Você está na página 1de 2

1.

É a ação de transmitir uma mensagem e, eventualmente, receber outra


mensagem como resposta, ou seja uma trocas de ideias.

2. Tem função de intercâmbio e transmissão de ideias: Comunicação é o


esforço para compreender e ser compreendido pelos outros, função de
conexão e vínculos entre as pessoas:

3. . Comunicar significa transmitir e receber mensagens e pode ser


realizada por meio de:
-Linguagem falada ou escrita,
-Linguagem de sinais,
-Ideias,
-Comportamentos e atitudes. Os elementos essenciais para que ocorra
uma comunicação eficiente são:
Emissor = É aquele que dá início ao processo comunicativo, pois
transmite a mensagem.
Receptor = É o alvo do emissor, sendo quem recebe a mensagem.
Mensagem = Pode ser um fato, ideias ou até mesmo, emoções, ou seja,
é o conteúdo contido na comunicação.
Canal = É o meio pelo qual a mensagem é enviada do emissor para o
receptor.

4. Sobrecarga de informações - Um dos aspectos a serem analisados é a


quantidade de informações que hoje são trocadas dentro e fora das
organizações.

Distanciamento entre os participantes - A distância física entre os participantes


envolvidos na comunicação pode ser uma barreira. Apesar de hoje as
tecnologias funcionarem a favor das trocas de informações, os erros podem ser
mais frequentes e as interpretações também

Dispersão das informações – Muitas empresas utilizam diversos sistemas de


controle de informação. Um para vendas, outro para o marketing, outro para o
financeiro, o que pode gerar barreiras que impedem a comunicação

Barreiras estruturais e organizacionais - outro obstáculo no fluxo de


informações corporativo são as hierarquias rígidas e a departamentalização
que acabam por dificultar o processo de comunicação. A não utilização de
canais eficientes pode prejudicar o processo.

5. É essencial ter uma estratégia de comunicação eficaz e adequada à


realidade de cada empresa, pois são os conjuntos de decisões
integradas que permitem à empresa atingir os objetivos esperados
1. Elaborar um diagnóstico:

Analise detalhadamente todas as variáveis internas e externas


associadas à comunicação da sua empresa ou marca.

2. Defina os alvos:

É uma das etapas mais importantes na criação da estratégia de


comunicação. Deve considerar os potenciais clientes (os que compram o
produto ou serviço), os iniciadores (as pessoas que podem iniciar o
processo de decisão de compra, mesmo que não tomem a decisão final)
e os influenciadores os líderes de opinião que têm influência direta sobre
o processo de decisão de compra.

3. Definir e estabelecer os objetivos:

Os objetivos de comunicação devem ser coerentes com a estratégia


geral da empresa. Algumas das categorias de objetivos de comunicação
mais frequentes são: o volume e rentabilidade ou quota de mercado,
aumentar a notoriedade e reconhecimento da marca, conquistar e
fidelizar clientes, escoar produtos em stock, demonstrar as vantagens
face à concorrência e aumentar a satisfação.

4. Definir as ferramentas:

Esta definição passa pela escolha das ferramentas adequadas ao


investimento e implementação eficaz da estratégia definida,

5. Determinar o orçamento:

Para orçamentar corretamente uma estratégia de comunicação é


importante ter em conta, não só os custos de produção e administrativos
como também os custos com os suportes (inserção de anúncios na
imprensa, televisão, meios online, entre outros).

6. Elaborar uma estratégia criativa e um plano de media:

Esta etapa é geralmente realizada em parceria com uma agência de


comunicação ou publicidade. Nesta parceria são definidos os eixos de
comunicação: qual a mensagem a divulgar e meios a utilizar.

7. Implementar, avalie e controle:

Nesta última fase implementa-se as ações definidas no plano, sendo


essencial uma avaliação e controlo da performance e eficácia da
estratégia de comunicação, que deve ser ajustada sempre que
necessário.