Você está na página 1de 11

27/07/2018

Central do Cidadão - Resposta - Plinio Marcos Moreira da Rocha

Central do Cidadão - Resposta

nao_responda@stf.jus.br

qui 26/07/2018 17:16

Para:Plinio Marcos Moreira da Rocha <pliniomarcos@pliniomarcosmr.com.br>;

1 anexo

Oficio

circular_Nº_1

SECTR

Protocolo de nº 503111

Ao Senhor

CCT_vencida

Plinio Marcos Moreira da Rocha

Prezado Senhor,

Nao_pagamento_dos_beneficios.pdf;

Em resposta à solicitação encaminhamos, em documento anexo, cópia digital do ofício.

A Central do Cidadão agradece o seu contato. Atenciosamente,

Sua opinião é muito importante. Ajude-nos a melhorar a qualidade do nosso atendimento. Pesquisa de Satisfação.

a qualidade do nosso atendimento. Pesquisa de Satisfação. Supremo Tribunal Federal Secretaria Judiciária Central do

Supremo Tribunal Federal Secretaria Judiciária Central do Cidadão Edifício Anexo II - Térreo - Sala C-011 - Brasília (DF) - 70175-900

---------------------------------------------------

Nome: Plinio Marcos Moreira da Rocha

Recebido em: 16 de Julho de 2018

27/07/2018

Central do Cidadão - Resposta - Plinio Marcos Moreira da Rocha

Prezados, Tendo em vista o atendimento ao protocolo nº501293, solicito que me seja encaminhado cópia do ofício-circular nº 01/SETTR. Tal, tem como objetivo dirimir toda e qualquer dúvida sobre o já suscitado. Atenciosamente, Plinio Marcos

Este é um e-mail automático. Por favor, não responda. Para entrar em contato, utilize o Formulário Eletrônico do serviço "Central do Cidadão" situado no endereço http://www.stf.jus.br/portal/centralDoCidadao/enviarDadoPessoal.asp Este é um serviço meramente informativo, não tendo, portanto, cunho oficial.

30/04/2018

SEI/STF - 0590991 - Ofício-circular

SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL

SEÇÃO DE CONTRATOS

Ofício-circular N° 1/SECTR

Às empresas contratadas pelo STF

Brasília, 27 de abril de 2018.

Objeto: Contratos de prestação de serviços com locação de mão-de-obra.

Assunto: CCT vencida. Não pagamento dos benefícios.

Prezados representantes,

Tendo em vista a edição da Lei 13.467/2017 que

alterou

(CLT),

o §3° art. 614 da Consolidação

vedando

a

ultratividade

das

das Leis do Trabalho

convenções

coletivas,

comunicamos que o Supremo Tribunal Federal não pagará os

benefícios

previstos

na

convenção

coletiva

vencida

durante

eventual período que medeie o final da vigência de uma convenção

e o início da vigência do novo acordo.

2. Por fim, para dirimir eventuais dúvidas, favor

entrar em contato com os respectivos gestores de seus contratos.

Atenciosamente,

Armando Akio Santos Doi

Secretário de Administração e Finanças

assinatura

eletrônica

Documento assinado eletronicamente por Armando Akio Santos Doi, SECRETÁRIO DE

ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS, em 27/04/2018, às 17:32, conforme art. 1°, III, "b" da

Lei 11.419/2006.

A autenticidade do documento pode ser conferida no site

https://sistcmas.str.ius.br/sci/controlador cxtcrno.php?

aeao=documento_eonferir&id_orgao_acesso cxtcrno=0 informando o código verificador

0590991 e o código CRC 6C7E90E2.

004510/2018

059099lv8

27/07/2018

Enc: Central do Cidadão - Resposta - Plinio Marcos Moreira da Rocha

Enc: Central do Cidadão - Resposta

Plinio Marcos Moreira da Rocha

sex 27/07/2018 12:30

Para:gabineteluizfux@stf.jus.br <gabineteluizfux@stf.jus.br>; gabcob@stf.jus.br <gabcob@stf.jus.br>; audienciasgilmarmendes@stf.jus.br <audienciasgilmarmendes@stf.jus.br>; audienciamlrb@stf.jus.br <audienciamlrb@stf.jus.br>; audiencias-minrosaweber@stf.jus.br <audiencias- minrosaweber@stf.jus.br>; audienciammam@sft.jus.br <audienciammam@sft.jus.br>; gabinete.mrl@stf.jus.br <gabinete.mrl@stf.jus.br>; gabmtoffoli@stf.jus.br <gabmtoffoli@stf.jus.br>; gabmlrb@stf.jus.br <gabmlrb@stf.jus.br>; gabineteedsonfachin@stf.jus.br <gabineteedsonfachin@stf.jus.br>; gabmoraes@stf.jus.br <gabmoraes@stf.jus.br>;

