Você está na página 1de 157

Manual de Operação

MS2721B
9 kHz a 7,1 GHz
MS2723B
9 kHz a 13 GHz
MS2724B
9 kHz a 20 GHz

Página 1
MS2721B / MS2723B
MS2724B
Spectrum Master
Manual de Operação

Anritsu Company Part Number: 10580 00175

490 Jarvis Drive Revision: J

Morgan Hill, CA 95037-2809 Published: April 2008

USA Copyright © 2008 Anritsu Company

Página 2
GARANTIA

O produto Anritsu listado na página de título é garantido contra defeitos de


materiais e mão-de-obra por um ano a partir da data de embarque.

A Anritsu se obriga a reparar ou substituir os produtos que se apresentem


defeituosos durante o período de garantia. Os compradores devem custear as
taxas de transporte dos equipamentos devolvidos a Anritsu para reparos em
garantia. A obrigação é limitada ao comprador original. Anritsu não é
responsável por danos indiretos.

LIMITAÇÃO DA GARANTIA

A garantia Anritsu não se aplica a conectores que falharam devido a desgaste


normal de uso. Além disso, a garantia não se aplica a defeitos resultantes de
manutenção imprópria ou inadequada pelo comprador, modificação não
autorizada ou utilização abusiva, ou operação fora das especificações
ambientais do produto. Nenhuma outra garantia está expressa ou implícita, e
os recursos previstos neste documento são aplicados unicamente ao
comprador e usuário.

MARCAS COMERCIAIS

Windows, Windows 2000 e Windows XP são marcas registradas da Microsoft


Corporation. Intel Pentium é uma marca registrada da Intel Corporation.
VxWorks é uma marca registrada, e WindML é uma marca comercial da Wind
River Systems, Inc. NI é uma marca comercial da National Instruments.
Spectrum Master é uma marca comercial da Anritsu Corporation.

Página 3
AVISO

Anritsu Company elaborou este manual para uso de seus clientes, como um
guia para a correta instalação, operação e manutenção do equipamento e seus
programas de PC. Os desenhos, especificações, e as informações contidas
neste documento são de propriedade da Anritsu Company, e qualquer uso não
autorizado ou divulgação dessas figuras, especificações, bem como da
informação são proibidos; eles não devem ser reproduzidos, copiados ou
utilizados, no todo ou em parte, nem como base técnica para a fabricação ou a
venda de equipamentos ou softwares, sem o consentimento prévio e por
escrito da Anritsu Company. Todas as outras marcas aqui contidas são de
propriedade de seus respectivos proprietários.

ATUALIZAÇÕES

Atualizações para esse manual, se existirem, podem ser obtidas do site


Anritsu: http://www.us.anritsu.com

Página 4
NOTAS SOBRE GESTÃO DE EXPORTAÇÃO

Este produto e seus manuais podem exigir uma licença de exportação ou de


aprovação pelo governo do país de origem do produto, para a sua re-
exportação a partir do seu país. Antes de exportar este produto ou qualquer de
seus manuais, favor entrar em contato com a Anritsu, para confirmar se esses
itens são de exportação controlada. Quando fizer exportação controlada por
itens, os produtos e os manuais devem ser discriminados a tal ponto que não
possam ser indevidamente utilizadas para fins militares.

Página 5
Página 6
Página 7
Nota: Esse produto usa um display LCD que contem mercúrio. O descarte
deve se procedido em função dos regulamentos locais. Contate suas
autoridades locais ou nos USA a “Electronics Industries Alliance (www.eiae.org)
para detalhes.

INFORMAÇÕES DE CONFORMIDADES

Anritsu afixa a marcação CE de conformidade para seus produtos em acordo


com as Diretivas do Conselho das Comunidades Européias, a fim de indicar
que seus produtos estão conforme as Diretivas de EMC e DBT da União
Européia (UE).

Anritsu afixa a marcação C-tick para seus produtos em conformidade com as


regulamentações eletromagnéticas da Austrália e Nova Zelândia, a fim de
indicar que esses produtos estão conforme as Regulamentações de EMC da
Austrália e Nova Zelândia.

Página 8
ÍNDICE

Capítulo 1: Informações Gerais

Introdução..........................................................................................................13

Descrição do Produto........................................................................................14

Opções...............................................................................................................15

Acessórios.........................................................................................................15

Manutenção Preventiva.....................................................................................16

Calibração e Cuidados com ESD......................................................................17

Documentos de Referência..............................................................................17

Substituição da Bateria......................................................................................18

Centros de Serviço e Suporte Técnico Anritsu..................................................20

Capítulo 2 Guia Rápido de Utilização

Introdução..........................................................................................................21

Ligando o Spectrum Master...............................................................................21

Apresentação das Funções do Painel...............................................................22

Apresentação do Display...................................................................................25

Apresentação das Teclas..................................................................................26

Entrando com os Parâmetros............................................................................26

Entrando com Textos ........................................................................................28

Conectores de Testes do Painel .......................................................................31

Página 9
Conexão LAN.....................................................................................................32

Endereço IP.......................................................................................................33

Símbolos e Indicações do Display.....................................................................36

Fazendo Medições com o Analisador de Espectro............................................41

Capítulo 3: Funções das Teclas

Introdução..........................................................................................................47

Amplitude ..........................................................................................................47

BW (Largura de faixa)........................................................................................51

Arquivos.............................................................................................................53

Freq (Freqüência)..............................................................................................64

Limite ................................................................................................................66

Marcador............................................................................................................77

Medições............................................................................................................82

Modo..................................................................................................................89

Preset.................................................................................................................90

Span...................................................................................................................91

Varredura...........................................................................................................93

Detecção............................................................................................................94

Sistema..............................................................................................................97

Página 10
Capítulo 4: Fundamentos de Medições

Introdução........................................................................................................112

Largura de Banda de Resolução . ..................................................................112

Largura de Banda de Vídeo ............................................................................113

Limitações de Varredura .................................................................................113

Atenuador........................................................................................................114

Operação do Pré-Amplificador.........................................................................115

Capítulo 5: Medições de Campo

Introdução........................................................................................................117

Medições de Largura de Banda ocupada .......................................................117

Medição de Potência de Canal.......................................................................119

Potência de Canal CDMA...............................................................................120

Potência de Canal GSM.................................................................................122

Medição do Canal Adjacente...........................................................................126

Potência do Canal Adjacente..........................................................................126

Potência do Canal Adjacente GSM . ..............................................................127

(TDMA) Canal Adjacente ................................................................................129

Medição de Espúrios.......................................................................................130

Medições de faixa Espúria de Canais..............................................................131

Medições de Intensidade de Campo...............................................................134

Página 11
DEMODULAÇÃO de AM/FM/SSB...................................................................137

Medições de Relação de Interferências...........................................................138

Apêndice A: Padrões de Sinais de Transmissão

Introdução e Descrição....................................................................................141

Apêndice B: Mensagens de Erro

Introdução........................................................................................................146

Auto Teste e Erros...........................................................................................146

Erros Operacionais..........................................................................................149

Página 12
Capítulo 1

Informações gerais

Introdução

Este capítulo fornece detalhes de descrição, das especificações, acessórios


opcionais, manutenção preventiva, e requisitos de calibração para a Série de
Analisadores de Espectro Portáteis modelos MS2721B, MS2723B e MS2724B
em sua configuração STANDARD.

Ao longo deste manual, em geral esse instrumento será chamado de


Spectrum Master, detalhes específicos serão mencionados quando aplicáveis
aos modelos abaixo.

MS2721B: 9 kHz a 7,1 GHz

MS2723B: 9 kHz a 13 GHz

MS2724B: 9 kHz a 20 GHz

Página 13
Descrição do Produto

O Spectrum Master é um analisador de espectro portátil sintetizado que


fornece medições rápidas e precisas, que podem serem feitas facilmente
utilizando-se de suas funções principais: freqüência, calibração, amplitude e
largura de banda. Para facilitar existem teclas dedicadas para
funções comuns e uma calculadora para a rápida entrada de dados. Possui um
sistema automático de agregação da hora e data aos arquivos de medições
salvos. A memória interna proporciona salvar e recuperar mais de 1000
configurações de testes e mais de 1000 curvas usando o Programa “Master
Software Tools”. Com várias opções de armazenamento externo que podem
ser usada para armazenamento em massa. Seu amplo display LCD colorido,
com alta resolução, brilhante e visível a luz do dia proporciona fácil
visualização em uma variedade de condições de iluminação. O Spectrum
Master é capaz de operar até 3 horas continuamente a partir de uma bateria
completamente carregada, e pode ser operado a partir de uma fonte 12 VCC,
como a fonte do automóvel, que simultaneamente carrega a bateria.
O Spectrum Master foi projetado para monitorar, medir e analisar sinais dos
ambientes, executando medições típicas como: Interferência na banda, análise
espectral de transmissor, largura de banda ocupada, etc. aplicáveis as diversas
áreas da Engenharia, como de celulares.

O Spectrum Master possui ampla gama de opcionais, como de demodulações


e avançados como de Medições "Over-The-Air (OTA).

O Spectrum Master possui uma variedade de marcadores com ampla


capacidade (como pico, centro, e funções delta) é fornecida para uma mais
rápida dos sinais exibidos. Linhas limites superiores e inferiores e partilhadas
estão disponíveis para a criação rápida e simples de Testes do tipo Passa /
Falha. Uma opção do Menu, oferece um alerta sonoro quando um valor-limite é
ultrapassado. O programa PC fornecido “Anritsu Master Software Tools”
armazena dados das medições, e pode converter os mesmos em diversos
formatos gráficos. As medições podem ser armazenadas na memória interna,
numa unidade flash USB, ou no Cartão “Compact Flash”. As medições
armazenadas podem ser transferidas para um computador usando os cabos

Página 14
inclusos USB ou Ethernet. Uma vez armazenado, o gráfico do traço pode então
ser exibido, manejado em novas escalas, ou analisado com marcadores e
linhas de limiares. Históricos de curvas podem ser adicionados com as atuais,
usando o mouse do PC para arrastar curvas. Os dados podem ser extraídos e
utilizados em planilhas ou para outras funções analíticas.

Opções

O Spectrum Master possui ampla linha de opcionais, como Medidores de


Potência, GPS, Demoduladores, Análise de Interferências, que podem ser
adquiridos no momento da compra do produto, ou posteriormente mediante kits
de instalação.

Consulte a web site Anritsu www.us.anritsu.com ou o Suporte Técnico Local


para detalhes.

Acessórios

O Spectrum Master é fornecido com acessórios padrões e possui ampla linha


de acessórios opcionais (cabos, adaptadores, antenas, atenuadores,
acessórios adicionais, etc.) que podem ser adquiridos no momento da compra
do produto, ou posteriormente de forma avulsa. (Vide o web site Anritsu para
detalhes ou consulte o Suporte Técnico Local).

Lista dos Acessórios Padrões Fornecidos com o Spectrum Master

Descrição P/N

Manual de Operação 10580-00175

Bolsa de Proteção de Nylon 65729

Adaptador AC/DC 40-168-R

Adaptador DC para acendedor de cigarros, 12 V 806-141

CD ROM com Programa "Master Software Tools" 2300-498

Cabo USB A-mini B 3-2000-1498

Página 15
Cabo de Ethernet 2000-1371

Cabo de Ethernet Cruzado 3-806-152

Bateria recarregável de Li-Ion 633-44

Módulo de memória flash 2 GB 2000-1520-R

Suporte para posicionamento inclinado 64343

CUIDADO

Quando utilizando o Adaptador para Automóvel 12 VDC, Anritsu P/N 806-141,


sempre verifique que a fonte do automóvel suporte no mínimo 60 Watts @ 12
VDC, e que o soquete esteja limpo e operacional. Se o adaptador ficar quente
em demasia, não podendo ser tocado, descontinue o uso do mesmo
imediatamente.

Manutenção Preventiva

A manutenção preventiva do Spectrum Master consiste em limpar a unidade e


inspecionar o conector de RF do instrumento e todos os seus acessórios.

Limpe o Spectrum Master com um pano suave, livre de fibras, umedecido com
água ou água e uma solução de limpeza neutra.

Limpe os conectores de RF com um bastonete de algodão umedecido com


álcool isopropílico. Visualmente inspecione os centros dos conectores que
devem estar íntegros e limpos.

Visualmente inspecione os cabos de testes que devem estar uniformes, sem


torções, ou quebrados.

CUIDADO

Para evitar danos ao display, caixa ou conectores, não use solventes ou


limpadores abrasivos ou condutivos.

Página 16
Calibração

O Spectrum Master carrega os dados de calibração de fábrica ao ser operado,


e não requer verificação de calibração diária. Entretanto a Anritsu recomenda a
Calibração Anual do Spectrum Master em seus centros de Serviços.

Cuidados com ESD

O Spectrum Master como em geral os instrumentos de medição de alta


performance são suscetíveis a danos, devido descarga de eletricidade estática,
ESD. Com freqüência cabos e antenas geram cargas estáticas, que podem
caso permitido, descarregar-se diretamente no instrumento, podendo danificar
o mesmo. Os usuários do Spectrum Master devem tomar as precauções e
cuidados usuais de ESD, como as práticas industriais como a JEDEC-625
(EIA-625), MIL-HDBK-263, e MIL-STD-1686.

Recomenda-se que cargas estáticas que podem estar presentes sejam


dissipadas antes de conectar cabos ou antenas no instrumento. Isto pode ser
resolvido de forma simples, como temporariamente prendendo um pequeno
curto ou carga ao cabo e antena antes de prendê-los ao instrumento.

É importante lembrar que o operador pode também receber uma descarga


estática que pode causar lesões. Seguir as práticas usuais e as descritas nas
Normas acima garante um ambiente seguro para ambos o pessoal e o
equipamento.

Documentos de Referência

O seguinte URL é um vínculo de Internet para o Spectrum Master MS272xB:

http://www.us.anritsu.com/SpectrumMaster

Escolha seu modelo de Spectrum Master e clicar no caminho relacionado.

Na parte inferior de cada página da Web são apresentados caminhos para


baixar toda a literatura relacionada e Software, como os exemplos listados
abaixo:

Página 17
• Notas de aplicação

• Catálogos

• “Datasheet” com as especificações dos produtos

• Documentos de Instrução

• Notas Técnicas

• Programas

Substituição da Bateria

A bateria pode ser substituída sem o uso de ferramentas. O compartimento da


bateria é localizado no canto inferior esquerdo do instrumento (Fig. 1-1).
Deslize a tampa da bateria no sentido abaixo do instrumento. Remova a bateria
diretamente puxando-a para fora. A colocação é via meio contrário ao da
retirada.

Figura 1-1: Localização do compartimento da bateria

Nota: Use somente baterias e adaptadores originais Anritsu em seu


instrumento.

A bateria fornecida com o Spectrum Master pode precisar ser recarregada


antes de usar. A bateria deve ser recarregada no Spectrum Master, usando o
Adaptador de DC/AC (40-168-R), o Adaptador DC (806-141), ou

Página 18
separadamente da unidade no Carregador de Bateria Duplo Opcional (2000-
1374).

CUIDADO

Quando utilizando o Adaptador para automóvel 12 VDC, Anritsu P/N 806-141,


sempre verifique que a fonte do automóvel suporte no mínimo 60 Watts @ 12
VDC, e que o soquete esteja limpo e operacional. Se o adaptador ficar quente
em demasia, não podendo ser tocado, descontinue o uso do mesmo
imediatamente.

Nota: A Anritsu recomenda a remoção da bateria por períodos longos de


armazenagem do instrumento.

Kit de Alça para operação inclinada sob a mesa

Um kit de alça para operação inclinada sob uma mesa pode ser fornecido.
Quando corretamente instalada, uma alça fornece uma posição de operação
satisfatória, com estabilidade e fluxo de ar melhorado. O kit de alça (P/N
64343) é um acessório que consiste dos seguintes itens:

P/N Qde. Descrição


64344 1 Alça
63763 1 Suporte Direito
63764 1 Suporte Esquerdo
905-2691 2 Parafuso
905-2692 2 Arruela
90-367 2 Cantoneira

Tabela 1: Kit de alça para operação sob a mesa

Nota: Quando o Kit de Alça estiver instalado a unidade não pode ser utilizada
com a bolsa de nylon.

1. Com uma chave adequada retire o conjunto do parafuso original superior


direito do instrumento. Guarde-o pois o mesmo deve ser re-instalado
caso decida-se remover o Kit
2. Com a chave fornecida no Kit instale o novo suporte fornecido no kit
para o lado direito.

Página 19
3. Repita acima para o lado esquerdo.
4. Instale a alça nos suportes.
5. Veja detalhes no procedimento que acompanha o Kit.

Figura 1-2: Alça para operação sob a mesa instalada

Centros de Serviço Anritsu

Use o seguinte URL para encontrar seu Centro de Serviço local Anritsu

http://intranet/Mmd/CustomerService/TopPages/ServiceCenters.asp

Ou no Brasil

Centro de Suporte Técnico e Assistência Técnica Anritsu

Anritsu Eletrônica Ltda.

Praça Amadeu Amaral 27, 1º andar, Bela Vista, São Paulo, SP, Brasil.

Tel +55 11 3283-2511, Fax: +55 11 3288-6940.

Página 20
Capítulo 2

Guia de Rápido de Utilização

Introdução

Este capítulo descreve o Spectrum Master e fornece ao usuário um ponto de


partida para fazer rapidamente as medições básicas. Para informações
detalhadas, veja Principais Funções e Princípios de Medições.

Ligando o Spectrum Master pela primeira vez

O Spectrum Master é capaz de operar até três horas contínuas, a partir de uma
bateria carregada completamente (veja Capítulo 1 para detalhes). O Spectrum
Master pode ser operado por uma Fonte de 12VDC (que também carregará
simultaneamente a bateria). Isto pode ser feito com o adaptador de DC/AC
Anritsu 40-168-R ou o adaptador para acendedor de cigarro de automóvel
12VDC Anritsu 806-141. Ambos são incluídos como acessórios padrões do
Spectrum Master (veja a lista de acessórios no Capítulo 1).

CUIDADO

Quando utilizando o Adaptador para automóvel 12 VDC, Anritsu P/N 806-141,


sempre verifique que a fonte do automóvel suporte no mínimo 60 Watts @ 12
VDC, e que o soquete esteja limpo e operacional. Se o adaptador ficar quente
em demasia, não podendo ser tocado, descontinue o uso do mesmo
imediatamente.

Página 21
Para ligar o Spectrum Master aperte a tecla do painel frontal On/Off
(Liga/Desliga).

Figura 2-1: Tecla On/Off (Liga/Desliga)

O processo de ligar e de carregar o software de aplicação do Spectrum Master


leva cerca de trinta e cinco segundos para ser concluído. Após a conclusão
deste processo, o instrumento está pronto para se usado. Para obter
informações sobre como operar com o Spectrum Master, consulte o título
"Fazendo Medições com o Spectrum Analyzer". Para aplicações avançadas,
consulte o título “Medições Fundamentais e Medições de Campo”.

Apresentação das Funções do Painel

A interface de controle do Spectrum Master é fácil de usar e requer pouca


orientação. Teclas físicas (do tipo Hard Keys) no painel frontal, são utilizadas
para iniciar as funções específicas de Menus. Cinco funções de Hard Keys
estão localizadas abaixo do display: Frequency (Freqüência), Span (Span),
Amplitude, Bandwidth (Largura de Banda) e Marker (Marcador). Um botão
rotativo e 21 teclas estão localizados à direita do visor. Oito das teclas têm
dupla finalidade, dependendo do modo corrente de operação. A dupla
finalidade das teclas é a primeira numérica, com os números impressos em
cima das teclas, e a segunda funcional, com as funções impressas em azul no

Página 22
painel acima das teclas. A tecla Shift é utilizada para acessar a funções
impressas no painel em azul acima das teclas. A tecla redonda Escape
(Escapar) acima das teclas Soft Keys é, utilizada para abortar a entrada dos
dados. O Rotary Botão (Botão Rotativo) pode ser usado para alterar o valor de
um parâmetro ativo. Além disso, oito teclas do tipo Soft Keys estão localizadas
à direita do visor. Elas variam sua função dependendo da seleção corrente de
operação via Menus. A função corrente de uma tecla é indicada no bloco
corresponde no canto direito do display próximo à tecla. A localização das
diferentes teclas é mostrada na Figura 2-2.

Figura 2-2: Apresentação do Spectrum Master

Battery Charger LED (LED Verde de Carga de Bateria)

O LED de carga da bateria irá piscar (verde) quando a bateria estiver


carregando, e permanece constantemente aceso (verde), quando a bateria
estiver completamente carregada.

Página 23
Charge Fault LED (LED Vermelho de Falha de Recarga)

O LED Falha de Carga permanecerá ligado (vermelho) se houver falha no


sistema de recarga da bateria. Condições de Falha podem ser uma ou mais
células da bateria que não aceitam carga, ou uma bateria com sua temperatura
fora das especificações (0ºC a 45 ºC).

Ventilador Interno e Portas de Exaustão

É importante manter o ventilador livre de obstruções nas portas de exaustão


para garantir uma boa ventilação e refrigeração do instrumento

Página 24
Apresentação do Display

A Figura 2-3 abaixo ilustra algumas das principais áreas de informação do


display do instrumento visor. Consulte Funções das Teclas para descrições
mais detalhadas das descrições das teclas.

Figura 2-3: Apresentação do Display

Página 25
Teclas do Painel Frontal

O termo Hard Keys refere-se a todas as teclas do painel frontal do instrumento,


com exceção da fila vertical de tecla cinza adjacente ao campo de medição
(curva) no display. Essa fila vertical é composta de oito teclas chamadas de
Soft Keys, que são usadas para ativar teclas virtuais dentro de medições
específicas em campos no canto direito do display.

Tecla ESC

Pressionar esta tecla para anular qualquer operação em andamento.

Tecla Enter

Pressionar essa tecla para finalizar entrada de dados. Pressionando-se o botão


rotativo, o mesmo também executa essa função.

Teclas Setas

As quatro teclas setas (entre o botão rotativo e a tecla Esc) são utilizadas para
se deslocar para cima, para baixo, esquerda ou direita. As setas podem muitas
vezes ser usadas para alterar um valor, ou para alterar uma seleção a partir de
uma lista. Esta função é semelhante à função do botão rotativo. As setas são
também utilizadas para mover marcadores.

Tecla Shift

Pressionando-se a tecla Shift e em seguida uma segunda tecla aplicável,


executa-se a função que é indicada em texto azul acima da segunda tecla
selecionada. Quando a tecla Shift estiver ativada, um ícone é exibido no canto
superior direito do display, a direita do ícone indicador de carga de bateria.

Página 26
Figura 2-4: Ícone da Tecla Shift

Tecla Back (Retornar)

Pressionar essa tecla para apagar apenas um caractere, um número, ou um


intervalo especificado pelo cursor.

Tecla Trocar (+/-)

Pressionar essa tecla para mudar o sinal dos números que são introduzidos
com as teclas numéricas.

Teclado Numérico

Estas chaves são utilizadas para entrada dos números.

Rotary Botão (Botão Rotativo)

Girando o botão rotativo mudam-se os valores numéricos, percorrem-se itens


selecionáveis em uma lista, e movem-se marcadores. Valores ou itens podem
estar dentro de uma caixa de diálogo, ou de uma janela de edição.
Pressionando-se este botão finaliza uma entrada de dados, da mesma forma
que a tecla Enter.

Teclas de Funções Hard Keys (Teclas Hard)

Estas cinco teclas de funções são dispostas horizontalmente ao longo da borda


inferior do display. Essas teclas não têm rótulos, e tal como as Teclas Soft, elas
são teclas virtuais, pois possuem funções atribuídas em função do modo de
operação do instrumento. Em outras palavras, cada modo específico de
operação tem um conjunto específico de teclas Hard Keys. Para mais
informações consulte a seção “Seleção de Modo de Operação” no Capítulo 2.

Página 27
Soft Keys (Teclas Soft)

Estas oito teclas de cor cinza não têm rótulos e estão dispostas adjacentes ao
display, ao longo de sua borda direita. Tal como acontece com as teclas Hard
Keys, essas teclas são virtuais, pois possuem funções atribuídas em função do
modo de operação do instrumento. Ou seja, essas teclas de etiquetas variáveis
(também chamadas de Bloco de Funções Ativas) mudam em função de
mudanças de configuração do instrumento. O Spectrum Master usa quatro
tipos de teclas descritas a seguir:

Parameter Setting (Configuração de Parâmetros)

Telas do tipo “Pop-up” ou caixas de edição são utilizadas prover listas seleção
e de seleção de editores. Rodar o botão rotativo ou pressionar as teclas de
seta para selecionar item de uma lista ou parâmetros. Rodar o botão rotativo ou
teclas de seta para introduzir diretamente os dígitos a partir do teclado
numérico. Estas caixas de lista e caixas de edição freqüentemente exibem uma
escala ou limites de possíveis valores. Finalize a entrada pressionando o botão
rotativo ou a tecla Enter. Em qualquer momento pode-se abortar a entrada,
mantendo-se o valor corrente, pressionando-se a tecla Escape (Esc).
Alguns parâmetros (como de antenas ou acopladores) podem ser adicionados
às caixas de edição, criando-os via importação com a utilização do programa
“Master Software Tools”.

