Você está na página 1de 9

Gestão de Pessoas

Perguntas Gestão de Pessoas:

1- Julgue: A competência de uma organização é constituída dos seguintes elementos e suas interações: inovação e
tecnologia; estrutura e processos; pessoas e cultura.

2- Julgue: A remuneração por competências tem como requisitos a existência de pessoas qualificadas em busca de
desenvolvimento constante, a remuneração alinhada com o mercado e a gestão integrada de pessoas.

3- Julgue: A área de gestão de pessoas, no contexto da gestão de competências, deve estar voltada para facilitar o
desenvolvimento das competências individuais, das existentes, das necessárias para a implementação de uma
estratégia, bem como o levantamento de novas competências organizacionais.

4- Julgue: Competências representam combinações sinérgicas de conhecimentos, habilidades e atitudes, expressas


no desempenho profissional em determinado contexto.

5- Julgue: As competências individuais podem ser corretamente classificadas em gerais, que devem ser
desempenhadas por todos os colaboradores, e específicas, que são próprias da natureza e da área de atuação do
profissional.

6- Julgue: Um dos objetivos do mapeamento de competências é identificar o gap, ou lacuna, de competências, ou


seja, identificar a discrepância entre as competências necessárias para concretizar a estratégia corporativa e as
competências internas existentes na organização.

7- Julgue: As competências que devem fundamentar a definição dos perfis dos ocupantes dos cargos devem ser
aderentes às competências estratégicas da organização.

8- Julgue: Quanto à relevância no contexto organizacional, as competências classificam-se em emergentes, estáveis,


declinantes ou transitórias.

9- Julgue: Entre as características das organizações com foco na gestão por competências incluem-se a utilização de
abordagens organizacionais flexíveis, o foco nos clientes, o desmembramento da estrutura organizacional
tradicional - redução de níveis hierárquicos - e as equipes matriciais.

10- Julgue: As competências essenciais são aquelas específicas de cada uma das áreas vitais de uma empresa e são
desempenhadas por grupos e pessoas de cada uma delas.

11- Julgue: Competências funcionais de uma organização são aquelas que a diferenciam de seus concorrentes e
clientes. Constituem a razão de sua sobrevivência e devem ser desempenhadas em todas as áreas, por grupos e
pessoas da organização, embora em níveis diferenciados.

12- Julgue: A gestão por competências pressupõe maior autonomia para o indivíduo, o que dificulta a sua aplicação
no setor público, tendo em vista a rigidez organizacional própria desse setor.

13- Julgue: O primeiro passo para implementação da gestão de pessoas por competências em uma organização é a
instituição de um programa de remuneração por competências.

14- Julgue: A gestão de pessoas por competências procura substituir o tradicional levantamento de necessidades de
treinamento por uma visão das necessidades futuras do negócio e de pessoas que podem agregar valor à
organização.

15- Julgue: A gestão de pessoas por competências busca identificar os pontos de excelência e os pontos de carência,
tendo por base critérios objetivamente mensuráveis.

16- Julgue: As tarefas de Administração de Recursos Humanos mudaram com o tempo. Hoje, elas são desempenhas
nas organizações por dois grupos de executivos: de um lado, os especialistas em Recursos Humanos que atuam
como consultores internos, e de outro, os gerentes de linha que estão envolvidos diretamente nas atividades de
Recursos Humanos por serem responsáveis pela utilização eficaz de seus subordinados.

17- Julgue: Pesquisas revelam que os funcionários mais antigos normalmente se sentem menos comprometidos
com a organização em que trabalham.
18- Julgue: Pesquisas realizadas em organizações têm demonstrado que a alta satisfação no trabalho implica maior
desempenho.
19- Julgue: Nas organizações, cabe à área de recursos humanos garantir o equilíbrio nas relações entre os
funcionários e a organização, e sua ação envolve o gerenciamento de potenciais conflitos, do que é exemplo a
percepção negativa de funcionários que não são recompensados de forma compatível com o seu trabalho na
organização.

