Você está na página 1de 3

26/09/2015 Problemas Filosóficos: O problema de Gettier

PROBLEMAS FILOSÓFICOS
Pensando sobre problemas filosóficos em voz alta

Pesquisar

Início Sobre Ensino Índice Livro de visitantes Website Agenda Contato

Postagens recentes Translate Alexandre N. Machado

O charme incomum Selecione o idioma


das verdades
Powered by  Tradutor
paradoxais
Sub Specie
Aeternitatis? Curtir Compartilhar 436 pessoas curtiram isso. Seja o primeiro entre seus amigos.

Um vegano pode
considerar carne um quinta‐feira, 16 de julho de 2015
alimento?
Filósofo, Prof. Adjunto
Empatia e
moralidade O problema de Gettier do Depto. de Filosofia
Guia do Filósofo da UFPR ‐ Curitiba,
Aprendiz na Internet Edmund Gettier ficou famoso na filosofia Paraná, Brasil
por sua monumental obra constituída de
Facebook page um artigo de três páginas.[1] Nesse artigo Ética
ele procura apresentar contra­exemplos à
Problem… milenar definição tradicional de
14 mil curtidas
conhecimento como crença verdadeira
justificada. Seu objetivo é mostrar que as
Curtir Página condições para o conhecimento elencadas
na definição tradicional não são Edmund Gettier
2 amigos curtiram isso suficientes para o conhecimento, mesmo
que sejam necessárias. Ou seja, ele procura exibir casos que
satisfazem a definição tradicional, mas, não obstante, não são
conhecimentos. Ele apresenta dois contra­exemplos.
Seguidores Sociais
Entretanto, antes, ele chama atenção para dois princípios sobre
Participar deste site os quais a análise desses casos como contra­exemplos se baseia. blog
Google Friend Connect

Membros (296)  Mais » O primeiro princípio pode ser chamado de princípio falsidade pessoal


justificada. Mesmo que a justificação seja uma condição
academia.edu
necessária para o conhecimento, sozinha ela não é uma
condição suficiente, de tal forma que alguém pode estar linkedin
justificado em crer em uma proposição falsa. Isso chama
twitter
atenção para o fato de que apenas conjuntamente as três
Já é um membro? Fazer login
condições da definição tradicional são suficientes, de acordo instagram
com a definição tradicional de conhecimento. Isoladamente,
google+
nenhuma delas é suficiente. Mais importante: elas não
Atualizações
possuem relações de dependência. Se uma crença for
Email justificada, mas falsa, não é conhecimento. Se for verdadeira Guia do Filósofo Aprendiz
na Internet
mais injustificada, não é conhecimento. Se alguém estiver
Postagens justificado a acreditar numa proposição que é verdadeira, mas Compêndio em
Linha de Problemas
não acreditar nela, então ele não sabe que ela é verdadeira. de Filosofia
Comentários
Analítica ‐ 26/09/20
O segundo princípio é o princípio do fechamento da 15
Busca justificação. Gettier o formula assim: "[P]ara toda a proposição Enciclopédia de
Termos Lógico‐
Enciclopédias ‐ P, se S está justificado em acreditar que P e P implica Q e S Filosóficos ‐ 26/09/2
Stanford & Internet deduz Q de P e aceita Q como resultado desta dedução, então S 015
está justificado em acreditar que Q". Em outras palavras: uma Aeon
pessoa está sempre justificada a creditar numa proposição que Magazine ‐ 18/09/20
Pesquisar
15
ela sabe ser implicada por outra proposição que ela está
http://problemasfilosoficos.blogspot.com.br/2015/07/o­problema­de­gettier.html 1/6
26/09/2015 Problemas Filosóficos: O problema de Gettier

justificada em acreditar. Cézar Mortari ‐


Meu site e meu blog Introdução à
Lógica ‐ 17/09/2015
Philosophy
Pesquisar O primeiro contra­exemplo (ligeiramente modificado) Talk ‐ 09/09/2015