Text Entry (Entrada de Texto)

Para entrada de texto (quando como exemplo estiver salvando uma medição),
a tecla de Menu para Text Entry (Entrada de Texto) aparecerá exibindo os
caracteres (alfabeto, hífen e sublinhado), com possibilidades de 6 letras por
cada tecla. Os caracteres podem ser introduzidos utilizando-se o botão rotativo
ou as teclas. O botão rotativo percorre os caracteres em uma janela “pop-up” e
pressiona-se o mesmo para entrar com o caractere desejado. O Menu retorna
a indicação corrente principal após cada seleção de caractere. Alternadamente,
pressione como exemplo a tecla “abc / def” para abrir um segundo conjunto de

Página 28
teclas, com teclas individuais para cada letra. A tela volta para o Menu
completo após cada letra ser pressionada. Use as teclas setas para navegar
dentro de um nome ou caracteres. Utilize a tecla Shift para letras maiúsculas.
Pressionar a tecla Enter ou o botão rotativo para finalizar a entrada do texto
desejado. Consulte as Figuras 2-5, 2-6 e 2-7.

Figura 2-5: Menu de Entrada de Texto (Letras Minúsculas)

Página 29
Figura 2-6: Menu de Entrada de Texto (Letras Maiúsculas)

Figura 2-7: Menu de Entrada de Texto (Selecionando Caracteres)

Página 30
Conectores do Painel de Teste

Os conectores e indicadores localizados no painel de teste são mostrados


abaixo na Figure 2-8 e descritos em seguida.

Figura 2-8: Conectores do Painel de Teste

External Power (Fonte Externa)

O conector para fonte externa é usado para alimentar a unidade e recarregar a


bateria. Sua entrada é de 12 VDC a 15 VDC para até 5,0A. O LED verde
piscando indica que a bateria está sendo carregada pela fonte externa, e fica
acesso quando a abateria estiver completamente carregada.

CUIDADO

Ao usar o adaptador AC-DC, use sempre uma tomada com três pinos
conectada a uma rede elétrica com três pinos, ou com terra. Se a linha de
alimentação não tiver aterramento, o usuário está sob risco de receber choques
elétricos graves.

Página 31
Conexão LAN

O conector RJ-45 é utilizado para ligar o Spectrum Master a uma rede local.
Juntos ao conector estão dois LED. O LED âmbar indica a presença de uma
LAN, enquanto que o LED verde piscando, indica que um tráfego LAN está
presente. O endereço IP é definido no instrumento pressionando a tecla Shift e,
em seguida a tecla (8 -System) (8-Sistema). Em seguida abrem-se opções de
configuração Ethernet Automática DHCP, ou Manual, digitando-se o
endereço IP, gateway e endereço de máscara desejado. O DHCP (“Dynamic
Host Configuration Protocol”) é um protocolo Internet que automatiza o
processo de configuração de endereços IP para os dispositivos que usam o
TCP / IP, e é o método mais comum de configurar um dispositivo para uso em
rede. Para determinar se uma rede está configurada para DHCP, ligar o
instrumento à rede e configurar o mesmo para o protocolo DHCP no Menu
Ethernet Config. Desligue e ligue o Spectrum Master, e se a rede estiver
configurada para DHCP, o endereço IP atribuído ao Spectrum Master deverá
ser exibido brevemente em sua tela durante a seqüência de ligar. Para
visualizar o endereço de IP com o aparelho ligado, pressionar a tecla Shift e,
em seguida, a tecla (8-System) (8-Sistema), então a tecla System Options
(Opções do Sistema) e Ethernet Config. O endereço de IP será exibido como
mostrado na Figura 2-9.

Figura 2-9: Endereço de IP selecionado via DHCP


Página 32
Mais informações sobre DHCP

DHCP significa “Dynamic Host Configuration Protocol”. O DHCP é um protocolo


que permite um servidor atribuir dinamicamente endereços IP a dispositivos
que estão conectados à rede. A maior parte das redes inclui um servidor DHCP
para gerenciar endereços IP. Quando um servidor DHCP está disponível
na rede, o modo DHCP de endereço IP é o preferencial. Ao utilizar DHCP,
nenhuma configuração é necessária para a determinação do endereço IP, que
é de forma dinâmica, ou seja, o endereço IP em uso pode mudar conforme a
rotina de utilização. O servidor DHCP gerencia os endereços IP, de forma que
o primeiro dispositivo a chegar, é o primeiro a ser servido. Logo que o
dispositivo for desconectado da rede, seu endereço IP usado torna-se
disponível para uma próxima unidade solicitante de endereço IP. Naturalmente
é definido um tempo mínimo decorrido para o servidor manter o mesmo
endereço atribuído em um dispositivo desligado e ligado em seguida à rede.

Nota: O Spectrum Master deve ser ligado à rede LAN antes dele ser ligado,
para que o DHCP funcione adequadamente. As principais funções DHCP do
instrumento serão ativadas dessa forma, e quando da mudança do modo
Manual para o DHCP.

Quando um servidor DHCP não estiver disponível, um endereço IP estático


pode ser usado. Um endereço IP é um endereço fixo. Depois de ter sido
definido, ele será sempre o mesmo, e cuidados devem ser tomados para não
haver conflito com outros dispositivos na rede. Ao utilizar um endereço IP em
uma rede, sempre peça um endereço IP estático ao administrador de rede, pois
escolhendo aleatoriamente um endereço IP estático, pode resultar em
endereços IP duplicados ou em outros conflitos.

Três parâmetros devem ser selecionados antes de usar um endereço IP


estático (Manual):

Endereço IP

Este é o endereço IP estático na rede.

Página 33
Gateway Default

Normalmente quando um endereço IP é atribuído, o Gateway é também


identificado. Se o gateway for desconhecido, digite o mesmo número para o
endereço IP estático e para o Gateway padrão.

SubNet Mask (Máscara Sub Rede)

Este parâmetro é normalmente extraído do endereço IP estático baseado na


classe do endereço, e determina o destino de qualquer mensagem transmitida,
que possa ser originada do instrumento. Esse parâmetro, se necessário pode
ser personalizado. A máscara pode também ser fornecida com o endereço IP
estático.

Exemplo 1

Neste exemplo, um endereço IP estático, foi escolhido porque não existe rede
disponível. O instrumento está conectado à porta de rede do PC com um cabo
Ethernet cruzado (não incluído), chamada Conexão Direta:

Endereço IP: 10.0.0.2

Gateway Default: 10.0.0.2

Máscara Sub Rede: 255.255.0.0

Exemplo 2

Neste exemplo, um endereço IP estático foi atribuído associado ao gateway e


máscara:

Endereço IP: 153.56.100.42

Gateway Default: 153.56.100.1

Máscara Sub Rede: 255.255.252.0

Página 34
Algumas ferramentas que são incorporadas ao sistema operacional Microsoft
Windows podem auxiliar na configuração da rede. Digitando-se “ipconfig” em
um comando de “prompt”, serão exibidas informações de parâmetros de
utilização do PC e de sua conexão à rede. Abaixo segue uma tela típica dos
resultados obtidos.

Nota: O comando “ipconfig” não atua se a informação está vinda de um


servidor DHCP, ou de uma configuração IP estática.

Y:\>ipconfig

Windows 2000 IP Configuration

Ethernet adapter Local Area Connection:

Connection-specific DNS Suffix. : us.anritsu.com

IP Address. . . . . . . . . . . . : 172.26.202.172

Subnet Mask . . . . . . . . . . . : 255.255.252.0

Default Gateway . . . . . . . . . : 172.26.200.1

Uma ferramenta bastante utilizada que pode descobrir se um determinado


endereço IP já está na rede é o Ping.

O Ping é um modo inofensivo para determinar se um endereço é encontrado na


rede, e se ele for encontrado, para que o mesmo responda. De forma simples o
Ping envia uma solicitação para um endereço específico para verificar se o
mesmo se encontra presente. Se o destino for encontrado, ele irá responder
enviando de volta o que recebeu. Se não for encontrado, a resposta será
"Request timed out", o que significa que não houve resposta do endereço IP
solicitado. Abaixo um exemplo de um comando Ping:

Y:\>ping 172.26.202.172

Pinging 172.26.202.172 with 32 bytes of data:

Página 35
Reply from 172.26.202.172: bytes=32 time<10ms TTL=128

Reply from 172.26.202.172: bytes=32 time<10ms TTL=128

Reply from 172.26.202.172: bytes=32 time<10ms TTL=128

Reply from 172.26.202.172: bytes=32 time<10ms TTL=128

Ping statistics for 172.26.202.172:

Packets: Sent = 4, Received = 4, Lost = 0 (0% loss),

Approximate round trip times in milli-seconds:

Minimum = 0ms, Maximum = 0ms, Average = 0ms

Interface USB - Tipo Mini-B

O conector USB 2.0 conector pode ser usado para ligar o Spectrum Master
diretamente a um PC. Quando o instrumento for conectado pela primeira vez
ao um PC, o mesmo exibirá uma indicação de detecção de dispositivo USB. O
CD-ROM fornecido com o instrumento contém o drive para o Windows XP,
onde será também instalado o programa Master Software Tools. Não são
disponíveis drives para versões anteriores do sistema operacional Windows.
Durante o processo de instalação, coloque o CD-ROM na unidade do
computador e especificar ao assistente buscar as informações no caminho do
CD-ROM.

Nota: Instale o programa Master Software Tools antes de conectar o


instrumento a porta USB do PC.

O conector USB 2.0 pode também ser usado para conectar PEN DRIVES e o
Medidor de Potência Anritsu “PSN50 High Accuracy Power Meter”. Ele não
pode ser usado para conectar outros dispositivos, tais como impressoras.

Página 36
Interface USB - Tipo A

O Spectrum Master também pode ser um Host USB e permitir que vários
dispositivos de memória Flash USB possam ser conectados ao mesmo, para o
armazenamento de medições, configurações, e assim por diante.

Jack Headset (Conector para Fone de Ouvido)

O conector fornece saída de áudio a partir do demodulador interno AM / FM /


SSB e de outros sinais de áudio, para auxiliar na solução de problemas em
sistemas de comunicação sem fio. Aceita um jack de 2,5 mm 3-fios, miniatura,
comumente utilizados em telefones celulares.

External Trigger (Gatilho Externo)

Um sinal TTL aplicado via esse conector BNC à ocorrência de uma um única
(modo “Single Sweep”). Este modo é utilizado em Zero Span, e o gatilho ocorre
na subida do sinal. Após a varredura ocorrer, o traço resultante permanece na
tela até a eventual ocorrência de uma nova varredura.

Ext Freq Ref

Porta BNC fêmea para a conexão de entrada de uma freqüência de referência


externa ou gatilho externa. Pressionar a tecla Freq Ext Ref sob o campo do
Menu System, para selecionar a freqüência de referência externa, a partir da
lista apresentada de 1MHz, 1,2288MHz, 1,544MHz, 2,048MHz, 2,4576MHz,
4,8MHz, 4,9152MHz, 5MHz, 9,8304MHz, 10MHz, 13MHz, 19,6608 MHz, que
devem possuir uma potência entre -10 dBm a +10 dBm.

Gen Output (Ger Saída)

Conector de Saída para a opção “Tracking Generator” (Opção 20). O


instrumento opera esse gerador na faixa de freqüência de 100 kHz a 7,1 GHz,
e fornece um sinal com a mesma freqüência de saída e freqüência de
sintonização do analisador de espectro. A potência de saída e resposta de
freqüência é especificada na faixa de 400 kHz a 7,1 GHz.

Página 37
RF In (Entrada RF)

Conector Tipo N, Fêmea, 50Ω de entrada de RF.

USB Flash Drive (Pen Drive)

O Spectrum Master é enviado com um Pen Drive USB de 256 MB, Anritsu Part
Number 2000-1501.

Símbolos e Indicações

Os seguintes símbolos e indicações informam aos usuários condições e status


do instrumento em seu display.

Símbolo da Bateria:

O símbolo da bateria no canto superior direito do display (Figure 2-10) indica a


carga remanescente da bateria. A barra indicadora do mesmo varia em cor e
em tamanho em função do nível de carga.

Figura 2-10: Símbolo de Indicação de Carga Remanescente da Bateria

Verde: a bateria está entre 30 a 100% de sua carga

Amarelo: a bateria está entre 10 a 30% de sua carga

Vermelho: a bateria está somente de 0 a 10% de sua carga

Quando a bateria está carregando a partir do adaptador AC-DC (40-168-R) ou


o adaptador de 12 volts DC (806-141), o símbolo vai se apresentar e mudar
conforme a Figura 2-11.

Página 38
Figura 2-11: Símbolo de Carregamento da Bateria

O LED da carga da bateria irá piscar enquanto a bateria estiver carregando, e


se mantém aceso quando completamente carregada.

Nota: Recomendamos o uso somente de bateria, adaptadores e carregadores


originais Anritsu.

O símbolo da bateria é substituído por um símbolo do tipo plugue vermelho,


para indicar que o instrumento está conectado a uma fonte de energia externa
e não está carregando a bateria (ou a bateria não está presente). Quando o
adaptador AC está ligado, a bateria recebe automaticamente a carga, e o
símbolo bateria com um raio é exibido (Figura 2-11). Quando a bateria está
totalmente carregada, o circuito de carga se desliga, e o símbolo plugue
vermelho é exibido, como mostrado na Figura 2-12.

Figura 2-12: Símbolo de Bateria Não Carregando ou Ausente

Hold (Espera)

O Spectrum Master está em espera. Para retomar a varredura, alternar de


Hold para Run (Executar) no Menu Sweep

Single Sweep (Varredura Única)

Varredura única. Para varredura contínua pressionar Continuous (Contínuo).

Página 39
Self Test (Auto-Teste)

Ao ligar o Spectrum Master executa uma série de testes rápidos para


assegurar que seu sistema esteja funcionando corretamente. Esse sistema de
Auto-Teste executa uma série de testes que estão relacionados ao instrumento.
Se o Auto-Teste falhar, e a bateria estiver carregada, e o instrumento estiver
dentro da escala de temperaturas de funcionamento, contate a Assistência
Técnica Anritsu. Para executar o Auto-Teste, quando o instrumento já se
encontra ligado:

Passo 1. Pressione a tecla Shift e, em seguida, a tecla (8-System).

Etapa 2. Pressione a tecla Auto Test. Os resultados do Auto-Teste serão


exibidos.

Etapa 3. Pressione a tecla Esc para continuar.

Menu Mode Selector (Menu Seleção de Modo)

Para acessar as funções do modo Menu, pressione a tecla Shift e, em seguida,


a tecla (9-Modo). Use as setas direcionais ou o botão rotativo para destacar a
seleção e pressione a tecla Enter. A lista dos modos que aparece neste Menu
irá variar dependendo das opções que estão instaladas em seu instrumento.
Caso o instrumento não disponha de opcionais apenas Spectrum Analyzer
aparecerá. Vide a Figura 2-13 abaixo.

Figura 2-13: Menu Seleção de Modo

Página 40
Executando Medições com o Spectrum Master

Equipamentos Necessários

• MS2721B, MS2723B, ou MS2724B

• Opcionalmente uma antena apropriada para o range de freqüências a ser


testado.

Fazendo as Medições

Para fazer uma medição, localizar e mostrar no display os sinais de interesse,


selecionando freqüência, span e amplitude desejada como explicado abaixo

Nota: Na maioria dos casos, as informações e os parâmetros podem ser


inseridos no Spectrum Master através do teclado, das setas direcionais, ou o
botão rotativo. No teclado numérico podemos entrar as informações
diretamente. As teclas setas para cima e para baixo podem mudar um
parâmetro de freqüência pelo valor entrado através da tecla Freq Step (Passo
de Freq) (o valor padrão é de 1 MHz). As teclas setas esquerda e direita
mudam o parâmetro de freqüência por um graticulado, isto é, um décimo do
total da tela (10 graticulados). O botão rotativo muda o parâmetro de freqüência
por um pixel por etapa. No modo normal a tela possui 551 pixels, e no modo de
tela cheia, a mesma passa a 661 pixels de largura. Escolha o método mais
conveniente para entrar com as informações necessárias.

1. Ligue um sinal ou uma antena na entrada RF do Spectrum Master.

2. Pressione a tecla Freq para exibir o Menu Freqüência.

3. Para introduzir uma freqüência central, pressione a tecla Center Freq e,


entre com a freqüência central desejada.

4. Para definir uma faixa de freqüências específicas, pressione a tecla Start


Freq (Freq Inic) digite a freqüência inicial desejada e, em seguida, pressione a
tecla Stop Freq (Freq Final) e introduza a freqüência final desejada.

Página 41
5. Pressione a tecla Span para exibir o Menu Span e entrar um valor de Span
desejado, ou caso queira a tecla Full Span para o Span máximo. Selecionando
um Full Span, o mesmo irá sobrepor a qualquer Span previamente definido.
Para a medição uma freqüência única selecionada, pressione a tecla de Zero
Span.

Nota: O Spectrum Master possui 10 graticulados maiores (quadrados) no eixo


horizontal. Se por exemplo o usuário selecionar um Span de 10MHz, isto
significa que cada graticulado (quadrado horizontal) corresponde a 1MHz de
varredura. Os valores das freqüências iniciais e finais se ajustam
automaticamente em função do Span selecionado e vice-versa

Nota: Para mover rapidamente o valor do Span para cima ou para baixo,
pressionar as teclas Span Up 1-2-5 ou Span Down 1-2-5, que facilitam o
“Zoom-in” e “Zoom-out” em uma seqüência 1-2-5.

Configurando a Amplitude

1. Pressione a tecla Amplitude.

Nota: Para alterar as unidades correntes das medições, pressione a tecla


Units (Unidades) e selecione a unidade desejada via teclas apresentadas.
Pressione a tecla BACK, para voltar ao Menu Amplitude.

2. Pressione a tecla Reference Level (Nível de Referência) e use as teclas


setas Para Cima Subir / Para Baixo ou digitando diretamente no teclado o
nível de referência desejado. Digite a tecla Enter para definir o nível de
referência.

3. Pressione a tecla Scale (Escala) e use as teclas setas Para Cima / Para
Baixo ou digitando diretamente no teclado a escala desejada. Digite a tecla
Enter para definir o nível de referência.

Nota: O parâmetro Scale (Escala) não pode ser mudado quando são
selecionadas unidades lineares (watts ou volts). Pressionando a tecla
Amplitude e selecionando um novo valor para o atenuador de entrada pode

Página 42
ajudar a garantir que harmônicos e espúrios não sejam introduzidos nas
medições.

Selecionando um Padrão de Sinal

Para selecionar um Padrão de Sinal temos que definir a freqüência central,


espaçamento de canais, largura de banda e span para o primeiro canal do
padrão selecionado. O Apêndice A contém uma tabela de padrões de sinais
disponíveis no instrumento.

Para selecionar um sinal padrão:

1. Pressione a tecla Freq para exibir o Menu Freqüência.

2. Pressione a tecla Signal Standard (Padrão de Sinal) e as teclas setas Para


Cima / Para Baixo, ou o botão rotativo para destacar o Padrão de Sinal
desejado. Pressione a tecla Enter para selecionar o Padrão de Sinal destacado.

3. Pressione a tecla Channel # (Canal#) necessária para escolher o canal. Por


default, se um número de canal número ainda não foi inscrito, o menor número
de canal para o Padrão de Sinal é automaticamente selecionado. Os números
de canais que podem ser selecionados correspondem à numeração de canais
dos diferentes Padrões de Sinais.

Definindo os Parâmetros dos Filtros (“Bandwith”)

Tanto os Filtros de Resolução de Banda (RBW) como os de Vídeo (VBW)


podem ser automaticamente ou manualmente acoplados à freqüência de Span.
Isto é, quanto maior é o espaço (Span), o maior deve ser a Largura de Banda
da Resolução “RBW”. A razão da largura do Span pela Largura de Banda da
Resolução RBW é por default de 300:1 e, se necessário, essa razão pode ser
alterada manualmente como se segue:

1. Pressione a tecla BW.

2. Pressione a tecla Span / RBW. A razão atual Span / RBW é mostrada como
parte das etiquetas das teclas. Altere o valor dessa razão utilizando o teclado,

Página 43
as setas direcionais ou o botão rotativo. Usando a função Auto Acoplamento o
RBW é automaticamente selecionado, e indicado à esquerda do visor como
RBW XXX, onde XXX é o valor da Largura de Banda da Resolução. Se o
Acoplamento Manual for selecionado, então um "#" é mostrado na frente do
RBW no lado esquerdo do visor, e a Largura de Banda da Resolução RBW
pode ser ajustada independentemente do Span. Se um RBW não existente for
inserido, o instrumento irá selecionar o valor próximo maior aplicável de RBW.
Se um valor maior do que o maior valor possível de RBW for digitado, o valor
automaticamente selecionado será o maior possível do instrumento.

A função Auto Acoplamento para VBW ajusta a Largura de Banda de Vídeo


VBW com a Largura de Resolução de Banda RBW, para quanto maior for o
RBW, maior deve ser o VBW. O Auto Acoplamento é indicado no lado
esquerdo da tela, mostrado como VBW XXX. Se o VBW estiver em manual, um
"#" será mostrado na frente do VBW e a Largura de Banda de Vídeo VBW
poderá ser ajustada independentemente do RBW. Se não existir um VBW
digitado o instrumento seleciona um imediatamente superior. Se um valor maior
do que o maior VBW for digitado, então o maior valor disponível do instrumento
será selecionado.

A razão da Largura de Banda de Vídeo VBH para a Largura de Banda da


Resolução RBH, pode ser alterada pressionando-se a tecla BW, e as teclas
RBW / VBW e, em seguida utilizando o teclado, as setas direcionais ou o botão
rotativo para ajustar a razão. O valor atual da razão é mostrado como parte da
etiqueta da tecla correspondente.

Definindo Parâmetros Sweep (Varredura)

Para definir parâmetros de varredura, pressione a tecla Shift e, em seguida, o


a tecla (3-Sweep).

Página 44
Single / Continuous (Único / Contínuo)

Quando esta tecla for pressionada alterna entre o modo de varredura único e
contínuo. No modo único de varredura, um traço é varrido e a curva fica a
espera no modo Hold (Espera), até que um gatilho manual é selecionado
(Manual Trigger) ou outra forma de gatilho seja aplicada (Trigger Type).

Para selecionar um tipo específico de gatilho, pressione a tecla Trigger Type


(Tipo de Gatilho). As seleções são:

Free Run (Varredura Livre)

O modo "Free Run" é o modo default do instrumento, o qual varre livremente o


traço todo o tempo.

External (Externo)

Um sinal TTL aplicado à entrada BNC Trigger External provoca uma única
varredura na tela. Este modo é utilizado no modo Zero Span, o gatilho ocorre
na subida do sinal TTL. Após a varredura, o traço fica exibido na tela até que a
próxima condição de gatilho ocorra.

Vídeo

Este modo é utilizado em Zero Span, para definir um nível em que uma
varredura é iniciada. O nível de potência pode ser definido de -120 dBm a +20
dBm. O gatilho ou “Trigger” é baseado na medida do nível desse sinal. Se
nenhum sinal atingir ou ultrapassar o limiar selecionado, não haverá nenhum
traço na tela.

Variação da Posição do Gatilho (“Trigger”)

Esta tecla é utilizada em conjunto com a função de Vídeo para definir uma
marcação horizontal no visor, para quando um sinal que satisfaça a condição
de vídeo seja apresentado.

Página 45
O valor pode ser de 0% a 100%. Zero por cento coloca o evento/sinal
desencadeador no canto esquerdo da tela, enquanto 100% coloca o
evento/sinal desencadeador no canto direito da tela.

Quando a posição de gatilho é acionada para qualquer valor diferente de 0%, a


porção do traço antes do evento é exibida muito rapidamente, e o os dados do
traço são armazenados na memória. A porção do traço após o
desencadeamento será mostrado na tela ao ritmo normal como o sinal é
varrido.

Manual Trigger (Gatilho Manual)

Esta tecla pode ser usada em Zero Span para desencadear imediatamente
uma varredura quando o tipo de gatilho é definido para Externo ou Vídeo.

Página 46
Capítulo 3

Funções das Teclas

Introdução

Este capítulo descreve as teclas do Spectrum Master e como utilizá-las. As


principais teclas estão dispostas em ordem alfabética. Os Menus das teclas
sob os quais há seleções de teclas estão listados na ordem em que aparecem
no instrumento, de cima para baixo.

As cinco teclas de função Hard Keys estão localizadas abaixo do visor e são
utilizadas para iniciar funções específicas de Menus (no modo Spectrum
Analyzer, essas teclas são: Freq, Amplitude, Span, BW, e Marker (Marcador)).
Além disso, 21 teclas e um botão rotativo estão localizados à direita do visor.
Oito das teclas de dupla finalidade, dependendo do modo atual de operação.
As duplas finalidades das chaves são identificadas com números sobre as
mesmas e funções impressas em letras azuis no painel acima das mesmas.
Uma tecla Shift é utilizada para habilitar as funções azuis impressas no painel.
Uma tecla Escape é utilizada para abortar entrada de dados (tecla redonda
branca que está localizada acima das teclas). O botão rotativo e as teclas
numéricas podem tanto serem usados para alterar ou entrar um valor de um
parâmetro. Oito teclas estão localizadas à direita do visor. Suas funções são
atribuídas dependendo do Menu atual selecionado. As funções correntes das
teclas são indicadas nos blocos no canto direito do display (teclas virtuais)
chamado Função Bloco Ativo.