20- Julgue: Quando um grupo entra em conflito com outro, um dos efeitos é o aumento da coesão grupal, o que
leva à diminuição da liberdade individual e à perda de eficácia quanto ao desempenho do grupo.

21- Julgue: Na gestão das relações interpessoais, afastar -se do conflito ou ocultá-lo é uma solução que se denomina
abstenção.

22- Quais são as cinco estratégias de negociação em conflitos?

23- Qual a diferença entre cultura organizacional e clima organizacional?

24- Julgue: Clima organizacional é um fenômeno relacionado às percepções e interpretações comuns das dimensões
das atividades, do ambiente e das políticas que caracterizam a organização.

25- Julgue: Na classificação do clima organizacional quanto à relação com o futuro, as organizações são classificadas
em adaptativas e não-adaptativas.

26- Explique a teoria dos dois fatores de Hezberg.

27- Julgue: O conjunto de percepções, opiniões e sentimentos que se expressam no comportamento de um grupo
ou uma organização, em um determinado momento ou situação, é denominado cultura organizacional.
28- Julgue: O clima organizacional é resultante dos aspectos conflitantes da cultura
28- Julgue: O clima organizacional é resultante dos aspectos conflitantes da cultura
29- Julgue: O clima organizacional é sempre o reflexo dos efeitos de uma cultura na
organização como um todo.

30- Julgue: O clima organizacional sempre influencia e é influenciado pelo


comportamento dos indivíduos na organização.

31- Julgue: O clima organizacional permite mapear o ambiente interno, que varia
segundo a motivação dos agentes.

32- Julgue: Enquanto mudanças na cultura organizacional levam mais tempo para
acontecer, mudanças no clima podem ser administradas tanto a curto quanto a médio
prazo.

33- Julgue: O ajustamento do novo empregado à cultura organizacional da empresa é


um dos objetivos a ser perseguido na etapa de orientação das pessoas.

34- Julgue: De modo geral, toda investigação e produção teórica a respeito de cultura
organizacional assenta-se, invariavelmente, em duas perspectivas: uma integradora,
que propõe a existência de uma cultura forte e única, dominando toda a estrutura de
forma coesa; e outra diferenciadora, que enfatiza a heterogeneidade existente no seio
de qualquer instituição, propondo a existência de um conjunto de subculturas que se
entrecruzam no cotidiano organizacional.

35- Julgue: Entre as classificações mecanicista e orgânica, as repartições públicas são


enquadradas nesta última.

36- Julgue: Ao se comparar a cultura organizacional predominante entre os japoneses


e a dos norte-americanos, verifica-se que ambas valorizam muito a hierarquia.

37- Julgue: Faz parte do processo de entrada de novos colaboradores em uma


organização a aculturação que sofrerão do grupo, tendo em vista o novo ambiente que
lhes é apresentado, não sendo salutar que alterem o clima organizacional já existente,
sob pena de causarem prejuízo à empresa.
38- Julgue: Em ambientes altamente competitivos, em que predominam a mudança e
a incerteza, a cultura organizacional exerce maior influência sobre o desempenho e os
resultados da empresa do que os aspectos físicos, estruturais e estratégias
organizacionais.

39- Julgue: O processo de provisão de pessoas consiste na realização de pesquisa de


mercado, desenho e análise de cargos.

40- Uma organização pública realizou um concurso visando preencher vagas em


alguns cargos técnicos. Para tanto, elaborou um perfil com as principais características
que os ocupantes dos cargos em questão deveriam possuir.Acerca dessa situação,
julgue os itens a seguir: O perfil de cada um dos cargos deve ser definido com foco na
experiência dos técnicos da área de gestão de pessoas dessa organização pública.

41- Julgue: Para a realização de um processo eficaz de recrutamento e seleção, deve-


se proceder, primeiramente, à descrição e análise do cargo ofertado.

42- Julgue: A técnica de entrevista diretiva, utilizada para a seleção de recursos


humanos, caracteriza-se pela realização de uma série de perguntas padronizadas.