Cc:fstsindical@fstsindical.com.br <fstsindical@fstsindical.com.br>; bezerra@ilo.org <bezerra@ilo.org>; fonsecap@ilo.org <fonsecap@ilo.org>; presidencia@pt.org.br <presidencia@pt.org.br>;

1 anexo

Oficio

circular_Nº_1

SECTR

CCT_vencida

Nao_pagamento_dos_beneficios.pdf;

Prezado Excelen ssimo Ministro Luiz Fux,

Sirvo-me deste email, para, MUI RESPEITOSAMENTE, apresentar a aflição da população brasileira, que entendo ser representante, sobre a chamada "NOVA Lei Trabalhista", recentemente sancionada pela Presidência da República Federa va do Brasil, uma vez que, é ser NULA pelos VÍCIOS de Crime de Corrupção A va (postura do Presidente da República, através de carta oficial, solicitando que os Senadores não alterassem o projeto durante o trâmite da revisão, atribuição determinada pela Cons tuição da República Federa va do Brasil), de Crime de Prevaricação no Senado Federal (postura da maioria dos Senadores sob proposta do Presidente da República de não efetuar

27/07/2018

Enc: Central do Cidadão - Resposta - Plinio Marcos Moreira da Rocha

qualquer alteração) e crime de Abuso do Poder (pela postura do Presidente da República ao emi r a MP 808, que vigorou como Lei por 60 dias) que não foi reconhecido, pela Câmara de Deputados Federais, como instrumento legí mo para alterar Lei Ordinária aprovada pelo Congresso Nacional.

Tal, parte da premissa de que Vossa Excelência pediu vistas ao processo que ques ona a eliminação da Jus ça Trabalhista GRATUITA.

Igualmente, parte da premissa de que o Supremo Tribunal Federal, através do O cio-Carta nº01 SECTR esclarece, de forma contundente, que não pagará por bene cios sociais, em função da NÃO ULTRATIVIDADE dos Acordos Cole vos, conforme pode ser observado pelo email em anexo, o que coloca como preocupação dos Empregados a busca pelo acordo cole vo, colocando os empregadores em situação confortável de eliminar, pela própria ausência de novo acordo, todo e qualquer bene cio social oriundo do acordo cole vo de trabalho vencido.

.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.

x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.

x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.

x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.

O exposto acima, de forma inques onável, irrefutável, nos apresenta a certeza de que a avaliação feita pela OIT - Organização Internacional de Trabalho, não pode, e nem deve, ser reconhecida coerente, e fundamentada no princípio da proteção do trabalho escravo, e principalmente, de que respeita negociação

cole va, conforme a no cia "OIT: reforma trabalhista respeita negociação

27/07/2018

Enc: Central do Cidadão - Resposta - Plinio Marcos Moreira da Rocha

.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.

x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.

x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.

x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.x.

Entendemos, que a NULIDADE da Lei não esta em avaliação, contudo, entendemos também, que minha formalização de sugestão feita à Procuradoria-Geral da República, Tombo: 20170067161/2017, com Autuação: 29/08/2017, possa, de alguma forma deixar, imediatamente, a PGR/CHEFIAGAB/PGR - CHEFIA DE GABINETE PROCURADOR-GERAL DA REPÚBLICA, onde se encontra desde 01/09/2017, para ser avaliada pelo Supremo Tribunal Federal.

Afinal, a premissa de que o número exorbitante de processos trabalhistas esta relacionada à vontade da maioria de Empregados, esta distorcendo, a REALIDADE dos fatos, onde a maioria dos processos estão relacionados ao NÃO CUMPRIMENTO dos Disposi vos Legais Trabalhista, em conveniência, pela u lização do Poder Econômico PATRONAL, ra ficado pela, concreta, e inques onável, prá ca de trabalho escravo no Brasil, principalmente, que a mesma foi sancionada em plena recessão econômica, como a atual.