Amplitude

A tecla Hard Key Amplitude está localizada abaixo do visor. As teclass que se
abrem estão mostradas abaixo na Figura 3-1.

Página 47
Figura 3-1: Teclass do Menu Amplitude

Reference Level (Nível de Referência)

O nível de referência é a primeira linha acima do visor, ou o início dos


graticulados verticais, e pode ser definida de +30 dBm a -150 dBm. Um valor
pode ser introduzido a partir das teclas numéricas, usando a tecla ± para o
sinal de mais ou de menos. Após digitar o valor pressione a tecla dBm ou a
tecla Enter. As teclas setas Para Cima / Para Baixo alteram o nível de
referência em passos de 10 dB e, a as teclas setas Esquerda / Direita para
alterar o valor de passos de 1 dB. O botão rotativo muda o valor de passos de
0,1 dB. O valor de referência pode ser modificado por um valor de offset para
compensar o mesmo, conforme ainda discutido mais adiante neste capítulo.

Scale (Escala)

A escala pode ser ajustada em passos de 1 dB a partir de 1 dB por divisão até


15 dB por divisão. O valor pode ser mudado usando o teclado numérico, o
botão rotativo ou as teclas setas Para Cima / Para Baixo.

Página 48
Atten Auto On / Off (Auto Aten. Liga / Desliga)

A atenuação da entrada do Spectrum Master pode ser ajustada


automaticamente pelo Spectrum Master ao nível de referência (At. Auto On) ou
manualmente selecionada (Atten Auto Off). Quando atenuação de entrada está
vinculada ao nível de referência, a atenuação é tanto maior quanto maior for o
nível de referência selecionado, para se certificar de que os circuitos de
entrada do instrumento não sejam saturados por sinais fortes podem estar
presentes.

Atten Lvl (Nível de Atenuação)

A atenuação de entrada pode ser ajustada de 0 dB até 65 dB, em passos de 5


dB. Pressionar essa tecla e utilize o teclado numérico, o botão rotativo ou as
teclas setas Para Cima / Para baixo para mudar o valor de atenuação.
Quando o Pré-Amplificador é ligado, as configurações de atenuação permitidas
são 0 dB e 10 dB.

RL Offset

O Offset de Nível de Referência compensa a presença de uma atenuação ou


ganho externo ao instrumento. Introduza um valor positivo para compensar a
um amplificador externo ou um valor negativo para compensar um atenuador
externo. Use a tecla +/- para entrar um número negativo quando necessário.

Units (Unidades)

Pressione a tecla adequada para selecionar a exibição de unidades a tecla


Menu. Voltar a Imprensa tecla para voltar ao Menu Amplitude

Pre Amp On / Off (Liga / Desliga )

Esta tecla liga ou desliga o pré-amplificador embutido de baixo ruído. O pré-


amplificador do Spectrum Master reduz o ruído acerca de 25 dB. Para garantir

Página 49
resultados de medições precisos, o maior sinal de entrada aplicado no
instrumento quando o pré-amplificador estiver ligado deve ser <-50 dBm. Nos
modelos MS2723B e MS2724B, o ganho do pré-amplificador é de
aproximadamente 10 dB para até 4 GHz.

Detection (Detecção)

Vários métodos de detecção ajustam o desempenho do instrumento para


atender requisitos de medição específicos. Em geral, há mais pontos de
medição através da tela do que pontos do display. Os diversos métodos de
detecção são formas diferentes de lidar com medição de qual ponto será
mostrado para cada ponto do display.

Peak (Pico)

Este método faz com que o maior ponto de medição seja mostrado como ponto
de display e, garante que um pico estreito não seja perdido.

RMS

Este método efetua o método da raiz quadrada dos quadrados, para cálculo da
média de todos os pontos de medição, atribuídos a cada ponto do display, e é
particularmente útil para mostrar o valor médio do ruído.

Negative (Negativo)

Este método faz com que menor ponto de medição seja mostrado a cada ponto
do display. Normalmente este modo é utilizado para ajudar a detectar
pequenos e discretos sinais na presença de ruídos de amplitudes similares. Os
pontos do display que contêm apenas o ruído tende a mostrar amplitudes
menores do que aqueles que contêm sinais discretos e pequenos.

Página 50
Sample (Amostra)

Este é o método mais rápido, pois para cada ponto de display somente um
ponto de freqüência é medido. Use esse método quando a velocidade é de
extrema importância e as possibilidades de perder um pico estreito, não são
importantes.

Quasi-Peak (Quase-Pico)

Quando essa seleção é feita, Largura de Banda de Resolução (RBW), Largura


de Banda de Vídeo (VBW) de 220 Hz, 9 kHz e 120 kHz são disponíveis. Este
método de detecção é projetado para atender os requisitos CISPR.

Back (Retornar)

Retorna ao Menu anterior.

BW (Bandwidth) (Largura de Banda)

A tecla Hard Key BW é localizada abaixo do display. O Menu de teclas BW


está mostrado abaixo na Figura 3-2.

Figura 3-2: Teclas do Menu BW

Página 51
RBW

A Largura de Banda de Resolução (RBW) atual é exibida nesta tecla. O RBW


pode ser mudado usando o teclado, as teclas setas Para Cima / Para Baixo, ou
o botão rotativo. O intervalo é de 1 Hz a 3 MHz em seqüência 1-3, a partir de 1
Hz, 3 Hz, 10 Hz, e assim por diante.

Auto RBW

Quando o Auto RBW estiver ligado, o instrumento seleciona o RBW baseado


na largura atual do Span. A razão de Span/RBW pode ser selecionada
manualmente via tecla Span / RBW.

VBW

A Largura de Banda de Vídeo (VBW) é exibida nesta tecla. O VBW pode ser
alterado utilizando-se o teclado, as teclas setas Para Cima / Para Baixo, ou o
botão rotativo. O intervalo é de 1 Hz a 3 MHz em uma seqüência 1-3.

Auto VBW

Quando o Auto VBW estiver ligado, o instrumento seleciona o VBW baseado


no RBW. A proporção de VBW para RBW pode ser configurada manualmente
utilizando a tecla RBW / VBW.

RBW / VBW

Esta tecla mostra a relação entre o RBW e o VBW. Para alterar essa razão,
apertar esta tecla e usar as teclas setas Para Cima / Para Baixo, ou o botão
rotativo para selecionar uma nova relação. A razão padrão é 3. Quando o
detector for quase-pico, a razão RBW / VBW é alterada para 1.

Span/RBW

Esta tecla mostra a relação entre o Span e o RBW. O valor padrão é de 300, o
que significa que a largura do Span é de aproximadamente 300 vezes o RBW.
O valor é aproximado, porque o RBW opera em passos, enquanto o Span pode

Página 52
ser configurado para qualquer valor de até 7,1 GHz. Para alterar a razão acima,
pressionar as teclas setas Para Cima / Para Baixo, ou o knob rotativo para
selecionar uma nova razão.

File (Arquivo)

Para acessar as funções no Menu Arquivo, pressione a tecla Shift e, em


seguida, a tecla (7-File) (7-Arquivo). O Menu Arquivo teclas macias são
mostrados na Figura 3-3.

Figura 3-2: Teclas do Menu File (Arquivo)

Save (Salvar)

As medições podem ser armazenadas na memória interna, ou externa no Pen


Drive ou Cartão de Memória. O Spectrum Master é enviado com um Pen Drive
USB de 256 MB, Anritsu P/N 2000-1501-R. Pelo menos 1000 medições podem

Página 53
ser salvas internamente no instrumento. A Anritsu recomenda o uso de
memória externa se para salvar um grande número de medições. O cartão de
memória flash ou Pen Drive USB deve ter no mínimo 256 MB para ser capaz
de gravar a totalidade do conteúdo da memória interna. Módulos de até 512
MB, foram testados. Cartões de Memória com maior capacidade de
armazenamento pode não funcionar devidamente, e deverão ser devidamente
testado antes de se confiar neles.

Save Setup (Salvar Configuração)

Abre uma caixa de diálogo para nomear e salvar um arquivo com as


configurações atuais de funcionamento, permitindo-lhes ser recuperado mais
tarde para devolver o instrumento ao estado em que se encontrava no
momento em que a configuração foi salva. A configuração salva pode ser
nomeada utilizando o teclado para selecionar números, o botão rotativo para
destacar um número ou um caractere e pressionar o botão para escolher, ou
através da seleção de tecla para cada letra. Utilize a tecla Shift para selecionar
uma letra maiúscula. Use as teclas setas Esquerda / Direita para mover o
cursor. Pressione a tecla Enter para salvar o arquivo da configuração.

Save Measurement (Salvar Medição)

Inicia uma caixa de diálogo para salvar e nomear o traço A ativo e corrente. O
traço salvo pode ser nomeado utilizando o teclado para selecionar números, o
botão rotativo para destacar um número ou um caractere e pressionar o botão
para escolher, ou através da seleção de teclas para cada letra. Utilize a tecla
Shift para selecionar uma letra maiúscula. Use as teclas setas Esquerda /
Direita para mover o cursor. Pressione a tecla Enter para salvar o arquivo da
medição. As medições são salvas num diretório chamado / usr sobre o Módulo
de Memória.

Nota: Se uma medição tiver sido salva anteriormente, a caixa de diálogo Salvar
Medição será aberta com o nome salvo anteriormente apresentada juntamente
com uma modificação para torná-la diferente. Para salvar uma nova medição

Página 54
com um nome similar (por exemplo, Trace-1, Trace-2, e assim por diante),
pressione a tecla seta Direita e adicione as alterações. Para criar um novo
nome, utilize o teclado ou o botão rotativo, ou pressione as teclas para cada
letra.

Figura 3-3: Memórias versus Números de Arquivos Salvos

Save on Event (Salvar no Evento)

O instrumento pode ser configurado para salvar automaticamente uma medição


se uma condição selecionada for satisfeita. Como as medições são salvas,
uma mensagem na tela indica quantos arquivos ainda podem
aproximadamente ser salvos. Mais de 3.000 medições podem ser salvas na
memória interna. O número de medições que podem ser armazenadas no
Cartão de Memória depende da capacidade do mesmo. Quando as medições
são gravadas, elas são armazenadas em subdiretórios que são criados
automaticamente no subdiretório / usr. Os nomes são baseados na data e
horário. Por projeto cada subdiretório contém 100 medições em função de
minimização de tempo.

Crossing Limit On-Off (Cruzando Limite Liga / Desliga)

Quando a função Cruzando Limite estiver Ligada, uma linha limite superior ou
inferior deve ser definida, se qualquer ponto em uma medição ultrapassar o
limite superior ou inferior da linha, então a medição é salva automaticamente
no final da varredura. A medição é salva com o nome "LIM" seguido pela data e
hora nos seguinte formato: LIMaaaammddhhmmss. O valor do tempo no nome

Página 55
do arquivo será ligeiramente anterior ao tempo de medição gravada no arquivo,
uma vez que o nome do arquivo é criado no momento em que o limite é
ultrapassado e o nome do arquivo no momento em que o arquivo é salvo. Se
uma linha limite não estiver definida, selecionando esta função aparecerá na
tela a mensagem: "Você deve primeiro selecionar um limite".

Sweep Complete On / Off (Varredura Completa Liga / Desliga )

Quando a função “Sweep Complete” estiver ligada, a medição é salva


automaticamente no final da varredura. Isto é particularmente útil para
varreduras muito lentas. A medição salva é chamada "EOS", com um nome de
arquivo no seguinte formato: EOSaaaammddhhmmss.

Save Then Stop On / Off (Salvar Então Parar Liga / Desliga)

Quando a função “Save Then Stop” estiver Ligada, o instrumento irá salvar
apenas uma medição, quando as funções Crossing Limit On-Off ou Sweep
Complete On / Off estiverem ligadas e, o evento selecionado ocorrer. Uma
varredura ocorre e a medição é salva. Se essa função estiver Desligada, a
varredura continua após uma medição ter sido salva, e mais medições podem
ser salvas. O default para esta seleção é Desligado.

Clear All (Limpar T udo)

Pressionando esta tecla desativa ambas as condições de salvar o evento e


coloca em default (desligada) a função Save Then Stop On / Off.

Back (Retornar)

Retorna ao Menu de nível superior.

Nota: Se uma medição tiver sido salva anteriormente, então a caixa de diálogo
de salvar a medição será aberta com o nome salvo anteriormente, juntamente
com uma modificação para torná-lo diferente. Para salvar a nova medição com
o mesmo nome (por exemplo, Trace-1, Trace-2, e assim diante), pressione a
tecla seta Direita e adicione as alterações. Para criar um novo nome de arquivo,
utilize o teclado ou o botão rotativo, ou pressione a tecla para cada letra.
Página 56
Directory Managment (Gerenciamento de Diretórios)

Sort Method (Método de Classificação)

Name Type Date (Nome Tipo Data)

Os arquivos podem ser ordenados pelo nome, tipo (SPA , STP, etc.) ou pela
data em que os mesmos foram salvos.

Sort (Classificar)

Ascending Descending (Ascendente Descendente)

Os nomes dos arquivos são classificados a partir do menor para o maior


(ascendente) ou do maior para o menor (descendente). Ao classificar os nomes
dos arquivos, o instrumento considera primeiro os nomes que começam com
números antes de nomes que começam com letras (uma espécie de ASCII).

Current Location (Localização Corrente)


Int USB FC (Int USB-Pen Drive FC-Cartão)

Esta opção permite selecionar onde as medições e configurações serão salvas.


Pressionando o essa tecla alterna entre armazenar arquivos na memória
interna, unidade flash USB com um Pen Drive ou um Cartão do tipo Compact
Flash. O local “corrente” e o local da "cópia do destino" podem não ser o
mesmo. Mudando a localização corrente para guardar arquivos causará a
mudança automática da "cópia para destino", se o local de armazenamento for
o mesmo que o corrente selecionado.

Copy to Destination (Copiar para o Destino)


Int USB FC (Int USB-Pen Drive FC-Cartão)

Esta opção permite selecionar onde as medições e setups do local corrente de


operação serão copiados. O destino "local" e o da "cópia" podem não serem os

Página 57
mesmos. Se você mudar o destino para o qual o instrumento irá copiar os
arquivos, a localização corrente é alterada automaticamente se a localização
corrente for à mesma na qual foi selecionado o destino para cópia.

Copy from Current Location to Destination (Copiar da Localização


Corrente para o Destino)
Int USB FC (Int USB-Pen Drive FC-Cartão)

Pressionando esta tecla todas as medições, jpg, setups, armazenadas na


localização corrente serão copiadas para o destino. Se um dispositivo de
armazenagem não estiver instalado no instrumento, uma mensagem de erro
será exibida.

Format CF (Formatar CF)

Esta seleção apaga todos os arquivos no dispositivo instalado de Cartão de


Memória Compact Flash. Uma mensagem é exibida avisando que todos os
arquivos serão apagados. Pressione a tecla Enter para confirmar que pretende
apagar ou pressione a tecla ESC para sair sem apagar. Além de apagar todos
os arquivos armazenados no CF, o diretório / usr diretório é criado para
armazenamento de medições, configurações, e jpg.

Back (Retornar)

Essa tecla retorna ao Menu anterior.

Recall (Recuperar)

Recall Setup (Recuperar Configuração)

Esta tecla abre uma seleção que permite a recuperação de uma configuração
anteriormente salva em um local de armazenamento do instrumento. O botão
rotativo ou as teclas setas Subir / Descer destacam as configurações salvas, e
pressionando a tecla Enter, o botão rotativo, ou a tecla Recall seleciona-se a

Página 58
configuração desejada. Assim todas as configurações correntes do instrumento
serão substituídas pelas configurações do arquivo recuperado. Pressione a
tecla Esc para cancelar essa operação.

Recall Measurement (Recuperar Medição)

Essa seleção permite a recuperação de um traço de medição previamente


salvo em um local de armazenado. Use o botão rotativo ou as teclas setas Para
Cima / Para Baixo para destacar os arquivos de traços salvos, e pressione
Enter, o botão rotativo, ou a tecla Recall para uma escolha. Um traço
recuperado pode ser exibido como traço A, em lugar de um traço vivo, ou como
Traço B ou C, juntamente com o traço vivo. Use o botão rotativo ou as teclas
setas Para Cima / Para Baixo para destacar a opção, e pressione a tecla Enter
para selecionar. Pressione a tecla Esc cancelar a operação.
Para remover um traço salvo de medição, pressione a tecla Shift e a tecla (5-
Trace) para abrir o Menu Traço. Utilizar a tecla Trace para selecionar o traço a
ser removido e usar a tecla View / Blank para visualizar ou apagar o traço.
Usar a tecla Trace para selecionar um traço ativo depois de apagado um traço
recuperado.

Directory Management (Gerenciamento de Diretórios)

Veja o mesmo no início dessa seção.

Back (Retornar)

Retorna ao Menu anterior.

Página 59
Delete (Deletar)

Essa seleção apresenta as 1000 configurações e curvas salvas no local de


armazenamento selecionado (ver Gerenciamento de Diretórios). É mostrada
uma lista de nomes de arquivos de configuração e medições, seus tipos (STP
para uma configuração salva, SPA para traço salvo, jpg para um arquivo JPEG)
e data e hora que as informações foram salvas. Use o botão rotativo ou as
teclas setas Para Cima / Para Baixo para destacar o arquivo a ser excluído e
pressione Enter ou a tecla Delete para excluir. Pressione a tecla Esc para
cancelar a operação. Notar que o mecanismo não é disponível para recuperar
arquivos apagados.

Delete Selected File (Excluir Arquivos Selecionados)

Utilize as teclas Para Cima / Para Baixo, ou o botão rotativo para selecionar o
arquivo que será apagado. Pressione a tecla Enter para confirmar que pretende
eliminar o arquivo ou Esc para sair sem apagar.

Delete All Measurements (Deletar TODAS as Medições)

Deleta todas as medições do modo corrente selecionado de armazenamento.


O local de armazenamento de onde os arquivos serão apagados é definido no
Menu Gerenciamento de Diretórios.

Delete ALL Mode Files (Excluir TODOS os Modos de Arquivos)

Apaga todos os tipos de medições salvas no local corrente de operação do


instrumento. Além disso, todos os arquivos JPG e de configuração
(independentemente do modo) são deletados.

Delete ALL Contents (Excluir TODOS os Conteúdos)


Deleta todos os arquivos de medições, jpg, de configuração para todos os tipos
de medições. Todos os conteúdos de todos os dispositivos externos são

Página 60
deletados (CF e Pen Drive USB), inclusive a memória interna. Usar com
cuidado!

Back (Retornar)

Retorna ao Menu anterior.

Save Screen as JPEG (Salvar a Tela como JPEG)

Esta função salva a tela toda com um traço de medição como um arquivo
gráfico do tio JPEG. A medição pode salva e nomeada utilizando o teclado para
selecionar números, o botão rotativo para destacar um número ou caracteres e
pressionado o mesmo para escolher, ou selecionando as teclas para cada letra.
Utilize a tecla Shift para selecionar uma letra maiúscula. Utilizar as teclas setas
Esquerda / Direita para mover o cursor. Pressione a tecla Enter para salvar a
medição após a entrada do nome do arquivo. O arquivo é salvo na memória
interna com o nome especificado, com extensão . jpg .

Back (Retornar)

Retorna ao Menu anterior.

Save on Event (Salvar no Evento)

O instrumento pode ser configurado para salvar automaticamente uma medição


se uma condição selecionada for satisfeita.Mais de 3.000 medições podem ser
salvas na memória interna. As medições podem ser salvas diretamente no
Cartão de Memória ou Pen Drive facilitando a transferência ao PC.

Página 61
Crossing Limit On-Off (Cruzando Limite Liga / Desliga)

Quando a função Cruzando Limite estiver Ligada, uma linha limite superior ou
inferior deve ser definida, se qualquer ponto em uma medição ultrapassar o
limite superior ou inferior da linha, então a medição é salva automaticamente
no final da varredura. A medição é salva com o nome "LIM" seguido pela data e
hora nos seguinte formato: LIMaaaammddhhmmss. O valor do tempo no nome
do arquivo será ligeiramente anterior ao tempo de medição gravada no arquivo,
uma vez que o nome do arquivo é criado no momento em que o limite é
ultrapassado e o nome do arquivo no momento em que o arquivo é salvo. Se
uma linha limite não estiver definida, selecionando esta função aparecerá na
tela a mensagem: "Você deve primeiro selecionar um limite".

Sweep Complete On / Off (Varredura Completa Liga / Desliga)

Quando a função “Sweep Complete” estiver ligada, a medição é salva


automaticamente no final da varredura. Isto é particularmente útil para
varreduras muito lentas. A medição salva é chamada "EOS", com um nome de
arquivo no seguinte formato: EOSaaaammddhhmmss.

Save Then Stop On / Off (Salvar Então Parar Liga / Desliga)

Quando a função “Save Then Stop” estiver Ligada, o instrumento irá salvar
apenas uma medição, quando as funções Crossing Limit On-Off ou Sweep
Complete On / Off estiverem Ligadas e, o evento selecionado ocorrer. Uma
varredura ocorre e a medição é salva. Se essa função estiver Desligada, a
varredura continua após uma medição ter sido salva, e mais medições podem
ser salvas. O default para esta seleção é Desligado.

Nota: Este recurso deve ser usado com cuidado. Com uso desse recurso um
grande número de medições pode ser salvo, quando o definido para Ligado,
tornando-se um consumidor e tempo. Quando muitas medições foram salvas, o
tempo de exibição da lista de arquivo pode ser de vários minutos. Quando for
necessário salvar muitas medições, é melhor direcioná-las tanto no Cartão de
Memória quanto do Pen Drive USB, e depois transferir os arquivos diretamente
em um computador.
Página 62
Clear All (Apagar Tudo)

Pressionando essa tecla desabilita ambas as condições de Salvar no Evento e


Salvar e então Parar.

Back (Retornar)

Retorna ao Menu superior.

Freq Frequency (Freq Freqüência)

A sintonia de freqüências no Spectrum Master pode ser inserida de várias


formas diferentes dependendo do desejo do usuário ou para a aplicação. O
centro da freqüência e span (largura de freqüência da tela horizontal) podem
ser determinados, freqüências de início e final podem ser digitadas, ou um sinal
padrão e um número de canal podem ser selecionados a partir de uma lista
interna de padrões de sinais de transmissão. A tecla Freq está localizada
abaixo do visor. No Menu Freq as teclas são mostradas na Figura 3-4 abaixo.

Página 63
Figura 3-4: Teclas do Menu Freq

Center Frequency (Centro da Freqüência)

Pressione a tecla Freq seguida pela tecla Center Freq e introduza a freqüência
desejada utilizando o teclado, as teclas de setas, ou o botão rotativo. Se entrar
uma freqüência utilizando do teclado, as teclas GHz, MHz, kHz, ou Hz
aparecem. Pressione a tecla da unidade adequada. Entrando diretamente e
exclusivamente a tecla Enter o mesmo assume a unidade MHz.

NOTA: Quando utilizar a setas para cima e para baixo, a freqüência se


movimenta em etapas definidas pelo valor que foi digitado usando a função
Freq Step. Quando utilizar as teclas setas esquerda ou direita, a freqüência dos
parâmetros ativos move-se de 10% da freqüência atual de span. Se o
instrumento estiver no modo Zero Span, então as teclas setas direita e
esquerda não operam. Girando o botão rotativo mudam os parâmetros de
incrementos de freqüência ativa. A largura de toda a tela é de 551 pontos (661
pontos no modo tela cheia).

Página 64
Start Frequency (Freqüência Inicial)

Pressione a tecla Freq seguida da tecla Start Freq e digite a freqüência inicial
desejada utilizando o teclado, as teclas de setas, ou o botão rotativo. Se digitar
uma freqüência maior do que a final, a freqüência inicial será alterada para
permitir um span de10 Hz.

Stop Frequency (Freqüência Final)

Pressione a tecla Freq seguida da tecla Stop Freq e digite a freqüência final
desejada utilizando o teclado, as teclas de setas, ou o botão rotativo. Se digitar
uma freqüência menor do que a inicial, a freqüência final será alterada para
permitir um span de10 Hz.

Span (Span – Largura)

Pressione a tecla Freq seguida da tecla Span para entrar com o Span
desejado. O Menu Span é utilizado para definir a faixa de freqüência durante o
qual o instrumento irá varrer. Para o MS2721B, o Span pode ser definido a
partir de 10 Hz a 7,1 GHz. No MS2723B, o Span pode ser definido a partir de
10 Hz a 13 GHz, no MS2724B, o Span pode ser definido a partir de 10 Hz a 20
GHz. O Span também pode ser definido para Zero Span para todos os modelos.
A tecla Span mostra o valor corrente de Span em unidades de GHz, MHz, kHz,
ou Hz. Quando o botão rotativo for pressionado, o Span torna-se um parâmetro
ativo e pode ser mudado. Use o teclado, as teclas setas ou o botão rotativo
para aumentar ou diminuir o Span. Se o Span for alterado utilizando as teclas
Para Cima / Para Baixo, as mudanças do Span são feitas pelo valor da
freqüência atribuídas a função Freq Step.