43- Julgue: Constituem atividades típicas de seleção de recursos humanos:


localização, atração e identificação de potenciais candidatos para a organização.

44- Julgue: Entre as características das organizações com foco na gestão por
competências incluem-se a utilização de abordagens organizacionais flexíveis, o foco
nos clientes, o desmembramento da estrutura organizacional tradicional - redução de
níveis hierárquicos - e as equipes matriciais.

45- Julgue: As competências essenciais são aquelas específicas de cada uma das
áreas vitais de uma empresa e são desempenhadas por grupos e pessoas de cada
uma delas.

46- Julgue: A gestão por competências é mais abrangente que o simples levantamento
das necessidades de treinamento, englobando novas competências exigidas nas
organizações modernas, tais como: aprender a aprender; raciocínio criativo e
resolução de problemas; desenvolvimento da liderança; e autogerenciamento da
carreira.

47- Julgue: A tentativa de implementar a função de consultoria interna em gestão de


pessoas em uma organização de médio porte trouxe problemas práticos de conflito
entre áreas, baixa motivação dos consultores e perda de qualidade dos serviços
prestados pelas áreas envolvidas. Julgue os itens a seguir, relativos às razões que
podem ter levado aos resultados descritos na situação em tela. Os consultores
estavam hierarquicamente subordinados a uma chefia de linha.

48- Julgue: Para se melhorar o desempenho de uma equipe de trabalho, recomenda-


se restringir sua avaliação à atuação da equipe como um todo, recompensando- se os
membros do grupo de forma igualitária.

49- Julgue: Para ser eficaz, uma equipe de trabalho deve prever um campo de
atuação restrito de seus membros.

50- Julgue: O gestor que aumenta o salário de seus colaboradores necessariamente


tem um incremento proporcional no desempenho deles.

51- Julgue: Um conjunto de pessoas que trabalham de forma coordenada e


organizada e com objetivos comuns constitui uma equipe de trabalho, todavia essas
condições não são suficientes para que essa equipe seja efetiva na realização das
tarefas.

52- Julgue: Toda equipe de trabalho necessita de um líder porque o trabalho do líder é
imprescindível para que os objetivos do grupo sejam alcançados.
53- Julgue: A satisfação dos membros com a equipe é um dos critérios de efetividade
de equipes.

54- Julgue: Se um atendente participar de um curso cujo objetivo seja apresentar as


novas tendências de prestação de serviço no mercado das telecomunicações, essa
participação caracterizará um desenvolvimento.

55- Julgue: O trabalho em equipe também gera conflitos de relações interpessoais,


denominados conflitos disfuncionais, porque o atrito e as hostilidades interpessoais
inerentes aos conflitos de relacionamento aumentam o choque de personalidades e
reduzem a compreensão mútua, impedindo, assim, a realização das tarefas
56- Julgue: O impacto da inteligência emocional é maior nas relações humanas
profissionais que nas relações pessoais.

57- Julgue: Toda pessoa com história de relacionamentos bem-sucedidos possui


talento interpessoal e tende a ser mais flexível no contexto social.

58- Julgue: Nas relações interpessoais no trabalho, Jorge busca compartilhar com
seus colegas suas preocupações e ansiedades particulares. Essa conduta de Jorge
favorece o surgimento de um clima de integração que pode ter resultados positivos
para o trabalho.

59- Julgue: Para ser eficaz, uma equipe de trabalho deve ter os papéis de seus
membros preestabelecidos, por meio de definição clara e objetiva de atribuições de
competências, que restrinja o campo de atuação individual de seus membros.

60- Julgue: O modelo de gestão por competências é considerado um fator


motivacional, já que incentiva o desenvolvimento profissional dos colaboradores.

61- Julgue: Considera-se contaminado o critério de avaliação de desempenho que não


representa adequadamente o que se tenta avaliar.

62- Julgue: A implantação de um sistema de gestão de desempenho é um processo


que deve ocorrer, em termos de hierarquia organizacional, da base para o topo, pois o
apoio das equipes operacionais é o diferencial para o sucesso.

