Você está na página 1de 4

DEVOCIONAL:

TEMA: REQUISITOS PARA UM CRISTÃO VERDADEIRO


TEXTO-BASE:
Mt 16:24 - Então Jesus disse aos seus discípulos: “Se alguém quiser acompanhar-me, negue-se a
si mesmo, tome a sua cruz e siga-me.
25 Pois quem quiser salvar a sua vida, a perderá, mas quem perder a sua vida por minha
causa, a encontrará.
26 Pois, que adiantará ao homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma? Ou, o que o
homem poderá dar em troca de sua alma?
27 Pois o Filho do homem virá na glória de seu Pai, com os seus anjos, e então
recompensará a cada um de acordo com o que tenha feito.
DESENVOLVIMENTO:
Em Mateus 16:21 está escrita a expressão “desde então”, a qual indica uma mudança na
abordagem de Jesus a respeito dos desafios que estavam por vir. Afinal, eles estavam somente a
seis meses da cruz.
O novo conhecimento e discernimento de Pedro, acerca da identidade do Messias, criava a
circunstância favorável para que o Mestre anunciasse algumas duras ocorrências que estavam por
vir.
Jesus estava mencionando aos seus discípulos o cumprimento daquilo que havia sido
profetizado por Daniel (Dn 9:26,27; 7:13,14). Os discípulos passariam pelos mesmos sofrimentos de
seu Reino e, como Ele, seriam recompensados no final.
Antes dessa ocasião, Jesus já avisara seus discípulos acerca de sua própria morte,
conforme se vê em Mt 10:38 e Jo 2:19, mas nunca o fizera tão claramente como desta vez. Jesus
também aludiu à sua ressurreição, mas, conforme Jo 20:2 e Lc 24:12 os discípulos não entenderam
este aviso.
Esses acontecimentos seriam provas difíceis para os discípulos e Jesus quis prepará-los
para os sofrimentos e para a morte que os aguardavam.
A discussão com Pedro a cerca da cruz provocou a explicação de Jesus sobre os requisitos
necessários para aqueles que desejassem segui-lo. Nesta DEVOCIONAL estaremos estudando os
princípios espirituais constantes nesta explicação de Jesus e como podemos aplicá-los em nossas
vidas a fim de que possamos, como os discípulos preparar-nos para enfrentar os desafios que estão
em nossa frente e superá-los.
1. É PRECISO NEGAR-SE A SI MESMO:
Mt 16:24 - Então Jesus disse aos seus discípulos: “Se alguém quiser acompanhar-me, negue-se a
si mesmo, tome a sua cruz e siga-me.
Mt 10:38 - e quem não toma a sua cruz e não me segue, não é digno de mim.
39 Quem acha a sua vida a perderá, e quem perde a sua vida por minha causa a encontrará.
Lc 14.27 - E aquele que não carrega sua cruz e não me segue não pode ser meu discípulo.
De acordo com as sagradas escrituras o homem possui dupla natureza, ele é corpo físico e
este corpo físico possui um Espírito (Gn 2:7; 1 Co 2:11; Tg 2:26). Segundo a Antropologia Bíblica, o
homem possui Corpo e Alma.
Negar-se tem a ver com impedir que o nosso “eu” seja o centro de nossa sua vida e dos
nossos atos.
1.1. NEGAR OS DESEJOS DA NOSSA CARNE:
Gn 6:5 - O SENHOR viu que a perversidade do homem tinha aumentado na terra e que toda a
inclinação dos pensamentos do seu coração era sempre e somente para o mal.
Jo 6:63 - O Espírito dá vida; a carne não produz nada que se aproveite. As palavras que eu lhes
disse são espírito e vida.
1 Co 15:50 - Irmãos, eu lhes declaro que carne e sangue não podem herdar o Reino de Deus,
nem o que é perecível pode herdar o imperecível.
Rm 8:5 - Quem vive segundo a carne tem a mente voltada para o que a carne deseja; mas quem
vive de acordo com o Espírito, tem a mente voltada para o que o Espírito deseja.
6 A mentalidade da carne é morte, mas a mentalidade do Espírito é vida e paz;
7 a mentalidade da carne é inimiga de Deus porque não se submete à Lei de Deus, nem
pode fazê-lo.
8 Quem é dominado pela carne não pode agradar a Deus.
COMO CONSEGUIR DIZER NÃO PARA A CARNE?
Rm 13:14 - Ao contrário, revistam-se do Senhor Jesus Cristo, e não fiquem premeditando como
satisfazer os desejos da carne. (Ver Gl 5:16).
2. TOMAR A NOSSA CRUZ:
A cruz era o instrumento que os romanos empregavam para executar os piores criminosos
e por isso tornou-se símbolo de sofrimento horrível e vergonhoso. Ela podia ter a forma de T, de X,
de Y ou de I, além da forma tradicional.
Os discípulos provenientes da Galiléia sabiam o que significava a cruz, visto que na região
deles centenas de homens tinham sido mortos por esse método de execução.
O condenado à cruz tinha que carregar seu próprio objeto de destruição até o local da
execução (Jo 19:17).
2.1. LEVAMOS EM NÓS MESMOS OS MEIOS PARA NOSSA DESTRUIÇÃO:
Os seguidores de Cristo levam seu próprio meio de destruição, em seus aspectos mais
egoístas e carnais, e, possivelmente, por semelhante modo, carrega a própria destruição, como foi o
caso de muitos dos apóstolos e seguidores de Cristo.
Rm 7:14 - Sabemos que a Lei é espiritual; eu, contudo, não o sou, pois fui vendido como escravo ao
pecado.
15 Não entendo o que faço. Pois não faço o que desejo, mas o que odeio.
16 E, se faço o que não desejo, admito que a Lei é boa.
17 Neste caso, não sou mais eu quem o faz, mas o pecado que habita em mim.
18 Sei que nada de bom habita em mim, isto é, em minha carne. Porque tenho o desejo de
fazer o que é bom, mas não consigo realizá-lo.
19 Pois o que faço não é o bem que desejo, mas o mal que não quero fazer, esse eu continuo
fazendo.
20 Ora, se faço o que não quero, já não sou eu quem o faz, mas o pecado que habita em