Step Freq (Passo de Freq)

Pressione a tecla Freq seguida pela tecla Step Freq para introduzir um passo ,
ou seja um valor pelo qual a freqüência vai mudar quando as teclas Para Cima
/ Para Baixo forem pressionadas. A freqüência central inicial e a final podem
ser alteradas em passos definidos pelo comando Step Freq. Os passos de
freqüência podem ser quaisquer valores a partir de 1 Hz a 7,1 GHz, 13 GHz, ou

Página 65
20 GHz para os modelos MS2721B, MS2723B e MS2724B respectivamente,
com uma resolução de 1 Hz. Use o teclado ou o botão rotativo para mudar a o
tamanho do passo de freqüência.

Signal Standard (Padrão de Sinal)

Utilize as teclas setas Para Cima / Para Baixo ou o botão rotativo para
destacar um Padrão de Transmissão de Sinal embutido no equipamento e
apertar Enter para selecionar o desejado. Quando um sinal padrão for
selecionado, a freqüência central e o span para o primeiro canal da
determinada Norma são sintonizados automaticamente. Outras definições,
como RBW, VBW, são automaticamente selecionadas. O Apêndice A contém
uma tabela de Padrões de Sinais que estão embutidos no instrumento.

Channel # (Canal #)

Utilize as teclas setas Para Cima / Para Baixo, o teclado, ou o botão rotativo
para selecionar um número de canal para o padrão de sinal selecionado.
Nessa função o centro do canal é sintonizado para o centro do visor de
Spectrum Master.

Limit (Limite)

Para acessar as funções do Menu de Limites, pressione a tecla Shift e, em


seguida, a tecla (6-Limit). As teclas do Menu Limit serão apresentadas
conforme na Figura 3-5.

Página 66
Figura 3-5: Teclas do Menu Limit

Dois tipos de linhas de limites podem ser aplicados, ou as linhas de limite


inferior e de limite superior. As linhas de Limite podem ser utilizadas apenas
para referência visual, ou para testes do tipo Passa / Falha, usando critérios de
limite e alarme. Alarmes Sonoros de Limites ocorrem sempre que um sinal está
acima da linha de limite superior, ou abaixo da linha de limite inferior. Cada
linha de limite pode consistir em um único segmento, ou até 40 segmentos
editados em toda a tela do instrumento. Esses segmentos de limites são
Página 67
fixados, independentemente do span de freqüência do instrumento, que
permite a inclusive a configuração de limites específicos em forma de
diferentes envelopes de freqüências de interesse, sem ter que voltar a
configurá-los cada vez que a freqüência é alterada.

Limit Menu (Menu Limite)

Limit (Limite)

Upper (Superior) Lower (Inferior)

Esta tecla seleciona qual linha de limite linha vai estar ativa para edição. A linha
limite que está atualmente selecionada para edição é sublinhado com um
círculo vermelho no display.

On / Off (Liga / Desliga)

Esta tecla liga a linha ativa de limite (superior ou inferior) On/OFF


(Ligar/Desligar).

Limit Edit (Editar Limite)

Esta tecla mostra um sub-Menu que permite criar ou editar uma única linha de
Limite ou linhas de multi-segmentos de Limite. O Limite atualmente ativado é
marcado por pontos com círculos vermelhos no visor.

Frequency (Freqüência), Hz # #

Aperte esta tecla para definir a freqüência de um ponto de inflexão de uma


linha de limite. A freqüência de cada ponto de inflexão de uma linha limite pode
ser fixada individualmente. Quando é adicionado um novo ponto, ela assume
um valor no meio do caminho entre dois pontos existentes, ou que assume a
freqüência de parada da tela em curso, se nenhum ponto mais elevado em
freqüência venha a ser acrescentado. Use as teclas setas Para Esquerda /
Para Direita, ou o botão rotativo para alterar a freqüência.

Página 68
Amplitude, # # # dBm

Apertar esta tecla para definir a amplitude de um ponto de inflexão de uma


linha limite. A amplitude de inflexão cada ponto pode também ser estabelecida
individualmente. Por default, quando um novo ponto é acrescentado, ele
posiciona sobre a amplitude que se encontra no limite da linha de freqüência
quando o ponto foi adicionado. Use o teclado (usando a tecla ± para definir um
valor negativo), as teclas setas Para Cima / Para Baixo, ou o botão rotativo
para mover o ponto para o valor desejado. A unidade de limite de amplitude é a
mesma que a da amplitude vertical.

Add Point (Adicionar Ponto)

Apertar esta tecla para adicionar um ponto de inflexão da linha de limite. O


comportamento desta tecla depende de qual ponto de inflexão está ativo no
momento em que a tecla for pressionada. Se o ponto limite ativo estiver no
meio de uma linha limite do tipo multi-segmento e, em seguida, um novo ponto
limite é acrescentado, o mesmo fica entre o ponto ativo atual e o ponto
imediatamente à sua direita. A amplitude do ponto inflexão será a que se
enquadra sobre a linha limite. Por exemplo, se existe um ponto limite em 2,0
GHz com uma amplitude de -30 dBm, e se o próximo ponto for 3,0 GHz com
uma amplitude de -50 dBm, então o ponto acrescentado ponto será de 2,5 GHz
com uma amplitude de -40 dBm. A freqüência e valores de amplitude do novo
ponto podem ser ajustados conforme necessário com as teclas de Freqüência
e Amplitude.

Se o último ponto de limite estiver ativo (admitindo que não está na margem
direita da tela), então o novo ponto de limite será colocado na margem direita
da tela, na mesma amplitude do ponto imediatamente à sua esquerda. Os
pontos não podem ser adicionados para além dos limites de varredura do
instrumento.

Add Vertical (Adicionar Vertical)

Em muitas máscaras de medições,há degraus de alterações nos valores dos


limites da linha. Pressione esta tecla para adicionar uma inflexão de dois
Página 69
pontos. Os dois partilham os mesmos pontos de inflexão de freqüência e estão
centrados na região média entre os pontos adjacentes medidos. As magnitudes
dos pontos são definidas por meio de um algoritmo sendo visualmente intuitiva
baseada nas inflexões adjacentes dos pontos. Você pode ajustar as
magnitudes independentemente, mas as freqüências dos dois pontos
permanecem ligadas e são ajustados como um par vertical. Definida uma
freqüência discreta, um limite de ponto de inflexão irá manter a freqüência
exata e ajustar o ponto limite adequadamente, independentemente da
freqüência de Span. Isto é especialmente útil para a verificação de Máscara de
Emissão.

Delete Point (Deletar Ponto)

Pressionando esta tecla para apagar o ponto atualmente ativa. O novo ponto
torna-se ativo o ponto que está imediatamente à esquerda do ponto que está
sendo suprimido.

Next Point Left (Próximo Ponto Esquerda)

Pressionar esta tecla para selecionar o ponto de inflexão que está


imediatamente à esquerda do ponto ativo, tornando este novo ponto
selecionado ativo para editar ou apagar. Com passo a frente ou tecla
pressionada, o ponto se torna ativo e aponta para a esquerda do ponto
anteriormente ativo.

Next Point Right (Próximo Ponto à Direita)

Pressionar esta tecla para selecionar o ponto de limite ponto imediatamente à


direita do ponto ativo, tornando este novo ponto selecionado ativo para editar
ou apagar. A cada tecla pressionada, ativa-se o ponto que se torna ponto à
direita do ponto anterior.

Back (Retorno)

Pressionar essa tecla para retornar Menu anterior.

Página 70
Move Limit (Mover Limite)

Pressionar esta tecla para exibir o Menu Mover Limite.

Move Limit to the Current Center Freq (Mover o Limite para Freq Central
Corrente)

Pressionando esta tecla move-se o centro da linha de limite atual para o centro
da freqüência da medição. O Span da linha de limites atual não é alterado,
fazendo isso. Utilize esta tecla como uma forma fácil de obter uma linha limite
existente na tela. Se nenhuma linha limite for ligada, então, uma nova linha fixa
limite padrão será ligada estando localizada 2,5 divisões a partir do topo da tela
para a linha do limite superior ou 2,5 divisões a partir da parte inferior da tela
para a linha do limite inferior.

Move Limit (Mover Limite), # # dB ou Move Limit, # # dBm

Se a linha limite for reta, então use esta tecla para mover a linha para limitar
um ponto de potência absoluto em dBm. Se a linha de limite não for reta e, em
seguida, utilizar esta tecla para mover a linha limite para cima ou para baixo
pelo número selecionado de dB. Use o teclado para digitar o valor desejado. A
linha inteira move-se pela quantidade que for digitado. A linha de limite também
pode ser movida pelo botão rotativo. Rode o botão no sentido horário para
passar a linha para níveis superiores.

Move Limit (Mover Limite), # # Hz

Pressionando esta tecla permite ajustar as freqüências da linha de limite.


Todos os pontos de inflexão são movidos pelo valor digitado. O botão rotativo
pode também ser utilizado para fazer este ajuste. Rode o botão no sentido
horário para mover a linha de limite para freqüências superiores.

Move Limit to Marker 1 (Mover-limite para Marcador 1)

Pressionando essa tecla move-se a freqüência e amplitude da freqüência


central da linha de limite para a freqüência e amplitude do Marker (Marcador) 1
(supondo que o offset da tecla estiver definido para 0 dB).
Página 71
Offset from (de) # # dB

Pressionando esta tecla defini-se uma linha limite para compensar o valor da
amplitude do Marker (Marcador) 1. Esta função move a linha limite de
amplitude e freqüência, conforme necessário para colocar no centro da linha de
limite utilizando-se um determinado número de dB, a partir da posição do
Marcador 1. Os valores positivos colocam a linha limite acima do Marcador 1, e
valores negativos abaixo do Marcador 1.

Back (Retornar)

Pressionando esta tecla regressa-se ao Menu Limite.

Limit Envelop (Limite Envelope)

Pressionando esta tecla abre-se o Menu de Limite Envelope. Um limite


Envelope limite é muito útil quando você quiser facilmente detectar novos sinais
na presença de outros pré-existentes. Use a função Limite Envelope para criar
automaticamente linhas limites superiores ou inferiores que são baseadas em
telas de medições feitas com análise dos valores. Consulte a Figura 3-6 para
exemplo um Limite Envelope.

Create Envelop (Criar Envelope)

Pressionando esta tecla gera-se um envelope utilizando as características de


Limite Envelope. Se o padrão de resultado não for satisfatório, então você pode
fazer ajustes para a amplitude e freqüência de cada ponto de inflexão, e você
pode adicionar ou excluir pontos de inflexão.

Update (Atualização) Envelope Amplitude

Enquanto esteja trabalhando em seu envelope (ou se o sinal de sofre


mudanças de amplitude), você pode querer ajustar a amplitude do limite atual,
sem alterar as freqüências dos pontos de inflexão. Pressionar esta tecla faz os
ajustes de amplitude sem alterar as freqüências.

Upper Points (Pontos Superiores), # # (se o limite superior é selecionado)

Página 72
Lower Points (Pontos Inferiores), # # (se limite inferior é selecionado)

Pressionar esta tecla para definir quantos pontos de inflexão você deseja para
os limites selecionados de envelope superior ou inferior. O valor pode ser entre
2 e 41. Note que as letras maiúsculas e as linhas de limite inferior não precisam
ter o mesmo número de pontos.

Upper (Superior) Offset, # # dB (se o limite é alternado para superior)

Lower (Inferior) Offset, # # dB (se o limite é alternado para inferior)

Pressionando esta tecla definir uma distância colocada no sinal medido para o
limite de envelope superior ou inferior. Os limites são entre ± 100 dB. Para uma
posição superior ao do envelope, normalmente o valor será positivo, a fim de
colocar o envelope acima do sinal. Para uma posição inferior ao envelope, o
valor será geralmente negativo, a fim de colocar o envelope abaixo do sinal.

Upper Shape, Square / Slope (Forma Superior, Forma / Quadrada) (se


limite é alternado para Superior)

Lower Shape, Square / Slope (Forma Inferior, Forma / Quadrada) (se limite
é alternado para Inferior)

Pressionando esta tecla escolhe-se o padrão para a parte superior ou inferior


do envelope, poderá ser plano e com linhas verticais para mudar de nível, ou o
envelope poderá ser inclinado entre linhas adjacentes de pontos de inflexão.
Quando o tipo de envelope quadrado for selecionado, dois pontos de inflexão
são usados para cada segmento horizontal. Você pode alternar entre um
envelope quadrado e um envelope inclinado pressionando esta tecla.

Back (Retornar)

Pressionando esta tecla regressa ao Menu Limite.

Página 73
Figura 3-6: Exemplo de Linhas de Envelope Quadradas

Limit Advanced (Limite Avançado)

Pressionando esta tecla abre-se o Menu de Limite avançado. Essa seção


oferece várias funções úteis. Nesta seção, pode criar uma linha de limite
absoluta (que é baseada em uma das freqüências que estão inscritas para
cada ponto de inflexão ponto) ou uma linha limite relativa (que é baseada nas
distâncias das freqüências entre o centro da freqüência e dos pontos de
inflexão) . Ambos os tipos de linhas-limite podem ser salvas e recuperadas.

Limit Advanced Soft Key Menu (Limite Avançado Menu de Teclas):

Limit Line Type (Linha Limite Tipo)

Absolute, Relative (Absoluta, Relativa)

Pressionando esta tecla pode-se escolher em limitar a linha como absoluta ou


relativa. As linhas de limites superiores e inferiores podem ser diferentes. Esta
tecla pode ser utilizada a qualquer momento enquanto trabalhando com linhas
de limites.

Linhas absolutas mantêm os pontos de inflexão baseados nos centros das


freqüências para cada ponto.

Página 74
Linhas relativas mantêm os pontos de inflexão pontos em relação ao centro
atual da freqüência.

Independentemente da forma como uma linha limite é criada, salva, ou


recuperada, ela pode ser mudada entre valores absolutos e relativos por conta
desta tecla.

Limit Mirror On Off (Espelho de Limite Liga Desliga)

Pressionar esta tecla para ativar ou desativar a função Espelho de Limite.


Muitas das máscaras de emissões máscaras são simétricas. O lado inferior é
idêntico ao lado superior. O recurso Espelho de Limite permite que você crie
metade do limite da linha e obtenha a outra metade construída
automaticamente. Esta funcionalidade pode trabalhar em qualquer uma das
duas maneiras:

Turn Limit Mirror (Vire Espelho de Limite)

Pressionar essa tecla antes de começar a construir uma linha limite. À medida
que você adicionar um ponto em um lado da freqüência central, outro ponto é
adicionado automaticamente no lado oposto da freqüência central.

Leave Limit Mirror Off (Deixe Espelho do Limite Desligado)

Construir até metade da linha limite e, em seguida, ligar Leave Limite Mirror.
E a outra metade da linha de limite da linha é construída automaticamente.

Save Limit (Salvar Limite)

Pressionando esta tecla abre-se uma janela para salvar as atuais linhas de
limite superior e inferior. Você pode nomear a linha limite como queira ou
aceitar o nome que é sugerido pelo instrumento (que é baseado em um nome
salvo anteriormente). Se você não tinha a intenção de salvar a linha limite em
seguida, pressionar a tecla ESC para abortar a função salvar.

Página 75
Limit Recall (Recuperar Limite)

Pressionando-se esta tecla abre-se uma caixa de diálogo para recuperar uma
linha de limite salva. A caixa de diálogo apresenta uma lista de linhas de limites
salvas. Marque a linha de limite desejada e pressione Enter. Para abortar
pressionar a tecla ESC. Se o limite é salvo como um limite relativo ele é
recuperado sobre o centro de freqüência corrente do instrumento. Se o limite
salvo for um limite absoluto ele é recuperado com a freqüência com a qual ele
foi criado. Se um limite absoluto for recuperado e posicionado fora da tela você
verá a esquerda ou a direita do display, indicadores de limites fora da tela.

Back (Retornar)

Pressionar esta tecla para regressar ao Menu Limite.

Limit Alarm (Alarme de Limite)


On Off (Liga Desliga)

Pressionar esta tecla para ligar ou desligar a função alarme para o limite
atualmente ativado. Quando ligado, um alarme sonoro ocorre quando um ponto
de dados excede o limite ativo.

Set Default Limit (Selecionar Limite Default)

Pressionando-se esta tecla apagam-se todos os pontos de limite e linhas de


limite atualmente ativas, e define uma linha limite padrão, de limite único cuja
posição é de 2,5 linhas do topo do visor (para a linha de limite superior) ou 2,5
linhas do fundo do visor (para a linha de limite inferior), dependendo do tipo do
limite que está ativo. Linhas de limites inativas não serão alteradas.

Página 76
Marker (Marcador)

Pressione a tecla Hard Key Marker (Marcador) para abrir o Menu Marcador. O
Spectrum Master é equipado com seis marcadores. Qualquer um ou todos os
marcadores podem ser utilizados simultaneamente. A tecla Hard Key Marker
está localizada abaixo do visor. As teclas Marker são mostradas na Figura 3-7.

Figura 3-7: Teclas do Menu Marker

Marker (Marcador) 1 2 3 4 5 6

Utilize esta tecla para selecionar o marcador ativo. O número sublinhado indica
que o marcador está ativado. Cada pressionamento desta tecla move o
sublinhado para o próximo número de marcador. Pressionando a tecla Shift
causa o deslocamento dos números dos marcadores em direção para baixo.
Pressionando Shift de novo mudar de volta para a direção original.

Página 77
On / Off (Liga / Desliga)

Esta tecla torna o marcador selecionado ativo para edição. Isso é feito sem
alterar o valor do marcador Delta associado. No entanto, se o marcador estiver
atualmente ativo para edição, pressionando-se On / Off desliga o marcador
principal e Delta associados.

Delta On / Off (Liga Desliga)

Se existir um Delta no marcador, mas não ativo para edição, pressionando esta
tecla faz com que o Delta seja ativado para edição. Se o marcador está
atualmente ativo para edição, pressionando essa tecla o Delta será desligado.

Peak Search (Procura por Pico)

Esta tecla coloca o marcador sob o sinal de maior amplitude atualmente exibido
na tela.

Marker Frequency To Center (Marcador para Freq Central)

Esta tecla coloca a freqüência do marcador ativo no centro do visor do


Spectrum Master.

Marker To Reference Level (Marcador Para o Nível Ref)

Esta tecla faz com que a amplitude do marcador atualmente seja colocada no
nível de referência do Spectrum Master, que é a linha horizontal superior do
visor.

More Peak Options (Mais Opções de Picos)

Esta tecla abre um Menu secundário de teclas de opções adicionais de pico.

Peak Search (Procura por Pico)

Esta tecla coloca o marcador sob o sinal de maior amplitude atualmente exibido
na tela.

Página 78
Next Peak Left (Pico Seguinte à Esquerda)

A partir da posição atual do marcador ativo, o instrumento busca para a


esquerda (para freqüências mais baixas), um pico de sinal que sobe, pelo
menos uma quantia acima do vale anterior. Se não existir tal pico, o marcador é
colocado na extremidade esquerda da tela. A tecla de Seleção de Limiar
permite ao usuário especificar um limiar de pesquisa.

Next Peak Right (Pico Seguinte à Direita)

A partir da posição atual do marcador ativo, o instrumento busca para a direita


(para freqüências mais altas), um pico de sinal que sobe, pelo menos uma
quantia acima do vale anterior. Se não existir tal pico, o marcador é colocado
na extremidade direita da tela. A tecla de Seleção de Limiar permite ao usuário
especificar um limiar de pesquisa.

Delta Marker To Span (Marcador Delta para o Span)

Define a largura total (Span) para o valor do marcador Delta. Se o marcador


delta for igual a zero, o Span é definido para 10 Hz. Se não houver marcador
Delta, ou o valor do marcador Delta for definido para menos que 10 Hz, então o
Span será definido para 10 Hz.

Marker Frequency To Center (Marcador para Freq Central)

Esta tecla coloca a freqüência do marcador ativo no centro do visor do


Spectrum Master.

Marker To Reference Level (Marcador Para o Nível Ref)

Esta tecla faz com que a amplitude do marcador atualmente seja colocada no
nível de referência do Spectrum Master, que é a linha horizontal superior do
visor.

Página 79
Peak Threshold (Limiar de Pico)

Esta tecla permite que o usuário especificar quão acima da média do ruído um
sinal pode estar para ser considerado um pico. O valor padrão é de 10%.

Back (Retornar)

Retorna ao Menu de nível superior.

More (Mais)

Abre um sub-Menu de novas opções para o marcador.

Marcador Ruído

Esta opção ativa o marcador com ruído em unidades de dBm / Hz. Quando
esta opção for selecionada, o método de detecção é automaticamente mudado
para RMS e os valores exibidos são compensados para a largura de banda do
ruído do RBW.

Marker Table (Tabela Marcadores)

Pressionar esta tecla para exibir um quadro abaixo do traço. A tabela é


automaticamente dimensionada para exibir todos os marcadores que estão
ligados. Além do marcador, freqüência e amplitude, a tabela também mostra
delta de freqüências e de amplitudes de todos os marcadores habilitados para
delta.

All Markers Off (Todos Marcadores Desligados)

Esta tecla desliga todos os marcadores e tabelas.

Counter Marker On-Off (Marcador do Contador Liga-Desliga)

Habilita o contador de freqüência para todos os marcadores. Marcador de


freqüência tem seu valor normalmente limitado à resolução da tela aos pixels
individuais. Cada pixel pode representar múltiplas freqüências. Usando o
Marcador do Contador em associação com o marcador para Pico irá resultar

Página 80
em exatamente a freqüência do pico dentro do pixel para uma resolução de 1
Hz.

Set Marker to Channel (Definir Marcador Para Canal)

Se um padrão de sinal tenha sido selecionado, pressionando esta tecla abre


uma caixa de diálogo para selecione um canal desejado. Selecione um número
de canal desejado do padrão atual, e os marcadores ativos serão ajustados
para a freqüência central do canal. Se nenhum sinal padrão for selecionado e,
em seguida, uma mensagem "Nenhum Padrão Selecionado. Pressione Escape
ou Enter para Continuar" será exibida. Pressione qualquer tecla para deixar as
definições como eram antes da tecla ser pressionada.

Marker Style Tracking Fixed (Marcador Tipo Fixo Rastreado)

Esta tecla muda o comportamento dos marcadores de referência. Se em Fixo,


os marcadores de referência marcadores ficam com a amplitude que estavam
quando o marcador associado delta for ligado. Se em rastreamento, a
amplitude das do marcador de referência muda quando a amplitude do sinal é
alterada. Note que os marcadores de referência seguem a amplitude (não a
freqüência) de um sinal.

Marker (Marcador) 1 Reference On Off (Referência Liga Desliga)

Esta tecla seleciona se o marcador 1 é a referência para todos os seis


marcadores delta, ou se cada um dos seis marcadores de referência
marcadores tem um marcador delta associado. Quando o marcador 1 de
referência estiver ligado, o mesmo está definido para a freqüência corrente. Os
seis marcadores deltas são distribuídos uniformemente em toda a tela, a
menos que a freqüência seja Banda AM. Nesse caso, os marcadores delta são
fixados a ± 10,2 kHz, ± 25 kHz, e ± 75 kHz. A tabela de marcador também é
ligada.

Back (Retorna)

Retorna ao Menu anterior.

Página 81
Figura 3-8: Marcadores (Markers)

Nota: Quando utilizar as teclas setas Para Cima e Para Baixo, os movimentos
dos marcadores ativos são em etapas que são definidas pelo valor que foi
digitado usando a tecla Step Freq. Quando utilizando as teclas setas para
esquerda ou direita, o marcador ativo move uma divisão por clique.

Measure (Medição)

Para acessar as funções do Menu Medição, pressionar a tecla Shift e, em


seguida, a tecla (4 Medição). As teclas do Menu Medição são mostradas na
Figura 3-9.

Página 82
Figura 3-9: Teclas do Menu Medições

-24

Field Strength (Intensidade de Campo)

Esta medição permite a utilização de uma antena com ganho característico


conhecido para medição da intensidade do campo no intervalo de freqüência
da antena em unidades de dBm / metro, dBV / medidor, dBmV / medidor, dBµV
/ m, V / metro ou watts / metro.

Página 83
On / Off (Liga / Desliga)

Liga / Desliga as medições de intensidade de campo.

Antenna (Antena)

Esta tecla abre uma caixa de diálogo que lista todas as antenas que o
instrumento tem embutido, incluindo-se as antenas personalizadas que tenham
sido adicionadas no Spectrum Master, utilizando ferramentas de software.
Utilize as teclas seta Para Cima / Para Baixo, ou o botão rotativo para
selecionar a antena desejada e pressione Enter.

Back (Retornar)

Retorna ao Menu anterior.

OCC BW

Ativa o Menu de Banda Ocupada. Selecione o método de medição de largura


de banda ocupada % ou dBc.

Method (Método) % Down (Abaixo) / dDc Down

Selecione % Potência (default) ou dB Abaixo como método de medição


mostrado no display.

Use o teclado, as teclas setas direcionais ou o botão rotativo para introduzir o


percentual de potência, de 0% a 100%.

dBc

Use o teclado, as teclas setas direcionais ou o botão rotativo para introduzir o


valor dBc (0 dB a 100 dB).

Back (Retornar)

Retorna ao Menu anterior.


Página 84
Potência de Canal

Ativa a função de medição de Potência de Canal, ou de Densidade de Potência


de Canal baseado na seleção do Menu Unidades.