63- Julgue: Considere que, em determinada organização, o coordenador de uma


equipe de trabalho utilize a técnica de frases descritivas para avaliar o desempenho
dos membros dessa equipe. Nessa situação, o referido coordenador está livre para
escolher e avaliar, entre as frases disponibilizadas, as que sejam mais representativas
do comportamento dos avaliados.

64- Julgue: A avaliação de desempenho bem estruturada deve ter como objetivo a
apreciação sistemática do desempenho dos colaboradores no exercício do cargo bem
como a do seu potencial de desenvolvimento.

65- Julgue: Na ausência de métodos apurados para a avaliação de desempenho, a


avaliação por comparação entre os pares é uma solução eficiente.

66- Julgue: As medidas de desempenho são consideradas relativas, pois só têm


sentido se comparadas com outras medidas, como período ou dado de referência.

67- Julgue: Para que uma equipe de trabalho funcione adequadamente, é necessário
que o poder seja exercido de forma desigual entre os membros do grupo, como
ilustrado no caso em tela.

68- Julgue: No processo de formação de políticas de gestão de pessoas nas


organizações, a análise de cargos é considerada ação de importância secundária.

69- Julgue: Uma das funções da gestão de pessoas é o gerenciamento de mudanças


organizacionais.
70- Julgue: Em um processo integrado de gestão de pessoas, a ação de
desenvolvimento da força de trabalho equivale às ações de treinamento e desenvolvimento de pessoal.

71- Julgue: O desenvolvimento de sistemas informatizados de gestão de pessoas


confere maior eficiência à área, principalmente porque uma base de dados atualizada
e precisa subsidia a tomada de decisões.

72- Julgue: Estudos sobre liderança demonstram que há correlação entre a


personalidade do líder e a sua capacidade de influenciar os funcionários, do que se
conclui que a personalidade é fator decisivo no exercício da liderança.

73- Julgue: O líder cujas ações voltam-se para as tarefas e para o relacionamento com
seus subordinados atua de acordo com o princípio de liderança comportamental.

74- Julgue: A liderança carismática é exercida mediante apresentação de meta


idealizada, compromisso com essa meta, assertividade e autoconfiança na relação
com subordinados.

75- Julgue: A crença dos empregados de que os esforços por eles despendidos na
execução das atividades e no cumprimento das metas serão recompensados pela
organização caracteriza a motivação por autoeficácia.

76- Julgue: A função de um processo seletivo é prever o desempenho dos candidatos


no cargo.

77- Julgue: O estabelecimento de metas é uma estratégia motivacional por meio da


qual se evita que seja criada discrepância entre o desempenho atual dos funcionários
e o desempenho deles esperado.

78- Julgue: A área de gestão de pessoas, em organizações públicas, desempenha


papel preponderante na preparação dos servidores para a implementação de
mudanças decorrentes da adoção de novas tecnologias.

79- Julgue: A importância da gestão de pessoas como uma função organizacional


justifica-se pelo fato de proporcionar a conciliação das expectativas entre a
organização e as pessoas e, posteriormente, a concretização dessas expectativas.

80- Julgue: A gestão de pessoas deve ser adotada como modelo de gestão
organizacional, uma vez que as pessoas são o principal ativo das organizações.

81- Julgue: Um dos princípios universais da gestão de pessoas ampara-se no caráter


contingencial da administração de pessoal.

82- Julgue: A permanência do trabalhador na organização por motivos econômicos ou


financeiros indica que esse trabalhador está comprometido instrumentalmente com a
organização.

83- Julgue: O investimento de uma organização na capacitação de seus empregados,


com objetivo de obter desempenho exemplar no trabalho, caracteriza situação de
reciprocidade organizacional.

84- Julgue: O desempenho no ambiente de trabalho decorre dos seguintes fatores:


motivação e habilidades de uma pessoa e condições organizacionais favoráveis.