O primeiro contra­exemplo é baseado no fato de que podemos Stanford E.P.


ter justificação para acreditar em uma generalização existencial
Joseph
cuja base é falsa. Suponhamos que Paulo esteja justificado a Albo ‐ 26/09/2015 ‐ 
acreditar que João vencerá um concurso para professor no qual Dror Ehrlich
Paulo também concorre (ele ouviu acidentalmente dos The Nonidentity
membros da banca que João será aprovado em primeiro lugar). Problem ‐ 26/09/20
15 ‐ M. A. Roberts
Suponhamos também que Paulo esteja justificado a acreditar
Francis of
João tem dez moedas no bolso. Disso Paulo pode inferir Marchia ‐ 24/09/201
validamente que aquele que vai vencer o concurso tem dez 5 ‐ Christopher
moedas no bolso. Ele realiza uma generalização existencial da Schabel

seguinte forma: Truth
Values ‐ 24/09/2015
 ‐ Yaroslav Shramko
Fa and Heinrich
Ga Wansing
Logo, Ex(Fx&Gx) Fitness ‐ 19/09/2015
 ‐ Alexander
De acordo com o princípio do fechamento da justificação, Paulo Rosenberg and
Frederic Bouchard
está justificado em crer na conclusão geral, pois ele a infere
validamente de premissas nas quais ele está justificado em
The Internet E.P.
acreditar. Mas suponhamos que quem vencerá o concurso seja
Paulo e que, sem que ele saiba, ele tem dez moedas no bolso. Seneca, Lucius
Annaeus ‐ 25/09/20
Isso significa que uma das premissas da inferência de Paulo é 15 ‐ IEP Author
falsa, embora justificada, o que está de acordo com o princípio Modal
da falsidade justificada. Como podemos ver, Paulo acredita na Logic ‐ 24/09/2015 ‐
conclusão, ela é verdadeira e Paulo está justificado em acreditar  IEP Author

nela. Todavia, parece claro que Paulo não sabe que a conclusão Disagreement,
Religious ‐ 18/09/20
é verdadeira, pois o que a torna verdadeira é o fato de que ele, 15 ‐ IEP Author
Paulo, vencerá o concurso, e de que ele tem dez moedas no Rahner,
bolso, e ele não acredita nem que vencerá o concurso, nem que Karl ‐ 04/09/2015 ‐ I
tem dez moedas no bolso. EP Author
Dialogical
Logic ‐ 29/08/2015 ‐
 IEP Author
O segundo contra­exemplo (ligeiramente modificado)
Amigos na Internet
O segundo contra­exemplo está baseado na possibilidade de se
De Rerum Natura
acreditar na conclusão da introdução da disjunção, mesmo Línguas e culturas
quando sua premissa é falsa. Suponha que João está justificado clássicas "regressam"
em acreditar que Paulo possui um carro e não faz idéia do em força à escola
Há 14 horas
paradeiro de Paulo. João então infere dessa proposição as
seguintes disjunções: Crítica: blog
Actualizações
Há 3 dias
Ou Paulo possui um carro, ou Paulo está em São
Investigação
Paulo. Filosófica
Ou Paulo possui um carro, ou Paulo está em Curitiba. SEGUNDO PRÊMIO
NEWTON DA COSTA
Ou Paulo possui um carro, ou Paulo está em Salvador.
DE LÓGICA (2016)
Há uma semana
Cada uma das conclusões acima é obtida por meio de uma
Coisas do Campo
inferência da seguinte forma válida: Pensamento em
greve
P Há 4 semanas
Logo, P ou Q Filosofia e
Currículo Escolar
onde Q é uma proposição qualquer. Segundo o princípio do Ensino de Filosofia e
Currículo, 2015
fechamento da justificação, João está justificado em acreditar Há um mês
em cada uma dessas conclusões. Mas suponhamos que a
Penso, logo hesito
premissa dessas inferências seja falsa, mesmo que justificada. O O FILÓSOFO