On/Off (Liga Desliga)

Ativa ou desativa a medição de Potência do Canal. Quando a medição estiver


ativada, Ch Pwr irá aparecer abaixo no visor. O método de detecção será
automaticamente alterado para Média RMS, quando a medição é iniciada. O
método de detecção pode ser modificado pressionado a tecla Shift e as teclas
Sweep e a de escolha da Detecção

Center Freq (Centro Freq)

Ativa a freqüência central da função e define a freqüência central do Spectrum


Master para a medição de Potência do Canal. Use o teclado, as teclas setas ou
o botão rotativo para introduzir a freqüência central.

Ch Pwr Width (Largura Pot Canal)

Define a integração da largura de banda para medição da Potência do Canal.


Modificando este valor ajusta automaticamente o Span do canal para manter a
mesma proporção. Use o teclado, as teclas setas ou o botão rotativo para
introduzir um valor de integração da largura de banda.

Span (Largura)

Define o Span (largura) do canal medição da Potência do mesmo. Use o


teclado, as teclas setas ou o botão rotativo para entrar o Span.

Back (Retornar)

Retorna ao Menu anterior.

ACPR (Razão de Potência entre Canais Adjacentes)

Página 85
Acessa o Menu de Medições de Razão de Potência entre Canais Adjacentes,
com as seguintes opções:

On/Off (Liga/Desliga)

Começa ou termina a medição de ACPR.

Main (Principal) Ch BW

Define a largura de banda do canal principal para a medição de ACPR medição.


Use o teclado, as teclas setas ou o botão rotativo para introduzir uma
freqüência específica. Quando usar o teclado, pressione GHz, MHz, kHz, ou Hz
para aceitar a freqüência entrada. Alterar este valor altera automaticamente a
largura de banda e o espaçamento do canal adjacente.

Adj Ch BW

Define a largura de banda dos canais adjacentes para medições de ACPR. Use
o teclado, as teclas setas ou o botão rotativo para introduzir a uma freqüência
específica. Quando utilizando o teclado, pressione GHz, MHz, kHz, ou Hz para
aceitar a freqüência entrada.

Ch Spacing (Espaçamento Ch)

Define o espaçamento entre o canal principal e os canais adjacentes. Use o


teclado, as teclas setas ou o botão rotativo para introduzir a uma freqüência
específica. Quando usar o teclado, pressione GHz, MHz, kHz, ou Hz para
aceitar a freqüência entrada. Este valor deve ser igual ou superior a metade da
banda dos canais principais, mais de metade da banda dos canais adjacentes.

Back (Retornar)

Retorna ao Menu anterior.

AM / FM Demod

O usuário pode selecionar AM, FM banda estreita (300 µs), banda larga (50
µs ) ou SSB superior ou inferior
Página 86
On/Off (Liga Desliga)

Demodulação AM / FM ligada ou desligada.

Demod Type (Tipo Demod)

Proporciona teclas para selecionar o tipo de sinal a ser demodulado:

FM Wide Band (Banda Larga)

FM Narrow Band (Banda Estreita)

AM

USB

LSB

Demod Freq

Use o teclado, as teclas setas ou o botão rotativo para entrar o centro da


freqüência do sinal a ser demodulado. Esta freqüência não tem de estar dentro
da escala atual de freqüência definida no instrumento.

Demod Time (Tempo Demod)

Use o teclado, as teclas setas ou o botão rotativo para aumentar ou diminuir o


tempo de demodulação, e pressione a tecla Enter para selecionar o tempo
desejado. O tempo de demodulação pode ser definido de 100 milisegundos a
500 segundos. O instrumento varre uma vez por cada período de demodulação.
Varredura pausa durante o tempo demodulação.

Set Demod Freq to Current Marker Freq (Definir Demod Freq ao Marcador
Corrente de Freq)

Seleciona a freqüência de demodulação para o marcador corrente.

Beat Freq Osc (Freq Batimento Osc)

Página 87
Define a freqüência de batimento do oscilador à freqüência de demodulação
dos sinais USB e LSB.

Volume

O volume atual configurado é exibido na tela. Utilize as teclas setas Para Cima
/ Para Baixo ou as teclas botão rotativo para ajustar o volume, e pressione a
tecla Enter para selecionar.

Back (Retornar)

Retorna ao Menu anterior.

C/I

A Razão do Sinal Fundamental (Carrier) pelo Sinal de Interferência


(Interference) é uma medição de dois passos, onde primeiro mede-se a
amplitude da fundamental, então, com a mesma desligada, mede a amplitude
de todos os outros sinais interferentes dentro da largura de banda do canal.

On/Off (Liga/Desliga)

Liga ou desliga a medição de C/I.

Center Freq (Centro Freq)

Use o teclado, as teclas setas ou o botão rotativo para entrar a freqüência


central.

Span (Span :Largura)

Use o teclado, as teclas setas ou o botão rotativo para introduzir o Span de


freqüência.

Carrier Signal Type (Tipo de Sinal da Fundamental)

Abre um Menu para selecionar o tipo de sinal da fundamental.

NB FHSS (Narrow Band Frequency Hopping Spread Spectrum)


Página 88
Utilize esta definição quando o sinal a ser medido for 802.11b.

WB FHSS (Wide Band Frequency Hopping Spread Spectrum)

Utilize esta definição quando o sinal a ser medido for 802.11a ou 802.11g.

Broadband (Banda Larga)

Utilize esta definição quando o sinal a ser medido é uma modulação digital nos
formatos CDMA, GSM, e assim por diante.

Back (Retornar)

Retorna ao Menu anterior

Min Sweep Time (Tempo Mínimo de Varredura)

Define o tempo mínimo de varredura da medição.

Back (Retornar)

Retorna ao Menu anterior

Tracking Generator (Gerador Rastreado, MS2721B com Opção 20 apenas)

Veja o manual de operação dessa Opção para detalhes.

Measuring OFF (Desligar Medição)

Pressionar esta tecla para desativar qualquer medição em andamento,


incluindo-se demodulação.

Mode (Modo)

Para acessar as funções do modo Menu, pressione a tecla Shift e, em seguida,


a tecla (9- Mode). Os modos disponíveis são o default Spectrum Analyzer, e os
opcionais “Interferency Analyzer”, “Channel Scanner”, e várias opções de
medição em celulares 3G, WiMAX e outras. Esse Modo lista em um
instrumento específico todas as opções que estão instaladas nele.

Página 89
Preset

Para acessar as funções do Menu Preset, pressionar a tecla Shift, em seguida


a tecla (1- Preset). O Menu Preset com suas teclas está mostrado na Figura 3-
10.

Figura 3-10: Teclas do Menu Preset

Preset

Essa função configura o instrumento para as configurações default de


inicialização, varredura plena, 10 dBm de nível de referência, 10 dB / divisão de
escala, 0 dB de nível de referência de compensação, todos as medições estão
desligadas e gatilho em varredura livre e contínua.

Save Setup (Salvar configuração)

Abre uma caixa de diálogo para nomear e salvar as configurações atuais de


funcionamento, permitindo-lhes ser recuperadas mais tarde para devolver o
instrumento ao estado em que se encontrava no momento em que a
configuração foi salva. A configuração pode ser nomeada e salva utilizando o
teclado para selecionar números, o botão rotativo para destacar um número ou
um caractere e pressionando-se o botão para escolher, ou selecionando uma
tecla para cada letra. Utilize a tecla Shift para selecionar uma letra maiúscula.
Utilizar as teclas setas Esquerda / Direita para mover o cursor. Pressione a
tecla Enter para salvar a configuração.

Página 90
Recall Setup (Recuperar Configuração)

Esta tecla abre uma lista que permite a seleção e escolha de um arquivo de
configuração anteriormente armazenado. Use o botão rotativo ou as teclas
setas Up / Down para destacar o arquivo guardado de configuração, e
pressione Enter, o botão rotativo, ou a tecla para selecionar Recall. Todas as
atuais configurações do instrumento são substituídas pelas informações
recuperadas pelo arquivo de configuração. Pressione a tecla Esc para cancelar
o Recall.

Span (Span-Largura)

O Menu Span é usado para definir a faixa de freqüência durante a qual o


instrumento irá varrer. No MS2721B, o Span pode ser definido a partir de 10 Hz
a 7,1 GHz. No MS2723B pode ser definido a partir de 10 Hz a 13 GHz, e para o
MS2724B o Span pode ser definido a partir de 10 Hz a 20 GHz. O Span pode
também ser definido para Zero Span para todos os modelos. Pressione a tecla
de função Span localizada abaixo do visor para acessar o Menu Span. O Menu
das teclas do Menu Span é mostrado na Figura 3-11.

Figura 3-11: Teclas do Menu Span

Página 91
Span (Largura)

Esta tecla mostra o valor corrente de Span em unidades de GHz, MHz, kHz, ou
Hz. Quando a tecla Span for pressionada, o Span torna-se parâmetro ativo e
pode ser mudado. Usar o teclado, as teclas setas ou o botão rotativo para
aumentar ou diminuir o Span de freqüência. Se o Span for alterado utilizando
as teclas setas Para Cima e Para Baixo, o Span mudará pelo valor do passo
de freqüência entrado no Menu de Freqüência.

Span Up 1-2-5 (Span Para Cima 1-2-5)

Esta é uma maneira conveniente de rapidamente chegar a um valor mais


amplo de Span. Na primeira vez que essa tecla é pressionada, o valor aumenta
para o Span mais próximo, do valor que começa com 1, 2 ou 5. Por exemplo,
se o Span é de 1,8 MHz, pressionando a tecla pela primeira vez a alteração
será 2,0 MHz, a próxima tecla assume o valor de 5,0 MHz e assim por diante.

Span Down 1-2-5 (Span Para Baixo 1-2-5)

Esta é uma forma conveniente para reduzir o Span. A primeira vez que a tecla
é pressionada, o Span diminui com a aproximação de valor que começa com 1,
2 ou 5. Por exemplo, se o Span é de 1,8 MHz, pressionando a tecla pela
primeira vez a alteração será1,0 MHz, a próxima tecla assume o valor 500 kHz,
200 kHz, e assim por diante.

Full Span (Span Total)

Pressionando esta tecla define o Span a cobrir todo o espectro sintonizável do


instrumento.

Zero Span

Esta tecla fixa o Span em zero. Neste modo, o visor mostra a amplitude e suas
modificações em uma única freqüência. Esta função é freqüentemente usada
para permitir o fácil controle das variações de potência ao longo do tempo. Por
exemplo, se for necessário verificar a amplitude de um acesso de um ponto de
802.11a, a freqüência do ponto de acesso seria definida como o centro da
Página 92
freqüência, o RBW deve ser definido para um valor alto o suficiente para
abraçar o sinal e o usuário andaria com o ponto de acesso enquanto o
Spectrum Master registraria a variação da amplitude utilizando varredura lenta.

Last Span (Último Span)

Esta tecla retorna o Span para o Span usado anteriormente.

Sweep (Varredura)

Para acessar as funções do Menu Sweep, pressione a tecla Shift e, em


seguida, a tecla (Sweep-3) conforme Figura 3-12.

Figura 3-12: Teclas do Menu Sweep

Página 93
Sweep Single / Continuous (Varredura Única / Contínua)

Esta tecla alterna entre o modo de varredura único e contínuo. No modo único
de varredura, os resultados de uma varredura são exibidos na tela enquanto o
instrumento aguarda um evento de gatilho para iniciar uma nova varredura.

Manual Trigger (Gatilho Manual)

Pressionando esta tecla faz com que o instrumento execute uma varredura
quando o instrumento estiver no modo manual. Esta tecla não tem nenhuma
função quando o instrumento está no modo contínuo.

Reset Sweep (Reset da Varredura)

Esta tecla para a varredura, apaga os traços obtidos em média ou através da


função Max Hold e, reinicia a varredura no lado esquerdo da tela.

Detection (Detecção)

Vários métodos de detecção ajustam o desempenho do instrumento para


atender requisitos de medição específicos. Em geral, há mais pontos de
medição através da tela do que pontos do display. Os diversos métodos de
detecção são formas diferentes de lidar com medição de qual ponto será
mostrado para cada ponto do display.

Peak (Pico)

Este método faz com que o maior ponto de medição seja mostrado como ponto
de display, e garante que um pico estreito não seja perdido.

RMS

Este método efetua o método da raiz quadrada dos quadrados, para cálculo da
média de todos os pontos de medição, atribuídos a cada ponto do display, e é
particularmente útil para mostrar o valor médio do ruído.

Página 94
Negative (Negativo)

Este método faz com que menor ponto de medição seja mostrado a cada ponto
do display. Normalmente este modo é utilizado para ajudar a detectar
pequenos e discretos sinais na presença de ruídos de amplitudes similares. Os
pontos do display que contêm apenas o ruído tende a mostrar amplitudes
menores do que aqueles que contêm sinais discretos e pequenos.

Sample (Amostra)

Este é o método mais rápido, pois para cada ponto de display somente um
ponto de freqüência é medido. Use esse método quando a velocidade é de
extrema importância e as possibilidades de perder um pico estreito, não são
importantes.

Quasi-Peak (Quase-Pico)

Quando essa seleção é feita, Largura de Banda de Resolução (RBW), Largura


de Banda de Vídeo (VBW) de 220 Hz, 9 kHz e 120 kHz são disponíveis. Este
método de detecção é projetado para atender os requisitos CISPR.

Back (Retornar)

Retorna ao Menu anterior.

Min Sweep Time (Tempo Mínimo de Varredura)

Esta função permite um tempo mínimo de varredura a ser especificado. Use o


teclado, as teclas setas ou o botão rotativo para ajustar um tempo mínimo de
varredura de 10 microssegundos a 600 segundos. Quando utilizar o teclado, as
unidades de tempo disponíveis são minutos, segundos, milissegundos, e
microssegundos. Se o tempo exigido para varrer a medição for maior do que o
mínimo especificado, então o tempo necessário para medições precisas irá
prevalecer.

Página 95
Trigger Type (Tipo de Gatilho)

Define o tipo de gatilho a ser utilizado.

Free Run (Varredura Livre)

O modo "Free Run" é o modo default do instrumento, o qual varre livremente o


traço todo o tempo.

External (Externo)

Um sinal TTL aplicado à entrada BNC Trigger External provoca uma única
varredura na tela. Este modo é utilizado no modo Zero Span, o gatilho ocorre
na subida do sinal TTL. Após a varredura, o traço fica exibido na tela até que a
próxima condição de gatilho ocorra.

Vídeo

Este modo é utilizado em Zero Span, para definir um nível em que uma
varredura é iniciada. O nível de potência pode ser definido de -120 dBm a +20
dBm. O gatilho ou “Trigger” é baseado na medida do nível desse sinal. Se
nenhum sinal atingir ou ultrapassar o limiar selecionado, não haverá nenhum
traço na tela.

Variação da Posição do Gatilho (“Trigger”)

Esta tecla é utilizada em conjunto com a função de Vídeo para definir uma
marcação horizontal no visor, para quando um sinal que satisfaça a condição
de vídeo seja apresentado. O valor pode ser de 0% a 100%. Zero por cento
coloca o evento/sinal desencadeador no canto esquerdo da tela, enquanto em
100% coloca o evento/sinal desencadeador no canto direito da tela. Quando a
posição de gatilho é acionada para qualquer valor diferente de 0%, a porção do
traço antes do evento é exibida muito rapidamente, e o os dados do traço são
armazenados na memória. A porção do traço após o desencadeamento será
mostrado na tela ao ritmo normal como o sinal é varrido.

Página 96
Back (Retornar)
Retorna ao Menu anterior.

System (Sistema)

Para acessar as funções do Menu System, pressionar a tecla Shift , depois a


tecla (8-System). O Menu das teclass está mostrado na Figura 3-13.

Figura 3-13: Teclas do Menu System

Página 97
Status

Pressionando esta tecla obtém-se o estado atual do sistema, incluindo o


sistema operacional e versões de firmware, temperaturas e outros detalhes,
como a informação da bateria. Pressione Esc ou Enter para retornar à
operação normal.

Self Test (Auto Teste)

Esta tecla inicia uma série de testes de diagnóstico dos componentes do


instrumento. Uma exibição irá listar os vários testes com resultados Passa ou
Falha. Pressione Esc ou Enter para retornar à operação normal.

Application Self Test (Auto Teste de Aplicação)

Esta tecla inicia uma série de testes de diagnóstico relacionados com o


desempenho do instrumento. Uma exibição irá listar os vários testes com
resultados Passa ou Falha. Pressione Esc ou Enter para retornar à operação
normal.

Aplication Options ( Opções Aplicação)

Esta tecla apresenta um Menu para selecionar opções de aplicação.

Impedance (Impedância) 50 Ohm/75 Ohm / Other (Outros)

Pressionar esta tecla para selecionar 50 ohms, 75 ohms, ou outro valor de


impedância. Na seleção 75 ohm aplica-se 7,5 dB de perda dos adaptadores
Anritsu 12N50-75B ou 12N75B. Para outros adaptadores, escolha Outros e
insira a perda apropriada.

Página 98
Ext Ref Freq

Selecione a freqüência de referência externa a partir de uma lista apresentada.


As freqüências são 1 MHz, 1,2288 MHz, 1,544 MHz, 2,048 MHz, 2,4576 MHz,
4,8 MHz, 4,9152 MHz, 5 MHz, 9,8304 MHz, 10 MHz, 13 MHz e 19,6608 MHz
na amplitude de -10 dBm a +10 dBm.

Back (Retornar)

Retorna ao Menu anterior.

System Options (Opções de Sistema)

Esta tecla abre uma seleção de teclas de opções de configuração do sistema.

Date & Time (Data e Hora)

Esta tecla abre uma caixa de diálogo para configurar a data e hora atuais. Use
as teclas setas Esquerda / Direita para selecionar o campo a ser modificado.
Use o teclado, as teclas setas Para Cima / Para Baixo ou o botão rotativo para
selecionar a data e hora. Pressione a tecla Enter para aceitar as alterações, ou
pressione a tecla Esc para voltar ao funcionamento normal, sem mudar nada.

Ethernet Configuração

Esta tecla abre uma caixa de diálogo para definir o endereço IP do instrumento.

Type Manual / DHCP (Tipo Manual / DHCP)

Esta tecla seleciona se o endereço será introduzido manualmente, ou fornecido


automaticamente por uma rede de um servidor DHCP. Se Manual estiver
selecionada, use as teclas setas Esquerda / Direita para selecionar o campo a
ser modificado. Use o teclado, as teclas setas Subir / Descer ou o botão

Página 99
rotativo para a entrada. Pressione a tecla Enter para aceitar a alterações, ou
pressione a tecla Esc para voltar ao funcionamento normal, sem alteração.

Language (Linguagem)

Esta tecla abre uma caixa seleção permitindo escolha de uma língua desejada
em uma lista embutida no Spectrum Master. Os idiomas disponíveis atualmente
são: Inglês, Francês, Alemão, Espanhol, Japonês, Chinês, Coreano e Italiano.
Além disso, até duas línguas personalizados podem ser selecionados se
tiverem sido definidas usando ferramentas do Programa Master Software Tools
e carregadas no instrumento. Duas línguas podem ser personalizadas e
carregadas no instrumento. O Inglês é o idioma padrão. Pressione a tecla
Enter para aceitar uma mudança, ou pressione a tecla Esc para voltar ao
funcionamento normal, sem alterar nada.

Brightness (Brilho)

O brilho da tela pode ser ajustado para otimizar a visualização sob uma ampla
variedade de condições de iluminação. Use as teclas setas Para Cima / Para
Baixo ou o botão rotativo para selecione um brilho de nível 1 a 9, sendo o 9 o
mais brilhante. Pressione a tecla Enter para aceitar a alteração.

Name (Nome)

Abre uma caixa de diálogo para nomear o instrumento. A unidade pode ser
nomeada usando o teclado para selecionar números, o botão rotativo para
destacar um número ou um caractere e pressionando o botão para escolher, ou
selecionando a tecla para cada letra. Utilize a tecla Shift para selecionar uma
letra maiúscula. Utilizar as teclas setas Esquerda / Direita para mover o cursor.
Pressione a tecla Enter para salvar o nome.

Volume

O volume atual configurado é exibido na tela. Use o teclado, Para Cima / Para
Baixo ou o botão rotativo para ajustar o volume e pressione a tecla Enter para
aceitar a mudança.
Página 100
Reset

Abre um Menu de Reset e opções de atualização.

Factory Defaults (Default de Fábrica)

Restaura o instrumento para os valores configurados padrão de fábrica,


incluindo Ethernet, Língua e Brilho. Pressione a tecla Enter para iniciar a
reconfiguração, e desligar e em seguida, novamente ligar para concluir.
Pressione Esc para voltar ao funcionamento normal, sem alteração.

Master Reset (Reset Master)

Essa função irá restaurar todos os parâmetros de configuração do sistema,


incluindo Hora / Data, Ethernet, Idioma e Brilho. Além disso, todos os arquivos
internos memorizados do usuário serão apagados, a Língua original e arquivos
de antenas são restaurados. Pressione a tecla Enter para iniciar o Reset, e
desligar o aparelho, em seguida, novamente ligar para concluir. Pressione Esc
para voltar ao funcionamento normal, sem reinicializar.

Update (Atualização) OS Via Ethernet

Pressionar esta tecla para atualizar o sistema operacional através de ligação


Ethernet ao instrumento. Pressione a tecla Enter para iniciar a atualização, ou
pressione Esc para voltar ao funcionamento normal sem atualização.

Update (Atualização) OS Via USB

Pressionar esta tecla para atualizar o sistema operacional através de ligação


USB ao instrumento. Pressione a tecla Enter para iniciar a atualização, ou
pressione Esc para voltar ao funcionamento normal sem atualização.

Back (Retornar)

Retorna ao Menu anterior.

Página 101
Trace (Traço)

Para acessar as funções sob o Menu Trace, pressione a tecla Shift e, em


seguida, a tecla (5-Trace). O Spectrum Master é capaz de mostrar até três
traços, sendo um com traço vivo, Trace B com traço vivo ou traço salvo e C,
com um traço salvo. O diagrama das teclas do Menu Trace está mostrado na
Figura 3-14.

Figura 3-14: Teclas do Menu Trace

Trace (Traço) A, B, C

Esta tecla seleciona qual traço está ativo. O traço ativo é o sublinhado. Quando
a tecla é pressionada, o sublinhado avança de A para B, para C e, volta à A.

Página 102
View Blank (Ver Oculto)

Esta tecla alterna os traços para visível ou oculto.

Write /Hold (Escrever / Manter)

A função Hold é usada para interromper temporariamente o traço e manter a


medição varrida na tela. O instrumento continuará a varredura em um segundo
plano sem atualizar a tela. Isto é útil quando Max Hold ou Average estão
operando em um em segundo plano e deseja-se capturar um evento peculiar,
enquanto que permite uma observação rigorosa da última atualização da
varredura. A seleção do modo Write (Escrever) irá atualizar a tela com todos os
dados acumulados de medição recolhidos, enquanto Hold for ativado. A função
Hold não é aplicável ao Traço B, no Traço C só está disponível quando
utilizadas operações matemáticas (Trace Math).

Trace A Operations (Operações do Traço A)

Todas as opções relacionadas com o traço A, que é o padrão principal estão


organizadas sob estas teclas.

Normal -> A

Exibe um traço baseado no método de detecção selecionado: Pico, RMS,


Negativo ou Amostra. Estas opções são explicadas nos Menus Amplitude e
Sweep.

Max Hold -> A (Manter Max -> A)

Apresenta o maior sinal para cada ponto de exibição ao longo das múltiplas
varreduras. Usando esta função, juntamente com Min Hold Trace C, permite a
visualização simultânea de traços vivos dos valores máximos e mínimos das
varreduras.

Página 103
Min Hold -> A (Manter Min -> A)

Apresenta o menor sinal para cada ponto de exibição ao longo das múltiplas
varreduras. Usando esta função, juntamente com Max Hold Trace C, permite a
visualização simultânea de traços vivos dos valores máximos e mínimos das
varreduras.

Average (Média) -> A

Exibe o valor médio de múltiplas varreduras para cada ponto do display.

# of Averages (de Médias)

Esta tecla permite que o usuário escolher o número de média. O valor pode ser
de 1 a 65535.

Back (Retornar)

Retorna ao Menu anterior.

Trace B Operations (Operações do Traço B)

Todas as opções relacionadas com o Traço B estão sob esse Menu. O Traço B
apresenta apenas valores armazenados, nunca traços dinâmicos ao vivo.

A -> B

O traço exibido atualmente em A é copiado em B. Se o Traço B for desligado,


pressionando este botão não apenas copia o traço, mas também liga o Traço B
para visualização, o mesmo que escolher Traço B e pressionar "View / Blank".

B <- -> C

Troca Traços B com C.

Back (Retornar)

Retorna ao Menu anterior.

Página 104
Trace C Operations ( Operações do Traço C)

A -> C

Salva o traço A em C e, desliga C se o mesmo estivar desligado.

B <- -> C

Troca Traços B com C.

Max Hold -> C

Mostra o valor máximo de um Traço C vivo. Note que usando Traços A e C, um


com um Max Hold e outro com Min Hold simultaneamente, você pode ver
ambos os valores.

Min Hold -> C

Mostra em C o valor mínimo de um Traço A vivo.

