Você está na página 1de 4

Aprofundamento de Biologia

REGULAÇÃO TÉRMICA
[01] (PUC-MG) A vantagem dos animais homeotermos em fisiológicos diferenciados em locais de clima quente e de clima
relação aos pecilotermos está em que os primeiros: frio.
a) mantêm temperaturas sempre mais baixas que aquelas Assinale a opção que apresenta corretamente os mecanismos
temperaturas do meio. fisiológicos adequados a cada uma das situações.
b) mantêm temperaturas sempre mais altas que aquelas CLIMA QUENTE: contração dos vasos sanguíneos superficiais
a)
temperaturas do meio. CLIMA FRIO: eriçamento de pêlos e penas
c) podem variar sua temperatura corporal de acordo com a CLIMA QUENTE: dilatação de vasos sanguíneos superficiais
b)
necessidade. CLIMA FRIO: respiração ofegante
d) mantêm a temperatura do corpo constante, favorecendo o CLIMA QUENTE: diminuição da circulação abaixo da pele
c)
metabolismo. CLIMA FRIO: tremor do corpo
CLIMA QUENTE: respiração ofegante
e) quando as temperaturas são muito baixas, elevam a d)
CLIMA FRIO: dilatação de vasos sanguíneos superficiais
temperatura corporal.
CLIMA QUENTE: aumento da sudorese
e)
CLIMA FRIO: contração dos vasos sanguíneos superficiais
[02] (FEPECS-DF) Um pesquisador mediu as taxas de consumo de
O2 em quatro tipos de animais, em função de diferentes [04] (CESGRANRIO) As afirmativas a seguir são relacionadas aos
temperaturas: camundongos, codornas, sapos e caranguejos. mecanismos termorreguladores presentes em seres
Com os dados construiu gráficos, verificando depois que podia homeotérmicos:
reuni-los nos dois padrões seguintes: I. A manutenção da temperatura corpórea é importante
porque a hipotermia e a hipertermia causam avarias no
funcionamento enzimático.
II. Em baixas temperaturas ambientais, a vasodilatação
Consumo de O 2

I periférica diminui o fluxo sanguíneo, implicando o


aquecimento das partes externas do corpo, que passam
calor para os tecidos internos.
III. Em altas temperaturas ambientais, um fator básico de
regulação é a sudorese, pois a água do suor evapora,
retirando calor da pele, o que não permite que a
II
temperatura do corpo se eleve muito.
Assinale a(s) afirmativa(s) correta(s):
0 10 20 30 40 a) Apenas I,
Temperatura (ºC) b) Apenas I e I;
c) Apenas I e III.
Baseando-se no tipo de metabolismo desses animais, assinale a
d) Apenas II e III.
alternativa que os relaciona corretamente aos tipos de curvas
e) I, II e III.
considerados.
a) Curva I: camundongos e codornas – Curva II: sapos e
[05] (UFMG) Um homem, submetido a aquecimento prévio de
caranguejos.
45°C, ingere gelo picado em intervalos regulares. Os gráficos
b) Curva I: camundongos e sapos – Curva II: codornas e
relacionam a temperatura da pele, a temperatura interna e a
caranguejos.
sudorese nesse homem, nas condições dadas.
c) Curva I: camundongos, sapos e codornas – Curva II:
caranguejos.
d) Curva I: codornas, sapos e caranguejos – Curva II:
camundongos.
e) Curva I: sapos e caranguejos – Curva II: camundongos e
codornas.

[03] (CESGRANRIO-RJ)

Com base nos dados desses gráficos, é CORRETO afirmar que:


a) a elevação da sudorese provoca um resfriamento da pele.
O gráfico acima representa como um determinado tipo de b) a redução da temperatura interna provoca redução da
animal reage às variações de temperatura do ambiente. Para temperatura da pele.
manifestar essa reação, seu corpo lança mão de mecanismos c) a redução da temperatura interna ocorre simultaneamente
com o aumento da taxa de sudorese.