85- Julgue: Classifica-se como comprometimento afetivo o comportamento de


funcionário que exerce atribuições além das que são exigidas para o cargo que
suas técnicas de contorcionismo, é correto afirmar que ela está sendo treinada.
86- Julgue: O foco do líder deve estar nas tarefas que devem ser realizadas e nos
processos envolvidos na realização delas, tais como motivação e competências dos
membros da equipe.

87- Julgue: Em um processo de redução de quadro em uma organização pública,


equipes foram reestruturadas, o que levou à composição de novas equipes, com
membros oriundos de áreas diferentes, tais como a de gestão de pessoas e a de
gestão de recursos patrimoniais. Tendo em vista tal situação hipotética e a atuação
adequada do líder de equipe, visando ao alcance dos resultados pretendidos, julgue
os itens seguintes: Uma vez que a equipe necessita se consolidar como integrante da
nova área, o estilo de liderança mais indicado é o autocrático, que permite ampla
participação dos membros da equipe nas decisões.

88- Comente sobre a liderança autocrática.

89- Julgue: O processo de elaboração de políticas de gestão de pessoas consiste no


estabelecimento de diversos tipos de procedimentos, métodos e técnicas de
implementação de decisões e de direcionamento das organizações.

90- Julgue: A administração de pessoal, uma das fases do processo de evolução da


gestão de pessoas, tinha por finalidade conferir qualidade à relação entre capital e
trabalho e operacionalizar os serviços de recursos humanos. Jamais a administração
de pessoal, conhecido também como departamento de pessoal, confere qualidade à
relação entre capital e trabalho. Ela foi nada mais nada menos do que um setor
tipicamente burocrático que caía na rotina e não tinha política d e RH. Seu caráter era
tipicamente burocrático, pois se voltava para as transações processuais e trâmites de
rotina como folha de pagamentos, entre outros.

91- Julgue: Departamento de gestão de pessoas que se subordine à diretoria


administrativa ocupa posição intermediária na estrutura hierárquica de uma
organização.

92- Julgue: O enriquecimento vertical de cargo possibilita motivar empregados que


apresentem altos padrões de desempenho profissional nos cargos que ocupam.

93- Julgue: estilo de liderança mais adequado em uma unidade onde os empregados
têm baixo nível de maturidade é a delegação, por atribuir maiores níveis de
responsabilidade aos empregados.

94- Julgue: A realização de entrevistas tem por objetivo identificar características


íntimas do funcionário que possam influenciar em seu desempenho na organização.

95- Julgue: O treinamento autodirigido é aquele em que os recém-chegados à


organização são introduzidos à cultura, às normas, aos padrões e às metas da
empresa por observação do comportamento dos colaboradores mais experientes da
empresa.

96- Julgue: Ao considerar a teoria da equidade como forma de maximizar o


desempenho dos colaboradores que lhe estão subordinados, o gestor público deve
levar em conta que qualquer injustiça sentida em r elação às recompensas pode
motivar essas pessoas a agirem de forma a restaurar o senso de equidade percebida.

97- Julgue: Se uma contorcionista estiver fazendo um curso de aperfeiçoamento de


suas técnicas de contorcionismo, é correto afirmar que ela está sendo treinada.

98- Julgue: O estabelecimento de critérios relevantes para se avaliar o desempenho


dos empregados, como, por exemplo, comportamentos e atitudes definidos e
considerados essenciais para a empresa, é uma características do método das
escalas gráficas.

99- Julgue: A rotação de cargos objetiva proporcionar ao empregado novos


conhecimentos e habilidades de mesmo nível de dificuldade daquelas já
desempenhadas por ele ou de maior dificuldade, para que possa lidar com situações
mais complexas, mas que requeiram os mesmos conhecimentos.

100- Julgue: Denomina-se turnover a soma dos períodos em que os empregados de


uma organização se ausentam do trabalho, seja por falta, atraso, doenças ou
quaisquer outros motivos.

