Você está na página 1de 4

Universidade Federal do Rio Grande do Norte – UFRN

Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes – CCHLA


Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais

DISCIPLINA Teorias Contemporâneas da Cultura

PROFESSORES Alex Galeno e Fagner França

PROFª CONVIDADA Maria da Conceição Almeida

CÓDIGO PCS1020 2018.2 CRÉDITOS: 04 60h

Horários /Local: Quintas-feiras, 14h às 18h / Setor II – G4


Início da disciplina: 22 de Março de 2018

Apresentação do curso:

Neste curso, estudaremos a noção de cultura humana em seu contexto clássico e


contemporâneo. Articulando cultura científica e cultura humanística, problematizaremos a
muldimensionalidade da condição humana e os limites difusos entre natureza e cultura,
materialidades e imaterialidades.

METODOLOGIA

 Aulas expositivas.
 Seminários temáticos.

AVALIAÇÃO

 Participação em sala de aula, apresentação de seminários e produção de um texto (10 a 20


páginas em dupla ou individual).

Cronograma temático

Mês/dia Temas, dinâmica e referencias de leitura.

Março Aula introdutória: Universalidades da Cultura.


22 Profª Ceiça Almeida.
Apresentação do programa e dos alunos. Discussão da dinâmica do trabalho.
Profs. Alex Galeno e Fagner França
Abril Tema: CULTURA COMO CONCEITO E COMO FÁBRICA DE ORDEM.
05 Textos de referência: BAUMAN, Zygmunt. A cultura como consumidor cooperativo.
160 - 172.
Cultura rebelde e ingovernável. Pags. 71 a 90.
2

12 Tema. CULTURA COMO SEITA DE ALFABETIZADOS E COMO


BESTIALIDADE MDIÁTICA.
Texto de referência: SLOTERDIJK, Peter. Regras para o parque humano. Uma
resposta à carta de Heidegger sobre o humanismo.

KAFKA, Franz. Um relatório para uma Academia. ( conto)

Tema: CULTURA LÍQUIDA E CONECTIVA.


19 Textos de Referência: Solitários interconectados. IN: BAUMAN, Zygmunt. Babel.
Entre a incerteza e a esperança. Pags. 79 a 141.
Selves Conectados. IN: BAUMAN, Zygmunt. A individualidade numa época de
incertezas. Pags. 97 a 126.

26 Tema: CULTURA E TIRANIAS DA INTIMIDADE.


Texto de Referência: A Sociedade intimista. IN: SENNETT, Richard. O declínio do
homem público. As tiranias da intimidade. Pags. 315 a 426.
Maio Tema: CULTURA TRANSPARENTE.
10 Livro de Referência: HAN, Byung-Chul. Sociedade Transparente. Pags. Livro todo.
Episódio da série Black Mirror.
17 Tema: Seminário 1: RELACIONAMENTOS AFETIVOS VIRTUAIS.
Textos de referência: MISKOLCI, Richard. Desejos digitais: uma análise sociológica
da busca por parceiros on-line. Rio de Janeiro: Autêntica. 2017. Completo.
MÁRQUEZ, Gabriel Garcia. Memória de minhas putas tristes.
Responsáveis: a definir.

24 Tema: CULTURA E LINGUAGEM


Texto de referência: MORIN, Edgar. O Método 4: as ideias. Primeira parte: a ecologia
das ideias. P. 15-133.
Junho
07 Tema: CULTURA DE MASSAS.
Texto de referência: MORIN, Edgar. MORIN, Edgar. Cultura de massas no século XX:
Neurose. 10ª edição. RJ: Forense Universitária, 2011. Primeira Parte: “A integração
cultural”. P. 3-83.

14 Seminário 2: A VITIMIZAÇÃO COMO AGENDA SOCIETAL.


Texto de referência: BOSCO, Francisco. A vítima tem sempre razão? Lutas identitárias
e o novo espaço público brasileiro.
Responsáveis: A definir.

21 Tema: CULTURA E O CONTEMPORÂNEO.


Texto de referência: AGAMBEN, Giorgio. O que é o contemporâneo? Chapecó, SC:
Argos, 2009.
3

28 Tema: CULTURA E COMUNICAÇÃO


Texto de referência: BAITELLO JR., N. BAITELLO JR., Norval. A era da
iconofagia: reflexões sobre imagem, comunicação, mídia e cultura. São Paulo: Paulus,
2014. Parte I: A comunicação, a violência e seus dialetos. P. 19-93.

