora e atacadista, como por exemplo, pedidos, controle de estoque e
distribuição, validade dos produtos, emissão de notas, boletos, controle de entradas e
saídas de mercadorias, contas a pagar e a receber, envio de orçamentos, dentre
tantas outras funcionalidades básicas. Outro ponto chave é cumprir os prazos de
entrega de produtos. Esse é um dos principais fatores que garantirão a satisfação dos
clientes da distribuidora. O sistema de gestão permite gerar informações exatas e
confiáveis sobre o estoque dos bens disponíveis, acompanhar e manusear os
materiais, desde a sua compra até a entrega ao cliente. Faz um inventário eficiente,
onde a empresa reduz custos operacionais e garante melhor experiência de compra.
Isso possibilita o cruzamento de informações e obtenção de análises conclusivas
sobre as operações empresariais.

Algumas métricas podem ser acompanhadas em tempo real, como o estoque, por
exemplo, que será atualizado assim que uma venda for confirmada, reduzindo suas
quantidades registradas. Seguindo a lógica iniciada, este app do ERP perceberá
quando determinado item estiver em falta nos seus armazéns, e poderá então emitir
um pedido ao fornecedor de sua preferência.

Um sistema operacional de entrega facilitaria o processo, pois segundo Rosa (2007),


em seu projeto de mestrado em logística "Esse erro de percepção dos desperdícios
pode acarretar em prejuízos para a empresa ou até mesmo em sua dissolução". Esse
processo diminuirá bastante o tempo entre o recebimento do pedido e entrega do
produto ao cliente além de liberar seus funcionários para tarefas menos repetitivas e
cansativas, melhorando também o ambiente de trabalho, tendo como base CAIXETA
FILHO, em seu livro, Gestão Logísticas do Transportes de cargas, "A logística, cujo
principal componente é normalmente o transporte, é vista como a última fronteira para
a redução dos custos das empresas. Entretanto, não se concede uma política de
desenvolvimento regional e nacional sem a adequação da infra-estrutura de
transportes" (CAIXETA FILHO, 2001).

O uso do aplicativo ERP para controle fiscal

As questões tributárias também são muito relevantes na gestão de uma distribuidora,


afinal, as grandes quantidades envolvidas implicam em tributos altos, que devem
permanecer em constante acompanhamento. Mas, além de pagar os impostos,
existem diversas exigências a serem cumpridas a fim de permanecer em dias com os
órgãos de fiscalização. O aplicativo resolve esse problema de maneira bem ágil, pois,
já apresenta a integração com o SPED FISCAL, dispensando assim a necessidade
de preenchimento manual dos campos requeridos, assim, o Fisco pode acompanhar
suas atividades em tempo real, comprovando a idoneidade do seu negócio. Uma
diferença sutil entre o estoque declarado e o estoque físico já é o bastante para
caracterizar uma tentativa de sonegação, comum aplicativo ERP, pequenos riscos
como esse são eliminados, e substituídos pela tranquilidade da transferência
automática de tudo aquilo que os devidos órgão exigem.

A utilização deste aplicativo também irá gerar consequentemente, o aumento da


produtividade por meio da automação dos processos e redução de custos, graças a
eliminação de retrabalhos e maior transparência nas informações. Tudo isso se traduz
numa administração mais eficiente, com indicadores precisos e assertivos para a
tomada de decisões.
JUSTIFICATIVA DO PROJETO

O uso da tecnologia tem sido cada vez mais necessário no nosso cotidiano, sendo
assim procurar alternativas para melhoria de processos e serviços a fim de otimizar
essas tarefas é uma solução interessante. Segundo o IBGE (2014),no Brasil o serviço
de distribuição é muito desigual devido ao tamanho do território, por isso visando
melhorar a distribuição em empresas regionais sejam elas pequenas ou
multinacionais, verifica-se a necessidade de buscar o aperfeiçoamento desse serviço
através da tecnologia usando um aplicativo de ERP.