101- Julgue: A área de gestão de pessoas deve estar ligada ao departamento


administrativo da empresa, não havendo necessidade de estar próxima da cúpula
diretiva da organização.

102- Julgue: Uma empresa de prestação de serviços de limpeza, há 10 anos no


mercado, teve suas metas de contratos elevadas em um terço por um novo grupo de
dirigentes, sem acréscimo no seu quadro de pessoal. Inicialmente, os empregados
demonstraram indignação diante da perspectiva de terem de trabalhar mais sob as
mesmas condições de trabalho. Contudo, foram tomadas algumas medidas que
provocaram alta motivação na maioria dos funcionários e permitiram que as metas
definidas fossem alcançadas. Com base nessa situação hipotética e à luz das teorias
motivacionais, julgue os itens a seguir, que se referem a medidas que permitem o
alcance desses resultados positivos. Podem ter sido definidas metas individuais a
partir de estudo realizado acerca do desempenho de cada empregado, incluindo-se
uma expectativa de resultado um pouco maior que a até então apresentada pelo
empregado.

103- Julgue: Uma organização pública realizou um concurso visando preencher vagas
em alguns cargos técnicos. Para tanto, elaborou um perfil com as principais
características que os ocupantes dos cargos em questão deveriam possuir. Acerca
dessa situação, julgue os itens a seguir: Para a elaboração do perfil dos cargos, a
organização pode utilizar o MBTI, que define 6 tipos psicológicos e orienta a maneira
de cada profissional relacionar-se e comunicar-se no ambiente de trabalho, bem como
seu estilo de liderança, de negociação, de tomada de decisão e de resolução de
conflitos.

104- Julgue: Na avaliação de um programa de treinamento no nível organizacional,


deve-se verificar a elevação dos conhecimentos dos servidores.

105- Julgue: Durante a execução de programas de treinamento, deve-se considerar


que a aprendizagem requer retroação e reforço, sendo maior o impacto do treinamento
quando o instruendo recebe reforço e retroação positiva a cada nova aprendizagem.

106- Julgue: Na etapa de levantamento de necessidades de treinamento, identificam-


se as necessidades de capacitação a serem satisfeitas - passadas, presentes ou
futuras.

107- Julgue: Embora seja uma das característica dos círculos de qualidade, a lealdade
entre os membros da equipe não é um aspecto relevante para o sucesso de uma
pessoais podem resultar em determinado comportamento.

116- Julgue: Um dos objetivos da administração de pessoal é minimizar os custos de


mão de obra nas organizações.

117- Julgue: O departamento de gestão de pessoas, de forma geral, é responsável


pela tomada de decisões a respeito de todas as pessoas que atuam na organização,
cabendo a ele decidir sobre novas contratações, promoções e avaliações.

118- Julgue: A gestão de pessoas, considerada responsabilidade de linha e função de


estafe, tem o propósito de garantir, em todos os aspectos possíveis, o êxito constante
da organização.

119- Julgue: desempenho, para efeito do pagamento de remuneração variável, baseia-


se no alcance de metas previamente definidas pela organização e não nos resultados
do processo de avaliação de desempenho individual, realizado periodicamente.

120- Julgue: A remuneração variável é creditada periodicamente a favor do f uncionário


e depende dos resultados alcançados pela empresa como um todo, em determinado
período.

121- Julgue: No método de avaliação dos cargos por meio da comparação de fatores,
deve-se identificar poucos, mas amplos fatores de avaliação, para proporcionar
simplicidade e rapidez nas comparações.

122- Julgue: O estabelecimento de estruturas de salários equilibradas pode ampliar a


flexibilidade da organização, na medida em que proporciona os meios adequados à
movimentação do pessoal e racionaliza os processos de desenvolvimento.

123- Julgue: É atribuição da alta administração informar, durante os treinamentos, os


valores da organização, bem como o comportamento e as atitudes esperados por ela
de seus trabalhadores.

124- Julgue: Alta rotatividade de pessoal e alto índice de absenteísmo podem ser
fatores desencadeadores da implantação de uma política de benefícios sociais no
âmbito da organização.