A - B -> C

Mostra a diferença entre os traços A e B os valor resultante mostrado no traço


C. Isto pode ser traço vivo se o traço A não for um traço vivo.

B - A -> C

Subtrai o valor do traço B do traço A e coloca o resultado no Traço C. Esta


função é muito útil para observar as mudanças nos valores vivos em
comparação com um traço armazenado no Traço B. Escala do display pode ser
definida para um valor que torna a diferença fácil de visualizar.

Back (Retornar)

Retorna ao Menu anterior.

Página 105
Save Setup (Salvar Configuração)

Abre uma caixa de diálogo para nomear e salvar um arquivo com as


configurações atuais de funcionamento, permitindo-lhes ser recuperado mais
tarde para devolver o instrumento ao estado em que se encontrava no
momento em que a configuração foi salva. A configuração salva pode ser
nomeada utilizando o teclado para selecionar números, o botão rotativo para
destacar um número ou um caractere e pressionar o botão para escolher, ou
através da seleção de tecla para cada letra. Utilize a tecla Shift para selecionar
uma letra maiúscula. Use as teclas setas Esquerda / Direita para mover o
cursor. Pressione a tecla Enter para salvar o arquivo da configuração.

Save Measurement (Salvar Medição)

Inicia uma caixa de diálogo para salvar e nomear o traço A ativo e corrente. O
traço salvo pode ser nomeado utilizando o teclado para selecionar números, o
botão rotativo para destacar um número ou um caractere e pressionar o botão
para escolher, ou através da seleção de teclas para cada letra. Utilize a tecla
Shift para selecionar uma letra maiúscula. Use as teclas setas Esquerda /
Direita para mover o cursor. Pressione a tecla Enter para salvar o arquivo da
medição. As medições são salvas num diretório chamado / usr sobre o Módulo
de Memória.

Nota: Se uma medição tiver sido salva anteriormente, a caixa de diálogo Salvar
Medição será aberta com o nome salvo anteriormente apresentada juntamente
com uma modificação para torná-la diferente. Para salvar uma nova medição
com um nome similar (por exemplo, Trace-1, Trace-2, e assim por diante),
pressione a tecla seta Direita e adicione as alterações. Para criar um novo
nome, utilize o teclado ou o botão rotativo, ou pressione as teclas para cada
letra.

Página 106
Save on Event (Salvar no Evento)

O instrumento pode ser configurado para salvar automaticamente uma medição


se uma condição selecionada for satisfeita. Como as medições são salvas,
uma mensagem na tela indica quantos arquivos ainda podem
aproximadamente ser salvos. Mais de 3.000 medições podem ser salvas na
memória interna. O número de medições que podem ser armazenadas no
Cartão de Memória depende da capacidade do mesmo. Quando as medições
são gravadas, elas são armazenadas em subdiretórios que são criados
automaticamente no subdiretório / usr. Os nomes são baseados na data e
horário. Por projeto cada subdiretório contém 100 medições em função de
minimização de tempo.

Crossing Limit On-Off (Cruzando Limite Liga / Desliga)

Quando a função Cruzando Limite estiver Ligada, uma linha limite superior ou
inferior deve ser definida, se qualquer ponto em uma medição ultrapassar o
limite superior ou inferior da linha, então a medição é salva automaticamente
no final da varredura. A medição é salva com o nome "LIM" seguido pela data e
hora nos seguinte formato: LIMaaaammddhhmmss. O valor do tempo no nome
do arquivo será ligeiramente anterior ao tempo de medição gravada no arquivo,
uma vez que o nome do arquivo é criado no momento em que o limite é
ultrapassado e o nome do arquivo no momento em que o arquivo é salvo. Se
uma linha limite não estiver definida, selecionando esta função aparecerá na
tela a mensagem: "Você deve primeiro selecionar um limite".

Save on Event (Salvar no Evento)

O instrumento pode ser configurado para salvar automaticamente uma medição


se uma condição selecionada for satisfeita. Como as medições são salvas,
uma mensagem na tela indica quantos arquivos ainda podem
aproximadamente ser salvos. Mais de 3.000 medições podem ser salvas na
memória interna. O número de medições que podem ser armazenadas no
Cartão de Memória depende da capacidade do mesmo. Quando as medições
são gravadas, elas são armazenadas em subdiretórios que são criados

Página 107
automaticamente no subdiretório / usr. Os nomes são baseados na data e
horário. Por projeto cada subdiretório contém 100 medições em função de
minimização de tempo.

Crossing Limit On-Off (Cruzando Limite Liga / Desliga)

Quando a função Cruzando Limite estiver Ligada, uma linha limite superior ou
inferior deve ser definida, se qualquer ponto em uma medição ultrapassar o
limite superior ou inferior da linha, então a medição é salva automaticamente
no final da varredura. A medição é salva com o nome "LIM" seguido pela data e
hora nos seguinte formato: LIMaaaammddhhmmss. O valor do tempo no nome
do arquivo será ligeiramente anterior ao tempo de medição gravada no arquivo,
uma vez que o nome do arquivo é criado no momento em que o limite é
ultrapassado e o nome do arquivo no momento em que o arquivo é salvo. Se
uma linha limite não estiver definida, selecionando esta função aparecerá na
tela a mensagem: "Você deve primeiro selecionar um limite".

Sweep Complete On / Off (Varredura Completa Liga / Desliga )

Quando a função “Sweep Complete” estiver ligada, a medição é salva


automaticamente no final da varredura. Isto é particularmente útil para
varreduras muito lentas. A medição salva é chamada "EOS", com um nome de
arquivo no seguinte formato: EOSaaaammddhhmmss.

Save Then Stop On / Off (Salvar Então Parar Liga / Desliga)

Quando a função “Save Then Stop” estiver Ligada, o instrumento irá salvar
apenas uma medição, quando as funções Crossing Limit On-Off ou Sweep
Complete On / Off estiverem Ligadas,e o evento selecionado ocorrer. Uma
varredura ocorre e a medição é salva. Se essa função estiver Desligada, a
varredura continua após uma medição ter sido salva, e mais medições podem
ser salvas. O default para esta seleção é Desligado.

Página 108
Clear All (Limpar T udo)

Pressionando esta tecla desativa ambas as condições de salvar o evento e


coloca em default (desligada) a função Save Then Stop On / Off.

Back (Retornar)

Retorna ao Menu de nível superior.

Save Screen as JPEG (Salvar a Tela como JPEG)

Esta função salva a tela toda com um traço de medição como um arquivo
gráfico do tio JPEG. A medição pode salva e nomeada utilizando o teclado para
selecionar números, o botão rotativo para destacar um número ou caracteres e
pressionado o mesmo para escolher, ou selecionando as teclas para cada letra.
Utilize a tecla Shift para selecionar uma letra maiúscula. Utilizar as teclas setas
Esquerda / Direita para mover o cursor. Pressione a tecla Enter para salvar a
medição após a entrada do nome do arquivo. O arquivo é salvo na memória
interna com o nome especificado, com extensão . jpg .

Directory Managment (Gerenciamento de Diretórios)

Sort Method ( Método de Classificação)

Name Type Date (Nome Tipo Data)

Os arquivos podem ser ordenados pelo nome, tipo (SPA , STP, etc.) ou pela
data em que os mesmos foram salvos.

Sort (Classificar)

Ascending Descending (Ascendente Descendente)

Os nomes dos arquivos são classificados a partir do menor para o maior


(ascendente) ou do maior para o menor (descendente). Ao classificar os nomes

Página 109
dos arquivos, o instrumento considera primeiro os nomes que começam com
números antes de nomes que começam com letras (uma espécie de ASCII).

Current Location (Localização Corrente)


Int USB FC (Int USB-Pen Drive FC-Cartão)

Esta opção permite selecionar onde as medições e configurações serão salvas.


Pressionando o essa tecla alterna entre armazenar arquivos na memória
interna, unidade flash USB com um Pen Drive ou um Cartão do tipo Compact
Flash. O local “corrente” e o local da "cópia do destino" podem não ser o
mesmo. Mudando a localização corrente para guardar arquivos causará a
mudança automática da "cópia para destino", se o local de armazenamento for
o mesmo que o corrente selecionado.

Copy to Destination (Copiar para o Destino)

Int USB FC (Int USB-Pen Drive FC-Cartão)

Esta opção permite selecionar onde as medições e setups do "local corrente"


serão copiados. O "local" corrente e o da "cópia do destino" pode não serem os
mesmos. Se você mudar o destino para o qual o instrumento irá copiar os
arquivos, a localização corrente é alterada automaticamente se a localização
corrente for a mesma na qual foi selecionado o destino para cópia.

Copy from Current Location to Destination (Copiar da Localização


Corrente para o Destino)

Int USB FC (Int USB-Pen Drive FC-Cartão)

Pressionando esta tecla todas as medições, jpg, setups, armazenadas na


localização corrente serão copiadas para o destino. Se um dispositivo de
armazenagem não estiver instalado no instrumento, uma mensagem de erro
será exibida.

Página 110
Format CF (Formatar CF)

Esta seleção apaga todos os arquivos no dispositivo instalado de Cartão de


Memória Compact Flash. Uma mensagem é exibida avisando que todos os
arquivos serão apagados. Pressione a tecla Enter para confirmar que pretende
apagar ou pressione a tecla ESC para sair sem apagar. Além de apagar todos
os arquivos armazenados no CF, o diretório / usr diretório é criado para
armazenamento de medições, configurações, e jpg.

Back (Retornar)

Essa tecla retorna ao Menu anterior.

Full Screen On / Off (Tela Cheia Liga / Desliga)


Alterna entre uma tela de exibição padrão, com 551 pontos de dados medição,
para a Tela Completa, com 661 pontos de dados medição. O aumento do
tamanho da tela desabilita os campos de dados no lado esquerdo do display.
Quando em modo de Tela Completa, caixas de indicação de medição e
marcadores não estão disponíveis.

Página 111
Capítulo 4

Fundamentos das Medições

Introdução

Fundamentos de Medição incluem não somente a utilização das funções, de


Freqüência, Span, Amplitude e Marcador, como também nas configurações
adequadas de Largura de Banda de Resolução (RBW), Largura de Banda de
Vídeo (VBW), Varredura (Sweep) e funções do atenuador.

Resolução Bandwith (Largura de Banda de Resolução) (RBW)

O RBW (Resolução Bandwidth) é determinado pela largura de banda do filtro


da freqüência intermédia (IF). O analisador de espectro analisador traça a
forma do filtro, uma vez que ele sintoniza um sinal passado. Se mais de um
filtro de IF for usado em um analisador de espectro, o mais restrito e o que
determina a resolução da banda. A escolha da banda de resolução depende de
vários fatores. Filtros levam tempo a resolver. Ou seja, quando um sinal
aparece pela primeira vez na entrada do filtro, ele irá demorar algum tempo
antes do sinal aparecer na saída. Além disso, a saída do filtro irá demorar
algum tempo para resolver ao valor correto, para que possa ser medido.
Quanto mais estreito o filtro de banda (RBW), mais tempo é necessário para a
resolução, e conseqüentemente a varredura é mais lenta.
A escolha do RBW dependerá do sinal a ser medido. Se dois sinais espaçados
próximos devem ser medidos individualmente, um RBW pequeno é necessário.
Se um maior RBW é usado, então a potência de ambos os sinais serão
incluídas na medição. Assim, uma banda maior não tem a capacidade de olhar
para freqüências seletivamente, mas sim medidas simultaneamente para todos
os sinais presentes no âmbito da resolução da largura de banda. Portanto, uma
medição de banda larga deverá incluir todos os sinais e ruído no interior da
banda de medição, em uma única medição. Por outro lado, uma banda estreita
medida irá separar os componentes das freqüências, resultando em uma

Página 112
medição que inclui picos separados para cada sinal. Existem vantagens de
cada um. A decisão final dependerá do tipo de medição exigida pelo usuário.
Há sempre alguma quantidade de ruído presente em uma medição. O ruído é
freqüentemente banda larga por natureza, ou seja, ele existe em uma ampla
gama de freqüências. Se o ruído for incluído na medição, o valor medido pode
estar em erro (muito grande), dependendo do nível de ruído.
Com uma largura de banda larga, mais o ruído é incluído na mensuração. Com
uma largura de banda estreita, menor ruído entra no filtro, e a medição é mais
exata. Se a resolução de banda for mais estreita, o piso do ruído irá cair sobre
o analisador de espectro. Isso ocorre porque o filtro de IF do analisador foi feito
com a mais estreita largura de banda, para deixá-lo com menos ruído. Como
medições de pequenos ruídos caem, pequenos sinais que foram previamente
obscurecidos pelo ruído podem agora serem medidos.

Video Bandwidth (Largura de Banda de Vídeo ) VBW

Os Analisadores de Espectro normalmente utilizam um tipo de filtragem após o


detector chamado de filtragem de vídeo. Esse filtro também afeta o ruído no
traço, mas de uma maneira diferente do que o RBW. No VBW o nível médio de
ruído continua a ser a mesmo, mas a variação do ruído é reduzida. Assim, o
efeito de filtragem de vídeo é uma "suavização" do sinal e do ruído. O efeito
resultante sobre o traço do analisador é que o ruído de fundo é comprimido em
um traço fino, enquanto que a posição do traço permanece a mesma. Alterar o
VBW não melhora a sensibilidade, mas melhora a repetibilidade de baixo nível
quando se fazem as medições. Como regra geral, no analisador de espectro as
medições são feitas com um VBW de fator de 10 a 100 menores do que o RBW.
No Spectrum Master, esta proporção pode ser especificada no Menu BW. Para
um RBW de 30 kHz, as opções de VBW típicas são 3 kHz ou 300 Hz.

Sweep Limitations (Limitações de Varreduras)

Em alguns analisadores espectro, o usuário tem controle sobre o tempo de


Varredura (Sweep) (o tempo decorrido da cada varredura). Um analisador não
pode ser varrido arbitrariamente e mais rápido mantendo a sua exatidão, mas

Página 113
terá uma taxa de varredura, dependendo da limitação do RBW, VBW, e a faixa
de freqüência selecionada. O tempo de varredura não é normalmente escolhido
pelo usuário, mas é determinada pela faixa de freqüência varrida dividida pelo
tempo de varredura. A limitação do tempo da taxa de varredura vem do tempo
de resposta dos filtros de resolução e de vídeo. Se um analisador é varre muito
rapidamente, os filtros não terão tempo para responder, e a medição será
imprecisa. Sob essas condições, o analisador exibe um traço distorcido, com
as linhas espectrais sendo mais amplas do que normal e deslocada para a
direita.
Felizmente, o Spectrum Master é concebido para aliviar o usuário de ter que
calcular a velocidade de sweep ou ter experiência para descobrir uma
varredura que produza resultados precisos. Quando mudando o RBW e VBW
com o Spectrum Master, a velocidade da varredura automaticamente altera
para o mais rápido possível com resultados precisos. A velocidade será mais
rápida para um maior RBW ou VBW e mais devagar para um menor RBW ou
VBW. A velocidade ou tempo da varredura também pode ser alterada
manualmente, pressionando-se as teclas Shift e Sweep e, em seguida,
selecionando a tecla Min Sweep. Digite um tempo de 0,05 ms a 600 segundos.
Se o mínimo tempo de sweep digitado pelo usuário é inferior ao valor
necessário para garantir resultados precisos, um valor que fornece resultados
precisos será utilizado pelo instrumento. Independentemente do tempo mínimo
de sweep configurado, o Spectrum Master nunca vai varrer mais rápido do que
as definições de RBW e VBW permitam. O Spectrum Master é projetado para
assegurar que nenhuma indicação “uncalibrated” ocorra.

Attenuator Functions (Funções de Atenuador)

O Atenuador ajusta o valor da atenuação de entrada no Spectrum Master. Em


modo Auto, quando o nível de referência é aumentado, a atenuação é
aumentada. No modo Manual, a atenuação de entrada pode ser ajustada
utilizando o teclado ou as teclas setas Up / Down. O atenuador tem escala de
0 dB a 65 dB, em passos de 5 dB. Quando o pré-amplificador está ligado, a
atenuação de entrada pode ser de 0 dB ou 10 dB.

Página 114
Pre-amplifier Operation (Operação Pré-Amplificador)

O pré-amplificador pode ser ligado e desligado pressionando-se a tecla


Amplitude e, em seguida, selecionando a tecla Preamp On / Off. O pré-
amplificador do MS2721B tem um ganho de aproximadamente 25 dB e
geralmente reduz o ruído por esse montante. Quando o pré-amplificador está
ligado, a atenuação de entrada pode ser 0 dB ou 10 dB. O pré-amplificador no
MS2723B e MS2724B tem um ganho de aproximadamente 10 dB, operando de
9 kHz a 4 GHz. Definida uma freqüência superior a 4 GHz o Preamp (MS2723B
e MS2724B) desliga-se.

Exemplo de Medição com Pre-Amplificador

As Figuras 4-1 e 4-2 mostram o mesmo sinal com o pré-amplificador desligado


e em seguida ligado. Repare que quando o pré-amplificador for ligado, o ruído
de fundo diminui significativamente permitindo localizar componentes que
foram perdidos no ruído sem o pré-amplificador ligado.

Figura 4-1: Tela com Pré-Amplificador Desligado

Página 115
Figura 4-2: Tela com Pré-Amplificador Ligado

Página 116
Capítulo 5

Medições de Campo

Introdução

Funções de Medições Automáticas via uma Tecla são incorporadas ao


Spectrum Master para medições de Intensidade de Campo, Largura de Banda
Ocupada, Razão de Potência de Canal Adjacente e, Razão da Portadora com a
Interferente (C / I). Além disso, Demodulação AM / FM / SSB estão disponíveis
para auxiliar na identificação de sinais interferentes. Este capítulo apresenta
alguns exemplos que demonstram a utilização destas medições automáticas.

Occupied Bandwidth Measurement ( Medição de Largura de Banda


Ocupada)

Largura de Banda Ocupada (OBW) é uma medição comum realizada em


transmissores. Esta medição calcula a largura de banda que contém o total
integrado de energia na largura de banda de um dado sinal. Existem dois
métodos diferentes de cálculo, dependendo da técnica utilizada para modular a
portadora.

Method (Método) % Down (Abaixo)

A banda de freqüência ocupada é calculada dentro da largura de banda


contendo uma porcentagem referida da potência transmitida.

Method (Método) dBc Down (Abaixo)

A banda de freqüência ocupada é calculada dentro da largura de banda entre


referências em valores em dB abaixo das laterais do nível da portadora.

Página 117
Equipamentos Necessários

• Analisador de Espectro Anritsu Spectrum Master


• Cabo de Teste, Anritsu P/N 15NNF50 - 1.5C
• 30 dB, 50 Watt, bi-direcional, DC -18 GHz, N (m) - N (f), Atenuador, Anritsu
42N50A-30 (necessári0 se o nível de potência a ser medido for> +30 dBm)

Procedimento

1. Utilizando o cabo de teste e se necessário o atenuador de 30 dB, 50


watts, bi-direcional, ligar o Spectrum Master no transmissor apropriado
para o ensaio com o sinal de teste.
2. Pressione a tecla Freq seguida pela Freq Center e introduza a
freqüência central utilizando o teclado, as teclas setas, ou o botão
rotativo. Se entrar uma freqüência utilizando a teclado e, em seguida,
digitar a tecla para escolher GHz, MHz, kHz, e Hz. Pressione a unidade
adequada. Selecionando a tecla Enter tem o mesmo efeito der MHz.
3. Se um atenuador externo for necessário e estiver ligado no item 1,
pressione a tecla Amplitude e pressione a tecla RL Offset e, entrar com
-30dB para compensar a perda no atenuador externo de 30dB.
4. Pressione a tecla Amplitude, em seguida, pressione a tecla nível de
referência Reference Level para definir o adequado nível de referência
no topo da tela.
5. Pressione a tecla Atten Lvl para definir o nível do atenuador de entrada
deixe a função Auto Atten definida para Ligado (Seleciona o valor do
atenuador de entrada automaticamente).
6. Pressione a tecla BW para definir se desejar a Largura de Banda da
Resolução (RBW) e/ou Largura de Banda de Vídeo(VBW).
7. Pressione a tecla Shift em seguida a tecla (4-Measure), seguida da
tecla OCC BW. Escolha o método de medição (dBc Down ou %),
pressionando a tecla Method. O método selecionado é sublinhado.
8. Pressione as teclas dBc ou % para ajustar as configurações conforme
necessário. Valores típicos são 99% e 30 dBC.

Página 118
9. Pressione a tecla On / Off para iniciar a medição. Uma caixa irá
aparecer com informações conforme abaixo, com o gráfico da medição
de largura de banda ocupada.

Figura 5-1: Medição de OBW no método %

A figura 5-1 mostra os resultados usando a medição de OBW, no método % da


potência, para um sinal CDMA. A largura de banda ocupada é uma medição
constante, uma vez que é ligada, ela permanece no display até que seja
desligada, pressionando-se a tecla On / Off novamente. A largura de banda
ocupada é calculada no final de cada varredura.

Channel Power Measurement (Medição de Potência de Canal)

Medição de Potência de Canal é uma das medidas mais comuns para um


transmissor. Este teste mede a potência de saída, ou a potência do canal, de
um transmissor sobre a faixa de freqüência. Medições fora de especificações
indicam falhas no sistema, que pode ser no amplificador de potência ou
circuitos de filtros. Medições de Potência de Canal podem ser utilizadas para
validar o desempenho do transmissor, cumprir regulamentos governamentais,
ou para manter sob controle as interferências no sistema. Freqüência de Span
e as configurações para vários sinais podem ser definidas automaticamente

Página 119
pressionando a tecla Frequency e, em seguida, Signal Standard. Escolha o
padrão desejado e pressione Enter. Pressione a tecla Canal # para introduzir o
número do canal em que a medição será feita.

CDMA Channel Power (Potência de Canal CDMA)

O Spectrum Master pode ser usado para medir sinais CDMA em termos de
potência de canal. É importante usar adequadamente as definições para medir
com precisão um sinal CDMA porque um sinal CDMA é diferente de um sinal
CW em muitos aspectos. A seguir estão as configurações recomendadas para
medições CDMA IS-95:

• CDMA Channel Bandwidth (Largura de Banda): 1.23 MHz

• Auto RBW configuração: 10 kHz

• Auto VBW configuração: 3 kHz

Estes valores são definidos automaticamente quando o sinal apropriado padrão


está selecionado. A função Média pode ser utilizada, se assim desejar.

CDMA Channel Power Measurement (Medição de Potência de Canal)

Equipamentos Necessários

• Analisador de Espectro Anritsu Spectrum Master

• Atenuador de 30 dB, 50 Watt, bi-direcional, DC -18 GHz, N (m) - N (f), Anritsu


42N50A-30 (necessário se o nível de potência a ser medido for>+30 dBm)

• Cabo de Teste para extensão da porta, Anritsu 15NNF50 - 1.5C

Procedimento

1. Utilizando o cabo de teste e atenuador de 30dB (se necessário), ligue o


sinal da fonte na entrada do atenuador, e ligar a saída do atenuador na
entrada de RF do Spectrum Master.

Página 120
2. Pressione a tecla Freq seguida pela Signal Standard. Percorra a caixa
de diálogo usando o botão rotativo ou as teclas setas Subir / Descer
para destacar a Norma desejada. Neste caso, escolha por exemplo
CDMA E.U. PCS - Downlink e pressione Enter.
3. Pressione a tecla Canal # e insira o número de canal utilizando o teclado,
as teclas setas, ou o botão rotativo. Neste caso, selecionar o canal 50.
4. Se o atenuador foi usado no item 1, pressione a tecla RL Offset e defina
uma atenuação de -30 dB para compensar a perda do atenuador de
30dB.
5. Pressione a tecla Amplitude e pressione a tecla Reference Level (Nível
Referência). Defina o nível de referência a -50 dBm.
6. Pressione a tecla Scale (Escala) e defina a escala de 10 dB / divisão.
7. Pressione a tecla Shift e em seguida, a tecla (Measure-4), e pressione a
tecla Channel Power (Potência do Canal).
8. Pressione a tecla Center Freq e verificar se a freqüência central do
Spectrum Master está definida como 1,9326 GHz CDMA deste exemplo.
Este valor é definido automaticamente quando a interface padrão e
número de canal são selecionados.
9. Pressione a tecla Ch Pwr Width e verificar que a integração banda está
definida para 1,23 MHz.
10. Pressione a tecla Span e verificar se o espaço está definido para 3,69
MHz.

Nota: A integração de banda é definida como a largura de freqüência de


Span do analisador de espectro, que integra as medições de potência,
enquanto a largura de canal é a gama de freqüências de largura (Span) de
varredura do analisador de espectro.

11. Efetuar a medição pressionando a tecla On / Off. O Spectrum Master


exibe os resultados da medição na área de mensagem.

Nota: Channel power is a constant measurement. Once it is turned on, it will


remain on until it is turned off by pressing the On/Off key again.

Página 121
GSM Channel Power Measurement

Global Systems for Mobile (GSM) é um padrão globalmente utilizado para a


comunicação digital celular. Existem três freqüências atribuídas aos telefones
móveis, uma em 850 MHz, uma em 900 MHz, e outra em 1800 MHz. O GSM
usa uma combinação de Frequency Division Multiple Access (FDMA) e Time
Division Multiple Access (TDMA). Dentro de cada faixa são aproximadamente
cem transportadoras de freqüências disponíveis em 200 kHz de espaçamento
(FDMA), e cada transportadora é dividida em faixas de tempo de modo a apoiar
oito conversas separadas (TDMA). Cada canal tem um uplink e um downlink de
80 MHz. O GSM utiliza a modulação GMSK. Devido a natureza do TDMA, GSM
os transmissores RF sobem rapidamente. Se o transmissor sobe de forma
demasiada rápida, usuários em diferentes freqüências (especialmente aquelas
perto do canal de interesse) podem notar interferência significativa. Esta é uma
das razões que medições de espúrios são amplamente utilizadas em
aplicações GSM.