Esta PREVARICAÇÃO esta fundamentada nos fatos:

1. Carta do Presidente da República enviada ao Presidente do Senado,

lida em plenário, onde o primeiro se dispõe a EFETUAR TODAS AS ALTERAÇÕES desejada pelos Senadores, através de MP - Medida Provisória (que nasce como Lei), para que a "NOVA Lei Trabalhista", tenha seu RITO alterado, de forma que tais alterações não sejam AVALIADAS pela Câmara de Deputados Federais, como DETERMINADO pela

Cons tuição da República Federa va do Brasil.

2. A manifestação de 3 (Três) Senadoras, sendo Você uma Delas, de

tomarem a Mesa do Senado Federal, objeto de possível ação de "Quebra

27/07/2018

Enc: Central do Cidadão - Resposta - Plinio Marcos Moreira da Rocha

de Decoro", corretamente REJEITADO, que, concretamente, demonstrou, durante o processo de Tramitação, que nem TODOS os Senadores aderiram ao conluio, de DESCUMPRIR a Cons tuição da República Federa va do Brasil, abjetamente proposto, pelo atual presidente da república federa va do Brasil, o Zé Ninguém (condenado pelo Colegiado do TRE-SP, em Maio/2016, com situação "transitado em julgado", com "confissão do réu", por CRIME ELEITORAL, de DOAÇÃO ILEGAL, que, segundo a "Lei Ficha Limpa", o coloca, de IMEDIATO, como INELEGÍVEL), michel temer.

3. As Declarações do Presidente da Câmara de Deputados Federais,

ra ficam a existência do citado "acordo", pelo simples fato de que, o citado, por não ter par cipado do "acordo", entendia que nenhuma MP - Medida Provisória, que pretenda alterar a "Nova Lei Trabalhista", legi mamente VOTADA pelo Congresso Nacional, será aceita, quanto

mais votada.

4. A MP que pretende alterar a "NOVA Lei Trabalhista" perdeu a

validade, em função do não reconhecimento, pelo Presidente d Câmara

de Deputados Federais, ser o instrumento adequado para alterar Lei ordinária "legi mamente" Aprovada pelo Congresso Nacional.

Abaixo encaminho email com a recepção de cópia do O cio- Circular nº 01/SECTR, que ora se encontra em anexo.

Atenciosamente,

Plinio Marcos Morira da Rocha

Rua Gustavo Sampaio nº 112 apto. 603 - LEME - Rio de Janeiro - RJ - brasil

CEP - 22.010-010

27/07/2018

Enc: Central do Cidadão - Resposta - Plinio Marcos Moreira da Rocha

Tel. Cel. (21) 9 8618-3350

- Plinio Marcos Moreira da Rocha Tel. Cel. (21) 9 8618-3350 De: nao_responda@s .jus.br <nao_responda@s

De: nao_responda@s .jus.br <nao_responda@s .jus.br> Enviado: quinta-feira, 26 de julho de 2018 17:16 Para: Plinio Marcos Moreira da Rocha Assunto: Central do Cidadão - Resposta

Protocolo de nº 503111 Ao Senhor

Plinio Marcos Moreira da Rocha

Prezado Senhor,

Em resposta à solicitação encaminhamos, em documento anexo, cópia digital do o cio.

A Central do Cidadão agradece o seu contato. Atenciosamente,

Sua opinião é muito importante. Ajude-nos a melhorar a qualidade do nosso atendimento. Pesquisa de Sa sfação.

do nosso atendimento. Pesquisa de Sa sfação. Supremo Tribunal Federal Secretaria Judiciária Central do

Supremo Tribunal Federal Secretaria Judiciária Central do Cidadão Edifício Anexo II - Térreo - Sala C-011 - Brasília (DF) - 70175-900

---------------------------------------------------

27/07/2018

Enc: Central do Cidadão - Resposta - Plinio Marcos Moreira da Rocha

Nome: Plinio Marcos Moreira da Rocha Recebido em: 16 de Julho de 2018 Prezados, Tendo em vista o atendimento ao protocolo nº501293, solicito que me seja encaminhado cópia do o cio-circular nº 01/SETTR. Tal, tem como obje vo dirimir toda e qualquer dúvida sobre o já suscitado. Atenciosamente, Plinio Marcos

Este é um e-mail automá co. Por favor, não responda. Para entrar em contato, u lize o Formulário Eletrônico do serviço "Central do Cidadão" situado no endereço h p://www.s .jus.br/portal/centralDoCidadao/enviarDadoPessoal.asp Este é um serviço meramente informa vo, não tendo, portanto, cunho oficial.