125- Julgue: Em uma equipe, o poder deve ser compartilhado entre os membros para
que a liderança não seja confundida com chefia.

126- Julgue: Em razão da importância da administração de recursos humanos no


âmbito das organizações, o órgão de ARH deve estar posicionado no nível decisório
da estrutura organizacional, o que corresponde ao nível hierárquico de direto ria.

127- Julgue: Uma das desvantagens do plano de benefícios flexível é que os


empregados podem, em razão da insuficiência de informações, escolher benefícios
inadequados ao seu perfil familiar.

128- Julgue: O programa de integração é utilizado na etapa de orientação das


pessoas, e a sua principal característica é a designação de um tutor para cada
empregado contratado, com o objetivo de acompanhá-lo durante o período inicial
dentro da organização.

129- Julgue: A diversidade de funcionários afeta de forma negativa a comunicação no


âmbito da organização.

durante o treinamento.

148- Julgue: Com relação aos pressupostos da escola processual da comunicação,


para a cultura do receptor considera-se a análise dos significados da mensagem
emitida.

149- Julgue: A descentralização ocorre quando o gerente transfere, por intermédio de


uma portaria interna, determinada atribuição para os coordenadores de áreas
subordinadas a sua gerência, com o consequente repasse de autoridade para sua
realização. Q34555

150- Julgue: Entende-se por delegação a transferência verbal de uma atribuição a um


funcionário específico de determinado setor, com o consequente repasse de
autoridade.

151- Julgue: O desenvolvimento de competências serve de pilar para a busca da


manutenção de desempenhos e perpetuação, nos mesmos moldes, do modelo
organizacional.

152- Julgue: O desenvolvimento de competências desencadeia um processo de


aprendizagem individual, cuja responsabilidade maior deve ser atribuída ao próprio
indivíduo.

153- Julgue: Se um integrante da organização, em um contexto de conflito em grupo,


busca satisfazer seus próprios interesses, sem avaliar ou se preocupar com os
impactos sobre outros componentes, a decisão tomada por esse integrante possui
uma intenção competitiva.

154- Julgue: Em um processo de avaliação do desempenho, busca-se captar dados


para a tomada de decisões acerca dos ocupantes dos cargos organizacionais. O
processo de descrição de cargos envolve integrantes da organização que tenham
relações com o cargo e que possam discutir e rever as responsabilidades inerentes
aos cargos analisados.

155- Julgue: Uma vantagem do treinamento de integração à organização é a redução


no número de demissões ou de ações corretivas, em razão do conhecimento das
normas e dos regulamentos relacionados à organização e dos conseqüentes conflitos
e sanções resultantes de sua inobservância.

156- Julgue: O desenvolvimento de competências demanda um processo de


capacitação, devendo refletir-se na capacidade de mobilizar recursos em práticas de
trabalho.

157- Julgue: As empresas que têm sistemas de gestão de pessoas por competências
definem níveis de complexidade para cada uma das competências requeridas.

158- Julgue: Nas organizações em que a administração de recursos humanos é um


órgão de assessoria da presidência, a ela diretamente vinculado, prestando-lhe
consultoria e serviços de estafe, as políticas e procedimentos concebidos e
desenvolvidos pelo órgão não dependem do aval e da comunicação da presidência
para a sua implementação, e sua aplicação é obrigatória por todas as diretorias.

159- Julgue: Uma das desvantagens do recrutamento interno é conhecida como o


princípio de Peter: se administrado incorretamente, leva a organização a promover
continuamente seus empregados ou servidores, elevando-os até a posição ou função em que demonstram o
máximo de sua incompetência

160- Julgue: No enfoque comportamental na administração, de acordo com a teoria da


expectativa, acredita-se que o esforço produz o desempenho e este, o resultado, ao
qual as pessoas atribuem valores. Desse modo, a motivação estaria assim
representada: motivação = expectativa (de que o esforço produz o resultado) × valor
atribuído ao resultado