Você está na página 1de 42

Sistemas Elétricos de

Potência

AULA 3 – parte B

Prof. Me. Cesar Franco


cesar.franco@gmail.com
www.professorcdf.wordpress.com
Foto: Rio Paraná visto da Ponte da Amizade
Prof. Cesar Franco
Mestre USP / Poli
MBA FGV SP
Engenheiro UNESP
Técnico UNESP
Experiência
Geração Fotovoltaica atual
Voith 6 anos
Alstom 4 anos
General Motors 1 ano
Foto Telhado treinamento Solar – SENAI Pirituba
Escopo
• Circuito Trifásico
• Sistema triângulo e estrela
• Tensões Fasoriais
• Circuito equivalente de linha – PI Relembrando aula
passada
• Circuito equivalente de transformador
• Circuito unifilar
• PU – Por Unidade
• Redução do circuito utilizando transformação Y-Δ e vice e versa
• Curto circuito trifásico sem carga
• Componentes simétricas
• Curto circuito F-T para um gerador sem carga
• Curto circuito F-F sem carga
• Curto circuito F-F-T sem carga
• Formas de onda genéricas de curto circuitos
• Curto circuito com carga

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Componentes Simétricas

Foto: Rio Paraná visto da Ponte da Amizade

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Desenvolvendo o conceito
𝑽𝒂
𝑽𝒂

𝑽𝒄
𝑽𝒄

𝑽𝒃

𝑽𝒃

Tensões trifásicas Equilibradas Tensões trifásicas Desequilibradas

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Desenvolvendo o conceito

𝑽𝒄𝟏

𝑽𝒂𝟏
𝑽𝒂
𝑽𝒂𝟎

𝑽𝒄𝟎
𝑽𝒄
𝑽𝒃𝟏 𝑽𝒃𝟎

𝑽𝒂𝟐 𝑽𝒃

𝑽𝒃𝟐

𝑽𝒄𝟐

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Desenvolvendo o conceito
𝑽𝒂 𝑽𝒂𝟎

𝑽𝒂𝟐

𝑽𝒄𝟐 𝑽𝒄𝟏

𝑽𝒂𝟏
𝑽𝒄𝟎 𝑽𝒄

𝑽𝒃
𝑽𝒃𝟏

𝑽𝒃𝟎

𝑽𝒃𝟐

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Componentes simétricas
• A teoria das componentes simétricas foi
desenvolvida em 1918 pelo Dr. Fortescue no
American Institute of Electrical Engineers, mais
tarde conhecido como IEEE.

• Faltas assimétricas em linhas de transmissão, ou


seja, curto circuito F-F, F-T, F-F-T e a abertura de
condutores são estudados utilizando a técnica das
componentes simétricas.

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Componentes simétricas
Dr. Fortescue provou que

Um sistema desbalanceado de n fasores

Pode ser resolvido

Por n sistemas de balanceados de n fasores


chamados de componentes simétricas

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Componentes simétricas

Componente de Componente de Componente de


sequência positiva sequência negativa sequência zero
Figura adaptada de STEVENSON (1955).

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Componentes simétricas
𝒂 𝒂𝟎

𝒂𝟐

𝒄𝟐 𝒄𝟏

𝒂𝟏
𝒄𝟎 𝒄

𝒃
𝒃𝟏

𝒃𝟎

𝒃𝟐

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Componentes simétricas
𝒂 𝒂𝟎

𝒂𝟐

𝒄𝟐 𝒄𝟏

𝒂𝟏
𝒄𝟎 𝒄

𝒃
𝒃𝟏

𝒃𝟎

𝒃𝟐

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Componentes simétricas
• Operador

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Desenvolvendo o conceito
Sendo o operador

Podemos reescrever os sistemas equilibrado


Componentes simétricas
𝒂 𝒂𝟎

𝒂𝟐

𝒄𝟐 𝒄𝟏

𝒂𝟏
𝒄𝟎 𝒄

𝒃
𝒃𝟏

𝒃𝟎

𝒃𝟐

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Componentes simétricas

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Componentes simétricas

• Aqui notamos que não há sequência zero quando a


soma das fasores desbalanceados é zero.
• Se partimos de uma análise de tensão de linha, ou
seja, entre fases, a somatória sempre será zero,
independente do desbalanceamento do sistema. Já
a soma das tensões de fase (fase-neutro) não
necessariamente é zero, podendo conter
componentes de sequência zero.

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Desenvolvendo o conceito
Para encontrar a equação da tensão de sequência
positiva, multiplicamos por e respectivamente
as seguintes equações apresentadas anteriormente:

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Componentes simétricas

Adicionando as duas equações acima a equação


, temos:

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Componentes simétricas
As componentes de sequência negativa são
encontradas de jeito similar, assim, por similaridade
temos o conjunto completo de equações:

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Componentes simétricas
Para correntes o mesmo é válido:

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Componentes simétricas
Sabendo que

E sabendo que , temos que:

Note que caso o neutro esteja desconectado ou seja


uma ligação em Δ, a corrente de neutro será zero,
.

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Curto circuito F-F-T, F-F, F-T

Foto: Rio Paraná visto da Ponte da Amizade

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Curto Circuito Assimétrico
• A maioria das faltas são assimétricas;
• Fase-Fase, Fase-Terra, Fase-Fase-Terra;
• Podem ou não haver impedância entre os pontos
do curto circuito;
• Iniciamos o estudo das faltas nos terminais do
gerador, ou seja, no caso genérico do gerador sem
carga

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Curto Circuito Assimétrico
Será necessário:
• Construir o modelo de circuito;
• Desmembrar o modelo de circuito em sequência
positiva, negativa e zero;
• Calcular as correntes e tensão de sequência;

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Curto Circuito Assimétrico

Fonte STEVENSON (1955).

Sequência positiva

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Curto Circuito Assimétrico

Fonte STEVENSON (1955).

Sequência negativa
Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Curto Circuito Assimétrico

Fonte STEVENSON (1955).

Sequência zero
Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Curto circuito F-T

Foto: Rio Paraná visto da Ponte da Amizade

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Curto Circuito Fase-Terra

Condições Falta:

Fonte STEVENSON (1955).

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Curto Circuito Fase-Terra
;
Substituindo nas equações desenvolvidas:

Portanto:

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Adaptado de STEVENSON (1955).
Curto Circuito Fase-Terra
Pela equação descrita nos tópicos anteriores,
considerando , que e
é possível desenvolver que:

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Curto Circuito Fase-Terra

Fonte STEVENSON (1955).

Circuitos de sequência conectados em série representando o que foi matematicamente deduzido


para a falta F-T
Curto Circuito Fase-Terra
Caso o neutro estiver
aberto, ou seja, não
estiver conectado ao
terra, a rede de
sequência zero estará
com circuito aberto, e
é infinito. Assim, nessa
hipótese não haverá
circulação de corrente no
evento do curto.
Fonte STEVENSON (1955).
Curto circuito F-F

Foto: Rio Paraná visto da Ponte da Amizade

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Curto circuito F-F

Condições Falta:

Fonte STEVENSON (1955).

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Curto circuito F-F

Fonte STEVENSON (1955).

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Curto circuito F-F-T

Foto: Rio Paraná visto da Ponte da Amizade

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Curto circuito F-F-T

Condições Falta:

Fonte STEVENSON (1955).

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Curto circuito F-F-T

Fonte STEVENSON (1955).

Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com
Foto UHE ITAIPU
Disciplina SEP; São José do Rio Preto/SP, 2018; Prof. Me. Cesar Franco; cesar.franco@gmail.com www.professorcdf.wordpress.com