Você está na página 1de 2

Deus quer iluminar o nosso coração para que também sejamos luz

Mensagem do missionário Márcio Mendes no programa "Sorrindo pra Vida" da TV


Canção Nova, nesta quarta-feira, dia 14 de outubro

Eu quero convidar você para abrir a Palavra de Deus em:


Mateus 5,14-16..

Jesus está chamando você pelo nome e lhe dizendo: “Você é a luz do mundo”. Deus
colocou dentro do seu coração uma luz que jamais deve se apagar, por isso, São Paulo
diz: “Não extingais o Espírito, não o entristeçais, porque Ele é a luz que brilha no vosso
coração”.

Pode até ser que em algum momento da nossa vida, por causa dos nossos pecados e
revoltas contra Deus, tenhamos apagado esta luz, a Palavra nos recorda que Deus nos
fez de tal maneira que aqueles que se aproximarem de nós precisarão ser iluminados.

Essa luz, que é Jesus, veio ao mundo, mas os homens preferiram as trevas. Eles amaram
mais a escuridão por que suas obras eram más. Então, quem está no erro, no pecado e na
mentira não quer a verdade. Não se engane pensando que você vai agradar a todos,
porque não vai cnsegui-lo. Você acha que a Canção Nova agrada todo mundo? Você
acha que a Igreja Católica agrada a todos? Você já percebeu a luta que se trava contra a
Igreja, porque ela emite o seu parecer?

Estamos em uma sociedade liberal, onde o direito de expressão é defendido com unhas
e dentes. Todos têm o direito de se expressar, mas quando a Igreja Católica se expressa,
ela é extremamente atacada. Por que isso acontece? Porque aqueles que não se agradam
com a verdade, manifestam-se de imediato.

Não podemos deixar que a mentira ecoe constantemente sem que façamos frente a ela
ou sejamos omissos, porque somos luzes para o mundo. O Senhor colocou em nós esse
anseio de verdade pela verdade. A luz veio ao mundo, mas nós ainda estamos em uma
sociedade que é amiga das trevas.

Temos áreas escuras dentro do nosso coração e precisamos de conversão para sermos
libertos e curados. Nós não amamos o pecado que está em nós, mas nos amamos.
Somos discípulos da luz, discípulos de Jesus Cristo. Deixe a luz do céu entrar no seu
coração e deixe-a se derramar de você para os outros.

Márcio Mendes
Comunidade Canção Nova
DINÂMICA
Luz do Mundo

Tema: Testemunho, discipulado, Mateus 5, 14-16


Duração: 20min.
Público: Adolescentes, mínimo 6 pessoas.
Material: uma vela para cada participante, ambiente escuro (ideal se for feito a noite ou em
sala que possa ter as janelas fechadas), fósforo ou isqueiro, pedaços de papel, lápis ou caneta,
durex ou barbante

Sentados em círculo, sugerir que fechem os olhos e façam uma oração silenciosa, por alguns
minutos; enquanto isso apague as luzes do ambiente.

Comentar sobre a escuridão do ambiente, se é confortável ficar assim sentado no escuro,


o que eles fazem quando falta luz em casa.

O coordenador acende uma vela e lê o texto de Mateus 5, 14-16

Perguntas: O que quer dizer este texto? Adianta eu acender esta vela e colocá-la atrás de
mim? (coloque a vela acesa atrás de você) Melhora se eu colocar a vela a minha frente e mais
para o alto? (mostre a vela) E se cada um de nós tivesse uma vela, ficaria mais claro?

O coordenador levanta e dá a cada participante uma vela, mas não acende. Ficou mais claro?
Não, por quê? O que falta?

Cristo disse que ele era a luz do mundo, de que luz ele está falando? Ele quer iluminar os
cantos escuros do mundo, como? Através de sua Palavra, de seu amor, de sua morte na cruz.

O coordenador sugere que cada um acenda a vela do seu vizinho dizendo algo sobre Cristo e
ele começa colocando a chama de sua vela na do vizinho do lado, dizendo algo como: “Cristo te
ama”, cada participante deve fazer o mesmo, com o vizinho ao lado, falando uma frase
diferente.

Agora ficou mais claro o nosso ambiente, claro com a luz de Cristo. E o que Cristo diz desta luz,
ela deve ficar escondida? O que nós devemos fazer com esta luz?

Deixar um momento de reflexão e oração; acender as luzes da sala e apagar as velas. Pedir
que falem sobre o que pensaram e sugerir uma atividade para levar a luz de Cristo para outros:
Escrever num pedaço de papel o versículo ou a frase que lhe foi dita ao acender a vela. Atar o
papel à vela, com durex ou barbante (de forma que possa ler o escrito); presentear esta vela
aos pais ou a um amigo.

Considerações: Cuidado com cabelos, mantenha as velas distantes do rosto e dos cabelos.
Para evitar que cera derretida pingue, fure um copo de cafezinho (ou outro recipiente plástico)
e prenda a vela neste.
Se preferir substitua as velas por lanternas; peça a cada criança que traga uma de casa, com
pilhas.