Equipamentos Necessários

• Analisador de Espectro Anritsu Spectrum Master

• Cabo de Teste de extensão, Anritsu 15NNF50 - 1.5C

Procedimento

1. Utilizando o cabo de extensão, conecte a fonte de sinal RF na porta de


entrada do Spectrum Master. Pressione a tecla Amplitude e pressione a
tecla Reference Level (Nível Referência) para definir o nível de
referência a -20 dBm. Ajuste os valores indicados nesse passo para
corresponder à sua condição de medição.
2. Pressione a tecla Scale (Escala) e definir a escala de 10 dB / divisão.
3. Pressione a tecla BW e verificar se Auto RBW e Auto VBW estão ligados.
4. Pressione a tecla Freq seguida pela Signal Standard. Percorra a caixa
de diálogo e usando o botão rotativo ou as teclas setas Subir / Descer
para destacar a Norma para GSM900 e pressione Enter.

Página 122
5. Pressione a tecla Channel (Canal) # e insira o número de canal
utilizando o teclado, as teclas setas, ou o botão rotativo. Para este
exemplo, selecione Canal 60.
6. Pressione a tecla Shift e em seguida, a (4-Medição) e pressione a tecla
Channel Power (Potência de Canal).
7. Pressione a tecla Center Freq e verificar se a freqüência central do
Spectrum Master é definida como a do sinal GSM, neste caso 947,0
MHz.
8. Pressione a tecla Ch Pwr Width e entrar com 200 kHz de banda de
integração, ou uma outro valor de banda de integração para a aplicação
específica.
9. Pressione a tecla Span e digite 800 kHz, ou um outro valor apropriado
para a aplicação específica.
10. Faça a medição pressionando a tecla Measure. O Spectrum Master
exibe os resultados da medição na área de mensagem.

Nota: Medição de Potência é uma medição constante. Uma vez que é ligada,
ela permanecerá ligada até que seja desligada pressionando a tecla On / Off
tecla novamente.

AMPS Channel Power Measurement (Medição de Potência de Canal


AMPS)

O Spectrum Master pode ser usado para testar o sistema Advanced Mobile
Phone System (AMPS). Estes sistemas são de banda de voz estreita a base de
transceptores FM com sistema de controle de funcionalidades. A energia do
sinal AMPS é representada por várias bandas estreitas de canais FM
espalhados por uma vasta gama de freqüências. As freqüências AMPS são
atribuídas de 800 MHz a 900 MHz no espectro de telefonia celular. Cada
fornecedor de serviços pode utilizar metade da faixa de 825-845 MHz para
recepção de sinais de telefones celulares e em metade da faixa de 870-890
MHz para transmissão dos telefones celulares. As bandas são divididas em
canais de 30 kHz com 12 kHz de desvio de freqüência máxima.

Equipamentos Necessários

Página 123
• Analisador de Espectro Anritsu Spectrum Master

• Atenuador de 30 dB, 50 Watt, bi-direcional, DC -18 GHz, N (m) - N (f), Anritsu


42N50A-30 (necessário se o nível de potência a ser medido for>+30 dBm)

• Cabo de Teste para extensão da porta, Anritsu 15NNF50 - 1.5C

Procedimento

1. Utilizando o cabo de teste e se necessário o atenuador de 30 dB, 50


watts, bi-direcional, ligar o Spectrum Master no transmissor apropriado
para o ensaio com o sinal de teste.
2. Pressione a tecla Freq seguida pela Freq Center e introduza a
freqüência central utilizando o teclado, as teclas setas, ou o botão
rotativo. Se entrar uma freqüência utilizando a teclado e, em seguida,
digitar a tecla para escolher GHz, MHz, kHz, e Hz. Pressione a unidade
adequada. Selecionando a tecla Enter tem o mesmo efeito der MHz.
3. Se um atenuador externo for necessário e estiver ligado no item 1,
pressione a tecla Amplitude e pressione a tecla RL Offset e, entrar com
-30dB para compensar a perda no atenuador externo de 30dB.
4. Pressione a tecla Amplitude, em seguida, pressione a tecla nível de
referência Reference Level para definir o adequado nível de referência
no topo da tela, no caso -50dBm.
5. Pressione a tecla Scale (Escala) e definir a escala de 10 dB / divisão.
6. Pressione a tecla BW e verificar se Auto RBW e Auto VBW estão ligados.
7. Pressione a tecla Atten Lvl para definir o nível do atenuador de entrada
deixe a função Auto Atten definida para Ligado (Seleciona o valor do
atenuador de entrada automaticamente).
8. Pressione a tecla BW para definir se desejar a Largura de Banda da
Resolução (RBW) e/ou Largura de Banda de Vídeo(VBW).
9. Pressione a tecla Shift em seguida, (5-Trace). Pressione a tecla Trace
Modo e, depois para Max.
10. Pressione a tecla Shift e em seguida, a tecla (4-Medição) e pressione a
tecla Channel Power (Potência do Canal).

Página 124
11. Pressione a tecla Center Freq e definir a freqüência central do
analisador de espectro para neste exemplo 888.852728 MHz.
12. Pressione a tecla Ch Pwr Width e entrar com 30 kHz de integração da
largura de banda.
13. Pressione a tecla Channel Span e entrar 90 kHz como o Span do canal,
ou defina um canal de Span para um valor adequado para a sua
aplicação específica.
14. Faça a medição pressionando a tecla On / Off.

Nota: A Energia do Canal é uma medição constante. Uma vez que é ligada, ela
permanecerá ligada até que seja desligada pressionando-se a tecla On / Off
novamente.

Adjacent Channel Power Ratio (Razão de Potências de Canais


Adjacentes)

Outra medida comum do transmissor é a Adjacent Channel Power Ratio


(ACPR), ou relação de potências de canais adjacentes, definida como a razão
entre o montante de potência de fugas em um canal adjacente sobre o total da
potência transmitida no canal principal. Esta medição pode ser utilizada para
substituir o teste tradicional de Distorção por Intermodulação de dois Tons
(IMD) em sistema de comportamento não linear. O resultado de uma medição
ACPR é expresso como uma razão de potências. A fim de calcular os valores
dos canais adjacentes superiores e inferiores, o Spectrum Master precisa saber
os valores de quatro parâmetros:

• Freqüência Central do Canal Principal

• Largura de Banda do Canal

• Largura de Banda do Canal Adjacente

• Espaçamento dos Canais

Quando um sinal padrão é selecionado a partir da lista no Spectrum Master,


estes quatro valores são automaticamente definidos para esse sinal padrão.

Página 125
Adjacent Channel Power Measurement (Medição de Potência de Canal
Adjacente)

Equipamentos Necessários

• Analisador de Espectro Anritsu Spectrum Master

• Atenuador de 30 dB, 50 Watt, bi-direcional, DC -18 GHz, N (m) - N (f), Anritsu


42N50A-30 (necessário se o nível de potência a ser medido for>+30 dBm)

• Cabo de Teste para extensão da porta, Anritsu 15NNF50 - 1.5C

Procedimento

1. Utilizando o cabo de teste para extensão da portas, e um atenuador de


30 dB, (se necessário), ligue a fonte de sinal na entrada do atenuador, e
ligar a saída do atenuador na porta de teste RF do Spectrum Master.
2. Se o atenuador for usado conforme item 1., pressionar a tecla
Amplitude e depois a tecla RL Offset e definir o nível de referência de
atenuação, ou -30 dB para compensar a perda do atenuador de 30dB
acima.
3. Pressione a tecla Amplitude e depois Reference Level para definir o
nível de referência adequado.
4. Pressione a tecla Atten Lvl para definir o nível necessário para a
atenuação de entrada do Spectrum Master. Este valor depende do nível
de potência da entrada e caso de qualquer atenuador externo. Digite
uma atenuação, de modo a atingir cerca de -40 dBm na entrada
misturador. (Ou verifique a configuração do Modo Automático).
5. Pressione a tecla BW e verificar se RBW e VBW estão em AUTO.
6. Você pode configurar os parâmetros de medição de duas maneiras. Se o
sinal padrão e canal são conhecidos, em seguida, pressione a tecla
Freq e defina o Signal Standard e digite o canal desejado e pule para o
item 12 . Se o sinal padrão e canal não são conhecidos, siga o
procedimento abaixo.
7. Pressione a tecla Freq, depois Center Freq, e entrar com o centro da
freqüência desejada.
Página 126
8. Pressione a tecla Shift e em seguida a tecla Measure (Medição) e
pressione a tecla ACPR.
9. Pressione a tecla Main Ch BW, e entrar a largura de banda do canal
principal. Para o IS-95 CDMA, entrar 1,23 MHz.
10. Pressione a tecla Adj Ch BW, e entrar a largura de banda do canal
adjacente desejado. Para o IS-95 CDMA, entrar 1,23 MHz.
11. Pressione a tecla Ch Spacing, e entrar com o espaçamento de canal
desejado. Para o IS-95 CDMA, entrar 1,23 MHz.
12. Começar a medição pressionando a tecla On / Off. O Spectrum Master
exibe os resultados da medição na área de mensagem.

Nota: Adjacent Channel Power Ratio é uma medição contínua. Depois que ela
é ativada, ela permanecerá na tela até que seja desligada via tecla On / Off.

GSM Adjacent Channel Power Measurement (Medição de Potência de


Canal Adjacente GSM)

Equipamentos Necessários

• Analisador de Espectro Anritsu Spectrum Master

• Atenuador de 30 dB, 50 Watt, bi-direcional, DC -18 GHz, N (m) - N (f), Anritsu


42N50A-30 (necessário se o nível de potência a ser medido for>+30 dBm)

• Cabo de Teste para extensão da porta, Anritsu 15NNF50 - 1.5C

Procedimento

1. Utilizando o cabo de teste para extensão da portas, e um atenuador de


30 dB, (se necessário), ligue a fonte de sinal na entrada do atenuador, e
ligar a saída do atenuador na porta de teste RF do Spectrum Master.
2. Se o atenuador for usado conforme item 1., pressionar a tecla
Amplitude e depois a tecla RL Offset e definir o nível de referência de
atenuação, ou -30 dB para compensar a perda do atenuador de 30dB
acima.

Página 127
3. Pressione a tecla Amplitude e depois Reference Level digite o nível de
referência de -60dBm.
4. Pressione a tecla Atten Lvl para definir o nível necessário para a
atenuação de entrada do Spectrum Master. Este valor depende do nível
de potência da entrada e caso de qualquer atenuador externo. Digite
uma atenuação, de modo a atingir cerca de -40 dBm na entrada
misturador. (Ou verifique a configuração do Modo Automático).
5. Pressione a tecla BW e verificar se RBW e VBW estão em AUTO.
6. Você pode configurar os parâmetros de medição de duas maneiras. Se o
sinal padrão e canal são conhecidos, em seguida, pressione a tecla
Freq e defina o Signal Standard e digite o canal desejado e pule para o
item 12 . Se o sinal padrão e canal não são conhecidos, siga o
procedimento abaixo.
7. Pressione a tecla Freq, depois Center Freq, e entrar com o centro da
freqüência desejada.
8. Pressione a tecla Shift e em seguida a tecla Measure (Medição) e
pressione a tecla ACPR.
9. Pressione a tecla Main Ch BW, e entrar a largura de banda do canal
principal.
10. Pressione a tecla Adj Ch BW, e entrar a largura de banda do canal
adjacente desejado.
11. Pressione a tecla Ch Spacing, e entrar com o espaçamento de canal
desejado.
12. Começar a medição pressionando a tecla On / Off. O Spectrum Master
automaticamente seleciona o método de detecção para RMS Average e
exibe os resultados na área de mensagem.

Linhas verticais contínuas são traçadas no visor para indicar o canal principal.
Linhas verticais tracejadas definem os canais adjacentes. O Spectrum Master
exibirá os resultados das medições na área da mensagem.

Nota: Adjacent Channel Power Ratio é uma medição contínua. Depois que ela
é ativada, ela permanecerá na tela até que seja desligada via tecla On / Off.

Página 128
AMPS (TDMA) Adjacent Channel Power Measurement (Medição de
Potência de Canal Adjacente AMPS)

Equipamentos Necessários

• Analisador de Espectro Anritsu Spectrum Master

• Atenuador de 30 dB, 50 Watt, bi-direcional, DC -18 GHz, N (m) - N (f), Anritsu


42N50A-30 (necessário se o nível de potência a ser medido for>+30 dBm)

• Cabo de Teste para extensão da porta, Anritsu 15NNF50 - 1.5C

Procedimento

1. Utilizando o cabo de teste para extensão da portas, e um atenuador de


30 dB, (se necessário), ligue a fonte de sinal na entrada do atenuador, e
ligar a saída do atenuador na porta de teste RF do Spectrum Master.
2. Se o atenuador for usado conforme item 1., pressionar a tecla
Amplitude e depois a tecla RL Offset e definir o nível de referência de
atenuação, ou -30 dB para compensar a perda do atenuador de 30dB
acima.
3. Pressione a tecla Amplitude e depois Reference Level digite o nível de
referência de -50dBm.
4. Pressione a tecla Atten Lvl e selecione o modo Auto.
5. Pressione a tecla BW e verificar se RBW e VBW estão em AUTO.
6. Pressione a tecla Freq, depois Center Freq, e entrar com o centro da
freqüência desejada exemplo 835MHz.
7. Pressione a tecla Shift e em seguida a tecla Measure (Medição) e
pressione a tecla ACPR.
8. Pressione a tecla Main Ch BW, e entrar a largura de banda do canal
principal. Para AMPS digitar 30KHz.
9. Pressione a tecla Adj Ch BW, e entrar a largura de banda do canal
adjacente desejado. Para AMPS digitar 30KHz
10. Pressione a tecla Ch Spacing, e entrar com o espaçamento de canal
desejado. Para AMPS digitar 30KHz
11. Começar a medição pressionando a tecla On / Off.
Página 129
Linhas verticais contínuas são traçadas no visor para indicar o canal principal.
Linhas verticais tracejadas definem os canais adjacentes.O Spectrum Master
seleciona o método de detecção para RMS Average e exibe os resultados na
área de mensagem.

Nota: Adjacent Channel Power Ratio é uma medição contínua. Depois que ela
é ativada, ela permanecerá na tela até que seja desligada via tecla On / Off.

Out-of-Band Spurious Emission Measurement (Medição de Espúrios Fora


de Banda)

Equipamentos Necessários

• Analisador de Espectro Anritsu Spectrum Master

• Cabo de Teste para extensão da porta, Anritsu 15NNF50 - 1.5C

Procedimento

1. Utilizando o cabo de extensão da porta de teste, conecte a fonte de sinal


a porta de entrada de RF do Spectrum Master.
2. Pressione a tecla Freq, e depois Center Freq, e entre com a freqüência
central.
3. Pressione a tecla Span. Defina um Span amplo o suficiente para incluir a
largura de banda do canal principal e as larguras de banda dos canais
superior e inferior.
4. Pressione a tecla Amplitude e, em seguida, pressione a tecla Reference
Level e defina um nível de referência de -20 dBm.
5. Pressione a tecla Auto Atten e defina a auto-atenuação para On.
6. Pressione a tecla BW e utilize as teclas RBW e VBW para definir um
RBW de 3 kHz e de VBW de 300 Hz.
7. Pressione a tecla Marker (Marcador) e pressione o marcador: 1 2 3 4 5 6
tecla para selecionar Marcador 1. O sublinhado indica o número do
marcador ativo.
8. Pressione a tecla On / Off e utilize as teclas setas, o teclado, ou o botão
rotativo para mover o marcador durante um dos espúrios.

Página 130
9. Compare o valor do marcador com o nível especificado para emissões
Fora-De-Banda com a correspondente freqüência do canal transmitido.
10. Repita os passos 8. e 9. para os espúrios restantes. Use o marcador 1
novamente, ou escolha outro marcador. A Figura 5-2 mostra um sinal
espúrio Fora-De-Banda distante de 21,000 MHz da portadora utilizando
a função marcador delta.

Figura 5-2: Medição simulada de Emissão de Espúrios Fora-De-Banda

In-band/Out-of-Channel Measurements (Medições Em-Banda/Fora-Do-


Canal)

São medições de distorção e interferências na banda do sistema, mas fora do


canal de transmissão. Incluem-se medições das emissões espúrias na banda e
razão de canal adjacente. Existem Normas regulamentadoras rigorosas sobre a
quantidade de interferências que um transmissor pode derramar na vizinhança
de seus canais. A fim de determinar a conformidade com o nível admissível de
emissões espúrias, dois parâmetros devem ser especificados:

• Largura de banda do canal

• Níveis admissíveis de emissões espúrias

Página 131
Equipamentos Necessários

• Analisador de Espectro Anritsu Spectrum Master

• Atenuador de 30 dB, 50 Watt, bi-direcional, DC -18 GHz, N (m) - N (f), Anritsu


42N50A-30 (necessário se o nível de potência a ser medido for>+30 dBm)

• Cabo de Teste para extensão da porta, Anritsu 15NNF50 - 1.5C

Procedimento

1. Utilizando o cabo de teste para extensão da portas, e um atenuador de


30 dB, (se necessário), ligue a fonte de sinal na entrada do atenuador, e
ligar a saída do atenuador na porta de teste RF do Spectrum Master.
2. Se o atenuador for usado conforme item 1., pressionar a tecla
Amplitude e depois a tecla RL Offset e definir o nível de referência de
atenuação, ou -30 dB para compensar a perda do atenuador de 30dB
acima.
3. Pressione a tecla Freq, e depois Center Freq, e entre com a freqüência
central.
4. Pressione a tecla Span. Defina um Span amplo o suficiente para incluir a
largura de banda do canal principal e as larguras de banda dos canais
superior e inferior.
5. Pressione a tecla Amplitude e, em seguida, pressione a tecla Reference
Level e defina um nível de referência de -20 dBm.
6. Pressione a tecla Auto Atten e defina a auto-atenuação para On.
7. Pressione a tecla BW e utilize as teclas RBW e VBW para definir um
RBW de 10 kHz e de VBW de 300 Hz.
8. Pressione a tecla Marker (Marcador) e pressione o marcador: 1 2 3 4 5 6
tecla para selecionar Marcador 1. O sublinhado indica o número do
marcador ativo.
9. Pressione a tecla On / Off e utilize as teclas setas, o teclado, ou o botão
rotativo para mover o marcador durante um dos espúrios.

Página 132
10. Compare o valor do marcador com o nível especificado para emissões
Em-Banda/Fora-Do-Canal com a correspondente freqüência do canal
transmitido.
11. Repita os passos 9. e 10 para os espúrios restantes. Use o marcador 1
novamente, ou escolha outro marcador.

A Figura 5-3 mostra um sinal espúrio Em-Banda distante de 1,625 MHz da


portadora que é medida no marcador 1 (M1). O marcador delta de M1
mostra o sinal a Fc+1,625 MHz a estar 60.17dB abaixo da portadora. Estes
valores devem ser comparados com as especificações aplicáveis.

Figura 5-3: Medição simulada de Emissão de Espúrios Em-Banda

Nota: A Largura de Banda da Resolução de um analisador de espectro (RBW)


é determinada pela freqüência intermédia (IF) do filtro de banda. O Spectrum
Master traça o sinal passado através da forma desse filtro. Portanto, se dois
sinais de igual amplitude, estiverem muito próximos uns dos outros, o resultado
da medição pode aparecer a ser uma única resposta, porque o filtro RBW não
é pequeno o suficiente para resolver os dois sinais. Da mesma forma, se dois
sinais não são iguais em amplitude, mas estejam muito próximos entre si, o
sinal pequeno pode não ser visto porque ele está escondido sob a grande
resposta do sinal maior.

Página 133
Field Strength (Intensidade de Campo)

Equipamentos Necessários

• Analisador de Espectro Anritsu Spectrum Master

• Antenas Portáteis com fatores de antenas correspondentes (ganho e largura


de banda).

Procedimento

1. Pressione a tecla Shift e em seguida, a tecla Measure e a tecla Field


Strenght.
2. Pressione a tecla Anntena e use as teclas Up / Down ou o botão
rotativo para selecionar a antena desejada. Pressione a tecla Enter para
selecionar.

Nota: Selecione uma antena a partir da lista padrão disponível no


Spectrum Master, ou usar o recurso do Editor de Antena do Programa
Anritsu Master Software Tools, para definir uma antena personalizada e
carregar a informação dessa antena à lista gravada no instrumento.

3. Ligue a antena na entrada de RF do Spectrum Master.


4. Pressione a tecla Freq, e depois a tecla Center Freq, e entrar com a
freqüência central.
5. Pressione a tecla Span. Defina um Span amplo o suficiente para incluir a
largura de banda do canal principal, e a largura de banda dos canais
superior e inferior .
6. Pressione a tecla BW e verificar que Auto RBW e Auto VBW estão
ligados.
7. Para alterar as unidades de medição, pressione a tecla Amplitude e, em
seguida, pressione a unidade desejada entre dBm, dBV, dBmV, ou dBµV.
8. Pressionar Volts ou Watts, caso queira. O Spectrum Master ajusta
automaticamente a medição aos fatores de antena selecionados.
Marcadores com valores serão exibidos nas mesmas unidades
selecionadas para a amplitude.

Página 134
Cálculos de Antena

A lista seguinte contém diversos cálculos de antena com conversões. A


conversão do sinal de níveis V para W em um sistema de 50 ohms:

P=V2/R
Onde:
P = Potência em Watts
V = Voltagem emVolts
R = Resistência em Ohms
(Note que 1 mW = 10-3 W e 1µV = 10-6V).

Para Potência em dBm e Voltagem em dB(µV).


VdB(µV) = P (dBm) + 107 dB

Densidade de Potência para Field Strength.


Uma medição alternativa de Intensidade de Campo (Field Strength) para
Campo Elétrico é Densidade de Potência:
Pd=E2/120p
Onde:
E = Intensidade de Campo (Field Strength) em V/m
P = Densidade de Potência (Power Density) em W/m

Densidade de Potência em um ponto:


Pd=PtGt/(4 pr2)
No campo distante, onde campos elétricos e magnéticos são relacionados a
impedância do espaço livre:
Onde Pd = Densidade de Potência em W/m
Pt= Potência Transmitida em Watts
Gr = Ganho de Transmissão da Antena
r = distância da antena em metros

Página 135
AM / FM / SSB Demodulation (Demodulação)

O demodulador embutido para AM, FM banda estreita e larga e FM


Único lateral (selecionável USB e LSB) permite a um técnico ouvir um sinal de
interferência para facilitar sua identificação. O sinal demodulado pode ser
ouvido usando o alto-falante embutido, ou através de um fone auricular ligado
ao jack de 2,5 mm do painel.

Procedimento

1. Pressione a tecla Shift seguida pela (4-Measure) e a tecla AM / FM


Demod.
2. Pressione a tecla Demod Type e selecione o item desejado entre Wide
Band FM, FM banda estreita, AM, USB, LSB para corresponder ao
formato de modulação do sinal.
3. Pressione a tecla Back para voltar.
4. Pressione a tecla Freq Demod e usar o teclado ou botão rotativo para
entrar com a freqüência central do sinal a ser demodulado. Para sinais
USB e LSB , afinar o mesmo mediante ajuste do sinal Beat Osc Freq.
Por padrão, a freqüência BFO é zero, o que significa que a portadora re-
injetada da portadora é exatamente a freqüência de demodulação. O
Beat Freq Osc tecla permite um ajuste da freqüência do oscilador para
afinar o sinal através de um Span de +/-10000 Hz
5. Pressione a tecla On / Off para ativar a medição.
6. Pressione a tecla Volume e, as teclas Subir / Descer ou o botão rotativo
botão para mudar o volume do áudio a partir de 0% a 100%. Para a
maioria dos ouvintes um volume de 40% é adequado.
7. A tecla Demod Time fixa o momento em que o Spectrum Master vai de
modular o sinal. Digite um valor entre 100 ms a 500 segundos.

Página 136
Carrier to Interference Ratio Measurement (Medição da Razão da
Portadora com a Interferente)

Carrier to Interference Ratio Measurement (C / I) é um processo de medição de


duas etapas, a primeira medida é do nível da portadora e, em seguida, com a
portadora desligada, mede-se os restantes dos sinais e ruído na banda de
interesse. Após as duas medições terem sido completadas, a Razão da
Portadora com o nível de ruído mais interferência é exibida usando três
hipóteses:

• O interferente é um sinal de salto de freqüência em banda estreita (NB FHSS)

• O interferente é um salto de freqüência de sinal largo (WB FHSS)

• O interferente é um sinal de banda larga (APA).

A principal aplicação para este tipo de medição é determinar a magnitude dos


problemas de interferência, para os padrões de acesso 802.11b, 802.11g e
802.11a.