mim.
Repita: NÓS SOMOS OS NOSSOS PIORES INIMIGOS (Gl 5).
2.2. DISPOSIÇÃO PARA PERSEVERAR, SE PRECISO ATÉ A MORTE:
O Assim como o condenado à execução na cruz não podia ocultá-la, pois era obrigado a
transportá-la publicamente às costas, assim também o crente não tem como ocultar.
Tomar a cruz é a disposição de sofrer e morrer por amor ao Senhor. Um compromisso com
risco de morte, sem a possibilidade de voltar atrás.
Lc 9:62 - Jesus respondeu: “Ninguém que põe a mão no arado e olha para trás é apto para o Reino
de Deus”.
Jesus estava evidenciando a seriedade do discipulado que eles haviam iniciado. O Mestre
havia deixado bem claro que seus discípulos enfrentariam dificuldades e enormes sofrimentos,
assim como terrível é a morte na cruz.
Jo 16:33 - “Eu lhes disse essas coisas para que em mim vocês tenham paz. Neste mundo vocês
terão aflições; contudo, tenham ânimo! Eu venci o mundo”.
Tomar a cruz representa a necessidade de dedicação total por parte dos discípulos de
Jesus.
Hb 12:3 - Pensem bem naquele que suportou tal oposição dos pecadores contra si mesmo, para
que vocês não se cansem nem desanimem.
4 Na luta contra o pecado, vocês ainda não resistiram até o ponto de derramar o próprio
sangue.
2.3. MORRER A CADA DIA:
Lc 9:23 - Jesus dizia a todos: “Se alguém quiser acompanhar-me, negue-se a si mesmo, tome
diariamente a sua cruz e siga-me
Lucas ressalta o aspecto da continuidade, e “diariamente” não aparece nos relatos
correspondentes (Mt 16.24-26; Mc 8.34).
Cl 3:5 - Assim, façam morrer tudo o que pertence à natureza terrena de vocês: imoralidade
sexual, impureza, paixão, desejos maus e a ganância, que é idolatria.
6 É por causa dessas coisas que vem a ira de Deus sobre os que vivem na desobediência,
7 as quais vocês praticaram no passado, quando costumavam viver nelas.
8 Mas agora, abandonem todas estas coisas: ira, indignação, maldade, maledicência e
linguagem indecente no falar.
9 Não mintam uns aos outros, visto que vocês já se despiram do velho homem com suas
práticas
10 e se revestiram do novo, o qual está sendo renovado em conhecimento, à imagem do seu
Criador.
Gl 5.24 - Os que pertencem a Cristo Jesus crucificaram a carne, com as suas paixões e os seus
desejos.
Gl 2:20 - Fui crucificado com Cristo. Assim, já não sou eu quem vive, mas Cristo vive em mim. A
vida que agora vivo no corpo, vivo-a pela fé no Filho de Deus, que me amou e se
entregou por mim.
Rm 6:8 - Ora, se morremos com Cristo, cremos que também com ele viveremos.
Assim como a ressurreição seguia a morte na experiência de Cristo, assim também o
crente que morrer com Cristo é ressuscitado a uma nova qualidade de vida moral aqui e agora. A
ressurreição no sentido de um novo nascimento já é um fato e se faz valer cada vez mais na vida do
crente.
3. SOMOS CONCLAMADOS A SEGUIR A CRISTO:
Segue-me são palavras que indicam autonegação, a evidência externa do discípulo cristão.
Seguir a Jesus exige abnegação, dedicação total e obediência espontânea
Mt 11:28 - “Venham a mim, todos os que estão cansados e sobrecarregados, e eu lhes darei
descanso.
29 Tomem sobre vocês o meu jugo e aprendam de mim, pois sou manso e humilde de
coração, e vocês encontrarão descanso para as suas almas.
30 Pois o meu jugo é suave e o meu fardo é leve”.
4. É PRECISO PERDER PRA GANHAR:
Jo 12:25 - Aquele que ama a sua vida, a perderá; ao passo que aquele que odeia a sua vida neste
mundo, a conservará para a vida eterna.
Lc 17:33 - Quem tentar conservar a sua vida a perderá, e quem perder a sua vida a preservará
Amar a própria vida no aqui-e-agora — concentrar-nos em nosso sucesso — é perder o
que de fato interessa (Mt 16.24,25; Mc 8.34,35; Lc 9.23,24). É claro que esse princípio é
supremamente representado na cruz de Jesus. O amor a Deus deve ser tão grande, que todos os
demais amores sejam, por comparação, ódio.
Rm 8:12 - Portanto, irmãos, estamos em dívida, não para com a carne, para vivermos sujeitos a ela.
13 Pois se vocês viverem de acordo com a carne, morrerão; mas, se pelo Espírito fizerem
morrer os atos do corpo, viverão,
14 porque todos os que são guiados pelo Espírito de Deus são filhos de Deus.
Pode-se salvar a vida física negando-se a Jesus, mas com isso se perderá a vida eterna.
Do modo contrário, o discipulado pode resultar na perda da vida física, mas a perda será
insignificante se comparada ao dom da vida eterna (Mc 8:35).
Mt 10:39 -Quem acha a sua vida a perderá, e quem perde a sua vida por minha causa a encontrará.
5. TODO ESFORÇO SERÁ RECOMPENSADO:
Mt 16:27 - Pois o Filho do homem virá na glória de seu Pai, com os seus anjos, e então
recompensará a cada um de acordo com o que tenha feito.
Ap 22.12 - “Eis que venho em breve! A minha recompensa está comigo, e eu retribuirei a cada um
de acordo com o que fez.
5.1. JESUS CRISTO VOLTARÁ - É PROMESSA DE DEUS:
Jo 14:3 - E se eu for e lhes preparar lugar, voltarei e os levarei para mim, para que vocês estejam
onde eu estiver.
At 1:11 - que lhes disseram: “Galileus, por que vocês estão olhando para o céu? Este mesmo
Jesus, que dentre vocês foi elevado aos céus, voltará da mesma forma como o viram
subir”.
1Ts 4:16 - Pois, dada a ordem, com a voz do arcanjo e o ressoar da trombeta de Deus, o próprio
Senhor descerá dos céus, e os mortos em Cristo ressuscitarão primeiro.