Julho
05 Tema: CULTURA NA ERA DO CAPITALISMO ARTISTA
Texto de referência: LIPOVETSKY, G; SERROY, J. A estetização do mundo – viver
na era do capitalismo artista. São Paulo: Companhia das Letras, 2015. Capítulo 1: O
capitalismo artista. (p. 39-130)

12 Seminário 3: DUAS E TRÊS CULTURAS


Texto de referência: As duas culturas. SNOW, C.P. São Paulo: Edusp, 2015.
Completo.
As três culturas. LEPENIES, Wolf. São Paulo: Edusp, 1996. Introdução e I Parte.
Responsáveis: A definir.

26 Data limite para entrega de papers – todos os alunos.

Bibliografia de referência:

ALMEIDA, M. da Conceição de; CARVALHO, Edgard de Assis (Org). Cultura e


Pensamento Complexo. Natal: EDUFRN, 2009.
BAITELLO JR., N. A serpente, a maça e o holograma. Esboços para uma teoria da mídia.
São Paulo: Paulus, 2010.
BAITELLO JR., Norval. A era da iconofagia: reflexões sobre imagem, comunicação, mídia
e cultura. São Paulo: Paulus, 2014.
BAUMAN, Zygmunt. Babel. Entre a incerteza e a esperança. Tradução de Renato Aguiar. Rio
de Janeiro: Jorge Zahar, 2016.
BAUMAN. Zygmunt&RAUD, Rein. A Individualidade numa Época de Incertezas. Tradução
de Carlos Alberto Medeiros.. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2018.
BAUMAN. Zygmunt. Ensaios sobre o conceito de cultura. Tradução de Carlos Alberto
Medeiros. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2012.
BAUMAN. Zygmunt. O Mal-Estar da Pós-Modernidade. Tradução de Mauro Gama e Cláudia
Martinelli Gama. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1998.
BAUMAN. Zygmunt. Vida Líquida. Tradução de Carlos Alberto Medeiros. Rio de Janeiro:
Jorge Zahar, 2007.
BECK, Ulrich& BECK-GERNSHEIM, Elizabeth. Amor a Distancia. Nuevas formas de vida
en la era global. Paidos: Barcelona, 2012.
BIRMAN, Joel. O sujeito na contemporaneidade. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2012.
BOSCO, Francisco. A vítima tem sempre razão? Lutas identitárias e o novo espaço público
brasileiro. São Paulo: Todavia, 2017.
CARVALHO, Edgard de Assis. Enigmas da cultura. São Paulo: Cortez, 2003. – (Coleção
Questões da nossa época, v. 99)
HAN, Byung-Chul. Sociedade Transparente. Tradução de Enio Paulo Giachini. Petropolis-RJ:
Vozes, 2017.
4

ILLOUZ, Eva. Amos nos tempos do capitalismo. Rio de Janeiro: Zahar, 2011.
KAFKA, Franz. Essencial Kafka. São Paulo: Companhias das Letras,2011.
LÉVI-STRAUSS, Claude. Antropologia estrutural. Tradução Chaim Samuel Katz e Eginardo
Pires. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, 1975.
LIPOVETSKY, G; SERROY, J. A estetização do mundo – viver na era do capitalismo artista.
São Paulo: Companhia das Letras, 2015.
MÁRQUEZ, Gabriel Garcia. Memória de minhas putas tristes. Tradução de Eric
Napomuceno. Rio de Janiero - São Paulo: Editora Record, 2010.
MAUSS, Marcel. Sociologia e Antropologia. Tradução de Paulo Neves. São Paulo: Cosac
Naify, 2003.
MISKOLCI, Richard. Desejos digitais: uma análise sociológica da busca por parceiros on-
line. Rio de Janeiro: Autêntica. 2017.
MORIN, Edgar. Cultura de massas no século XX: Neurose. 10ª edição. RJ: Forense
Universitária, 2011.
MORIN, Edgar. O método 4: As idéias. Tradução de Juremir Machado da Silva. Porto
Alegre: Sulina, 1998.
SENNETT, Richard. Juntos. Os rituais, os prazeres e a política da cooperação. Tradução de
Clóvis Marques. Rio de Janeiro-São Paulo: Editora Record, 2012.
SENNETT, Richard. O declínio do homem público. As tiranias da intimidade. Tradução de
Lygia Araújo Watanabe. São Paulo: Companhia das Letras, 1993.
SLOTERDIJK, Peter. Regras para o parque humano. Uma resposta à carta de Heidegger
sobre o humanismo. Tradução de José Oscar de Almeida Marques. São Paulo: Estação
Liberdade, 2000.