Procedimento

1. Pressione a tecla Frequency seguida pela Signal Standard. Selecione


o sinal padrão apropriado baseado no sinal a ser medido e pressione
Enter.
2. Pressione a tecla Select Channel, e selecione o canal de funcionamento
do ponto de acesso a ser medido e pressione Enter.
3. Pressione a tecla Shift seguida pela(4-Measure) e a C / I.
4. Pressione a tecla Center Freq e introduza a freqüência desejada, a
menos que um canal da Norma já tenha sido selecionado no Menu
Freqüência.
5. Se necessário, pressione a tecla Span e defina um Span apropriado
para a largura do sinal a ser medido.
6. Se o sinal ambiente inclui sinais de saltos lentos de freqüências, como o
de telefones sem fios, pressione a tecla Min Sweep Time para definir

Página 137
um tempo de varredura um segundo ou mais para dar uma boa chance
de capturar casos de interferência do sinal.
7. Pressione a tecla On / Off e siga as instruções na tela para completar a
medição.
8. Após a avaliação estiver completa, uma caixa de textos informa os
resultados para os três diferentes tipos de sinal. Alguns resultados das
medições podem mostrar-se como erro, e isso deve ser esperado.

As figuras seguintes mostram passos de medições de C / I, pronto para medir a


portadora, portadora medida e, os resultados da medição.

Nota: O acesso ao transmissor é necessário para completar esse


procedimento pois a portadora deve ser desligada para a segunda parte da
medição.

Figura 5-4: Medição C/I, Pronto para a Medição da Portadora

Página 138
Figura 5-5: C/I, Medição da Portadora

Figura 5-6: C/I, Resultados das Medições

Página 139
Apêndice A

Signal Standards (Padrões de Sinais)

Introdução

Este apêndice provê uma lista dos Padrões de Sinais inclusos no Spectrum
Master. Os Padrões apresentados no display dependem do modo de operação
selecionado.

AMPS / EIA 553 - Uplink


C-450(P) - Uplink
C-450(P) - Downlink
C-450(SA) - Uplink
C-450(SA) - Downlink
CDMA China 1 - Uplink
CDMA China 1 - Downlink
CDMA China 2 - Uplink
CDMA China 2 - Downlink
CDMA Japan - Uplink
CDMA Japan - Downlink
CDMA Korea PCS - Uplink
CDMA Korea PCS - Downlink
CDMA US Cellular - Uplink
CDMA US Cellular - Downlink
CDMA US PCS - Uplink
CDMA US PCS - Downlink
CDMA2000 Class 0 Korea Cellular - Uplink
CDMA2000 Class 0 Korea Cellular - Downlink
CDMA2000 Class 0 N.A. Cellular - Uplink
CDMA2000 Class 0 N.A. Cellular - Downlink
CDMA2000 Class 1 N.A. PCS - Uplink
CDMA2000 Class 1 N.A. PCS - Downlink
CDMA2000 Class 2 (TACS Band) - Uplink

Página 140
CDMA2000 Class 2 (TACS Band) - Downlink
CDMA2000 Class 3 (JTACS Band) - Uplink
CDMA2000 Class 3 (JTACS Band) - Downlink
CDMA2000 Class 4 Korea PCS - Uplink
CDMA2000 Class 4 Korea PCS - Downlink
CDMA2000 Class 5 (NMT-450-20 kHz)- Uplink
CDMA2000 Class 5 (NMT-450-20 kHz)- Downlink
CDMA2000 Class 5 (NMT-450-25 kHz)- Uplink
CDMA2000 Class 5 (NMT-450-25 kHz)- Downlink
CDMA2000 Class 6 IMT-2000- Uplink
CDMA2000 Class 6 IMT-2000- Downlink
CDMA2000 Class 7 N.A. 700 MHz Cellular - Uplink
CDMA2000 Class 7 N.A. 700 MHz Cellular - Downlink
DCS 1800 - Uplink
DCS 1800 - Downlink
Digital Multimedia Broadcasting
ETACS - Uplink
ETACS - Downlink
GSM 450 – Uplink
GSM 450 - Downlink
GSM 480 - Uplink
GSM 480 - Downlink
GSM 850 - Uplink
GSM 850 - Downlink
GSM 900 - Uplink
GSM 900 - Downlink
P-GSM 900 - Uplink
P-GSM 900 - Downlink
E-GSM 900 - Uplink
E-GSM 900 - Downlink
R-GSM 900 - Uplink
R-GSM 900 - Downlink
GSM 1800 - Uplink
GSM 1800 - Downlink

Página 141
GSM 1900 - Uplink
GSM 1900 - Downlink
JTACS - Uplink
JTACS - Downlink
MATS-E - Uplink
MATS-E - Downlink
N-AMPS / IS-88L - Uplink
N-AMPS / IS-88L - Downlink
N-AMPS / IS-88M - Uplink
N-AMPS / IS-88M - Downlink
N-AMPS / IS-88U - Uplink
N-AMPS / IS-88U - Downlink
NADC IS136 Cellular - Uplink
NADC IS136 Cellular - Downlink
NADC IS136 PCS - Uplink
NADC IS136 PCS - Downlink
NMT-411-25kHz - Uplink
NMT-411-25kHz - Downlink
NMT-450-20kHz - Uplink
NMT-450-20kHz - Downlink
NMT-450-25kHz - Uplink
NMT-450-25kHz - Downlink
NMT-470-20kHz - Uplink
NMT-470-20kHz - Downlink
NMT-900 - Uplink
NMT-900 - Downlink
NMT-900(Offset) - Uplink
NMT-900(Offset) - Downlink
NTACS - Uplink
NTACS - Downlink
PCS 1900 - Uplink
PCS 1900 - Downlink
PDC 800 Analog - Uplink
PDC 800 Analog - Downlink

Página 142
PDC 1500 (JDC) - Uplink
PDC 1500 (JDC) - Downlink
PHS - Uplink
PHS - Downlink
SMR 800 - 12.5 kHz – Uplink
SMR 800 - 12.5 kHz - Downlink
SMR 800 - 25 kHz - Uplink
SMR 800 - 25 kHz - Downlink
SMR 1500 - Uplink
SMR 1500 - Downlink
TACS - Uplink
TACS - Downlink
Digital Terrestrial TV Japan
Terrestrial TV Japan
Terrestrial TV USA
Terrestrial TV Eur. UHF-8MHz
UMTS Band I Uplink 9612-9888 Europe
UMTS Band I Downlink 10562-10838 Europe
UMTS Band II Uplink(General) 9262-9538 US
UMTS Band II Uplink(Additional) 12-287 US
UMTS Band II Downlink(General) 9662-9938 US
UMTS Band II Downlink(Additional) 412-687 US
UMTS Band III Uplink 8562-8913 Europe
UMTS Band III Downlink 9037-9388 Europe
UMTS Band IV Uplink(General) 8562-8763
UMTS Band IV Uplink(Additional) 1162-1362
UMTS Band IV Downlink(General) 10562-10763
UMTS Band IV Downlink(Additional) 1462-1662
UMTS Band V Uplink(General) 4132-4233 US
UMTS Band V Uplink(Additional) 782-782 US
UMTS Band V Downlink(General) 4357-4458 US
UMTS Band V Downlink(Additional) 1007-1007 US
UMTS Band VI Uplink(General) 4162-4188 Japan
UMTS Band VI Uplink(Additional) 812-837 Japan

Página 143
UMTS Band VI Downlink(General) 4387-4413 Japan
UMTS Band VI Downlink(Additional) 1037-1062 Japan
802.11a
802.11b
802.11 FH
802.11 DS
802.11g

Página 144
Apêndice B

Errors Messages (Mensagens de Erros)

Introdução

Este Apêndice fornece uma lista de mensagens de erro que pode ser
visualizada no Spectrum Master. Se qualquer condição de erro persistir,
contate o Service Center Anritsu.

Erros de Self Test ou de Application Self Test

Overal Status FAILED (Status Geral Falhou)

Um ou mais elementos do sistema ou aplicativo de Auto-Teste (Self Test)


falhou. Vá para os testes listados abaixo para determinar qual teste específico
falhou.

ADC Self Test FAILED (Auto Teste ADC Falhou)

O conversor analógico para digital não conseguiu retornar uma resposta


esperada. Assegurar que o nível da bateria esteja adequado para a operação
ou a que a temperatura está dentro dos limites aceitáveis. Re-configurar para
Default de Fábrica, pressionando-se ESC + ON, MASTER RESET, Sistema +
ON.

Cuidado:
A utilização de MASTER RESET, Sistema + ON, irá apagar todas as
configurações do usuário e medições salvas e retornar a unidade para uma
condição Default de Fábrica. Se o erro persistir, contate o Centro de
Assistência Anritsu.

Página 145
DDC FAILED (DDC Falhou)

O Conversor Digital não conseguiu retornar um valor esperado. Assegurar que


o nível da bateria é suficiente para funcionamento ou que a temperatura está
dentro dos limites aceitáveis. Redefinir para Default de Fábrica, ESC + ON, ou
MASTER RESET, Sistema + ON.

Cuidado:
A utilização de MASTER RESET, Sistema + ON, irá apagar todas as
configurações do usuário e medições salvas e retornar a unidade para uma
condição Default de Fábrica. Se o erro persistir, contate o Centro de
Assistência Anritsu.

Lock Test FAILED (Falhou)

Um ou mais loop de Phase Lock falha. Verificar se a carga da bateria é


suficiente para a operação ou que a temperatura está dentro dos limites
aceitáveis. Assegurar que o nível da bateria é suficiente para funcionamento ou
que a temperatura está dentro dos limites aceitáveis. Redefinir para Default de
Fábrica, ESC + ON, ou MASTER RESET, Sistema + ON.

Cuidado:
A utilização de MASTER RESET, Sistema + ON, irá apagar todas as
configurações do usuário e medições salvas e retornar a unidade para uma
condição Default de Fábrica. Se o erro persistir, contate o Centro de
Assistência Anritsu.

Power Over FAILED (Falha de Potência Acima)

Uma potência de RF aplicada ao conector de entrada está demasiadamente


elevada. Remover ou reduzir a potência de entrada ou adicionar um atenuador
externo. Às vezes, uma banda de freqüências pode estar presente e causar
mais de um erro. Em ambientes extremamente ricos de RF pode ser
necessário adicionar um filtro externo passa banda para reduzir interferências

Página 146
indesejadas. Veja a secção de acessórios para filtros disponíveis Anritsu.
Freqüências fora de banda muitas vezes podem ser detectadas pelo aumento
do Span para detectar o pico máximo. Assegurar que o nível da bateria é
suficiente para funcionamento ou que a temperatura está dentro dos limites
aceitáveis. Redefinir para Default de Fábrica, ESC + ON, ou MASTER RESET,
Sistema + ON.
Cuidado:
A utilização de MASTER RESET, Sistema + ON, irá apagar todas as
configurações do usuário e medições salvas e retornar a unidade para uma
condição Default de Fábrica. Se o erro persistir, contate o Centro de
Assistência Anritsu.

Over Power Start FAILED (Falha de Potência Inicial Acima)

Um sinal de RF aplicado ao conector de entrada é demasiado elevado, veja


acima.

Mixer Saturation: Increase Attenuation ou Mixer Overdrive FAILED


(Saturação do Misturador: Aumente a Atenuação ou Falhará)

Uma potência demasiada está sendo aplicada com muito pouca Atenuação de
Entrada. Às vezes até mesmo uma banda de freqüências pode estar presente
causando no misturador de entrada o Erro Overdrive. Em ambientes ricos de
RF, pode ser necessário adicionar um filtro passa banda externa para reduzir
interferências indesejadas. Veja a seção de acessórios para filtros disponíveis
Anritsu. Freqüências fora de banda muitas vezes podem ser detectadas pelo
aumento do Span para detectar o pico máximo. Assegurar que o nível da
bateria é suficiente para funcionamento ou que a temperatura está dentro dos
limites aceitáveis. Redefinir para Default de Fábrica, ESC + ON, ou MASTER
RESET, Sistema + ON.
Cuidado:
A utilização de MASTER RESET, Sistema + ON, irá apagar todas as
configurações do usuário e medições salvas e retornar a unidade para uma

Página 147
condição Default de Fábrica. Se o erro persistir, contate o Centro de
Assistência Anritsu.

Erros Operacionais

ADC Overange: Increase Reference Level (ADC Acima da Escala:


Aumente o Nível de Referência)

O sinal de entrada é demasiado grande para o conversor analógico para digital.


Aumente o atenuador interno ou acrescente um externo ou, se estiver usando a
função Auto Atenuação, aumentando o nível de referência deverá resolver o
erro. Veja também o erro Mixer Overdrive acima para obter informações sobre
RF Fora de Banda.

Fatal Error (Erro Fatal)

Geralmente causado por uma falha de comunicar de uma seção a outra.


Assegurar que o nível da bateria é suficiente para funcionamento ou que a
temperatura está dentro dos limites aceitáveis. Redefinir para Default de
Fábrica, ESC + ON, ou MASTER RESET, Sistema + ON.

Cuidado:
A utilização de MASTER RESET, Sistema + ON, irá apagar todas as
configurações do usuário e medições salvas e retornar a unidade para uma
condição Default de Fábrica. Se o erro persistir, contate o Centro de
Assistência Anritsu.

Trace Not Save: Wait for complete sweep and try again (Traço Não Salvo.
Aguarde varredura completa e tente novamente).

Tentativa de salvar uma medição antes de o traço concluir uma varredura, pelo
menos uma vez. Aguardar pelo menos uma varredura completa varredura e
tente salvar novamente.

Página 148
Measurement not valid in Zero Span (A medição não é válida em Zero
Span)

Uma tentativa de medição automática foi feita, mas a mesma exige mais do
que ZERO SPAN. Um exemplo seria Medição de Largura de Banda Ocupada.

Freq Range of Antenna Invalid (Escala de Freq de Antena inválida)

Uma escala de freqüência de antena é inválida para essa configuração.


Selecione outra Antena. Escolha freqüências inicial e final que estejam dentro
da faixa de freqüência definida para a tabela de compensação selecionada.
Veja também o Programa Master Software Tools para criação e upload de
Arquivos de correção de antena.

Minimum permitted Sweep time is 50µs (Mínimo tempo de varredura


permitido é de 50µs)

Foi feita uma tentativa para definir o tempo mínimo de varredura para menos
que o permitido de 50 us.

Invalid Attenuation for Preamp (Atenuação Inválida para Preamp)

A configuração de atenuação é válida somente enquanto o Preamp estiver


operacional é de 0 dB e 10 dB. Todas as outras definições tentadas pelo
usuário terão como resultado esta mensagem. Selecione 0 dB ou 10 dB ou
selecione AUTO Attenuation, para deixar o sistema a determinar a
configuração correta baseada no nível de referência selecionado.

Valid Attenuations for Preamp are 0dB and 10dB (Atenuações Válidas
para Preamp são 0 dB e 10 dB)

Idem acima.

Página 149
Unable to add additional limit points. %d is the maximum. (Não é possível
adicionar mais pontos de limite. d% é o máximo)

Tentativa de adicionar uma linha adicional de limite para além do número


máximo permitido de pontos.

Use Demod type USB or LSB to use Beat Frequency Osc (Utilize Demod
tipo USB ou LSB para usar Beat Freqüência Osc)

Uma tentativa de utilizar o Beat Frequency Oscillator não estando no modo


Sideband Superior ou Inferior.

Trace A/B/C has no data to view (Trace A / B / C não tem dados para
visualizar)

Tentativa de ligar ou ver um traço que nunca teve seus dados gravados na
localização indicada. Consulte a seção de RECUPERAR TRAÇOS para obter
instruções sobre como recuperar traços armazenados.

DSP Memory Failure (Falha da Memória DSP)


DSP Memory Failure, Address, Ext High, Ext Middle, Ext low, Ext1, Ext2

A Memória DSP falha em algum endereço. O DSP tentará resolver a falha da


localização da memória e Byte. Há dois bancos de memória externa (EXT1 =
um banco, Ext2 = Banco 2), com três bytes de largura (Ext Alto, Médio e Ext
Ext Baixa.

Locking to Internal Ref failed (Sincronização com a Referência Interna


falhou)

A mudança de uma freqüência de referência externa para a interna falhou.


Algum tempo adicional de aquecimento pode ser necessário se a unidade tiver
sido a referência externa por um longo tempo ou a unidade não está aquecida
o bastante.

Página 150
Locking to External Ref failed Lock attempt Failed (Tentativa de
Sincronização para Referência Externa Ref Falhou)

A tentativa de mudar de referência de freqüência interna para referência


externa falhou. Verificar se a freqüência de referência está corretamente
selecionada a partir da lista de referências externas válidas. Verifique se o nível
de referência externa é de pelo menos 1Vpp.

EEPROM Test: Fail (Falha do Teste da EEPROM)

A comunicação do hardware entre módulos falhou. Assegurar que o nível da


bateria é suficiente para funcionamento ou que a temperatura está dentro dos
limites aceitáveis. Redefinir para Default de Fábrica, ESC + ON, ou MASTER
RESET, Sistema + ON.

Cuidado:
A utilização de MASTER RESET, Sistema + ON, irá apagar todas as
configurações do usuário e medições salvas e retornar a unidade para uma
condição Default de Fábrica. Se o erro persistir, contate o Centro de
Assistência Anritsu.

Unknown Error in SPA (Erro desconhecido em SPA)

A comunicação do hardware entre módulos falhou. Assegurar que o nível da


bateria é suficiente para funcionamento ou que a temperatura está dentro dos
limites aceitáveis. Redefinir para Default de Fábrica, ESC + ON, ou MASTER
RESET, Sistema + ON.

Cuidado:
A utilização de MASTER RESET, Sistema + ON, irá apagar todas as
configurações do usuário e medições salvas e retornar a unidade para uma
condição Default de Fábrica. Se o erro persistir, contate o Centro de
Assistência Anritsu.

Página 151
DSP version different from released version (Versão DSP diferente da
versão lançada)

Podem ocorrer durante a atualização do firmware. Causa provável é o firmware


com pacote de instalação incompleto. Concluir completamente a atualização de
firmware com o Programa Master Software Tools.

Operation not Permitted in Recall Mode (Operação não é permitida no


Modo Recall)

Tentativa de executar uma operação em um traço recuperado. Muitas


operações são válidas apenas para um traço vivo ativado.

Cannot change scale in Linear mode (Não pode mudar escala no Modo
Linear)

Modo Linear de exibição não suporta uma mudança para escala Log.

Ref Marker is invalid (Marcador de Ref inválido)

Cannot turn on delta marker because Ref Marker is invalid. (Não é


possível ligar o marcador delta porque o marcador Ref Marker é inválido)

Marcador delta não pode ser ativado a menos que o marcador principal
marcador seja exibido no display.

Ref Marker is a counter Marker (Ref Marker é um Marcador contador)

Não é possível ligar marcador delta porque o Ref Marker é um Marcador


contador. Desligar o modo de marcador contador para operação de uso do
Delta Marker.

Página 152
Current Marker is not ON (Marcador atual não está Ligado)

Tentativa de usar um modo de marcador modo ou recurso para um marcador


que não está ativado. Ligue o marcador adequado para utilizar esta função ou
alternar para um marcador que já está ativado.

Marker must be ON to Use the feature (Marcador deve estar LIGADO para
usar o recurso)

Tentativa de usar um modo de marcador ou recurso para um marcador que não


está ativado. Ligar o marcador adequado para utilizar esta função ou alternar
para um marcador que já está ativado.

Triggering valid only in Zero Span (Gatilho válido somente em Zero Span)

Gatilho externo só pode ser utilizado enquanto o SPAN estiver definido para 0
(zero).

Cannot change Modes for Recalled/Inactive Traces. (Não é possível alterar


Modos para Recuperar/ Inativo TRAÇOS)

O modo de detecção e outros elementos como RBW / VBW, etc. média não
podem ser alterados em uma um traço recuperado. O traço é exibido com os
mesmos parâmetros em que foi salvo.

Cannot change average for Recalled/Inactive Traces (Não é possível


alterar as médias para Recuperar / Inativos TRAÇOS)

Não é possível definir modos de Detecção Delta ou outros elementos como


RBW / VBW, média, etc, que não podem ser alterados em um traço recuperado.
O traço é exibido com os mesmos parâmetros em que foi salvo
.

Página 153
Pretune Calibration Failure (Falha Calibração Pretune)

Assegurar que o nível da bateria é suficiente para funcionamento ou que a


temperatura está dentro dos limites aceitáveis. Redefinir para Default de
Fábrica, ESC + ON, ou MASTER RESET, Sistema + ON.

Cuidado:
A utilização de MASTER RESET, Sistema + ON, irá apagar todas as
configurações do usuário e medições salvas e retornar a unidade para uma
condição Default de Fábrica. Se o erro persistir, contate o Centro de
Assistência Anritsu.

Lock failed during initialization (Bloqueio falhou durante a inicialização)

Um ou mais dos circuitos de Phase Lock falhou durante a inicialização.


Assegurar que o nível da bateria é suficiente para funcionamento ou que a
temperatura está dentro dos limites aceitáveis. Redefinir para Default de
Fábrica, ESC + ON, ou MASTER RESET, Sistema + ON.

Cuidado:
A utilização de MASTER RESET, Sistema + ON, irá apagar todas as
configurações do usuário e medições salvas e retornar a unidade para uma
condição Default de Fábrica. Se o erro persistir, contate o Centro de
Assistência Anritsu.

Reference LVL Cal is OFF (Referência LVL Cal está Desligada)

A calibração de fábrica está desligada.


Assegurar que o nível da bateria é suficiente para funcionamento ou que a
temperatura está dentro dos limites aceitáveis. Redefinir para Default de
Fábrica, ESC + ON, ou MASTER RESET, Sistema + ON.
Cuidado:
A utilização de MASTER RESET, Sistema + ON, irá apagar todas as
configurações do usuário e medições salvas e retornar a unidade para uma

Página 154
condição Default de Fábrica. Se o erro persistir, contate o Centro de
Assistência Anritsu.

IF Cal is OFF (IF Cal está Desligada)

A calibração de fábrica está desligada.


Assegurar que o nível da bateria é suficiente para funcionamento ou que a
temperatura está dentro dos limites aceitáveis. Redefinir para Default de
Fábrica, ESC + ON, ou MASTER RESET, Sistema + ON.

Cuidado:
A utilização de MASTER RESET, Sistema + ON, irá apagar todas as
configurações do usuário e medições salvas e retornar a unidade para uma
condição Default de Fábrica. Se o erro persistir, contate o Centro de
Assistência Anritsu.

Lock Failure (Falha Realimentação)

Um ou mais dos circuitos de realimentação (Phase Lock) não pode manter a


freqüência controlada com rigor.
Assegurar que o nível da bateria é suficiente para funcionamento ou que a
temperatura está dentro dos limites aceitáveis. Redefinir para Default de
Fábrica, ESC + ON, ou MASTER RESET, Sistema + ON.

Cuidado:
A utilização de MASTER RESET, Sistema + ON, irá apagar todas as
configurações do usuário e medições salvas e retornar a unidade para uma
condição Default de Fábrica. Se o erro persistir, contate o Centro de
Assistência Anritsu.

Cannot set Delta Mkr Freq to Demod Freq (Não é possível definir Delta
Mkr Freq para Demod Freq)

Página 155
O marcador para Demod Freq está disponível apenas como um marcador
primário como o marcador selecionado.

Fan Failure (Falha do Ventilador)

O sistema determinou que o ventilador deva estar em execução, devido à


temperatura interna da unidade, mas não consegue detectar que o ventilador
esteja realmente sendo operado.
É importante manter as áreas de admissão e de escape do ventilador livres de
obstruções. O ventilador irá variar a sua velocidade em relação à temperatura
interna do instrumento. O ventilador gira em baixa velocidade quando a
temperatura interna do instrumento atinge 44 º C, e irá aumentar a sua
velocidade até 54 º C. Quando a temperatura interna do instrumento diminui, o
ventilador irá reduzir a sua velocidade até que a temperatura atinja 39 º C, na
qual o mesmo irá desligar.

Figura B-1. Velocidade do Ventilador versus Temperatura

Aviso de Alta Temperatura

A temperatura interna chegar a um nível excessivo, 85 º C. Verifique se as


aberturas de ventilação estão desobstruídas e que o ventilador está rodando.
As temperaturas internas podem ser verificadas manualmente, usando a
função Self Test. Desligando a unidade e permitirá que a temperatura abaixe.
Se a causa do aquecimento excessivo não for resolvida e a temperatura interna
atingir 90 º C, uma contagem regressiva de 10 segundos vai começar a
oferecer ao usuário uma chance de salvar o trabalho atual e configuração,
Página 156
antes de desligar-se, e evitando que altas temperaturas internas possam
causar qualquer dano. Se o erro persistir depois de remover todos os
obstáculos, para que o aparelho arrefeça, assegurar que o nível da bateria é
suficiente para funcionamento ou que a temperatura está dentro dos limites
aceitáveis. Redefinir para Default de Fábrica, ESC + ON, ou MASTER RESET,
Sistema + ON.
Cuidado:
A utilização de MASTER RESET, Sistema + ON, irá apagar todas as
configurações do usuário e medições salvas e retornar a unidade para uma
condição Default de Fábrica. Se o erro persistir, contate o Centro de
Assistência Anritsu.

Esse Documento foi traduzido pelo Departamento de Engenharia de Suporte


da Anritsu Brasil, em Janeiro de 2009.
Todos os Direitos são reservados.

Anritsu Brasil

Página 157