O aplicativo proposto de desenvolvimento por esse projeto pressupõe um sistema


E.R.P. que em português claro, significa Planejamento de Recursos da Empresa, que
basicamente é uma plataforma de software desenvolvida para integrar os diversos
departamentos de uma empresa possibilitando a automação e armazenamento de
todas as informações de negócios; o ERP possibilita um fluxo de informações único,
contínuo e consistente de softwares que integram todos os dados e processos de uma
organização em um único sistema.

Em 2015 São Bernardo do Campo, segundo o Sindicato dos Metalúrgicos, era um


pólo automotivo de montagem e distribuição de autopeças muito potente que foi
gradativamente perdendo mercado por ineficiência no processo de distribuição, para
tanto esse projeto utilizou essa como localização geográfica para estudo de caso,
avaliando a cidade como pólo de teste para o aplicativo, por ser uma metrópole
imponente. Não foram realizados testes efetivos nessa fase do projeto, essa é apenas
uma prospecção futura para embasar a necessidade e a eficiência do aplicativo,
utilizando como campo um referencial geográfico próximo, grande e importante para
o serviço de logística.

Essa integração não é importante apenas para o controle de estoque, com ela a
gestão financeira é grandemente beneficiada, assim como os setores de marketing e
vendas, conhecendo os custos de qualquer atividade econômica se tende a
proporcionar uma série de possibilidades de criação e de vantagens competitivas. A
gestão de custos é uma oportunidade clara da utilização de ferramenta de apoio na
tomada de decisões, uma vez que para a correta identificação de prioridades ou
medidas gerenciais, visando à maximização dos resultados, as empresas necessitam,
cada vez mais, de informações precisas, que reflitam a realidade dos custos de seus
produtos. Diante do exposto torna-se evidente que esse projeto se justifica no
desenvolvimento de um aplicativo que permitirá as empresas programar suas ações
de maneira muito mais assertiva e inteligente, tendo como base dados verídicos
coletados ao longo de um período.
• Ficha bibliográfica

decisões estratégicas na logística do agronegócio: Compensação de Custos


Transporte-Armazenagem para a Soja no Estado do Paraná. Ricardo Silveira Martins
Daniele Rebechi Celso A. Prati Honório Conte. Artigo cientifico. 2005, pg 56, publicado
no scielo. http://www.scielo.br/pdf/rac/v9n1/v9n1a04.pdf<acesso em 10.06.2018 às
14h32.

FILHO, Armando Oscar Cavanha. Logísticas novos modelos. São Paulo: Quality mark
2,2001.

FILHO, José Vicente Caixeta.; MARTINS, Ricardo Silveira. Gestão logística do


transporte de cargas. São Paulo: Editora Atlas, 2001.
GARCIA, Marcus. Informática aplicada a negócios. Rio de Janeiro:Brasport,2005.

ROSA, A.C. GESTÃO DO TRANSPORTE NA LOGÍSTICA DE DISTRIBUIÇÃO FÍSICA: uma


análise da minimização do custo operacional.2007. Dissertação (Mestrado – Universidade de
Taubaté, São pulo.
RODRIGUES, Paulo Roberto Ambrósio. introdução Aos Sistemas de Transporte No
Brasil e A Logística Internacional. 5 ed.São Paulo: Aduaneiras,2014.

PORTAL TERAWARE SOLUÇÕES. Por que utilizar um sistema ERP?


<http://portal.teraware.com.br/por-que-utilizar-um-sistema-erp/> Acesso em: 07
Junho. 2018.

ERPFLEX. 4 v a n t a g e n s d o s i s t e m a E R P p a r a a e m p r e s a
d i s t r i b u i d o r a e a t a c a d i s t a . <https://www.erpflex.com.br/blog/distribuidora-e-
atacadista/> Acesso em: 07 Junho. 2018.

BRASCOMM2.0 SEU NEGÓCIO NAS NUVENS. Por que utilizar um sistema ERP
para distribuidoras. < www.brascomm.net.br/sistema-distribuidoras/ > Acesso em: 07
Junho. 2018.

GOVERNO DO BRASIL. IBGE mapeia a infraestrutura dos transportes no Brasil


<http://www.brasil.gov.br/infraestrutura/2014/11/ibge-mapeia-a-infraestrutura-dos-
transportes-no-brasil/> Acesso em: 07 Junho. 2018.