http://problemasfilosoficos.blogspot.com.br/2015/07/o­problema­de­gettier.html 2/6
26/09/2015 Problemas Filosóficos: O problema de Gettier

carro de Paulo é alugado. Todavia, ocorre que Paulo está em PEREGRINO – ANTES


DO COMEÇO
Curitiba, mesmo que João não saiba. Portanto a segunda Há 3 meses
conclusão que João infere de sua premissa falsa, porém
Filosofemas
justificada, é verdadeira. Mas ela não é verdadeira porque [190] Boas notícias
Paulo possui um carro. Ela é verdadeira porque Paulo está em contra o relativismo
Há 4 meses
Curitiba. Logo, João acredita que essa conclusão é verdadeira,
ela é verdadeira e João está justificado em crer que ela é O Caminho do
Filósofo
verdadeira. Mas João não sabe que ela é verdadeira, pois ele Meus livros favoritos
ignora o fato que a torna verdadeira: o fato de Paulo estar em de Ética e Filosofia
Há 5 meses
Curitiba.
Filosofia etc.
Workshop: Advanced
Há muitas tentativas de resolver ou dissolver o problema Reasoning Forum at
formulado por Gettier. As tentativas de resolver o problema UFMG
procuram ou modificar uma das condições para o Há um ano

conhecimento ou introduzir uma quarta condição. Vou chamar Atividade
Philosophica
atenção apenas para uma tentativa de dissolver o problema, por Há 3 anos
causa do seu caráter peculiar: aquela que se baseia na idéia de
A Perspectiva da
sorte epistêmica. Normalmente a justificação é pensada como Primeira Pessoa
aquilo que elimina o fator sorte na aquisição de crenças Stern on
resolute/irresolute
verdadeiras. Mas há quem acredite que ela não o faz readings of the
totalmente, de tal forma que podemos obter conhecimento Tractatus
devido à sorte. O que os exemplos de Gettier mostrariam seria, Há 3 anos

não que conhecimento não seja crença verdadeira justificada, Memória e
Ambiente
mas que essas condições às vezes estão satisfeitas por sorte. A mais nova filosofia
Mesmo que esses casos sejam estatiticamente minoritários, ou continental você
até raros, o que Gettier teria mostrado é que eles não são encontra...
Há 4 anos
impossíveis.
O rei da França
Fred Dretske na
_____________ UFRGS
Há 4 anos
[1] E. Gettier. É a crença verdadeira justificada conhecimento? Hybris Solta
(Crítica na Rede) Qualia qua Qualitons
(com Eros)
Há 5 anos

Catarina Dutilh
Leituras Novaes
Renato Fonseca
Jonathan Jenkins Ichikawa, The analysis of knowledge
Desidério Murcho
(Stanford Encyclopedia of Philosophy)
Stephen Hetherington, Gettier problems Araceli Rosich
Soares Velloso
(Internet Encyclopedia of Philosophy)
Rogério Passos
Severo

Curtir Compartilhar 45 André da Silva


Porto
Eros Moreira de
Poderá também gostar de: Carvalho

Ligações

Compêndio em
Linha de Problemas
Definição Toda crença Conhecimento, O paradoxo de de Filosofia
tradicional de injustificada é engano, Kripkenstein Analítica
conhecimento irracional? justificação e
verdade Crítica: Blog

Linkwithin
Dicionário Escolar
de Filosofia

Marcadores: Conhecimento, Epistemologia, Fechamento Episteme Links


Epistêmico, Gettier, Justificação, Material Didático Logosfera
+3   Recomende isto no Google Philosophy Talk
Páginas de Filosofia
Ted Honderich ‐
Nenhum comentário: Determinism and
Freedom

http://problemasfilosoficos.blogspot.com.br/2015/07/o­problema­de­gettier.html 3/6

Você também pode gostar