5.2. JESUS VOLTARÁ DE FORMA VISÍVEL E INQUESTIONÁVEL:


Lc 17:30 - Acontecerá exatamente assim no dia em que o Filho do homem for revelado.
Na segunda vinda, Jesus estará claramente visível a todos (1Co 1.7; 2Ts 1.7; 1Pe 1.7,13;
4.13).
Ap 1:7 - Eis que ele vem com as nuvens, e todo olho o verá, até mesmo aqueles que o
traspassaram; e todos os povos da terra se lamentarão por causa dele.Assim será! Amém.
Is 45:23 - Por mim mesmo eu jurei, a minha boca pronunciou com toda a integridade uma palavra
que não será revogada: Diante de mim todo joelho se dobrará; junto a mim toda língua
jurará.
CONCLUSÃO:
REQUISITOS PARA UM CRISTÃO VERDADEIRO
1. É PRECISO NEGAR-SE A SI MESMO:
1.1. NEGAR OS DESEJOS DA NOSSA CARNE;
2. TOMAR A NOSSA CRUZ:
2.1. LEVAMOS EM NÓS MESMOS OS MEIOS PARA NOSSA DESTRUIÇÃO;
2.2. DISPOSIÇÃO PARA PERSEVERAR, SE PRECISO ATÉ A MORTE;
2.3. MORRER A CADA DIA.
3. SOMOS CONCLAMADOS A SEGUIR A CRISTO:
4. É PRECISO PERDER PRA GANHAR:
5. TODO ESFORÇO SERÁ RECOMPENSADO:
5.1. JESUS CRISTO VOLTARÁ - É PROMESSA DE DEUS;
5.2. JESUS VOLTARÁ DE FORMA VISÍVEL E INQUESTIONÁVEL.

Pr. Edmar Roberto dos Santos Mota


Ministério Palavra & Poder