1
Aprofundamento de Biologia
d) o aumento da temperatura da pele ocorre no momento da a) favorecer a morte das células superficiais da epiderme em
ingestão do gelo. razão do dessecamento decorrente da menor quantidade de
suor.
[06] (UFPEL) O gráfico a seguir mostra a relação entre a b) comprometer a nutrição das células epiteliais, uma vez que
temperatura ambiente e a temperatura corporal em uma estas se mantêm com os sais minerais presentes no suor.
capivara e um jacaré. c) impedir a eliminação do excesso de água do tecido
subcutâneo, sobrecarregando as funções dos rins.
d) comprometer a eliminação do calor e a conseqüente
manutenção da temperatura da pele.
e) favorecer o acúmulo das secreções das glândulas sebáceas
sobre a epiderme, comprometendo a respiração das células
desse tecido.

[08] (FEPECS-DF) As orelhas dos elefantes africanos são


proporcionalmente grandes, altamente vascularizadas e
revestidas de epiderme queratinizada. Essas três características
dos elefantes são adaptações relacionadas a:
a) redução da perda de calor e da perda de água;
b) aumento da perda de calor e redução da perda de água;
c) redução da perda de calor e aumento da perda de água;
d) aumento da perda de calor e da perda de água;
e) aumento da perda de água, apenas.

[09] (PUC-RJ) A água, por ter um alto calor específico, é um


elemento importante para a regulação da temperatura corporal
FAVARETTO, J.A.; MERCADANTE, C. Biologia. São Paulo: Ed. Moderna, 1999.
em todos os chamados animais de sangue quente. A quantidade
[adapt.] de água necessária para a manutenção da estabilidade da
Com base no texto e em seus conhecimentos, analise as temperatura corporal varia, basicamente, em função de dois
seguintes afirmativas. processos: a sudorese e a produção de urina. Assinale a opção
I. O jacaré vive em ambientes aquáticos para manter a que aponta corretamente como funciona esse controle.
temperatura corporal em torno de 36,5°C, em regiões de a) Quando há aumento da temperatura ambiente o indivíduo
clima tropical, nas quais a água possui elevado calor produz menor quantidade de suor e menor quantidade de urina.
específico, que propicia a estabilidade térmica. b) Quando há aumento da temperatura ambiente, o indivíduo
II. A capivara utiliza ambientes aquáticos para reduzir a produz maior quantidade de suor e maior quantidade de urina.
temperatura corporal em dias quentes, pois o elevado c) Quando há diminuição da temperatura ambiente, o indivíduo
calor específico da água atua como um moderador produz menor quantidade de suor e maior quantidade de urina.
térmico, de forma que o calor do corpo do animal não d) Quando há diminuição da temperatura ambiente, o indivíduo
ultrapassa os 36,5°C. produz maior quantidade de suor e menor quantidade de urina.
III. A capacidade de os animais endotérmicos — como a e) Quando há diminuição da temperatura ambiente, o indivíduo
capivara — manterem a temperatura corporal contribui produz maior quantidade de suor e maior quantidade de urina.
para que ocupem um número maior de ambientes do
que os animais ectotérmicos, como o jacaré. [10] (FFFCMPA-RS) A endotermia e a ectotermia, duas formas de
IV. A linha que representa no gráfico a amplitude térmica regulação da temperatura corpórea interna desenvolvida pelos
suportada pelo animal ectotérmico mostra uma animais, surgem em momentos e situações distintas na história
inclinação de, aproximadamente, 45° no intervalo de evolutiva do Reino Animalia. Sobre esses mecanismos, assinale a
temperatura corporal [10,30], o que possibilita que cada assertiva incorreta.
variação de 1°C na temperatura ambiente resulte numa a) Animais endotérmicos, apesar de possuírem temperatura
variação unitária aproximada. constante em condições normais, podem apresentar variações
Estão corretas apenas as afirmativas: de temperatura em função de alterações fisiológicas como, por
a) I e III exemplo, resposta a patógenos.
b) II e III b) A endotermia é energeticamente dispendiosa, exigindo a
c) III e IV ingestão de uma quantidade suficiente de alimentos para
d) I e IV sustentar as taxas metabólicas.
e) II e IV c) Entre os vertebrados, aves e mamíferos são endotérmicos, ao
passo que peixes, anfíbios e répteis são ectotérmicos.
[07] (FGV) Nas prateleiras das farmácias e supermercados, d) A amplitude de variação da temperatura interna nos animais
encontramos várias marcas de produtos anti-perspirantes, os ectotérmicos é maior do que nos endotérmicos.
quais restringem a quantidade de secreção das glândulas e) Vertebrados aquáticos são ectotérmicos, uma vez que a alta
sudoríparas na zona onde foi aplicado. Portanto, limitam a estabilidade do ambiente aquático, quando comparado ao
quantidade de suor na superfície da pele. Gustavo, consumidor ambiente terrestre, não exige dos organismos que ali habitam
desse tipo de produto, procurava por algo que fizesse o mesmo mecanismos mais complexos de homeostasia.
em todo o seu corpo, e não apenas nas axilas. Afinal,
considerava o suor algo desnecessário e não higiênico. Do ponto [11] (UFRJ) As duas curvas do gráfico abaixo representam um
de vista fisiológico, pode-se dizer que o produto desejado por experimento relacionando a taxa metabólica de dois animais de
Gustavo não é aconselhável, pois sua conseqüência imediata espécies diferentes (animal A e animal B) com a temperatura
seria:

2
Aprofundamento de Biologia
ambiente. A taxa metabólica foi determinada pelo consumo de temperatura corporal que, na maioria dos casos, está ligada a
oxigênio. uma reação do organismo à infecção por bactérias e/ou vírus.
Sobre o assunto acima, é correto afirmar, exceto:
a) Os tremores musculares característicos da febre podem
contribuir para o aumento da temperatura.
b) O aumento da temperatura corporal é sempre acompanhado
pelo concomitante aumento da sudorese.
c) O aumento da temperatura pode afetar a taxa de
multiplicação dos agentes infecciosos.
d) A febre pode afetar a estrutura e a função de várias enzimas
do organismo.

[02] (UERJ)
Massa do corpo (x) de quatro mamíferos e oxigênio consumido (y) em
Qual das curvas (A ou B) pode ser associada ao animal determinado período de tempo
Massa Consumo de oxigênio
endotérmico e qual corresponde ao animal ectotérmico. Mamífero 2 -1 -1
(g) (mm .g .h )
Justifique suas respostas.
I 25 1.600
II 1.280 480
[12] (UNIFESP) Considere uma área de floresta amazônica e uma III 64.000 144
área de caatinga de nosso país. Se, num dia de verão, a IV 3.200.000 40
temperatura for exatamente a mesma nas duas regiões, 37ºC, e Considere, sobre os mamíferos, que:
estivermos em áreas abertas, não sombreadas, teremos a  têm densidades aproximadamente iguais;
sensação de sentir muito mais calor e de transpirar muito mais  volume e superfície externa aumentam com taxas
na floresta do que na caatinga. diferentes;
Considerando tais informações, responda.  geram maior quantidade de calor por unidade de massa e
a) Qual a principal função do suor em nosso corpo? de tempo à medida que aumenta o valor da razão entre
b) Apesar de a temperatura ser a mesma nas duas áreas, superfície externa e massa.
explique por que a sensação de calor e de transpiração é mais O mamífero que apresenta a maior razão entre sua superfície
intensa na região da floresta amazônica do que na caatinga. externa e seu volume é aquele representado, na tabela, pelo
seguinte número:
[13] (VUNESP) No interior do Estado do Mato Grosso, um a) I
pescador, após comer um sanduíche, entrou nas águas de um b) II
rio a fim de se refrescar. Não muito distante do local, um jacaré, c) III
após abundante refeição, à base de peixes e aves da região, d) IV
repousava sobre as areias da margem do rio. Considerando-se
que as temperaturas da água do rio e da areia eram, [03] (UERJ) Observe os gráficos abaixo, que representam as
respectivamente, de 18°C e 45°C e que as enzimas digestivas do medidas das temperaturas corporais e das taxas metabólicas de
homem e do jacaré têm sua temperatura ótima entre 35°C e um camundongo e de um lagarto em função da variação da
40°C, deseja-se saber: temperatura ambiental.
a) se o jacaré teria alguma dificuldade na digestão do alimento
se permanecesse no rio após a sua refeição. Justifique.
b) para o pescador, qual seria o local mais apropriado para
realizar a digestão do sanduíche, no rio ou às suas margens? Por
quê?

[14] (UFRJ) Existem algumas espécies de veados, mamíferos


endotérmicos de grande porte, cujos machos adultos
apresentam chifres que contêm uma extensa rede de veias e
artérias. Além de representarem uma adaptação fundamental
nas lutas pelo acasalamento, os chifres passaram, mais
recentemente, a ser considerados importantes na regulação da
fisiologia dos veados, pois caem no início do inverno e são
refeitos durante a primavera.
Explique a importância da queda dos chifres no início do
inverno. (Adaptado de PURVES, W. K et al. Life, the science of Biology. Sunderland: Sinauer
Associates, Inc., 1997.)
Explique, de acordo com os resultados apresentados nos
[15] (VUNESP) Os jabutis (Réptil Quelônio), no Sudeste do Brasil,
gráficos, as variações da temperatura corporal e da taxa
são ativos na estação quente e chuvosa, permanecendo
metabólica de cada uma dessas espécies.
praticamente imóveis na estação fria e seca.
a) Que tipo de regulação térmica possuem os jabutis?
b) Explique este comportamento de acordo com as diferentes
condições climáticas.

DESAFIOS
[01] (PUC-MG) Em mamíferos, a febre é considerada um estado
mórbido que se caracteriza essencialmente pela elevação da
3
Aprofundamento de Biologia
A temperatura corporal do lagarto se equilibrou com a ambiental porque, sendo
ele ectotérmico (pecilotermo), não dispõe de mecanismos de controle da
RESOLUÇÕES
temperatura corporal.
[01] A taxa metabólica do lagarto aumentou porque esta taxa é função direta da
Alternativa D temperatura corporal.
O camundongo, sendo endotérmico, dispõe de mecanismos de controle da
[02] temperatura corporal e, assim, sua temperatura permaneceu constante.
Alternativa A Enquanto a temperatura ambiental permanece próxima à temperatura corporal, a
taxa metabólica do camundongo não se alterou. No entanto, aumentou em
[03] temperaturas inferiores ou superiores à corporal, já que mais energia é necessária
Alternativa E para manter constante a temperatura corporal.
[04]
Alternativa C

[05]
Alternativa A

[06]
Alternativa C
Os animais ectotérmicos dependem da temperatura do ambiente para um bom
funcionamento de seu metabolismo. Por isso a diversidade de ambientes em que
podem viver é reduzida. A variação da temperatura corporal corresponde à da
temperatura ambiente, pois:

Como 45º, então

[07]
Alternativa D

[08]
Alternativa B

[09]
Alternativa C

[10]
Alternativa E

[11]
A curva B corresponde ao animal endotérmico, que possui sistemas de regulação
da termogênese, nos quais à medida que a temperatura ambiente sobe, diminui o
consumo de oxigênio. Já o animal ectotérmico é representado pela curva A, onde a
taxa metabólica é diretamente proporcional à temperatura ambiente.

[12]
a) A função do suor em nosso corpo é a eliminação do excesso de calor produzido
pelo metabolismo do organismo (resfriamento evaporativo).
b) Na região da floresta Amazônica, a sensação de calor e de transpiração é mais
intensa do que na caatinga, porque a umidade relativa do ar é muito maior, o que
dificulta a evaporação do suor.

[13]
a) Sendo o jacaré um animal heterotérmico, sua temperatura se iguala à da água,
dificultando a atividade enzimática durante a digestão.
b) Para o homem qualquer lugar seria adequado para a digestão. Sendo organismo
homeotérmico a temperatura de seu corpo permanece estável, apesar das
variações ambientais.

[14]
Por apresentarem grande superfície relativa irrigada, os chifres funcionam como
irradiadores de calor. A queda destas estruturas no inverno reduz a perda de calor.

[15]
a) Jabutis são Répteis heterotérmicos ou pecilotérmicos.
b) Os jabutis não possuem a capacidade de regular a temperatura corpórea. No frio
apresentam diminuição do metabolismo ficando imóveis. No calor a taxa
metabólica se eleva tornando possível maior atividade.

DESAFIOS
[01]
Alternativa B

[02]
Alternativa A

[03]